Você está na página 1de 8

GOVER

RNODOEESTADODESÃOPAULO
SECRETA
ARIADEESTADODAEDUC
CAÇÃO
COORDENADORIADEGESTÃODERECU
URSOSHUM
MANOS
CONCURSOPÚ
ÚBLICO2013PAR
RAPROFESSORD
DEEDUCAÇÃOBÁ
ÁSICAII

Pro
ovad
deCo
onheccimen
ntosEspecífico
os
Eduucaçã
ão Es
special
D ciência Inttelecttual
Defic
T
Tipo1
1–Brrancaa
Inform
maçõesGerais
1. Vocêreceberáádofiscaldesaala: 7. O tempo dispon nível para a realização daa prova é dee
a) uma folha de resposttas destinada à marcação das dua ashoras,jáinccluídootempo paraamarcaççãodafolhadee
respostasdasquestõeso objetivas; resspostas.
b) esse cadeerno de prova contendo 30 (trinta) questtões 8. Resserve tempo suficiente
s paraa o preenchimmento de suass
objetivas, cada qual com m cinco alternaativas de respoostas resspostas. Para fins de avaaliação, serão levadas em m
(A,B,C,DeE). connsideração apeenas as marcações realizadaas na folha dee
2. Verifique se o caderno esttá completo, sem repetição de resspostas,nãosendopermitido anotarinformaçõesrelativass
questõesoufaalhas.Casocon ntrário,notifiqueeimediatamenteo às suas respostass em qualquerr outro meio queq não seja o o
fiscaldesalapparaquesejamttomadasasdevvidasprovidênciias. próópriocadernod deprova.
3. As questões objetivas
o são id
dentificadas pelo número situ uado 9. Os candidatosinsscritosparaum madisciplinaterrãoduashorass
acimadoseueenunciado. parrarealizaçãodaaprovaesomentepoderãose eretirardasalaa
4. Aoreceberaffolhaderespostas,vocêdeve:: apó ós60(sessentaa)minutosdeaaplicação,conttudosemlevarr
a) conferir seus
s dados peessoais, em esspecial seu no ome, ocadernodeprovva.
número de d inscrição e o número do d documento de 9.11. Ocandidato opoderálevar ocadernodep provasomentee
identidadee; nos últimoss 30 (trinta) minutos que antecedem o o
b) ler atentamente as instrruções para o preenchimento o da términodaaaplicação.
folhadereespostas; 10.Os candidatosinsscritosparaduaasdisciplinaste erão4(quatro))
c) marcar na n folha de respostas
r o campo
c relativoo à horraspararealizaaçãodaprovaeesomentepod derãoseretirarr
confirmação do tipo/corr de prova, conforme o cadeerno dasalaapós90(n noventa)minuttosdeaplicação o,contudosem m
quevocêrrecebeu; levvarocadernodeprova.
d) assinar seeu nome, apenas nos espaços reservados, com c 10..1. Ocandidato opoderálevar ocadernodep provasomentee
canetaesfferográficadettintaazuloupreeta. nos últimoss 60 (sessenta)) minutos que e antecedem oo
términodaaaplicação.
5. Duranteaapliicaçãodaprovaanãoseráperm mitido:
11.Ao terminar a pro ova, entregueaa folha de resp
postas ao fiscall
a) qualquerttipodecomunicaçãoentreoscandidatos;
da sala e deixe o local de prova. Caso voccê se negue a a
b) levantard dacadeirasem adevidaautorrizaçãodofiscaalde
enttregar,seráelim minadodocon ncurso.
sala;
12.A FGV
F realizará a coleta da imp
pressão digital dos
d candidatoss
c) portar aparelhos eletrônicos, tais com mo bipe, teleffone
nafolhaderesposstas.
celular, aggenda eletrônicca, notebook, palmtop,
p recep ptor,
13.Oscandidatospod derãosersubm metidosasistem madedetecção o
gravador, máquina de calcular, mááquina fotográáfica
de metais quand do do ingresso e da saída de sanitárioss
ontrole de alarme de carro etc., bem co
digital, co omo
durrantearealizaççãodaprova.A Aosairdasala, aotérminodaa
relógiodeequalquermod delo,óculosesccurosouquaisq quer
proova,ocandidato onãopoderáu usarosanitário..
acessórioss de chapelariaa, tais como chhapéu, boné, go orro
etc. e, ainda, lápis, lap
piseira (grafite)), corretor líqu
uido 14.Os gabaritos preliminares daas provas ob bjetivas serão o
e/ou borrracha. Tal infração poderá acarretarr a divvulgados no dia
d 18/11/201 13, no endere eço eletrônico o
eliminação osumáriadocandidato. wwww.fgv.br/fgvprojetos/concurrsos/pebsp.
6. O preenchim mento da follha de respo ostas, de intteira 15.O prazo para intterposição de recursos contrra os gabaritoss
responsabilidaade do candidaato, deverá serr feito com can neta preeliminares seráá das 0h00min n do dia 19/11/2013 até ass
esferográficad detintaindelévveldecorpretaaouazul.Nãosserá 23h h59mindodia 20/11/2013,observadoohorráriooficial,no o
permitida a troca da folh ha de resposstas por erro do end dereço www.fgv.br/fgvprojjetos/concurso os/pebsp, porr
candidato. me eiodoSistemaEEletrônicodeIn nterposiçãodeRecurso


