Você está na página 1de 168

JOGOS, BRINCADEIRAS

&
ENIGMAS BÍBLICOS
Manual de brincadeiras bíblicas
para adolescentes e jovens

Wolmer Hippe Júnior

H O SA N A

Compromisso com a verdade


ISBN: 85 - 86939 44-1
-

Categoria: Entrentenimento

© 2002 por Editora Hosana Ltda

Editoração e capa:
Spress

Preparação e revisão de texto:


Jo ã o Lira

Todos os direitos reservados por:


EDITORA HOSANA LTDA
CGC: 0.208.462.804/ 0001-38
Av.: Inconfidência Mineira, 2040 - Vila Antonieta
03476-010 - São Paulo/SP
Tel: (011) 6724-5998 - Fax: (011) 6727-4854
email: editorahosana.com.br

Filiado a:
"Para o insensato, praticar a maldade é divertimento; para o homem
inteligente, o ser sábio”
(Pv 10.23)

"Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia
mau e, havendo feito, perm anecer inabaláveis"
(Ef 6.13)
1SSII1SSIS

AGRADECIM ENTOS............................................................ 9

INTRODUÇÃO ...................................................................... 11

JO G O S .....................................................................................13
• D icas & d e v e re s.......................................................14
• C orridas........................................ .............................. 15
• B a lõ e s........................................................................... 17
• C aça & p e s c a ............................................................18
• O u tro s .................................................................... . . . 1 9
• Jo g o s de p a la v ra s....................................................22
• B íb lic o s ........................................................................31
• R a cio cín io .................................................................. 3 7

CURIOSIDADES & R E C O R D E S ...................................41


• E s c r ita ............................. ...........................................41
• P aráb o las....................................................................4 4
• V id a ............................................................................ 4 5
• M o rte s ............................................... ......................... 4 7
• A n jo s ............................................................................4 9
• A doração.....................................................................4 9
• H om em ........................................................................5 0
• P ro e z a s........................................................................ 53
• M ilagres.......................................................................55
A p óstolos......................................................................6 0
R e in a d o ............................ ................................. . 61
S a n tu á r io s ................................................................... 61
íd olos..............................................................................63
F eiticeiro s................................ ................................... 6 4
A n im a is......................................................... ....... . . . 6 5
Fenôm enos da n a tu re z a ........................................ 6 6
D iversos.........................................................................68

PERGUNTAS.................................... ............................. . . . 71

CHAVE DE PERGUNTAS................................................145
• R espostas b íb lic a s.................................................. 164

BIBLIOGRAFIA.............................................................. 173

O
r

Não h á como não a g ra d ec e r prim eiram ente ao nosso


D eu s e Pai q u e f e z todas a s coisas, nos salvou, nos
ju stifico u e nos glorificou e m Cristo J e s u s , o qual devo
todo o m eu s e r e viver.
A g ra d e ço ta m b ém à m in h a a m a d a e s p o s a M aria
B en ed ita d a Silva H ippe p e la p a ciên cia e am or a mim
d ed ica d o . À m in h a irm ã S o ra y a H ip pe, q u e m e a u ­
xiliou n a s digitações. E a todos os m eu s fa m ilia res e
irm ãos q u e contribuíram direta ou indiretam ente p a ra
q u e e s ta o b ra f o s s e concluída.
E s te trabalho é fru to d e muito estud o, d ed ica çã o e
m uitas orações.
Muito obrigado a todos vocês!

W olm er H ip p e J ú n io r
( Introdução )

A d ificuld ade p a ra encontrar bons m ateriais p a ra


p ro g ra m a r jo g o s e b rin ca d eira s bíblicas fo i u m a d a s
coisas q u e m e motivaram a elaborar e s te M anual. M eu
objetivo não é trazer aos leitores p ro g ra m a çõ es p ro n ­
tas, m as cyudá-los, com e s ta fe rra m en ta , a p rep a rá -
las.
P a ra ta n to , le m b r e i- m e d o s A c a m p a m e n t o s ,
G incanas, Intercâm bios com outras igrejas, Noite dos
Talentos, Retiros Espirituais, S e m a n a Jo v em , e sq u ete s
etc. E p rocurei selecio n a r a lgum a s b rin ca d eira s e j o ­
g o s q u e p u d e s s e m auxiliar os leitores no p rep a ro d e
entretetim entos edificantes.
Q ue e s te livro s e ja u m a bên çã o n a s u a vida, m eu
qu erido e am ado irmão e m Cristo!

W olm er H ip p e J ú n io r
Os jogos não devem ser a atração principal em uma reunião
informal. Devem haver outras brincadeiras. Por isso, a im ­
portância de se escolher um tema sobre o qual deve girar
toda a programação.

