Você está na página 1de 10

SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 1 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

1. OBJETIVO
1.1. Este procedimento estabelece as diretrizes, critérios e procedimentos para aquisição,
fornecimento, registros, devolução pós uso do EPI-Equipamento de Proteção Individual e
ainda, orientar a fiscalização e incentivar uma cultura de utilização, guarda e conservação
de acordo com a legislação vigente e os padrões buscados pela Administração Municipal.

2. CAMPO DE APLICAÇÃO:
2.1. Para a Prefeitura é um importante instrumento:

2.1.1. Para obter análises de locais de trabalho, de atividades exercidas pelos servidores
municipais no seu campo de atuação, de fiscalização e orientação praticadas pelos
diretores, gerentes, chefes, encarregados e demais lideranças sobre os seus liderados no
uso, manutenção e devolução de EPI-Equipamento de Proteção Individual.

2.1.2. Para analisar o comportamento, o processo, a responsabilidade e tarefas executadas


pelo servidor público sob a ótica das Normas de Segurança do Trabalho do Ministério do
Trabalho e Emprego.

2.1.3. Para determinar os meios de aquisição, fornecimento, uso, manutenção, registro,


fiscalização e devolução de EPI – Equipamento de Proteção Individual.

2.1.4. Para emissão de orientação, capacitação, medidas cautelares, não conformidades,


fiscalização e penalidades a serem observadas pelos servidores e líderes do Serviço
Público Municipal.

2.2. Sua aplicação está direcionada:

2.2.1. Ao SESMT - Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do


Trabalho;

2.2.2. Às Secretarias Municipais e suas repartições, incluindo-se as respectivas lideranças;

2.2.3. Aos servidores públicos municipais;

2.2.4. Às empresas contratadas e seus empregados que desempenharem obras e serviços


junto a Prefeitura Municipalo, quanto ao uso de Equipamento de Proteção Individual - EPI.
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 2 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

3. LEGISLAÇÃO PERTINENTE
3.1. Artigo 157 da Consolidação das Leis do Trabalho.

3.2. Normas Regulamentadoras:


- NR 06 – Equipamentos de Proteção Individual;
- NR 09 – Programa de Prevenção de Riscos Ambientais
- NR 32 – Segurança e Saúde no trabalho em Serviços de Saúde e Outras
- Capítulo V, da CLT-Consolidação das Leis do Trabalho.

4. LOCAIS E SERVIÇOS PERTINENTES:


4.1. Aplica-se o disposto neste Procedimento Operacional Padrão aos serviços realizados
por servidores ou terceiros, dentro das repartições públicas municipais.

5. PROCESSOS E PROCEDIMENTOS.
5.1. Das diretrizes, critérios e procedimentos para aquisição de Equipamento de
Proteção Individual;

5.2. Das diretrizes, critérios e procedimentos para fornecimento e uso de Equipamento


de Proteção Individual;

5.3. Das diretrizes, critérios e procedimentos para registro de Equipamento de Proteção


Individual;

5.4. Das diretrizes, critérios e procedimentos para devolução pós-utilização de


Equipamento de Proteção Individual;

5.5. Das diretrizes, critérios e procedimentos para capacitação e orientação sobre o uso
de Equipamento de Proteção Individual;

5.6. Das diretrizes, critérios e procedimentos para fiscalização sobre o uso de


Equipamento de Proteção Individual; e

5.7. Das diretrizes, critérios e procedimentos para utilização, guarda e manutenção de


Equipamento de Proteção Individual.
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 3 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

6. DAS DIRETRIZES, CRITÉRIOS E PROCEDIMENTOS PARA AQUISIÇÃO DE


EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.
6.1. Compete única e exclusivamente à Divisão de Recursos Humanos da Secretaria de
Administração o procedimento de aquisição de EPI – Equipamento de Proteção Individual,
que obedecerá as seguintes etapas:

6.1.1. A aquisição de EPI se dará inicialmente com a manifestação expressa das


secretarias municipais, subscrita pelo respectivo secretário de área, endereçada à DRH.

6.1.2. A manifestação da secretaria municipal deverá discriminar o tipo, a quantidade,


periodicidade da utilização e a tipificação de trabalho que será empregado de EPI.

6.1.3. O Setor de Engenharia de Segurança do Trabalho da Prefeitura Municipal analisará


o pedido frente ao estoque existente no Almoxarifado de EPI da DRH, com deferimento de
fornecimento e/ou de requisição de compra.

