Você está na página 1de 70

5

Operações com Mercadorias

O Balancete de Verificação em 31-12-X3 da Cia. Beta era composto pelo saldo


das seguintes contas: Caixa $ 15.000; Equipamentos .$ 60.000; Vendas $ 70.000;
Mercadorias $ 20.000; Receitas Diversas $ 4.000; Compras $ 50.000; Clientes $
40.000; Fornecedores $ 30.000; Salários $ 11.000; I^spesas de_Aluguel._.$ ,13.000;
Lanches e Refeições $ 2.000; Capital $ 100.000; Condução $ 3.000; Lucros Acumu­
lados $ 14.000; Despesas de Juros $ 14.000.
Dados para ajustes:
1. o estoque de mercadorias foi avaliado em $ 15.000;
2. o salário de dezembro de X3 no valor de $ 1.000 será pago em janeiro/X4;
3. dos aluguéis pagos em X3, $ 2.000 referem-se a despesas de janeiro/X4.

P ed e -se (c o m b a s e n o s d a d o s a c im a ):

a) efetuar os lançamentos de ajustes em razonetes (utilizando letras ou números


para indicar os lançamentos);
b) efetuar os lançamentos de encerramento;
c) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício (forma dedutiva);
d) elaborar o Balanço Patrimonial.

Solução do Exercício 5.2

Caixa Equipamentos Vendas


15.000 I 60.000 (5) 70.000 70.000
1
72 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Receitas Diversas Compras Clienies


(8) 4.000 4.000 50.000 50.000 (1) 40.000

Saiarios Despesas Je Alugue! Lanclies e Refeições


11.000 12.000 (9) 13.000 2.000 (7) 2.000 2.000 (11)
(6) 1.000 11.000 (10)

Cond ução lucros Ac umuiados Salários a Pagar


3.000 3.000 (12) (14) 13.000 14.000 1.000 (6)
1.000

Despesas de Âltijjuel Antecipadas Despesas de Juros Merca farias


(7) 2.000 4.000 4.000 (13) 20.000 20.000 (2)
(3) 15.000

Capital fomec ;dores Cfiítv


100.000 30.000 {1} 50.000 15.000 (3)
(2) 20.000 55.000 (4)

Resultado <o Exercício


(4) 55.000 70.000 (5)
{9} 12.000 4.000 (8)
(10) 11.000
(11) 2.000
(12) 3.000
(13) 4.000
87.000 74.000
13.000 13.000 {14}
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 73

Cia. Beta
Demonstração do Resultado do Exercido de X3
EmS
Vendas 70.000
Í -) (MV:
Estoque Inicial 20.000
{+) Compras 50.000
Custo de Mercadorias Disponíveis para Venda 70.000
(-) Estoque Final {15.000} (55.000)
Lucro Bruto 15.000
{+} Receitas Diversos 4.000
19.000
{-} Despesas de:
Salários (12.000)
Aluguel (11.000)
lanches e Refeições (2.000)
Condução (3.000)
Juros' (4.000) {32.000)
Prejuízo do Exercido (13.000)

Ga. Beta
Balanço em 31-12-X3
EmS
Ativo Passivo e Patrimônio Líquido
Caixa 15.000 Passivo
Clientes 40.000 Fornecedores 30.000
Mercadorias 15.000 Salários a Pagar 1.000 31.000
Despesas de Aluguel Antecipados 2.000 Patrimônio Líquido
Equipamentos 60.000 Capital 100.000
Lucros Acumulados 1.000 101.000
loto! 132.000 Total 132.000

A Companhia Pavão comercializa eletrodomésticos.


Em março/X5, seu setor de liquidificadores efetuou as seguintes operações a
prazo com os liquidificadores modelo 2.003:
Dia Operação
4 - Compra de 200 unidades a $ 100 cada.
5 - Compra de 100 unidades a $ 80 cada.
74 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

6- Venda de 150 unidades por $ 30.000.


7- Devolução de 50 unidades da compra do dia 4.
8- Compra de 20 unidades a $ 120 cada.
11 - Abatimento de $ 100 obtido sobre o total da última compra.
12 - Venda de 100 unidades por $ 20.000.
13 - Desconto comercial de 3% concedido sobre a venda do dia 12.
14 - Recebimento, em devolução, de 10 unidades da venda do dia 12.
15 - Abatimento de $ 5.000 concedido sobre as unidades restantes da última
venda.

Fede-se:
a) preencher a ficha de estoque pelo método da Média Ponderada Móvel;
b) apurar o CMV no razonete;
c) apurar o resultado no razonete;
d) indicar o valor do estoque final; e
e) indicar a quantidade do estoque final.

Solução do Exercício 5„ 2

a)
FICHA DE ESTOQUE PELO MÉTODO DA MÉDIA PONDERADA MÓVEL

Entrado Saída Soldo

Data Quant.

4-3 200 100I 20.000 200 100,00 20.000


5-3 S 100 80 ; 8.000 300 93,33 28.000
6-3 í 150 93,33 : 14.000 I 150 I 93,33 i 14.000
7-3 (50) 100 (5.000) - -4___100 i 90,00 ■ 9.000
8-3 : 20 120 2.400 i 120 95,00 11.400
11-3 ( 100) i 120 ! 94,17 11.300
í 12-3 í 100 94.17 i 9.417 !20 ■ 94^15 I 1.883
14-3 ___ ____ ; JM 94.17 (941.70) _30 ; 94.16 ! 2.824.70
? Tola! i 270 25.300 i 240 22.475,30 ; 30 94,16 2.824,70
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 75

Mercadorias Custe das Mercadorias Vendidas


{a} 20.000 14.000 (cl) (d ) 14.000 941,70 (il)
(b) 8.000 5.000 (d) ígl) 9.417
íe) 2.400 100 (f) 22.475,30
(11) 941,70 9.417 ígl) 22.475,30 (C)
31.341,70 28.517
2.824,70

Vendas Abatimentos sobre Vendas


(A) 7.540 30.000 W (j) 5.000
20.000 (g> 5.000 (A)
7.540 50.000
(B) 42.460 42.460

Descontos sobre Vendas


(C) 22.475,30 42.460 (8} 600
600 (A)
19.984,70

Devoluções de Vendas Clientes


(il 1.940 1.940 (A) (c) 30.000 600 (h)
(g) 20.000 1.940 (0
5.000 (i)

Fornecedores
(d) 5.000 20.000 (o)
(fí 100 8.000 (b)
2.400 (e)

Respostas: (b) CMV = $ 22.475,30; (c) Resultado = $ 19.984,70; (d) Estoque


Final = $ 2.824,70; (e) Estoque Final = 30 unidades.

Inventário Permanente (Exercícios 5.3 a 5.15)


/
Exercício 5,3 */
A Empresa Comercial Paraense dedica-se à comercialização de luminárias de
luxo. Em l s-l 1-X5, seu estoque estava constituído de 200 unidades ao custo unitário
76 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

de $ 1.000. Durante o mês de novembro, foram realizadas as seguintes operações


com produtos:
1-/11 - Compra de 300 unidades por $ 1.200 cada uma, a prazo.
2/11 - Venda de 100 unidades a $ 1.500 cada uma,sendo 50% a prazo.
15/11 - Venda de 300 unidades a $ 1.400 cada uma, a prazo.
18/11 ~ Compra de 200 unidades a $ 1.300 cada uma, a prazo.
20/11 - Venda de 100 unidades a $ 1.400 cada uma, a vista.

Pede-se:
a) efetuar o controle dos estoques pelos métodos: PEPS (FIFO), UEPS (LIFO) e
MPM (Média Ponderada Móvel);
b) efetuar, simultaneamente, a contabilização das operações nos razonetes e infor­
mar o custo das mercadorias vendidas por cada um dos métodos acima.

Respostas: CMV - FIFO $ 560.000; LIFO $ 590.000; MPM $ 572.000.

Apurar o resultado da Cia. Indaiá, utilizando os métodos PEPS, UEPS e


MPM, observando as seguintes informações:
1. Despesas Operacionais $ 3.500;
2. Receitas Diversas do período $ 1.000;
3. Movimentação dos estoques do período:
compras de 10 unidades ao custo unitário de $ 100;
compras de 20 unidades a $ 150 cada uma;
vendas de 32 unidades por $ 200 cada uma; -
compras de 40 unidades a $ 160 cada uma;
vendas de 45 unidades a $ 200 cada uma; ~
4. as operações de compras e vendas de mercadorias foram realizadas a
prazo;
5. o estoque inicial de mercadorias estava constituído de 12 unidades, ao custo
unitário de $ 90.
Respostas: Lucro líquido - PEPS $ 2.220; UEPS $ 1.870; MPM $ 2.181,05.

E xercício 5.5
Em determinado período, a Cia. Cetima realizou as seguintes operações com
mercadorias:
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 77

1. compras de 200 unidades a $ 100 cada uma;


2. vendas de 250 unidades no valor total de $ 50.000;
3. compras de 300 unidades a $ 110 cada uma;
4. vendas de 400 unidades a $ 220 cada uma;
5. compras de 100 unidades a $ 20 cada uma;
6. vendas de 180 unidades a $ 250 cada uma.
Sabendo-se que o estoque inicial estava constituído por 300 unidades a $ 80
cada uma, pede~se calcular o valor do Custo das Mercadorias Vendidas e o Resul­
tado pelos três métodos (PEPS, UEPS e MPM), considerando que as operações
foram realizadas a prazo.

Respostas: Resultados - PEPS $ 105.400; UEPS $ 109.600; MPM $ 108.760.

Durante o exercício de X4, a Cia. Paulista, distribuidora de um tipo especial de


motor, vendeu 6.000 motores ao preço de $ 220 cada um, da seguinte forma: 900
em fevereiro, 1.100 em julho, 2.000 em outubro e 2.000 no último dia de dezem-
bro/X4. Em 31-12-X3, ela tinha 750 unidades em seus inventários ao preço unitário
de $ 130. As compras em X4 foram como segue:

Freco Unitário i Total


i Quantidade
$
Janeiro 1.000 120 120.000
Abril 500 130 65.000
Maio 1.500 130 195.000
Junho 2.000 150 300.000
Setembro 500 160 80.000
Novembro 500 170 85.000
Dezembro 300 180 54.000
_ 6.300 899.000

Pede-se:
Calcular o resultado nas vendas, o custo das mercadorias vendidas e o inventá­
rio final, usando os seguintes métodos na determinação do custo: (a) LIFO (UEPS);
(b) FIFO (PEPS); (c) Média Ponderada Móvel.
Respostas: Resultados - UEPS $ 459.000; PEPS $ 502.500; MPM $ 479.735.
78 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

A Cia. Alagoas utiliza o método da Média Ponderada Móvel para o controle de


seus estoques. Ela apresentou o movimento a seguir em sua ficha de estoques para
janeiro/X3.

Produto XYZ Método:


Operações Entradas Saldas
Quanti­ Custo Custo Quanti­ Custo Custo Quanti­ Custo | Custo
dade Unitário Total dade Unitário Total dade Unitário i. Total
E. In. 250 : 470.000
V 120 I S O' M õd '~-í Uicòo
C 80 21oW ~ . '£ ; ? 420.000
V 70 i íZr i
c __ ...... 130 -&o ■ 426.000
V 150 3f6C; 33 - 4

Total 210 410 50 106.500

Considerando que:
a) o estoque inicial estava constituído por: al) 100 unidades a $ 2.000/u e a2)
150 unidades a $ 1.800/u;
b) as vendas foram realizadas a $ 4.000/u.

Pede-se:
1. completar a ficha de estoques pelo método indicado anteriormente;
2. refazer a movimentação utilizando o método PEPS (FIFO), indicando:
a) CMV pelo MPM;
b) LB pelo MPM;
c) CMV pelo PEPS;
d) LB pelo PEPS-
Respostas: (a) $ 825.100; (b) $ 814.900; (c) $ 821.600; (d) $ 818.400.

Exercício S.S
A empresa Chegamos Lá dedica-se ao comércio de microcomputadores. Em
1S-1-X5, seu estoque estava constituído de 400 unidades adquiridas em 23-12-X4 a
$ 1.000 a unidade.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 79

Durante janeiro/X5, foram realizadas as seguintes operações com Mercadorias:


4/1 - Compra de 600 unidades a prazo por $ 1.200 cada.
5/1 - Pagamento de $ 60.000 de fretes pela compra do dia 4/1.
6/1 - Devolução de 200 unidades ao Fornecedor.
16/1 - Venda de 500 unidades a $ 2.000 cada, a prazo.
17/1 - Devolução por parte do cliente de 100 unidades.
18/1 - Abatimento concedido ao cliente de $ 100.000.

Fede-se:
a) efetuar o controle dos Estoques pelo Método PEPS (FIFO);
b) efetuar, simultaneamente, a contabilização das operações nos razonetes, apu­
rando o lucro bruto.

Resposta: Lucro bruto $ 300.000. j'k

Exercício B S

A empresa Unidas S.A. apresentava em seu Balancete de Verificação de 31-5-


XI os saldos das seguintes contas (em $): Caixa 230.000; Mercadorias 280.000; Se­
guros a Vencer 80.000; Fornecedores 100.000; Vendas 1.200.000; CMV 700.000;
Máquinas e Equipamentos 600.000; Depreciação Acumulada de Máquinas e Equipa­
mentos 40.000; Aluguel 30.000; Salários 110.000; Clientes 400.000; Empréstimos
Obtidos 500.000; Capital 1.000.000; Fretes sobre Vendas 80.000; Despesas Finan­
ceiras 120.000; Receitas de Serviços 50.000; Prejuízos Acumulados 250.000; Des­
pesas de Seguros 10.000.
Observações:
a) a empresa encerra seu exercício social semestralmente;
b) a conta Mercadorias apresentava em 31-5-X1 a seguinte composição: (1)
100 unidades a $ 1.000 cada uma e (2) 150 unidades a $ 1.200 cada uma;
c) o seguro contra. incêndio foi contratado em l a-4-Xl pelo prazo de 18
meses;
d) as máquinas e os equipamentos foram adquiridos em l 9-9-X0.
Operações realizadas em junho/Xl:
1. pagamento de frete de $ 30.000 referente ao primeiro lote de compras;
2. vendas de 100 unidades de mercadorias a $ 2.000 cada uma, com desconto
de 10% sobre o total, sendo 50% a vista;
80 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

3. devolução, a prazo, de 50 unidades da última compra realizada;


4. recebimento de $ 150.000 por mercadorias a serem entregues em julho/X 1;
5. devolução de 20 unidades do item (2), tendo concedido também um abati­
mento de 20% sobre as restantes (descontar da parcela a prazo);
6. pagamento antecipado da dívida de $ 30.000 para com fornecedores, com
desconto de 10% sobre o total;
7. pagamento de: salários $ 50.000, aluguel $ 10.000 e $ 40.000 correspon­
dentes a 10% do valor das compras a serem realizadas em julho/X 1.

Pede-se:
a) lançar os saldos iniciais, as operações e ajustes nos razonetes, utilizando o
método da MPM para avaliação dos estoques;
b) efetuar os lançamentos de encerramento; e
c) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício e o Balanço Patrimonial;

Observação: Este exercício poderá ser resolvido também pelos métodos PEPS e UEPS.
Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 94.000; (b) Total do Balanço $
1.504.000.

