Você está na página 1de 3

DISCIPLINA: FÍSICA II e Experimental II

TURMA: Engenharia Civil 3º PERIODO 2


Atividades de
ALUNO(a):
calorimetria

PROFESSORº Cesar Cruz Cabral Sousa 2018/1

01) (FUVEST) Um ser humano adulto e saudável consome, em média, uma potência de 120J/s. Uma
“caloria alimentar” (1kcal) corresponde, aproximadamente, a 4,0 x 103J. Para nos mantermos
saudáveis, quantas “calorias alimentares” devemos utilizar, por dia, a partir dos alimentos que ingerimos?
a) 33
b) 120
c) 2,6×103
d) 4,0 x103
e) 4,8 x105
0.2 (MACKENZIE) Uma fonte calorífica fornece calor continuamente, à razão de 150 cal/s, a uma determinada
massa de água. Se a temperatura da água aumenta de 20ºC para 60ºC em 4 minutos, sendo o calor especifico
sensível da água 1,0 cal/gºC, pode-se concluir que a massa de água aquecida, em gramas, é:
a) 500
b) 600
c) 700
d) 800
e) 900
0.3 (UFPR) Durante o eclipse, em uma das cidades na zona de totalidade, Criciúma-SC, ocorreu uma queda de
temperatura de 8,0ºC. (Zero Horas – 04/11/1994) Sabendo que o calor específico sensível da água é 1,0 cal/gºC, a
quantidade de calor liberada por 1000g de água, ao reduzir sua temperatura de 8,0ºC, em cal, é:
a) 8,0
b) 125
c) 4000
d) 8000
e) 64000
0.4 (UFSE) A tabela abaixo apresenta a massa m de cinco objetos de metal, com seus respectivos calores
específicos sensíveis c.
METAL c(cal/gºC) m(g)
Alumínio 0,217 100
Ferro 0,113 200
Cobre 0,093 300
Prata 0,056 400
Chumbo 0,031 500
O objeto que tem maior capacidade térmica é o de:
a) alumínio
b) ferro
c) chumbo
d) prata
e) cobre
0.5 (MACKENZIE) Um bloco de cobre (c = 0,094 cal/gºC) de 1,2kg é colocado num forno até atingir
o equilíbrio térmico. Nessa situação, o bloco recebeu 12 972 cal. A variação da temperatura sofrida, na escala
Fahrenheit, é de:
a) 60ºF
b) 115ºF
c) 207ºF
d) 239ºF
e) 347ºF
0.6 (MACKENZIE) Quando misturamos 1,0kg de água de água (calor específico sensível = 1,0cal/g°C) a 70° com 2,0kg
de água a 10°C, obtemos 3,0kg de água a:
a) 10°C
b) 20°C
c) 30°C
d) 40°C
e) 50°C
0.7 (UFSM – RS) Um corpo de 400g e calor específico sensível de 0,20cal/g°C, a uma temperatura de 10°C, é colocado
em contato térmico com outro corpo de 200g e calor específico sensível de 0,10cal/g°C, a uma temperatura de 60°C.
A temperatura final, uma vez estabelecido o equilíbrio térmico entre os dois corpos, será de:
a) 14°C
b) 15°C
c) 20°C
d) 30°C
e) 40°C
0.8 (FUVEST) Num calorímetro contendo 200g de água a 20°C coloca-se uma amostra de 50g de um metal a
125°C. Verifica-se que a temperatura de equilíbrio é de 25°C. Desprezando o calor absorvido pelo calorímetro, o
calor específico sensível desse metal, em cal/g°C, vale:
a) 0,10
b) 0,20
c) 0,50
d) 0,80
e) 1,0
0.9 (VEST – RIO – RJ) Um confeiteiro, preparando um certo tipo de massa, precisa de água a 40°C para obter
melhor fermentação. Seu ajudante pegou água da torneira a 25°C e colocou-a para aquecer num recipiente
graduado de capacidade térmica desprezível. Quando percebeu, a água fervia e atingia o nível 8 do recipiente. Para
obter a água na temperatura de que precisa, deve acrescentar, no recipiente, água da torneira até o seguinte nível:
a) 18
b) 25
c) 32
d) 40
e) 56
10. (PUCCAMP) Uma barra de cobre de massa 200g é retirada do interior de um forno, onde estava
em equilíbrio térmico, e colocada dentro de um recipiente de capacidade térmica 46cal/°C que contém 200g de água
a 20°C. A temperatura final de equilíbrio é de 25°C. A temperatura do forno, em °C, é aproximadamente igual a:
Dado: CCu = 0,03 cal/g°C
a) 140
b) 180
c) 230
d) 280
e) 300
1. (Makenzie - SP). Em uma manhã de céu azul, um banhista na praia observa que a areia está muito quente e a água
do mar está muito fria. À noite, esse mesmo banhista observa que a areia da praia está fira e a água do mar está
morna. O fenômeno observado deve-se ao fato de que:
a densidade da água do mar é menor que a da areia.
o calor específico da areia é menor que o calor específico da água.
o coeficiente de dilatação térmica da água é maior que o coeficiente de dilatação térmica da areia.
o calor contido na areia, à noite, propaga-se para a água do mar.
a agitação da água do mar retarda seu resfriamento.

