Você está na página 1de 23

DICAS

PARA
RECOLOCAÇÃO
PROFISSIONAL
Cynthia Chazin Morgensztern
Psicóloga, Coach e Consultora em
Gestão Humana
Prezado profissional,

Este manual tem como principal objetivo,


instruir você sobre algumas regras
importantes para se recolocar no mercado
de trabalho.

Obrigada pela atenção,

Boa sorte!!!
BUSCA DE EMPREGO
INFORMAÇÕES ÚTEIS

Requer:

• Foco no objetivo profissional


• Dedicação diária para atingir esta meta
• Disciplina, persistência, determinação
• Romper com o conformismo
• Ter e transmitir autoconfiança
• Tolerância à frustração para enfrentar a rejeição e seguir em frente
• Manter uma visão positiva do futuro

Rede de Relacionamentos e Redes Sociais:

• Muito eficiente na busca por oportunidades no mercado. O LinkedIn é


considerado a maior “vitrine” profissional do mercado de trabalho. É possível
destacar-se, fazer contato com pessoas de relevância e procurar vagas somente
com o uso desta plataforma virtual;

• Mantenha contato com os amigos e ex-colegas de trabalho. Eles podem te


indicar em oportunidades para empresas que trabalham ou ainda vagas
interessantes em outras empresas;
• Amplie sua rede social. No Facebook, o objetivo maior é fomentar contatos da
vida pessoal. Sendo assim, você solicita ou aceita conexões de pessoas ou
profissionais que já conhecia ou simplesmente amigos de amigos mais próximos.
Existem grupos interessantes para você pesquisar oportunidades de trabalho Já
no Linkedin você consegue se conectar com pessoas que não conhece, mas
existe uma razão profissional para estar em contato com esta pessoa, seja por
motivo de recolocação ou ainda para fazer “benchmark” (trata-se processo
positivo e através do qual uma empresa examina como outra realiza uma função
específica a fim de melhorar a forma como realiza a mesma ou uma função
semelhante...).
Fonte: Wikipédia - https://pt.wikipedia.org/wiki/Benchmarking

Grupos de networking presenciais

*Procure participar de eventos profissionais ou cursos de atualização. Palestras


também são bem vindas. Existem muitas propostas de palestrar gratuitas. O
importante é conseguir selecionar temas aderentes e condizentes com o perfil
profissional da pessoa. Caso contrário será um tempo perdido. Procure sempre levar
cartão de visita. Segue um modelo de layout:

www.linkedin.com/in/cynthiamorgensztern/
Figura 1 - modelo cartão de visita
profissional
Fonte:
https://www.modelosfaceis.com.br/
modelos-de-cartao-de-visita/

Por fim, reúna seus contatos de todas as formas que possuir:

• cartões de visita
• Telefones
• e-mails
• agendas antigas

Muitas vagas são preenchidas por indicação baseadas em boas referências.


Trabalhos autônomos também geram novos contatos e podem abrir portas.
AUTO-ESTIMA: A CHAVE PARA O
SUCESSO PROFISSIONAL

As pessoas que gostam genuinamente de si mesmas e se aceitam como seres


humanos valiosos descobrem que podem ampliar seus horizontes, aceitar novos
desafios e alcançar desempenhos cada vez mais elevados e eficazes, encarando
tudo isso como parte do seu processo normal de crescimento e desenvolvimento.

Pessoas com um bom conceito de si, olham a vida para frente, confiam em si
mesmas para conseguir o que desejam e para superar as dificuldades que podem
surgir.

A valorização de si é um processo que se constrói no dia a dia e que pode ser


ajudado através do autoconhecimento. Quem se conhece sabe da riqueza que
existe no seu mundo interior, sabe dos recursos que pode lançar mão, nos
momentos bons e ruins tende a confiar mais em si do que nas palavras dos outros.