’£N-p-

A Cia. “G” efetuou, durante X9, as seguintes operações com mercadorias:


2/1 - compras de 130 unidades do artigo X, ao preço unitário de $ 100 a
vista;
7/2 - compras de 260 unidades a $ 125 a unidade, a vista;
15/3 - vendas de 270 unidades do mesmo artigo, ao preço unitário de $ 150, a
vista;
10/6 - compras de 90 unidades a $ 170 cada uma, a prazo;
11/6 - devolução de 20 unidades das 90 adquiridas no dia anterior, por apre­
sentarem defeito;
11/6 - sobre as restantes 70 unidades, foi obtido abatimento de $ 5 por uni­
dade;
15/7 ~ vendas de 110 unidades a $ 200 cada, a vista;
25/8 ~ compras de 50 unidades pelo total de $ 10.000 a vista;
25/8 - pagamento de gastos com transporte da compra anterior, $ 500;
14/9 - pagamento da dívida assumida em 10/6, com desconto de $ 50;
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 81

3/10 - vendas de 230 unidades a vista, pelo total de $ 69.000;


4/10 - da venda anterior são recebidas, em devolução, 50 unidades;
4/10 - sobre as outras unidades vendidas, em 3/10, foi concedido abatimento
de $ 20 por unidade, por apresentarem defeitos.
O estoque inicial, em 1--1-X9, constava de 180 unidades adquiridas a $ 90 cada
uma.

Pede-se:

a) determine, para X9, o estoque finai, o Custo das Mercadorias Vendidas e o Re­
sultado pelos Métodos: PEPS, UEPS e Média Ponderada Móvel; e
b) fazer os lançamentos nos razonetes.

Respostas: Resultados - PEPS $ 52.450; UEPS $ 40.850; MPM $ 46.525.

ZLxemdiô S.xl

Durante o exercício de X5, a Empresa Comercial Canário operou no comércio


de óleo de soja.
Sua ficha de controle de estoque apresentou a seguinte movimentação:

Em $ |
Entradas Saídas Saldo
Data | ração G u o n t i " 1 Preço ■ j . | j Quanti-; Preço j T . . í Quanti- S Preço
Total
dade : Unitárioj | dade [Unitário j * ! dade ! Unitário
i : 1 25.000 | 1,00 25.000

2 : i 10.000 | : 15.000 ; í i 35.000 i


3 ; 5.000 1 2,00 j 10.000 1 50.000

4 1 ; (5.000) 1,50 j ! 35.000 ;

5 1 1 8.000 14.500 ! 27.000 1 28.000

6 i í 150 ( 1 .5 0 0 ) :
7 : ; 10.000 : 3,00 i 30.000 ' ; 38.000 i 59.500
8 ! : (10.000) i : 38.000 ! 49.500

9 í ! 28.000 I 10.000
82 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

As demais operações estão assim resumidas (em $):


Vendas 120.000 Abatimentos sobre Vendas 1.500
Descontos Comerciais sobre Veadas 2.000 Descontos Financeiros Obtidos 2.000
Descontos Financeiros Concedidos 1.000 Salários 10.000
Transporte sobre Vendas 5.000 Despesas Gerais 20.000
Devolução de Vendas 3.000 Receitas de Serviços 15.000

Pede-se:
Refazer a ficha de controle de estoques, identificando o método utilizado e ela­
borar a Demonstração do Resultado (forma dedutiva).

Resposta: Lucro líquido do exercício $ 42.000.

,A:r*OÍíHf? •••’ 's 7

O Balancete de Verificação da Comercial Delta S. A. estava constituído, em 30-


11-X3, das seguintes contas: Lucros Acumulados $ 1.245; Capital $ 547.755; Caixa
$ 350.000; Equipamentos $ 140.000; Terrenos $ 45.000; Mercadorias $ 60.000; Clien­
tes $ 70.000; Despesas Antecipadas c/Seguros $ 120.000; Fornecedores $ 25.000;
Depreciação Acumulada $ 21.000; Empréstimos Obtidos $ 120.000; Títulos a Pa­
gar $ 10.000; Receitas de Serviços $ 60.000.
As operações de dezembro são as seguintes:
1. compra de mercadorias por $ 60.000, sendo $ 40.000 a vista e o restante a
prazo;
2. venda de mercadorias a vista, por $ 35-000, sabendo-se que custaram
$28.500 (1.000 unidades);
3. recebimento, em devolução, de 200 unidades e, para compensar o cliente,
foi assinada uma nota promissória para pagamento em 20-1-X4;
4. venda de 2.000 unidades de mercadorias por $ 60.000, sabendo-se que cus­
taram à empresa $ 56.000. A venda foi feita nas seguintes condições: $ 20.000
a vista e $ 40.000 a prazo;
5. compra de 100.000 unidades de mercadorias por $ 300.000, a vista.
6. o controle de qualidade rejeitou 50% dessas mercadorias e as referidas
foram devolvidas, tendo recebido como devolução do pagamento nota pro­
missória no valor correspondente;
7. venda a vista de 60.000 unidades, que custaram $ 80.000, por $ 220.000;
8. pagamento de impostos do mês no total de $ 25.000;
9. recebimento de receitas de serviços no valor de $ 128.800.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 83

Ajustes:
1. os equipamentos sofrem depreciação de 10% ao ano;
2. o contrato de seguro foi assinado em l â-l-X3 e é válido por 20 meses;
3. os salários de dezembro somam $ 120.000 e serão pagos em 10-1-X4.

Pede-se:
a) registrar os saldos do Balancete de 30-11-X3 nos razonetes;
b) efetuar os lançamentos das operações de dezembro, ajustes e encerramento dire­
tamente nos razonetes;
c) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício (forma dedutiva).

Resposta: Lucro líquido do exercício $ 107.000.

A Cia. Tatá possuía em 31-5-X1, em seus estoques, os seguintes lotes do pro­


duto YZ:

Lote Quantidades Preço Unitário

A 200 $1.000
B 50 1.100
C 300 1.200

Em junho/Xl, a empresa efetua as seguintes operações:


1. obtido abatimento de 10% sobre o total do lote B, a vista;
2. pagamento de transporte de $ 30.000, relativo às unidades do lote C;
3. venda a prazo de 500 unidades ao preço unitário de $ 2.000, com desconto
comercial de 10% e pagamento de transporte de $ 60.000;
4. compra a prazo de 400 unidades a $ 1.400 cada uma, com as seguintes alte­
rações: descontos comerciais de 10%, fretes de $ 20.000 e seguros no
valor de $ 30.000;
5. venda a vista de 200 unidades a $ 2.000 cada uma.

Com base nessas informações, pede-se:


I - Com relação à venda do item (3):
a) calcular o valor do CMV pelo método UEPS;
84 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

b) apurar o valor do Lucro Bruto, levando em conta que 20% das unidades
vendidas no item (3) foram devolvidas e que a empresa concedeu um abati­
mento de $ 20.000 sobre as unidades restantes;
c) determinar o valor do CMV, considerando o critério PEPS elevando em
conta todas as alterações indicadas e relativas ao item (3);
d) calcular o valor a ser recebido do cliente, considerando que a empresa con­
cedeu um desconto de 15% pela antecipação da quitação da fatura.
II - Com relação à venda do item (5): determinar o CMV, utilizando ométodo de
MPM, levando em conta apenas as informações dos itens 1 a 5.
Respostas: (Ia) $ 589.500; (Ib) $ 210.500; (Ic) $ 444.500; (Id) $ 595.000 e (II)
$ 853.425.

No Balancete de Verificação da Cia. Itamaracá constavam, em 30-11-X5, os


saldos das seguintes contas (em $): Caixa 39.600; Clientes 110,000; Móveis e Uten­
sílios 60.000; Mercadorias 4.000; Seguros Pagos Antecipadamente 8.000; Adianta­
mentos de Clientes 10.000; Contas a Pagar 10.000; Depreciação Acumulada de Mó­
veis e Utensílios 12.000; Capital 126.000; Prejuízos Acumulados 8.400; Despesas
de Salários 40.000; Despesas de Aluguel 20.000; Vendas 184.000; Custo das
Mercadorias Vendidas 70.000; Fornecedores 20.000; Despesas de Seguros 2.000.
Durante dezembro, ocorreram as seguintes operações:
1 - compra a prazo de 500 unidades a $ 20 cada;
2 - o frete relativo à compra acima, de $ 4.200, será pago em 30 dias;
3 - venda a prazo de 200 unidades a $ 50 cada uma;
4 - compra a prazo de 100 unidades a $ 35 cada uma;
5 - o fornecedor concedeu abatimento de $ 300 na compra do item 4, por
pequeno defeito apresentado na embalagem;
6 - venda a prazo de 500 unidades ao preço unitário de $ 60, com desconto
de 10% sobre o total;
7 - compra a prazo de 400 unidades a $ 40 cada uma;
8 - venda a vista de 180 unidades a $ 80 cada uma;
9 - devolução de 100 unidades da compra do item 7 por apresentarem defei­
tos;
10 - concessão de abatimento na venda efetuada no item 6, no valor total de $
2 .000;
11 - devolução de 30 unidades vendidas no item 6;
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 85

12 - pagamento de $ 1.000 referente ao frete sobre a venda efetuada no item 8;


13 - recebimento antecipado de clientes relativo à venda do item 6, com des­
conto de 10%.

Informações adicionais para ajwstes:


a) a taxa de depreciação de móveis e utensílios é de 10% a.a.;
b) os salários de dezembro, no valor de $ 10.000, serão pagos em 19X6;
c) o contrato de seguro foi firmado em 1S~10-X5 e tem vigência pelo prazo de
10 meses;
d) 40% dos serviços (recebidos antecipadamente) serão realizados em 19X6.
A empresa adota o sistema de inventário permanente e o saldo da conta Merca­
dorias constante no Balancete inicial corresponde a 200 unidades a $ 20 cada uma.

Pede-se:
a) apurar o resultado do período, utilizando o método da Média Ponderada Móvel
para avaliação dos estoques e
b) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício e o Balanço Patrimonial
para o exercício findo.

Observação: este exercício poderá ser resolvido também pelos métodos PEPS e UEPS.
Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 60.928; (b) Total do Balanço $ 251.928.

Exercício 5.15

Para elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício de X8, o Departa­


mento de Contabilidade da Cia. Raoni toma as seguintes providências:
I - Elabora uma listagem parcial das contas e respectivos saldos extraídos do
Balancete de Verificação de 30-12-X8 (em $): Despesas Antecipadas 400;
Vendas 1.000; Veículos 1.200; Terrenos 2.000; Capital 5.000; Lucros
Acumulados 30; Custo das Mercadorias Vendidas 591; Abatimentos sobre
Vendas 20; Descontos Financeiros Obtidos 50; Estoques 20; Devoluções
de Vendas 14; Descontos Financeiros Concedidos 2; Despesas Diversas
20; Salários 85; Despesas de Propaganda e Publicidade 3; Clientes 50;
Fornecedores 65; Depreciação Acumulada 400.
II - Identifica as seguintes operações a serem lançadas ainda no final de
dezembro:
86 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

1. compra a prazo (30 dias) de 2.000 unidades a $ 32 cada uma;


2. conhecimento de embarque no valor de $ 6.000, relativo ao frete das
mercadorias acima, a ser pago em janeiro;
3. vendas de 1.000 unidades ao preço unitário de $ 50, sendo 60% com
prazo de 60 dias;
4. devolução de 1.000 unidades compradas no item (1). Nas negocia­
ções junto ao fornecedor, a empresa obteve: abatimento de 10% nas
unidades remanescentes e, ainda, o crédito de $ 2.000 relativo aos
gastos com transportes do item (2);
5. vendas de 500 unidades ao preço unitário de $ 60, 50% a prazo,
com desconto de 10% na parcela a vista;
6. quitação das compras do item (1), com desconto de 5% pela anteci­
pação do pagamento;
7. recebimento antecipado da fatura relativa à venda do item (3), tendo
concedido desconto de 20%;
8. despesas de dezembro a serem pagas até o dia 10 do mês seguinte:
(a) salários $ 40.000; (b) aluguel $ 20.000;
9. a taxa de depreciação utilizada pela empresa é de 20% a. a. A conta
de veículos incorpora, entre outros: (a) caminhão XY adquirido em
2-1-X2 no valor de $ 200.000; e (b) um veículo novo adquirido em
30-1-X8 por $ 600.000;
10. recebimento de $ 240.000 relativo ao contrato firmado com a Cia.
XCBN para a entrega, em março/X9, de 3.000 unidades de merca-
dorias; e
11. no momento do levantamento dos saldos das contas (item I), verifi-
cou-se que os estoques estavam constituídos por 1.000 unidades,
sendo o custo apurado pelo método da Média Ponderada Móvel
(MPM).

Com base nessas informações, pede-se:


a) apurar o resultado do exercício; e
b) elaborar a Demonstração do Resultado para o período encerrado em 31-12-X8.
Resposta: Lucro líquido do exercício $ 97.440.

Exercido 5*16
A empresa Maranhão S.A. foi organizada em 1M-X4. Um resumo das com­
pras e vendas realizadas durante o ano de X4, separado pelos tipos de mercadorias
negociadas, é apresentado a seguir:
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 87

Quantidades Preco Unitário

Compradas Vendidas Custo Mercado

Embarcações:
Borcos a remo 15 11 100 100
Canoas 10 7 160 150
Lanchas (motor de popa] 20 14 325 310
lanchas (motor de centro) 5 2 950 940

Motores:
5HP 30 24 95 95
10 HP 33 22 180 175
15 HP 25 15 250 250
25 HP 10 5 290 290

Pede-se:
Calcular o valor do inventário final, pelo critério do custo ou mercado, o mais
baixo, aplicando os seguintes métodos:
a) item por item;
b) das categorias;
c) inventário total.

Resposta: Inventário final: (a) ao custo $ 12.180; (b) ao mercado $ 11.975.

Inventário Periódico (Exercícios 5.17 a 5.29}

Exercício 5.17
Calcular o Custo das Mercadorias Vendidas (CMV) e o Resultado nas situações
seguintes:
I) Estoque Inicial (EI) - $ 10.000
Compras (C) - $ 55.000
Estoque Final (EF) - $ 7.000
Vendas (V) - 70.000
D) Estoque Inicial - $ 10.000
Compras - $ 67.000
Estoque Final - $ 7.000
Vendas - $ 70.000
88 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

III) Estoque Inicial - $ 10.000


Compras - $ 67.000
Estoque Final - $ 6.000
Vendas - $ 70.000

Respostas: Resultados: (I) 12.000; (II) - 0 -; (III) (1.000).

A)

Costo das Apuração do


Merca- f
. . Compras Vendas Mercadorias Resultado do
donas r
Vendidas Exercido
Inventário Inicial 12
Compras 30
Vendos 36

AJUSTES
Inventário inicial
Compras
Inventário final
Custo dos Mercodorios
Vendidas

Encerramento
Vendos j
Resultado >

Pede-se:
Fazer os lançamentos de ajuste e encerramento diretamente nos razonetes.
Observação: O estoque final foi apurado extracontábilmente, no valor de $ 15.

B)
A Cia. Araras, no fim de dezembro/X4, apresentava a conta Mercadorias com
o saldo devedor de $ 1.500, e a conta Resultado com o saldo credor de $ 11.500.
Sabe-se que o estoque final é o saldo da conta Mercadorias e que o estoque inicial
mais as compras totalizavam $ 10.000.

Pede-se:
Apure o valor das vendas realizadas no período.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 89

A Cia. Asena opera no ramo de compra e venda de automóveis.


Seu Balancete de Verificação em 31-12-X4 estava constituído pelos saldos das
seguintes contas: Vendas $ 22.500; Mercadorias $ 4.500; Veículos $ 2.700; Salários
$ 3.750; Fornecedores $ 5.620; Despesas de Manutenção $ 450; Terrenos $ 2.250;
Depreciação Acumulada de Veículos $ 720; Despesas de Publicidade $ 300; Capital
$ 4.500; Compras $ 13.500; Bancos $ 900; Clientes $ 6.750; Despesas de Aluguel
$ 1.000; Lucros Acumulados $ 1.480; Materiais de Consumo $ 220; Financiamentos
$ 3.600; Despesas de Seguros $ 1.300; Energia Elétrica $ 450; Seguros a Vencer
$ 150; Despesas Financeiras $ 200.