Exemplo:
Tema: "Conhecendo a história dos patriarcas".
Livro-base: Gênesis — as perguntas devem ser feitas a
partir deste livro.
Um detalhe. Os jogos devem ser diversificados e alter­
nados. Por exemplo: Se foi realizado um jogo de palavras,
a próxima brincadeira deverá ser algo prático (ou seja, de
m ovim ento), e a brincadeira seguinte deverá puxar pelo
raciocínio. Dessa forma, as reuniões não serão cansativas.
Você encontrará pessoas que gostam de jogos com cál­
culos, outras que não gostam de jogos agitados e algumas
que gostam de jogos de palavras, perguntas bíblicas e co­
nhecimentos gerais. Mas não podemos esquecer daquelas
que preferem outros tipos de jogos.
Nas brincadeiras de movimento, procure colocar parti­
cipantes do mesmo sexo e faixa etária, ou seja, homem dis­
putando com hom em , m ulher disputando com m ulher e
criança com criança. Pois, na agitação, o maior muitas ve­
zes (sem querer) acaba machucando o menor.
As perguntas devem ser diversificadas: umas fáceis e
outras um pouquinho mais difíceis, porque nem todos têm
um grande conhecimento bíblico.
A participação é fundam ental! As brincadeiras não va­
lerão a pena, ainda que bem estruturadas, se não houver
a participação de todos. Antes do início da program ação
o organizador deve procurar saber o tipo de brincadeira
que os participantes gostam. E também que livro bíblico
preferem .
Deve, ainda, observar quais brincadeiras se identificam
mais e o grau de conhecimento bíblico deles.
O organizador jam ais deve dirigir a program ação sozi­
nho. Antes, deve convidar um irmão para estar ao seu lado
e escolher dois ou três juizes para julgar se as tarefas forair
realizadas a contento.
A programação deve ser agradável, divertida, não can­
sativa e, principalmente, edificante para a igreja.
A cada resposta certa ou tarefa concluída, o grupo ven­
cedor deve ser presenteado com um bombom. Isso motiva­
rá outras pessoas a participarem da programação.
As respostas das questões dos jogos encontram -se eir
páginas separadas para que o leitor não as encontre com fa­
cilidade. Isso o ajudará nas brincadeiras.

DICAS & DEVERES


O dirigente
Suas responsabilidades:
• Dividir o grupo em equipes. Caso queira que os pr:
prios participantes façam isso, deverá cuidar para que u r
grupo não fique mais forte que o outro.
• Ditar as regras antes de iniciar cada jogo ou brincadeir:
• Ser imparcial, não privilegiando nenhuma equipe.
• Não deixar que uma equipe atrapalhe a outra durar.-
a realização de uma tarefa.
• Ser rigoroso com os horários para que não haja perc;
de tempo em um só jogo ou brincadeira.
A equipe
Suas responsabilidades:
• Escolher um nome para o grupo (que poderá ser de
acordo com o tema da programação). Caberá ou não ao lí­
der do grupo escolher o nome.
• Escolher o representante do grupo. A pessoa eleita fi­
cará encarregada de responder as perguntas dirigidas à
equipe, e também de toda e qualquer reclamação encam i­
nhada a ela.
• Participar de todos os jogos e brincadeiras.
• Respeitar as decisões do dirigente do grupo.

CORRIDAS
Corrida de saco
Nada de novo. Cada participante receberá um saco e
colocará os pés dentro dele e o puxará até a altura da cintu­
ra (ou mais alto, como lhe for melhor.).
Em seguida, todos os participantes deverão ficar na li­
nha de partida marcada no chão. Quando estiverem pron­
tos, ao sinal do dirigente, deverão correr, ou melhor, pular
segurando os sacos à altura da cintura até ultrapassarem a
linha de chegada. Ganha aquele que conseguir passar a li­
nha de chegada primeiro.

Corrida com jornal


O dirigente colocará uma folha de jornal no pé de cada
participante. Ao sinal de partida, dado pelo dirigente, to­
dos deverão correr em cima das folhas de jornal na direção
da linha de chegada, colocando uma folha na frente da ou­
tra. Ganha aquele que chegar primeiro sem colocar o pé fora
do jornal (se pisar fora do jornal será desclassificado).
Corrida das pernas
É uma brincad eira m uito engraçada, principalm ente
quando as duplas são formadas por casais ou pais e filhos
(a diferença de altura entre eles atrapalha a corrida).
Uma vez formada as duplas, os componentes deverão
amarrar a perna uma na do outro (ou seja, a direita de mi­
na esquerda do outro) e se colocarem próximos à linha de
partida. Ao sinal do dirigente, deverão correr em direção
da linha de chegada. Ganha a dupla que cruzar a linha de
chegada primeiro.

Corrida com ovos


Cada participante receberá uma colher e um ovo cozi­
do. Em seguida, deverão segurar a colher pelo cabo e colo­
car o ovo na concha da colher. Até aqui nada de novo. A
novidade consiste em colocar nos pés de cada participante
uma espécie de tamanco (ou seja, latas amarradas, pernas
de pau, etc.) para dificultar a corrida.
Todos deverão ficar próximos à linha de partida marcad:
no chão e, ao sinal do dirigente, deverão correr com a colhe:
na boca, sem deixar cair o ovo da concha da colher e se r
segurar a colher com a mão.
Ganha aquele que ultrapassar a linha de chegada primeirc

Corrida com obstáculos


Coloque vários obstáculos na pista onde se fará a corri- i
da (pneus, latas, bolas etc.). Os participantes, que deverãc
estar com tamancos (latas amarradas, pernas de pau, etc.
se postarão próximos à linha de partida. Ao sinal do diri­
gente, deverão correr, sem tirar os tamancos, em direção d:
linha de chegada. Ganha aquele que cruzar a linha de che­
gada primeiro.

Do balde à garrafa
Coloque em uma mesa tantas garrafas quanto o númer:
de participantes e um balde com água a uma certa distâr
cia. Dê a cada participante um copo.
Ao sinal de saída, eles deverão correr até o balde, encher
o copo, voltar e colocar a água dentro da garrafa. Ganha quem
conseguir encher prim eiro a garrafa até a m arcação pré-
definida pelo dirigente do jogo.
Muito mais divertido e engraçado será colocar tam an­
cos (latas amarradas, pernas de pau, etc.) nos participantes
e obstáculos na pista.

