Você está na página 1de 30

o perigo:

abordagens
contemporâneas

(remakes)
Sempre e sempre, de novo, a figura de Jesus tem
sido terrivelmente amputada a fim de adaptar-se ao
gosto de cada geração. Durante toda a história da
igreja Jesus Cristo tem passado por um processo de
repetida crucificação. Ele tem sido açoitado,
machucado e trancafiado na prisão de incontáveis
sistemas e filosofias. Tratado como um corpo de
pensamento, ele geralmente tem sido rebaixado a
sepulturas conceptuais e coberto com lápides, a fim
de que não possa ressurgir e causar-nos mais
problemas... Mas este é o milagre — que dessa
sucessão de sepulturas conceptuais Jesus Cristo
sempre e sempre ressuscita de novo!

Helmut Thielicke
Para conhecer Jesus precisamos
caminhar em duas direções:

História
experiência

(ontem) (hoje)

Ninguém que encontre Jesus


continua sendo o mesmo.

Philip Yancey, em “O Jesus que eu nunca conheci”


Vamos às fontes!
evangelhos

relatos biográficos de Jesus


(memórias)

uma pessoa (Jesus)

uma mensagem (o evangelho)

história

teologia
Os evangelhos não são

fotografias e sim retratos de Jesus

Jesus fez também muitas outras coisas. Se cada uma delas


fosse escrita, penso que nem mesmo no mundo inteiro
haveria espaço suficiente para os livros que seriam escritos.

João 21.25

Seletivos, sim! Criativos, não!


Algumas perguntas que não podem
ser esquecidas antes de prosseguir:

‣ Os evangelhos da Bíblia são confiáveis?

Evidências: Antiguidade, Credibilidade, Franqueza

‣ Existem outros evangelhos?

Sim, muitos, mas não são confiáveis

‣ Por que temos 4 evangelhos e não


apenas uma história oficial?

Intenções e preocupações pastorais distintas

Unidade na diversidade!
Mateus
um evangelho escrito por um judeu,
para os judeus, acerca de um judeu
Felizes são os olhos de vocês, porque
vêem; e os ouvidos de vocês, porque
ouvem. Pois eu lhes digo a verdade: Muitos
profetas e justos desejaram ver o que vocês
estão vendo, mas não viram, e ouvir o que
vocês estão ouvindo, mas não ouviram.

Mateus 13.16-17

cumprimento
“Tudo isso aconteceu para
que se cumprisse o que o
Senhor dissera pelo profeta...”

(12 vezes em Mateus)

a) O nascimento de Jesus e a escolha do seu nome (1.21-23)

b) A fuga para o Egito (2.14-15)

c) A matança dos meninos, promovida por Herodes (2.16-18)

d) A morada de Jesus em Nazaré, da Galiléia (2.23)

e) A pregação de João Batista (3.1-3)

f) A saída de Nazaré e começo do ministério em Cafarnaum (4.13-16)


“Tudo isso aconteceu para
que se cumprisse o que o
Senhor dissera pelo profeta...”

(12 vezes em Mateus)

g) A cura dos doentes (8.16-17)

h) O pedido de Jesus para que as pessoas não o expusessem à


publicidade (12.15-21)

i) O uso de parábolas (13.13-15,34-35)

j) A entrada triunfal em Jerusalém num jumentinho (21.5-11)

k) A traição por trinta moedas de prata (27.9)

l) A divisão da roupa de Jesus por sorte entre os soldados (27.35)


1) Jesus: O Rei prometido
“Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão”

(1.1)

“Arrependam-se, pois o reino dos céus está próximo”

(3.2; 4.17)

Em relação a Deus: Em relação a Israel:

Messias
Ungido
Salvador

(em hebraico)

Escolhido
Libertador

Cristo
Predestinado Redentor
(em grego)
2) Jesus: O Novo Moisés

“Vocês ouviram o que foi dito...

Mas eu lhes digo que...”

(5. 22, 28, 32, 34, 39, 44)

Jesus é maior do que Moisés


2) Jesus: O Novo Moisés
“Não pensem que vim abolir a Lei ou os Profetas; não vim abolir,
mas cumprir. Digo-lhes a verdade: Enquanto existirem céus e
terra, de forma alguma desaparecerá da Lei a menor letra ou o
menor traço, até que tudo se cumpra... Pois eu lhes digo que se
a justiça de vocês não for muito superior à dos fariseus e
mestres da lei, de modo nenhum entrarão no Reino dos céus.”

