Você está na página 1de 17

Resolução EMESCAM 2019/1 Prova A

Questão: 1
Gabarito: D
Comentário: A hipótese da panspermia cósmica admite a origem da vida no planeta Terra
a partir de vida extraterrena. Assim, o meteorito é uma evidência dessa teoria.

Questão: 02
Gabarito: D
Comentário: Como os gêmeos possuem o mesmo DNA, obrigatoriamente terão que ter o
mesmo sexo.

Questão: 3
Gabarito: A
Comentário: Dos 10 filhos biológicos do casal, nenhum deles pertence ao grupo O. Como
50% deles possui grupo AB, 25% grupo A e 25% grupo B, entende-se que os pais são do
grupo AB, com genótipos: IAIB.
Cruzamento:
Gametas IA IB
IA IA IA IA IB
IB IA IB IB IB

Probabilidades:
Grupo A: ¼ ou 25%
Grupo B: ¼ ou 25%
Grupo AB: ½ ou 50%

Questão: 04
Gabarito: C
Comentário:
Entre as doenças citadas na questão, apenas a esquistossomose não possui vetor que uti-
liza a água como local de reprodução.

Questão: 5
Gabarito: A
Comentário: Ecologia – Impactos ambientais
Os corpos d’água devem ter uma área de proteção vegetal que varia entre 15 e 500 me-
tros. Esta determinação não tem nenhuma relação com a diminuição das ilhas de calor em
grandes centros urbanos.
Questão: 6
Gabarito: A
Comentário: Ciclos de vida
Os fungos apresentam meiose zigótica, ou seja, o zigoto, pra formar os esporos, sofre mei-
ose.

Questão: 7
Gabarito: B
Comentário: Ecologia – Impactos ambientais
O rompimento da Barragem do Fundão em Mariana (MG) provocou um dano ambiental de
consequências catastróficas em toda bacia do Rio Doce, chegando até as regiões costeiras
do Espírito Santo. Os rejeitos da mineração contaminaram a água do referido rio e trouxe
como consequência imediata o aumento dos custos de fornecimento de água tratada.

Questão: 8
Gabarito: B
Comentário:
Os métodos cirúrgicos (vasectomia, ligadura de trompas) são formas de contracepção
permanentes e definitivas (difícil reversibilidade), que devem ser escolhidas apenas quando
se está seguro da escolha de não mais ter filhos, consequentemente não indicado para
adolescentes.

Questão: 9
Gabarito: A
Comentário: Polipeptídio - metionina – fenilalanina – tirosina – cisteína – ácido aspártico
– parada
RNAm (códons) AUG - UUU - UAU - UGC - GAU - UAA (parada)
DNA (triplets) TAC - AAA - ATA - ACG - CTA - ATT
OBS. O último códon da sequência, UAA, não inseri aminoácidos, apenas sinaliza o térmi-
no da tradução.

Questão: 10
Gabarito: A
Comentário: O desenvolvimento de tumores benignos ou malignos podem ocorrer tanto no
tecido epitelial quanto no conjuntivo.
Questão: 11
Gabarito: B
Comentário: Nos cânceres malignos as mutações causam a perda da capacidade de con-
trole das divisões celulares, tornando a célula indiferenciada, com metabolismo aumentado
e intensa capacidade de divisão.

Questão: 12
Gabarito: C
Comentário: Nos cânceres malignos células podem se desprender do tumor primário atra-
vés dos vasos sanguíneos ou linfáticos do corpo e começaram a crescer em novos locais,
processo denominado metástase.

Questão: 13
Gabarito: D
Comentário: A imagem representa um padrão de bandas de DNA dos indivíduos submeti-
dos à ação das enzimas de restrição, seguido da eletroforese em gel de agarose.

Questão: 14
Gabarito: B
Comentário: Os linfonodos ou gânglios linfáticos são órgãos do sistema linfático capazes
de produzir linfócitos (tipo de leucócito) e anticorpos.

Questão: 15
Gabarito: D
Comentário: Ecologia – Matéria e energia nos ecossistemas
A produção de oxigênio, no período da tarde, é altamente influenciada pela taxa de lumino-
sidade. Verifica-se que com menor taxa de luminosidade cai a produção de oxigênio.

Questão: 16
Gabarito: D
Comentário: Ecologia – Relações ecológicas
O líquen é uma associação do tipo mutualismo, na qual, as algas verdes (clorofíceas) for-
necem alimento aos fungos que, em troca dão às algas proteção, água e sais minerais.