BALÕES
Estoura balão
O dirigente deverá form ar um a fila de cinco pessoas
e colocar uma cadeira distante dos participan tes. Podem
ser vários grupos de cinco. Em segu ida, en treg ar a um
dos p articip an tes um a bola de gás (bexiga). Ele deverá
encher a b exiga, correr e sentar em cim a dela na cad ei­
ra. D epois, pegará outra bola de gás vazia e en treg ar à
pessoa que estava atrás para fazer o m esm o, e assim su ­
cessivam ente, até que todos tenham com pletad o a ta re­
fa. G anha o grupo que conseguir con clu ir prim eiro a ta­
refa.

Dança com balões


O dirigente deverá am arrar uma bola de gás no calca­
nhar dos hom ens casados, que dançarão com suas respec­
tivas esposas. As esposas tam bém estarão com uma bola
de gás am arrada no calcanhar. Ao in iciar a m ú sica, os
hom ens deverão estourar as bolas de gás uns dos outros.
As mulheres agirão da mesma forma. Os homens não po­
derão estourar as bolas de gás das mulheres nem as mulheres
as dos homens. Ganha o casal que permanecer intacto ou
for o último a ter uma das bolas de gás estourada.
Desafio com balões
O dirigente deverá pedir a alguém para escolher um casal
do próprio grupo. Depois, soltar balões, um a um, no ar
para que esse casal mantenha-os flutuando, sem os deixar
cair no chão. No final, vencerá o grupo cujos casais conse­
guirem manter o maior número de bexigas no ar.

Balões premiados
O dirigente deverá encher vários balões (bolas de gás) e
colocar bilhetinhos dentro deles. Apenas um terá o bilhete
premiado. Ao sinal do dirigente, os participantes deverão
estourar os balões até encontrarem o bilhete premiado.

CAÇA & PESCA


Caça ao tesouro I
O dirigente deverá dar aos participantes (ou grupos) um
bilhete com um versículo bíblico escrito cuja mensagem
indicará o ponto de partida da brincadeira Por exemplo:
Lucas 22.30 fala em mesa. A mesa, nesse caso, será o objeto
de procura. Mateus 23.6 fala em cadeira. O grupo deverá
achar esse objeto. Por fim, os participantes deverão encon­
trar o bilhete com o versículo de João 3.16. O vencedor será
o grupo que concluir a tarefa primeiro.

Caça ao tesouro II
O dirigente deverá preparar quantos potes e caixinhas
puder. D epois disso, colocar em um dos potes uma flor
de papel. Isso feito, pôr todos os potes em uma caixa de
papelão, cobrindo-as com papéis picados. Os represen­
tantes dos grupos, que deverão estar distantes da caixa,
ao sinal do dirigente, correrão até a caixa para encontrar
o pote com a flor. Ganha aquele que encontrar o objeto
prim eiro.
r )
OUTROS
Bolinhas de algodão
Este jogo consiste em fazer que dois ou mais jogadores
transportem bolinhas de algodão de uma tigela para outra,
por meio de uma colher e com os olhos vendados. O diri­
gente deverá estipular um tempo para a conclusão da tare­
fa: dois minutos, no máximo.
É um jogo bem divertido, pois, ao tentarem transportar
as bolinhas com rapidez, o jogador não as sentirá caindo,
porque são muito leves. O vencedor será aquele que trans­
portar o maior número de bolinhas de uma tigela para a outra.

Teatrinho rádio-TV
O dirigente deverá dar uma frase para cada grupo para
que os componentes a completem com uma história de sua
própria imaginação, como se fosse uma radionovela ou se­
riado de TV. Exemplo:
— Noé estava dentro da arca quando percebeu que...(o
grupo continua a frase com sua imaginação).
— Moisés estava atravessando o mar quando viu que...
— Pedro estava costurando a rede de pesca quando no­
tou que...

Fotografias
É uma brincadeira muito engraçada, que tirará muitos
risos dos participantes. O dirigente deverá pegar fotogra­
fias antigas de alguns irmãos da época em que eles eram
crianças (ou bebês) e mostrar para a equipe para que tente
acertar o nome da pessoa da foto.

Bilhetinhos sociais
O correio elegante é muito comum em um encontro de
amigos, jantares e passeios, entre outras atividades. Todos
deverão escrever um bilhetinho para quem quiser (ou para
todos). Pode ser um recadinho, um poema, uma declaração
de amor, entre outras coisas. Os participantes devem ter o
cuidado de não ofender ninguém. Os componentes devem
escolher dentro dos respectivos grupos uma pessoa para
recolher, analisar e ditar cada bilhetinho, respeitando o di­
reito de todos.

Irmão secreto
Quem não se lembra do amigo secreto? Pois bem, a brin­
cadeira que vamos realizar agora é semelhante. Só que, em
vez de bilhetinhos com os nomes dos participantes, deve­
rão ser colocados personagens da Bíblia. A vantagem é que
não terá como alguém pegar o seu próprio nome e nem saber,
por antecedência, quem ele pegará. Os bilhetes deverão ser
distribuídos para oito participantes de acordo com o exemplo
abaixo. Note que o irmão secreto do último bilhete é o per­
sonagem do primeiro bilhete, formando assim um ciclo de
personagens.