2. Em um laboratório de Física, uma amostra de 20 g de cobre recebeu 186 cal de calor de uma determinada fonte
térmica. Sabendo que o calor específico do cobre é 0,093 cal/g°C, determine a variação de temperatura sofrida pela
amostra.

a) 50 °C b) 100°C c) 105°C d) 200°C e) 250°C

3. (Enem 2013) Aquecedores solares usados em residências têm o objetivo de elevar a temperatura da água até 70
°C. No entanto, a temperatura ideal da água para um banho é de 30 °C. Por isso, deve-se misturar a água aquecida
com a água à temperatura ambiente de um outro reservatório, que se encontra a 25 °C. Qual a razão entre a massa
de água quente e a massa de água fria na mistura para um banho à temperatura ideal?

a) 0,111. b) 0,125. c) 0,357. d) 0,428. e) 0,833.

4. (Só Fisica) Um bloco de uma material desconhecido e de massa 1kg encontra-se à temperatura de 80°C, ao ser
encostado em outro bloco do mesmo material, de massa 500g e que está em temperatura ambiente (20°C). Qual a
temperatura que os dois alcançam em contato? Considere que os blocos estejam em um calorímetro.

a) 15 °C b) 45°C c) 30°C d) 60°C e) 12°C

5. (FUVEST) Num calorímetro contendo 200g de água a 20°C coloca-se uma amostra de 50g de um metal a 125°C.
Verifica-se que a temperatura de equilíbrio é de 25°C. Desprezando o calor absorvido pelo calorímetro, o calor
específico sensível desse metal, em cal/g°C, vale:

a) 0,10 b) 0,20 c) 0,50 d) 0,80 e) 1,0

6. (UFSM – RS) Um corpo de 400g e calor específico sensível de 0,20cal/g°C, a uma temperatura de 10°C, é colocado
em contato térmico com outro corpo de 200g e calor específico sensível de 0,10cal/g°C, a uma temperatura de 60°C.
A temperatura final, uma vez estabelecido o equilíbrio térmico entre os dois corpos, será de:

a) 14°C b) 15°C c) 20°C d) 30°C e) 40°C

7. (MACKENZIE) Quando misturamos 1,0kg de água de água (calor específico sensível = 1,0cal/g°C) a 70° com 2,0kg
de água a 10°C, obtemos 3,0kg de água a:

a) 10°C b) 20°C c) 30°C d) 40°C e) 50°C

8. Ao fornecer 300 calorias de calor para um corpo, verifica-se como consequência uma variação de temperatura
igual a 50 ºC. Determine a capacidade térmica desse corpo.
9. (UF - Paraná) Para aquecer 500 g de certa substância de 20 ºC para 70 ºC, foram necessárias 4 000 calorias. A
capacidade térmica e o calor específico valem respectivamente:

8 cal/ ºC e 0,08 cal/g .ºC


80 cal/ ºC e 0,16 cal/g. ºC
90 cal/ ºC e 0,09 cal/g. ºC
95 cal/ ºC e 0,15 cal/g. ºC
120 cal/ ºC e 0,12 cal/g. ºC

11. Determine o calor específico em cal/g°C de uma substância com massa de 1 kg que, ao receber 5000 cal de calor
de uma fonte térmica, teve a sua temperatura elevada em 20 °C.

a) 0,15 b) 0,25 c) 0,35 d) 0,45 e) 0,55

Vilhena Rondônia 2018!!!