Um aspecto importante da auto estima diz respeito às relações interpessoais. A


maneira pela qual você se relaciona com as pessoas de seu convívio é diretamente
afetada pela forma como você se sente a seu respeito. O resultado é que você é
incapaz de amar ou gostar de outra pessoa mais do que ama ou gosta de si mesma.

Na vida pessoal e profissional, o ser humano com baixa autoestima pode deixar
boas oportunidades passarem, por não se achar bom o suficiente para ocupar uma
determinada posição hierárquica, estagnando sua carreira, que poderia ter
ascensão e ser próspera.

A busca do verdadeiro sentido da vida é um compromisso pessoal, intransferível,


que vai nortear a possibilidade de descobrirmos o caminho da nossa felicidade
pessoal e da humanidade. Quanto mais me comprometo comigo mesmo, mais me
comprometo com os outros.
A BUSCA DE UM NOVO DESAFIO

A busca de um novo desafio faz com que o profissional questione as suas conquistas
até o momento presente e o que precisa realizar para atingir os desejos ainda não
concretizados. Deve ser feito principalmente o exercício de identificação dos pontos
fortes e pontos a serem melhorados, e também, avaliar o mercado para verificar
quais são as oportunidades profissionais mais requisitadas. Seguem algumas dicas
que auxiliam você neste exercício de encontro com seus propósitos profissionais:

1. Nunca diga estou desempregado, e sim “estou em busca de novas


oportunidades”;

2. Exercite o corpo e a mente agradecerá! Use o tempo para se manter em forma


com caminhadas e exercícios leves;

3. Você tem mais tempo para cuidar da sua vida pessoal, reencontrar antigas
amizades, familiares que não vê e conversa há muito tempo, e até mesmo
dialogar com pessoas que você ainda não conhece bem e que podem agregar
bons valores em sua vida. O importante é aumentar a rede de relacionamentos
e procurar viver momentos satisfatórios e produtivos;

4. Avalie criteriosamente como foi seu desempenho no último emprego, analise


o que poderia ter sido melhor, e principalmente as metas que foram atingidas.
Procure aprender com o passado e se preparar para o futuro;

5. Procure na internet os cursos que são promovidos na sua área de atuação e


não deixe de se atualizar. Você poderá ser visto como um profissional
preocupado em reciclar seus conhecimentos na sua área. Atualmente existe
diversos cursos online gratuitos inclusive por instituições renomadas
(Faculdade Getúlio Vargas)3;
3http://www5.fgv.br/fgvonline/Cursos/Gratuitos
6. Localize a biblioteca mais próxima de você, para poder pegar livros de graça.
Neste momento a lei é economizar e gastar o tempo com atividades culturais,
que trabalham a mente para ser produtiva. Lembre-se do ditado: “Cabeça
vazia, oficina do diabo”;

7. Procure atualizar seu currículo. Se necessário contrate um profissional para


auxiliá-lo na elaboração. Ele é o seu cartão de visita para o mercado de
trabalho, deve ser atrativo e ter uma ótima apresentação;

8. Veja diariamente as vagas e oportunidades na Internet, jornais, revistas.


Pense que você não pode esperar sentado surgir o emprego da sua vida. O
importante é ir atrás do objetivo, de maneira determinada e perseverante,
até atingir o foco

9. Mantenha-se informado sobre política, economia e outros assuntos da


atualidade que podem ser abordados em entrevistas e avaliações de
potencias empreendimentos.