Dados para ajustes:


1. Os salários de dezembro no valor de $ 500 serão pagos em 10-1-X5.
2. O empréstimo concedido pelo Banco do Sul S.A., em 31-10-X4, vencerá
em 31-1-X5, quando o Banco debitará os juros correspondentes, calculados
à base de 2% ao mês.
3. Os veículos são depreciados à base de 20% ao ano.
4* O estoque de mercadorias em 31-12-X4 foi avaliadoem $6.000.
5. Existe um estoque de $ 50 em materiais.
6. Recebimento de aviso bancário comunicando do recebimento da duplicata
n~ 145, no valor de $ 400, com descontos concedidos ao Cliente de $ 10.

Pede-se:
a) abrir os razonetes com os respectivos saldos constantes do Balancete;
b) fazer os lançamentos de ajustes, em razonetes;
c) elaborar o Balancete após os ajustes;
d) fazer os lançamentos de encerramento;
e) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício;
f) elaborar o Balanço Patrimonial.

Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 1.686; (b) Total do Balanço $ 17.530.

Exercício 5.2*3

O Balancete de Verificação da Cia. Upapar em 30-11-X2 apresentava os saldos


das seguintes contas (em $): Caixa 30.000; Veículos 40.000; Salários 4.200; Merca­
dorias 29.800; Depreciação Acumulada de Veículos 16.000; Compras 45.000; Clien­
90 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

tes 40.000; Fornecedores 50.000; Terrenos 50.000; Despesas Antecipadas 5.000;


Impostos 16.000; Vendas 80.000; Receitas Antecipadas 20.000; Capital 94.000.
Operações de dezembro e dados para ajustes:
1. compra a prazo de mercadorias, no valor de $ 100.000;
2. vendas de mercadorias por $ 200.000, sendo 60% a prazo;
3. os veículos foram adquiridos em 2-1-X0;
4. despesas do mês a serem pagas no próximo período: (a) salários $ 34.000;
(b) aluguel $ 30.000; (c) diversas $ 10.000;
5. das despesas antecipadas 20% são despesas diversas do período;
6. as receitas antecipadas foram ganhas integralmente;
7. recebimento de $ 400.000 relativos a: (a) 60% de vendas a serem realiza­
das em fevereiro/X3; (b) 10% referentes a vendas já registradas; o res­
tante, a vendas de mercadorias relativas ao mês;
8. o estoque final apurado extracontabilmente é de $ 30.000.

Pede-se:
a) efetuar os lançamentos das operações, ajustes e de encerramento;
b) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício e o Balanço Patrimonial*

Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 172.000; (b) Total do Balanço $ 730.000.

Exercucio 5.21

Determinar o resultado da Cia. Marabá para o exercício encerrado em 30-6-X0,


levando em consideração os saldos das seguintes contas: Depreciação $ 145.000; Salá­
rios $ 250.000; Despesas Tributárias $ 60.000; Descontos Financeiros Obtidos
$ 50.000; Descontos Financeiros Concedidos $ 15.000; Vendas $ 1.800.000; Alu­
guel $ 100.000; Receitas Financeiras $ 130.000; Condução e Refeições $ 90.000;
Serviços de Terceiros $ 95.000; Despesas Bancárias $ 100.000; Compras $ 1.200.000;
Devolução de Vendas $ 50.000; Fretes sobre Compras $ 20.000; Devolução de
Compras $ 120.000; Receitas de Serviços $ 140.000; Descontos Comerciais sobre
Vendas $ 30.000; Mercadorias $ 50.000.
Considere-se o estoque final apurado extracontabilmente, de $ 200.000.

Pede-se:
a) apurar o resultado do exercício; e
b) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício para o semestre findo.
Resposta: Lucro líquido do exercício $ 235.000.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 91

No dia 30-6-X4, o Balancete de Verificaçao da Cia. Tuim apresentava as con­


tas a seguir com os seguintes saldos (em $):
© Mercadorias, 1.100;
© Compras, 4.500;
© Devoluções e Abatimentos de Compras, 100;
© Fretes e Carretos de Compras, 50;
@ Descontos sobre Compras, 20;
© Vendas, 6.500;
@ Devoluções e Abatimentos de Vendas, 500;
© Fretes e Carretos de Vendas, 10;
® Descontos sobre Vendas, 30;
® Despesas Diversas, 850.
O saldo da conta Mercadorias correspondia ao valor do estoque inicial. No dia
30 de junho, o estoque final, levantado extracontabilmente, totalizava $ 3.000.

Pede-se:
Com base nas informações colhidas na Cia. Tuim:
a) representar, em razonetes, as diversas contas;
b) fazer os lançamentos de ajuste e de encerramento nos razonetes; e
c) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício (forma dedutiva).

Resposta: Lucro líquido do exercício $ 2.580.

Exercido 5,23

O Balancete de Verificação da Cia. Arapongas, em 31-12-X3, estava consti­


tuído pelos saldos das seguintes contas: Caixa $ 40.000; Clientes $ 44.000; Capital
$ 150.000; Compras $ 226.000; Mercadorias $ 23.000; Vendas $ 263.600; Fretes
sobre Compras $ 2.200; Abatimentos sobre Compras $ 4.000; Devolução de Vendas
$ 3.400; Devolução de Compras $ 2.000; Seguros Antecipados $ 18.000; Veículos
$ 136.000; Salários $ 33.000; Fornecedores $ 45.000; Empréstimos Obtidos $ 32.000;
Receitas de Serviços $ 20.000; Adiantamento de Clientes $ 40.000; Despesas de
Aluguel $ 26.000; Prejuízos Acumulados $ 5.000.
92 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Bados para ajustes:


1. salários de dezembro a serem pagos em 10-1-X4, $ 3.000;
2. a empresa efetuou seu contrato de seguro por 12 meses a contar de
30-3-X3;
3. 50% dos serviços, recebidos antecipadamente, já foram executados;
4. o estoque final apurado extracontabilmente totalizou $ 22.000.

Pede~se;
a) levantar o Balancete de Verificação em 31-12-X3;
b) transpor o saldo das contas para os razonetes;
c) efetuar os lançamentos de ajustes e de encerramento somente em razonetes, indi­
cando as operações por meio de números ou letras;
d) preparar a Demonstração do Resultado do período (forma dedutiva); e
e) elaborar o Balanço Patrimonial em 31-12-X3.

Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 1.500; (b) Total do Balanço $ 246.500.

O Balancete de Verificação da Cia. Ipeca, em 30-11-X0, evidencia os seguintes


saldos em suas contas (em $): Caixa 415.000; Títulos a Pagar 28.000; Equipamentos
60.000; Móveis e Utensüios 180.000; Depreciação Acumulada de Móveis e Utensí­
lios 52.500; Fornecedores 50.000; Seguros Antecipados 84.000; Capital 550.000;
Clientes 30.000; Mercadorias 35.000; Despesas de Salários 40.000; Adiantamento
de Clientes 80.000; Compras 100.000; Vendas 200.000; Despesa de Depreciação de
Móveis e Utensílios 16.500.
Durante dezembro, ocorreram as seguintes operações:
1. compras de mercadorias no valor de $ 300.000, 50% a vista, com desconto
de 10% sobre o total, a ser abatido da parcela a prazo;
2. vendas de $ 600.000, 30% a prazo, nas seguintes condições para a parcela
a prazo: desconto de 10% para pagamento em 30 dias e de 5% para paga­
mento em 60 dias;
3. a empresa deprecia os móveis e utensílios mensalmente. Os equipamentos
foram adquiridos em 2-10-X0 e serão depreciados à base de 20% ao ano;
4. recebimento de $ 100.000 relativo à contratação de vendas a serem realiza­
das no próximo exercício;
5. devolução de $ 30.000 relativo à compra do item (1), descontando-se da
parcela a prazo;
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 93

6. recebimento da venda do item (2), com desconto de 10%;


7. o contrato de seguro foi efetuado em 1M--X0 pelo prazo de 12 meses;
8. o inventário final acusava $ 20.000 de mercadorias em estoque em
31-12-X0.

Pede-se:
a) efetuar os lançamentos das operações, ajustes e encerramento nos razonetes; e
b) elaborar as Demonstrações Financeiras relativas ao período findo.
Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 303.000; (b) Total do Balanço
$ 1.201 . 000.

O Balancete de Verificação da Empresa Tucano S. A. apresentava era 30-11-X5


os saldos das seguintes contas: Caixa $ 200; Bancos $ 155.000; Empréstimos Ob­
tidos $ 112.000; Juros a Pagar $ 2.000; Salários a Pagar $ 10.000; Fornecedores
$ 50.000; Instalações $ 130.000; Capital $ 220.000; Clientes $ 10.000; Despesas
Antecipadas de Aluguel $ 5.000; Despesas de Salários $ 80.000; Receitas de Servi­
ços $ 80.000; Despesas de Aluguel $ 20.000; Equipamentos $ 60.000; Seguros a
Vencer $ 13.800.
Em dezembro, a empresa realizou as seguintes operações:
1. compras de mercadorias no valor de $ 300.000, 50% a vista;
2. vendas no valor de $ 200.000, 50% a prazo, tendo concedido descontos
de 2% sobre as vendas a vista;
3. pagamento antecipado de aluguel, $ 5.000;
4. pagamento de salários, $ 10.000;
5. o contrato de seguros, por um ano, foi emitido em 1M1-X5;
6. salários de dezembro a serem pagos em janeiro, $ 8.000;
7. pagamento a fornecedores no valor de $ 50.000;
8. recebimento, em devolução, de 50% das mercadorias vendidas a prazo na
operação (2);
9. pagamento de diversas despesas do mês, no valor de $ 1.000;
10. os levantamentos físicos demonstraram a existência de mercadorias em
estoque no valor de $ 200.000, no final do mês;
11. de acordo com o contrato de locação do prédio, o aluguel é pago sempre
com um mês de antecedência.
94 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Pede-se:
a) elaborar o Balancete inicial e transportar os saldos para os razonetes;
b) fazer os lançamentos das operações, ajustes e encerramento (em razonetes, indi­
cando com letras ou números os lançamentos);
c) elaborar a Demonstração do Resultado (forma dedutiva);
d) elaborar o Balanço Patrimonial em 31 ~12-X5.

Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 11.700; (b) Total do Balanço $ 503.700.

O Balancete de Verificação da Cia. Saracura em 30-11-X4 estava composto pe-


los saldos das contas a seguir (em $ mil):

Saldos
Contas Devedores Credores

Caíxa 5.400
Bancos 5.000
Equipamentos 4.800
Títulos a Receber 3.800
Mercadorias 3.000
Compras 7.000
Despesas de Salários 1.400
400
Capital 7.000 j
Títulos a Pagar 3.000
Adiantamento de Cientes 500
Vendas 18.000
Receitas de Aluguel 2.000
Salários a Pagar 300 j

Total 30.800 30.800

Em dezembro, realizou as seguintes operações:


1 - pagou prêmio de seguro contra fogo pelo prazo de 1 ano (de 1S-12-X4 a
30-11-X5) no valor de $ 120;
2 - a companhia alugou parte de seu prédio a $ 200 por mês e neste dia rece­
beu os aluguéis relativos a dezembro/X4 e janeiro/X5;
5 - pagamento de salários do mês de novembro/X4 no valor de $ 300;
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 95

10 - comprou mercadorias a prazo no valor de $ 800;


12 - vendeu mercadorias, parte a vista ($ 1.000) e parte a prazo ($ 500), no
valor total de $ 1.500;
26 - entregou as mercadorias referentes ao recebimento antecipado de vendas
no valor de $ 500.

Dados para ajustes:


1. apropriação da quota parte do prêmio de seguro referente ao exercício
findo;
2. a folha de pagamento de dezembro é de $ 300;
3. apurou-se, segundo cálculos, que o Banco deveria creditar na conta da
empresa juros referentes ao exercício no valor de $ 100;
4. o inventário final (31-12-X4) das mercadorias era de $ 2.000 (a empresa
adota o método do inventário periódico).

Pede-se:
a) abrir razonetes com os saldos do Balancete de 30-11-X4;
b) efetuar os lançamentos das operações de dezembro e dos ajustes nos razonetes;
c) levantar o Balancete de Verificação;
d) efetuar os lançamentos de encerramento nos razonetes;
e) elaborar a Demonstração do Resultado e o Balanço Patrimonial.

Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 11.390; (b) Total do Balanço $ 22.690.

Exercício 5.27

O Balancete de Verificação da Cia. Jurupis, em 30-11-X4, apresentava os sal­


dos das seguintes contas (em $): Caixa 45.000; Clientes 10.000; Mercadorias
150.000; Equipamentos 60.000; Terrenos 30.000; Despesas de Salários 45.000; De­
preciação Acumulada de Equipamentos 5.000; Despesas de Aluguel 20.000; Forne­
cedores 100.000; Capital 169.000; Títulos a Pagar 50.000; Seguros a Vencer
12.000; Despesas Gerais 2.000; Vendas 100.000; Compras 50.000.
96 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Operações de dezembro:
1. aquisição de móveis e utensílios em l e-12-X4, por 240.000 a prazo;
2. venda a vista de mercadorias por 120.000, com desconto de 10%;
3. venda a prazo de mercadorias por 100.000, nas seguintes condições: em 5
dias com 10%, em 15 dias com 5% ou 0% em 30 dias;
4. pagamento de frete sobre a venda do item (3), 3.500;
5. devolução de parte da venda do item (3) no valor de 10.000;
6. abatimento de 5.000 concedido sobre a venda do item (2);
7. compra a prazo de 90.000 nas seguintes condições: em 10 dias com 8%,
em 20 dias com 5% ou em 30 dias sem desconto;
8. recebimento antecipado da venda do item (3) com desconto de 10%;
9. devolução de 5.000 das mercadorias compradas no item (7);
10. abatimento de 10% sobre o restante da compra do item (7);
11. compra a vista de mercadorias por 30.000, com desconto de 8%;
12. pagamento de 5.000 de fretes sobre as compras acima.

Dados para ajustes


a) despesas do mês de dezembro a serem pagas no próximo exercício: salários
de 15.000 e aluguel de 5.000;
b) o contrato de seguro tem vigência a partir de 1-4-X4, por 12 meses;
c) a taxa de depreciação de móveis e utensílios é de 10% a.a.;
d) os equipamentos foram adquiridos em l s-8-X3;
e) o inventário físico indicou a existência de estoque de mercadorias, em
31/12, de 100.000.

Pede-se:
a) lançar os saldos iniciais, as operações e ajustes nos razonetes;
b) elaborar o Balancete de Verificação;
c) fazer os lançamentos de encerramento;
d) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício e o Balanço Patrimonial.
Respostas: (a) Prejuízo do exercício $ 38.600; (b) Total do Balanço $ 616.900.

