Você está na página 1de 8

Serviços Barra GovBr

BRASIL

CAPA SOBRE ACESSO CADASTRO PESQUISA ATUAL ANTERIORES NORMAS


OPEN JOURNAL SYSTEMS

Capa > Edições anteriores > Vol. 16, Ago-Dez 2013 Ajuda do sistema

USUÁRIO

Vol. 16, Ago-Dez 2013 Login

Senha

Lembrar usuário

Sumário Acesso

DOSSIÊ - GÊNERO E IMAGENS IDIOMA


SOMENTE ALGUNS CORPOS PDF Selecione o idioma
Flavia Regina MARQUETTI Português (Brasil)

Submeter
DOSSIÊ - Gênero e Imagens PDF
PHILIPPOT, ROSSI, SANFELICE, SALQUÈBRE, XAVIER, VANNUCCHI, ANTUNES,
BRAGA, De LA FUENTE, COSTA, OLIVEIRA, TVARDOVSKAS, RIPO, MAGALHÃES, CONTEÚDO DA REVISTA
CAMPOS, GOULART
Pesquisa
A RETÓRICA AMBÍGUA DE VISIBILIDADE E INVISIBILIDADE NA VIDA DAS MULHERES: PDF
JUSTAPOSIÇÕES, PRESSUPOSTOS E COMPLICAÇÕES Escopo da Busca
Loreley GARCIA, Rickie SANDERS Todos

Pesquisar
Artigos
Procurar
PEDAGOGIAS DA SEXUALIDADE FEMININA NO BLOG “AMIGO MACHO” PDF
Samilo TAKARA, Teresa Kazuko TERUYA Por Edição
Por Autor
EXTRATOS FAMILIARES, GÊNERO E A DIVISÃO SEXUAL DO TRABALHO PDF Por título
Cássia C. FURLAN, Verônica R. MÜLLER Outras revistas

A CONTRIBUIÇÃO DE TEÓRICAS FEMINISTAS PARA OS ESTUDOS DE GÊNERO PDF


Silvana Maria BITENCOURT TAMANHO DE FONTE

IMAGENS DE MULHER E AGENDA DE GÊNERO NA RETA FINAL DA CAMPANHA DA PDF


PRIMEIRA PRESIDENTA DO BRASIL
Viviane G. FREITAS INFORMAÇÕES

Para leitores
HONRA, DESONRA E VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER CACHOEIRENSE NA DÉCADA DE PDF
Para Autores
1930 Para Bibliotecários
Adilson S. SANTOS, Felipe G. VIEIRA

Resenhas
DOMINAR A ARTE DE SER CULTA E EDUCADA PARA CASAR-SE E SER FELIZ: OS PERFIS PDF
FEMININOS DO SÉCULO XIX POR JOSÉ DE ALENCAR
Luciana de CAMPOS

ECOLOGIA QUEER: INTERSECCIONANDO SEXUALIDADE, NATUREZA, POLÍTICA E PDF


DESEJO
Lorena MONTEIRO

Revista Ártemis: ISSN 1807-8214


Total 45 Total 45

Brazil 2 OnLine 2
Este periódico está indexado nas bases:
Serviços Barra GovBr
BRASIL

CAPA SOBRE ACESSO CADASTRO PESQUISA ATUAL ANTERIORES NORMAS


OPEN JOURNAL SYSTEMS

Capa > Sobre a revista > Equipe Editorial Ajuda do sistema

USUÁRIO

Equipe Editorial Login

Senha

Lembrar usuário
Conselho Editorial Acesso

Loreley Gomes Garcia, Universidade Federal da Paraíba, Brasil


Liane Schneider, Universidade Federal da Paraiba, Brasil IDIOMA
Selecione o idioma
Conselho Consultivo Português (Brasil)

