Você está na página 1de 53

VITAMINAS

Professora MSc. Telma Lélia Gonçalves Schultz de Carvalho

Santarém
2018
VITAMINAS MAIS IMPORTANTES
VITAMINAS
 Elementos nutritivos essenciais para a vida (VITA), que na sua
maioria possuem na sua estrutura compostos nitrogenados
(AMINAS).
 Vitamina: qualquer substância orgânica que não consegue ser
produzida por uma determinada espécie e que são necessárias ao
organismo.
 São necessárias em pequeníssimas quantidades para manter o bom
funcionamento do organismo
 COFATORES ENZIMÁTICOS
 Ligam-se às enzimas inativas (apoenzimas), transformando-as em
enzimas ativas (holoenzimas)
DESCOBERTA DAS VITAMINAS
 Época das grandes navegações
 Dieta pobre dos marinheiros, baseada em biscoitos secos e carne salgada
 Após algumas semanas  fraqueza, hemorragias, desatenção e até
mortes
 Poucos dias em terra firme, alimentando-se de frutas e verduras frescas
 sintomas rapidamente desapareciam
DESCOBERTA DAS VITAMINAS
 Escorbuto: doença comum entre os marinheiros
 Sangramentos nasais e nas gengivas

 Ingestão de laranja e limão para evitá-lo

 Lei da marinha inglesa: obrigatória a ingestão dessas frutas

 Hoje sabe-se que o escorbuto é causado pela deficiência de vitamina


C ou ácido ascórbico
DESCOBERTA DAS VITAMINAS
 Beribéri: doença comum em navios chineses e japoneses  “Não
posso, não posso!!”
 Fraqueza para levantar-se do leito  enfraquecimento da
musculatura que pode levar a total paralisia
 Prevenção pela simples ingestão de vegetais, carnes, leite e arroz
integral, alimentos que contém a vitamina B1 ou tiamina
TERMO VITAMINA
 Como a vitamina B1 ou tiamina é uma substância do grupo
das aminas (grupamento NH2) e evitava o beribéri, ela era
chamada de “amina vital”.
 Mais tarde foram descobertas outras substâncias nutricionais
orgânicas que, em pequenas quantidades, eram necessárias ao
organismo, mas que não eram aminas.
 O termo “vitamina” já estava consagrado e seu uso foi mantido
para todas essas substâncias.
FONTES DE VITAMINAS
 As fontes naturais são os alimentos.
 Administração exógena (injeção ou via oral), na forma de
medicamentos prescritos por médicos para eliminar
deficiências vitamínicas (avitaminoses), geralmente causadas
por uma dieta pobre ou desbalanceada.
 Por aproveitamento das vitaminas formadas pela microbiota
intestinal.
CUIDADOS COM OS ALIMENTOS
 Para não perder seu valor vitamínico é preciso ter alguns cuidados:
 Algumas vitaminas são facilmente destruídas pelo calor ou pela
exposição ao oxigênio.
 Alimentos crus ou levemente cozidos em água ou vapor preservam o
conteúdo vitamínico, sendo seu consumo recomendado.
 Frutas, verduras e vegetais para saladas só devem ser cortados no
momento de serem servidos, para evitar a oxidação de suas vitaminas
pelo ar.

 As doenças causadas por falta de vitaminas são chamadas


AVITAMINOSES e são classificadas como doenças carenciais.
CLASSIFICAÇÃO DAS VITAMINAS
 De acordo com sua solubilidade se dividem em:

 Lipossolúveis e Hidrossolúveis.
 Hidrossolúveis (Vitamina C e Vitaminas do

Complexo B): B1; B2; B3; H; B5; B6; B9; B12 e C.

 De origem vegetal ou animal.

 Dissolvem-se na água (apolares; hidrofílicas; hidrossolúveis).

 Facilmente absorvidas.

 São pouco armazenadas no organismo e seu excesso é eliminado


pela urina (raramente atinge níveis tóxicos).

 Ingestão diária acaba sendo necessária.

 Atuam como coenzimas.


