Você está na página 1de 8

Boletim do

Venerável D. António Barroso


Director: Amadeu Gomes de Araújo, Vice-Postulador
Propriedade: Associação dos Amigos de D. António Barroso. NIPC 508 401 852
Administração e Redacção: Rua de Luanda, n.º 480, 3.º Esq. 2775-369 Carcavelos
Tlm.: 934 285 048 – E-mail: vicepostulador.antoniobarroso@gmail.com
Publicação trimestral | Assinatura anual: 5,00€

III Série  .  Ano IX  .  N.º 27  .  Abril / Junho de 2019

Homenagem à MISSIONAÇÃO PORTUGUESA


Como bem recordamos, no ano nário, e Dia Mundial das Missões. Com
passado ocorreu o centenário da mor- D. Manuel Clemente, que presidirá, es-
te de D. António Barroso, declarado tarão presentes todos os bispos por-
Venerável por Decreto de 16 de Maio tugueses e alguns dos mais altos repre-
de 2017. Neste contexto, a Postulação sentantes da nação. Assim esperamos.
da Causa da Canonização de D. Antó- Iniciámos os trabalhos de cons-
nio Barroso e a Associação dos Amigos trução, orçamentados em cerca de
de D. António Barroso entenderam €100.000 (cem mil Euros), mas, apesar
aproveitar a efeméride para prestar de termos recebido ajudas significativas
pública homenagem ao insigne bispo da Conferência Episcopal Portuguesa e
missionário e para celebrar a memó- da Confederação dos Institutos Reli-
ria de todos os missionários formados, giosos de Portugal, não dispomos ainda
como ele, no Colégio das Missões Ul- de meios que nos permitam concluir o
tramarinas, localizado em Cernache do projecto. E assim tomamos a liberdade
Bonjardim, concelho da Sertã. de recorrer à generosidade de todos
Como já informámos nos números os amigos, admiradores ou devotos de
anteriores deste Boletim, a homenagem D. António Barroso e a todos os que,
constará de um monumento a erguer nos anos da sua juventude frequenta-
em frente ao referido Colégio, que tam- ram aquele benemérito Seminário das
bém foi conhecido como Real Colégio Missões, solicitando-lhes algum apoio
das Missões, e incluirá, além de uma es- financeiro.
tátua do homenageado, um elenco dos Para a recolha das ajudas que te-
nomes dos 320 missionários que foram mos recebido de algumas entidades
ali formados e que prestaram serviço públicas e privadas, solicitámos à So-
nas Missões do Padroado Português. ciedade Missionária da Boa Nova a
Alguns deles por lá morreram e lá ja- abertura de uma conta, junto da Caixa
zem. Heróis anónimos. Como forma de Geral de Depósitos, e que tem as se-
celebrar a sua dedicação à causa missio- guintes referências:
D. António Barroso
nária, todos terão os seus nomes gra- Titular: MISSIONARIOS CERNA-
o missionário da Cruz e da Enxada
vados em bronze sobre mármore. (Ver CHE B JARDIM
www.domantoniobarroso.pt). Estátua em gesso (ainda sem Conta: PT50003503260000656883019
A Conferência Episcopal Portuguesa cruz nem enxada…) na fundição A Sociedade Missionária da Boa
de V. N. Gaia, à espera do bron-
apoiou a iniciativa desde a primeira hora ze... Será um elemento prepon- Nova enviará recibo para efeitos fiscais
e estará na inauguração que ocorrerá derante no monumento que está a quantos enviem donativos. Obrigado.
pelas 16:30 do dia 20 de Outubro p.f., a ser construído para homena- Amadeu Gomes de Araújo (Vice-Pos-
gear a missionação portuguesa
data do encerramento do Ano Missio- tulador)

Fundador: Pe. António F. Cardoso


Design: Filipa Craveiro | Alberto Craveiro
Impressão: Escola Tipográfica das Missões - Cucujães - tel. 256 899 340 | Depósito legal n.º 92978/95 | Tiragem 2.200 exs. | Registo ICS n.º 116.839 P1
Boletim do Venerável D. António Barroso