www.pciconcursos.com.br
Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação – 2013 FGV-Projetos

EducaçãoEspecial–Deficiência 04
A Resolução SE n. 11/08, dispõe sobre a educação escolar de
Intelectual alunoscomnecessidadeseducacionaisespeciaisnasescolasda
rede estadual de ensino de São Paulo e dá providências
01 correlatas.
O Decreto n. 6.949/09 promulgou a Convenção Internacional Comrelaçãoàscondiçõesparaqueumalunosejaconsiderado
sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo aluno com necessidades educacionais especiais, analise as
Facultativo. afirmativasaseguir.
SegundoessaConvenção,assinaleaalternativaqueapresenta I. Oalunocomdeficiênciafísica,mental,sensorialemúltipla,
adefiniçãodepessoascomdeficiência. quedemandeatendimentoeducacionalespecializado.
(A) Aquelas que são incapazes de realizar devidamente as II. O aluno com altas habilidades, superdotação e grande
tarefasexigidaspelodiaadia. facilidade de aprendizagem, que o levam a dominar,
rapidamente,conceitos,procedimentoseatitudes.
(B) Aquelas que não dispõem de meios para realizar, com
autonomia,oquequiseremnavida. III. Oalunocomdificuldadesnoprocessodedesenvolvimento,
que dificultem o acompanhamento das atividades
(C) Aquelasquetêmimpedimentosdelongoprazodenatureza
curriculareseexijamrecursospedagógicosadicionais.
física,mental,intelectualousensorial,quepodemobstruir
suaparticipaçãoplenaeefetivanasociedade. Assinale:
(D) Aquelas que têm obstáculos, de curto prazo, dequaisquer (A) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
naturezas, para participar plena e efetivamente da (B) sesomenteaafirmativaIIIestivercorreta.
sociedade. (C) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(E) Aquelas que têm bloqueadas as oportunidades para (D) sesomenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
participarplenamentedasociedade. (E) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
05
02 Com relação às definições de expressões presentes no Art. 2º
Leiaofragmentoaseguir. daConvençãoInternacionalsobreosDireitosdasPessoascom
“A diferença e a consequente criação da necessidade de DeficiênciaeseuProtocoloFacultativo,analiseasafirmativasa
educação para os portadores dessa diferença só podem ser seguir.
entendidas como uma produção histórica de um determinado I. “Comunicação”abrangeaslínguas,avisualizaçãodetextos,
período.Emoutraspalavras,adiferençasóserácompreendida o Braille, a comunicação tátil, os caracteres ampliados, os
seinseridanoamploespectrodoprocessohistóricodecomoos dispositivos de multimídia acessível, assim como a
homens e as mulheres vieram atendendo a suas necessidades linguagemsimples,escritaeoral,ossistemasauditivoseos
básicas e, por decorrência, como vieram construindo sua meios de voz digitalizada e os modos, meios e formatos
existência.”(BIANCHETTI,2004,p.26) aumentativosealternativosdecomunicação.
Relacionando o fragmento acima à perspectiva histórica da II. "Língua" abrange as línguas faladas, a de sinais e outras
apreensão dos indivíduos que não se enquadravam nos formasdecomunicaçãonãofalada.
padrõesconsideradosnormais,assinaleaafirmativacorreta. III. "Discriminaçãopormotivodedeficiência"significaqualquer
(A) Nas sociedades primitivas, os deslocamentos eram diferenciação, exclusão ou restrição baseada em
constantes;aquelesquenãoseenquadravamnospadrões deficiência, com o propósito ou efeito de impedir ou
consideradosnormaistornavamͲseumempecilho. impossibilitaroreconhecimento,odesfruteouoexercício,
(B) Embora os gregos se dedicassem à guerra, se a criança ao emigualdadedeoportunidadescomasdemaispessoas,de
nascerapresentassequalquermanifestaçãodeimperfeição, todososdireitoshumanoseliberdadesfundamentais.
eraacolhida,compiedade,portodos. Assinale:
(C) No período feudal, os indivíduos que não se enquadravam (A) seapenasaafirmativaIIestivercorreta.
nospadrõesconsideradosnormaisnãoeramestigmatizados. (B) seapenasasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(D) Na Europa Ocidental, nos séculos XV e XVI, a visão da (C) seapenasasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
diferençasobaóticateológicaganhouforça. (D) seapenasasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
(E) Anegaçãodavisãofatalistadadiferençaforadoâmbitode (E) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
uma concepção inatista, nos séculos XVIII e XIX, teve 06
numerososcolaboradores.
Leiaofragmentoaseguir.
03 “A perturbação que está no âmbito da expressão e
compreensão da linguagem e símbolos verbais que a
As alternativas a seguir, à exceção de uma, apresentam sustentam,estandoounãointactososinstrumentosperiféricos
exemplosdeintervençõeseducativasadequadasparaosalunos deexecuçãoerecepçãodafala”.
comaltashabilidades/superdotação.AssinaleͲa.
Ofragmentoapresentaoconceitode
(A) Flexibilizaçãoouaceleraçãonasaladeaularegular.
(A) afasia.
(B) Enriquecimentoextracurricular.
(B) apraxia.
(C) Adoçãodepráticaspedagógicastradicionais.
(C) agnosia.
(D) Enriquecimentodosconteúdosescolares.
(D) surdez.
(E) Enriquecimentodocontextodeaprendizagem.
(E) disgrafia.