BUSCAR UM NOVO DESAFIO É UMA ATIVIDADE TÃO IMPORTANTE E ATIVA


COMO QUALQUER OUTRA ATIVIDADE ATUAL QUE VOCÊ PODE DESENVOLVER.
Dá muito trabalho, requer enorme disciplina e definição de meta. Por exemplo:
“Buscar novas oportunidades, todos os dias das 08h00 as 10h00 da manhã
impreterivelmente até 12/2018. Após este prazo, seguirei com outra oportunidade
e talvez a busca por uma consultoria de apoio a recolocação profissional”.
EMPREGABILIDADE – A CAMINHO
DA RECONQUISTA DO ESPAÇO NO
MERCADO DE TRABALHO

Um dos conceitos do termo empregabilidade é exatamente o de tornar-se “apto”


para manter-se no emprego e ao mesmo tempo “atraente” ao mercado de trabalho.
O profissional de hoje deve se preocupar especificamente com duas questões:
atualização e desenvolvimento de competências. Deve participar de cursos para
atualizar-se e durante suas atividades profissionais, ser comprometido, ter boa
comunicação e expressão, iniciativa para atingir cada vez melhor do que já existe,
ser empreendedor e objetivo. O tempo está cada vez mais curto e ser cumpridor de
normas e regras da companhia, além de ter um ótimo relacionamento interpessoal
com todos na organização é condição imprescindível para manter-se no emprego e
ter ascensão profissional. Decididamente não é uma tarefa fácil, mas são estas
pessoas que conseguem promoção e atingem cargos altos na pirâmide hierárquica
das empresas. Atualmente, o diferencial está exatamente em contratar profissionais
atualizados e que tenham acesso às informações gerais e específicas de sua área de
atuação.

O profissional de hoje não pode limitar-se a fazer apenas o que lhe é solicitado. Ele
deve mostrar-se multifuncional, ou seja, ser capaz de atuar em mais de uma área de
atuação e colocar-se pronto para vencer novos desafios, caso surjam propostas
profissionais atraentes, seja na própria organização, seja em outro local.

O “desempregado” deve se colocar como pronto para ingressar assumir a posição


que lhe foi proposta, demonstrando mais do que nunca, que possui as
competências exigidas pelo perfil. Portanto a autoestima deve ser elevada, não
dando espaço para sentimentos de insegurança que podem colocar tudo a perder
em um momento decisivo de contratação. Obviamente esta não é uma tarefa fácil,
por este motivo quanto mais preparado o profissional encontra-se para vivenciar
uma entrevista, mais seguro ele estará para responder aos questionamentos e falar
de si.
A IMPORTÂNCIA DA COMUNICAÇÃO
PARA ENCONTRAR UM NOVO
EMPREGO

De acordo com Reinaldo Polito, considerado há alguns anos o “Mestre na arte da


comunicação”:

“Aquele que não sabe se comunicar com eficiência comporta-se de maneira


retraída ou inadequada e, num mundo tão competitivo, onde as oportunidades
precisam ser constantemente garimpadas, deixa de aproveitar as chances de se
projetar.
Quem tem problemas de comunicação está sempre encontrando uma boa desculpa
para não falar diante das pessoas, geralmente fica irritado e coloca-se numa
posição defensiva para se proteger, não participa espontaneamente das atividades
que exijam comunicação e quando precisa falar, sem chance de se esconder, é
comum expressar-se de maneira ríspida e até com agressividade. Quem se
comunica com eficiência está, naturalmente, fazendo o seu “marketing pessoal",
pois é requisitado para falar e expor suas ideias na empresa ou no convívio social.

Pelo fato de falar bem ele não se comporta com atitudes defensivas, ao contrário, é
participativo integrado nos ambientes onde convive, é normalmente uma pessoa
mais feliz, porque conta com o atributo da boa comunicação para resolver
problemas, realizar projetos e abrir as portas para o seu crescimento e
desenvolvimento na vida em sociedade e na sua profissão. E se nós observarmos
bem, aquele que se comunica de maneira correta e eficiente, por não ser retraído,
não fugir das oportunidades, por ser participativo e integrado, além de ser mais
feliz, consegue fazer com que as pessoas que estejam a sua volta se sintam também
pessoas mais felizes. Portanto, não importam quais sejam os nossos planos, dos
mais simples aos mais ambiciosos, em todos eles vamos incluir um dos mais
importantes ingredientes para que sejam concretizados e bem sucedidos: a boa
comunicação”.
Nós somos do tamanho da comunicação que conseguimos estabelecer no meio
em que atuamos. Ter a coragem para se comunicar é estar disponível ao contato
social. O processo comunicativo é uma necessidade essencial à natureza humana.
Ela é o nosso instrumento de exploração do mundo e também é, ao mesmo
tempo, o instrumento com o qual o mundo nos explora. É através desse jogo que
formamos, gradualmente, as opiniões, conceitos e juízos que nortearão nossas
vidas, sem os quais seria impossível a convivência.