Submeter
Wendy Brown, Universidade da Califórnia, Berkeley, Estados Unidos da América do Norte
Sara Ahmed, Goldsmiths University of London, Reino Unido
Sonia Alvarez, University of Massachusetts, Estados Unidos da América do Norte CONTEÚDO DA REVISTA
Rekah Pande, University of Hyderabad, History and Women's Studies, India
Pesquisa
Margarida Queirós do Vale, Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa, Portugal
Laura Beard
Maria Luisa Femenias, Universidade de la Plata, Argentina Escopo da Busca
Irene Vaquinhas, Universidade de Coimbra, Portugal Todos
Patricia Schor, Utrecht University, Holanda Pesquisar
Maria Lúcia dal Farra, Universidade Federal de Sergipe, Brasil
Albertina Costa, Fundação Carlos Chagas, Brasil
Procurar
Amanda Oliveira Rabelo, Universidade Federal Fluminense, Brasil
Por Edição
Anita Brumer, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil
Por Autor
Enrique Pastor Seller, Universidad de Murcia, Espanha
Por título
Flavia Regina Marquetti, Núcleo de Estudos Estratégicos/UNICAMP, Brasil
Outras revistas
Graciela Sarrible, Universidad de Barcelona, Espanha
Iná Camargo Costa, Universidade de São Paulo, Brasil
Lourdes Bandeira, Universidade de Brasília, Brasil TAMANHO DE FONTE
Maria Ignês Paulilo, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil
Mary Garcia Castro, Universidade Católica do Salvador, Brasil
Marion Teodósio Quadros, Universidade Federal de Pernambuco, Brasil
Norma Alarcon, University of California, Estados Unidos da América do Norte INFORMAÇÕES
Paola Cappellin, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
Para leitores
Pedro Paulo Funari, Núcleo de Estudos Estratégicos/UNICAMP, Brasil
Para Autores
Peggy Sharpe, Florida State University, Estados Unidos da América do Norte
Para Bibliotecários
Rosa Maria Godói Silveira, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Vania Kahrsch, Universidade de Bremen, Alemanha

