Você está na página 1de 15

AO LEITOR

Apostilas mon'a'xí mais uma vez trazendo informação para você.


de forma simples e prática, fazemos seu intendimento ser muito mais preciso
e complexo.

Em nosso material focamos sempre a informação de modo que incentive o


estudo e aperfeiçoamento de conhecimento dentro da religião, procuramos
utilizar uma linguagem ''informal'', ou seja, uma linguagem fora da
gramática linguística culta. mas não para desmoralizar os dialetos, e sim,
fazer que o entendimento seja satisfatório.

Não adianta criar um documento totalmente dotado de palavras formais e até


mesmo utilizar os verdadeiros dialetos, pois, muitas pessoas não teriam noção
do que realmente está escrito ali.
dentro deste conceito que desenvolvemos então nosso material, simples, mas
preciso.

Ao decorrer da leitura, você observará todos os registros sobre o assunto


referido e ter a certeza de como fazer e proceder com o mesmo.

É importante lembrar sempre que, ninguém faz nada igual a ninguém e logo,
pode acontecer de algumas informações serem adversas de outras que você já
possui conhecimento. porém sempre deve ser visado que conhecimento nunca
é demais, e tudo o que aprendemos na vida há ela deve ser agregado.

Nosso material é produzido a partir de depoimentos de pessoas antigas da


religião, não com o intuito de banalizar a mesma, mas sim, de propagar o
conhecimento para evitar que ela se perda e que seja praticada de forma
errada.

Sugiro que para tornar sua assimilação mais precisa agregue o conteúdo de
uma apostila com o de outra, pois existem informações que estão divididas em
outros exemplares.

BOA LEITURA.
O QUE VEM A SER QUIZILAS DE ORIXÁ

No mundo do candomblé existem diversas proibições chamadas AWO ou


simplesmente PROIBIÇÕES DE ORIXÁ.

Estas proibições iram variar de orixá para orixá, mas no geral todas as
proibições são de comidas.

O termo denominado QUIZILA se dá a partir do momento que uma pessoa


infringe as regras, ou seja, proibições que aquela determinada divindade
impõe dentro do seu culto.

Uma quizila é como se fosse uma reação alérgica que pode se manifestar
desde uma simples coceira na pela, como de um grande sufocamento que
causará a morte.

Trata-se de algo muito perigoso, pois as complicações vão muito além destes
tipos de reações.

O que acontece é que muitas pessoas esquecem de ver que colocar um orixá
contra uma pessoa é muito perigoso, pois divindade do panteão negro são
encantadas, cheias de vida e força.

Quando colocamos uma energia da natureza contra sua própria criação


graves consequências podem ocorrer com o mandante.

Orixá trata-se de uma energia que está presente em todos os lugares, logo isso
deixa claro que a verdadeira divindade saberá se realmente aquilo que está
sendo feito é certo ou errado.

Pessoas no geral quando param para fazer magia esquecem de lembrar que
nem tudo é magia, que nem toda divindade é para se trabalhar com magias
maléficas, logo colocar Oxossi ou qualquer outra divindade contra uma
pessoa será um erro gravíssimo.

É importante deixar claro nesta apostila que a pessoa que faz estes tipos de
magias sofrerá consequências graves dentro de sua religião, será castigada
mais cedo ou mais tarde pelas divindades.

Algo também importante de lembrar é que a mais simples magia ou oferenda


feita de forma contrária, ou seja, para quizilar a divindade já é suficiente
para causar grandes danos na vida de uma pessoa.
Um simples mel sobre o milho de Oxossi já será capaz de causar muita dor.

Orixás são seres muito sensíveis e intocáveis.

Um dos grandes segredos usados por nós é colocar todas e qualquer quizila
que seja feita para uma pessoa encima de Exú Orixá, ou simplesmente em
uma encruzilhada.

Usar um OFÓ IBI, palavra de problemas e magia para lesar qualquer pessoa.

Dentro disso, quando for fazer algo do gênero sempre coloque a magia encima
de Exú e reze o Ofó oferecendo em nome da pessoa desejada.

A explicação para isso é o simples fato de Exú ser a divindade mais próxima
dos seres humanos e também pelo motivo de Exú ser aquele que se comunica
com todos os outros orixás, de ser o íntimo de Orumilá, etc.

