Você está na página 1de 12

Eletricidade I - ELE/ELT

Aluno (a): Data: / / 201_.

Atividade de Pesquisa NOTA:

INSTRUÇÕES:
 Esta Avaliação contém 4 (quatro) questões, totalizando 10 (dez) pontos;
 Baixe o arquivo disponível com a Atividade de Pesquisa;
 Você deve preencher dos dados no Cabeçalho para sua identificação:
o Nome / Data de entrega.
 As respostas devem ser digitadas abaixo de cada pergunta;
 Ao terminar grave o arquivo com o nome Atividade Prática;
 Envio o arquivo pelo sistema no local indicado;
 Em caso de dúvidas consulte o seu Tutor.

Calcule a resistência equivalente entre os pontos A e B dos seguintes circuitos:


1)

2)

Calcule a resistência equivalente da associação mista de resistores entre os pontos A e B no


circuito abaixo:

Concreto - EDI
Circuito 3

Solução:
Neste exercício todos os resistores possuem o mesmo valor R. Para facilitar como as
resistências estão associadas, basta tornar os pontos ligados por um curto como únicos.

Assim, os pontos A e D são os mesmos, assim como os pontos C e B. O circuito pode ser
rearranjado conforme a seguir:

Onde percebemos, facilmente, que todas as resistências estão em paralelo. Logo, a


resistência equivalente, neste caso, é R/3.

Concreto - EDI
3)

Calcule a resistência equivalente da associação mista de resistores entre os pontos A e B no


circuito abaixo:
Circuito 3

Solução:
Neste exercício todos os resistores possuem o mesmo valor R. Para facilitar como as
resistências estão associadas, basta tornar os pontos ligados por um curto como únicos.

Assim, os pontos A e D são os mesmos, assim como os pontos C e B. O circuito pode ser
rearranjado conforme a seguir:

Concreto - EDI
Onde percebemos, facilmente, que todas as resistências estão em paralelo. Logo, a
resistência equivalente, neste caso, é R/3.

Calcule a resistência equivalente da associação mista de resistores entre os pontos A e B no


circuito abaixo:
Circuito 5

Solução:
Inicialmente, é importante dar nomes aos pontos:

Concreto - EDI
Verificamos que há um curto entre os pontos C e D. Como já comentado nos outros casos, a
melhor forma de visualizar a disposição dos resistores é unindo os pontos ligados por curto.
Neste caso, os pontos C e D tornam-se um ponto só. Assim, dispomos os pontos no "espaço"
e vamos unindo-os com o que houver entre eles, da seguinte forma:

Entre os pontos A e B há uma resistência;

Entre os pontos A e C há uma resistência;

Concreto - EDI
Entre os ponto A e D há uma resistência;

Entre os pontos C e B há uma resistência;

Concreto - EDI
E, finalmente, entre os pontos D e B há uma resistência;

Agora fica fácil visualizar o circuito, que deve ser resolvido iniciando pelos resistores em
paralelo.

Concreto - EDI
Como devemos calcular a resistência equivalente entre A e B, temos que os resistores R/2
estão em série (neste momento o ponto C//D pode ser eliminado).

Restando dois resistores em paralelo. Assim, a resistência equivalente entre A e B é R/2.

Calcule a resistência equivalente da associação mista de resistores entre os pontos A e B no


circuito abaixo:
Circuito 1

Solução:
Neste exercício existe uma associação mista de resistores pois há associação em paralelo e
em série.

Concreto - EDI
Os resistores de 1,2 Ω e 6 Ω estão em paralelo, enquanto que os de 5 Ω e 7 Ω e os de 4 Ω e
8 Ω estão em série.

A solução deste tipo de exercício deve ser feita passo a passo, calculando as resistências
equivalentes de cada associação, uma por vez e no fim, o resultado será obtido
naturalmente.
Cálculo da associação paralela entre os resistores de 1,2 Ω e 6 Ω
O cálculo da resistência equivalente de uma associação em paralelo é obtida usando a
seguinte fórmula:

Onde Req é a resistência equivalente da associação de resistores, R 1 neste caso vale 1,2 Ω e
R2 vale 6 Ω. Substituindo os valores temos:

Assim, como 1/Req = 1 Ω, então Req = 1 Ω. Logo, a associação de resistores da figura é


equivalente a:

Cálculo da associação em série entre os resistores de 5 Ω e 7 Ω e os de 4 Ω


e8Ω
O cálculo da associação de resistores em série é mais simples pois basta somar as resistências.
No caso, a resistência equivalente da associação em série entre 5 Ω e 7 Ω será 12 Ω e entre
4 Ω e 8 Ω será 12 Ω também. Assim, o circuito fica:

Cálculo da associação paralela entre os dois resistores de 12 Ω


Veja que as resistência de 12 Ω ficaram em paralelo. Usando a fórmula para o cálculo da Req
para associação em paralelo temos:

Concreto - EDI
Assim, como 1/Req = 1/6, então Req = 6 Ω.
Cálculo da resistência equivalente de todo o circuito
Após o último cálculo, temos que o circuito fica:

As duas resistências restantes estão em série, logo a Resistência Equivalente do circuito será
de 7 Ω.

Calcule a resistência equivalente da associação mista de resistores entre os pontos A e B no


circuito abaixo:
Circuito 4

Solução:
Utilizando a estratégia de unir pontos ligados por um curto, pode-se perceber que as
resistências de 80Ω estão em paralelo, tendo como resistência equivalente uma de 40Ω.

Temos, agora, as resistências de 60Ω e de 40Ω em série que, somadas, geram uma resistência

Concreto - EDI
equivalente de 100Ω

ficando as duas resistências de 100Ω em paralelo. Calculando a resistência equivalente


temos:

Assim, as resistências de 150Ω e de 50Ω ficam em série. Somadas temos uma resistência
equivalente de 200Ω em paralelo com a outra de 200Ω.

Resolvendo esta associação em paralelo, temos que a resistência equivalente entre os pontos
A e B é de 100Ω.

Concreto - EDI
Concreto - EDI