Questão: 17
Gabarito: A
Comentário: Muitos invertebrados possuem órgãos sensoriais complexos, como ocelos,
balancins, pelos sensoriais, aurículas, pedipalpos, etc.
Questão: 18
Gabarito: B
Comentário: A questão não informa o modelo de herança. Do ponto de vista da análise
mais provável de herança, não existem elementos fundamentais que caracterizem o referi-
do modelo.
Assim, podemos interpretar a herança como sendo uma de três possibilidades: Autossômi-
ca dominante, autossômica recessiva ou ligada ao sexo dominante.
Como existem mulheres afetadas, descarta-se a herança restrita ao sexo.
Como existe mulher afetada com filho homem normal, descarta-se a herança ligada ao se-
xo recessiva.
Considerando a herança como:
I. Autossômica dominante.
Nesse caso, teríamos:

Assim, os indivíduos certamente heterozigotos seriam I.1, I.3 e IV.1.


Dessa forma não haveria possibilidade de resposta.

II. Autossômica recessiva.


Nesse caso, teríamos:

Assim, os indivíduos certamente heterozigotos seriam II.1, II.2 e III.1.


Dessa forma a resposta seria encontrada na letra B.
II. Ligada ao sexo dominante.
Nesse caso, teríamos:

Assim, os indivíduos certamente heterozigotos seriam I.1, I.3 e IV.1.


Dessa forma não haveria possibilidade de resposta.
Por existirem três possibilidades de interpretação, sendo que em duas delas não há gabari-
to plausível, sugestiona-se o pedido de anulação da questão.
Questão: 19
Gabarito: C
Comentário:
A_bb ou aaB_ ou aabb = brancas; A_B_ = púrpura.
No cruzamento AaBb x AaBb espera-se:
9 (A_B_) : 3 (A_bb) : 3 (aaB_) : 1 (aabb), assim temos:
9/16 (púrpuras): 7/16 (brancas)

Questão: 20
Gabarito: D
Comentário: Ecologia – Teias alimentares
O indivíduo representado pela letra D se alimenta de um herbívoro, dessa forma ele é car-
nívoro e não pode ser classificado como consumidor primário.

Questão: 21
Gabarito: C
Comentário: Os sintomas apresentados na questão caracterizam a patologia denominada
anorexia.

Questão: 22
Gabarito: B
Comentário: O texto se refere aos miócitos, células do tecido muscular com alto grau de
especialização e capazes de gerar movimentos.

Questão: 23
Gabarito: C
Comentário: A origem de novos alelos decorre do processo de mutação; contudo, a diver-
sificação em raças, para a espécie de cães, é produto da seleção artificial desses alelos.
Tal processo é realizado pelo homem com finalidade comercial.

Questão: 24
Gabarito: B
Comentário: Botânica – Reprodução das Angiospermas
O endosperma é encontrado nas sementes como a do feijão (Apesar desse ser um caso
em que a quantidade é praticamente nula, já que se trata de uma semente exalbumi-
nada). O palmito corresponde ao meristema apical das palmeiras e coqueiros. O pólen
produz o tubo polínico e os núcleos espermáticos. A goiaba é um fruto verdadeiro do tipo
baga e possui o pericarpo que é proveniente da hipertrofia do ovário floral.
Questão: 25
Gabarito: B
Comentário: Botânica – Reprodução das Gimnospermas
A iguaria conhecida vulgarmente como pinhão corresponde a semente do pinheiro-do-
Paraná (Araucaria angustifólia)

Questão: 26 QUESTÃO ANULADA

Questão: 27 (O gabarito foi alterado para a letra A)


Gabarito: A
Comentário:
Argumento:
X + Y → Não ocorreu nada
NaCl(aq) + MgCl2(aq) → Não ocorreu nada
X + Z → Formou-se um precipitado
Na2CO3(aq) + MgCl2(aq) → MgCO3(s) + 2NaCl(aq)
Y + Z → Liberou um gás
Na2CO3(aq) + 2HCl(aq) → 2NaCl(aq) + CO2(g) + H2O(l)
Diante do exposto, tem-se que:
X: cloreto de magnésio
Y: ácido clorídrico
Z: carbonato de sódio