Página 2 – Tipo 1 – Cor Branca Professor de Educação Básica II – Educação Especial – Deficiência Intelectual

www.pciconcursos.com.br
FGV-Projetos Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação – 2013

07 11
Asalternativasaseguirapresentamatribuiçõesdoprofessorde “Independente de suas condições físicas e de saúde, de suas
EducaçãoEspecial,presentesnoArt.13ºdaResoluçãoSEn.11, dificuldadesenecessidadesespeciais,oalunotemasseguradoo
de31/01/2008,àexceçãodeuma.AssinaleͲa. seudireitoàeducaçãoescolar.Paraqueocorraoatendimento
(A) Participardaelaboraçãodapropostapedagógicadaescola. educacional adequado, fazͲse necessário que o professor –
(B) Elaborar plano de trabalho que contemple as responsável pelo conhecimento e pelas intervenções
especificidades da demanda existente na unidade e/ou na pedagógicas–detenhaumsaberespecífico[...].”(ASSIS,2010,p.76)
região,atendidasasnovasdiretrizesdaEducaçãoEspecial. Com relação à qualificação do docente, segundo a autora,
(C) Integrarosconselhosdeclasses/ciclos/séries/termose analiseasafirmativasaseguir.
participar das HTPCs e/ou outras atividades coletivas I. O docente deve ser capaz de assegurar a estreita relação
programadaspelaescola. entreocognitivoeoafetivonoprocessodeensinoenode
(D) Impor à equipe escolar procedimentos e estratégias de aprendizagem.
inclusãodosalunosnasclassescomuns. II. O docente deveser capaz de dar respostasapropriadas às
(E) Oferecer apoio técnico pedagógico aos professores das diferenteseimprevisíveissituaçõeseducativas.
classescomuns. III. O docente deve trabalhar com os profissionais da equipe
pedagógica e da equipe responsável pela
08 habilitação/reabilitaçãodeseualuno.
As alternativas a seguir estão relacionadas com o método de Assinale:
educação desenvolvidos por Maria Montessori, à exceção de (A) seapenasaafirmativaIestivercorreta.
uma.AssinaleͲa.
(B) seapenasaafirmativaIIestivercorreta.
(A) As crianças são diferentes dos adultos e necessitam ser (C) seapenasasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
tratadasdemododiferente.
(D) seapenasasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
(B) Ascriançasamamarepetição.
(E) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
(C) Ascriançasgostamdadesorganização.
(D) Ascriançastêmnecessidadedeumambientequepermita
brincarlivremente. 12
(E) Ascriançasamamosilêncio. Leiaofragmentoaseguir.
"A própria natureza da função de professor, como um
09 profissionalqueatuanasrelaçõeshumanas,aliadaàsuatarefa
De acordo com a deliberação CEE n. 68/2007, assinale a de gestor da sala de aula, colocaͲo em uma situação de
