Você está na página 1de 9

PROF.

GILBERTO SANTOS JR
PROBABILIDADE
SUMÁRIO 2 . CONCEITOS INICIAIS
1 . INTRODUÇÃO ............................................. 1 2.1 Espaço Amostral
2 . CONCEITOS INICIAIS .................................. 1 É o conjunto formado por todos os resulta-
2.1 Espaço Amostral ........................................ 1 dos possíveis de um fenômeno aleatório. É simbo-
2.2 Evento ...................................................... 1 lizado pela letra grega ômega .
3 . CÁLCULO DE PROBABILIDADE ...................... 2
2.2 Evento
4. PROBABILIDADE DE EVENTOS
É qualquer subconjunto de um espaço
COMPLEMENTARES .......................................... 4
amostral. É simbolizado por uma letra maiúscula
5 . PROBLEMAS DE PROBABILIDADE QUE
do nosso alfabeto.
ENVOLVE CONJUNTOS ..................................... 5
6 . PROBABILIDADE DA UNIÃO DE DOIS EVENTOS Exemplo: No lançamento de um dado e registro
..................................................................... 5 dos res. Determine:
7 . PROBABILIDADE CONDICIONAL ................... 6 a) O espaço amostral ;
8 . EVENTOS INDEPENDENTES .......................... 6 b) O evento A: ”ocorrência de número ímpar”
Referências ........................................................ 9
Resolução:
1 . INTRODUÇÃO a) O espaço amostral de um dado são todas as
Há certos fenômenos (ou experimentos) possibilidades de resultados ao lançarmos um da-
que, embora sejam repetidos muitas vezes e sob do, logo  = {1, 2, 3, 4, 5, 6};
condições idênticas, não se pode determinar o seu b) Evento A: “ocorrência de número ímpar” do
resultado com precisão antes de ocorrê-lo. Por espaço amostral do dado, logo A = {1, 3, 5}.
exemplo, no lançamento de uma moeda perfeita,
o resultado é imprevisível; não se pode determiná-
EXERCÍCIOS PROPOSTOS
lo antes de ser realizado. Não sabemos se sairá 1) No lançamento de uma moeda, determine:
exatamente “cara” ou “coroa”. Aos fenômenos a) o espaço amostral ;
desse tipo é dado o nome de fenômenos aleató- b) o evento A: “sair cara”.
rios.
São exemplos de fenômenos aleatórios: 2) No lançamento de um dado, defina:
 Lançamento de dado; a) o espaço amostral ;
b) o evento A: ocorrência de número par;
c) o evento B: ocorrência de número ímpar;
d) o evento C: ocorrência de número menor que
4;
 Número de peças defeituosas fabricadas por
e) o evento D: ocorrência de múltiplo de 3;
uma máquina;
f) o evento E: ocorrência de número menor que 1;
 Resultado de um jogo de role-
g) o evento F: ocorrência de número maior que
ta;
zero e menor que 7.