Questão: 28
Gabarito: A
Comentário:
Assunto: Ligações Químicas – Propriedades das ligações iônicas.
Energia de Rede: é a energia necessária para separar completamente um mol de um com-
posto sólido iônico em íons gasosos.
𝑄1 𝑄2
• A energia de rede depende das cargas nos íons e dos tamanhos dos íons: 𝐸𝑟𝑒𝑑𝑒 = 𝑘 𝑑

KF  K+ + F-; CaO  Ca2+ + O2-; ScN  Sc3+ + N3-


A ordem das foças seguirá a ordem do produto das cargas.
KF<CaO<ScN
Questão: 29
Gabarito: D
Comentário: Na escolha de um tampão para um experimento, deve-se buscar um cujo 𝑝𝑘𝑎
seja o mais próximo possível do 𝑝ℎ desejado.
+
A faixa de 𝑝ℎ útil de um tampão geralmente é considerada 𝑝𝑘𝑎 − 1 unidade de 𝑝ℎ.

Questão: 30 Solicitamos anulação da questão (A questão não foi anulada)


Gabarito: A
Comentário:
Trecho da questão:
“Na condição fundamental dos cátions, conforme foi descrito no texto, é correto
afirmar que, o elemento que tem o seu orbital mais energético e em condição de me-
nor estabilidade é o”
Argumento:
A equipe de Química considera que o autor da referida questão deveria ter utilizado a
expressão “subnível mais energético”. Além disso, discutir estabilidade entre cá-
tions envolve conteúdos que extrapolam as fronteiras delineadas pelos programas
de Ensino médio.

Questão: 31
Gabarito: D
Comentário: Eletroquímica – Pilhas
Li+ + e  Li E° = -3,05V I2 + 2e  2I- E° = +0,54V

Como o Li tem menor E°redução ele será ânodo, polo negativo da pilha.

Como o I2 tem maior E°redução ele será cátodo, polo positivo da pilha.

I. O lítio metálico é o polo negativo que se oxida durante o funcionamento do mar-


ca-passo.
Verdadeiro
II. O complexo de iodo é o catodo, parte da pilha que receberá elétrons contribuindo
para o funcionamento do marca-passo.
Verdadeiro
III. A soma dos menores números inteiros dos coeficientes estequiométricos da
equação global da bateria utilizada no marca-passo é igual a 7.
Verdadeiro – 2Li + I2  2Li+ + 2I-

Todas são verdadeiras


Questão: 32
Gabarito: D
Comentário:
Assunto: Radioatividade

Sendo elementos traçadores aqueles que posicionam e indicam modificações no processo,


eles devem estar em ambos lados da equação química. A única reação que não apresenta
modificação de posições, apresentando completa mudança é a letra D.

Questão: 33
Gabarito: C
Comentário:
OH

CH2 ═ C — CH3 + H2O → CH3 — C — CH3
│ │
CH3 CH3
Composto X álcool terciário

Combustão

H H O
│ │ ║
1H—C═C— C—H + 6 O2 → 4 C + 4 O
│ │ ║
C–C–HH O H H

H
ΔHcombustão = Eabsorvida – Eliberada.

O

( ) ( ()
ΔH = 8 · (C—H) + 2 · (C—C) + 1 · (C═C) + 6 · (O═O) – 8 · C + 8 · (O—H) )
( ) (
ΔH = 8 · (412) + 2 · (348) + 1 · (612) + 6 · (469) – 8 · (743) + 8 · (463))
ΔH = 7418 – 9648

ΔH = – 2230

Aproximadamente 2200 kg liberados


Questão: 34
Gabarito: B
Comentário:
Modelos Atômicos – Niels Bohr
A) O modelo de Bohr oferece uma explicação para o espectro de linhas do átomo de hidro-
gênio e não pode explicar o espectro de outros átomos.
FALSA B) A probabilidade de encontrar o elétron em torno do núcleo é descrita sob o as-
pecto de orbitais.
C) Os elétrons existem apenas em níveis de energia distintos que são descritos pelo núme-
ro quântico principal.
D) A energia está envolvida na movimentação de um elétron de um nível energético para
outro.