afirmativa que compreende Educação Inclusiva e fixa normas envolvimento pessoal nas relações que estabelece com seus
para a educação de alunos que apresentam necessidades alunoseseuspares."
educacionaisespeciais,nosistemaestadualdeensino. (FREITAS,S.N."Aformaçãodeprofessoresnaeducaçãoinclusiva:construindoa
base de todo o processo". In: RODRIGUES, D. (Org.). Inclusão e Educação: doze
(A) O atendimento escolar de quaisquer alunos;  tem início, olharessobreaeducaçãoinclusiva.SãoPaulo:Summus,2006,p.179.)
exclusivamente,noensinofundamental. Assinaleaalternativaqueratificaasideiasdofragmentoacima.
(B) O tratamento dos alunos que apresentam necessidades (A) O docente administra um conjunto de relações
educacionais especiais; tem início somente na educação interpessoaismarcadasporconteúdosafetivos.
infantil.
(B) O docente somente se relaciona com seus alunos
(C) A normalização dos alunos com deficiências; tem início no
ensinandoͲlheconteúdos.
ensinomédio.
(C) Oprofessortransfereaoalunoafunçãodedocentesempre
(D) O atendimento escolar dos alunos que apresentam
queabremãodaafetividade.
necessidades educacionais especiais; tem início na
educação infantil ou quando se identifiquem tais (D) O professor atua nas relações humanas e deve ocuparͲse,
necessidadesemqualquerfase. unicamente,doladoafetivodeseusalunos.
(E) O reforço escolar dos alunos que apresentam dificuldades (E) O docente colocaͲse em situação de envolvimento pessoal
deaprendizagem;teminícionaeducaçãobásicaouquando somentecomoutrosdocentes.
sepercebamtaisdificuldades.
13
10
Lucia Reily (2004) elenca alguns mitos sobre os surdos, sua
Leiaofragmentoaseguir. escolarizaçãoealínguadesinais.
"A _____ é mais uma forma de flexibilizar sistemas Assinaleaalternativaqueapresentaumequívocoemrelaçãoà
educacionais muito cristalizados, para permitir que um aluno educaçãodossurdos.
puleetapasdaformação_______.
(A) Todosurdorealizaleituralabial.
Assinale a alternativa que completa corretamente a lacuna do (B) Oalfabetomanualédiferentedelínguadesinais.
fragmentoacima.
(C) Nemtodosurdoconhecealínguadesinais.
(A) normalizaçãoͲacelerada (D) Osurdonãopodeaprenderafalar.
(B) segregaçãoͲflexível
(E) Osproblemasescolaresnãoseresolvemcomapresençade
(C) aceleraçãoͲregulamentar umintérpretedelínguadesinaisemsaladeaula.
(D) inclusãoͲcomplementar
(E) integraçãoͲintelectual


Professor de Educação Básica II – Educação Especial – Deficiência Intelectual Tipo 1 – Cor Branca – Página 3

www.pciconcursos.com.br
Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação – 2013 FGV-Projetos