3) No lançamento de um tetraedro (pirâmide de


 O resultado de uma extração da Mega-Sena; quatro faces triangulares congruentes), cujas fa-
ces estão numeradas de 1 a 4, defina:
a) o espaço amostral ;
b) o evento A: ocorrência de número par;
c) o evento B: ocorrência do número 3;
d) o evento C: ocorrência de
número menor que 4.
 Número de chamadas telefônicas que serão efe- (Obs: Considera-se que “saiu o
tuadas numa cidade, no dia das mães. número 4” se a face numerada
Pelo fato de não sabermos o resultado exa- pelo 4 esta apoiada na mesa,
to de um fenômeno aleatório é que buscamos os após o lançamento.)
resultados prováveis, as chances, as probabilida-
des de um determinado resultado ocorrer. A teo- 4) Numa caixa há fichas numeradas de 1 a 10.
ria das probabilidades é um ramo da Matemáti- Defina:
ca que cria, elabora e pesquisa modelos para es- a) o espaço amostral  do experimento ”retirar
tudar experimentos ou fenômeno aleatórios. fichas ao acaso da caixa”;
b) o evento A: ocorrência de número ímpar;
c) o evento B: ocorrência de número primo; 10) Uma urna contém uma bola vermelha e
d) o evento C: ocorrência de número maior que 4; três azuis, do experimento ”retirar uma bola ao
e) o evento D: ocorrência de número múltiplo de acaso“. Defina:
4; a) o espaço amostral ;
f) o evento E: ocorrência de número não múltiplo b) o evento A: retirar bola vermelha;
de 4; c) o evento B: retirar bola azul.
g) o evento F: ocorrência de número com dois
algarismos; 11) No lançamento simultâneo de 3 moedas dis-
h) o evento G: ocorrência de número com três tinguíveis (ou no lançamento de uma moeda três
algarismos. vezes), determine:
a) o espaço amostral ;
5) No lançamento simultâneo de duas moedas b) o evento A: ”sair 3 caras”;
distinguíveis, defina: c) o evento B: ”sair mais do que uma cara”;
a) o espaço amostral ; d) o evento C: ”sair exatamente 2 coroas”.
b) o evento A: ocorrência de exatamente uma
cara; 3 . CÁLCULO DE PROBABILIDADE
c) o evento B: ocorrência de coroa em ambas; A probabilidade de ocorrer um evento A,
d) o evento C: ocorrência de pelo menos uma ca- indicada por P(A), é um número que mede essa
ra. chance e é dado por:
𝐧º 𝐝𝐞 𝐞𝐥𝐞𝐦𝐞𝐧𝐭𝐨𝐬 𝐝𝐞 𝐀 𝐧(𝐀)
6) No lançamento simultâneo de uma moeda e 𝐏(𝐀) = =
um dado, determine: 𝐧º 𝐝𝐞 𝐞𝐥𝐞𝐦𝐞𝐧𝐭𝐨𝐬 𝐝𝐞  𝐧()
a) o espaço amostral  do experimento, numa
tabela ou diagrama da árvore;
Exemplo: Consideremos o experimento aleatório
do lançamento de uma moeda perfeita. Qual é a
b) o evento A: ocorrência de cara e número par;
probabilidade de sair cara?
c) o evento B: ocorrência de coroa e número
Resolução:
múltiplo de 3;
d) o evento C: ocorrência de coroa e número ím- Usando c para cara e k para coroa, segue,
par. Espaço amostral:  = {c, k} ⟹ n() = 2
Evento A: ocorrência de cara → A = {C} ⟹
7) Um casal planeja ter dois filhos, usando M
para filho do sexo masculino e
⟹ n(A) = 1.
F para filho do sexo feminino. Portanto,
Determine: n(A) 1
P(A) = = = 50%
a) todos os arranjos possíveis n(Ω) 2
de meninos e meninas, usando Temos que, no lançamento de uma moeda,
uma tabela ou um diagrama 1
da árvore; a probabilidade de sair cara é ou 50%.
2
b) o evento A: todas as crianças são meninos;
Comentário: Isso não significa que, se jogarmos
c) o evento B: nenhuma criança é menino;
duas vezes a moeda, numa das jogadas sairá “ca-
d) o evento C: todas as crianças são do mesmo
ra” e, na outra, sairá “coroa”. Significa sim que,
sexo.
após um grande número de jogadas, em aproxi-
8) No lançamento de dois dados, determine: madamente 50% (metade) delas sairá “cara”.
a) o espaço amostral, utilizando
EXERCÍCIOS PROPOSTOS
uma tabela;
b) evento A: ”sair o mesmo 12) No lançamento de um dado perfeito, qual é a
número em ambos os dados”; probabilidade de sair número maior do que 4?
R: 1/3 ou 33,3%
c) evento B: ”sair soma 7”; 13) No lançamento de um dado perfeito, qual é a
d) evento C: ”sair soma maior que 10”; probabilidade de que o resultado seja:
e) evento D: ”sair soma menor que 5”; a) um número par? R: 1/2 ou 50%
f) evento E: ”sair soma maior que 12”; b) um número primo? R: 1/2 ou 50%
g) evento F: ”sair soma maior que 1 e menor que c) o número 3? R: 1/6 ou 16,6%
13”. d) um número menor que 3? R: 1/3 ou 33,3%
e) um número menor que 1? R: 0 ou 0%
9) Do experimento “retirar uma carta, ao acaso,
f) um número menor que 7? R: 1 ou 100%
de um baralho de 52 cartas”, determine:
a) o espaço amostral em uma tabela; 14) Escreva em pedaços iguais de papel os nú-
b) o evento A: ocorrência de ás; meros de 1 a 10. Dobre-os igualmente, de modo
c) o evento B: ocorrência de ás de ouros; que qualquer um deles tenha a mesma “chance”
d) o evento C: ocorrência de número 2. de ser retirado de uma caixa. Qual é a probabili-
dade de que o número retirado seja:
a) par? R: 1/2 ou 50%
2
b) divisível por 3? R: 3/10 ou 30%
c) um número primo? R: 4/10 ou 40%
d) maior que 8? R: 2/10 ou 20%
e) menor que 10? R: 9/10 ou 90%
f) um número entre 5 e 10? R: 4/10 ou 40%
g) múltiplo de 4? R: 2/10 ou 20%

15) Em certa cidade, os táxis de uma frota são


numerados de 1 a 200. Uma pessoa toma um táxi
dessa frota ao acaso.
a) Qual a probabilidade de o número do táxi ser
85? R: 1/200 ou 0,5%
b) Qual a probabilidade de o número do táxi ser
maior que 122? R: 78/200 ou 39%