I Você será: Paulo ;i Você será: Pedro


Seu irmão secreto será: Pedro) Seu irmão secreto será: Abraão
I ............:...;..;............ —............ '
Você será: Ismael Você será: Abraão
Seu irmão secreto será: Jacó . Seu irmão secreto será: Moisés
Você será: Jacó Você será: Moisés ____
Seu irmão secreto será: Esaú 5 Seu irmão secreto será: Isaque

Você será: Esaú 1 Você será: Isaque


Seu irmão secreto será: Paulo. Seu irmão secreto será: Ismael

O dobro e o triplo da idade


Você sabe qual era a minha idade quando eu tinha o dobro
i a sua idade? E o triplo dela?
iogo das diferenças de idades pode ser resolvido
: : ~ um simples cálculo:
r Sendo:
A = Idade atual do mais velho.
B = Idade atual do mais novo.
C = Idade do mais novo quando o mais velho tinha o
dobro da idade dele.
D = Idade do mais novo quando o mais velho tiver o triplo
da idade dele.

Fórmula:
A— B=C
C%2=D

Exemplo:
Carlos tem 36 anos e José 28. Então:
A -36
B = 28
36 — 28 = 8

Logo: José tinha 8 anos quando Carlos tinha o dobro da


sua idade, ou seja, Carlos tinha 16 anos.

Continuação
8%2=4

Logo: José tinha 4 anos de idade quando Carlos tinha o


triplo da sua idade, ou seja, Carlos tinha 12 anos.

Muito fácil!!!

Cartolinas
São muito úteis nos jogos. Pode-se, por exem plo, fazer
um jogo de palavras cruzadas e colocar em duas cartolinas
para que dois grupos disputem para ver quem conclui mais
rápido e acerta mais.

Diversos
Além desses jogos, podem ser realizados campeonatos
de vôlei, fu teb ol, tênis de m esa, natação (com ou sem
revezam ento), jogo de xadrez, jogo de damas (sim ples e
triangular — veja figura abaixo) etc.

D a m a s sim p les D am as tria n gu la r

A Bíblia TEM contradição sim!


Vejamos isso. Na tradução Almeida Revista e Atualizada
encontramos "contradição" em Lucas 2.34 e em ITimóteo 6.20.
Na tradução Almeida Revista e Corrigida, em Hebreus
7.7, Judas 1.11 e em Hebreus 12.3.

Você não pensou que eu estivesse falando de outra coisa, não


é? Afinal, a Bíblia não contem erros porque ela é a Palavra de Deus,
e Deus não erra nunca. Existem, sim, dificuldades em algumas
passagens bíblicas, mas nada que um bom estudo não explique.

JOGOS DE PALAVRAS
Sem consoantes
É um a espécie de enigm a em que se escolh e algum
versículo e substitui as consoantes do texto por traços ( _ ) .
Deve-se colocar o livro, o capítulo e o versículo no final. Ex.:
"O _e__ o_ é o _eu _a___o_: _a_a _e _a_ _a_á ".
Salmo 23.1

Sem vogais
Idêntico ao anterior, sendo que agora são as vogais dos
versículos que deverão ser substituídas por traços (_ ) . Deve-
se tam bém colocar o livro, o cap ítu lo e o v ersícu lo no
final. Ex.:
"_ S_n h _r____ m p_st_r: n_d_ m_ f_lt_r_". Salmo 23.1
Sumiço de partes
Igual aos dois anteriores. Depois de escolher o versículo,
substituir partes do texto por traços ( _ ). Deve-se também
colocar o livro, o capítulo e o versículo no final. Ex.:
" O _________ é o m e u __________nada m e ___________
Salmo 23.1

Provérbio embaralhado
O dirigente deve escrever em um quadro-negro ou em
uma cartolina, alguns provérbios ou versículos com as le­
tras ou palavras embaralhadas. Os participantes deverão
acertar os provérbios ou versículos escolhidos. Exemplo:
"é pastor faltará nada Senhor O me o m eu" (Salmo 23.1).
ou
"O nohreS é o ume topras aand em taraáfl (Salmo 23.1).

Coloque os livros em ordem correta


Este jogo consiste em falar ou colocar os livros bíblicos
na ordem correta. Tanto do Antigo quanto do Novo Testa­
mento, os livros podem estar embaralhados. Os participan­
tes deverão falar ou marcar com um círculo a seqüência cer­
ta dos mesmos. Exemplo: o líder começa com Mateus, o par­
ticipante da direita diz ou marca Marcos, e assim por diante.

Maratona de personagens
O dirigente deverá escolher pelo menos duas pessoas
(podem ser dois líderes de grupos). A primeira pessoa m en­
cionará um personagem bíblico. A segunda, outro perso­
nagem que comece com a última letra do personagem m en­
cionado pela primeira, e assim por diante. Os nomes já men­
cionados não poderão ser repetidos. Perde quem não con­
seguir lembrar o nome de nenhum personagem para conti­
nuar a maratona. Exemplo:
M ateus - Salomão - O badias - Saul - Levi - Isaque - Elias
- Sadraque - Eliseu...
GZZZ)
Tira fora!
O dirigente deverá ditar 3 ou 4 nomes de lugares : _
pessoas e os participantes (grupos) tentarão dizer qual de­
las está fora do contexto. Exemplo:
1- Pedro, Tiago, Herodes e João - resp.: Herodes ( nãc e
apóstolo)
2- Jerusalém, Judéia, Samaria e Galiléia - resp.: Jerus: -
lém (é uma cidade, as outras são províncias).
3- Moisés, Timóteo, Samuel e Isaías - resp.: Timóteo (nã:
faz parte do Antigo Testamento).
4- Mateus, Marcos, Lucas e Josué — resp.: Josué (não faz
parte do Novo Testamento).
5- Jerem ias, Isaías, Ageu e Isaque — resp.: Isaque (nãc e
profeta).
6- Rúben, Simeão, Levi e José — resp.: José (não é filhe
de Lia).