Exercício 5o28
A Cia. Piranga apresentava em seu Balancete de Verificação de 30-11-X3 os
saldos das seguintes contas (em $): Caixa 30.000; Adiantamentos a Fornecedores
50.000; Clientes 80.000; Capital 250.000; Descontos Comerciais Concedidos 8.000;
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 97

Compras 366.000; Mercadorias 73.000; Vendas 400.000; Fretes sobre Compras


2.200; Abatimentos sobre Compras 4.000; Devoluções de Compras 2.000; Devo­
luções de Vendas 3.400; Seguros a Vencer 48.000; Veículos 186.000; Salários
83.000; Depreciação Acumulada de Veículos 18.600; Fornecedores 90.000; Emprés­
timos Obtidos 82.000; Receitas de Serviços 20.000; Receitas de Serviços Antecipa­
das 90.000; Salários a Pagar 9.000; Despesas de Aluguel 26.000; Lucros/Prejuízos
Acumulados 10.000.
Em dezembro/X3, ocorreram as seguintes operações e ajustes:
1. venda a prazo de $ 100.000 de mercadorias, com desconto de 10%;
2. pagamento de salários relativos ao mês anterior;
3. recebimento antecipado de clientes, no valor de $ 30.000, com desconto
de 10%;
4. o aluguel referente a dezembro, no valor de $ 10.000, será pago em janei-
ro/X4;
5. compra a prazo de mercadorias, no valor de $ 80.000, descontando-se a
parcela paga anteriormente;
6. os salários relativos a dezembro, no valor de $ 15.000, serão pagos no
próximo exercício;
7. sobre a venda do item (1) ocorreram abatimentos de 10% e pagamento da
despesa com frete no valor de $ 1.000;
8. pagamento de $ 5.000 relativo a fretes sobre compras do item (5);
9. devolução de 20% das compras efetuadas no item (5), ocorrendo ainda
abatimento de $ 1.000 sobre o restante da operação;
10. de acordo com a carta comercial do fornecedor, o mesmo se responsabili­
zará pelo ressarcimento de $ 2.000 referente ao reembolso de parte dos
gastos com transporte da mercadoria referida no item (8);
11. das receitas antecipadas 30% deverão ser apropriadas como receitas do
exercício;
12. os veículos foram adquiridos em l s-7-X2;
13. os seguros foram contratados em 30-6-X1 pelo prazo de 30 meses;
14. o estoque final apurado extracontabilmente é de $ 250.000.

Com base nessas informações, pede-se:


a) lançar os saldos iniciais, as operações e ajustes nos razonetes;
b) elaborar o Balancete de Verificação em 31-12-X3;
c) efetuar os lançamentos de encerramento;
d) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício e o Balanço Patrimonial.

Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 42.200; (b) Total do Balanço $ 553.200.
98 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

A seguir, é apresentado um quadro de ajuste incompleto da “Cia. Florianópo­


lis”, no dia 31-12-XO.

Prepare o quadro de ajuste completo


Os dados essenciais, além dos que figuram no quadro, são:
© Inventário Final, no dia 31-12-XO, $ 5.000;
© Lucros Acumulados, $ 420, após os lançamentos de ajuste e encerramento:

Balancete ; Resultado do
Discriminacão Balancete Ajustes
Ajustado Exerrido Encerramento

Caixa 200 200


Contas a Receber
Inventário 4.800
Materiais de Consumo
Instalações 800 570
Depreciação Acumulada 20.000 20.000
de Instalações 5.000 5.500
Letras a Pagar 6.000 6.000
Capita! 15.000 15.000
Lucros Acumulados 1.120
Despesas Diversas 300
Vendas 30.000
Compras
Comissões sobre Vendas 5.120
Despesas de Aiuguel 500
Despesas de Juros 120
57.120

Resposta: O quadro de ajuste completo revela prejuízo no exercício de $ 700.


OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 99

A “Cia. Porto Alegre” apresentou, em 31-12-X8, o seguinte Balanço geral:


Âfivo
Caixa....................................................... .................... 7.246
Clienles.......................................................................... 10.927
Mercadorias.................................................................... 14.262
Móveis e Utensílios........................................................... 9.450
(-} Depredação Acumulada......................................... (6.276) 3.174
Equipamentos.................................................................. 1.320
(-} Depredação Acumulada......................................... (1.320) -
T o ta l..................................... v : ; ..................... 35.609
Pcssivo e Patrimônio Líquido
Fornecedores.................................................................. 10.278
Salários a Pagar....................................... ...................... 722
Capital............................................................................ 10.000
Lucros Acumulados........................................................... 14.609
Total ............................................................................................ 35.609

Do movimento do Caixa de X9, foram classificadas as seguintes operações:

Recebimentos Pagamentos
Vendas a Vista................................................... 40.526
Pagamentos a Empregados (salários)................... 17.486
Aluguel............................................................. 4.760
Propaganda..................................................... . 2.463
Clientes............................................................ .............. 51.536
Impostos....................................................... 3.502
Telefone........................................................... 889
Despesas Diversas............................................. 2.900
Fornecedores..................................................... 64.238
96.062 96.238
Saldo Inicial..................................................... .............. 7.246
Saldo Final....................................................... 3.070
99.308 99.308

Outras Informações:
a) salários apagar em 31-12-X9 $ 581
b) fornecedores em 31-12-X9 $ 5.094
c) Clientes em 31-12-X9 $ 14.048
d) estoque de mercadorias em 31-12-X9 $ 16.286
e) depreciação de móveis e utensílios - 10% ao ano.
f) as contas Fornecedores e Clientes só são usadas para compras e vendas a
prazo, respectivamente.
100 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Tomando-se por base os dados anteriores e demonstrando claramente os cálcu­


los efetuados,
Pede-se:
a) apurar o valor das vendas referentes a X9;
b) apurar o custo das mercadorias vendidas do período;
c) levantar o Balanço geral da Cia. e a Demonstração do Resultado do Exercí­
cio, respectivamente, em 31-12-X9 epara X9.
Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 5.349; (b) Total do Balanço $ 35.633.

Os Balanços Patrimoniais da Cia. Avestruz de 31-12-X3 e 31-12-X4 e o Movi­


mento do Caixa durante o ano de X4 estão apresentados a seguir:

Balanço Patrimonial
£m$
Ativo
3 M 2 -X 3 3 M 2 -X 4
Caixa 100 250
Bancos C/Movimento 500 1100
Mercadorias 2.000 3.000
Clientes 1.500 1.800
Veícuios 600 3.600
H Depreciação Acumulado (120) 480 (240) 3.360
Seguros a Vencer 100 ________ 50
Total 4 iM 10.560

; PASSIVO
i Fornecedores 1.050 1.550
i Salários a Pagar 300 350
| Dividendos a Pagar 270 370
! Receitas de Comissões
Recebidos Antecipadamente - 100
: Empréstimos Bancários 250 J L 850
Totol do Posssivo 1.870 6.220

: PATRIMÔNIO LÍQUIDO
; Capital 2.000 2.000
■ lucros Acumulados 810 2.340
Tolai do Patrimônio líquido 2.810 4.340
; Total 4Í8Q 10.560
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 101

Movimento do Conta Caixa no Ano de X4


EmS

Recebimentos Pagamentos

Saldo Inicia! 100


Compras a Vista 1.500
Vendas a Vista 2.600
Recebimentos de Clientes 12.000
Pagamento a "Fornecedores7' 8.500
Pagamento de Dividendos 200
Pagamento de Prêmio de Seguro 250
Pagamento de Salários 2.300
Pagamento de Despesas Diversos 1.100
Recebimento de Receitas de Comissões 400
Depósitos Efetuados em Bancos 1.000
Saído Fmai 250

Total 15.100 15.100

Observação: As contas Clientes e Fornecedores registram somente vendas e com­


pras de mercadorias a prazo, respectivamente.

Pede-se:
Com base nos dados anteriores, elaborar a Demonstração do Resultado (forma
dedutiva) para o período de l e-l-X4 a 31-12-X4, demonstrando claramente os cálcu­
los efetuados para cada item da demonstração.

Resposta: Lucro líquido do exercício $ 1.830.


102 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

A Cia. Yara apresentou em 31-12-X2 o seguinte Balanço Patrimonial:

Cia. Yara Em S
Ativo
Caixa 7.400
Clientes 20.000
Mercadorias 10.000
Terrenos 14.100
Tolal do Ativo 51.500
Passivo e Patrimônio Líquido
PASSIVO
Fornecedores 25.000
Salários a Pagar 15.000
Total do Passivo 40.000

PATRIMÔNIO LÍQUIDO
Capital 10.000
Lucros Acumulados 1.500
Total do Patrimônio liquido 11.500
Total do Passivo + Patrimônio Líquido 51.500

Na folha do Razão da conta Caixa, encontramos os seguintes registros relativos


ao exercício de X3:

•; p 1 i
RecebimentosJ Pagamentos j
i Vendas a Vista 50.000
: Salários 35.000 !
■; Aluguel ? 5.000 i
j Despesas de Transporte 1.500 1
; Clientes 62.000 | !
i Impostos t 30.000 !
! Despesas com Manutenção 10.000 i
; Fornecedores 35.000 !
i Serviços Prestados 15.000 j J
Total 127000 1 116.500 !

Outras informações:
salários a pagar em 31-12-X3: 17.000;
fornecedores em 31-12-X3: 15.000;
clientes em 31-12-X3: 15.000;
estoque de mercadorias em 31-12-X3: 12.000.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 103

Pede-se:
a) levantar um Balancete de Verificação em 31-12-X3 e colocar os saldos nos razo­
netes;
b) efetuar os lançamentos de ajustes e encerramento;
c) preparar a Demonstração do Resultado (forma dedutiva);
d) levantar o Balanço Patrimonial em 31-12-X3.
Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 15.500; (b) Total do Balanço $ 59.000.

Os saldos de algumas contas da empresa Itapema S.A., em 31-12-X1, são os


seguintes:
Bancos $ 500.000; Estoques $ 90.000; Fornecedores $ 40.000; Contas a Pagar
(Circulante) $ 50.000.
Contabilize no Livro Diário e em razonetes os seguintes eventos que ocorreram
durante X2:
A empresa efetuou compras:
1. no valor de $ 600.000, estando incluído neste valor ICMS de $ 90.000. Em
X2, foram pagos $ 450.000 devidos a fornecedores.
2. As vendas de X2 totalizaram $ 950.000, sendo que 80% foram recebidos
no próprio ano e o restante será recebido em X3. Admita a alíquota do
ICMS de 18%.
3. Houve pagamento de ICMS a Recolher no valor de $ 60.000.
4. Aquisição de um terreno destinado a abrigar as futuras instalações da em­
presa por $ 500.000, pagos em cheque.
5. O inventário dos Estoques apresentou um saldo final de $ 50.000 em
31-12-X2.

Pede-se:
Informe o valor da Despesa de ICMS do período X2, apure o resultado bruto
do período X2 e apresente a respectiva Demonstração de Lucro Bruto.
Respostas: A despesa de ICMS do período X2 foi de $ 171.000 ($ 90.000 desse
total referem-se a ICMS pago nas compras e recuperado); o lucro bruto
foi de $ 229.000.
104 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

O Balanço Patrimonial da Empresa Paníaneira S.A., em 31-12-X1, apresenta­


va os seguintes saldos em suas contas:

Ativo Passivo
Ativo Circulante 112.400 Passivo Circulante 84.400
Depósitos Bancários 66.000 Fornecedores 10.400
Duplicatas a Receber 46.400 Impostos e Pagar 6.000
Dividendos a Pagar 1.000
Contas a Pagar 67.000
Ativo Permanente 66.000 Patrimônio liquido 94.000
Terrenos 66.000 Capita! 56.000
Lucros Acumulados 38.000
lo ta i do Ativo 178.400 i Total do Passivo + PL 178.400

A empresa é contribuinte do ICMS e durante o ano de X2 os seguintes eventos


ocorreram e devem ser contabilizados:
1. A empresa adquiriu mercadorias a vista no valor total de $ 40.000, estando
incluídos $ 4.800 de ICMS. O pagamento ao fornecedor foi efetuado no
próprio ano de X2.
2. A empresa recebeu todo o saldo de Duplicatas a Receber e pagou todo o
passivo existente em 31-12-X1.
3. A empresa vendeu 60% do estoque pelo preço de $ 60.000, sendo que 80%
foram recebidos no próprio ano. No preço já está incluído o ICMS calcu­
lado à alíquota de 12% do valor total.
4. As despesas operacionais da empresa totalizaram $ 15.500 e foram pagas
no próprio ano.

Pede-se:
1. Efetue, em razonetes, a contabilização de todos os eventos ocorridos em X2.
2. Elabore a Demonstração de Resultados (X2) e o Balanço Patrimonial em
31-12-X2.

Respostas:
Lucro Líquido de $ 16.180 e Total do Balanço $ 112.580.

1. Este exercício e os dois seguintes são contribuições do Prof. João Domiraci Paccez.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 105

O Balanço Patrimonial da Empresa Pantaneira S.À., em 31-12-X2, apresenta­


va os seguintes saldos em suas contas:

Afivo Passivo

Afivo Circulante 46.580 Passivo Circulante 2.400


Depósitos Bancários 20.500 ICMS a Recolher 2.400
Duplicatas a Receber 12.000
Estoques 14.080
Ativo Permanente 66.000 Patrimônio líquido 110.180
Terrenos 66.000 Capital 56.000
Lucros Acumulados 54.180

Total do Ativo 112.580 : Total do Passivo + PL 112.580

A empresa é contribuinte do ICMS e durante o ano de X3 os seguintes eventos


ocorreram e devem ser contabilizados:
1. A empresa aumentou seu capital em $ 100.000, que foram integralizados
em dinheiro.
2. A empresa adquiriu mercadorias no valor total de $ 90.000, estando incluí­
dos $ 10.800 de ICMS. Foram pagos ao fornecedor, no próprio ano de X3,
o correspondente a 70% do valor total da compra.
3. A empresa recebeu todo o saldo de Duplicatas a Receber e pagou todo o
passivo existente em 31-12-X2.
4. A empresa vendeu 80% do estoque pelo preço de $ 150.000, sendo que
90% foram recebidos no próprio ano. No preço já está incluído o ICMS
calculado à alíquota de 12% do valor total.
5. As despesas operacionais da empresa totalizaram $ 12.500, sendo que 80%
foram pagas no próprio ano de X3 e o restante será pago em X4.

Pede-se:
1. Efetue, em razonetes, a contabilização de todos os eventos ocorridos em X2.
2. Elabore a Demonstração de Resultados (X2) e o Balanço Patrimonial em
31-12-X2.

Respostas:
Lucro Líquido de $ 16.180 e Total do Balanço $ 112.580.
106 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

A Lenços Maranhenses S.A. é uma empresa comercial e seu Balanço Patrimo­


nial, em 31-12-X1, apresentava os seguintes saldos em suas contas:

Ativo Passivo
Ativo Circulante 56.200 Passivo Circulante 39.200
Depósitos Bancários 33.000 Fornecedores 5.200
Duplicatas a Receber 20.000 imposto de Renda a Pagar 3.000
ICMS a Recuperar 3.200 Dividendos a Pagar 500
Contas a Pagar 30.500
Ativo Permanente 30.000 Patrimônio Líquido 47.000
Terrenos 30.000 Capital 28.000
Lucros Acumulados 19.000

Total do Ativo 86.200 i Total do Passivo + PL 86.200

Durante o ano de X2, os seguintes eventos ocorreram e devem ser contabilizados:


1. A empresa adquiriu mercadorias a vista no valor total de $ 24.000, estando
incluídos $ 4.000 de ICMS.
2. A empresa vendeu 75 % do estoque total disponível pelo preço de $ 30.000,
sendo que 80% foram recebidos no próprio ano. No preço já está incluído
o ICMS de 17%. Suponha que o ICMS a Recuperar foi aproveitado e o
saldo também será.
3. As despesas operacionais da empresa totalizaram $ 2.800, pagas no próprio
ano.
4. A empresa recebeu todo o saldo de Duplicatas a Receber e pagou todo o
passivo existente em 31-12-X2, exceto Fornecedores.

Pede-se:
1. Efetue em razonetes a contabilização de todos os eventos ocorridos em X2.
2. Elabore a Demonstração de Resultados (X2).
3. Provisione $ 2.100 para pagar o Imposto de Renda e transfira o Lucro Líquido
para Lucros Acumulados.
4. Elabore o Balanço Patrimonial em 31-12-X2.