Quando nos comunicamos bem, realizamos uma viagem em direção à essência


secreta do coração e da mente do outro, e nos tornamos companheiros/
cúmplices nessa travessia! Para isso, não basta falar bem, utilizando corretamente
as regras gramaticais. É preciso mobilizar nossos recursos internos e externos para
facilitar a arte do diálogo, que não é um simples despejar de palavras, é ir ao
encontro, é abster-se de julgamentos precipitados, dando chances para a troca
democrática de ideias, propiciando um clima de confiança e bem estar, utilizando
a empatia na busca do processo de sinergia.

Além disso, é necessário buscar feedback quanto à nossa atuação. Só


conseguimos construir relações verdadeiras a partir do momento em que
enxergamos com maior propriedade quem somos nós e qual o impacto que nós
causamos vários grupos sociais. Ter consciência dessa imagem social faz parte da
ação corajosa de quem busca uma comunicação plena.
COMO SE PREPARAR PARA A
ENTREVISTA

A entrevista de emprego é um dos momentos mais importante do processo


seletivo. Se você chegou até aqui, já pode se sentir um vitorioso, pois passou pela
etapa da triagem de currículos, e da entrevista de pré-seleção, normalmente feita
por telefone.

Assim que acontecer a convocação para entrevista na empresa, o importante é


visitar o site e informações sobre a companhia. Não só para demonstrar que você se
interessou em saber mais sobre a empresa e conhece o negócio, como também
para descobrir se a empresa é realmente idônea e merece o seu empenho,
dedicação e trabalho. Avalie a oportunidade com muito cuidado, e não aceite a
primeira proposta só porque você está desempregado ou quer sair da atual
empresa.

ANTES DA ENTREVISTA

A ansiedade e preocupação são tipos de sentimentos que atrapalham muito neste


momento. O importante é manter a calma e se preparar para não ser pego
desprevenido.
SEGUEM ALGUMAS DICAS...

• Atualize seu currículo – verifique se todas as informações estão corretas


(residência atual, dados do último emprego, cursos recentes realizados,
início ou conclusão de cursos de graduação ou pós-graduação, e outras
informações valiosas). Faça uma revisão da gramática e concordância verbal.
Erros de português são muito mal vistos.

• Faça um planejamento – treine o que você deve dizer ao entrevistador para


que sua imagem seja “vendida” de forma transparente e natural, sem que
pareça algo forçado e previamente programado.

• Ter uma boa noite de sono – você estará mais atento, animado e descansado,
o que é bom para a aparência e para a mente.

• Não coma alimentos fortes nem em lugares suspeitos - A entrevista é um


momento que normalmente deixa a pessoa nervosa. Um dos principais
sintomas é ter dor de barriga, portanto não estimule este mal.

• Imprima um currículo - Mesmo que você já tenha enviado o documento por


e-mail, é recomendável levar outro para o selecionador. Ele pode não estar
com o documento em mãos e poderá requisitar no início da entrevista.

• Separe a roupa do dia seguinte com antecedência – organização e


planejamento são fundamentais, imprevistos acontecem e ter tempo para se
reprogramar é fundamental para o plano dar certo.

• Investigue o caminho que você vai precisar fazer para chegar à empresa e
quanto tempo leva - Se você não conhece muito bem o lugar, procure sair de
casa com 1 hora e meia de antecedência. Caso acontecer algum imprevisto e
você se perder, não correrá o risco de chegar atrasado.
CHEGOU O DIA DA ENTREVISTA

• Chegue de 10 a 15 minutos antes do horário combinado.