PADROADO PORTUGUÊS DO ORIENTE


MISSIONÁRIOS DO
REAL COLÉGIO
——
MISSÕES ONDE
TRABALHARAM
———
ANO DE PARTIDA
Por Amadeu Gomes de Araújo Manuel Castro Afonso

CABO VERDE / GUINÉ: S. TOMÉ E PRÍNCIPE:

António Henriques Seco – (1866)


António Inocêncio dos Santos – (1866)
António Machado Barcelos – (1874)
Augusto Maria Lino da Fonseca – (1866)
Filipe da Silva Pinto Teixeira – (1864)
Hermínio José Quintão – (1895)
João Crisóstomo dos Santos – (1872)
João Estêves Ribeiro – (1895)
João Henriques Nunes de Aguiar – (1866)
João Luís Fernandes de Aguiar – (1872)
Joaquim da Silva Caetano – (1866) S. Tomé. Igreja da Conceição.
José Pinheiro – (1908)
Luciano Leonardo Lobo – (1880) Abreu Freire – (1895)
Luís Salvador do Rosário e Sousa – (1879) Afonso Alves de Sousa – (1899)
Nestor Augusto de Castilho – (1872) Alberto Alves de Sousa – (1899)
Manuel José Farinha – (1883) António Maria dos Reis Arraiano – (1878)
Manuel José Miguel Especioso Fernandes – (1879) António Miranda de Magalhães – (1907)
Marcelino Marques de Barros – (1866) António Vicente Camilo de Sá – (1883)
Miguel Cristóvão dos Santos – (1881) Carlos Augusto Pereira – (1899)
Pedro Paulo Mascarenhas – (1883) Cláudio Manuel Narejão – (1908)
David Luís – (1899)
Dionísio Sebastião Lobo – (1879)
Eduardo Antunes de Oliveira – (1907)
Ernesto Joaquim Coelho – (1895)
Firmino Lopes de Figueiredo – (1881)
Francisco Inácio Estêves – (1895)
Francisco José Fernandes – (1880)
Gaspar Nicolau Constantino de Sousa – (1879)
Jacinto Duarte Neto – (1899)
Jacinto dos Santos Garcês – (1908)
João Batista Quintão – (1890)
João da Cruz Prata – (1899)
Mercado de Bissau. João Ricardo Duarte Fernandes – (1890)

P2
Boletim do Venerável D. António Barroso
Joaquim Luís Álvares – (1878)
Joaquim Martinho da Rosa – (1899)
Joaquim Moita dos Reis Pessoa – (1905)
José António Pereira – (1888)
José Maria Ferreira – (1880)
José do Nascimento da Nazareth – (1881)
José Simões dos Santos Silva – (1880)
Luís José da Silva – (1878)
Manuel Francisco de Campos – (1899)
Manuel Salvador do Nascimento Vaz – (1883)
Manuel da Silva Brandão – (1907)
Manuel Teixeira Bastos – (1899)
Martinho Rocha – (1907)
Sebastião Dias Lopes (1878)
Angola. Igreja de S. Salvador, construída
ANGOLA: por D. António Barroso.

Adelino da Costa e Silva – (1911) Francisco A. Duarte de Miranda – (1907)