O procedimento é bem simples:

- Rezar uma evocação de Exú.

- Passe azeite de dendê branco no Assentamento de Exú.

- Oferecer comida para a divindade nos pés de Exú em nome da pessoa.

- Rezar um Ofó Ibi, que fará mal para a pessoa.

Isso é a regra, mas a imaginação deve fluir nestes casos, e principalmente, a


intuição.

Que fique claro que tudo o que for feito aqui é por livre consentimento da
pessoa.

Magias feitas neste seguimento são bem melhores, pois além de irritar e
quizilar o santo da pessoa, farpa o mesmo com o orixá Exú.

Isso será bem mais forte, causará dor e uma tremenda surra.

Cabe-nos apenas lembrar que a pessoa entonar o orikí e ofó ibi de forma
correta será crucial, pois sem isso a evocação é inválida.

Estejam seguros dos atos á serem praticados e boa magia.


REZA DE EVOCAÇÃO DE EXÚ

Èsù òta Òrìsà.


Osétùrá ni oruko bàbá mò ó.
Alágogo Ìjà ni orúko ìyá npè é,
Èsù Òdàrà, omokùnrin Ìdólófin,
O lé sónsó sí orí esè elésè
Kò je, kò jé kí eni nje gbé mì,
A kìì lówó láì mú ti Èsù kúrò,
A kìì lóyò láì mú ti Èsù kúrò,
Asòntún se òsì láì ní ítijú,
Èsù àpáta sómo olómo lénu,
O fi okúta dípò iyò.
Lóògemo òrun, a nla kálù,
Pàápa-wàrá, a túká máse sà,
Èsù máse mí, omo elòmíràn ni o se.

Èsù, o orixás da pedra.


Osétùrá é o nome pelo qual você é chamado por seu pai.
Alágogo Ìjà é o nome pelo qual você é chamado por sua mãe.
Èsù Òdàrà, o homem forte de ìdólófin,
Èsù, que senta no pé dos outros.
Que não come e não permite a quem está comendo que engula o
alimento.
Quem tem dinheiro, reserva para Èsù a sua parte,
Quem tem felicidade, reserva para a Èsù sua parte.
Èsù, que joga nos dois times sem constrangimento.
Èsù, que faz uma pessoa falar coisas que não deseja.
Èsù, que usa pedra em vez de sal.
Èsù, o indulgente filho de Deus, cuja grandeza se manifesta em toda
parte.
Èsù, apressado, inesperado, que quebra em fragmentos que não
se poderá juntar novamente,
Èsù, não me manipule, manipule outra pessoa.

Èsù pèlé o, okanamaho,


ayanrabata awo he oja oyinsese,
seguri alabaja,
olofin apekayu, amonise gun mapo
Nko o
Èsù, ba nse ki imo
Èsù, keru o ba onimimi
Èsù, fun mi ofo ase mo pele Òrìsà
Èsù, alayiki a juba
Àse

Elogiado é o espírito do mensageiro divino


Mensageiro Divino, eu chamo a você por seus nomes de elogio
Mensageiro Divino guia minha cabeça para minha rota com destino
Mensageiro Divino, eu honro a sabedoria infinita
Mensageiro Divino, ache lugar onde submergir meus sofrimentos
Mensageiro Divino, dê força para minhas palavras de forma que evoque
as forças da natureza fortemente
Mensageiro Divino, nós pagamos nossos cumprimentos dançando em
círculo
Axé

OFÓ IBI

Iba Èsù Oláàlú


Èsù Oláàlú okiri-oko
A bá ni woran
Bi à o rí dá
Èsù má sé mi, ómó elomiran ni o se
Èsù ki (nome dos inimigos) apata-pití a piti pata
Ódá, ódá, ódá, ódá, ódá, fún otá mi
Èsù ye
Èsù má sé mi, ómó elomiran ni o se
Èsù (nome dos inimigos) ni o se
Àsé

Saudações Exú Olaalu


O Exú que possui o título de atirador de pedras
Aquele que inclinado vê as coisas claramente
Dê-nos nascimento de coisas boas
Exú não me manipule, uma outra pessoa ou seu filho deve ser manipulado
Exú que (nome do inimigo) seja morto com um grande porrete.
Vosso porrete mata seja persistente.
Escassez, fome, dor, miséria, roubo, perda, loucura e tudo de ruim para meu
inimigo.
Exú está vivo.
Exú não me manipule, uma outra pessoa ou seu filho deve ser manipulado
Exú, (nome do inimigo) deve ser manipulado
Assim será.