Colaboradores
Edla Eggert
Gabriela Zago
Luciana Calado
Patricia Lessa
Liane Schneider
Alberto Pessoa, Capista
Alejandra Aguilar
Ana Maria Colling, UERGS
Morga antonio emilio Morga, Universidade Federal do Amazonas, Brasil
Barbara Musumeci
Bianca Salazar Guizzo
catarina zanini
Célia Regina Vieira de Souza-Leite
Cristina Costa, USP
danusa marques
Durval Muniz Albuquerque
Eduardo Steindorf Saraiva, Universidade Santa Cruz do Sul
Eveline Lucena Neri
Fatima Alberto
gema gema
Gilda Olinto de Oliveira, Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT), Brasil
gloria rabay
Ida Alves
pedro guedes nascimento, UFPB
Michelle Barbosa Agnoleti, Universidade Federal da Paraíba Universidade Estadual da Paraíba, Brasil
Rodrigo Cruz Gagliano
Sra Silvana Maria Bitencourt, Universidade Federal de Mato Grosso / Departamento de Sociologia e Ciência
Política, Brasil
Regina Maria Rodrigues Behar
rosalira oliveira
mailiz lusa
sra Lilia Guimarães Pougy, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
Maria Ignês Paulilo, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil
JOSE MARIANO MARIANO NETO
selma felerico
Susana Correia
Olivia von der Weid, Brasil
jorge Leite Jr, UFSCar, Brasil
Marli Marlene Moraes da Costa
Mara Lago, UFSC
Maria de Fatima Araujo
Juliana Anacleto dos Santos
Socrates Alvares Nolasco
Soraya Maria Bernardino Barreto Januário
Márcia Esteves de Calazans
Martha Giudice Narvaz
Janaína Marques de Aguiar
Jacqueline Cavalcanti Chaves
Luciana Chianca, UFPB
Fernando Paixao, USP
Blanchette Thaddeus Gregory Blanchette, UFRJ - Macaé, Brasil
Marta Pragana, PPGL/UFPB
Livia Barbosa, UNB Universidade de Brasilia
Felipe Trotta, UFF
Marco Torres, UFOP
marcia tavares, Universidade Federal da Bahia, Brasil
Neurivaldo Pedroso, UFRGS
Marcia Alves da Silva, Universidade Federal de Pelotas, Brasil
Rosângela Angelin, Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), Campus Santo
Ângelo-RS.
Fernando Vojniak, UFFS
Marlene Marlene de Faveri, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, Brasil
Paula Pinhal de Carlos, UNILASALLE
lucila scavone
Lindamir Casagrande, UTFPR
Nadilza Martins de Barros Moreira, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
charliton lara
Mayrinne Meira, Unipe/UFPB
Idalina Maria Freitas Lima Santiago
William Siqueira Peres, Universidade Estadual Paulista/Assis, Brasil
Yolanda Zancanella, Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Brasil
Vanessa Ribeiro Simon Cavalcanti, Universidade Católica de Salvador, Brasil
Teresa Kleba Lisboa, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil
Tereza Almeida Cruz, Universidade Federal do Acre, Brasil
Tania Sueli Antonelli, Universidade Estadual Paulista/Marília, Brasil
Tania Maria Cordeiro Azevedo, Universidade Federal Fluminense, Brasil
Silvério da Costa Oliveira, Instituto Brasileiro de Medicina de Reabilitação, Brasil
Silvana de Souza Nascimento, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Silvana Vilodre Goellner, Universidade Federal do Rio Grade do Sul, Brasil
Sandra Duarte de Souza, Universidade Metodista de São Paulo, Brasil
Osmar Pereira Oliva, Universidade Estadual de Montes Claros, Brasil
Silvina Liliana Carrizo, Universidade Federal de Juiz de Fora, Brasil
Solange Rocha, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Vírginia Paes Coelho, Universidade Federal Fluminense, Brasil
Sueli Meira Liebig, Universidade Estadual da Paraíba, Brasil
Soraya Silveira Simões, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
Sandra Regina Borges dos Santos, Universidade Paulista, Brasil
Sandra R. Azevedo
Raquel Souzas, Universidade Federal da Bahia, Brasil
Robson Antão de Medeiros, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Odiombar do Amaral Rodrigues, Universidade Luterana do Brasil, Brasil
Nancy Rita Ferreira Vieira, Universidade Federal da Bahia, Brasil
Marcelo Tavares Natividade, Universidade Federal do Ceará, Brasil
Maria Cecília Patrício, Sociedade de Educação Superior de Pernambuco, Brasil
Marlene Neves Strey, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Brasil
Marisa Schincariol Mello, Universidade Federal Fluminense, Brasil
Maria Soledad Etcheverry Orchard, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil
Madiana Valéria de Almeida Rodrigues, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Brasil
Maria Luiza Mello de Carvalho, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
Maria Luísa de O. M. Ribeiro Ferreira, Universidade de Lisboa, Portugal
Maria Patrícia Lopes Goldfarb, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Márcia dos Santos Macêdo, Universidade Federal da Bahia, Brasil
Lúcia Osana Zolin, Universidade Estadual de Maringá, Brasil
Luciana Eleonora de Freitas Calado Deplagne, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Luciana Rosar Fornazari Klanovicz, Universidade Estadual do Centro-Oeste, Brasil
Lúcia Schneider Hardt, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil
Lígia Auxiliadora de Oliveira Py, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
Laura Davis Mattar, Associação Vaga Lume, Brasil
Laéria Bezerra Fontenele, Universidade Federal do Ceará, Brasil
Jussara Reis Prá, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil
Jonatas Dornelles, Social Media Solutions, Brasil
Jaquelânia Aristides Pereira, Universidade Estadual do Ceará, Brasil
Jane Thompson Brodbeck, Instituto Amérika das Letras e dos Saberes, Brasil
Jane Araújo Russo, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil
Ivana Guilherme Simili, Universidade Estadual de Maringá, Brasil
Ivan Pimentel, Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Brasil
Maria Elisa Marchini Sayeg, Universidade Gama Filho, Brasil
Iole Macedo Vanin, Universidade Federal da Bahia, Brasil
Ilda Lopes, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Brasil
Idico Luiz Pellegrinotti, Universidade Metodista de Piracicaba, Brasil
Flávia Millena Biroli Tokarski, Universidade de Brasília, Brasil
Eunice Isaias da Silva, Universidade Federal de Goiás, Brasil
Esequiel Rodrigues Oliveira, Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Brasil
Elisete Schwade, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Brasil
Daniela Maria Segabinazi, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Daniela Auad, Universidade Federal de Juiz de Fora, Brasil
Cassandra Veras, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Cristina Scheibe Wolff, Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil
Carmem Lúcia Costa, Universidade Federal Goiás, Brasil
Adriano Azevedo G. De León, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Aluísio Ferreira de Lima, Universidade Federal da Ceará, Brasil
Ana Claudia Felix Gualberto, Universidade Federal da Paraíba, Brasil
Ana Cecilia Acioli Lima, Universidade Federal de Alagoas, Brasil
Andrea Borelli, Universidade Cruzeiro do Sul, Brasil
Anna Paula Vencato, Universidade Federal de São Carlos, Brasil
Antonio Eduardo Alves de Oliveira, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Brasil
Arlene Martinez Ricoldi, Fundação Carlos Chagas, Brasil
Artur Perusi, Universidade Federal da Paraíba, Brasil

Equipe Técnica
Natanael Duarte, Revisor da língua portuguesa e regras da ABNT
Filipe Almeida, Brasil