Alfredo de Almeida Xavier – (1897) Francisco Afonso Boavida – (1899)
Alfredo Augusto Martins – (1895) Francisco António Cândido – (1911)
Alfredo Farinha Portela – (1911) Diácono Francisco Fontinha – (1907)
Álvaro Augusto do Nascimento Figueiredo – (1902) Francisco Jorge Tomé – (1908)
Anastácio Luís Rosa – (1901) Francisco Xavier Pereira – (1880)
António Abreu Paes Mamede – (1908) Henrique José Reed da Silva – (1880). Bispo
António Barata – (1910) Jaime Afonso Boavida – (1904)
António Cardoso Sampaio – (1909) João Dias Bento da Cunha – (1903)
António Dias – (1902) João José da Silva – (1881)
António Fernandes – (1910) João Lourenço – (1908)
António José de Sousa Barroso – (1880). Bispo João Manuel da Silva – (1904)
António Lopes - (1881) João Maria Fazenda – (1911)
António Luís – (1887) Joaquim Domingues Coelho – (1903)
António Manuel Teixeira – (1908) Joaquim de Jesus da Anunciação Folga – (1880)
António Martins – (1911) Joaquim Martins Tavares – (1891)
António Mendes Salgueiro – (1895) Joaquim Mendes – (1893)
António Moreira Basílio – (1895) Joaquim Mesquita dos Santos – (1907)
António Pedro Martins – (1875) Joaquim Nunes Bernardo – (1883)
António Simão do Rosário Mascarenhas – (1880) Joaquim Pinto de Albuquerque – (1890)
Artur Fortunato Gonçalves Afonso – (1903) José Alves Martins – (1898). Bispo
Augusto Lourenço das Neves – (1899) José António Fidalgo – (1883)
Avelino Simões de Faria – (1899) José António Moreira de Sousa – (1903)
Boaventura dos Santos – (1875) José Lourenço Tavares – (1897)
Cândido da Silva Teixeira – (1895) José Luís Gregório – (1897)
Carlos Ferreira Batista – (1875) José Manuel do Nascimento Teixeira – (1887)
Carlos Francisco Pinheiro – (1902) José Maria Lopes Nogueira – (1907)
Custódio Henriques Farto – (1875) José Maria Pereira Folga – (1883)
Daniel Simões Ladeiras – (1902) José Martins – (1901)
Domingos Romão Boavida – (1895) José Matias Delgado – (1890)
Ernesto Augusto Taborda – (1895) José Miguel Nunes – (1899)
Fabião de Almeida Ribeiro – (1901) José Pereira Mendes – (1901)

P3
Boletim do Venerável D. António Barroso
José Salvado – (1907)
Luís António Pequito – (1892)
Luís Filipe Serra Cavalheiro – (1893)
Manuel Francisco Pessoa da Luz – (1899)
Manuel Joaquim Alves – (1897)
Manuel Joaquim Neto – (1892)
Manuel Maria Fernandes Gata – (1893)
Manuel Pinto de Carvalho – (1911)
Manuel Rebelo – (1907)
Manuel Romão Boavida – (1902)
Mariano António Nicolau de Sousa Tavares – (1880)
Pedro Lourenço Viana – (1899)
Rafael Alves David – (1904)
Sebastião José Alves – (1889)
Moçambique. Igreja da Munhuana
Sebastião José Pereira – (1880). Bispo na ex-cidade de Lourenço Marques.
Tomás de Aquino Alves David – (1903)
Virgílio Marão Cardoso Botelho – (1897) Afonso Pereira – (1892)
Agostinho Custódio da Silva – (1904)
MOÇAMBIQUE: Alberto Barata de Azevedo – (1899)
Alberto Correia Lima – (1910)
Abílio Augusto de Araújo Pontes – (1897) Alfredo Fernandes Alves – (1899)
Abílio Simões Janeiro – (1893) Ângelo Paulo Duarte – (1908)
Acácio Sarmento – (1911) Aníbal Gomes de Paula – (1885)
Aníbal Humberto de Campos – (1911) (?)
António Alves Martins – (1907)
António Aníbal dos Santos – (1911)
António Augusto da Cunha – (1907)
António Augusto de Moraes Fortuna – (1893)
António Dias Simões – (1884)
António Dias da Trindade – (1899)
D. António António Francisco de Campos – (1895)
Barroso, Bispo António de Freitas – (1911)
de Himéria, António Lourenço – (1911) (?)
Prelado de António Lourenço Farinha – (1907)
Moçambique, António Maria Lopes – (1911)
de 21-02-1892 a António Martins da Costa e Silva – (1907)
23-09-1895. António Mateus – (1907)
Espírito António Mendes Cardoso – (1895)
reformador, António Miguel Duarte – (1899)
homem de António do Nascimento Monteiro – (1907)
acção, procedeu António Pedro Ramalhosa – (1899)
a uma revisão António Ribeiro Delgado – (1899)
dos métodos Augusto António Ribeiro – (1907)
de trabalho Augusto de Oliveira Baptista – (1910)
missionário. Augusto Soares Pinheiro – (1892)
Planeou e David Sebastião da Costa – (1899)
criou missões Domingos Barreira Diogo – (1899)
em pontos Domingos de Figueiredo – (1904)
estratégicos. Eduardo Augusto da Cruz – (1907)