16) Qual é a probabilidade de sair um “dois”, ao


retirar, ao retirar, uma carta de um baralho de 52
cartas? R: 4/52 ou 7,69%

17) Em uma sala, assistindo a uma palestra, 40 a) uma carta de copas? R: 1/4 ou 25%
pessoas estão usando crachás numerados de 1 a b) um ás? R: 1/13 ou 7,6%
c) um ás de copas? R: 1/52 ou 1,9%
40. Uma pessoa é escolhida ao acaso e convidada
d) uma carta com naipe vermelho? R: 1/2 ou 50%
a sair da sala. Qual é a probabilidade de que esse
e) um “três” vermelho? R: 2/52 ou 3,8%
número seja:
a) menor que 10? R: 9/40 ou 22,5% 24) No lançamento simultâneo de duas moedas
b) múltiplo de 10? R: 1/10 ou 10% perfeitas e distinguíveis, qual é a probabilidade de
que:
18) Nove válvulas perfeitas estão misturadas
a) em ambas ocorra ”cara”? R: 1/4 ou 25%
com uma válvula defeituosa. Elas são testadas,
b) em uma ocorra ”cara” e na outra “coroa”?
uma a uma, até que a válvula defeituosa seja en- R: 1/2 ou 50%
contrada. Qual é a probabilidade de que a primeira c) não ocorra nenhuma “cara”? R: 1/4 ou 25%
válvula testada seja a defeituosa? R: 1/10 ou 10% d) ocorra exatamente uma “coroa”? R: 1/2 ou 50%

19) Oito válvulas perfeitas estão misturadas com 25) No lançamento simultâneo de dois dados
duas válvulas defeituosas. Elas são testadas, uma perfeito e distinguíveis, qual é a probabilidade de
a uma, até que a válvula defeituosa seja encon- que:
trada. Qual é a probabilidade de que:
a) a primeira válvula testada seja a defeituosa?
R: 2/10 ou 20%
b) a segunda seja defeituosa, sabendo-se que a
primeira retirada foi defeituosa. R: 1/9 ou 11,1%

20) Seis casais estão numa festa. Uma pessoa é


escolhida ao acaso. Qual é a probabilidade de ser
mulher? R: 1/2 ou 50%

21) Numa caixa há 6 bolas brancas e 4 bolas a) a soma seja 7? R: 1/6 ou 16,6%
vermelhas. Qual é a probabilidade de, ao acaso, b) a soma seja par? R: 1/2 ou 50%
retirar: (Obs.: para indicar o evento “sair bola c) a soma seja um número primo? R: 15/36 ou 41,6%
vermelha” use índices assim A = {V1, V2, V3, V4}) d) a soma seja maior que 1 e menor que 8?
a) uma bola vermelha? R: 2/5 ou 40% R: 7/12 ou 58,3%

b) uma bola branca? R: 3/5 ou 60% e) ambos os números sejam pares? R: 1/4 ou 25%
f) ambos os números sejam iguais? R: 1/6 ou 16,6%
22) Um lote é formado de 12 calças perfeitas, 6 g) o primeiro número seja múltiplo do segundo?
R: 14/36 ou 38,8%
com algum defeito pequeno e 6 com defeitos gra-
ves. Se escolhermos uma calça ao acaso, qual
26) Um casal planeja ter exatamente 2 crianças.
será a probabilidade de que a calça: Qual é a probabilidade de que:
a) tenha defeitos? R: 1/2 ou 50% a) todas as crianças sejam meninas? R: 1/4 ou 25%
b) não tenha defeitos graves? R: 3/4 ou 75% b) todas as crianças sejam do mesmo sexo?
R: 1/ ou 50%
c) não tenha defeitos? R: 1/2 ou 50% c) uma criança seja menino e a outra menina?
R: 1/2 ou 50%
23) Qual é a probabilidade de, ao retirar, ao aca- 27) Um cardápio é composto dos itens a seguir.
so, uma carta de um baralho de 52 cartas, obter: Grupo I Grupo II Grupo III
Salada de
Filé de carne Maionese
frutas
3
Filé de frango Salada mista Sorvete complementares. Sendo 𝐀 ̅ notação para “comple-
Filé de peixe pudim mentar do evento A”, segue a expressão,
A pessoa escolhe um item de cada grupo
para compor sua refeição. Faça um diagrama de
̅) = 𝟏
𝐏(𝐀) + 𝐏(𝐀
árvore para mostrar todas as possibilidades de ou
compor uma refeição com itens dos 3 grupos. Qual ̅ ) = 𝟏𝟎𝟎%
𝐏(𝐀) + 𝐏(𝐀
é a probabilidade de que a pessoa escolhe:
a) um filé de peixe? R: 1/3 ou 33,3% EXERCÍCIOS PROPOSTOS
b) uma maionese? R: 1/2 ou 50% 31) No lançamento de um dado perfeito, qual é a
c) como refeição filé de frango, maionese e pu-
probabilidade de não sair o 6? R: 86,1%
dim? R: 1/18 ou 5,5%
d) como refeição filé de peixe, maionese, sorvete 32) No lançamento simultâneo de dois dados
ou pudim? R: 1/9 ou 11,1% perfeitos distinguíveis, qual é probabilidade de
e) como refeição filé de carne ou de frango, sala- não sair soma 5? R: 8/9 ou 88,8%
da mista e sorvete? R: 1/9 ou 11,1%
EXERCÍCIOS DE VESTIBULARES
EXERCÍCIOS DE VESTIBULARES 33)(UEPA-2011) Em uma pesquisa envolvendo
28)(Enem-2015) Em uma central de atendimen- 120 cidades, sobre lixo doméstico, observou-se
to, cem pessoas receberam senhas enumeradas que em 36 dessas cidades são desenvolvidas
de 1 até 100. Uma das senhas é sorteada ao aca- ações de reciclagem. A probabilidade de uma ci-
so. Qual é a probabilidade de a senha sorteada ser dade pesquisada ser escolhida ao acaso e nela
um número de 1 a 20? não ser desenvolvida ação de reciclagem, é:
1 19 20 21 80 3 4 5 6 7
(a) (b) (c) (d) (e) (a) (b) (c) (d) (e)
100 100 100 100 100 10 10 10 10 10
R: (e)
29)(UEPA-2009) Texto 2 34)(UEPA-2010) A economia do estado de
A Série Arte e Matemática na escola, que será Santa Catarina esteve, em 2002, fortemente
apresentada pela TV ESCOLA, no Programa voltada para exportação de manufaturados com
Salto para o Futuro, é constituída por cinco maior valor agregado. Isso exigiu, na época, maior
programas que pretendem oferecer um espaço empenho de pesquisadores de diversas áreas das
de reflexão, interação e discussão sobre as esferas municipal, estadual, federal e privada. A
múltiplas relações matemáticas existentes nas tarefa da Funcitec é financiar Ciência & Tecnologia
diversas linguagens. por meio da abertura frequente de editais abertos
(Fonte:www.tvebrasil.com.br/SALTO/boletins2002/ame/ameimp.htm)
e com referências competitivas claras. A figura
Utilizando o Texto 2, supõe-se que dois abaixo apresenta alguns dados que ilustram a
programas que serão apresentados pela TV busca para financiamento de pesquisas de um
ESCOLA estão com defeito. Ao selecionar, desses editais promovidos pela Funcitec.
aleatoriamente, um programa, a probabilidade de
que este esteja com defeito é:
(a) 50% (b) 40% (c) 30% (d) 20% (e) 10%
R: (b)

