Você está na página 1de 5

Bate o Sino Natal

Hoje a noite é bela Juntos eu e ela Vamos à capela Felizes a rezar

Ao soar o sino Sino pequenino Vai o Deus menino Nos abençoar

Bate o sino pequenino Sino de Belém Já nasceu o Deus menino Para o nosso bem

Paz na Terra pede o sino Alegre a cantar Abençoe Deus menino Este nosso lar

Noite feliz, noite feliz

Ó senhor, Deus de amor

Pobrezinho nasceu em Belém Eis na lapa, Jesus nosso bem Dorme em paz, ó Jesus Dorme em paz, ó Jesus

Noite feliz, noite feliz Eis que no ar vem cantar Aos pastores os anjos dos céus Anunciando a chegada de Deus De Jesus, Salvador! De Jesus, Salvador!

Noite feliz, noite feliz

Ó senhor, Deus de amor

Pobrezinho nasceu em Belém Eis na lapa, Jesus nosso bem Dorme em paz, ó Jesus Dorme em paz, ó Jesus

Noite feliz, noite feliz Eis que no ar vem cantar Aos pastores os anjos dos céus Anunciando a chegada de Deus De Jesus, Salvador! De Jesus, Salvado

Então É Natal

Simone

Então é Natal, e o que você fez?

O ano termina, e nasce outra vez

Então é Natal, a festa Cristã

Do velho e do novo, do amor como um todo

Então bom Natal, e um ano novo também

Que seja feliz quem souber o que é o bem

Então é Natal, pro enfermo e pro são

Pro rico e pro pobre, num só coração

Então bom Natal, pro branco e pro negro

Amarelo e vermelho, pra paz afinal

Então bom Natal, e um ano novo também

Que seja feliz quem, souber o que é o bem

Então é Natal, o que a gente fez?

O ano termina, e começa outra vez

Então é Natal, a festa Cristã

Do velho e do novo, o amor como um todo

Então bom Natal, e um ano novo também

Que seja feliz quem, souber o que é o bem

Marcas do Que se Foi

Os Incríveis

Este ano quero paz

No meu coração

Quem quiser ter um amigo

Que me dê a mão

O tempo passa e com ele

Caminhamos todos juntos

Sem parar

Nossos passos pelo chão

Vão ficar

Marcas do que se foi

Sonhos que vamos ter

Como todo dia nasce

Novo em cada amanhecer

Marcas do que se foi

Sonhos que vamos ter

Como todo dia nasce

Novo em cada amanhecer

o Natal existe

Natal

Quero ver você não chorar não olhar pra trás nem se arrepender do que faz

Quero ver

o amor crescer

mas se a dor nascer você resistir e sorrir

Se você pode ser assim tão enorme assim eu vou crer

Que o Natal existe que ninguém é triste

e no mundo há sempre amor

Bom Natal um Feliz Natal muito Amor e Paz pra Você pra VOCÊ.

Fico Assim Sem Você Avião sem asa Fogueira sem brasa Sou eu assim, sem você Futebol sem bola Piu-Piu sem Frajola Sou eu assim, sem você Por que é que tem que ser assim? Se o meu desejo não tem fim Eu te quero a todo instante Nem mil alto-falantes Vão poder falar por mim

Amor sem beijinho Buchecha sem Claudinho Sou eu assim sem você Circo sem palhaço Namoro sem abraço Sou eu assim sem você Tô louco pra te ver chegar Tô louco pra te ter nas mãos Deitar no teu abraço Retomar o pedaço Que falta no meu coração Eu não existo longe de você E a solidão é o meu pior castigo Eu conto as horas pra poder te ver Mas o relógio tá de mal comigo Eu não existo longe de você

E a solidão é o meu pior castigo

Eu conto as horas pra poder te ver Mas o relógio tá de mal comigo

Por quê? Por quê? Neném sem chupeta Romeu sem Julieta Sou eu assim, sem você Carro sem estrada Queijo sem goiabada Sou eu assim, sem você

Você

Por que é que tem que ser assim? Se o meu desejo não tem fim Eu te quero a todo instante Nem mil alto-falantes Vão poder falar por mim

Eu não existo longe de você

E a solidão é o meu pior castigo

Eu conto as horas pra poder te ver Mas o relógio tá de mal comigo Eu não existo longe de você

E a solidão é o meu pior castigo

Eu conto as horas pra poder te ver

Mas o relógio tá de mal comigo Por quê? Por quê?