Chegar muito antes também não é saudável.

• Não fale mal do seu emprego anterior. Tenha discrição para contar fatos que
não foram satisfatórios para você. A sabedoria é escolher a forma correta de
se colocar sem deixar a verdade de lado.

• Trate educadamente todas as pessoas que você falar na empresa, não só o


selecionador. Você é observado pelos funcionários desde o momento que
colocou os pés na companhia, portanto seja agradável. Cuidado para não
ficar íntimo demais: evite gracinhas do tipo "meu anjo", "querida (o)",
"amiga (o)", etc.

• Evite fumar, mascar chicletes, roer unhas e olhar demais no relógio enquanto
aguarda a sua vez. São comportamentos ansiosos que podem ser
controlados.

• Desligue o celular ou coloque no silencioso assim que chegar à empresa.

• Saiba o nome e cargo exato do entrevistador. Chamar o profissional pelo


nome deixa o clima mais harmonioso e amigável.

• Reserve tempo suficiente para a entrevista. Não agende mais do que dois
processos por dia, e se você estiver trabalhando, peça a manhã ou a tarde de
folga. Você pode ter que passar por uma dinâmica de grupo, que
normalmente demora pelo menos 2 horas. O importante é investigar
antecipadamente quanto tempo ficará na empresa, para disponibilizar o
período necessário, sem ficar preocupado com o horário devido existirem
outros compromissos agendados.

• Demonstre autoconfiança, motivação, entusiasmo e disposição em conseguir


a vaga e começar a trabalhar. Não se sinta menosprezado e nem haja como
se você estivesse "medingando" um emprego. Da mesma forma que você
precisa trabalhar o empregador também precisa dos seus serviços e do seu
conhecimento.

• Durante a entrevista, reflita bem antes de responder. Não se precipite, mas


também não enrole, procure ser objetivo. Não dê respostas monossilábicas,
como "sim", "não" e "é". Argumente, interaja com o selecionador. O maior
beneficiado será você.
Tudo o que você não deve fazer na entrevista
1. Não minta e não omita informações - seja sempre transparente e verdadeiro
mesmo que as suas colocações possam comprometer a sua aprovação no
processo seletivo. Lembre-se: é melhor uma verdade dolorida do que uma
mentira que pode causar danos piores. Hoje em dia os recrutadores estão
preparados para fazer perguntas que coloque o sua opinião em dúvida, então fica
mais fácil saber se você está declarando algo em falso.
2. Não represente um papel, nem tente parecer algo que você não é. Procure
transparecer o seu “eu” naturalmente, sem forçar uma personalidade que não é
real. Atualmente os testes psicológicos conseguem informar com precisão dados
significativos da sua personalidade. Uma vez entrando em desacordo com o que
você disse, pode gerar dúvidas na decisão por empregá-lo.
3. Não dê repostas prontas - nada pior do que um candidato estático, que parece
mais uma máquina do que um ser humano. É válido ser natural e manter a
tranquilidade em todo o momento. Segurar uma caneta na mão, um elástico ou
qualquer outro objeto de pequeno porte, pode ajudar a se tranquilizar.
4. Não use gírias, brincadeiras de baixo calão e palavrões na entrevista, por mais
informal que seja o entrevistador, você não sabe como será o profissional a quem
irá se reportar. Muito cuidado com isso!
5. Não se coloque muito íntimo do entrevistador. A relação entre vocês é
meramente profissional, por isso exclua os tapinhas nas costas, piadas e gracinhas.
Procure tratar o momento com formalidade e objetividade. Reações cenestésicas
como por exemplo toques ou colocar a mãos nos ombros dos outro, são
indesejadas para o momento.
6. Não ignore perguntas ou mude de assunto de repente. Se você não sabe a
resposta para determinada questão, a melhor coisa é não inventar respostas ou
tentar fugir. Fale a verdade, diga que não tem muito conhecimento sobre esse
assunto e prefere não opinar.
7. Não fique arrumando desculpas ou culpados para as possíveis falhas que
possam existir em sua carreira. Se o selecionador perguntar porque você saiu do
último emprego e você foi demitido, coloque isso para o selecionador e explique
as razões com naturalidade, como um fato que poderia acontecer com qualquer
um.
8. Não vá embora sem ter esclarecido todas as suas dúvidas sobre a vaga, suas
futuras responsabilidades e metas propostas pela oportunidade. Caso o
selecionador não comente sobre salário e benefícios, é coerente questionar e
anotar as informações para futura reflexão e definição.
COMO SE VESTIR PARA UMA
ENTREVISTA (PROCESSO SELETIVO)