Respostas: Lucro Líquido de $ 5.000 (após o Imposto de Renda); soma do Balanço


Patrimonial $ 59.300.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 107

O Balanço Patrimonial da empresa Canavieiras S.A. apresentava os seguintes


saldos em suas contas, em 31-12-X1:

ÂtÍV0 Passivo
Afivo Circulante 168.600 Passivo Circuiante 117.600
Depósitos Bancários 90.(300 Fornecedores 95.600
Duplicatas a Receber 69.000 imposto de Renda a Pagar 9.000
Mercadorias 9.600 Dividendos a Pagar 1.500
Contas a Pagar 11.500
Ativo Permanente 90.000 Patrimônio Liquido 141.000
Terrenos 90.000 Capital 84.000
Lucros Acumulados 57.000
Total do Ativo 258.600 Total do Passivo + PL 258.600

Durante o ano de X2, os seguintes eventos ocorreram e devem ser contabilizados:


1. A empresa adquiriu a vista mercadorias no valor total de $ 72.000, estando
incluídos $ 12.000 de ICMS.
2. A empresa pagou frete sobre estas compras no valor de $ 3.300 e um
seguro para transporte no valor de $ 700.
3. A empresa efetuou vendas no valor de $ 90.000 (incluído o ICMS de
15%), sendo 90% a vista. O custo dessas mercadorias soma $ 53.000.
4. As despesas operacionais da empresa totalizaram $ 8.300 e foram pagas no
próprio ano.
A empresa recebeu $ 72.000 de Duplicatas a Receber e pagou todo o passivo
existente em 31-12-X1. Do lucro apurado, após provisionar 25% de Imposto de
Renda, 50% deve ser destinado aos acionistas (Dividendos) e o restante deve ser
transferido para Lucros Acumulados.

' Pede-se:
1. Efetue em razonetes a contabilização de todos os eventos ocorridos em X2.
2. Elabore a Demonstração de Resultados (X2).
3. Elabore o Balanço Patrimonial em 31-12-X2.

Respostas: Lucro Líquido antes do Imposto de Renda de $ 15.200; soma do Balan­


ço Patrimonial: $ 157.700.
108 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Identificar a resposta correta para as várias que propomos a seguir:


1. A Metalúrgica Invertida Ltda,, que utiliza o sistema de Inventário Periódico com
três contas básicas, as quais têm os seguintes saldos: Mercadorias $ 12.000,
Compras $ 127.000 e Vendas $ 237.000, apurou um Lucro Bruto de $ 98.000.
Qual o Estoque Final apurado extracontabilmente (inventário)?
a) Nulo (não há estoque).
b) $98.000.
c) $ 122.000.
d) $ 139.000.
e) Os dados fornecidos não permitem apurar o estoque final.
2. A empresa Pardal apresentou o seguinte movimento de mercadorias:
Estoque Inicial $ 1.200
Compras $ 1.500
Devolução de Vendas $ 100
Estoque Final $ 1.400
Devolução de Compras $ 200
Vendas $ 1.600

O Lucro Bruto foi de:


a) $ 100.
b) $ 200.
c) $ 300.
d) $ 400.
e) $ 500.
3. Calcule o Lucro Líquido de uma empresa que apresenta os seguintes registros
contábeis em seu movimento mercantil: Estoque Inicial $ 1.200; Compras
$ 1.500; Devolução de Vendas $ 100; Estoque Final $ 1.400; Devolução de
Compras $ 200; Vendas $ 1.600; Despesas Administrativas $ 40; Despesas Fi­
nanceiras $ 60.
a) $ 100.
b) $200.
c) $300.
d) $400.
e) $500.
OPERAÇÕES COM MERCADORIAS 109

4. Se o inventário inicial de mercadorias for superavaliado, qual das hipóteses a


seguir ocorrerá?
a) O inventário final será superavaliado.
b) O Lucro Líquido do período será subavaliado.
c) O Custo das Mercadorias Vendidas será subavaliado.
d) O Lucro Líquido do período será superavaliado.
e) O inventário final será subavaliado.
5. O Lucro Bruto é definido como:
a) O excesso das Receitas sobre as Despesas.
b) A diferença entre o valor das Vendas e o das Despesas.
c) O excesso das Vendas sobre o Custo das Mercadorias Vendidas.
d) A diferença entre as Receitas e o Custo das Mercadorias Vendidas.
e) O excesso do valor das Vendas e o das Compras de Mercadorias.
6. Identificar o Lucro Bruto, sabendo-se que, ao final do exercício, foram apurados
os seguintes saldos nos registros contábeis de uma empresa que exerce “controle
permanente” dos estoques: Estoque Inicial $ 100; Estoque Final $ 200; Custo
das Mercadorias Vendidas $ 300; Vendas $ 500.
a) $500.
b) $400.
c) $300.
d) $200.
e) $ 100.
1. Em conseqüência de superavaliação do inventário final de mercadorias, depreen­
de-se que:
a) O Lucro Líquido do período fica subavaliado.
b) O inventário inicial foi superavaliado.
c) O Custo das Mercadorias Vendidas foi superavaliado.
d) O inventário inicial era nulo.
e) O Lucro Líquido do período fica superavaliado.
8. O método de custeio que, em período de Alta Generalizada de Preços (Inflação),
permite manter o valor dos Estoques mais próximo do preço de custo corrente é o:
a) Do custo específico.
b) Da média ponderada.
c) Do custo ou mercado.
d) Do LIFO (UEPS).
e) Do FIFO (PEPS).
7

Problemas Contábeis Diversos

I - Provisão para Devedores Duvidosos1 e Devedores insolventes

Os seguintes dados referem-se à Cia. João Pessoa:


1. o saldo credor da conta “Provisão para Devedores Duvidosos”, em
31-12-X6, é de $ 7.200;
2. as vendas líquidas de X6 totalizaram $ 2.800.000;
3. o saldo devedor da conta “Clientes”, em 31-12-X6, é de $ 320.000.

Pede~se:
Preparar o lançamento de ajuste, em 31-12-X6, levando em consideração os
seguintes casos isoladamente:
a) anualmente, a Cia. João Pessoa constitui a provisão na base de 1% sobre as ven­
das líquidas;
b) segundo a estimativa da Cia. João Pessoa, 1% do saldo da conta “Clientes”, em
31-12-X6, tomar-se-ão incobráveis;
c) a Cia. João Pessoa decide constituir a provisão anual mediante a aplicação de
uma percentagem de 3% sobre o saldo da conta “Clientes”.

Solução ão Exercício 7,3


Reversão do saldo não utilizado da Provisão para Devedores Duvidosos comum
para os três casos do “pede-se”.
São Paulo, 31-12-X6

1. Também conhecida como Provisão para Créditos de Liquidaçao Duvidosa.


128 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

A conta Provisão para Devedores Duvidosos apresenta um saldo de $ 7.200;


nesse caso, bastaria verificar o valor necessário para completar a Provisão para
Devedores Duvidosos relativa a X6.
Para o Caso A

Soldo FDD oo final ào Exercido $ 7.200


Provisão necessário $ 28.000
Valor a ser ajustado $ 26.800

Para o Caso B

Saldo PDD ao final do X6 $ 7.200


Provisão necessária $ 22.400
Valor a ser ajustado $ 15.200

Para o Caso C

Saldo PDD ao finai do X6 $ 7.200


Provisão necessária $ 9.600
Valor a ser ajustado $ 2.400

Lançamento do valor da nova provisão


para atender possíveis incobráveis
no ano de X7:
São Paulo, 31-12-X6

CASO “A” --------------------------- 3 1 ----------------------------


DEVEDORES DUVIDOSOS
a PROVISÃO PARA DEVEDORES DUVIDOSOS
Estimativa das perdas com devedores
incobráveis $ 20.800

CASO “B” --------------------------- 3 1 ----------------------------


DEVEDORES DUVIDOSOS
a PROVISÃO PARA DEVEDORES DUVIDOSOS $ 15.200

CASO “C” --------------------------- 3 1 ----------------------------


DEVEDORES DUVIDOSOS
a PROVISÃO PARA DEVEDORES DUVIDOSOS $ 2.400
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 129

As seguintes movimentações foram extraídas do Razão da “Cia. Altamira’

EmS
Provisão para Devedores Duvidosos Devedores Duvidosos
8.400 (5) 3.300
(1) 6 .0 0 0 2.ÔGG (2)
3.300 (5)

Clientes Caixa
280.000 (2) 2.000
(3) 300.000 6.(100 (D (4) 320.000
320.000 (4)

Vendas
300.000 (3)

Pede-se:
a) enumerar, logo a seguir, os fatos que originaram os lançamentos de 1 a 5;
b) indicar qual o fato imprescindível de registro na resposta ne 6, bem como lançar
nos respectivos razonetes.
Respostas:
1........................................................................................................................
2 ...................................................................................................................
3......................................................................................................................
4 ......................................................................................................................
5......................................................................................................................
6................................................................... ..............................

Exercício 7*3

A Cia. Gama, a partir de 31-12-X5, decidiu calcular a provisão para devedores


duvidosos com base na porcentagem de prejuízo por não-recebimento de clientes,
aproveitando a experiência do passado.
130 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Entre as informações colhidas na contabilidade, destacam-se as seguintes:

EmS
XI X2 X3 X4 X5
Vendas 53.800 216.000 394.800 785.600 685.600
Clientes 13.800 72.000 160.000 131.600 181.000
Provisão paro Devedores Duvidosos (constituída
em 31-12-X...) 414 2.160 4.800 3.948 _
Devedores Incobráveis 340 538 2.160 3.948 7.850

Pede-se:
Fazer todos os lançamentos cabíveis, em razonetes, com relação à Provisão
para Devedores Duvidosos e Baixa de Créditos Incobráveis, desde l e-l-X2.

Resposta: A PDD a ser constituída em X5 é de $ 6.856.

O saldo em 12-1-X3 da conta Provisão para Devedores Duvidosos da Cia. San­


tos era de $ 25.000. Durante o ano, aconteceram os seguintes eventos:
1. O cliente A, considerado incobrável hã dois anos, pagou sua dívida de
$ 5.000.
2. Ocliente B foi considerado incobrável em 10-4-X3 em $ 6.000.
3. Ocliente C foi considerado incobrável em 12-5-X3 em $ 7.000.
4. O cliente B, em 10-7-X3, apareceu e pagou $ 5.000, de sua dívida, ale­
gando que não pagaria nada mais.
5. OclienteD foi considerado incobrável, em 10-8-X3, em $ 10.000.
6. Ocliente E foi considerado incobrável, em 10-9-X3, em $ 2.000.
7. Em 30-11-X3, o cliente E entrou na loja e pagou sua dívida de $ 2.000.
8. O saldo da conta Duplicatas a Receber, em 30-12-X3 é de $ 2.300.000, e a
base para constituir nova provisão é de 3% sobre aquele saldo.

Pede-se:
Fazer todos os registros necessários em razonetes, considerando 31-12-X3
como encerramento do exercício social.
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 131

A provisão para devedores duvidosos de Paranapanema S. A. tinha um saldo de


$ 21.150 em P-l-XO. Durante este ano, ocorreram os seguintes fatos:
1. Soube-se de fontes oficiais que José Ferreira Ltda. abandonou os negócios
e não deixou recursos para pagar suas dívidas. Seu débito de $ 4.200 foi
considerado incobrável.
2. Foram recebidos $ 1.150 de Sousa Prado Ltda., correspondentes a uma
dívida considerada incobrável há dois anos.
3. $ 1.650 devidos por José Eduardo Sc Irmão foram considerados incobrá-
veis.
4. A Cia. Zeta devia $ 7.500. Enviou um cheque no valor de $ 750 e uma
carta informando que era todo que poderia pagar. O restante foi dado como
perdido.
5. José Eduardo & Irmão, cuja conta foi considerada incobrável, pagou $ 650
e disse que os negócios estavam melhorando e pagaria o saldo em futuro
próximo.
6. Foram feitos lançamentos nos valores de $ 3.450, $ 4.350 e $ 3.850 de
vários clientes como incobráveis.
7. Foi feita uma provisão para o ano seguinte no valor de 3% sobre $ 750.000
(saldo da conta Duplicatas a Receber em 31-12-XO).

Pede-se:
Fazer os lançamentos necessários.

Exercício 7.6
No Balanço levantado em 31-12-X2, pela Cia. Yaopa, as contas Duplicatas a
Receber e Provisão para Devedores Duvidosos tinham os seguintes saldos (em
$ mil):
Duplicatas a Receber 4.000
(-) Provisão para Devedores Duvidosos ( 120) 3.880
Em X3, entre outras, a Cia. Yaopa realizou as seguintes transações:

EmSmil
1. Vendas o vista 1.100
2. Vendas a prazo 2.950
■ 3. Recebimentos de clientes 1.856
> 4. Baixa de clientes considerados incobráveis 94
132 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

E em X4:

EmSmil
1. Vendas a vista 2.300
2. Vendas a prazo 3.200
3. Recebimentos de clientes incobráveis (baixados em X3) 80
4. Recebimentos de clientes 1.850
5. Baixa de clientes considerados incobráveis 100

Pede-se:
a) fazer todos os lançamentos das operações em razonetes;
b) representar as contas “Duplicatas a Receber” e “Provisão para Devedores Duvi­
dosos” no Balanço de 31-12-X4.
Observação: A provisão para devedores duvidosos é calculada na base de 3%
sobre o saldo da conta “Duplicatas a Receber” no último dia do período.

Resposta: No final de X4, o saldo de Duplicatas a Receber é $ 6.250.000.

U - Operações Financeiras

Exer cido 7,7


Ao final de X4, a Cia. Tupanoca apresenta os seguintes saldos nas contas a se­
guir:

Duplicatas a Receber $406.000


| PDD -
■ Duplicatas Descontadas $250.006 i
; Juros a Vencer $ 75.000 :

Sabe-se que:
1. a empresa encerra seu período contábil em dezembro;
2. os Juros a Vencer correspondem ao desconto das duplicatas acima, reali­
zado no início de outubro com os seguintes prazos e vencimentos:

Valores Vencimentos
$ 50.000 30-11-X4
$150.000 3M2-X4
$ 50.000 3M-X5
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 133

3. a empresa não contabilizou os seguintes avisos de liquidação de duplicatas:

Volores Vencimentos
$ 45.000 30-11-X4
$140.000 31-12-X4

4. $ 200.000 relativos a vendas a prazo, ocorridas no último dia do período


contábil, não estavam contabilizados. Deste valor 40% referem-se a vendas
com garantias reais;
5. a empresa mantém uma média de perdas com clientes à base de 5% a.a.;
6. no período, a empresa perdeu $ 30.000 em créditos concedidos e recebeu
$ 35.000, relativos a clientes considerados incobráveis no exercício de X0.

Pede-se:
Apurar o saldo das contas em questão em 31-12-X4, indicando os lançamentos
contábeis.
Resposta: A provisão para perdas com créditos incobráveis a ser constituída em
31-12-X4 é de $ 21.000.

Exercício 7.8

Pede-se:
Fazer todos os lançamentos relativos à seguinte operação financeira nos livros
da Cia. Aurora de Pesca e demonstrar o efeito da operação no Balanço de 31-12-X1:
® Desconto em Banco de uma Nota Promissória, em 15-10-X1, no valor de
$ 72.000, com vencimento para 15-2-X2.
® Juros descontados, pelo Banco do Sul S.A., antecipadamente, de 3% ao
mês.
© Despesas e comissões bancárias cobradas no ato do empréstimo no valor de
$560.