Jogo da velha
Este jogo deverá ser disputado entre duas pessoas (ou
dois grupos). O líder a com andará. D eve-se m ontar urr
quadro aberto de 3 casas por 3 casas. Os participantes de­
verão escolher respectivamente a letra que lhe corresponderá
(ou ao seu grupo): " O " ou "X ". Jogo: o primeiro participante
escolherá uma das casas, então o líder fará uma pergunta
se o participante acertar, será marcado a letra correspondente
a ele (ou ao seu grupo). Se errar, será marcada a letra cor­
respondente do outro participante. Ganha o primeiro que
conseguir completar uma linha reta. Seja na vertical, hori­
zontal ou diagonal. Dica: use perguntas do tipo "verdadei­
ro ou falso".
Exemplo do quadro e do jogo:

X 0
X
0 X
Trocadilho de palavras
Os participantes deverão form ar frases verdadeiras e
bíblicas iniciando a palavra seguinte com a mesma letra da
palavra anterior. Podem ser usados artigos e preposições
de duas letras diferentes para dar seqüência à frase. Será obri­
gatório mostrar o livro, o capítulo e o versículo em que a
frase foi baseada. Ganha quem conseguir formar a frase com
o maior número de palavras. Exemplo:

"F ilip e falou de fato fielm ente da fé e da fidelidade do


Filho, e as fam ílias ficaram felizes" (Atos 8.6-8).
"Pedro pôs o paralítico em pé, porque Pedro pôs Pala­
vra em prática" (Atos 9.33 e 34).
"Paulo partiu de Pafos para Perge da P an fília, porque
Paulo precisava pregar a Palavra" (Atos 13.13).

Quem sou eu?


Trata-se de um jogo muito interessante para desafiar o
conhecimento de todos. O dirigente escolherá um personagem
ou lugar e fará perguntas com enigmas aos participantes,
que deverão acertar o personagem ou o lugar. Exemplo:

1. De mim surgiu uma grande nação. (Se acertar - 5


pontos)
2. Meu pai creu em Deus e isto lhe foi imputado para
justiça. (3)
3. Fui circuncidado junto com meu pai. (1)
r.: Ismael (Gênesis 15.6; 17.20,26)

Quem sou eu, em versos?


Uma variante do jogo acima, mas as perguntas são fei­
tas em versos, como nos exemplos abaixo:

"Com gritos clamei


A seu chamado atendi
Minha capa deixei
A meu Senhor logo vi!
Quem sou eu?
r.: Cego Bartimeu (Mc 10.46-52).

Quando fui servido


numa bandeja de prata
Já se havia cumprido
o ministério do que clamava!
Quem sou eu?
r.: João Batista (Mt 3.3; 14.10s).

Está escrito na Bíblia?


O dirigente deverá ditar algum provérbio, versículo, cu­
riosidade ou ditado popular e perguntar: "Está escrito na
Bíblia?". Exemplos:
• O amor do dinheiro é a raiz de todos os males... (lT i-
móteo 6.10).
• Quem se compadece do pobre ao Senhor empresta...
(Provérbios 19.17).
• Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura! (não
tem).
• De mil passarás, mas a dois mil não chegarás (não tem).
• A palavra do povo é a palavra do Senhor Deus de Is­
rael (não tem).

Caça-palavras na Bíblia
O dirigente escolherá uma palavra difícil de ser encon­
trada e dirá em que livro da Bíblia se encontra. Os partici­
pantes deverão procurar até encontrar a palavra escolhida.
Ganha o primeiro que disser o capítulo e o versículo em que
a palavra se encontra.
Exemplos:

Palavras a serem encontradas ARC ARA


Abjetos (Salmo 35.15) X X
Arco-íris (Apocalipse 4.3) X
Barbeou (Gênesis 41.14) X X
Bem feito! (Ezequiel 25.3, 26.2, 36.2) X
Brincadeira (Provérbios 26.19) X X
Calvo (2Reis 223) X X
Calvos (Ezequiel 27.31) X X
Compasso (Isaías 22.12) X X
Crrreios (Ester 3.13) X X
Custódia (2 Samuel 20.3, Atos 25.21). X
Fechadura (Cantares 5.5) X X
7:lactérios (Mateus 23.5) X X
Pulano (Rute 4.1) X X
Gelo (Salmo 147.17) X X
Gentes (Esdras 4.4) X
Guarda-roupa (2Reis 22.14) X
Latoeiro (2Timóteo 4.14). X X
L rngevidade (IR eis 3.11) X
Marmita (ISam uel 2.14) X X
Medicina (Provérbios 16.24) X
Metrópole (2Samuel 8.1) X
Mosquito (Mateus 23.24) X X
>."ão faz mal (2Reis 4.23) X
'.apadura (Isaías 22.12) X
J elógio (2Reis 20.11 e Isaías 38.8) X X
Tabuinha (Lucas 1.63). X X
Vassoura (Isaías 14.23) X X
X : xô! (Isaías 27.8). X

ARC — Almeida Revista e Corrigida.


ARA — Almeida Revista e Atualizada.
( )
À procura do parente
O dirigente escolherá o parente de um personagem bí­
blico e pedirá aos participantes para dizerem o nome des­
se parente. Exemplos:

1. Qual o nome do marido de Orfa, nora de Noemi?


R.: Já que Malom é marido de Rute, Quiliom só pode ser
marido de Orfa (Rute 1.2 e 4.10).

