Você está na página 1de 1

Poções Neo-Pagãs para sonhos lúcidos

Receitas de ungüento de vôo, ou poção verde, como também era chamado para os
curiosos e aventureiros. Lembrando-se sempre que você estará lidando com substâncias
tóxicas é bom ter um acompanhamento de quem saiba o que está fazendo.
As receitas abaixo são usadas por pagãos contemporâneos, e tem a facilidade de serem
feitas com essências que podem ser compradas pela internet ou em lojas próprias para
isso, são bem mais simples de serem feitas em casa.
O que você vai precisar de:
4 xícaras base:
Cera de abelha, manteiga de cacau ou lanolina
5 conta-gotas cheios de Essências Florais:
Eschscholzia californica, Camomila, Lotus e Rosa
Um punhado ou mais das seguintes ervas:
Ditânia de Creta (Origanum dictamnus), Cannabis Sativa, Lúpulo (opcional), Lavanda,
Linden (Tilia tomentosa), solidéu e Alface Selvagem
15 a 20 gotas de óleos essenciais:
Sálvia esclaréia, Jasmim, artemísia, Sândalo
Uma pitada de ópio bruto (opcional)
5-7 gotas de tintura de Benjoim (um conservante)
Em um pote não metálico, derreta lentamente a base em fogo baixo. Misture então com a
base as ervas e cozinhe com cuidado em fogo muito baixo, mexendo sem parar por 30
minutos. Retire as ervas. Pegue a base e coloque em um pote, sem fogo, acrescentando
as essências de flores e óleos essenciais e a tintura de benjoim, mexendo sem parar.
Coloque em jarros térmicos e deixe esfriar. Para armazenar guarde em um jarro
hermeticamente fechado dentro do refrigerador ou em outro local escuro e fresco.
Ao se preparar para usar, evite o consumo de cafeína e não trate o óleo com carinho,
esfregue com vontade na parte interior dos pulsos. Espere uma hora e meia e aplique na
garganta e têmporas. EVITE aplicar em mucosas - ou seja qualquer parte lisa e úmida do
corpo. Caso note alguma reação alérgica após aplicação nos pulsos evite usar no resto do
corpo.
Esta outra receita é mais leve e sutil, é indicada para ser usada antes de se dormir para
vôos e sonhos lúcidos.
1/4 de xícara de banha
1/2 colher de chá de óleo de cravo
1 colher de chá de fuligem de chaminé
1/4 de colher de chá de cinco-folhas secas
1/4 de colher de chá de artemísia seca
1/4 de colher de chá de flor do cardo seca
1/4 de colher de chá de verbena seca
Usando um almofariz e pilão, amasse as ervas secas até que se tornem um pó. Em um
pequeno caldeirão ou panela, aqueça a banha em fogo baixo até que esteja derretida
completamente. Adicione as ervas, o óleo de cravo e fuligem da chaminé na base de
banha e misture bem. Adicione o benjoim como conservante natural, misture sentido
horário e então cozinhe por 10-15 minutos.
Coe tudo usando uma gaze ou um pano de pratos limpo em um pequeno recipiente
resistente ao calor e, em seguida, deixe-a arrefecer. Armazene a mistura em sua geladeira
ou em um lugar fresco e escuro, até que
você deseje usá-la.