QUIZILAS DE EXÚ:

* Pegar um pombo preto e sacrificar este encima de um prato de louça.


Dentro deste pombo colocar o nome da pessoa, óleo de dendê branco, 3 obís
de água, 3 orogbos de água e sal grosso.

Costure este pombo com linha preta, enterre em uma encruzilhada e deixe
uma bandeirinha preta encima.

* Passar sobre o assentamento do orixá Exú, fezes de porco, fezes de gato e


fezes de cachorro. Fritar 120 pimentas malaguetas em óleo de dendê branco e
jogar encima dele dizendo que é fulano que mandou, em seguida coloque
dentro da boca de dois pintinhos amarelos o nome da pessoa e pendure estes
amarrados pelos pés no assentamento de Exú.

* Pegar a cabeça de uma CABRA branca que foi oferecida a qualquer outro
santo, colocar na boca desta cabra o nome da pessoa, uma folha de comigo
ninguém pode e uma faca enferrujada.
Enterre em uma encruzilhada, regue em azeite de dendê branco e urine
encima.

QUIZILA DE OGUM:

* Pegar um cará do norte redondo e assar até que fique mole.


Faça um buraco dentro deste cará e coloque o nome da pessoa, 13 favas de
Nanã, 13 pimentas-malagueta, 13 pregos de cemitério e enterre em um
mangue. Essa magia entra na lenda de Onde Ogum entrou no reino de Nanã,
logo a briga estará feita.

* Torrar feijão-preto até que este fique extremamente torrado como carvão,
abra um buraco no chão de uma estrada de terra e coloque o nome da pessoa
dentro, pé, orelha, rabo, cabeça, etc. Tudo que for de porco. Jogue o feijão-
preto encima e folhas de taioba roxa. Evoque a divindade e vá embora.

* Pegar um cará de taioba roxa bem grande e assar na brasa ou forno. Abra
esse cará ao meio e escreva o nome da pessoa, regue com urina de cachorro,
óleo de mamona e fezes de animal de rua. Enfeite com 21 taliscas de mariwo e
entregue em um cemitério, mangue ou pântano.

QUIZILAS DE OXÓSSI:

* Pegar uma casa de marimbondo abandonada ou não, em cada um dos


buracos colocar o nome da pessoa. Cozinhe uma abóbora moranga e limpe a
mesma, dentro desta coloque a casa de marimbondo com o nome da pessoa,
mel de abelhas até cobrir e por cima coloque pó de milho de galinha torrado.
Enterre esta abóbora em uma mata que esteja bem suja de lixo.

* Cozinhe um quilo de milho de galinha com pimenta até que este fique mole,
misture este milho com abelhas, mel e cera de abelha. Enfeite com fatias de
coco estragado e corte um pombo preto encima de tudo. Entregue em uma
mata.

* Colocar dentro de uma cabaça, miúdos de boi crús, mel, pimenta da costa e
fezes de galinha. Enterre esta cabaça nos pés de uma jaqueira em nome da
pessoa.
Para essa magia reze o seguinte na hora de enterrar:

OPA OKA
LORIMÃ
OPA OKA
LOJARÊ
OPA OKA
LORIMÃ
OPA OKA
LOJARÊ
AXÉ
TEMIM
E LOJI L'ONI
OPA OKA
LOJARÊ
AXÉ
TEMIM
E LOJI L'ONI
OPA OKA
LOJARÊ
QUIZILAS DE OSSAIM:

* Dentro de uma cabaça coloque fezes de porco, fezes de cachorro e fezes de


rato, mel, pinga, terra de cemitério e o nome da pessoa. Enterre esta cabaça
nos pés de um peregum verde depois de passar 21 dias nos pés de Exú.

* Dentro de uma garrafa coloque 7 lambaris vivos, 7 camarões vivos, vinho


seco, fumo-de-corda, folhas de peregum e pimenta da costa. Leve esta garrafa
até uma mata e entregue na entrada para ARONI em nome da pessoa.