2. Qual o nome da mãe de Tiago (maior) e João?


R.: Salomé (compare Mateus 4.21, 27.56 e Marcos 15.40).

3. Qual o nome da irmã de Ló que se casou com seu tio?


R.: Milca (Gênesis 11.27-29).

4. Qual o nome do primo de Ester?


R.: Mordecai (Ester 2.7 e 15).

5. Q ual o nom e do avô paterno de Sara, esposa de


Abraão?
R.: Naor, por ser irmã, Sara tem o mesmo avô de Abraão
(Gênesis 11.24-26 e 20.12).

6. Qual o nome do primo de Barnabé?


R.: Marcos (Colossenses 4.10).

7. Quem é a avó da morte?


R.: A cobiça (ARC - concupiscência, Tiago 1.15).

Quadrado de palavras diversas


O dirigente deverá desenhar quadrados em uma folha
de papel (ou em uma cartolina) e escrever algumas pala­
vras para que os participantes ditem seus sinônimos ou sig­
nificados. Exemplo:

Horizontais — 1-Combate, 2- Filho de Sete (Gn 4.26), 3-


Vara de videira, 4- Encolerizar.
" --------------------------------------------------------- 1 _________________ )
Verticais — 1- Filho de Jacó (Gn 29.34), 2- Ligar, 3- Com­
pleta, 4- Tribo de Israel.

L U T A
E N O S
V I DE
I R A R

Horizontais — 1-Esposa de Abraão (Gn 11.29), 2- Assim


seja, 3- Casamento, 4- Filho de Jacó (Gn 35.26).
Verticais — 1- Rainha que provou a Salomão , 2- Profe­
ta, 3- Usado por pescador, 4- Verbo do amor.

S A R A
A M E M
B O D A
A S E R

Horizontais: 1- Restabelecimento da saúde, 2- Tribo de


Israel, 3- Diná em relação a Isaque, 4- Dom supremo.
Verticais: 1- Cidade da Galiléia, 2- Façam uso de, 3- ín ­
tegro, 4- Lavrar com arado.

C U R A
A S E R
N E T A
A M O R

Outros exemplos:

A N J O P E S O BODE S AMA
D OAR E D O M A D I R I R A R
A L F A L E M E A R A R S A R A
R O E R O R A R L E S O OMER
J O S E S A R A DAV I J O S E
A V E S A T O R U N I R AMAR
F O C A MODA R A C A F E B E
E S A U A S E R A S E R E R A S

Quadrado de palavras em espelho


Este jogo é muito parecido com o anterior. A diferenç;
é que a palavra escrita na linha horizontal será a mesma d;
linha vertical.
Exemplo:
Horizontais e verticais: 1- Esposa de Abraão (Gn 11.29
2- Livro do Novo Testamento, 3- Discípula que reconhecei
Pedro pela voz (At 12.13), 4- Tribo de Israel (Nm 1.41).

S A R A
A T O S
R O D E
A S E R

Horizontais e verticais: 1- Pão que Deus mandou do cé‘_


(Êx 16.14-15), 2- Assim seja, 3- Rei que incendiou Roma, 4-
Dom supremo (IC o 13.13).

M A N A
A M E M
N E R O
A M O R

Horizontais e verticais: 1- Rainha que provou a sabedo­


ria de Salomão (lR s 10.1), 2- Dom supremo (IC o 13.13), 3-
M oisés era pesado de ? (Êx 4.10), 4- Lavrar com arado.

S A B A
A M O R
B O C A
A R A R

O
Horizontais e verticais: 1- Usado por pescadores, 2-Jar-
dim plantado por Deus (Gn 2.8), 3- O gigante de Gate que
tinha 24 dedos (2Sm 21.20), 4- Filho de Sete (Gn 4.26).

R E D E
E D E N
D E D O
E N O S

Horizontais e verticais: 1- Esposa de Abraão (Gn 11.29),


2- Dom supremo (IC o 13.13), 3- Incendiada por Nero, 4- Ir­
mão de Moisés (Nm 26.59).

S A R A
A M O R
R O M A
A R Ã O

Horizontais e verticais: 1- Cousa nenhuma, 2- Livro do


Novo Testamento, 3- Quantidade de tribos de Israel, 4- Tri­
bo de Israel (Nm 1.20-42).

N A D A
A T O S
D O Z E
A S E R

BÍBLICOS
Arca de Noé I
Vamos ajudar Noé a organizar os casais de macacos, on­
ças, cães, cabras, gatos e cavalos, e os cachos de bananas e
os feixes de feno preenchendo um quadro igual ao exem­
plo abaixo. Sabendo que:
• Os macacos não devem ficar ao lado das onças.
• A s onças não devem ficar ao lado dos cães.
• Os cães não devem ficar ao lado das cabras.
• As cabras não devem ficar ao lado das onças.
• As bananas não devem ficar ao lado dos macacos e das
cabras.
• Os gatos não devem ficar ao lado dos cães.
• Os cavalos não devem ficar ao lado dos feixes de feno.
• Os feixes de feno não devem fica r ao lado das cabras.

macacos feno

gatos onça

cabras cavalo

cães bananas

Exemplo errado, pois as cabras estão ao lado dos cães.


Experimente!