14 16
Leiaofragmentoaseguir. Leiaofragmentoaseguir.
“É preciso que as escolas pensem em formas de se “A igualdade de oportunidades é perversa, quando garante o
reestruturaremparaequacionaralgunsfatoresqueatrapalham acesso, por exemplo, à escola comum de pessoas comalguma
a _____ de alunos com deficiência na escola regular, pensem deficiênciadenascimentooudepessoasquenãotêmamesma
em formas de colocar em prática a fundamentação filosófica possibilidade. Mas não lhes assegura a permanência e o
que permeia o paradigma da inclusão. Um dos fatores que a prosseguimentodaescolaridadeemtodososníveisdeensino.”
escola deve preocuparͲse é a preparação em relação a sua (MANTOAN,2006,p.20)
_____.” Asalternativasaseguir,àexceçãodeuma,estãorelacionadas
(MANZINI,E.eCORREA,P.Inhttp://www.anped.org.br/reunioes/ comasideiasdofragmentoacima.AssinaleͲa.
31ra/1trabalho/gt15Ͳ4331ͲͲint.pdf)
(A) A igualdade de oportunidades de acesso não assegura a
Assinale a alternativa cujos itens completam corretamente as continuidadedaescolaridadeemtodososníveisdeensino.
lacunasdofragmentoacima. (B) Oacessoàescolacomumdepessoascomdeficiênciaoude
(A) seleção–adaptação. pessoas que não têm a mesma possibilidade das demais,
(B) adaptação–seleção. assegurasuapermanênciaemtodososníveisdeensino.
(C) inclusão–acessibilidadefísica. (C) O modelo educacional elitista de nossas escolas deve ser
(D) inclusão–seleção. repensado.
(E) seleção–acessibilidadefísica. (D) A igualdade de aprender como ponto de partida e as
diferenças no aprendizado como processo e ponto de
15 chegada,devemseraceitos.
Leiaofragmentoaseguir. (E) Aigualdadedeoportunidadesécruel,quandonãoassegura
aescolarizaçãoapessoascomdeficiênciaoudaquelesque
“Na abordagem tradicional, igualdade era sinônimo de
nãotêmamesmapossibilidade.
uniformidadeeuniformização.Numaabordagemdeatençãoà
diversidade, igualdade significa respeito pelas diferenças e
pelas necessidades individuais, ou seja, pretendeͲse o 17
desenvolvimento ótimo das potencialidades de cada aluno Leiaofragmentoaseguir.
através de percursos individualizados de aprendizagem e no “Talvezabarreiraatitudinalmaiscomumsejaatendênciadese
respeitoderitmosecaracterísticaspróprias.” supergeneralizararespeitodecomo'eles'são,se'eles'podem
(RODRIGUES,2003,p.14.) serauxiliados.Raramenteasbarreirasatitudinaissãoabertae
Para Rodrigues (2003), a escola não dará uma resposta diretamente manifestadas. (...) O termo 'barreiras atitudinais'
adequada à diversidade de necessidades caso não sejam combina,decertaforma,osefeitosdasatitudesdesvalorizadas
devidamente equacionados aspectos listados a seguir, eocomportamentodiscriminatório.”(VASH,1988,p.31Ͳ32)
àexceçãodeum.AssinaleͲo. Assinale a alternativa que exemplifica uma barreira atitudinal,
(A) Necessidade de um currículo suficientemente global e deacordocomofragmentoacima.
flexível, de modo que todas as necessidades dos alunos (A) Faltaderampasdeacessoacadeirantese/ouelevadores.
possamencontrarnelerespostasadequadas. (B) Ausência de intérpretes de língua de sinais e/ou legenda
(B) Dotação das escolas com recursos contínuos (físicos, emportuguêsnosprogramasdeTVnacionais.
pedagógicos, didáticos e humanos), para atender às (C) Ausênciadesemáforosparapedestrescommecanismoque
constantesnecessidadesdosalunoseproporcionarefetivo emitasinalsonorosuave.
acessoaocurrículo. (D) Incapacidadedeserincorporadoàvidaprodutiva.
(C) Diagnóstico sistemático e adequado das características e (E) Aceleraçãoe/ouflexibilizaçãodosconteúdoscurriculares.
necessidades dos alunos, com particular ênfase em
eventuaisdesajustesentreasituaçãopropostaeosestilos
18
deaprender.
Com relação aos idealizadores dos métodos de comunicação
(D) Criaçãodeequipesmultidisciplinaresdeapoioaoprofessor
parapessoascomdeficiênciasauditivae/ouvisual,referências
de ensino regular, que deixa de ser o responsável pelo
naEducaçãoEspecial,analiseasafirmativasaseguir.
processodecisionalepeloensinoͲaprendizagem.
(E) Apoio apropriado à inovação, à mudança das práticas, I. CharlesEppéefoiocriadordalínguadesinais.
à revolução nas mentalidades e ao desenvolvimento II. Louis Braille criou o método com pontos em relevo que
profissionaldosprofessores. permitelerpelotato.
III. Samuel Heinicke desenvolveu um método de ensino
estritamenteoralparasurdos.
Assinale:
(A) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
(B) seapenasasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(C) seapenasasafirmativasIeIIIestiveremcorretas.
(D) seapenasasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
(E) seapenasaafirmativaIIestivercorreta.