* Pegar um bagre com ferrão e colocar o nome da pessoa dentro.


Enterre este debaixo de um pé de café e regue com azeite de dendê, azeite de
dendê branco e urina de qualquer bicho.

OBS: Ossaim é o grande mago e feiticeiro. Quizilas para Essa divindade é


praticamente impossível de pegar. Ele conhece o poder de desfazer e fazer
tudo.

QUIZILAS DE OMOLÚ E OBALUAIÊ

* Colocar dentro de um buraco no cemitério pipoca queimada, carne de


porca crua, azeite de dendê branco e ossos quebrados. Se possível coloque as
roupas e pertences da pessoa dentro deste buraco.

* Dentro de uma cabaça coloque urina de porco, fezes de cachorro e folhas de


taioba roxa. Acrescente pipoca queimada e bolas de argila de mangue.
Entregue esta cabaça em uma encruzilhada.

* Fazer 7 trouxas com folhas de mamona de farinha de mandioca com azeite


de dendê, pimenta-malagueta, pimenta da costa, orogbo ralado e cachaça.
Entregue estas trouxas na beira de um mangue, mas não olhe para trás.

OBS: Assim como Ossaim, Omolu e Obaluaiê é praticamente impossível de


criar quizilas, pois são divindades ligadas a terra, o mesmo acontece com
Oxumarê, Nanã e Iroko.
QUIZILAS DE NANÃ:

* Pegar uma rã viva e dentro da boca desta colocar o nome da pessoa, 7


pregos enferrujados e 7 lâminas. Enrolar está rã com correntes e espetar ela
com agulhas. Enterre em uma estrada em nome de Ogum Meje.

* Estourar pipoca no azeite de dendê até que as mesmas queimem, colocar


está pipoca dentro de um pote de barro com pó de ferro, folha do caroço de
manga torrado, fezes de cachorro e enxofre.
Entregar com o nome da pessoa no assentamento de Exú por 21 dias e depois
enterrar no mangue para Nanã.

* Colocar o nome da pessoa dendro da boca de uma rã viva e colocar está rã


em uma panela ou fogueira para torrar, depois de torrada fazer está rã virar
pó.
Misture o pó com argila de mangue, enxofre, pó de ferro e pó de búzios
pretos.
Faça uma bola e espete a bola com 21 pregos de ferro.
Coloque no assentamento de Exú por 13 dias e depois enterre no pântano ou
mangue.

QUIZILAS DE IROKO:

* Torrar milho de pipoca até que vire carvão, misturar este pó com folhas de
comigo ninguém pode torradas, pimentas malaguetas torradas e óleo de
rícino fervendo. Coloque a mistura dentro de uma cabaça e enterre aos pés de
uma gameleira.

* Colocar o nome da pessoa dentro da boca de um pombo do mato, untar este


pombo inteiro com mel e óleo de mamona.
Enterre o pombo vivo nos pés de uma seringueira brava.

* Pegar 7 pregos grandes e escrever neles o nome da pessoa com o sangue de


um pombo preto. Colocar os pregos dentro do pombo e enterrar em um vaso
por 21 dias. Passado os dias, retire os pregos de dentro do pombo e pregue os
mesmos em uma gameleira até a cabeça não aparecer mais. (Extremamente
Perigoso).

QUIZILAD DE OXUMARÊ:

* Colocar o nome da pessoa dentro de 14 ovos de ganço com Azogue e veneno


ou sangue de cobra. Deixe estes ovos encima do assentamento de Exú até que
apodreça. Os ovos estando podres enterre na beira de um rio.
* Colocar o nome da pessoa dentro de uma cabeça de cobra de qualquer
espécie e espetar está cabeça com 7 pregos de cemitério. Após isso faça um
purê de batata-doce com pimenta e azeite de dendê, coloque a cabeça no meio
e entregue no assentamento de Exú. Depois de 14 dias entregue em uma
encruzilhada.

* Dentro de uma cabaça colocar o nome da pessoa, 14 pedaços de ferro, 14


pedaços de cobre e uma cobra cortada em 14 pedaços. Reze encima do nome
da pessoa e enterre em uma encruzilhada.