Vestir-se adequadamente, apresentar-se bem para uma entrevista, significa


preocupação com a autoimagem e principalmente em conseguir a proposta
desejada.

Algumas dicas sobre o vestuário e higiene pessoal são de grande importância para
melhorar a aparência e causar uma boa impressão:

Mulheres: Utilizar perfumes discretos e maquiagem suave. Saiba que tudo em


excesso faz mal. Roupas insinuantes, como saias curtas, decotes avantajados ou até
muito apertadas e com cores chamativas não são aconselháveis, podem colocar
tudo a perder. Um terninho de cores neutras (tons de cinza, azul claro, preto ou
bege), cai muito bem. Geralmente a cor dos sapatos deve combinar com a cor da
bolsa e do cinto. Não é aconselhável utilizar sandálias para ir a entrevistas. As unhas
devem estar feitas e pintadas com esmalte claro. Os cabelos preferencialmente
presos. Caso conseguir mantê-los soltos, porém arrumados, não há problema.

Homens: Aconselhável terno nas cores cinza, preto ou azul-marinho. A camisa


preferencialmente branca e os sapatos sempre combinando com a cor do terno,
bem como o cinto. A gravata não deve apresentar temas de personagens, deve ser
discreta e com tonalidades alinhadas com a cor do terno. Barba e unhas feitas,
cabelos bem cortados é essencial. Também é importante engraxar os sapatos, para
causar a impressão de serem novos ou que estão limpos. O perfume deve ser suave
e discreto.

LEMBRE-SE: VOCÊ TEM APENAS UMA CHANCE


Lembre-se PARA CAUSAR UMA BOA IMPRESSÃO.
APROVEITE A OPORTUNIDADE.
COMO SE COMPORTAR EM UMA
ENTREVISTA – LINGUAGEM
CORPORAL

O modo de andar, sentar, olhar, a posição da cabeça, gestos, postura e vestuário são
observados através da linguagem, que mesmo sendo universal não é tão conhecida
e valorizada como deveria.

Alguns gestos são muito sugestivos, como descrevemos abaixo:

Um sorriso envia uma mensagem especial, de satisfação em vê-lo, prazer em


compartilhar um momento. O sorriso pode indicar que você está aberta a novos
conhecimentos e que eles são bem vindos a você.

Entrar na sala com postura reta, cabeça erguida, olhando nos olhos do
entrevistador, sugere confiança e segurança em relação às metas de vida. Olhar nos
olhos de forma constante pode demonstrar atenção ao que está sendo dito, mas
isto não significa que seus olhos não podem desviar-se uma vez ou outra. Olhar
cabisbaixo denota decepção e tristeza, levantar as sobrancelhas indica dúvidas.
Olhar para os lados significa que você está pensando, não entendeu ou não
concorda com o que está sendo proposto.

O entusiasmo dá maior importância e vitalidade ao que você está dizendo. Porém,


cabeça muito empinada pode significar sentimentos de superioridade ou indicação
de que está precisando se defender de alguma coisa.