Exercício 1 3

A) Em l e de outubro, Da Silva S.A. tomou emprestado $ 50.000 do Banco Casa-


grande S.A., pelo desconto de uma nota promissória para 90 dias, à taxa de 2%
134 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

ao mês. As despesas cobradas pelo Banco foram, além dos juros, $ 500 a título
de comissão de cobrança. A nota promissória foi paga em 2 de janeiro do ano
seguinte.
B) Em 31 de dezembro, “B. & C ia.” tomou emprestado no Banco Nota S.A.
$ 100.000 pelo desconto de duplicatas de sua emissão, vencíveis em 60 dias.
As despesas foram: juros de 2% ao mês e comissão de $ 1.000. As duplicatas
foram pagas em 28 de fevereiro do ano seguinte, conforme aviso do Banco.
C) A Cia. ABC efetuou as seguintes transações em XI:
3/1 - Vendeu mercadorias a J. Gonçalves por $ 15.000, sendo $ 12.000 no
prazo de 60 dias.
4/1 - Descontou as duplicatas relativas à venda anterior no Banco Grande
S.A., à taxa de juros de 2% ao mês e comissão de $ 200.
3/3 - O Banco debitou na conta da companhia os $ 12.000, pois J. Gonçalves
não pagou ao Banco a duplicata que devia.
9/3 - Tomou empréstimo do Banco Pequeno S.A., por 120 dias, de $ 10.000
à taxa de juros de 2% ao mês e comissão de $ 300, mediante desconto
de uma nota promissória emitida.
10/4 - O Banco informou ter recebido $ 12.000 de J. Gonçalves.
10/6 - Pagou ao Banco a nota promissória de $ 10.000.
30/9 - Emitiu 100.000 debêntures e as vendeu pelo valor nominal de $ 1,00
cada uma, com juros de 3% ao mês, pagáveis trimestralmente.
15/10 - Efetuou vendas a prazo de $ 20.000 e descontou as duplicatas corres­
pondentes no Banco Grande S.A. (prazo de 90 dias, juros de 2% ao mês
e comissão de cobrança de $ 800).
Em 15-1-X2, recebeu aviso de lançamento do Banco Grande S.A., acusando
que as duplicatas descontadas no valor de $ 20.000 foram pagas.

Pede-se:
Efetuar os registros necessários em razonetes nas três empresas, considerando
que o exercício social se encerra em 31 de dezembro.

Exercício 7JJò

Em 31-3-X4, a Cia. Alfa apresentava um saldo de duplicatas a receber de


$ 900.000.
a) Nessa data, descontou no Banco Yacanga duplicatas com vencimento para
120 dias, no valor de $ 550.000. O Banco cobrou antecipadamente juros de
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 135

1% ao mês mais comissão de cobrança de $ 3.000 e creditou o líquido da


transação na conta da companhia.
b) Em 30-4-X4, a companhia mandou para cobrança bancáriaduplicatas no
valor de $ 250.000, com vencimento para 90 dias.
c) Em 31-7-X4, o Banco mandou um aviso de lançamento com as seguintes
informações:
1. Duplicatas descontadas quitadas pelos clientes: $ 400.000.
2. Duplicatas descontadas debitadasem conta e transferidas para cobrança
simples, por não terem sido pagas: $ 150.000.
3. Duplicatas em cobrança simples recebidas: $ 200.000.
4. Duplicatas em cobrança simples devolvidas à companhia sem resgate:
$ 20 .000 .

Pede-se:
Fazer os lançamentos das operações e ajustes em razonetes, ao final de cada mês.

Exercício 7,11

O Balancete de Verificação da Cia. Aladim em 31-12-X1 era composto pelas


seguintes contas: Máquinas $ 15.000; Compras $ 35.000; Provisão para Devedores
Duvidosos $ 300; Caixa $ 30; Vendas $ 64.000; Despesas de Aluguéis $ 710; De­
preciação Acumulada - Máquinas $ 4.000; Duplicatas a Receber $ 10.000; Seguros
Pagos Antecipadamente $ 60; Capital $ 15.000; Devedores Duvidosos $ 300; Lucros
(ou Prejuízos) Acumulados $ 660; Reserva Legal $ 50; Despesas Bancárias $ 500;
Duplicatas a Pagar $ 6.000; Mercadorias $ 6.000; Despesas de Depreciação
$ 1.500; Receita Recebida Antecipadamente $ 80; Despesas de Salários $ 12.000;
Despesas de Propaganda e Publicidade $ 4.000; Receita de Juros $ 10.

Ajustes:
1. o inventário de Mercadorias em 31-12-X1 acusou um estoque de $ 1.000;
2. as demais contas já foram ajustadas.

Pede-se:
a) elaborar o Balancete de Verificação em 31-12-X1, antes do ajuste de Mercadorias;
b) apurar o Custo das Mercadorias Vendidas em Razonetes;
136 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

c) encerrar as contas de Resultado;


d) se ocorrer lucro, provisionar 30% para o Imposto de Renda e distribuir o resul­
tado da seguinte forma (em Razonetes):
30% para os acionistas (dividendos);
5% para Reserva Legal e o restante ficará retido na empresa para uma futura
decisão.
e) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício e a Demonstração de Lucros
(ou Prejuízos) Acumulados para o período de 1Ê-1-X1 a 31-12-X1;
f) elaborar o Balanço Patrimonial padronizado em 31-12-X1.

Respostas: (a) Lucro líquido $ 3.500; (b) Total do Balanço $ 21.790.

O Balancete de Verificação da Cia. Irapé, em 31-12-X6, era o seguinte: Caixa


$ 300; Estoque $ 3.000; Bancos - C/Movimento $ 5.500; Notas Promissórias a Pa­
gar $ 800; Duplicatas a Receber $ 6.000; Compras $ 10.000; Duplicatas Desconta­
das $ 2.000; Veículos $ 2.000; Depreciação Acumulada - Veículos $ 1.000; Provi­
são para Devedores Duvidosos $ 100; Vendas $ 15.000; Impostos $ 600; Aluguéis
$ 400; Despesas Diversas $ 100; Despesas de Ordenados $ 1.000; Despesas de Juros
$ 200; Lucros Acumulados $ 1.200; Capital $ 9.000.
Para levantar o Balanço e apurar o resultado do período, era necessário em
31-12-X6 contabilizar o seguinte:
1. foi recebido um aviso bancário comunicando a liquidação de duplicata ante­
riormente emitida e descontada pela empresa, no valor de $ 1.000, à taxa
de 2% ao mês, pelo prazo de 2 meses;
2. estoque final apurado, $ 5.000;
3. depreciação de veículos, $ 400;
4. verificou-se que o aluguel de dezembro/X6, no valor de $ 500, seria pago
pela empresa nos primeiros dias de janeiro/X7;
5. verificou-se que um dos devedores da empresa, na importância de $ 500,
tomou-se insolvente;
6. provisão para devedores duvidosos: constituição de nova provisão para X7,
na base de 2% do saldo de duplicatas a receber;
7. o prazo de vencimento da nota promissória de $ 800, emitida pela empresa
e descontada no Banco, em 31-10-X6, à taxa de 3% ao mês, era de 90 dias
(usar calendário comercial).
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 137

Pede-se:
a) abrir razonete para as contas do Balancete;
b) fazer as partidas de diário necessárias (sem histórico);
c) registrar as partidas anteriores nos razonetes;
d) levantar o Balanço e a Demonstração do Resultado.
Resposta: Lucro líquido apurado e transferido para Lucros Acumulados $ 3.364.

O Balancete de Verificação da Cia. Ômega em 31-12-X3 era formado pelos


saldos das seguintes contas: Caixa $ 10.000; Fornecedores $ 5.000; Mercadorias
$ 3.000; Clientes $ 6.000; Compras $ 30.000; Patentes $ 5.000; Provisão para De­
vedores Duvidosos $ 800; Despesas de Salários $ 16.000; Adiantamentos de Clientes
$ 3.000; Capital $ 30.000; Vendas $ 71.000; Despesas de Seguros $ 2.000; Seguros
a Vencer $ 3.000; Lucros (ou Prejuízos) Acumulados $ 700; Terrenos $ 15.000;
Equipamentos $ 30.000; Depreciação Acumulada - Equipamentos $ 15.000; Títulos
Descontados $ 3.000; Títulos a Receber (LP) $ 1.000; Títulos a Pagar (LP) $ 2.000;
Despesas de Aluguéis $ 6.000; Despesas Bancárias $ 3.000; Receita de Juros
$ 4.000; Propaganda $ 5.000; Salários a Pagar $ 3.500; Reserva Legal $ 1.000;
Despesas com Viagens $ 4.000.

Ajustes:
1. o saldo de Mercadorias em 31-12-X3 era igual a zero;
2. a Provisão para Devedores Duvidosos corresponde a 5% do saldo da conta
representativa das vendas de mercadorias a prazo. As duplicatas do início
do ano foram totalmente recebidas;
3. a depreciação dos Equipamentos é de 10% ao ano.

Pede-se:
a) Elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício, sabendo-se que o resul­
tado, se positivo, deverá ser distribuído na seguinte proporção, após a dedução
de 30% para Provisão para Imposto de Renda:
® 30% para os acionistas;
® 10% para Reserva Legal.
b) Elaborar o Balanço padronizado depois da distribuição doresultado.
Respostas: (a) Lucro líquido $ 2.450; (b) Total do Balanço $ 48.700.
138 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

III - Disponibilidades

A Cia. Yolanda mantém uma conta bancária com o Banco do Sul S.A., cujas
transações de setembro apresentaram as seguintes divergências:
1. saldo registrado no livro da empresa em 30-9-X3: $ 60.100;
2. saldo constante do extrato bancário no mesmo dia: $ 10.200;
3. cheques emitidos pela empresa para pagamentos a terceiros, não apresenta­
dos ao Banco para recebimento:
cheque n- 001 $ 1.000
cheque ns 003 $ 2.000
cheque n- 004 $ 3.000 $ 6.000
4. cheque de emissão de outra empresa indevidamente debitado pelo Banco,
na conta da empresa: $ 7.000;
5. depósito efetuado pela empresa em 30-9-X3 e não contabilizado pelo
Banco, por ter sido concretizado fora do expediente normal: $ 3.000;
6. cheque n- 005, emitido pela empresa a favor da Transportadora “Zinco”
em pagamento de fretes, no valor de $ 1.200, registrado nos livros da
empresa emitente, erroneamente, por $ 2.100;
7. aviso de cobrança de um título pelo Banco, não escriturado pela empresa,
no total de $ 50.000;
8. cheque emitido por um cliente da. empresa, em pagamento de duplicata de
seu aceite, depositado no Banco, e por este devolvido anexo ao extrato de
conta bancária, por insuficiência de fundos: $ 5.000.

Pede-se:
a) conciliação da conta bancária demonstrando o saldo correto em 30-9-X3;
b) partidas de Diário utilizadas para corrigir os livros da empresa;
c) demonstrar em razonetes (T). .
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 139

Cia, Yoianda
Conciliação da Conta com o Banco do Sol S.A.
EmS
Saído de acordo com nossos livros 60.100
Menos: Débitos feitos pelo Banco não constando ainda de nossos iivros:
- Cheque depositado, todavia sem fundos (5.000)
Mais: Créditos feitos pelo Bonco não constando ainda de nossos iivros:
- Cobranças efetuadas pelo Banco 50.000
- Diferença contabilizada a maior na contabilidade (cheque 005) 90050.900
Saldo Ajustado 106.000

Banco do SuE S.Â.


Cliente; Cia. Yolanda
EmS
Saldo do Extrato Bancário 102.000
Menos: Créditos que fizemos na conta do Banco não constando ainda de seu extrato:
- Cheques ainda não apresentados
H- 001 (1.000)
N9 003 (2.000)
Hs 004 JMQQ1 (6.000)
Mais: Débitos que fizemos na conta do Banco não constando ainda de seu extrato:
- Depósito nosso não registrado pelo Banco 3.000
- Cheques de outra empresa indevidamente lançados em nossa conta bancária 7.000 10.000
Saldo Ajustado 106.000
São Paulo, 30-9-X3 Bancos ~ C/Movimento
Cheque a Receber (ou Clientes)
60.100 5.000
a Bancos - C/Movimento
2.100 1.200
Banco do Suí SÁ 5.000
50.000
-------------- 30----------------- S = 106.000
Bancos-C/Movimento
Banco do Sul S.A.
a Despesas de Transporte 2.100 Cheques a Receber
-------------- 30----------------- 5.000
Despesas de Transporte
a Clientes
Banco do Sul S.A. 1.200 50.000
30
Bancos - Ç/Movimento Despesas de Transporte
Banco do Sul SA 2.100
a Clientes 50.000 1.200
140 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

O ano fiscal da Cia. Guanabara encerra-se em 30-6-X4.


Prepare as partidas de Diário para registrar os seguintes fatos:
Maio 12 - Estabelecimento de um fundo fixo de caixa pequena no valor de
750.
Maio 31 - A composição do fundo fixo de caixa pequena era a seguinte:

EmS
1 - em moeda corrente 368
2 - em comprovante de despesas:
- despesos de escritório 52
- despesas do correio 89
- despesas com refeições 164
- despesas com condução 15
- despesas diversas 62 382
750

Maio 31 - O saldo (moeda corrente) do fundo fixo de caixa foi considerado


muito alto, sendo reduzido para $ 500 nessa data e, ainda, foi
feita a reconstituição do fundo.
Junho 30 - A composição do fundo fixo de caixa era a seguinte:

EmS

1 - em moeda corrente 51
2 - em comprovante de despesas:
- despesas de escritório 1 61
-despesas do correio 42
- despesas com refeições 79
-despesas com condução 34
-despesas diversas 190
- despesas cam brindes ! 43 44?
500

Exercício 7,16

Prepare os lançamentos relativos à constituição e ao restabelecimento do fimdo


fixo de caixa a seguir:
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 141

Dezembro X5
5 - Estabeleceu-se um fundo fixo de caixa no valor de $ 4.500.
6 - Pagamento de $ 1.295 por frete de mercadorias compradas e $ 432 por
fretes de vendas.
6 - Compra de cartazes para propaganda por $ 869 da Empresa de Propa­
ganda Aga Ltda.
7 - Pagamento de limpeza de escritório, $ 450.
8 - Pagamento de táxi e passagens de ônibus, $ 325.
10 - Pagamento de despesas de telegrama e correspondências, $ 595.
11 - Pagamento de despesas com refeições, $ 290.
12 - Reconstituição do fundo. Devido à aparente insuficiência do valor, deci­
diu-se elevá-lo para $ 7.000.
13 - Pagamento de frete de compra, $ 1.162.
13 - Compra de selos postais, $ 165.
17 - Pagamento de limpeza de escritório, $ 690.
18 - Pagamento de gastos com distribuição de folhetos de propaganda, $ 750.
19 - Pagamento de fretes de vendas, $ 730, e de despesas com refeições,
$ 180.
20 - Reconstituição do Fundo.

S o e r e i d o 7 . 1 7

A Cia. Goiânia tem uma conta bancária no Banco do Estado S.A. Uma análise
das transações relativas a março/X5 revelou o seguinte:
a) o saldo, pelos livros da Cia. Goiânia, em 31-3-X5, era de $ 51.595;
b) o extrato bancário mostra um saldo de $ 57.387, no mesmo dia;
c) um cheque recebido de um cliente, na importância de $ 773, foi depositado
em 28 de março. Esse cheque foi devolvido, anexado ao extrato bancário
de março, com a anotação “sem fimdos suficientes”;
d) cheques pendentes: n2 3.045, de $ 1.148, ne 3.047, de $ 5.476; ne 3.049,
de $ 1.945;
e) um cheque no valor de $ 576, da Cia. Goiás, foi erroneamente debitado na
conta da Cia. Goiânia;
f) um depósito de $ 1.576 estava em trânsito; foi remetido para o Banco no
dia 31 de março;
g) o cheque n2 3.044, no valor de $ 3.792, emitido pela Cia. Goiânia, em
favor da Cia. Telefônica Brasileira, foi erroneamente registrado por
$ 3.972 nos livros da companhia;
142 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

h) as despesas de serviços cobrados pelo Banco, no extrato, importam em


$ 32.