Questão: 35
Gabarito: B
Comentário:
(F) O 𝐶𝑂2 é um gás incolor.
(V) Ataca pelo menos um dos três fatores que compõem o fogo: calor excessivo, materi-
al combustível ou a substância comburente.
(V) A temperatura constante não varia a energia cinética.
𝑃𝑜.𝑉𝑜 𝑃𝐹.𝐹
(F) =
𝑇𝑜 𝑇𝐹
𝑃𝑜⁄
𝑃𝑜 . 10𝐿 = 2 . 𝑉𝐹
𝑉𝐹 = 20𝐿
Questão: 36
Gabarito: B
Comentário:
I)

+ HCl ZmCl2 + H2O

OH Cl
II)

. KMnO4 .I
H2SO4
OH O

III)

H2SO4 + H2O

OH

Questão: 37
Gabarito: D
Comentário:
I. Falsa
Para a alternativa ser correta a proporção apresentada deveria ser 1:5 entre
𝑁𝑎 𝐶𝐻3 𝐶𝑂2 e 𝐶𝐻3 𝐶𝑂𝑂𝐻 .
II. 𝑷𝒉 = 𝟒, 𝟕𝟓 + 𝐥𝐨𝐠 𝟓⁄𝟏 = 𝟓, 𝟒𝟓

Questão: 38
Gabarito: C
Comentário:
𝑉 = 𝑘. [𝐻𝑔𝐶𝐿2 ] 2 . [𝐶2 𝑂42− ] 1

Utilizando p experimento 1, calcular k:

4,92. 10−2 = 𝐾. (200)2 . (100)1

4,92. 10−2
𝐾= = 1,23. 10−8
4. 106
𝑉 = 1,23. 10−8 . (120)2 . (150)

𝑉 = 1,23. 10−8 . 2,16. 106

𝑚𝑚𝑜𝑙
𝑉 = 2,67. 10−2
𝐿. 𝑆
Questão: 39 Solicitamos anulação da questão.

Gabarito: B
Comentário:
Trecho da questão:

( ) Apresenta caráter crescente de metal de cima para baixo e alguns elementos utilizados
como semicondutores; a camada de valência semipreenchida desses elementos lhes dá as
propriedades especiais que estabelecem a linha divisória entre os metais e os não metais.

Argumento:

A equipe de Química considera que as expressões destacadas podem, devido à falta de


clareza, comprometer a compreensão da referida questão.

( ) Propriedades químicas e físicas desses elementos variam bruscamente nesse grupo; o


subnível mais externo é o mais energético, e todos os elementos têm os seus orbitais mais
energéticos semipreenchidos.

Argumento:

A equipe de Química considera que o autor da referida questão a expressão “orbitais mais
energéticos semipreenchidos” deveria ser substituída por “subnível mais energético com
orbitais semipreenchidos”.

Questão: 40
Gabarito: B
Comentário:
𝟒𝟎𝒈 𝑪𝑯𝟐𝟎 − 𝟏𝟎𝟎𝒈 𝒔𝒐𝒍𝒖çã𝒐
𝒏 = 𝟏, 𝟑𝟑𝑴𝒐𝒍 𝑽 = 𝟏𝟏𝟏, 𝟏𝒎𝒍
𝒎 = 𝟏𝟐 𝑴𝒐𝒍/𝒍
𝑴𝒐𝒍
𝑫𝒊𝒍𝒖𝒊çã𝒐: = 𝟏𝟐 . 𝟓𝒎𝒍 = 𝒎𝒇. 𝟏𝟎𝟎 𝒎𝒍
𝒍
𝒎𝒇 = 𝟎, 𝟔 𝒎𝒐𝒍/𝒍
Questão: 41
Gabarito: A
Comentário:
VERDADEIRO

O CaO é aplicado primeiramente para basificar o meio; em seguida, adiciona-se o Al2


(SO4)3 para formar um precipitado que se decanta lentamente, carregando para baixo par-
tículas suspensas com ele.

CaO + H2O  Ca(OH)2; Ca(OH)2 Hidróxido de Cálcio, dissocia OH-, aumentando pH, alca-
linizante.

3Ca(OH)2 + Al2(SO4)3  3CaSO4 + 2Al(OH)3, Al(OH)3, sólido gelatinoso, mais denso que a
água, precipitado arrastador das impurezas.

Questão: 42
Gabarito: C
Comentário:
Para Zn + 2AgNO3  Zn(NO3)2 + 2Ag

I. O reagente limitante é o zinco. FALSA


Zn = 2,0g (90% puro) temos: 2,0g . 0,9 = 1,8g de Zinco que reagem.
1,8g/65g.mol- = 0,027mol
AgNO3 = 100mL . 0,1mol.L- = 0,01mol
Se na reação a proporção é 1:2 (Zn-AgNO3) o excesso é de Zn.