Os gestos transmitem entusiasmo e dão maior ênfase à conversa – o importante é


não cruzar os braços para sinalizar que você está aberto a novas colocações. O
candidato deve sentar com a postura ereta, plantas dos pés no chão, gesticular as
mãos em alguns momentos (não sempre, torna-se indesejável), por fim, não apoiar
o cotovelo na mesa e as mãos na cabeça, pode ser interpretado como relaxado e
desinteressado.
Alguns maneirismos também não são bem vistos pelos entrevistadores. Olhar
muito no relógio poderá ser interpretado como impaciência e pressa para fazer
outra coisa, não estando tão envolvido no momento; bocejar, brincar e fazer
barulhos com pulseiras, anéis ou caneta poderá sinalizar ansiedade e
impaciência.

Observação: se você utiliza relógios vinculados com telefones, é preferível não


colocar no dia da entrevista pois tiram a atenção e dá a impressão de desinteresse
pelo momento.

Procure desenvolver uma linguagem corporal que revele você como uma pessoa
confiante, atenciosa, de fácil acesso e capaz de resolver qualquer problema.

Indicação de leitura: O Corpo Fala


Este livro é encontrado nas principais livrarias de SP.
O QUE FAZER QUANDO PARTICIPAR
DE UMA DINÂMICA DE GRUPO

O primeiro passo é não mostrar resistência logo no princípio. Ao ser convocado para
um “processo seletivo”, o melhor a fazer é anotar o horário, endereço e telefone do
local. Muitas vezes devido à ansiedade de conseguir um emprego, os profissionais
acabam esquecendo de anotar o telefone e na impossibilidade de comparecimento,
não tem como avisar o entrevistador e remarcar. Esta situação poderá insinuar
“despreocupação” e “desinteresse” por parte do candidato, não havendo como
consertar o erro posteriormente.

Muitos candidatos ainda na ligação questionam perguntas indesejáveis, como por


exemplo: Será uma dinâmica ou apenas entrevista? Quantos candidatos irão
participar do processo seletivo? Quais características de personalidade serão
avaliadas? Estas questões geram sentimentos no entrevistador, de falta de bom
senso e ética profissional.

A única questão que deve ser feita é:


Qual será o tempo de duração desta seleção?
Esta pergunta o ajudará a programar a sua rotina do dia.
Durante a dinâmica, preste atenção nos seguintes aspectos:

Demonstrar iniciativa, porém sem parecer agressividade.

Cuidado com a comunicação. Você pode parecer invasivo e não deixar espaço para
o outro se expor, gerando desconforto frente aos outros participantes.

Seja objetivo na sua apresentação pessoal. Geralmente nas dinâmicas estão


presentes um número elevado de participantes, sendo assim, se cada um ficar
mais de 15 minutos falando, o processo ficará muito demorado e as pessoas
começarão a ficar impacientes.

Tenha autoconfiança, não demonstre sentimentos de insegurança. Saiba expor


suas ideias com coerência, de forma centrada e focada. Procure não dispersar do
assunto, para que a meta estabelecida pela selecionadora, seja cumprida no
tempo certo e com as respostas assertivas.

No fechamento das atividades procure expor suas opiniões, sempre se voltado


para a atividade e nunca para outros participantes, culpando-os por alguma razão
caso a atividade não tenha gerado o resultado esperado por você.
DICAS PARA ELABORAÇÃO
CURRICULAR

Currículo - Ferramenta de Marketing Pessoal

Ser objetivo.
Dar informações claras, precisas, coerentes e atualizadas.

NOME COMPLETO (caso o currículo tenha mais de uma página insira a informação
no cabeçalho para aparecer automaticamente em todas as folhas)
Nacionalidade, estado civil, nascido em (data).
Endereço, bairro, cidade, estado, CEP.
Tel. fixo / celular ou de recados - e-mail

Objetivo: Cargo Pretendido (Áreas ou cargo da vaga anunciada)

Qualificações e Resultados
Resumo profissional.
Citar resultados e realizações (procurar quantificar em porcentagem ou valores
aproximados), participação em projetos, responsabilidades, histórias de sucesso,
clientes atendidos, conhecimentos, sistemas, programas de informática,
habilidades, pontos fortes, diferenciais...
Priorizar dados relevantes ao cargo oferecido.