P4
Boletim do Venerável D. António Barroso
Eduardo Augusto Quintão – (1892) Manuel Dâmaso Barata de Azevedo – (1897)
Eduardo Mendes Sena – (1899) Manuel Inácio Moraes Machado – (1911) Diácono
Fernando Martins Leitão – (1910) (?) Subdiácono Manuel de Jesus Bento – (1903)
Firmino de Oliveira Dias – (1897) Manuel Joaquim Domingues – (1902)
Francisco António Quintão – (1875) Manuel Marques de Oliveira – (1898)
Francisco Antunes Videira – (1905) Manuel Mendes Rosa – (1897)
Francisco Boavida – (1911) (?) Subdiácono Manuel Monteiro – (1908)
Francisco Cândido de Sousa – (1892) Manuel Pereira da Silva Ribeiro – (1911)
Francisco José da Mata – (1893) Manuel do Sacramento – (1887)
Francisco Manoel de Castro – (1910) Manuel Teixeira de Carvalho – (1911) ?
Francisco Manoel Vaz – (1875) Mário da Silva Baptista – (1911)
Guilherme Nunes Marinha – (1897) Maximiano Rafael Baptista – (1911)
Henrique Manuel Martins Pereira – (1908) Rafael Pereira Duarte – (1897)
Hipólito António Gonçalves – (1905) Salvador Coelho da Silva – (1897)
Jerónimo Emiliano Pires – (1899) Sebastião de Oliveira Brás – (1884)
João António Fidalgo – (1884) Serafim Geraldo da Silva Vilela – (1890)
João Dias – (1909) Diácono. Faleceu
João Dias de Matos – (1899) MACAU / TIMOR:
João do Espírito Santo – (1911)
João José Álvares de Moura – (1899) Alberto Carlos Barroso Pereira – (1881)
João Martins – (1910) (?) Diácono Alberto Cesar do Carmo e Matos – (1894)
João Martins Pinheiro – (1911)
João Miguel Fernandes – (1895)
Joaquim Bernardo Lopes – (1907)
Joaquim da Cruz Boavida – (1907)
Joaquim Maria Quintão – (1880)
Joaquim Marques Rafael – (1904)
Joaquim Rodrigues Ribeiro – (1895)
José Alves da Silva – (1889)
José Antunes Basílio – (1911)
José Brás Matoso – (1907)
José Dias Ferreira Lima – (1895)
José Estêves Canário – (1910)
José Estêves Preto – (1902)
José Joaquim Maria Arraiano – (1875)
José Lopes Rocha – (1895)
José Luís Quintão – (1895)
José Manuel Fernandes Correia – (1889)
José Marques – (1911)
José da Mata Martins – (1897)
José Rosa – (1893)
José Vicente Fernandes do Vale – (1897)
José Vicente do Sacramento – (1893)
Júlio César Machado – (1897)
Justino Maria dos Santos – (1904)
Lino Martins da Silva Araújo – (1884)
Manuel Abreu – (1903)
Manuel de Almeida Júnior – (1908) D. António Joaquim de Medeiros,
Manuel Barata Duarte – (1904) notável bispo missionário de Macau / Timor