6.1.4. No caso de emissão da requisição de compra, sempre endereçada à Gerência da


DRH, o Setor de Engenharia de Segurança do Trabalho da Prefeitura Municipal fornecerá a
consistência técnica, através de informações precisas da tipificação do EPI, contendo
rótulo, CA – Certificado de Aprovação do Ministério do Trabalho e Emprego, número de
registro catalogado no Sistema de Compras do Munícipio, quantidade, tamanho, cor, tipo
de embalagem com respectiva medida e proporção de conteúdo e demais descrições
pertinentes e, ainda, três orçamentos prévios constando valores do EPI e mais as reservas
financeiras/orçamentárias.

6.1.5. De posse da requisição de compra, a Gerência da DRH encaminhará à Divisão de


Suprimentos e/ou Comissão Municipal de Licitação o “Termo de Referência”
correspondente.

6.1.6. A Gerência da DRH acompanhará todo o processo de aquisição até a sua conclusão
com a entrega pelo fornecedor dos EPIs.

6.2. DAS DIRETRIZES, CRITÉRIOS E PROCEDIMENTOS PARA FORNECIMENTO E


USO DE EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.6.2.1. O fornecimento individual
de EPI será realizado pelo SESMT da DRH, mediante requisição subscrita pelo secretário
municipal de área, contendo data, nome de cada servidor, tipo de EPI, quantidade,
denominação, setor e/ou seção.
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 4 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

6.2.1. A requisição de EPI será encaminhada ao SESMT da DRH, que a receberá sob
protocolo, do dia 01 até o dia 10 de cada mês.

6.2.2. O fornecimento dos EPIs requisitados serão providenciados após a data de protocolo
da respectiva requisição, do dia 11 até o dia 20 de cada mês.

6.2.3. O SESMT confeccionará a Ficha de Controle e Fornecimento de EPI para cada


servidor, na qual se dará os registros de cada EPI fornecido, data de entrega e
assinatura/recibo do servidor.

6.2.4. É facultado ao SESMT realizar o Recibo de Fornecimento de EPI para cada servidor,
na qual se dará os registros de cada EPI fornecido, data de entrega e assinatura/recibo do
servidor, que será juntada à Ficha de Controle e Fornecimento de EPI, naturalmente
juntada ao prontuário do servidor para exibição à fiscalização.

6.2.5. A Ficha e/ou Recibo de Fornecimento de EPI, acompanhada dos EPIs, será entregue
ao líder responsável pela entrega ao servidor, devidamente delegado pelo secretário
municipal de área, a quem compete datá-la e colher assinatura do servidor.

6.2.5.1. A Ficha e/ou Recibo de Fornecimento de EPI, após a entrega do EPI ao servidor,
será devolvida pelo líder responsável à DRH no prazo máximo de até 5 (cinco) dias à
contar da data de sua emissão.

6.2.5.2. A recusa e/ou falta da devolução da Ficha e/ou Recibo de Fornecimento de EPI por
parte do líder responsável pela entrega do EPI ao servidor, ou ainda a não entrega do EPI
ao servidor, será considerado falta grave com responsabilização em processo de apuração
de fatos.

6.2.6. O SESMT da DRH fará a administração e gestão do fornecimento de EPI para todas
as repartições e servidores municipais.

6.2.7. Todo servidor em atividade de risco, que obter o fornecimento de EPIs para o seu
exercício profissional, estará obrigado a utilizar o EPI durante todo o tempo de execução de
suas tarefas.

6.2.8. O servidor com uso obrigatório de EPI, se for surpreendido no exercício profissional
sem utilizá-lo, será penalizado na primeira ocorrência com a Advertência Disciplinar, na
segunda com Suspensão Disciplinar e na terceira com Processo de Demissão por Justa
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 5 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

Causa, nos termos da Consolidação das Leis do Trabalho, somado às disposições das
Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego.

6.2.9. O líder responsável (superior do servidor) que permitir ao servidor executar as


tarefas sem o devido uso de EPI, também será penalizado nos termos o item 6.2.8., deste
POP.

6.3. DAS DIRETRIZES, CRITÉRIOS E PROCEDIMENTOS PARA REGISTRO DE


EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.
6.3.1. O registro de EPI compõe-se de duas fases:

6.3.1.1. FASE DE CATALOGAÇÃO:


a) Cada EPI será registrado no Cadastro Geral de Suprimentos da Prefeitura
Municipal de Mogi Guaçu, considerando a sua característica: denominação,
tamanho, gramatura, formato, cor, CA do MTe, e demais informações
quando receberá uma codificação numérica.

b) A codificação numérica será utilizada para as novas aquisições do mesmo


EPI por parte da Administração Municipal, constando das Requisições de
Compras ou do Termo de Referência, uniformizando as especificações
técnicas do produto.

c) A codificação numérica será utilizada para o Almoxarifado de EPI da DRH,


para formar indicadores, especialmente de controle e armazenamento de
estoques mínimos e máximos.