5.18,19,20

Jesus
Jesus não
trouxe uma
trouxe uma
nova
justiça do
nova lei interpretação
da lei coração
2) Jesus: O Novo Moisés

Quando Jesus acabou de


dizer essas coisas, as
multidões estavam
maravilhadas com o seu Jesus,

ensino, porque ele as


ensinava como quem tem o Mestre
autoridade, e não como os
mestres da lei.

7.28-29
3) Jesus: O Novo Israel

Israel Jesus
No Egito o faraó matou os Em Belém, Herodes matou os
recém-nascidos
recém-nascidos

Israel foi oprimido pelo faraó Jesus foi perseguido por


no Egito
Herodes e se refugiou no Egito

Israel passou pelas águas do Jesus passou pelas águas do


Mar Vermelho para ser provado no Jordão para ser tentado no
deserto por 40 anos
deserto por 40 dias

Moisés entregou a Lei de Deus Jesus interpretou a Lei de Moisés


ao povo no Monte Sinai no Sermão da Montanha
3) Jesus: O Novo Israel
Quando Israel era menino, eu o
amei, e do Egito chamei o meu filho.
Israel
Oséias 11.1

Um anjo do Senhor apareceu a José


em sonho e lhe disse: “Levante-se,
tome o menino e sua mãe, e fuja
para o Egito... E assim se cumpriu o Jesus
que o Senhor tinha dito pelo profeta:
“Do Egito chamei o meu filho”.

Mateus 2.13-15
3) Jesus: O Novo Israel
Quando a passagem em Mt 2.15 aplica a Jesus as
palavras de Oséias 11.1 sobre Israel ser o “filho” de
Deus resgatado do Egito, essa não é uma citação
equivocada e arbitrária, mas uma reflexão da crença de
Mateus de que Jesus é Israel, e que em suas
experiências um novo êxodo está ocorrendo. Ele é o
principal líder e representante em quem o destino da
nação está agora concentrado. Daí por diante, portanto,
pertencer a “Israel” deve significar pertencer a Jesus, e é
por meio do seu relacionamento com Ele que seu povo,
seja judeu seja gentio, torna-se o Israel de Deus.

George Ladd
3) Jesus: O Novo Israel
Ao mesmo tempo que Mateus é o
evangelho para os judeus, também
é o evangelho contra os judeus

Portanto eu lhes digo que o Reino de Deus será tirado de


vocês e será dado a um povo que dê os frutos do Reino...

Quando os chefes dos sacerdotes e os fariseus ouviram


as parábolas de Jesus, compreenderam que ele falava
a respeito deles. E procuravam um meio de prendê-lo...

Mateus 21.43-46
3) Jesus: O Novo Israel
Jesus enviou os doze com as seguintes
instruções: “Não se dirijam aos gentios, nem
entrem em cidade alguma dos samaritanos.
Antes, dirijam-se às ovelhas perdidas de Israel.

Mateus 10.5-6 (veja tb Mateus 15.24)

Jesus aproximou-se deles e disse: “Foi-me dada toda


a autoridade nos céus e na terra. Portanto, vão e
façam discípulos de todas as nações, batizando-os em
nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-
os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu
estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos”.

Mateus 28.18-20
3) Jesus: O Novo Israel
Não é judeu quem o é apenas exteriormente,
nem é circuncisão a que é meramente
exterior e física. Não! Judeu é quem o é
interiormente, e circuncisão é a operada no
coração, pelo Espírito, e não pela Lei escrita.

Romanos 2.28-29

Israel
Jesus, igreja

povo escolhido

12 tribos
o Cristo
povo escolhido

12 apóstolos
ungido de Deus
O retrato de Jesus em Mateus:

1) O Rei Prometido

2) O Novo Moisés

3) O Novo Israel
O que isso tem a ver comigo?
1. Em que Jesus você crê? No Jesus da igreja,
no Jesus da mídia gospel, no Jesus dos
remakes, ou no Jesus das Escrituras?

2. Se Jesus é o Rei e o Mestre, então devemos


confiar nele e obedecê-lo, pois ele está vivo e
reina para sempre.

3. Não perca Jesus de vista!


https://www.youtube.com/watch?v=_6PccrcHhs0