30)(UEPA-2007) Após a pintura dos quatros


recipientes de coleta de resíduos sólidos, nas qua-
tro cores do código do QUADRO III (cores: ama-
relo, azul, verde e vermelho), cada um de uma só
cor, estes foram colocados lado a lado e numera-
dos de 1 a 4. Desta forma, a probabilidade de se
Fonte: NEXUS, Ciência & Tecnologia, Nº 2 , ANO II de 2002, (p.40).Texto adaptado.
ter uma sequência de cores, de acordo com a figu-
ra abaixo, é: Nessas condições, afirma-se que a
probabilidade de um projeto escolhido
aleatoriamente, dentre o total dos projetos
apresentados, não ser da região sul é de:
233 301 403 517 530
(a) (b) (c) (d) (e)
(a) 36% (b) 33% (c) 25% (d) 20% (e) 18% 433 433 433 433 433
R: (c)
R: (c)

4. PROBABILIDADE DE EVENTOS COM-


PLEMENTARES
Seja, no lançamento de um dado, o evento
A “sair número par” → A = {2, 4, 6} e o evento B
“sair número ímpar” → B = {1, 3, 5}. Observe que
A ∩ B =  e A ∪ B = , A e B são chamados eventos

4
35)(UEPA-2012) Leia o texto XVIII para res- c) carro e ônibus, mas não moto? R: 7/80 ou 8,75%
ponder a próxima questão. d) nenhum dos três veículos? R: 19/80 ou 23,75%
Texto XVIII e) apenas um desses veículos? R: 27/80 ou 33,75%
Os números alarmantes relativos à
EXERCÍCIOS DE VESTIBULARES
violência doméstica levaram a Organização
Mundial de Saúde (OMS) a reconhecer a gravi- 39)(UEPA-2009) Um grupo de 12 artistas
dade que o fenômeno representa para a saúde analisou duas obras de artes, 10 deles gostaram
pública e recomendar a necessidade de efetiva- da primeira obra; 6 deles gostaram da segunda
ção de campanhas nacionais de alerta e pre- obra e 4 deles gostaram da primeira e da segunda
venção. No Brasil, apesar de não haver estatís- obra. A probabilidade, ao acaso, de um desses
ticas oficiais, algumas organizações não- artistas, gostar só da segunda obra é:
governamentais de apoio às mulheres e crian- 1 1 1 1 1
ças vítimas de maus tratos apresentam núme- (a) (b) (c) (d) (e)
2 3 4 5 6
ros assustadores da violência doméstica. Esti- R: (e)