6.3.1.2. FASE DE CADASTRO :


a) Cada EPI fornecido pelo SESMT, será cadastrado no Registro de
Empregado (prontuário) de cada servidor, especificando a data da entrega, a
denominação do EPI, o código do EPI, a data do treinamento de seu uso,
bem como na Ficha de Fornecimento e Controle de EPI, individualmente.

6.4. DAS DIRETRIZES, CRITÉRIOS E PROCEDIMENTOS PARA DEVOLUÇÃO PÓS-


UTILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.

6.4.1. Para a entrega de novos EPIs ao servidor, este, através de seu superior, fará a
devolução da carcaça do EPI utilizado e a ser substituído, na seguinte conformidade:
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 6 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

a) devolver o EPI usado junto ao Almoxarifado da DRH, entre os dias 11 e 20


de cada mês, no horário das 8h00 às 11h00 e das 13h00 às 16h00;

b) calçados, uniformes, óculos, protetores auriculares concha, máscaras


com filtro, luvas (que não sejam descartáveis), protetores faciais,
aventais, caneleiras, mangotes, cintos, em geral – devem estar sem
condições de uso;

c) frascos, latas, bisnagas e outro invólucros (sabonetes, protetores


solares e de pele, desengordurantes, etc...) – devem estar vazios;

d) outros EPIs não configurados nas alíenas “a” e “b”, que não sejam
considerados descartáveis – devem estar sem condições de uso.

6.4.2. A recusa da devolução do EPI sem condições de uso por parte do servidor, será
instruído em processo de apuração de fatos, inclusive de ressarcimento aos cofres
municipais quando assim for apurado, sem prejuízo da entrega do novo EPI.

6.4.3. As condições de EPIs sem condições de uso, serão destinados à descarte pela DRH,
com armazenagem em bag apropriado, junto ao SESMT, catalogados como objetos não
conformes.

6.4.4. Caberá ao SESMT, analisar cada EPI utilizado, de forma a considerá-lo não
conforme ou ainda com a condição de uso, sempre com atenção no conforto e segurança
dos servidores municipais e da economicidade para os cofres municipais.

6.4.5. O servidor que não concordar com a decisão do SESMT, face ser considerado o EPI
com efeitos ainda de utilização, poderá recorrer à Gerência da DRH, justificando
expressamente as suas razões, para deliberação do assunto no prazo de 2 (dois) dias.

6.5. DAS DIRETRIZES, CRITÉRIOS E PROCEDIMENTOS PARA CAPACITAÇÃO E


ORIENTAÇÃO SOBRE O USO DE EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.

6.5.1. O SESMT da DRH, através de seus técnicos, engenheiro, médico, enfermeiro de


segurança do trabalho, promoverá a capacitação e orientação dos servidores quanto a
utilização, manutenção e guarda do EPI.

6.5.2. O treinamento será “on the Job”, com assinatura do servidor em lista de presença,
contendo o nome do facilitador, dia, hora, local e tipo de treinamento.
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 7 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

6.5.3. O servidor que se recusar em realizar o treinamento de capacitação e orientação do


uso, manutenção e guarda do EPI, será processado nos termos das NRs do MTb e
disposições da Consolidação das Leis do Trabalho.

6.6. DAS DIRETRIZES, CRITÉRIOS E PROCEDIMENTOS PARA FISCALIZAÇÃO


SOBRE O USO DE EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.

6.6.1. A fiscalização direta e diária cabe ao superior hierárquico do servidor, que deve
exigir de seus subordinados o uso correto de EPI, durante o expediente e no exercício
profissional.

6.6.1.1. A recusa do servidor em atender a ordem direta de seu superior para utilizar o
EPI no horário e tarefas que lhe são de atribuição e responsabilidade, deve ser notificada
à DRH, no prazo de 24 (vinte e quatro) horas, a quem caberá tomar as providências
legais sobre o assunto.

6.6.2. A fiscalização do uso de EPI, em geral, será exercida pelos técnicos da DRH, em
todas as dependências/repartições públicas municipais, aos quais, conforme legislação,
possuem plenos poderes para determinar aos servidores o uso, aplicar sanções como
advertência e nos casos de recusa e desobediência a abertura de processo de demissão
por justa causa, nos termos da Consolidação das Leis do Trabalho.

6.7. DAS DIRETRIZES, CRITÉRIOS E PROCEDIMENTOS PARA UTILIZAÇÃO,


GUARDA E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL.

