Você está na página 1de 2
Professor: Allan Rodrigo email: allanrodrigo789@gmail.com Química: Convênio Ligações Químicas Aula 01 Lig.

Professor: Allan Rodrigo

email: allanrodrigo789@gmail.com

Química: Convênio Ligações Químicas
Química: Convênio
Ligações Químicas
Aula 01
Aula 01

Lig. Interatômicas

Convênio Ligações Químicas Aula 01 Lig. Interatômicas 1. Introdução: Na natureza existem diversos tipos de

1. Introdução:

Na natureza existem diversos tipos de materiais, alguns são

sólidos (o carvão); outros líquidos (água) e outros gasosos (o ar). Isso

é devido aos tipos de ligações existentes entre os átomos.

2. Definição:

Ligações Químicas Interatômicas são as ligações internas entre átomos, responsáveis pela formação de uma molécula.

3. Teoria do Octeto:

Distribuição eletrônica dos gases nobres

 

Gás nobre

K

L

M

N

O

P

Hélio

2

Neônio

2

8

Argônio

2

8

8

Criptônio

2

8

18

8

Xenônio

2

8

18

18

8

Radônio

2

8

18

32

18

8

5. Ligação Covalente:

Ligação covalente é a união entre átomos estabelecida por pares de elétrons.

Ametal + Ametal

ou

Hidrogênio + Ametal

Ex:

H + H -H 2

+ Ametal ou Hidrogênio + Ametal Ex: H + H -  H 2 Representações das

Representações das Ligações Covalentes

H + H -  H 2 Representações das Ligações Covalentes Um átomo adquire estabilidade quando
Um átomo adquire estabilidade quando possui 8 elétrons na camada eletrônica mais externa, ou 2
Um átomo adquire estabilidade quando possui 8 elétrons na
camada eletrônica mais externa, ou 2 elétrons quando possui apenas
a camada K.
Ex:
Pontos fundamentais para entender a formação das ligações
 Classificação do elemento na tabela periódica.
Caso especial (Ligação Dativa)
 Distribuição eletrônica.
 Teoria do Octeto.
4. Ligação Iônica:
Ligação iônica é a força que mantém os íons unidos, depois
que um átomo cede um ou mais elétrons para outro átomo.
6. Ligação Metálica:
Metal + Ametal
Ligação metálica é a união entre metais, devido a presença de
elétrons livres, chamada de nuvem eletrônica.
Ex:
11 Na: K-2; L-8; M-1 -- 17 Cl: K-2; L-8; M-7
Metal + Metal
Na + Cl  NaCl
M-1 -- 17 Cl: K-2; L-8; M-7 Metal + Metal Na + Cl  NaCl Ligas

Ligas metálicas são as misturas sólidas de dois ou mais elementos. Sendo composto por maior parte de elementos Metálicos.

Aço = Ferro e Carbono

Bronze = Cobre e Estanho

Latão = Cobre e Zinco

Ouro 18 quilates = Ouro e Cobre

Fórmula geral

e Zinco  Ouro 18 quilates = Ouro e Cobre Fórmula geral [A + x ]

[A +x ] y

[B -y ] x = A y B x

geral [A + x ] y [B - y ] x = A y B x

A = Cátion

B = Ânion

Ex:

Mg 2+ Cl - MgCl 2

A = Cátion B = Ânion Ex: Mg 2 + Cl -  MgCl 2 Propriedades

Propriedades dos metais

Brilho metálico: refletem a luz. Condutividade Térmica e Elétrica elevadas: são bons condutores de calor e eletricidade, devido a presença de elétrons livres. Densidade elevada: são compactos e de massa elevada. Pontos de Fusão e Ebulição Elevados: características dos metais, devido a ligação metálica que é forte e não permite a desunião dos átomos. Resistência à tração: são bastante resistentes a choques mecânicos e rupturas. Maleabilidade: possui a capacidade de se moldar. Ductibilidade: fácil transformação em fios.

Professor: Allan Rodrigo email: allanrodrigo789@gmail.com Química: Convênio Ligações Químicas Aula 01 Lig.