Revista Ártemis: ISSN 1807-8214

OnLine 2 Total 49

Brazil 2 OnLine 2
Este periódico está indexado nas bases:
BELEZA E FRUIÇÃO ESTÉTICA: OS CONTORNOS DO FEMININO NA ARTE

As coisas de que temos certeza absoluta jamais são reais


Oscar WILDE22

Com a frase de Wilde que nos serve de epígrafe, iniciamos nossas O feminino, em sua essência, é plural, mas, de forma geral, temos um
reflexões a respeito da presença do feminino na arte. Nós apreendemos contato fragmentado com ele: a mulher passional, subjugada, resignada,
o mundo por meio da linguagem, que o recria diante de nossos olhos. lírica, sensual, dentre muitos outros estereótipos do feminino, afinal o
Nossa verdade, por isso, não se dá pelo contato direto com o a realidade, discurso artístico, de modo geral, prioriza uma das tantas faces femini-
pois ela será sempre refratada pela linguagem. O cinema, as artes plásti- nas, muito embora a mulher presente no mundo descortine-se diante de
cas, a fotografia, a dança, dentre outras diversas formas de manifestação nós em sua multiplicidade. Esses retratos fragmentados, porém, pensa-
artística, não apresentam, assim, a mulher real, mas um efeito de sentido dos em conjunto, deixam entrever a figura feminina humana e plural,
de feminino elaborado a partir de uma série de estratégias discursivas que tanto em suas oscilações de pensamentos quanto de sentimentos.
recriam a imagem da mulher. A arte, mimética por princípio, faz renascer A figura feminina, desde a Antiguidade Clássica até a contempora-
diante de nós o eterno feminino. neidade, sempre foi reproduzida nas artes como objeto de percepção es-
Por essas razões, a recriação do feminino do discurso poético não tética, motivo pelo qual ela é associada à própria concepção de beleza.
depende de ter uma anima acentuada ou de ter as experiências que só o O corpo feminino nu, repleto de contornos curvilíneos, rosas púrpuras,
sexo feminino pode ter; depende, isso sim, de o artista reconhecer a imagem harmonia e equilíbrio, é a própria encarnação do conceito da beleza.
da mulher que está no mundo e projetá-la nas artes, de modo que o pú- Essa é a razão pela qual arte e feminino estão tão atrelados.
blico final reconheça e identifique essa imagem feminina, processo que Tal processo fusional explica-se pelo fato de que a arte tem por vo-
o fará ter a impressão de que aquilo que está sendo apreciado perpassa cação criar uma realidade estetizada e bela por natureza, a qual nos faz
pelo olhar da mulher. (re)viver o que não pudemos apreender na fugacidade da vida: a beleza

Marcela Ulhôa Borges Magalhães


Doutoranda em relações intersemióticas na UNESP, Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara
e-mail: marcelacfj@hotmail.com
22
WILDE, O. O retrato de Dorian Gray. Rio de Janeiro: Ediouro, 2006. p. 171

106 Revista Ártemis, Vol. XVI n 1; ago-dez, 2013. pp.106-107 106 ISSN: 2316 - 5251
Beleza e fruição estética: os contornos do feminino na arte

roubada, que nos escapa e deixa apenas o vazio da nostalgia e da saudade.


O ser humano é impulsionado a ir ao encontro da beleza e a entrar em
conjunção com ela. Ele persegue o objeto estético de modo a alcançar
a harmonia e a perfeição, muito embora a impossibilidade de suster os
momentos do êxtase da conjunção deixem-no completamente impo-
tente diante da apreciação do belo. A figura feminina, objeto estético por
natureza, faz a arte resgatar essa beleza fugida e proporcionar ao olhar
humano a fruição estética em elevadíssimo grau.
Mais eficiente, porém, do que buscar o consolo do fracasso da existên-
cia na arte, é estetizar a própria vida, metamorfoseando-a em arte. Deve-
mos perseguir o eterno feminino diariamente e deixá-lo embelezar nosso
olha. A cada dia vivido, demos travar uma batalha silenciosa pela beleza
e buscá-la incessantemente num mundo repleto de imperfeições, mas que
nos oferece, por entre os feixes da feiura, glances de equilíbrio e harmo-
nia, como muito bem podemos constatar na presença da figura feminina.

ISSN: 2316 - 5251 Revista Ártemis, Vol. XVI n 1; ago-dez, 2013. pp. 106-107 107