CLASSIFICAÇÃO DAS VITAMINAS
 Lipossolúveis (KEDA):

 Normalmente de origem animal


 Dissolvem-se nos lipídios (apolares, lipossolúveis; lipofílicas e
hidrofóficas).
 Absorção intestinal.
 Seu excesso é armazenado no tecido adiposo e no fígado  pode
provocar problemas se em excesso (hipervitaminose).
 Não são necessárias diariamente por serem acumuladas
 Vitaminas A, D, E e K (KEDA).
VITAMINA A1 (RETINOL)
 Lipossolúvel
 Funções no organismo:
 Mantém saudáveis a pele e as mucosas  proteção contra infecções
 Desenvolvimento da retina  bom funcionamento da visão

 Avitaminose (carência)
 Infecções recorrentes
 Cegueira noturna e xeroftalmia (olhos secos)  podem levar à
cegueira definitiva

 Principais fontes:
 Vegetais amarelos contém β-caroteno que será convertido em
vitamina A no fígado
 Fígado, manteiga e gema de ovo contém a vitamina A pronta
IMPORTÂNCIA DO RETINOL OU VITAMINA A

Desenvolvimento da visão

Mantém saudáveis a pele e as mucosas

Desenvolvimento dos ossos e dentes


VITAMINA B1 OU TIAMINA
 Hidrossolúvel
 Funções:
 Auxilia na respiração celular  conversão de glicose em energia
 Mantém o tônus muscular e o bom funcionamento do sistema nervoso

 Avitaminose (carência)
 Beribéri
 Perda do apetite
 Fadiga muscular

 Principais fontes:
 Cereais integrais, pinhão
 Feijão, Leite
 Fígado, peixe
 Carnes magras, pão
FUNÇÕES DA TIAMINA OU VITAMINA B1

• Conversãode energia nas


células

• Mantém saudáveis o
sistema nervoso e
cardiovascular

• Mantém o tônus muscular


VITAMINA B2 OU RIBOFLAVINA
 Hidrossolúvel
 Funções no organismo:
 Auxilia na respiração celular
 Mantém a tonalidade saudável da pele
 Atua na coordenação nervosa e na produção de células sanguíneas

 Avitaminose (carência)
 Ruptura da mucosa da boca, lábios, língua e bochechas
 Inflamação da conjuntiva ocular

 Principais fontes:
 Carnes magras
 Ovos, Leite
 Fígado
 Vegetais em folha
FUNÇÕES DA RIBOFLAVINA OU VITAMINA B2

Também auxilia na respiração


celular

Pele saudável

Produção de células sanguíneas


VITAMINA B3 OU NIACINA
 Hidrossolúvel
 Funções no organismo:
 Mantém o tônus muscular e o bom funcionamento do sistema digestório
 Atua na coordenação nervosa

 Avitaminose (carência)  PELAGRA


 Fraqueza
 Nervosismo extremo
 Distúrbios digestivos (diarréias)
 Feridas na pele

 Principais fontes:
 Carnes magras
 Ovos, Leite
 Fígado
FUNÇÕES DA NIACINA OU VITAMINA B3

Também auxilia na respiração


celular

Sistema nervoso saudável

Pele saudável

Sistema digestório saudável


VITAMINA B6 OU PIRIDOXINA
 Hidrossolúvel
 Funções no organismo:
 Atua na respiração celular
 Mantém as funções nervosas
 Auxilia na formação das hemácias

 Avitaminose (carência)
 Doenças de pele
 Extrema apatia
 Distúrbios nervosos

 Principais fontes:
 Cereais integrais, pão
 Fígado
 Leite, Ovo
 Carnes magras, peixes
FUNÇÕES DA PIRIDOXINA OU VITAMINA B6

• Atua na respiração celular

•Manutenção da função
cerebral

• Formação de hemácias

• Digestão de proteínas

• Síntese de anticorpos
VITAMINA B9 OU ÁCIDO FÓLICO
 Hidrossolúvel
 Funções no organismo:
 Síntese das bases do DNA
 Multiplicação celular  importante na gravidez

 Avitaminose (carência)
 Esterilidade masculina
 Mal formação fetal  espinha bífida
 Obrigatório adição na farinha de trigo

 Principais fontes:
 Vegetais em folha e frutas
 Cereais integrais
 Frutos do mar
 Produção por bactérias da flora intestinal
FUNÇÕES DO ÁCIDO FÓLICO OU VITAMINA B9

Auxilia na síntese do DNA e


multiplicação celular
Aumenta a
produção de
hemácias

Auxilia na digestão e
utilização das proteínas
FALTA DE ÁCIDO FÓLICO NA GRAVIDEZ

Importante para
evitar a espinha
bífida ou
mielomeningocele
VITAMINA B12 OU CIANOCOBALAMINA
 Hidrossolúvel
 Funções no organismo:
 Renovação celular
 Maturação das hemácias
 Síntese de nucleotídeos

