Você está na página 1de 30

Mateus

Jesus, o Rei prometido


Marcos
Jesus, o Servo sofredor
Lucas
Jesus, o Salvador do mundo
João
Mateus

Marcos
João

90% de material
Lucas
exclusivo
Evangelhos Sinóticos
‣ histórias do natal (nascimento de Jesus)

O que João ‣ batismo, tentações e ascenção de


omite e que Jesus

‣ relato da transfiguração

aparece nos ‣ parábolas

evangelhos ‣ exorcismos

sinóticos ‣ instituição da Santa Ceia

‣ bodas de Caná

O que João ‣ encontros com Nicodemos e a


inclui e que não mulher samaritana

‣ a cura de um paralítico no tanque de


aparece nos Betesda e a cura de um cego de nascença

evangelhos ‣ ressurreição de Lázaro

sinóticos ‣ lava-pés

‣ longos discursos
Comparativo de vocabulário
Palavras Mateus, Marcos e Lucas João
batismo 10 0
reino 123 5
demônio 45 6
justiça, justo 29 0
poder 38 0
compaixão 36 0
evangelho 22 0
purificar 18 0
chamar 73 2
proclamar 30 0
povo 54 3
arrependimento 24 0
parábola 48 0
Comparativo de vocabulário
Palavras Mateus, Marcos e Lucas João
amor 29 54
verdade 10 46
conhecer 61 57
eu 34 54
trabalho 16 35
vida 16 36
judeus 16 67
mundo 13 78
testemunho 15 47
Pai (referindo-se a Deus) 66 118
enviar 15 32
luz 15 23
crer 30 98
João 3.16

Porque Deus amou ao


mundo de tal maneira que
deu o seu Filho unigênito,
para que todo o que nele crê
não pereça, mas tenha a
vida eterna.
Jesus, por João:
“O Filho Unigênito de Deus”

em relação a em relação ao
Deus
mundo

unigênito =
o Filho foi dado/enviado
único gerado ao mundo

amor do Pai amor do Pai


pelo Filho pelo mundo
Jesus, por João:
“O Filho Unigênito de Deus”

No princípio era aquele que é a Palavra. Ele


estava com Deus, e era Deus. Ele estava com
Deus no princípio. Todas as coisas foram feitas
por intermédio dele; sem ele, nada do que existe
teria sido feito. Nele estava a vida, e esta era a luz
dos homens... Aquele que é a Palavra tornou-se
carne e viveu entre nós. Vimos a sua glória, glória
como do Unigênito vindo do Pai, cheio de graça e
de verdade... Ninguém jamais viu a Deus, mas o
Deus Unigênito, que está junto do Pai, o tornou
conhecido. (João 1.1-4, 14,18)
Jesus, por João:
“O Filho Unigênito de Deus”

estava com Deus e era Deus


divindade

é palavra viva de Deus

aquele que palavra de poder


é a Palavra
tornou-se carne e habitou entre nós
encarnação / humanidade

é palavra dirigida ao mundo

palavra que comunica / revela


Jesus, por João:
“O Filho Unigênito de Deus”

O paradoxo é surpreendente.

O Criador assumiu a fragilidade


humana de suas criaturas.

O eterno entrou no tempo.

O onipotente fez-se vulnerável.

O santíssimo expô-se à tentação.

E por fim o imortal morreu.

John Stott
João 3.16

Porque Deus amou ao mundo de tal


maneira que deu o seu Filho unigênito,
para que todo o que nele crê não
pereça, mas tenha a vida eterna.

O Filho foi dado/enviado


para trazer a VIDA ETERNA.
vida eterna

O tema central de Jesus

Evangelhos
Sinóticos
João

Reino de Vida
Deus Eterna
vida eterna

“vida eterna” não é


simplesmente
imortalidade

(viver para sempre)


vida eterna

Eu vim para que


tenham vida, e a
tenham plenamente.
qualidade de vida

João 10.10 “vida boa”

“vida que pedi a Deus”


Esta é a vida eterna:
que te conheçam, o experiência de um
único Deus verdadeiro, relacionamento
e a Jesus Cristo, a íntimo de amor

quem enviaste.
“ser amado é a maior
necessidade do ser
João 17.3 humano”
O Filho foi dado para revelar e
nos incluir no amor do Pai

Rogo para que todos sejam um, Pai, como tu


estás em mim e eu em ti. Que eles também
estejam em nós... para que eles sejam um,
assim como nós somos um: eu neles e tu em
mim. Que eles sejam levados à plena
unidade, para que o mundo saiba que tu me
enviaste, e os amaste como igualmente me
amaste... Eu os fiz conhecer o teu nome, e
continuarei a fazê-lo, a fim de que o amor que
tens por mim esteja neles, e eu neles esteja”.