Pede-se:
a) fazer a conciliação bancária que mostre o saldo correto do dia 31-3-X5;
b) fazer as partidas de diário necessárias para corrigir os iivros da Cia. Goiânia.

Resposta: Saldo ajustado $ 50.970.

O extrato bancário da Conta “Depósitos a vista”, que a empresa Paraíba S.A.


mantinha no Banco do Sul S.A., acusava o seguinte movimento em dezembro/X6:

Bonco do Sul S.A.


Extraio conta ^Depósitos a Vista"
Cliente: Paraíba S.A.
Em$
Data Operações ; Débito | Crédito Saldo
Dez. 1 Saldo anterior ; 6.20Q-C
Dez. 9 Depósito conf. redbo 1 9.900 16.100-C
Dez. 11 : S/cheque 150.009 8.240 i 1 7.860-C
; Dez. 15 ; Depósito conf. redbo í 7.100 1 14.960-C
Dez. 23 Juros creditados ! 4.193 i 19.153-C
Dez. 26 ! S/cheque 150.010 4.300 i ! 14.853-C
; Dez. 27 Despesas s/borderô i 204 i ! 14.649'C

Por outro lado, a ficha de razão da subconta “Bancos - Banco do Sul S.A.”, na
contabilidade da firma, para o mesmo período, apresentava-se da seguinte forma:

Conta: Bancos - Banco do Sul S.A.


Em$
Data Histórico [Débito Crédito ^ Saldo
6.200-D
Dez. 9 : Depósito conf. recibo ; 9.900 16.100-D
Dez. 10 : N/cheque 150.009 8.240 : 7.860-D
Dez. 11 : N/depósito conf. recibo ! 7.100 • 14.960-D
Dez. 23 i N/cbeque 150.010 4.300 : 10.660-D
Dez. 26 ; N/cheque 150.011 3.050 1 7.6I0-D
Dez. 30 ; N/depósito conf. recibo j 8.090 15.700-D
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 143

Pede-se:

a) fazer a conciliação bancária, pela firma Paraíba S.A., que mostre o saldo correto
em 31-12-X6;
b) fazer as partidas de Diário necessárias para ajustar o saldo da conta;
c) lançar em razonetes.

Resposta: Saldo ajustado $ 19.689.

O movimento da Conta Bancos da empresa Bauru S.A. e o extrato bancário


fornecido peio Banco XYZ S.A., relativos ao mês de dezembro, estão a seguir
transcritos:

Banco XYZ S.A.


Extrato: Empresa Bauru SJL
Data Operações Débito Crédito Saldo D/<
Dez, 1 i Saldo anterior — — 20.500 C
Dez.ll \ Depósito tf. redbo 8.500 29.000 C
Dez. 12 ! S/cheque n9150.001 i 4.000 _ 25.000 c
Dez. 15 ! S/cheque ne 150.003 1 7.950 - 17.050 c
Dez. 20 ) S/cheque 150.002 : 6.500 — 10.550 c
Dez. 30 j Despesas Bancárias Debitadas 850 — 9.700 c

Empresa Bauru S.A.


Conta Bancos: Banco XYZ S.A.
Data ! ' Histórico . j Débito Crédito Saldo D/<
Dez.1 ; Saldo anterior j ™ — 20.500 D
Dez. 5 j N/cheque n2150.001 l - : 4.000 16.500 D
Dez. 9 : Depósito cf. recibo i 8.500 _ 25.000 D
Dez. 11 j N/cheque n -150.002 i _ 6.500 18.500 D
Dez. 14 ! N/cheque ns 150.003 i - 7.950 10.550 D
Dez. 29 ; N/cheque 150.004 - 9.200 1.350 D
Dez. 31 i Depósito cf. Redbo ' 8.350 - ': 9.700 D

Pede-se:

a) efetuar a conciliação bancária, partindo dos saldos do Razão e do extrato bancário.


b) proceder aos ajustes contábeis necessários à empresa, diretamente nos razonetes.
Resposta: Saldo ajustado de $ 8.850.
144 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA * EXERCÍCIOS

ÍY - Exercício Completos

A) Balanços Patrimoniais da Cia. Areado levantados em:

Em$

Afivo 3 Í-1 2 -X 7 31-12-X8

Caixo 200 200


Bancos 2.600 4.600
Mercadorias 36.000 40.000
Seguros Antecipados 1.000
Clientes 42.000 56.000
(-) Provisão Devedores Duvidosos (1.000} (3.000) ;
H Duplicatas Descontadas (26.000) 15.000 (5.000) ; 48.000
Patentes 6.000
(-} Amortização Acumulada .HH 6.000 n.o 5.000
Equipamentos 26.000 4o.ooo ;
(-) Depreciação Acumulada (5.000) 21.000 (3.000) I 37.000
80.800 I 135.800
Passivo
Dividendos a Pagar 2.000 | 10.000
Provisão para Impostos 2.200 10.500
Fornecedores 14.000 I 28.000
18.200 | 43.500
Patrimônio Uquido
Capital 50.000 I 60.000
Reserva Legal 8.000 10.000
Reservas Estatutárias 3.000 11.000
Lucros Acumulados 1.600 6.300
62.600 87.300
135.800
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 145

B) Movimentos na conta “Bancos” da Cia. Areado durante X8:


Em$
Saldo Inicial 2.600
Cheques emitidospara: Depósitos efetuados ref. A:
Pagamentos o fornecedores 102.000 Recebimentos de Clientes 128.000
Reembolso de Mercadorias devolvidas 2.000 Integralização do aumento de Capital Social 10.000
Pagamento de Fretes sabre Compras 1.400 Venda de Equipamentos 24.000
Prêmio de Seguro 2.000 Duplicatas Descontadas*1 10.000
Compra de Equipamentos 40.000 172.000
Pagamento de Salários 11.040 Saldo final 4.900
Pagamento Despesas Diversas 3.100
Reconstit. Fundo Rxo de Caixa 160
Distribuição de Lucros 2.000
Pagamento de Impostos 6.000
169.700

* Valor das duplicatas, não consideradas as despesas.

Observação: A movimentação acima mostra a situação antes da conciliação bancá­


ria. O extrato do Banco apresenta também o saldo de $ 4.900, mas foram notadas as
seguintes divergências:
1. cheques em trânsito, $ 1.500;
2. depósitos em trânsito recebidos de clientes, $ 1.200;
3. despesas cobradas pelo Banco com o desconto das duplicatas, não registra­
das pela Cia. Areado, $ 300.

C) A conta “Caixa ” é usada somente como Fundo Fixo


De posse dos dados A, B e C, preparar a Demonstração do Resultado para X8
e a Demonstração de Mutações do Patrimônio Liquido.

Resposta: Lucro líquido $ 24.700.

A “Cia. Delta” trabalha com compra e venda de doces e com prestação de ser­
viços a terceiros, em festas. Ela iniciou suas atividades em 2-1-X5 e em 30-6-X5 fez
sua primeira apuração de resultados. Nessa data, seus relatórios financeiros foram os
seguintes:
146 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

"Cia. Delta'7
Balanço em 30-6-X5 Em$
Ativo Passivo e Patrimônio líquido
Caixa 10.000 Passivo
Clientes 92.000
(-} Provisão Devedores Duvidosos (2.000) 90.000 fornecedores 12.500
Mercadorias 20.000
Adiantamentos de Clientes 40.000 52.500
Seguros a Vencer 13.000
Materiais de Escritório 19.000
Despesa de Aluguel Antecipada 40.000 Patrimônio Líquido
Veículos (120.000) Capitai 250.000
{-} Depreciação Acumulada de lucros (Prejuízos)
Veículos (12.000) 108.000 Acumulados (2.500) 247.500
Totai 300.000 Totai 300.000

"Cia. Delta"
Demonstração do Resultado - 1 - sem./X5
Em $
Vendas 585.500
(-) CMV (505.500)
Lucro Bruto 80.000 i
Receitas de Serviços 10.000 ;
Devedores Duvidosos (2.000) :
Saiáríos e Ordenados (38.000)
Despesas de Materiais de Escritório (4.000) (
Despesas de Depredação-Veículos (12.000) !
Despesas de Seguros (6.500) i
Despesas de Aluguei (30.000) !
Resultado do Exercício (2.500) !

Dados adicionais:
1. o Total das Vendas do semestre foi de $ 585.500;
2. a companhia utiliza-se das contas Compras, Vendas e Custo das Mercado­
rias Vendidas, para apurar o resultado das operações de compra e venda, e
Mercadorias para registrar o estoque;
3. o ajuste referente às despesas antecipadas foi efetuado em 30-6-X5.

Pede-se:
Reconstituir o Balancete de Verificação em 30-6-X5, antes dos ajustes e do en­
cerramento, com demonstração clara dos cálculos efetuados.
Resposta: Total do Balancete $ 910.000.
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 147

O Balancete de Verificação da Cia. Epsilon, levantado em 30-11-X3, apresen­


tava a seguinte situação em suas contas: Caixa (FFC) $ 5.000; Bancos - C/Movi­
mento $ 26.100; Mercadorias $ 15.000; Compras $ 120.000; Abatimentos sobre
Compras $ 4.500; Fretes sobre Compras $ 6.000; Vendas $ 280.000; Devolução
de Vendas $ 9.000; Descontos Financeiros Concedidos $ 3.500; Fretes sobre Vendas
$ 7.000; Clientes $ 60.000; Provisão para Devedores Duvidosos $ 500; Despesa de
Seguros $ 8.400; Despesas de Salários $ 60.500; Despesa de Aluguel $ 44.000;
Despesas Bancárias $ 1.500; Fornecedores $ 25.000; Capital $ 50.000; Capital a Inte-
gralizar $ 27.500; Promissórias a Pagar $ 30.000; Prejuízos Acumulados $ 6.500;
Salários a Pagar $ 5.500; Vendas Antecipadas $ 12.000; Despesas Diversas $ 7.500.

OPERAÇÕES DE DEZEMBRO E INFORMAÇÕES PARA AJUSTES:


1. Aquisição, em 1M2-X3, de imóvel constituído de edifício e terreno pela
importância de $ 200.000, sendo 10% de entrada e o restante representado
por 18 títulos a pagar de $ 10.000 cada um, vencível o l e era 1M-X4. O
edifício, que corresponde a 60% do valor de aquisição do imóvel, tem vida
útil estimada em 25 anos. A depreciação é feita no final de cada ano, data
de encerramento do exercício da empresa.
2. Operações financeiras realizadas pela empresa:
2.1 Desconto de Nota Promissória: Valor do Empréstimo $ 30.000; Juros
1% ao mês (pagáveis no vencimento); Despesas Bancárias $ 600; Data
da Operação 31-10-X3; Prazo 120 dias.
2.2 Desconto de Duplicatas: Valor do Empréstimo $ 50.000; Juros 1% ao
mês; Despesas Bancárias $ 1.000; Data da Operação l a-12-X3; Prazo
90 dias.
3. Recebimento de $ 2.400 de cliente considerado incobrável em 15-6-X3.
4. Operações com mercadorias:
4.1 Venda de mercadorias no valor de $ 20.000, sendo metade a vista.
4.2 Entrega de mercadorias no valor de $ 8.000, pelas quais já havia rece­
bido anteriormente.
5. Pagamentos efetuados em 10-12-X3:

Salários de novembro e dezembro S 13.000


Fretes sobre Vendos $ 1.200
Fornecedores $10.500
Despesas de Cartório $ 190
Despesas de Refeição $ 150
Despesas de Condução $ 100
148 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

6. O Fundo Fixo de Caixa em 31-12-X3, época de sua reconstituição, está


representado por saldo em dinheiro, $ 100, e comprovantes de despesas,
$ 4.900 (sendo despesas de Cartório $ 500; despesas de refeição $ 2.500; e
despesas de condução $ 1.900).
7. A Provisão para Devedores Duvidosos deverá ser constituída na base de
3% do saldo da conta Clientes em 31-12 (método da reversão).
8. G inventário final de mercadorias, realizado em 31-12-X3, apontou um
estoque final no valor de $ 14.000.

Pede-se:
a) efetuar o lançamento dos saldos, de 30-11-X3, das operações de dezembro e
ajustes, diretamente nos razonetes;
b) apurar, também nos razonetes, o resultado do exercício. Em caso positivo, após
Provisão para Imposto de Renda de 30%, distribuí-lo, da seguinte forma: 25%
para Dividendos, 5% para Reserva Legal, permanecendo o restante como Lucros
Acumulados;
c) levantar o Balanço Patrimonial, em 31-12-X3, padronizado de acordo com a Lei
das Sociedades por Ações;
d) elaborar a Demonstração do Resultado do Exercício e a Demonstração de Muta­
ções do Patrimônio Líquido.

Respostas: (a) Lucro líquido do exercício $ 21.802; (b) Total do Balanço $ 273.460.

Exercício 7.23
A Cia. Peralta apresentava os saldos de algumas contas em seu Balancete de
Verificação, em 30-11-X0, quais sejam (em $): Juros a pagar sobre Empréstimos
2.000; Salários a Pagar 8.000; Bancos 100.000; Despesa de Salários 50.000; Forne­
cedores 20.000; Mercadorias 120.000; Vendas 400.000; Receitas de Serviços
10.000; Custo das Mercadorias Vendidas 180.000; Despesas de Comissões 20.000;
Despesas Financeiras 10.000; Fundo Fixo de Caixa 5.000; Despesas com Materiais
5.000; Clientes 200.000.

Observação: A companhia tem por norma efetuar depósitos de todos os recebimentos


do dia em Bancos e pagamentos de contas superiores a $ 1.500 por meio de cheques.
Durante dezembro, ocorreram os seguintes eventos:
1. recebimento de $ 100.000 de clientes diversos;
2. pagamentos das seguintes contas: (a) fretes sobre vendas $ 500; (b) juros
referentes ao mês anterior $ 2.000; (c) materiais utilizados $ 800; (d) salá­
rios $ 18.000; (e) fornecedores $ 5.000;
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 149

3. venda a vista de mercadorias que custaram $ 70.000, por $ 150.000, com


desconto de 20%;
4. pagamento de despesas de comissão à base de 5% do valor líquido das ven­
das do item (3);
5. pagamento de: (a) despesas com brindes $ 1.500; (b) despesas com cartazes
$ 1.800; (c) contas de energia elétrica $ 10.000; (d) despesas de materiais
$ 1. 000 ;
6. o extrato bancário acusava o saído, em 31-12-XO, de $ 130.400, encontran­
do-se as seguintes divergências: (a) depósitos efetuados pela empresa e
registrados pelo Banco em conta de outra empresa $ 120.000; (b) cheque
devolvido pelo Banco sem fundos $ 20.000; (c) cheques emitidos pela
empresa e ainda não descontados no Banco $ 5.000; (d) despesas bancárias
cobradas pelo Banco $ 3.000; (e) conta de telefone debitada pelo Banco
$5.000.

Fede-se:
a) efetuar o lançamento das operações realizadas em dezembro de X0, procedendo
à reposição do fundo fixo de caixa antes da conciliação bancária;
b) efetuar a conciliação bancária e os ajustes necessários.

Resposta: Saldo ajustado: $ 245.400.