P5
Boletim do Venerável D. António Barroso
Anacleto Cotrim da Silva Garcês – (1875) Luís da Mata – (1895)
António Antunes – (1892) Manuel Alves Ribeiro – (1899)
António de Azevedo Bártolo – (1894) Manuel Calisto Duarte Neto – (1895)
António Bernardo – (1894) Manuel Dias – (1901)
António Duarte Neto – (1889) Manuel José Branco – (1876)
António Francisco Ferreira – (1904) Manuel Maria Alves da Silva – (1875)
António Januário de Morais – (1910) Manuel Martins Pereira – (1899)
António Joaquim de Medeiros – (1872). Bispo Manuel de Matos Silva – (1904)
António José Gomes – (1903) Manuel Mendes Laranjeira – (1904)
António Marcelino Moreira – (1883) Manuel Patrício Mendes – (1910)
António Maria Esteves – (1892) Manuel Roseiro Boavida – (1903)
António das Neves – (1911) Sebastião Maria Aparício da Silva – (1875)
António de Pádua Dias da Costa – (1892) Vitorino Lourenço – (1907)
Benjamim Veríssimo da Silva – (1897)
Elias Simões da Silva – (1884) ÍNDIA:
Emídio José Temudo – (1883)
António da Cruz - (1911)
Eugénio dos Santos Freire – (1899)
António Dias de Sousa - (1887)
Firmino Caetano Calafate – (1910) (?)
António Francisco Pera - (1892)
Francisco António Fernandes – (1871)
António Maria Calejo - (1887)
Francisco Fernandes da Silva – (1910)
Augusto Nunes de Almeida - (1899)
Francisco Manuel E. Santo Guerra – (1897)
Basílio Antunes Moreira - (1887)
Francisco Pedro Gonçalves – (1876)
Domingos Bernardino Videira - (1892)
Francisco Xavier de Melo – (1876)
Francisco José de Carvalho Matos - (1892)
Horácio Pereira da Silva – (1907)
Francisco de Sá Marinha - (1895)
Jacinto Colaço Bernardino – (1894)
Jerónimo Dias de Sousa - (1887)
Jacob dos Reis e Cunha – (1863)
João Baptista Bernardino de Sousa - (1892)
Jaime de Miranda e Brito – (1904)
Joaquim Nunes - (1887)
Jaime Ribeiro Martins – (1903)
José Bento M. Ribeiro - (1894). Bispo
João Lopes – (1904)
José Marques de Macedo - (1890)
João Pedro Dias Vale – (1904)
José Vara da Costa Senra - (1895)
João dos Reis Martins – (1883)
José Vaz Dias Napolezim - (1908)
Joaquim Inácio – (1875)
Luís Claudino Pera - (1896)
José Alves Barbosa – (1897)
Luís Maria Simões - (1896)
José António Pires – (1876)
Manuel Martins - (1910)
José Fernandes – (1907)
Manuel dos Santos Leitão - (1896)
José Gomes Ferreira – (1875). Bispo
Mateus de Oliveira Xavier - (1894). Bispo
José Manoel Diegues – (1889)
Vicente Mendes da Silva - (1909)
José Maria da Cruz Simeão – (1876)
José Maria de Faria – (1859)
OUTROS:
José Martins da Silva – (1899)
José das Neves – (1897) António G. Pereira - (1877). Faleceu
José Sérgio Antão Álvares – (1872) António Maria Ferreira – (1872). Açores

Nota. Há algumas dúvidas a esclarecer junto do Arquivo do Ministério do Ultra-


mar (Dossier Missões). Por exemplo, não sabemos se os alunos que concluíram o
curso em 1911 chegaram a partir para as Missões a que estavam destinados.