Página 4 – Tipo 1 – Cor Branca Professor de Educação Básica II – Educação Especial – Deficiência Intelectual

www.pciconcursos.com.br
FGV-Projetos Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação – 2013

19 22
Com relação ao Capítulo V da Lei de Diretrizes e Bases Relacione os quatro períodos fundamentais descritos por Jean
(Lei n. 9394/96), referente à  Educação Especial, analise as Piaget para o desenvolvimento mental listados a seguir com
afirmaçõesaseguir. suasrespectivasdefinições.
I. A oferta de Educação Especial, dever constitucional do I. sensórioͲmotor
Estado, tem inicio na faixa de seis a doze anos, durante o II. préͲoperatório
EnsinoFundamental.
III. operaçõesconcretas
II. Os sistemas de ensino devem assegurar currículos,
IV. operaçõesformais
métodos, técnicas, recursos educativos e organização
()Marcadopelaformaçãodafunçãosimbólicaousemiótica.
específicas para atender aos educandos com necessidades
especiais. () As interiorizações, coordenações e descentralizações
III. O atendimento educacional será feito em classes, escolas crescentesconduzemaumaformageraldeequilíbrio
ou serviços especializados sem qualquer possibilidade de ()Acriançautilizacomoinstrumentossomenteaspercepções
integraçãonasclassescomunsdeensinoregular. eosmovimentoscorporais.
Assinale: ()TrataͲsedaconquistadeumnovocaráterderaciocínioque
(A) setodasasafirmativasestiveremcorretas. não incide apenas sobre objetos e realidades diretamente
(B) seapenasasafirmativasIeIIestiveremcorretas. representáveis,massobrehipóteses.
(C) seapenasasafirmativasIeIIIestiveremcorretas. Assinale a alternativa que mostra a relação correta, na ordem
(D) seapenasasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas. decimaparabaixo.
(E) seapenasaafirmativaIIestivercorreta. (A) II–III–I–IV.
(B) I–II–III–IV.
20 (C) III–II–IV–I.
Com referência às obrigações dos Estados e Municípios em (D) IV–I–III–II.
assegurar o direito educacional das pessoas com deficiência, (E) II–IV–I–III.
analiseasafirmativasaseguir.
I. Providenciar adaptações nos ambientes escolares de 23
acordocomasnecessidadesindividuais. Leiaofragmentoaseguir.
II. Adotarmedidasindividualizadasdeapoioparamaximizaro “A avaliação dos alunos com deficiência mental visa ao
desenvolvimentoacadêmicoesocialdoeducando. conhecimentodeseusavançosnoentendimentodosconteúdos
III. Empregar professores habilitados para o ensino da língua curriculares durante o ano letivo de trabalho, seja ele
desinaise/oudoBrailleecapacitarasequipesqueatuam organizado por série ou ciclos. O mesmo vale para os outros
emtodososníveisdeensino. alunos dasuaturma,paraque nãosejamferidosos princípios
Assinale: da inclusão escolar. A promoção automática, quando é
(A) seapenasaafirmativaIIestivercorreta. exclusiva para alunos com deficiência mental, constitui uma
diferenciaçãopeladeficiência,oquecaracterizadiscriminação.
(B) seapenasasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
Em ambos os casos, o que interessa para que um novo ano
(C) seapenasasafirmativasIeIIIestiveremcorretas. letivo se inicie é o quanto o aluno, com ou sem deficiência,
(D) seapenasasafirmativaIIeIIIestiveremcorretas. aprendeu no ano anterior, pois nenhum conhecimento é
(E) setodasasafirmativasestiveremcorretas. aprendidosembasenoqueseconheceuantes.”
(GOMESetal,2007,p.19.)
21 Deacordocomofragmentoacima,assinaleVparaaafirmativa
Leiaofragmentoaseguir. verdadeiraeFparaafalsa.
“Para a pessoa com deficiência mental, a acessibilidade não ()Naavaliaçãodoalunocomdeficiênciamental,nãosedeve
dependedesuportesexternosaosujeito,mastemavercoma considerar o que ele aprendeu, mas o mínimo que
saída de uma posição passiva e automatizada diante da conseguefazer.
aprendizagem para o acesso e apropriação ativa do próprio ()A promoção automática não pode ser considerada
saber.”(GOMESeetal.,2007,p.22.) discriminação,masaúnicasaídaviável.
Acerca da criança com deficiência intelectual retirar ()Oconhecimentodoalunocomdeficiênciamentalnãoestá
informações de um objeto e construir conceitos, assinale a baseadonoqueeleaprendeuanteriormente.
afirmativacorreta. Asafirmativassão,respectivamente,
(A) Somenteconseguirá,desdequetreinadadoconcretopara (A) V–V–F
oabstrato. (B) V–F–F
(B) Nãoconseguirá,poisésemprepassiva. (C) F–F–V
(C) Deve exercitar sua atividade cognitiva, pois jamais (D) F–F–F
conseguirá. (E) F–V–F
(D) Sempreconsegueretirarinformações,espontaneamente.
(E) Precisaseexercitarpararetirarinformações.