Histórico Profissional
Nome da última empresa
Cargo (mês/ano - atual)

Formação
Nome do curso - Nome da Faculdade - Ano de Conclusão.
Cursos
Nome, entidade e data (somente os relevantes para seu objetivo).

Idiomas
Idioma - fluente, avançado, intermediário ou básico

Revisar várias vezes para evitar erros de português e digitação.


Pedir para alguém revisar também.

Imprimir com boa qualidade.


Manter o currículo atualizado.
Adequar o currículo à vaga pretendida desde que atenda aos requisitos.

Somente caso a empresa solicite :


1) Pretensão salarial. Na Internet é importante colocar para você e o selecionador
não perderem tempo

2) Foto

3) Carta de apresentação (mini currículo). Coloque o que a empresa procura logo


nas primeiras linhas mas seja realista.

Ex. : Tenho grande interesse na vaga tal e nesta conceituada empresa. Quanto aos
requisitos do cargo, sou formado em xxx, tenho xxx anos de experiência na área,
inglês avançado, usuário de microinformática e disponibilidade para viagens. Além
de tais resultados xxx que comprovam meus diferenciais xxx.

Opcional e no final do currículo :


Serviço voluntário, hobby, viagens e características pessoais (habilidades).

Este é um modelo de currículo e talvez não seja necessariamente este formato


ideal para você. É importante consultar um especialista para ter esta informação
com maior precisão.
10 DICAS PARA SE SOBRESSAIR NO
MUNDO MODERNO E ATINGIR A
QUALIDADE TOTAL COMO SER
HUMANO
1. Tenha confiança em si mesmo. Este é o primeiro passo, pois a partir dele você
conseguirá trilhar pela estrada do sucesso e da transformação, tirando seu
melhor proveito. Valorize-se!

2. Cuide de sua aparência e comunicação. Além de fazer bem a você, causará uma
boa impressão às outras pessoas.

3. Seja bom ouvinte. Valorize o tempo que passa com as pessoas. Dê-lhes
atenção, ouça o que dizem e também seus corações, pois assim terá uma
melhor compreensão dos acontecimentos, tendendo a não julgar pessoas
apenas pelos fatos.

4. Atualize-se constantemente. Vivemos na era da informação, portanto, busque a


melhor forma de estar sempre atualizado com sua área de interesse, sejam
através de cursos, livros, viagens, redes de relacionamentos, e outras vias de
contatos.

5. Dedique-se de coração, corpo e alma em um projeto, mas mantenha-se aberto


para outros.

6. Cada pessoa é diferente; Aceite essa diversidade e aprenda a desfrutá-la. Tire


proveito do que os outros tem de bom a lhe oferecer, percebendo mais os seus
valores e crenças. Aprendemos muito ouvindo os outros, mesmo que seus
pensamentos sejam diferentes dos nossos.

7. Esteja preparado para a mudança. Entender a realidade e estar pronto para


quebrar os paradigmas é essencial para não deixar-se levar pela acomodação e
pela rotina.
8. Desenvolva seu marketing pessoal e networking (rede de contatos). As pessoas
bem sucedidas sabem utilizar estas ferramentas para alavancarem o próprio
crescimento profissional e pessoal.

9. Esteja feliz. Tenha prazer no que faz e faça com prazer.

10. Este espaço é seu! Pense em algo que realmente o diferencia dos demais, o
torna especial que faz com que as pessoas lembrem-se de você, gostem de
ficar ao seu lado. Junte estas características e habilidades aos outros passos
apresentados acima e atinja o sucesso!

Faça um desenho aqui de algo que faz você feliz J