Você está na página 1de 15

Responso do Justo Juiz Divinal (para proteção no dia-a-dia, proteção em viagens):

Justo Juiz Divinal, filho da virgem Maria, em Belém foste nascido, em Jerusalém foste
crucificado diante de toda a judiaria. Salvai-nos meu Deus e Senhor neste santo dia (ou
santa noite). Que o nosso corpo não seja preso nem morto nem de justiça envolto. Pax
tecum, pax tecum, pax tecum, três vezes pax tecum (bate-se com a mão direita
espalmada no peito as três vezes que se diz pax tecum), disse Jesus aos seus discípulos.
Se vierem os nossos inimigos para nos prenderem ou matarem ou sangue do nosso
corpo tirarem, que não possam: tenham olhos e não nos vejam, boca e não nos falam,
braços e não nos afrontem, pernas e não nos alcancem. Com o leite da Virgem Maria
seremos borrifados, com o sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo seremos purificados,
com as armas de São Jorge seremos bem armados, com os cordões de São Francisco
seremos bem apertados, com a capa de Abraão seremos bem capeados, com as chaves
de São Pedro seremos bem fechados na arca de Noé bem arrecadados, para que os
nossos inimigos não nos possam ver, nem matar, nem sangue do nosso corpo tirar. Com
os três cálices bentos, com os três sacerdotes revestidos ao altar, com as três hóstias
consagradas Deus nos dê tão doce companhia como deu á Virgem Maria quando foi de
Belém para Jerusalém com o Seu Bendito Filho ámen. Em louvor de Deus e da Virgem
Maria, um Pai-Nosso e uma Avé Maria.

Responso da Cruz do Santo Lenho (para proteção no dia-a-dia):

Jesus Santo nome de Jesus, Meu Deus, eu me entrego neste dia (nesta noite) á Cruz do
Santo Lenho, á toalha onde o Senhor foi envolvido. Que o meu corpo não seja preso,
nem chagado, nem do inimigo vencido. Lado aberto, coração ferido, sangue do lado de
Nosso Senhor Jesus Cristo esteja entre mim e o perigo. Em louvor de Deus e da Virgem
Maria e da Cruz do Santo Lenho, um Pai-Nosso e uma Avé Maria.

Dizer para proteção do corpo: Deus todo-poderoso é a minha proteção Divina


permanente e é a proteção Divina do meu corpo, do meu ser e da minha paz de espírito.
Eu fico em paz e Deus todo-poderoso dá-me a resposta.
Dizer para proteção do corpo: O sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo vivo se meta
entre mim e o perigo. Dizer três vezes seguidas.

Dizer para que haja um bom entendimento com o marido, ou quando


vamos ter uma conversa que de antemão sabemos que vai ser
complicada: Deus todo-poderoso é a minha proteção Divina e é a proteção Divina do
nosso entendimento (fulano) e da paz entre nós (diz-se o motivo porque queremos que
a conversa corra bem e o que desejamos obter com a conversa). Eu fico em paz e Deus
todo-poderoso dá-me a resposta.
Dizer sempre antes de entrar em casa ou no trabalho: paz nesta casa e para
quem nela habita e paz para a entrada desta casa. Paz nesta escola e para todo ser
humano que nela se encontra e paz para a entrada desta escola.

Dizer quando vemos que alguém nos quer derrubar ou que nos estão a
tramar a vida: Que Deus te confunda e te entrave ao cêntuplo (fulano) como tu me
queres confundir e entravar a mim. Eu fico em paz e Deus todo-poderoso dá-me a
resposta.
A próxima oração usar em ULTIMO CASO:
Defumar a casa com salvia seca e arruda seca para afastar más energias e vibrações.
Quando as ervas estiverem secas, pôr num carvão a arder especial para defumações. Se
não tiver carvão, pôr a arder num recipiente que aguente com altas temperaturas (algo
em ferro, ou inox), mas deixar libertar o fumo, ou seja, pôr a arder para que liberte o
fumo – não queimar demasiado. Fazer as defumações sempre de dia, nunca à noite.
Repetir o processo durante 3, 7 ou 9 dias, conforme quiser e sentir que o ambiente está
mais harmonioso.
Pôr um copo pequeno com água e sal grosso atrás da porta da entrada de casa, se
possível do lado esquerdo da porta e que não esteja visível, afasta as pessoas mal-
intencionadas e purifica o ambiente da casa. Quando a água estiver a acabar, deitar
fora a água e o sal grosso em água corrente (lavatório, sanita etc.) e fazer o
procedimento todo de novo.

Na entrada da porta de casa, por baixo do tapete da entrada de casa, pôr sal grosso
formando uma cruz e tapar com o tapete para que não se veja a cruz. Afasta gente mal-
intencionada e purifica quem entrar na casa.
Deve-se tomar banho de emersão com sal grosso e três colheres de mel na água para
descarregar más energias e a pessoa ficar menos desassossegada. Atenção que a
cabeça não se lava, só do pescoço para baixo. Fazer isto de três em três meses, se estiver
muito carregada, fazer uma vez por mês. Outro banho importante para descarregar
energias negativas leva alfazema, arruda, espada de S. Jorge e salvia. Também existem
os banhos já prontos que se compram em ervanária ou casa de produtos esotéricos,
preparam-se da mesma forma que os banhos de ervas, em vez de derramar a água
fervida numa bacia com as plantas, derrama a água fervida numa bacia com o preparado
comprado.
Quando um ente querido morre e nos lembramos dele depois devemos dizer: Fulano
que Deus te faça evoluir para os séculos dos séculos sem fim ámen.