ma-se que, a cada 4 (quatro) minutos uma 40)(UEPA-2004) O Professor Francisco de Assis
mulher seja vítima de violência doméstica. Dos realizou uma pesquisa em uma de suas turmas de
850 inquéritos policiais instaurados na 1ª e 3ª 2ª série do Ensino Médio para saber a preferência
Delegacia de Defesa da Mulher de São Paulo, dos alunos a respeito do tema a ser escolhido para
82% se referem a lesões corporais dolosas. a feira da cultura da escola. Assim, apresentou aos
(Fonte: http://jus.com.br/revista/texto/7753/a-violenciadomestica-como-violacao-dos-
direitos-humanos. Acesso em 9
alunos dois temas: Cidadania e Meio Ambiente,
de setembro de 2011- Texto Adaptado) obtendo os seguintes resultados:
A probabilidade de ser escolhido 40 alunos escolheram Cidadania
aleatoriamente um desses inquéritos policiais e de 25 alunos escolheram Meio Ambiente
ele não se referir a lesões corporais dolosas, é de: 10 alunos escolheram ambos os temas
(a) 0,18 (b) 0,19 (c) 0,20 (d) 0,21 (e) 0,22 5 alunos não escolheram nenhum dos dois temas.
R: (a) Desta forma, selecionando um aluno da sa-
5 . PROBLEMAS DE PROBABILIDADE QUE la, a probabilidade dele ter escolhido apenas Meio
ENVOLVE CONJUNTOS Ambiente como tema é:
36) Num grupo de 75 jovens, 16 gostam de músi- 1 1 1 1 1
(a) (b) (c) (d) (e)
ca, esporte e leitura; 24 gostam de música e es- 2 3 4 5 6
R: (c)
porte; 30 gostam de música e leitura; 22 gostam 6 . PROBABILIDADE DA UNIÃO DE DOIS
de esporte e leitura; 6 gostam somente de músi- EVENTOS
ca; 9 gostam somente de esporte; e 5 jovens gos- Conhecendo as probabilidades de dois
tam somente de leitura. eventos quaisquer A e B e procuramos a probabili-
a) Qual é a probabilidade de, ao apontar ao acaso, dade de ocorrer o evento A ∪ B, ou seja, conhe-
um desses jovens, eles gostam de música? R: 44/75 ou cendo P(A) e P(B) querendo encontrar P(A ∪ B),
58,6%
b) Qual é a probabilidade de, ao apontar, ao aca- utilize a expressão,
so, um desses jovens, eles não gostam de ne-
P(A ∪ B) = P(A) + P(B) – P(A ∩ B)
nhuma dessas atividades? R: 11/75 ou 14,6%

37) Numa enquete foram entrevistados 100 estu- EXERCÍCIOS PROPOSTOS


dantes. Setenta deles responderam que frequen- 41) No lançamento simultâneo de dois dados
tavam um curso de microcomputadores, 28 res- perfeitos distinguíveis, qual é probabilidade de se
ponderam que frequentavam um curso de inglês e obter soma par ou soma múltipla de 3? R: 2/3 ou 66,6%
10 responderam que frequentavam ambos, micro-
computadores e inglês. Qual é a probabilidade de
42) No lançamento de um dado perfeito, deter-
mine as probabilidades dos eventos:
um desses estudantes selecionados ao acaso:
a) sair número par; R: 1/2 ou 50%
a) estar frequentando somente o curso de micro-
b) sair número múltiplo de 3; R: 1/3 ou 33,3%
computadores? R: 3/5 ou 60%
b) não estar frequentando nenhum desses cursos? c) sair número par e múltiplo de 3; R: 1/6 ou 16,6%
R: 3/25 ou 12% d) sair número par ou múltiplo de 3; R: 2/3 ou 66,6%
38) Numa enquete foram entrevistadas 80 pesso- e) não sair par nem múltiplo de 3; R: 1/3 ou 33,3%
as sobre os meios de transporte que utilizavam f) não sair par ou não sair múltiplo de 3. R: 5/6 ou 83,3%
para ir ao trabalho e/ou à escola. Quarenta e
dois responderam ônibus, 28 responderam carro e 43) Numa urna existem bolas numeradas de 1 a
30 responderam moto. Doze utilizavam-se de ôni- 17. Qualquer uma delas tem a mesma chance de
bus e carro, 14 de carro e moto e 18 de ônibus e ser retiradas. Qual a probabilidade de se retirar
moto. Cinco utilizavam-se dos três: carro, ônibus uma bola cujo número seja:
e moto. Qual é a probabilidade de que uma dessas a) par? R: 8/17 ou 47,05%
pessoas, selecionada ao acaso, utilize: b) primo? R: 7/17 ou 41,17%
a) somente ônibus? R: 17/80 ou 21,25% c) par e primo? R: 1/17 ou 5,88%
b) somente carro? R: 7/80 ou 8,75% d) par ou primo? R: 14/17 ou 82,35%
5
e) nem par nem primo? R: 3/17 ou 17,64% O evento A: “ás vermelho” condicionado ao evento
f) par mas não primo? R: 7/17 ou 41,17% B.
g) primo mas não par? R: 6/17 ou 35,3% A = {(ás, copas)} → n(A) = 1, logo a probabilidade
de ocorrer o evento 𝐴 condicionado ao evento B é
44) No lançamento de dois dados perfeitos, qual
1
é a probabilidade de se obter soma 8 ou números P(A) = ≅ 7,7 %
iguais nas faces superiores? R: 5/18 ou 27,7% 13
Assim, ao retirar uma carta de um baralho
45) Uma moeda e um dado são lançados simul- de 52 cartas, a probabilidade de sair “ás verme-
taneamente. Qual é a probabilidade de se obter 1
lho” sabendo que ela é de “copas” é de ou
”cara” ou um 6? R: 2/3 ou 66,6% 13
aproximadamente 7,7 %.
EXERCÍCIOS DE VESTIBULARES
46)(Fuvest-SP) Uma urna contém 20 bolas nu- EXERCÍCIOS PROPOSTOS
meradas de 1 a 20. Seja o experimento: retirada 48) Ao retirar uma carta de um baralho de 52
de uma bola. Considere os eventos: A = {a bola cartas, qual é a probabilidade de sair um “ás ver-
retirada possui um múltiplo de 2}; B = {a bola melho” sabendo que ela é de “copas”? R: 1/13
retirada possui um múltiplo de 5}. Então, a proba- 49) Dois dados perfeitos são lançados. Qual é a
bilidade do evento A ∪ B é: probabilidade de sair soma 8, sendo que ocorreu o
13 4 7 3 11 3 no primeiro dado? R: 1/6
(a) (b) (c) (d) (e)
20 5 10 5 20
R: (d) 50) Uma família planejou ter 3 crianças. Qual é a
47)(UEPA-2002) Durante a romaria do Círio de probabilidade de que a família tenha 3 homens, já
Nossa Senhora de Nazaré, em Belém, foi feita uma que a primeira criança que nasceu é homem? R: 1/4
pesquisa com 1 500 romeiros sobre as promessas
que os levaram a acompanhar a procissão na cor- EXERCÍCIO DE VESTIBULAR
da. As promessas foram: recuperação da saúde; 51)(Enem-2013) Uma escola com 1200 alunos
aprovação no vestibular e emprego. Dentre os foi realizada uma pesquisa sobre o conhecimento
pesquisados: desses em duas línguas estrangeiras, inglês e es-
 200 agradeciam pela recuperação da saúde, panhol.
aprovação no vestibular e pelo emprego; Nessa pesquisa constatou-se que 600 alu-
 550 pela recuperação da saúde e aprovação no nos falam inglês, 500 falam espanhol e 300 não
vestibular; falam qualquer um desses idiomas.
 450 pela recuperação da saúde e pelo emprego; Escolhendo-se um aluno dessa escola ao
 400 pela aprovação no vestibular e pelo empre- acaso e sabendo-se que ele não fala inglês, qual a
go; probabilidade de que esse aluno fale espanhol?
 200 só pela recuperação da saúde; 1 5 1 5 5
 130 só pela aprovação no vestibular e (a) (b) (c) (d) (e)
2 8 4 6 14
 170 só pelo emprego. R: (a)

