Você está na página 1de 1

Estrutura do Sistema Energético de um País A energia eléctrica é uma forma de

energia universal. Ela pode ser transfornada de uma maneira simples e económica, em outras
formas de energia como a térmica, luminosa, mecânica, etc. A energia eléctrica é a base para um
considerável número de sistemas como os de electrónica, automação, controle, comunicações que,
mesmo nos casos em que consomem pouca energia, são essenciais numa série de equipamentos e
técnicas modernas. A electricidade é usada na maioria dos processos tecnológicos industriais e
agrícolas, e na vida corrente de toda a população. Hoje pode-se dizer sem dúvidas que o grau de
electrificação de um país é uma medida do seu desenvolvimento técnico, económico e social. A
energia eléctrica produzida nas centrais, é na realidade um resultado da transformação de outras
formas primárias de energia, como a energia térmica dos combustíveis gasosos, líquidos e sólidos, a
energia eólica do vento, a energia solar, a energia nuclear. A figura 1.1 apresenta, em forma de
diagrama de blocos, a estrutura de um sistema energético.
Energia
Natural
Central Termoeléctrica
Transformação
de Energia Rede Eléctrica CEnoenrsguima Eoldécetrica
Consumo de
Energia Térmica
Transformação
de Energia
Rede Térmica Fig.1.1 Diagrama de blocos de um sistema energético As fontes convencionais de
energia natural para a produção de energia eléctrica actualmente usadas são :  Energia hídrica
(através das barragens hidroeléctricas ao longo dos rios e mares); 2  Energia térmica ( através da
queima de combustíveis sólidos como o carvão, combustíveis líquidos como o petróleo e seus
derivados, combustíveis gasosos como o gás natural);  Energia nuclear;  Energia geotérmica. A
economia energética de um país assenta num sistema bastante complexo, com uma grande
diversidade de elementos, desde o processo de extracção dos recursos básicos, a sua transformação
em instalações apropriadas, até à utilização pelos consumidores finais. Assim, o sistema energético
de um Pais engloba os recursos naturais, as empresas de transformação, os meios de transporte e as
empresas de utilização. Para conveniência do estudo, um sistema energético completo pode
subdividir-se nos seguintes sub-sistemas: 1) Sub-sistemas de alimentação dos recursos energéticos
primários, Englobando as fontes de energia, empresas de extracção e o transporte para as unidades
de consumo; 2) Sub-sistema de energia eléctrica, O qual inclui as centrais eléctricas, as redes de
transporte e distribuição, as subestações e ainda as diferentes instalações de utilização de energia
eléctrica; 3) Sub-sistema de energia térmica, Que inclui as centrais termo-eléctricas, geradores de
vapor e outras fontes de energia térmica, redes de distribuição térmica e as respectivas instalações
de utilização; 4) Sub-sistema de abastecimento de energia mecânica, Que inclui certos sistemas de
produção de ar comprimido, os conversores de energia térmica em mecânica, os utilizadores de
energia mecânica. A figura 1.2 mostra um exemplo simplificado de um sistema energético complexo,
com alguns dos seus componentes típicos.