João 17.20-26
João 3.16

Da mesma forma como Moisés levantou a


serpente no deserto, assim também é necessário
que o Filho do homem seja levantado, para que
todo o que nele crer tenha a vida eterna.

João 3.14-15
Números 21.4-9

Porque Deus amou ao mundo de tal


maneira que deu o seu Filho unigênito,
para que todo o que nele crê não
pereça, mas tenha a vida eterna.
O Filho foi dado para assumir a nossa
culpa e morrer pelos nossos pecados

Entre os que tinham ido adorar a Deus na festa


da Páscoa, estavam alguns gregos. Eles se
aproximaram de Filipe, que era de Betsaida da
Galiléia, com um pedido: “Senhor, queremos ver
Jesus”. Filipe foi dizê-lo a André, e os dois juntos
o disseram a Jesus. Jesus respondeu: “Chegou
a hora de ser glorificado o Filho do homem.
Digo-lhes verdadeiramente que, se o grão de
trigo não cair na terra e não morrer, continuará
ele só. Mas se morrer, dará muito fruto.

João 12.20-24
O Filho foi dado para assumir a nossa
culpa e morrer pelos nossos pecados

“Agora meu coração está perturbado, e o que


direi? Pai, salva-me desta hora? Não; eu vim
exatamente para isto, para esta hora...

Chegou a hora de ser julgado este mundo;


agora será expulso o príncipe deste mundo.
Mas eu, quando for levantado da terra, atrairei
todos a mim”. Ele disse isso para indicar o
tipo de morte que haveria de sofrer.

João 12.27,31-32
João 3.16

Porque Deus amou ao mundo de tal


maneira que deu o seu Filho unigênito,
para que todo o que nele crê não
pereça, mas tenha a vida eterna.

a vida eterna é para

“todo aquele que nele crê”


a vida eterna é para
“todo aquele que nele crê”

Jesus realizou na presença dos seus


discípulos muitos outros sinais
miraculosos, que não estão
registrados neste livro. Mas estes
foram escritos para que vocês creiam
que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus
e, crendo, tenham vida em seu nome.

João 20.31
a vida eterna é para
“todo aquele que nele crê”

Veio para o que era seu, mas


os seus não o receberam.
crer
Contudo, aos que o
98x em João

30x nos Sinóticos receberam, aos que creram em


seu nome, deu-lhes o direito de
se tornarem filhos de Deus...

João 1.11-12

crer significa abrir


a porta da vida
a vida eterna é para
“todo aquele que nele crê”

Os que creram:
‣ João batista creu (1.34)

‣ discípulos creram (6,69; 16.27,31; 17.8)

‣ a mulher samaritana creu (4.28-29)

‣ o oficial do rei e sua família creram (4.53)

‣ um grupo grande em Jerusalém creu (7.31)

‣ um cego que foi curado creu (9.38)

‣ muitos líderes judaicos creram (12.42)

‣ grupos de judeus creram (8.31; 12.11)


Nenhum deles continuou do mesmo jeito
a vida eterna é para
“todo aquele que nele crê”

Os que não creram:


O sombrio pano de fundo do evangelho consiste das
reiteradas rejeições de Jesus por parte dos judeus: quando
ele purificou o templo (cap.2), depois que ele curou um
paralítico (cap.5), após ter ele multiplicado pães para cinco
mil homens (cap.6), quando seus irmãos procuraram tratá-
lo com sarcasmo (cap.7), quando ele participou da festa
dos Tabernáculos (cap.7), quando ele afirmou ser a Luz do
Mundo (cap.8), quando ele asseverou a sua unidade com
Deus Pai (cap.10), e depois de ressuscitar Lázaro (cap.11).

Todos eles continuaram do mesmo jeito


Você crê no
Filho unigênito
de Deus?
no que ele é e no que ele fez por você?
Lucas:
Marcos:

largura profundidade

João:
Mateus:

altura comprimento