Você está na página 1de 1

Como funcionam os Refrigeradores?

Todo mundo tem em casa aquele famoso aparelho onde a comida é armazenada e resfriada.
Entretanto, como o "refrigerador" refrigera?
Um refrigerador funciona sobre dois conceitos científicos. O primeiro é simples: é o
fenômeno físico da convecção térmica do ar que está dentro da geladeira. Repare que, no caso das
geladeiras convencionais, o congelador fica sempre na parte superior. No compartimento que
realmente chamamos de "geladeira", logo abaixo, existe uma outra placa que também fica na parte
superior.
Esta posição dos componentes não é por acaso. Ela foi definida pelo conceito de convecção
térmica dos gases. De acordo com esse conceito, o ar frio torna-se mais pesado, tende a descer e o ar
quente, mais leve, tende a subir. Assim, o ar quente que sobe é resfriado pela placa e o ar frio que
desce ganha calor na parte inferior da geladeira. Então, ar frio volta a descer e o ciclo se repete.
E como existe uma pequena, porém sensível, diferença de temperatura entre as partes
superior e inferior da geladeira, a gaveta para legumes e verduras é colocada na parte inferior, cuja
temperatura é sempre ligeiramente mais alta. Já a parte superior é destinada a bebidas, bolos e outros
produtos do gênero. Isso porque as bebidas precisam estar mais geladas, porém as folhas das verduras
podem ser conservadas em temperaturas mais baixas.
Então, dentro da geladeira, o ar mais frio e pesado empurra o ar mais quente e leve para
cima enquanto desce, gerando um movimento repetitivo de circulação - a convecção térmica.
Mas como as placas do congelador e da geladeira se esfriam? É aí que entra o segundo
conceito científico, este um pouco mais complicado. A propagação do calor
O calor é uma forma de energia que passa através dos corpos de acordo com certas leis.
Uma destas leis diz que o calor sempre fluirá de um corpo mais quente para um mais frio e nunca o
contrário, quando estiverem em contato.
Ora, sabemos que colocamos os alimentos na geladeira à temperatura ambiente, e mesmo o
ar interno está inicialmente em equilíbrio com o meio externo. Então, de acordo com a lei de
propagação do calor, o calor dos alimentos flui dos alimentos e do ar para um outro corpo mais frio, a
placa e o congelador.

Mas COMO as placas esfriam!?


As placas são esfriadas pela passagem de certos tipos de gases em finas tubulações. Ao
entrarem em contato com a placa, o calor passa delas para os gases. Isso ocorre da seguinte maneira:
primeiro o gás está liquefeito. Então ele circula por dentro dos tubinhos da geladeira, absorvendo
calor das placas, aquecendo-se e expandindo-se, tornando-se gasoso. É assim que ele absorve o calor
das placas que tinha sido transmitido pelos alimentos.

Mas ainda resta a última parte da coisa: quando o gás se expande, recolhe calor. Mas depois
deve ser novamente liquefeito. Então, a função do motor que fica atrás da geladeira é comprimir
novamente o gás após a expansão, e repetir o ciclo quando necessário.
Quando o gás é novamente comprimido e liquefeito, deve perder o calor que absorveu. E
para onde vai esse calor? Atrás dos refrigeradores existe um trocador de calor - uma grade por onde
passam tubulações de gás comprimido, e muitas pessoas penduram ali suas meias para secar nos dias
de chuva - que devolve ao ambiente externo todo o calor que o gás retirou de dentro da geladeira. Se
não existisse esse trocador de calor, em dado momento teríamos um forno, e não um refrigerador!
O acionamento do motor para compressão e descompressão do gás é feito através de um
aparelho chamado termostato - que é precisamente um regulador automático de temperatura - mas seu
funcionamento já é outra história...

1) Por que o congelador de uma geladeira geralmente fica em cima e não embaixo?
2) Por que a gaveta de frutas e verduras geralmente fica embaixo e não em cima?
3) Como o congelador e as placas são resfriadas?
4) Como o calor dos alimentos absorvido pelo gás da geladeira é eliminado?