Kxfircíel® 7.24
A Empresa Catavento apresentava os saldos das seguintes contas em seu Balan­
cete de Verificação, em 30-11-X9 (em $): Capital 75.000; Caixa 10.000; Bancos
18.000; Fornecedores 20.000; Clientes 40.000; Mercadorias 10.000; Compras
350.000; Máquinas e Equipamentos 60.000; Depreciação Acumulada - Máquinas e
Equipamentos 13.500; Vendas 500.000; Devolução de Compras 6.000; Descontos
Financeiros Obtidos 7.000; Receitas de Serviços 30.000; Despesas de Salários
32.000; Despesas de Comissões 3.000; Despesas de Aluguel de Equipamentos
$ 40.000; Salários a Pagar 1.500; Despesas Bancárias 1.000; Despesas Gerais
5.000; Abatimentos sobre Vendas 2.000; Prejuízos Acumulados 78.000; Descontos
Comerciais sobre Vendas 3.000; Fretes sobre Compras 1.000.

Operações e dados para ajustes (em $):

1. Depósito de $ 7.000 em Bancos e constituição do Fundo Fixo de Caixa no


valor de $ 3.000, para atender às pequenas despesas, assim consideradas as
de valor igual ou inferior a $ 500. A reposição do Fundo será efetuada ao
final de cada mês.
150 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

2. Operações com mercadorias efetuadas durante o mês:


a) Compras de $ 50.000 a prazo, com desconto de 20%, ocorrendo paga­
mento de $ 400 de fretes;
b) Vendas de $ 80.000, sendo 50% a prazo.
3. Pagamentos realizados em 15/12: (a) salários $ 3.000; (b) comissões $ 500;
(c) telefone $ 200; (d) aluguel de equipamento $ 3.000; (e) correios
$ 300; (f) fretes sobre vendas $ 400.
4. Datas de aquisição de máquinas e equipamentos:
1--7-X7 - $ 45.000
2-1-X9 - $ 15.000
5. Pagamento antecipado a fornecedores, cujo valor era de $ 10.000, tendo
obtido desconto de 20%.
6. Pagamento de $ 500 por devolução de vendas e $ 300 de fretes sobre vendas.
7. O estoque final de mercadorias apontava saldo de $ 8.000.
8. Reposição do Fundo Fixo de Caixa, procedendo ao aumento do limite para
$ 4.000.
9. O extrato bancário de 31-12-X9 apresentava saldo de $ 46.000. As pendên­
cias referem-se a: (a) cheques emitidos $ 2.000; (b) despesas bancárias
debitadas pelo Banco $ 1.400; (c) depósitos pendentes $ 1.000; (d) cheque
sem fundos $ 1.000.

Pede-se:
1. efetuar os lançamentos dos saldos iniciais, das operações e ajustes;
2. proceder à conciliação bancária em 31-12-X9;
3. efetuar os lançamentos de encerramento, procedendo à distribuição do resultado
do exercício após 30% de Imposto de Renda e 10% de Participaçãodos empre­
gados nos lucros: 5% para Reserva Legal; 25% para Acionistas e 10% para
Reserva Estatutária;
4. elaborar as Demonstrações Financeiras para o exercício findo.

Respostas: (a) Lucro líquido $ 107.925; (b) Total do Balanço $ 172.500.

Exercício 7,25

A Empresa Patotinha S.A. dedica-se à comercialização de vidros temperados


para automóveis. Seu exercício social é encerrado semestralmente. Em 31-5-XO,
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 151

apresentava os saldos das seguintes contas em seu Balancete de Verificação (em $):
Capital 1.150.000; Bancos 180.000; Fornecedores 360.000; Notas Promissórias
Descontadas 100.000; Encargos a Transcorrer (NP) 24.000; Aplicações Financeiras
(CP) 50.000; Clientes 400.000; Mercadorias 600.000; Custo das Mercadorias Ven­
didas 3.500.000; Edifícios 1.000.000; Móveis e Utensílios 600.000; Depreciação
Acumulada Edifícios 200.000; Depreciação Acumulada Móveis e Utensílios 145.000;
Vendas 5.000.000; Descontos Financeiros Obtidos 10.000; Receitas de Serviços
300.000; Despesas de Salários 320.000; Despesas de Comissões 30.000; Despesas de
Aluguel Equipamento 500.000; Aluguel a Pagar 30.000; Despesas de Depreciação
Móveis e Utensüios 25.000; Despesas Bancárias 1.000; Provisão para Devedores Du­
vidosos 5.000; Despesas Gerais 50.000; Abatimentos sobre Vendas 20.000.

Operações e Ajustes:

1. desconto de $ 250.000 de duplicatas a receber, em P-6-X0, sendo: (a)


$ 150.000 vencíveis em 30-6-X0 e (b) $ 100.000 vencíveis em 31-7-X0, à
taxa de 3% ao mês;
2. baixa de $ 10.000 de títulos incobráveis das vendas realizadas no semestre
anterior;
3. operações com mercadorias realizadas durante o mês: (a) compras de
$ 500.000, sendo 50% a prazo, e (b) vendas de 70% das mercadorias por
$ 800.000, sendo 50% a prazo, com desconto de 20% sobre a parcela a
vista;
4. pagamentos efetuados no mês: Salários $ 30.000; Aluguel do equipamento
$ 30.000; Gerais $ 10.000;
5. o aluguel do equipamento utilizado no processo de embalagem das merca­
dorias é calculado à base de 10% das vendas mensais, deduzidos quaisquer
descontos concedidos, sendo seu recolhimento efetuado no inicio do mês
seguinte;
6. as depreciações são calculadas à base de: 4% a.a. para Edifícios e 10% a.a.
para Móveis e Utensílios;
7. o desconto de Nota Promissória foi efetuado em l 2-5-X0, a vencer em
31-10-X0;
8. o extrato bancário de 30-6-XO apresentava o saldo de $ 464.500. As pen­
dências referem-se a: (a) despesas bancárias debitadas pelo Banco, $ 4.000;
(b) cheque depositado e debitado por falta de fundos $ 100.000; (c) cheque
de $ 5.000 emitido para pagamento de conta telefônica erroneamente conta­
bilizada pela empresa por $ 4.000; (d) débito de $ 150.000 referente a
duplicata anteriormente negociada e não quitada pelo cliente no venci­
mento; (e) crédito de $ 300.000 efetuado pelo Banco correspondente a
conta de outra empresa;
152 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

9. a provisão para devedores duvidosos será constituída à base de 5% de


Valores a Receber.

Com base nesses dados, pede-se:


a) efetuar os lançamentos das operações, ajustes e encerramento;
b) elaborar as Demonstrações Financeiras, procedendo à distribuição do lucro do
exercício após 3 0 % de Imposto de Renda: 5% para Reserva Legal, 25% para
Dividendos e 10% para reserva Estatutária.

Respostas: (a) Lucro do Exercício $ 424.900; (b) Total do Balanço $ 2.523.000.

A Cia. SP possui 80% de participação na Cia. RP, sendo que ambas já encerra­
ram suas demonstrações contábeis e todas as ações de RP são ordinárias; todavia, a
Cia. RP não deu nenhum tratamento ao investimento. Faça as alterações que seriam
necessárias nas demonstrações contábeis da Cia. SP para uma avaliação pelo método
de equivalência patrimonial.

Balanço Patrimonial da Ga. RP


31-12-X2 I-31-12-X1
Àtivo Circulante í Passivo Circulante
Bancos 43.361 í17.840 j Fornecedores 25.488 I 4.000
| Patrimônio Líquido
Permanente j Capita! Social 50.000 j 50.000 i
Terrenos 41.020 I39.600 j Lucros Acumulados 8.893 S 3.440 |
i Total do PL 58.893 ! 53.440 í

Total 84.381 : 57.440 I Total 84.381 57.440

Cia. R P - Demonstração do Resultado do Exerááo de X2

i Receita Brota de Vendas í 29.008


] {-} CMV ! (11.749)
| Lucro Bruto i 17.259
i Despesas Operacionais
Despesas Gerais (9.468)
j LA1R 7.791
| PIR (2.3381
I Lucro liquido 5.453
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 153

Balanço Patrimonial da Cia. SP

3 M 2 -X 2 31-I2-X1 31-12-X2 31-12-X1

Ativo Circulante Passivo Circulante


Bancos 13.576 13.400 Fornecedores 3.000 1.000
Dupl. a Receber 27.000 22.000 ICMS a Recolher 2.215 1.200
PDD {1.080} {360} PIR 5.160 340
Estoques 30.619 11.100 Títulos a Pagar 3.000 2.000
Total do Âtivo Circulante 70.115 46.140 Total do Passivo Circulante 13.375 4.540

Permanente Patrimônio üquido


investimentos Capital Social 120.000 120.000
investimentos na Ga. RP 42.752 42.752 lucros Acumulados 21.892 9.852
imobilizado Total do PL 141.892 129.852
Edifício 52.000 50.000
Depredação Acumulada {9.600} {4.500}
Total do Âtivo Permanente 85.152 88.252

Total 155.267 134.392 Total 155.267 134.392

Ca. SP
Demonstração do Resultado do Exerácio de X2

Receita Bruta de Vendas 60.000


ICMS s/Vendas (10.800}
i Receita Líquida de Vendas 49.200
H CMV (27.000}
Lucro Bruto 22.200

Despesas Operacionais
Despesas Administrativas {2.000}
Despesos de Vendas (1.800)
Despesas financeiras (200}
Despesos Gerais (1.000}

LAIR 17.200
PIR (5.160}
Lucro Líquido 12.040

Respostas: (a) Lucro Líquido: $ 15.093; (b) Totai do Balanço: $ 159.629.


154 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

Escolha apenas uma das alternativas a seguir:

1. A baixa de um Cliente incobrável é registrada:


a) Devedores Duvidosos
a Clientes
b) Devedores Duvidosos
a Devedores Incobráveis
c) Clientes
a Devedores Incobráveis
d) Provisão para Devedores Duvidosos
a Clientes
e) Provisão para Devedores Duvidosos
a Apuração de Resultado do Exercício
2. Para uma empresa que mantém todas as duplicatas de sua emissão em determi­
nado Banco, descontadas ou em cobrança, quando é que seus clientes são credi­
tados?
a) Quando do desconto da duplicata no Banco.
b) Quando do envio da duplicata para cobrança e/ou desconto.
c) Quando do aviso de débito ao Banco.
d) Quando é informado pelo Banco do recebimento do título.
e) Quando o Cliente paga a Duplicata no Banco.
3. A Provisão para Devedores Duvidosos é constituída para atender:
a) As diminuições de créditos por motivos de devolução.
b) Os riscos de insolvência dos clientes.
c) Os descontos e os abatimentos concedidos.
d) Os descontos e os abatimentos obtidos.
e) Nenhuma das hipóteses anteriores.
4. Tendo nossa empresa recebido aviso de um Banco, comunicando o recebimento
de uma duplicata descontada com ele, qual dos lançamentos abaixo faremos?
a) Bancos - C/Movimento
a Duplicatas a Receber.
b) Duplicatas a Receber
a Bancos - C/Movimento.
c) Títulos Descontados
a Duplicatas a Receber.
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 155

d) Títulos Descontados
a Bancos - C/Movimento.
e) Duplicatas a Receber
a Títulos Descontados.

5. Uma empresa apura os resultados anualmente em 31 de dezembro. Em 27-3-X8,


verifica que um ciiente tem uma dívida de $ 10.000 e que a mesma é incobrável.
Não tendo sido constituída, em 31-12-X7, a “Provisão para Devedores Duvido-
sos”, o lançamento adequado no dia 27-3-X8 será:
a) Provisão para Devedores Duvidosos
a Clientes $ 10.000
b) Clientes
a Provisão para Devedores Duvidosos $ 10.000
c) Apuração do Resultado do Exercício
a Provisão para Devedores Duvidosos $ 10.000
d) Prejuízos Eventuais (Devedores Incobráveis)
a Clientes $ 10.000
e) Nenhuma das Anteriores

6. Considerando os lançamentos a seguir enumerados, assinale nos quadros o nú­


mero que corresponda aos movimentos descritos:
I Caixa V Bancos - C/Movimento
a Títulos em Cobrança a Caixa

II Títulos a Pagar VI Diversos


a Diversos a Caixa
a Caixa Bancos - C/Movimento
a Descontos Obtidos Despesas Bancárias

OI Caixa VH Diversos
a Bancos C/Movimento a Títulos a Receber
Bancos - C/Movimento
Despesas Bancárias

IV Diversos Vin Caixa


a Títulos a Pagar a Títulos a Receber
Caixa
Juros a Vencer (conta de Passivo)
156 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA - EXERCÍCIOS

IX Diversos X Promissórias a Pagar


a Bancos - C/Empréstimo a Diversos
Bancos - C/Movimento a Caixa
Despesas Bancárias a Descontos Ativos
Juros Antecipados
XI Endossos para Cobrança
a Títulos em Cobrança
A - I_______ IDepósito da empresa
B- 1 | Empréstimo bancário, deduzidos os juros e despesas bancárias
C- f i Pagamento de títulos antes do vencimento, aproveitando o des­
conto
D- [ | Emissão de um título passivo (nota promissória) descontado
perante terceiros
E- 1 1 Recebimento de uma duplicata que estava em cobrança sim­
ples, com despesas sobre cobrança efetuada.
7. Como essência de controle interno de caixa, assinale a melhor resposta:
a) Recebimentos devem ser depositados intatos no mesmo dia.
b) Cheques assinados por um executivo responsável.
c) Proteção do dinheiro contra ladrões.
d) Uso de máquinas autenticando cheques de emissão própria.
e) Separação de setor de registros e do setor de custódia do dinheiro.
8. As receitas a apropriar quando apresentadas no Balanço indicam:
a) Resultados de exercícios futuros.
b) Conta de ajuste do ativo.
c) Receitas antecipadas.
d) Contas de resultado.
e) Evidenciação da potencialidade de passivos.
9. As depesas financeiras a transcorrer são:
a) Despesas pagas e incorridas.
b) Despesas pagas.
c) Ajustes de ativos.
d) Ajustes de passivos.
e) Despesas pagas e não incorridas.
10. A variação cambial incide sobre:
a) Empréstimos de longo prazo efetuados em moeda nacional.
b) Financiamentos de curto prazo de permanentes.
PROBLEMAS CONTÁBEIS DIVERSOS 157

c) Somente financiamentos de imobilizados.


d) Empréstimos e financiamentos em moedas estrangeiras.
e) Letras de câmbio a receber.
11. No período de carência de um empréstimo, os juros são:
a) Calculados e apropriados, ainda que não pagos.
b) Apenas calculados.
c) Registrados apenas quando pagos.
d) Registrados apenas gerencialmente e não contabilizados.
e) Nenhuma das respostas anteriores.
12. São consideradas imediatas aquelas aplicações que:
a) Possuem resgate em até 180 dias.
b) Possuem resgate em até 360 dias.
c) São resgatáveis a qualquer momento.
d) Possuem resgate após 360 dias.
e) Nenhuma das respostas anteriores.
13. O método de equivalência patrimonial é utilizado para:
a) Avaliação das participações societárias e obras de arte.
b) Avaliação das participações societárias e dos bens não de uso.
c) O reconhecimento das variações patrimoniais das controladas e das coliga­
das no momento de sua geração.
d) O reconhecimento das variações positivas dos patrimônios das controladas
e das coligadas.
e) O reconhecimento das variações patrimoniais negativas das controladas e
das coligadas.
14. Os métodos de avaliação de investimentos societários são:
a) Custo e equivalência patrimonial.
b) Custo ou mercado dos dois o menor.
c) Custo de aquisição e valor de mercado.
d) Soma dos dígitos e linha reta.
e) Equivalência patrimonial e soma dos dígitos.