Nessas condições, a probabilidade de se es- 8 . EVENTOS INDEPENDENTES


colher ao acaso uma das pessoas pesquisadas e Dois eventos A e B são eventos indepen-
esta estar agradecendo pela recuperação da saúde dentes, se a probabilidade de ocorrer um deles
é: não depende do fato de ter ou não ter ocorrido o
outro. Segue a expressão,
2 2 11 2 11
(a) (b) (c) (d) (e)
15 5 30 3 15 P(A ∩ B) = P(A) ∙ P(B)
R: (d)

7 . PROBABILIDADE CONDICIONAL EXERCÍCIOS PROPOSTOS


É a probabilidade de ocorrer um evento A
52) São realizados dois lançamentos sucessíveis
condicionado ao fato de que ocorreu um evento B
de um dado perfeito. Qual é a probabilidade de
que restringiu o espaço amostral . ocorrer, nos dois casos, o número 5? R: 1/36
Exemplo: Ao retirar uma carta de um baralho de
52 cartas, qual é a probabilidade de sair um “ás
53) Consideramos uma cria de cachorros com 3
filhotes. Sejam os eventos A: “obtenção de pelo
vermelho” sabendo que ela é de “copas”?
menos dois machos” e B: “obtenção de pelo me-
Resolução:
nos de um de cada sexo”. Os eventos A e B são
O espaço amostra de um baralho: independentes? Por quê? R: sim
 = {(ás, ouro), (ás, copas), (ás, paus), (ás, espa-
da), (dois, ouro), … (rei, paus)} → n() = 52 EXERCÍCIOS DE VESTIBULARES
O evento B: “sair copas” 54)(Enem-2015) No próximo final de semana,
B = {(ás, copas), (dois, copas), … (rei, copas)} → um grupo de alunos participará de uma aula de
campo. Em dias chuvosos, aulas de campo não
n(B) = 13
podem ser realizadas. A ideia é essa aula seja no
sábado, mas, se estiver chovendo no sábado, a
6
aula será adiada para o domingo. Segundo a me- b) II e III são eventos independentes? R: não
teorologia, a probabilidade de chover no sábado é Justifique suas respostas.
de 30% e a de chover no domingo é de 25%.
A probabilidade de que a aula de campo
58)(UEPA-2005) Para comemorar o dia dos
ocorra no domingo é de professores, uma escola de Belém resolveu
organizar uma festa e nela distribuir CD’s de
(a) 5,0% (c) 22,5% (e) 75,0% diversos ritmos musicais para os homenageados
(b) 7,5% (d) 30,0% R: (c) do dia. O corpo docente da escola é composto por
15 professores, dos quais 10 são homens. Para
55)(Enem-2013) Uma loja acompanhou o nú- organizar a entrega dos presentes, foram
mero de compradores de dois produtos, A e B, distribuídas fichas com numeração de 1 a 15,
durante os meses de janeiro, fevereiro e março de sendo que as mulheres ficaram com as fichas de 1
2012. Com, isso, obteve este gráfico: a 5. Para entrega dos prêmios, procedeu-se a um
sorteio no qual foi retirada uma ficha para entrega
do 1° CD. Sabe-se que a ficha sorteada foi menor
que 11, então a probabilidade de que a pessoa
sorteada tenha sido um homem é de:
1 1 1 2 3
(a) (b) (c) (d) (e)
2 3 4 3 4
R: (a)