Professor de Educação Básica II – Educação Especial – Deficiência Intelectual Tipo 1 – Cor Branca – Página 5

www.pciconcursos.com.br
Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação – 2013 FGV-Projetos

24 27
Para os educandos com deficiência intelectual, os Parâmetros Em relação ao planejamento de intervenções que privilegiem
CurricularesNacionaissugerem avanços na compreensão geral do aluno com deficiência
(A) o desenvolvimento de habilidades adaptativas: sociais, de intelectual,analiseasafirmativasaseguir.
comunicação,decuidadopessoaledeautonomia. I. Oplanejamentodeveconter,necessariamente,umtestede
(B) a aplicação de textos escritos com outros elementos QuocientedeInteligência.
(ilustraçõestáteis)paramelhoraracompreensão. II. O planejamento deve ser rigorosamente seguido, sem
(C) o uso de textos escritos complementados com elementos havermargemparaoinesperado.
que favoreçam a sua compreensão: linguagem gestual, III. O planejamento não deve conter tão somente práticas de
línguadesinaiseoutros. socialização.
(D) a utilização de pranchas ou presilhas para não deslizar o Assinale:
papel, do suporte para lápis, de presilha de braço,
(A) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
coberturadeteclado,etc.
(E) a adoção de procedimentos que evitem sentimentos de (B) sesomenteaafirmativaIIestivercorreta.
superioridade,derejeiçãodosdemaiscolegas,sentimentos (C) sesomenteaafirmativaIIIestivercorreta.
deisolamento,etc. (D) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(E) sesomenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
25
Vygotsky (1995) afirma, em A Formação Social da Mente, que 28
“um momento decisivo na evolução da linguagem escrita é SegundoosParâmetrosCurricularesNacionais,asalternativasa
quando a criança percebe que pode desenhar não apenas seguir dizem respeito às adaptações relativas aos objetivos e
objetos,maspalavras.” conteúdos,àexceçãodeuma.AssinaleͲa.
Apartirdofragmentoacima,analiseasafirmativasaseguir. (A) Organizaçãodeperíodosdefinidosparaodesenvolvimento
I. Ostraçosgráficos,duranteaevoluçãodarepresentaçãoda dasatividadesprevistasparadesenvolveroselementosdo
escritapelacriança,sediferenciampoucoapouco. currículo.
II. A criança, a partir de quatro anos, se torna capaz de (B) Priorização de objetivos que enfatizem capacidades e
diferenciar desenho e texto como dois modos de habilidades básicas de atenção, participação e
representaçãográfica. adaptabilidadedoaluno.
III. O desenho, para as crianças em idade préͲescolar, serve (C) Sequenciaçãopormenorizadadeconteúdosquerequeiram
paraolhar,enquantootextoserveparaler. processos gradativos de menor a maior complexidade das
tarefas,atendendoàsequênciadepassos,àordenaçãoda
Assinale:
aprendizagem,etc.
(A) setodasasafirmativasestiveremcorretas.
(D) Reforço da aprendizagem e retomada de determinados
(B) sesomenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas. conteúdosparagarantirseudomínioesuaconsolidação.
(C) sesomenteasafirmativasIeIIIestiveremcorretas. (E) Eliminação de conteúdos menos relevantes, para dar
(D) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas. enfoque mais prolongado a conteúdos considerados
(E) sesomenteaafirmativaIIestivercorreta. básicoseessenciais.