 Avitaminose (carência)
 Anemia perniciosa  poucas hemácias
 Distúrbios nervosos

 Principais fontes: origem animal somente


 Carne, frutos do mar
 Ovo
 Leite e derivados
FUNÇÕES DA CIANOCOBALAMIDA OU VITAMINA B12

• Renovação celular
Cérebro
• Maturação das hemácias

• Bom funcionamento do
Medula sistema nervoso central
Espinhal

Maturação das
hemácias
VITAMINA C OU ÁCIDO ASCÓRBICO
 Hidrossolúvel
 Funções no organismo:
 Mantém a integridade dos vasos sanguíneos e auxilia na formação de
colágeno  manutenção da pele e gengivas
 Previne infecções (discutível)

 Avitaminose (carência)
 Escorbuto
 Insônia e nervosismo em crianças; cansaço e apatia em adultos
 Alterações gengivais e dentárias
 Dores nas articulações

 Principais fontes:
 Laranja, limão, goiaba, acerola, kiwi, tomate, caju, morango...
 Couve e Repolho
FUNÇÕES DO ÁCIDO ASCÓRBICO OU VITAMINA C

• Auxilia no sistema
imunológico

• Mantém saudáveis e
íntegros os vasos sanguíneos

• Conserva saudáveis os
tecidos conjuntivos por
produção de colágeno

• Auxilia na absorção de
ferro
ESCORBUTO  DEFICIÊNCIA DE VITAMINA C

• Anemia

• Hematomas

• Sangramento nas
gengivas

• Dentes “amolecidos”
VITAMINA D OU CALCIFEROL
 Lipossolúvel
 Não é encontrada pronta nos alimentos. A pré-vitamina D é convertida
em vitamina D por ação da radiação solar  Importante tomar sol na
infância
 Funções no organismo:
 Facilita a absorção de cálcio e fósforo no intestino  formação correta de ossos e
dentes

 Avitaminose (carência)
 Raquitismo  ossos fracos e mal formados

 Principais fontes da pré-vitamina D:


 Óleo de fígado de bacalhau
 Fígado, Leite
 Gema de ovo, cereais
 ALIMENTOS RICOS EM GORDURA
FUNÇÕES DO CALCIFEROL OU VITAMINA D

Aumenta a absorção de
cálcio e fósforo para a
formação dos ossos e
dos dentes
RAQUITISMO  DEFICIÊNCIA DE VITAMINA D

A deficiência de calciferol ou a falta


de exposição ao sol leva à pouca
absorção de cálcio  mal formação
dos ossos
VITAMINA E OU TOCOFEROL
 Lipossolúvel
 Funções no organismo:
 Promove a fertilidade e previne o aborto  importante na gravidez
 Antioxidante: atua na remoção de radicais livres do oxigênio, que causam
o envelhecimento precoce, doenças do coração e outros problemas.

 Avitaminose (carência)  difícil de ocorrer


 Esterilidade masculina
 Aborto

 Principais fontes:
 Milho, nozes, abacate
 Leite
 Alface e outras folhas, azeitona
 Óleos de amendoim e de germe de trigo, margarina
FUNÇÕES DO TOCOFEROL OU VITAMINA E

Protege células e tecidos de danos


derivados da oxidação
Aumenta a formação de hemácias e a
utilização da vitamina k
Mantém saudável o sistema
cardiovascular
VITAMINA K OU FILOQUINONA
 Lipossolúvel
 Funções no organismo:
 Coagulação sanguínea

 Avitaminose (carência)
 Hemorragias recorrentes

 Principais fontes:
 Vegetais em folha
 Tomate
 Amêndoas e castanhas
 Produzida por bactérias da flora intestinal
FUNÇÃO DA FILOQUINONA OU VITAMINA K

Auxilia na
coagulação
sanguínea,
evitando assim
hemorragias
Bioquímica Celular
:: Resumo Geral das Vitaminas ::
Nome Nome Fontes Carência
genérico Químico
Beribéri
H Vitamina B1 Tiamina Cereais, carnes, (Problemas neurológicos e
I vegetais dificuldades
respiratórias)
D
R Vitamina B2 Riboflavina Carnes, ovos e Dermatite
O vegetais
S Pelagra – Doença dos 3
S Vitamina B3 Niacina Carnes, ovos e Ds
O ou PP laticínios Dermatite, Demência e
Diarréia
L
Ú Vitamina B6 Pirodoxina Carnes, cereais, ovos Cansaço, metabolismo
V e laticínios baixo, distúrbios nervosos
E Vitamina B9 Ácido Fólico Carnes, ovos, frutas e Anemia
I cereais.
S Vitamina B12 Cobalamina Carnes, ovos e Anemia Perniciosa
laticínios
Bioquímica Celular
:: Resumo Geral das Vitaminas ::
Nome Nome Fontes Carência
L genérico Químico
i
Legumes, frutos e vegetais Xeroftalmia
p
Vitamina A Retinol folhosos (Ressecamento da
o
retina)
S
Cegueira noturna
S
O Carnes, ovos e laticínios Raquitismo
L * Alimentos contém
Vitamina D Calciferol precursor que se
Ú
transforma em vitamina D
V
quando exposto aos raios
E
ultravioleta
I
S Vitamina E Tocoferol Carnes, ovos e laticínios Esterilidade Masculina