QUIZILAS DE XANGÔ:

* Pegar uma cabaça e colocar o nome da pessoa, terra de cemitério, fezes de


porco e 13 obís vermelhos ralados. Fazer Orikí Xangô e enterrar dentro de
uma mata aos pés de uma gameleira.

* Colocar o nome da pessoa dentro de um rim de porco, espetar este com 13


pregos e entregar dentro de uma gamela com azeite de dendê branco e pó de
obí torrado.

* Pegar 13 quiabos e colocar o nome da pessoa mais um prego enferrujado


dentro de cada uma destes quiabos. Fazer um amalá com muita pimenta,
carne e banha de carneiro. Enfeitar com os 13 quiabos, 13 bolas de água e 13
bolas de água com olho de carvão. Despache no cruzeiro.

QUIZILAS DE OBÁ:

* Colocar dentro de um alguidar 15 orelhas de porco regadas com urina de


porco e azeite de dendê. Reze sobre o nome da pessoa e cubra com pó de
orelha de pau torrado. Entregue no rio para Oxum.

* Escrever o nome da pessoa em 7 orelhas de porco ou boi e enterrar estas em


um cemitério.

* Pegar um preá e raspar toda a sua barriga. Escreva na barriga o nome da


pessoa e passe azeite de dendê no bicho todo.
Leve até o assentamento de Exú e arranque com uma fava a orelha esquerda
do bicho. Enterre em uma mata em nome de Obá e acenda uma fogueira
encima.
QUIZILAS DE EWÁ:

* Colocar o nome da pessoa dentro da boca de uma galinha preta viva e


enterrar esta ainda viva as margens de uma nascente.

* Colocar o nome da pessoa dentro de uma cabaça com 7 ovos de galinha


preta, 7 pregos e Azogue, Entregar o assentamento de Exú e deixar lá até que
fique podre. Depois disso jogue dentro de uma nascente limpa as 18:00 horas.

* Dentro de uma penela de barro colocar o caldo de 21 ovos podres, feijão-


fradinho cozido podre e sangue do cio de uma gata, cadela ou qualquer outro
bicho. Enterre esta penela em uma encruzilhada.

QUIZILAS DE OYA:

* Prepare uma massa de acarajé com pimenta malagueta, pimenta da costa,


pó de carvão, pó de cobre, folhas de comigo ninguém pode picadas e frite os
acarajés na banha de porco com o nome da pessoa dentro.
Enterre 9 acarajés destes em um bambuzal e mais 9 acarajés em uma
encruzilhada.

* Colocar dentro de uma quartinha 1 acarajé com pimenta, mel e pelo de


carneiro. Feche a quartinha e coloque no assentamento de Oya ou enterre em
um bambuzal.

* Colocar o nome da pessoa dentro de 9 ovos de galinha e colocar estes ovos


dentro de uma franga branca sacrificada encima de Exú. Enterre esta galinha
em uma encruzilhada e regue com mel e pelo de carneiro.

QUIZILAS DE OXUM:

* Colocar o nome da pessoa dentro de 15 ovos de pata e colocar estes dentro


de uma panela de barro, regue com azeite de dendê mel e urina de cachorro.
Deixe no assentamento de Exú até que fique podre, depois entregue no rio.

* Fazer um Omolocum com 21 ovos crús e chocos, enfeitar este omolocum


com pedaços de espelho quebrados e pregos. Regue com azeite de dendê
fervendo e ofereça no assentamento de Exú até embolorar. Após isso despache
as margens de um rio.

* Dentro de uma quartinha colocar uma gema de ovo de pata, pimenta,


pregos e um feto de animal ou gente, coloque um obí de 5 pontas dentro da
quartinha e enterre na beira de um rio.
QUIZILAS DE LOGUM EDÉ:

* Pegar um peixe bagre com o ferrão e tripas. Colocar o nome da pessoa


dentro da boca deste e encher de pimenta. Asse este peixe em folhas de
bananeira e entregue ainda quente na beira de um rio por cima de pipocas
regado por muito mel.

* Cozinhar milho de galinha e feijão-fradinho com caruchos em uma água de


mel. Após isso coloque tudo dentro de uma penela, jogue seis peixinhos vivos
dentro da penela, regue com azeite de dendê e enterre em uma encruzilhada.