26 29
Com relação ao termo “deficiência intelectual”, analise as Leiaofragmentoaseguir.
afirmativasaseguir. “O Atendimento Educacional Especializado deve propiciar aos
I. As primeiras definições de deficiência intelectual tinham alunos comdeficiênciamental condiçõesdepassardeumtipo
comofocoo“estadodedefeitomental”,“incapacidadede de ação automática e mecânica diante de uma situação de
desempenhar tarefas como membro da sociedade”, e aprendizado/experiência – regulações automáticas, para um
“status permanente de retardo mental” e propunham a outrotipo,quelhepossibiliteselecionareoptarpelosmeiosque
segregação para as pessoas que apresentavam essa julguem mais convenientes para agir intelectualmente –
deficiência. regulaçõesativas”.(GOMESeetal.,2007,p.22.)
II. As definições mais recentes veem a deficiência intelectual As regulações automáticas e as regulações ativas foram
comocondiçãoquepodesermelhoradacomaprestaçãode descritas,primeiramente,por
suporteenãocomodeficiênciaestáticaaolongodavida.
(A) JeanPiaget.
III. O construto da deficiência intelectual enfatiza uma
(B) LevSemenovitchVygotsky.
perspectiva ecológica que focaliza a interação da pessoa
(C) MariaTeresaEglérMantoan.
com o seu ambiente e reconhece que o sistema de
suportes/apoios individualizados pode aumentar o (D) JohnDewey.
funcionamentohumano. (E) MariaMontessori.
Assinale:
(A) sesomenteaafirmativaIestivercorreta.
(B) sesomenteaafirmativaIIestivercorreta.
(C) sesomenteasafirmativasIeIIestiveremcorretas.
(D) sesomenteasafirmativasIIeIIIestiveremcorretas.
(E) setodasasafirmativasestiveremcorretas.

Página 6 – Tipo 1 – Cor Branca Professor de Educação Básica II – Educação Especial – Deficiência Intelectual

www.pciconcursos.com.br
FGV-Projetos Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação – 2013

30
Leiaofragmentoaseguir
“A experiência de _____ é vista como um elementoͲchave no
processo de inclusão de alunos com deficiência. Nas _____, as
necessidades específicas do aluno decidirão a extensão da
necessidade de colaboração. As interações informais ou _____
sãoimportantesnoprocessodeinclusãoescolar,deoaluno‘ser
aceitonacomunidadesocialdaescola’pormeiodeinterações
com os colegas e participação nas atividades regulares da
escola.”(DeficiênciaIntelectual:realidadeeação.2012.Adaptado)
Assinaleaalternativaquecompletacorretamenteaslacunasdo
fragmentoacima.
(A) congregaçãoоclassesregularesоinteraçõescomunitárias
(B) aprendizagem colaborativa о interações formais о
interaçõessociais
(C) atendimentoespecializadoоturmasinclusivasоinterações
excludentes
(D) classes especiais о classes exclusivas о interações
segregacionistas
(E) sala de aula comum о turmas especíĮcas о interações
parentais


Professor de Educação Básica II – Educação Especial – Deficiência Intelectual Tipo 1 – Cor Branca – Página 7

www.pciconcursos.com.br
Realização

www.pciconcursos.com.br