P6
Boletim do Venerável D. António Barroso

Postal de 1903. A mais antiga fotografia que se conhece do Colégio das Missões Ultramarinas, de Cernache do Bon-
jardim, vulgarmente conhecido por Real Colégio das Missões. O nome oficial desta instituição formadora de clero
para as Missões, foi sempre e apenas Colégio das Missões Ultramarinas.
Em baixo, à direita, o Padre António Barroso, no Colégio de Cernache do Bonjardim, à partida para as Missões de
Angola/Congo, em 1880. À esquerda, no mesmo Colégio, António Barroso, agora bispo, preside a uma cerimónia de
despedida de missionários, em 1891.

P7
Boletim do Venerável D. António Barroso
Acaba de vir a lume um livro
novo sobre D. António Barro-
so. Novo e original. Foi apre-
sentado no Paço Episcopal
do Porto, no passado dia 17
de Maio, estando presente o
autor, D. Carlos Moreira Aze-
vedo, delegado do Conselho
Pontifício para a Cultura.
Numa sessão presidida por D.
Manuel Linda, Bispo do Porto,
a apresentação esteve a cargo do Cónego Jorge Cunha,
presidente do Cabido Portucalense.
Segundo o autor, esta obra é o resultado de três anos de
pesquisa no Arquivo Secreto do Vaticano. São publicados
mais de 400 documentos, na sua maioria inéditos.
Um livro que revela a lucidez evangélica do Venerável
D. António Barroso que foi bispo do Porto entre 1899
e 1918.
«Foi missionário até ao fim», escreve D. Carlos. A sua
intervenção missionária não terminou quando nomea-
do para o Porto: «Vemos que até ao fim da vida tinha
na mente a resolução de problemas missionários, com
visão larga e lúcida». «Ainda em 1916 tem opiniões fun-
damentais».

CONTAS EM DIA
A última relação de contas (até 28 de Fevereiro de 2019), está disponível no Boletim n.º XXVI, III Série. Desde aquela data, até 30
de Junho de 2019, efectuaram-se as seguintes despesas: Escola Tipográfica das Missões (Boletim XXVI): 617,02 €; consumíveis
e correio: 50,00 €. TOTAL: 667,02 €.
Donativos recebidos para apoio à Causa da Canonização e despesas do Boletim: Dr. Joaquim da Mata Fernandes: 20,00 €;
D.ª Alice Araújo,: 40,00 € (de Sr. Abílio Oliveira, D.ª Lurdes Martins, D.ª Lurdes Costa, D.ª M. Carmo Arantes, D.ª Marinha Torres
Gomes, D.ª M. José Pereira Rodrigues); Devoto anónimo do Venerável D. António: 575,00 €; Irmã Paula Machado: 20,00 €;
D.res Maria Clara Maciel Beleza Ferraz e José Manuel Meira de Matos: 30.00 €; D.ra Maria Margarida Oliveira Pereira: 40,00 €;
D.ra Maria A. Ferreira 140,00 €; Anónimo 30,00€; D.ra Lúcia Sousa: 10,00 €. TOTAL: 905.00 €.

VISITAS À CAPELA - JAZIGO


De 1 de Março a 31 de Junho de 2019, registaram os seus nomes ou deixaram pedidos de graças
no Livro de Visitantes da Capela-Jazigo, 262 pessoas, naturais dos concelhos de Barcelos, Porto, Ma-
tosinhos, S. João da Madeira, V. N. Gaia, Braga , Trofa, V. N. Famalicão, e Póvoa de Varzim. Também
recebemos visitantes de França, Brasil e Macau. Gorete Loureiro

APOIE A CAUSA DA CANONIZAÇÃO DE D. ANTÓNIO BARROSO


MORADA. Toda a correspondência destinada à Postulação ou ao Boletim deve ser dirigida a RUA DE LUANDA, N.º480
3.º ESQ. / 2775-369 CARCAVELOS
Conta em nome do «Grupo de Amigos de D. António Barroso», na Caixa Geral de Depósitos, Oeiras, para apoio às
despesas da Canonização e do Boletim:
NIB: 003505420001108153073. IBAN: PT50003505420001108153073. BIC: CGDIPTPL

P8