* Coloque o nome da pessoa em 21 peixinhos vivos, espete todas em pregos e


enterre em um cemitério para Omolu, regue com mel e pipocas.

QUIZILAS DE IEMANJÁ:

* Colocar o nome da pessoa dentro de 21 cabeças de peixe, colocar estas


dentro de uma cabaça e deixar apodrecer. Enterre as margens de um rio.

* Dentro de uma cabeça de cera colocar o nome da pessoa, 4 obís brancos e


muita pimenta. Enterre esta cabeça em um cemitério ou em uma
encruzilhada.

* Colocar dentro de uma penela, 4 peixes de couro, 4 espelhos quebrados, 4


camarões, 4 pés de porco, 4 cabeças de peixe e pimenta. Entregar para Exú
com o nome da pessoa e quando estiver podre jogar no mar.

QUIZILAS DE OXALUFÃ E OXAGUIÃ:

* Dentro de uma garrafa colocar pinga, 16 camarões, azogue, pimenta


malagueta, 16 pedacinhos de carvão e pó da casca de um caramujo africano
venenoso. Colocar o nome da pessoa e deixar para sempre nos pés de Exú.

* Pegar um Igbi vivo e fazer um buraco nele com uma faca. Colocar o nome
da pessoa dentro deste buraco e entregar este igbi nos pés de uma árvore com
azeite de dendê, mel e gim.

* Fazer uma massa de Efum, Banha de ori, pimenta da costa, pimenta


malagueta, enxofre e pó de obí torrado. Faça uma bola com esta massa e
coloque o nome da pessoa dentro.
Embrulhe com pano preto e enterre em uma encruzilhada.
* Pegar vários caracóis do mato e colocar em uma terrina vermelha com
azeite de dendê, osun, carvão e waji. Entregar com o nome da pessoa para
Exú.

* Oferecer uma canjica regada com muito azeite de dendê, mel e gim com um
igbi esmagado encima.

* Oferecer 16 bolas de inhame com carvão e azeite de dendê.

OUTRAS CONSIDERAÇÕES

Como os leitores poderão ver, é meio que ilusão pensar que se faz magia para
quizilar um orixá, sendo que tudo não passará apenas de afronto que de início
fará a divindade se voltar contra a pessoa indicada, porém mais a frente as
verdades virão a tona.

Caberá cada um ter coragem de usar estes tipos de atos.

Existe um pó que serve para quizilar qualquer cabeça, santo, pessoa, Exú de
Rua, etc.

Este pó pode ser jogado encima do assentamento, nas costas, na comida,


bebida ou até roupas da pessoa.

Na casa, quintal, local de trabalho etc.

Basta fazer como manda a receita:

TORRAR EM UMA PANELA:

21 FORMIGAS
21 MARIMBONDOS
21 ABELAS DE FERRÃO
21 LARVAS
21 MINHOCAS
21 GRILOS OU GAFANHOTOS
21 PEDAÇOS DE CARVÃO
CASCA DE 21 OVOS
OSSO DE PORCO
OSSO DE POMBO
OSSO DE RATO
FOLHA DE AMORA
FOLHA DE TAIOBA ROXA
FOLHA DE BOLDO
FOLHA DE PIMENTA-MALAGUETA
FOLHA DE COMIGO NINGUÉM PODE
TERRA DE CEMITÉRIO
CABELO DE MILHO
PELO DE RATO
EFUM
OSUN
WAJI
PANO PRETO
PANO ROXO
MEIO QUILO DE PIMENTAS DE TODOS OS TIPOS
ENXOFRE
RASPA DE CHIFRE DE BOI
RASPA DE CHIFRE DE BODE

* Conforme vai torrando reze o Ofó Ibi para cada Orixá, ou seja, 16 vezes.

* Quando estiver um pó preto igual carvão, macere muito bem e jogue aonde
precisar.

* PARA OS INTERESSADOS JÁ TENHO ESSE


PÓ PRONTO, ASSIM COMO VÁRIOS
OUTROS PARA QUIZILAR SANTO DE
QUALQUER PESSOA.

APOSTILAS MON'A'XÍ

Você também pode gostar