Vitamina K Filoquinona Vegetais em geral Hemorragias


Vitaminas Forma ativa Função Necessi- Fontes
bioquímica e dades diárias
Hidrossolú-veis
carência
Coenzima na Sementes e
Tiamina- descarboxilação grãos de cerais,
B1 TIAMINA 2 mg/dia
Pirofosfato (TPP) oxidativa de a – vísceras, carnes, ovos
cetoácidos. Beribéri e leite
B2 Componente Coenzima de 3 mg/dia Cerais,
RIBOFLAVINA de FAD transferência de H. Vegetais verdes,
Dermatite. vísceras, carne e leite
B3 Componente Coenzima de 20 mg/dia Carnes, ovos,
NICOTINAMIDA do NAD e NADP transferência de fígado, grãos de
(PP) hidrogênio. Pelagra. cerais e leite.
B5 ÁCIDO Componente Transferência de 10 mg/dia Fígado, ovos,
PANTOTÊNICO da Co-A grupos acil e acetil. carnes, leite e
(formação dos verduras.
lipideos). Anemia.
B6 Piridoxal Transaminação e 2 mg/dia Sementes e
PIRIDOXINA Fosfato (PALP) descarboxilação de grãos de cereais,
aminoácidos. carne, víscera, ovos e
Distúrbios nervosos leite
Vitaminas Forma Função Necessidades Fontes
ativa bioquímica diárias
Hidrossolúveis

B12 Coenzima Cofator de 5ug/dia Vísceras e


Cianocobalamina B12(desoxiadeno reações de metilação. carnes
sil-cobalamida) Anemia perniciosa.
Degeneração do
SNC.

BIOTINA (H) Biocitina ou Transporte de 0,25mg Sementes e grãos


Biotinilisina grupos CO2 em processos /dia de cereais, carne,
carboxilantes. Problemas víscera, ovos e leite
cutâneos.
ÁCIDO FÓLICO Ácido Transferência de 0,4 Levedura e
tetrahidrofólico grupos formil (síntese de mg/dia vegetais verdes, carnes e
(B9) nucleotídeos). Anemia ovos.
(THF) megaloblástica. Problemas
no fechamento do tubo
neural (espinha bífida).
VITAMINA C Não precisa Cofator em reações 60 Frutas cítricas
ÁCIDO ASCÓRBICO ser ativado para de hidroxilação. Formação mg/dia
exercer sua de colágeno. Anti-
função oxidante. Escorbuto.
Vitaminas Forma ativa Função Necessida- Fontes
bioquímica e des diárias
Lipossolúveis
carência
VITAMINA A 11-cis- Regula o ciclo visual 5.000 Leite, manteiga,
RETINOL retinal através da formação de UI/dia queijo, óleo de fígado de
Rodopsina a partir da bacalhau, frutas e
opsina. Xeroftalmia. vegetais ricos em
Problemas dermatológicos carotenos
VITAMINA D 1,25 Regula a 400 Exposição da pele
diidroxi- concentração de cálcio UI/dia a luz solar, leite, queijo,
COLECALCIFER colecalciferol (D3) plasmático. Raquitismo. manteiga, óleo de fígado
OL de bacalhau, óleos
vegetais
VITAMINA E a - Não precisa Antioxidante protetor 30
TOCOFEROL ser ativado para dos lipídios insaturados. UI/dia
exercer sua Esterilidade. Atrofia dos Óleos vegetais.
função músculos. Ovos e carnes.
VITAMINA K 2- Não precisa Síntese hepática da 1 Vegetais folhosos,
metil-1,4- ser ativado para protombina e fatores VII, mg/dia flora bacteriana intestinal,
naftoquinoina exercer sua IX e X da coagulação fígado.
funçào sanguínea. Sangramento.
MAPA MENTAL
MAPA MENTAL

Você também pode gostar