T Viagem missionária
Em sua prim eira viagem m issionária, Paulo partiu de
A ntioqu ia da Síria, passou por todas as cidades rela ci­
onadas no quadro, exceto por Corinto e Éfeso, e retornou
novam ente à A ntioquia da Síria. Com quatro (4) traços,
risque no quadro o cam inho percorrido por Paulo. O tra­
ço não poderá ser interrom pido ou retorn ar pela m es­
ma linha.
(
M

y
Perge A n tio q u ia
Éfeso C orin to
da Síria

A n tio q u ia A tá lia D erbe S elêu cia

Icô n io L istra P afo s S a la m in a

Pescaria
A ndré pescou 32 peixes. Pedro pescou a
quantidade de peixes que Tiago tem m ais a
quantidade de João. Tiago tem o dobro de pei-
ues de João. João tem a quantidade de peixes que André pes-
_ menos a quantidade de Pedro. Quantos peixes possu-
cada um?

Elias e a viúva
A viúva da cidade de Sarepta preparou um bolo para Elias
:: ~ um punhado de farinha e um pouco de azeite. Comeu
: r.e Id a s e a viúva com seu filho (IR eis 7.9-16).
A viúva precisa de 30 minutos para preparar
b olo. 20 minutos para assá-lo e 10 minutos para
esfriá-lo. Como calculará a viúva os minutos se
r .; só tem em mãos uma ampulheta (veja figura
: .a do) de 50 minutos e outra de 30 minutos?

Os irmãos
Identifique quem é quem e coloque os nomes corretos
baixo dos desenhos.

O o

/\

Simeao é menor que Rúben e maior que Judá. Levi é maior


:ue Tudá e menor que Simeão.
Arca de Noé 2
Estavam presentes na arca durante o dilúvio um pai,
mãe, um sogro, uma sogra, quatro maridos, quatro esp c;: \1
três filhos e três noras. Quantas pessoas tinham no total'

Torre de Babel (Gênesis 11.1-9)


Preencha a torre ao lado sabendo que:
• os jebuseus só têm dois vizinhos
• os amorreus e os girgaseus moram
abaixo dos jebuseus
• os arqueus moram à esquerda dos ü
sineus e ao lado dos heveus
• os arvadeus não têm vizinhos à es­
qu erd a e não m oram ao lado dos
girgaseus
r)
• os ham ateu s m oram ao lado dos
zemareus e dos cananeus
• os sineus moram em cima dos cananeus e embaixo d :
girgaseus.

Neemias e os muros
Deus pôs no coração de Neem ias :
reconstrução de Jerusalém e de seus rrr_
ros. Saiu, pois, Neemias a rodear os m_ -
ros e a inspecioná-los (Neemias 2.12-15
Como teria de agir Neemias se quises-
se rodear os m uros de Jerusalém par:
inspecioná-los em uma única volta? Cor ­
tando apenas com um ajudante e sabendo que:
• Os dois andariam de mula.
• Cada mula bebe 3 litros de água a cada 12Km.
• Cada um deles tem apenas uma bolsa com capacida­
de para armazenar 6 litros de água.
• O muro inteiro tem aproximadamente 60Km.
• O poço de água fica dentro da cidade, perto do portãt
principal.
\s ovelhinhas
H : uve contendas entre Labão e Jacó. Decidiu então Jacó
fu i a presença de Labão (Gn 31). Com dois traços livres,
: f : r e as ovelhas de Jacó das de Labão, sabemos que Jacó
tem 10 ovelhas salpicadas, 3 malhadas e 5 listradas.

Caravana para Jerusalém


Era comum nos tempos antigos fazerem caravanas para
ir à Jerusalém (Lucas 2.41-44).
Um grupo de famílias fez uma caravana para adorar ao
Senhor em Jerusalém. Vinte por cento das famílias levavam
uma criança para cada uma delas. Metade das famílias res­
tantes levava duas crianças para cada fam ília, e a outra
metade das famílias não levava crianças. Sabendo que ha­
via um total de 20 crianças, calcule o número de famílias
que foram a Jerusalém.

Moradores
Id entifiqu e onde m ora cada pescador. Sabendo que:
Pedro mora ao lado de um vizinho que não tem morador
ao lado esquerdo. André mora ao lado de Tiago e à direita
de João. E Zebedeu tem apenas um vizinho.

1 1 ? 4 ■
5
u □ u u u u u u o u
u •

Limite das rodas


Acabe subiu ao carro e foi para Jezreel. A mão do Senhor
veio sobre Elias, que cingiu os lombos e correu adiante de
Acabe até a entrada de Jezreel (IR eis 18.45b-46).
Como Acabe faria para percorrer os 27 Km (do Carmelo
Jezreel) se cada roda só tivesse condições para percorrer
apenas 18 Km e ele tivesse somente uma roda reserva?

Questão de atenção
Tomé, um dos doze discípulos, não estava em uma das
aparições de Jesus. Quantos discípulos viram a Jesus naquele
momento?.

Enigmas
1— Certo rapaz perguntou a um sábio qual era o após­
tolo que ele mais gostava. Então o sábio lhe respondeu:
J
Se fosse um livro do Antigo Testam ento, poderia ser
_-f~esis, Êxodo, Ester ou Lamentações. Se fosse um livro do
. 0 vo Testamento, somente Gálatas seria o escolhido. Com
: ase nestas informações, que apóstolo você acha que seria
escolhido?
2 — Nasci, sai, aprendi, contei e tornei a aprender. Cin-
: : ralavras escritas por uma única mão. Quem sou eu?
? — Vinte dois sete vezes, nunca mais chorarei. Que li­
vro sou eu?
4 — Alimento recebi de fato,mas digeri-lo não pude não.
_. c terceiro dia livrei-me do prato que me causou grande
indigestão. Quem sou eu?