59)(UFPA-2005) Um editor de Futebol em Re-


vista, interessado em verificar se existe aplicação
de probabilidades iguais no futebol, considerou um
modelo em que três equipes joguem entre si, e
em que, em qualquer das partidas, a probabilidade
A loja sorteará um brinde entre os compra-
de vitória de cada uma das equipes seja igual a
dores do produto A e outro brinde entre os com-
1/3 e a probabilidade de o jogo terminar empata-
pradores do produto B. Qual a probabilidade de
do seja também de 1/3. Em cada partida, a equipe
que os dois sorteados tenham feito suas compras
em fevereiro de 2012 vencedora ganha 3 pontos e a equipe perdedora
nenhum ponto. Em caso de a partida terminar
1 3 5 6 7
(a) (b) (c) (d) (e) empatada, cada uma das duas equipes recebe 1
20 242 22 25 15
R: (a) ponto. Analisando os confrontos entre as três
56)(UEPA-2008) No programa de assentamento equipes mais bem colocadas ao final do primeiro
de famílias promovido pelo Governo Federal, a turno do Campeonato Brasileiro de 2004, verifi-
distribuição de terras ocorreu por meio de cou-se que a equipe do Santos obteve 6 pontos; a
sorteios. Para tanto, utilizaram três urnas: a equipe do São Paulo obteve 3 pontos; e a equipe
primeira com as bolinhas de números 2, 4, 5 e 7; da Ponte Preta 0 (zero) ponto nos confrontos entre
a segunda com as bolinhas de números 0 e 2 e a si, conforme a tabela:
terceira com as bolinhas de números 1, 2 e 8. O Santos 21 São Paulo
sorteio ocorreu retirando-se ordenadamente uma Ponte Preta 04 Santos
bolinha de cada urna, formando um número de São Paulo 20 Ponte Preta
três algarismos que correspondeu a uma das
senhas distribuídas entre as famílias. Após cada Após efetuar corretamente os cálculos pro-
sorteio, as bolinhas foram devolvidas às babilísticos, o editor concluiu que num modelo de
respectivas urnas e o processo repetido até a total probabilidades iguais à probabilidade de que se
distribuição das terras. Desta forma, é correto termine com uma equipe com 6 pontos, outra com
afirmar que a probabilidade de o número sorteado 3 pontos e a terceira com 0 (zero) ponto é de
ser: (a) 2/9 (b) 3/8 (c) 5/27 (d) 9/15 (e) 1/3
1 1 (e) 528 ou 222
(a) 222 é (c) 222 é 60)(UFPA-2005) As últimas eleições têm sur-
12 6 é a mesma.
1 1 preendido os institutos de pesquisa, principalmen-
(b) 528 é (d) 528 é R: (e)
te quando dois candidatos se encontram empata-
6 12
dos tecnicamente. Tentando entender essa ques-
57)(FUVEST-SP) Considere o experimento que tão, um estudante investigou a opção de votos de
consiste no lançamento de um dado perfeito (to- seus colegas de classe e verificou que, dos trinta
das as seis fases têm probabilidades iguais). Com investigados, 15 votaram no candidato A e 15 vo-
relação a esse experimento considere os seguintes taram no candidato B. Fez-se, então, a seguinte
eventos: consideração: se um instituto de pesquisa fizesse
I - O resultado do lançamento é par. uma sondagem, consultando apenas quatro alu-
II - O resultado do lançamento é estritamente nos escolhidos aleatoriamente, a probabilidade de
maior do que 4. o instituto acertar o resultado da eleição na sala,
III - O resultado é múltiplo de 3. por meio dessa amostra, seria, de, aproximada-
a) I e II são eventos independentes? R: sim mente,
7
(a) 27% (b) 40% (c) 50% (d) 78% (e) 92% (a) 2/3 (b) 1/2 (c) 1/3 (d) 1/4 (e) 1/6