II. A massa de prata prevista para se formar nessa reação é próxima de 1,1 gramas.
VERDADEIRO
Reagindo 0,01 mol de AgNO3 há a formação de 0,01 mol de Ag, ou seja, 1,08g  1,1g.

III. Se produziu 0,7 gramas de prata ao fim da reação; isto implica que o rendimento da
reação foi próximo de 65%. VERDADEIRO

0,7/1,08 = 0,648, ou seja 64,8%


Questão: 43
Gabarito: A
Comentário: Em cadeia aberta, para apresentar isomeria geométrica, terá que ter a se-
guinte estrutura:

R1 R3

C═C R1 ≠ R2
R3 ≠ R4
R2 R4

Para apresentar isômeros ópticas, deverá possuir carbono quiral.

Cl

*
*Carbono quiral.

Questão: 44
Gabarito: D
Comentário: Também conhecidos como Sólidos Reticulares, os sólidos covalentes são as
estruturas cristalinas que obedecem a descrição da questão.

Questão: 45
Gabarito: A
Comentário:
Síntese de Haber – Bosch:


𝑁
⏟2(𝑔) + 3 𝐻2(𝑔) ↽ 2 𝑁𝐻
⏟ 3(𝑔) + 𝑒𝑛𝑒𝑟𝑔𝑖𝑎
4 𝑉𝑜𝑙𝑢𝑚𝑒𝑠 2 𝑉𝑜𝑙𝑢𝑚𝑒𝑠

Quanto maior a produção de amônia 𝑁𝐻3 , maior será a quantidade obtida de nitrato. Diante
disso, espera-se que ocorra deslocamento de equilíbrio para a direita, ou seja, diminuir a
temperatura e aumentar a pressão.
Questão: 46
Gabarito: B
Comentário:

𝑀𝑔2+ + 2 −𝑒 → 𝑀𝑔°

2 𝑚𝑜𝑙 −
𝑒 ∶ 1𝑚𝑜𝑙 𝑀𝑔
°

2.96500𝐶 − 24𝑔

(1.5A . t)𝐶 − 50𝑔

𝑡 = 268055,565 = 74ℎ

Questão: 47
Gabarito: D
Comentário:

2 𝐹𝑒𝐶𝑙3 + 𝐶𝑢∘ → 2 𝐹𝑒𝐶𝑙2 + 𝐶𝑢𝐶𝑙2


6 𝑚𝑜𝑙 𝐶𝑙 − ∶ 1 𝑚𝑜𝑙 𝐶𝑢∘
6 𝑚𝑜𝑙 − 63,5𝑔
𝑛 − 0,1𝑔 𝑛 = 9,45 . 10−3 𝑚𝑜𝑙 𝐶𝑙 −

9,45 .10−3
[𝐶𝑙 − ] = [𝐶𝑙 − ] = 0,037 𝑚𝑜𝑙⁄𝐿
250 .10−3

Questão: 48
Gabarito: A
Comentário:
I) Errada. Não existem carbonos sp na estrutura.
II) Errada. A baixa solubilidade está associada a grande cadeia carbônica. (apolar)
III) Correta. Fórmula molecular C21H26O5
Massa molar = 358 g/mol

O composto não apresenta anel aromático.


Questão: 49
Gabarito: C
Comentário:
Sólidos
Um corpo sólido apresenta forma e volume bem definidos e possui uma propriedade de-
nominada rigidez que é variável conforme o sólido. Os átomos de uma substância no esta-
do sólido estão muito próximos uns dos outros, ligados por forças de interação muito inten-
sas o que os mantém em posições determinadas, definindo assim sua forma e rigidez.

Líquidos
Uma substância no estado líquido tem volume definido, mas não tem forma própria, toman-
do a forma do recipiente em que está contido. Os líquidos não têm a rigidez característica
dos sólidos, por isso, a resistência de suas superfícies ou tensão superficial é pequena e os
líquidos apresentam o que chamamos viscosidade. Os óleos, por exemplo, escoam com
pouca facilidade, possuindo alta viscosidade. O fato dos líquidos esparramarem-se sobre
as superfícies é devido a procura por um menor potencial gravitacional. As moléculas nos
líquidos apresentam-se mais afastadas do que nos sólidos, pois sendo a força de interação
mais fraca o que permite que elas se desloquem com certa facilidade. Assim, forças exter-
nas, por exemplo, a força gravitacional, podem fazer com que as moléculas troquem de
posição, fazendo com que o líquido flua ou se adapte a forma do recipiente que o contém.