6.7.1. Os servidores devem utilizar corretamente o EPI cedido pela Prefeitura Municipal,
apenas no expediente e local de trabalho, desautorizado o seu uso para tarefas
particulares e/ou empréstimos à outrem.

6.7.2. O desvio do uso do EPI cedido pela Prefeitura Municipal é passível de penalidade e
de cobrança ao servidor infrator, do valor correspondente ao EPI desviado.

6.7.3. Não é permitido o acúmulo de EPI como estoque particular, em qualquer hipótese.

6.7.4. O servidor é o único responsável pela guarda e manutenção do EPI que lhe for
cedido.
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 8 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

6.7.5. Cabe ao servidor público municipal:


a) usar o EPI, utilizando-o apenas para a finalidade a que se destina;
b) responsabilizar-se pela guarda e conservação;
c) comunicar ao empregador qualquer alteração que o torne impróprio para uso; e,
d) cumprir as determinações do empregador sobre o uso adequado.

7. DESCRIÇÃO (DAS DEFINIÇÕES)

7.1. EPI – Equipamento de Proteção Individual é todo dispositivo ou produto, de uso


individual, utilizado pelo servidor , destinado a proteção de riscos suscetíveis de ameaçar
a segurança e a saúde no trabalho, adquirido e propriedade da Administração Municipal.

7.2. SERVIDOR – trabalhador da Prefeitura Municipal ao qual lhe será cedido EPIs e a
quem caberá o uso, a manutenção e sua guarda.

7.3. Líder ou Superior Hierárquico – servidor designado e/ou nomeado para tarefas de
Chefia ou de Encarregado de uma equipe de trabalhadores e/ou de repartição pública.

7.4. SESMT e seus Técnicos – órgão institucional com delegação para administrar e
gestar a Higiene, Segurança e Medicina do Trabalho na Prefeitura Municipal de Mogi
Guaçu.

8. SEGURANÇA E PREVENÇÃO DE ACIDENTES

8.1. Todos os servidores devem atender aos princípios da segurança do trabalho, por
todos os meios disponíveis, com obrigação de consultar e seguir as regras institucionais
de Segurança e Medicina do Trabalho.

9. RESPONSABILIDADES
9.1. Do SESMT/Serviço Especializado de Engenharia em Segurança e Medicina do
Trabalho: Adquirir, Armazenar, Administrar, Fornecer e Receber os EPIs sem condições
de uso, bem como Orientar, Recomendar, Sugerir, Treinar, Ordenar as medidas de
segurança no uso do EPI, ainda Fiscalizar e Penalizar os abusos, desobediência e
resistências quanto ao uso dos mesmos.
SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 9 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

9.2. Superiores e Líderes: Fazer cumprir em todo o processo do trabalho as normas de


uso de EPIs.

10. DESCRIÇÃO DE ATIVIDADES DE NÍVEL DE SUPERVISÃO DO SESMT


10.1. Monitoramento: (Amostragem / Análise / Verificação).

10.2. Inspeção.

10.3. Fiscalização.

10.4. Capacitação.

10.5. Penalização.

10.6. Demissão (instauração de processo administrativo).

11. FORMULÁRIOS UTILIZADOS


11.1. Requisição de EPI – DRH F 000

11.2. Ficha de Fornecimento/Entrega de EPI – DRH F 000

12. REGISTRO DA QUALIDADE


12.1. Procedimento registrado na Gerência de Recursos Humanos e divulgado na Intranet
Corporativa.

13. NATUREZA DA REVISÃO


13.1. Edição original.

14. DATA E ASSINATURA DE APROVAÇÃO


14.1. Aprovado em 15 de fevereiro de 2017.

HEITOR HENRIQUE CAPUANI


SECRETARIA MUNICIPAL PROCEDIMENTO

DRH
DE ADMINISTRAÇÃO OPERACIONAL PADRÃO
PREFEITURA MUNICIPAL
DE MOGI GUAÇU Código:
DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS POP-DRH-SESMT
Gerência de Recursos Humanos 015
TÍTULO Pág. 10 de 10
AQUISIÇÃO, FORNECIMENTO, UTILIZAÇÃO E DEVOLUÇÃO DE EPI-
Data de aprovação: 25/01/2017
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
ELABORAÇÃO: Técnicos do SESMT – Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho Data de efetivação: 15/02/2017
REVISÃO e APROVAÇÃO: Pedro José Gonçalves – Gerente da DRH Data de revisão:

Engenheiro Segurança do Trabalho

PEDRO JOSÉ GONÇALVES


Gerente da Divisão de Recursos Humanos

LUÍS BUENO ÁVILA


Secretário Municipal de Administração