61)(UFPA-2006) No Estado do Pará, 94% dos 66)(UFPA-2009) Quatro pássaros pousam em


estudantes do Ensino Médio estão matriculados uma rede de distribuição elétrica que tem quatro
em escolas públicas. Se a probabilidade de esses fios paralelos. A probabilidade de que em cada fio
estudantes serem negros (pretos + pardos) é de pouse apenas um pássaro é:
75%, então a probabilidade de o estudante do (a) 3/32 (b) 1/256 (c) 1/24 (d) 1/4 (e) 3/4
Ensino Médio estar matriculado em escola pública
e ser negro é de 67)(UEPA-2004) Os Professores Adolfo Henri-
(a) 23,5% (c) 55,5% (e) 70,5% que, Newton, Bosco, Dalva, Patrícia, Mônica e
Socorro vão se reunir para estruturarem a feira
(b) 45,5% (d) 67,5%
da cultura da escola em que trabalham. Para tan-
62)(UFPA-2007) Alguns estudantes estavam se to, resolveram criar uma comissão organizado-
preparando para realizar o PSS da UFPA e ra do evento, que será composta por três deles.
resolveram inventar um jogo de dados a fim de Verificando todas as possibilidades, a probabilida-
testar os seus conhecimentos em Teoria das de de esta comissão ser formada apenas por mu-
Probabilidades. O jogo possuía as seguintes lheres é:
regras: 1 1 1 1 1
(a) (b) (c) (d) (e)
I. O jogador faz o primeiro lançamento do dado. 7 14 21 28 35
Se sair o número 5 o jogo termina e o jogador 68)(UEPA-2004) Os cursos ofertados pela UEPA
vence. no UEPA e UEPA, no município de IGARAPÉ-AÇU,
II. Se na primeira jogada não sair o número 5, o com as respectivas vagas, constam na tabela
jogador deve lançar o dado pela segunda e última abaixo:
vez. Se sair um número maior do que 3, o jogador
CURSOS OFERTADOS UEPA UEPA
vence. Caso contrário perde. Licenciatura em Letras 20 20
A probabilidade de o jogador vencer esse Licenciatura em Matemática 20 20
jogo é:
Supondo que todas as vagas serão preen-
9 7 3 4 10 chidas, a probabilidade de sortearmos, ao acaso,
(a) (b) (c) (d) (e)
13 12 5 7 13 um aluno do Curso de Licenciatura em Matemática
ou um aluno aprovado no UEPA é de:
63)(UFPA-2008) De um refrigerador que tem
em seu interior 3 refrigerantes da marca A, 4 (a) 25% (b) 50% (c) 60% (d) 75% (e) 100%
refrigerantes da marca B e 5 refrigerantes da R: (d)

marca C, retiram-se dois refrigerantes sem 69)(UEPA-2006) O professor de matemática


observar a marca. A probabilidade de que os dois Magno, ao realizar sua prova de 4ª avaliação, re-
retirados sejam da mesma marca é: solveu dar ’’uma colher de chá’’ para seus alunos.
O professor propôs uma prova que continha 12
(a) 1/6 (c) 19/66 (e) 3/11 questões, numeradas de 1 a 12, das quais cada
(b) 5/33 (d) 7/22 aluno deveria escolher exatamente 4 questões
R: (c) para serem resolvidas; destas, obrigatoriamente,
64)(UFPA-2008) No Concurso da Mega-Sena deveriam ser 2 de questões de numeração ím-
são sorteados 6 números de 01 a 60. Por exemplo, par e 2 de questões de numeração par. Consi-
o concurso 924 teve como números sorteados 02, derando todas as possibilidades de escolha das 4
20, 21, 27, 51 e 60, ou seja, houve um par de questões, de acordo com o exigido, a probabilida-
números consecutivos, 20 e 21. A probabilidade de de de se escolher apenas questões com numera-
que no jogo da Mega-Sena haja um par de ção menor que 7 é:
números consecutivos sorteados é: 1 1 1 1 1
(a) (b) (c) (d) (e)
(a) 54!/60! (d) 1 ‒ (54!53!)/(48!60!) 3 10 15 25 33
R: (d)
(b) 53!/59! (e) 1 ‒ (55!54!)/(49!60!)
(c) 1 ‒ (56!55!)/(49!60!)

65)(UFPA-2009) Um tabuleiro quadrado tem


nove casas. Uma peça sobre o tabuleiro pode
mover-se para as casas lateral esquerda, lateral
direita, lateral acima ou lateral abaixo, se não for
obstruída em um ou dois destes movimentos
estando sobre a borda do tabuleiro. Considere que
a peça inicialmente está no centro do tabuleiro e é
movida aleatoriamente na superfície deste. A
probabilidade de que, após 10 movimentos, a peça
esteja de volta ao centro é:
8
Tabela de lançamento de dois dados

Espaço amostral de um baralho de 52 cartas

"A educação não transforma o mundo, a educação trans-


forma as pessoas e as pessoas transformam o mundo"
Paulo Freire

Atualizada em 25/8/2018
Gostou da Apostila? Você a encontra no site:
http://gilsilva10.wixsite.com/inicio/apostilas-
de-matematica
Link! Dê uma olhada.

Referências
DANTE, L.R. Matemática: Contexto & Aplicações. 1. Ed. São
Paulo: Ática, 2000, v.2.
9