Gases
As substâncias no estado gasoso não possuem nem forma nem volume definidos, adqui-
rindo a forma do recipiente que as contém e ocupam todo o volume que estiver à disposi-
ção. Além disso, um gás pode ser comprimido reduzindo seu volume. Nos gases os átomos
e moléculas possuem grandes distâncias entre si, quando comparadas com os líquidos e
sólidos, portando, a interação molecular é muito fraca ou desprezível e por isso variam na
forma e no volume facilmente.

Questão: 50
Gabarito: D
Comentário: A efedrina (C10H15OH) é um estimulante do sistema nervoso central, utilizado
em borrifadores nasais como um descongestionante, e este composto é base orgânica fra-
ca. A equação a seguir representa a transformação de C 10H15OH em C10H15ONH+ num sis-
tema em equilíbrio:
C10H15OH(aq) + H2O(l) ⇌ C10H15ONH+(aq) + OH–(aq)

Considere que uma solução de efedrina, cuja concentração é igual a 0,05 mol/L, está em
pH=12. Após ajustar o pH de 12 para 9, o sistema entrou em equilíbrio.

Na condição de equilíbrio, é correto afirmar que as concentrações em mol/L de C10H15OH e


C10H15ONH+ são, respectivamente, próximas de:

A) 0,1 e 0,01.
B) 0,01 e 0,05.
C) 0,01 e 0,1.
D) 0,05 e 0,01.
COMENTÁRIOS DA EQUIPE
1º Argumento
Consideramos o equilíbrio equivocado, uma vez que a efedrina não pode ser presentada
pela fórmula C10H15OH, como registra-se no Pubchem, em: (acessado em 17 de dezembro
de 2018) - https://pubchem.ncbi.nlm.nih.gov/compound/Ephedrine#section=Top;
Mas consideramos que a forma C10H15ONH+ é a representação de um de seus estados
conjugados1, entretanto não é apresentada na equação, nos reagentes, o nitrogênio amíni-
co responsável pelo caráter básico da molécula.
Sugere-se que o equilíbrio deveria ser escrito:
C10H15ON(aq) + H2O(l) ⇌ C10H15ONH+(aq) + OH–(aq)
Analisando a pergunta:
Na condição de equilíbrio, é correto afirmar que as concentrações em mol/L de C10H15OH e
C10H15ONH+ são, respectivamente, próximas de:
E, notando que a espécie, C10H15OH, não existiria no sistema, a questão apresenta uma
falha.
Referências: 1 - Https://pubchem.ncbi.nlm.nih.gov/compound/6922965#section=Top

2º Argumento
A questão não mostra a maneira que o pH foi ajustado, o que nos colocaria em algumas
situações como uma diluição ou adição de ácido.
Com o exposto temos:
i. Diluição
Se o sistema fosse diluído teríamos:
De pH = 12, pOH = 2, logo [OH-] = 10-2M; para pH = 9, pOH = 5, logo [OH-] = 10-3M; isso
nos remete uma diluição 1:1000.
Para essa diluição, sob aspecto do Balanço de Massas, nenhuma das opções estaria cor-
reta.
Nota: BALANÇO DE MASSAS
O BALANÇO DE MASSA, também chamado de balanço material, é uma consequência da
Lei da Conservação das Matéria. O balanço de massas afirma que a quantidade de todas
as espécies numa solução contendo um átomo em particular (ou grupo de átomos) precisa
ser igual ao total daquele átomo (ou grupo) adicionado à solução.
Comentário geral da área de Biologia

A prova de Biologia apresentou uma distribuição abrangente dos conteúdos da disciplina.

Assuntos como Citologia, Genética, Fisiologia, Ecologia, Botânica, Embriologia, Evolução e


Doenças fizeram parte do contexto da avaliação.

Observou-se também questões atualizadas relacionadas a problemas do cotidiano social e


clínico da sociedade.

De forma geral, as questões tiverem boa distribuição quanto ao nível de dificuldade. Res-
salva apenas para a questão de heredogramas que é passível de anulação.

A equipe de Biologia considerou, portanto, a prova satisfatória e adequada ao que se pro-


põe.

Abraços.

Gustavão