Professor: Allan Rodrigo

email: allanrodrigo789@gmail.com

Química: Convênio Ligações Químicas
Química: Convênio
Ligações Químicas
Aula 01
Aula 01

Lig. Interatômicas

Convênio Ligações Químicas Aula 01 Lig. Interatômicas b) covalente, de fórmula XY 2 c) covalente, de

b) covalente, de fórmula XY 2

c) covalente, de fórmula X 2 Y 3

d) iônico, de fórmula X 2+ Y 2

e) iônico, de fórmula X 2 + Y 2

8. (Uepa 2010) Diversos gases, em diferentes regiões, gerados por indústrias, veículos e queimadas, têm tornado a chuva mais ácida que o normal, ocasionando diversos problemas ambientais. Qual a alternativa que apresenta só moléculas com ligações covalentes?

a) CO 2 , SO 2 , SO 3 , NO 2

b) CO 2 , FeO, SO 3 , CaO

c) CO 3 , SO3, FeO, NO 2

d) CO 2 , SO 2 , SO 4 , CaO

e) CO 2 , SO 3 , FeO, NO 3

9. (PUC-MG) As propriedades ductilidade, maleabilidade, brilho e condutividade elétrica caracterizam:

TESTANDO O CONHECIMENTO

1.

(UFF-RJ)

Para

que

um

átomo

neutro

de

cálcio

se

transforme no íon Ca 2+ , ele deve:

 

a)

receber dois elétrons; d) perder dois prótons;

 

b)

receber dois prótons; e) perder um próton.

c)

perder dois elétrons;

 

2.

(U.

Católica

Dom

Bosco-MS)

Um

elemento

de

configuração 1s2 2s2 2p6 3s2 3p5 possui forte tendência para:

a)

perder 5 elétrons. d) ganhar 2 elétrons.

b)

perder 1 elétron. e) ganhar 1 elétron.

c)

perder 2 elétrons.

3.

(Mackenzie-SP) Para que os átomos de enxofre e potássio

adquiram configuração eletrônica igual à dos gases nobres, é necessário que:

(Dados: número atômico S = 16; K = 19.) a) cloreto de potássio e alumínio
(Dados: número atômico S = 16; K = 19.)
a) cloreto de potássio e alumínio
b) cobre e prata
a)
o enxofre receba 2 elétrons e que o potássio receba
7
c) talco e mercúrio
elétrons.
d) grafita e diamante
b)
o enxofre ceda 6 elétrons e que o potássio receba
7
e) aço e P.V.C.
elétrons.
c)
o enxofre ceda 2 elétrons e que o potássio ceda 1 elétron.
d)
o enxofre receba 6 elétrons e que o potássio ceda 1 elétron.
e)
o enxofre receba 2 elétrons e que o potássio ceda 1 elétron.
10. (UFU) Entre as substâncias simples puras constituídas por
átomos de S, As, Cd, I e Br, a que deve conduzir melhor a
corrente elétrica é a substância:
4.
(UFPA) Sejam os elementos X, com 53 elétrons, e Y, com
a) enxofre b) arsênio c) cádmio d) iodo e) bromo
38 elétrons. Depois de fazermos a sua distribuição eletrônica,
podemos afirmar que o composto mais provável formado pelos
elementos é:
11. (U. Católica Dom Bosco-MS) Conhecidas as estruturas de
Lewis (fórmulas eletrônicas) dos elementos A B C D E podemos
afirmar que algumas substâncias possíveis de se formar são:
a)
YX 2
d) Y 2 X
b)
Y 3 X 2
e) YX
a) A2B e B2C
d) D2 e E2
c)
b) A2D e BD
e) BD e C2
Y 2 X 3
c) C2D e D2
5.
Em um composto, sendo A o cátion, B o ânion e A 3 B 2 a
fórmula, provavelmente os átomos A e B, no estado normal,
tinham, respectivamente, os seguintes números de elétrons
periféricos:

a)

3 e 2

d) 3 e 6

b)

2 e 3

e) 5 e 6

c)

2 e 5

6.

(Mackenzie-SP) Dados: O (Z = 8); C (Z = 6); F (Z = 9);

H

(Z = 1).

A

molécula que apresenta somente uma ligação covalente

normal é:

12 (UFPA) Os átomos dos elementos se ligam uns aos outros através de ligação simples, dupla ou tripla, procurando atingir uma situação de maior estabilidade, e o fazem de acordo com a sua valência (capacidade de um átomo ligar-se a outros), conhecida através de sua configuração eletrônica. Assim, verifica-se que os átomos das moléculas H 2 , N 2 , O 2 , Cl 2 estão ligados de acordo com a valência de cada um na alternativa:

ligados de acordo com a valência de cada um na alternativa: a) b) c) F 2

a)

b)

c)

F 2

O 2

CO

d) O 3 e) H 2 O

7.

6 elétrons na camada de valência. Quando X e Y reagem,

(Vunesp) Os elementos X e Y têm, respectivamente, 2 e

forma-se um composto:

a) covalente, de fórmula XY