Soldados
Descubra quem é quem sabendo que:
César tem capacete diferente do de Marcos. Pilatos tem
; : uraça diferente da de Júlio. Júlio está descalço. Sérgio tem
:: uraça igual a de César

RACIOCÍNIO
As 8 damas
Coloque em um tabuleiro de damas oito peças de ma-
r.eira que não se encontrem verticalmente, horizontalmete
ou diagonalmente. Ou seja, não podem haver duas pe-
"\
ças nas linhas horizontais, verticais e diagonais. Existem 92
posições possíveis. Veja o exemplo abaixo:

Errado

As 48 damas
Se você não conseguiu concluir o jogo anterior, nem pre­
cisa ler esta parte. Mas se conseguiu, aí está um novo desa­
fio. Junto às oito peças, coloque mais oito de outra cor, for­
mando dois conjuntos de oito peças. Prossiga colocando mais
outro conjunto de oito peças de cor diferente das duas que
já estão no tabuleiro. Siga este procedimento até conseguir
seis conjuntos de oito peças de cores diferentes. Lembre-se
de que as peças de uma cor não poderão encontrar-se com
as outras de cores iguais, nem na vertical, nem na horizon­
tal, nem na diagonal.

Idades
Mateus tem o triplo da idade de João. Em quatro (4) anos
Mateus terá o dobro da idade de João. Qual é a idade atual
de cada um?

Através da folha
Tente fazer um buraco em uma folha de caderno com
tamanho suficiente para que você possa passar por dentro
da folha. Parece impossível, mas não é. Pode acreditar!

Idades II
José tem o dobro da idade de João. Em um ano Pedro
terá o triplo da idade de João. Sabendo que Pedro tem 26
anos, identifique a idade atual de cada um.
jk
A P
Fardos e fartos
Um ca v a lo , um b o i e um ju m e n to tra z ia m m u itos
fardos. D urante a viagem , o cavalo lam entou ao ju m e n ­
to de sua p esad a carga. E ntão lhe d isse o ju m en to :
— De que te q u eix as? Se tu me deres um de teu s
fard os terei o trip lo de fard os que tu ten s. M as se eu
te der um de m eus fard o s, terem os a m esm a q u a n ti­
dade. E sto u so b reca rreg a d o !

Logo o boi lhes disse:


— Do que cochicham os dois? Se eu der um de meus far­
dos para ti, jumento, teremos cada um o dobro de fardos
que o cavalo. Mas se eu der dois de meus fardos para ti,
cavalo, então teremos todos a mesma quantidade de fardos.
Quantos fardos carregavam cada um?

A família
O filho único do meu avô teve um neto do seu filho único.
O que o filho deste neto é meu?

Crânio em matemática
Você é capaz de resolver a conta abaixo adicionando um
número e dar o resultado em dois segundos?

10x-364+ x5-2%7y

O “X ” da questão
Qual o número que podemos colocar no lugar de X para
que a conta seja verdadeira?

X.X < X + X (ou seja, X multiplicado por X é menor do


que X mais X).
,

'

'

'
Lh Curio6\dade& &.Recordee i

ESCRITA
A primeira menção de escrita encontra-se em Êxodo 17.14.

A Bíblia
O nome "Bíblia" vem do grego biblos, e significa livros.
Foi escrita aproximadamente em 1600 anos por cerca de 40
escritores.

Livros:
A Bíblia tem 66 livros, sendo 39 no Antigo Testamento e
27 no Novo Testamento. O menor livro do Antigo Testamento
é Obadias, e o menor livro do Novo Testamento e da Bíblia
inteira é 2 João. Salmos é o livro com maior número de ca­
pítulos da Bíblia.
Os livros: Obadias, 2João, 3João, Filemom e Judas têm
um só capítulo.

Capítulos:
A Bíblia inteira tem 1189 capítulos, sendo o Antigo Tes­
tamento com 929 capítulos e o Novo Testamento, com 260.
O menor capítulo do Antigo Testamento e da Bíblia inteira
é o Salmo 117, e o do Novo Testamento é ljo ã o 1. O maior
capítulo do Antigo Testamento e da Bíblia inteira é o Sal-
mo 119, e o capítulo do Novo Testamento com maior nú­
mero de versículos é Lucas 1.
Os Salmos 14 e 53 são muito semelhantes. E o capítulo
19 de 2Reis é idêntico ao 37 de Isaías.

Versículos:
A Bíblia inteira tem 31173 versículos, sendo o Antigo Tes­
tamento com 23214 versículos e o Novo Testamento, com
7959.0 menor versículo na nossa tradução para o português
do Antigo Testamento é: "Não matarás" (Êx 20.13 e Dt 5.17)
e o do Novo Testamento é: "Jesus chorou'' (Jo 11.35). O me­
nor versículo da Bíblia é: "Não matarás" (Êx 20.13 e Dt 5.17 -
Em outras traduções há uma variação entre Êxodo 20.13,Lucas
20.30 e João 11.35). O maior versículo do Antigo Testam en­
to e da Bíblia inteira é Ester 8.9, e o do Novo Testamento é
Apocalipse 20.4.

Livros desconhecidos
Alguns livros citados na Bíblia não são conhecidos hoje
em dia. São eles:
• Livro das Guerras do Senhor (Nm 21.14).
• Livro dos Justos (Reto) (Js 10:13, 2Sm 1.18).
• Anais do Rei Davi (lC r 27.24).
• Livro da História do Profeta Natã (lC r 29.29,2 Cr 9:29).
• Crônicas de Gade, o vidente (lC r 29.29).
• Visões de Ido, o vidente (2 Cr 9.29,12.15, 13.22).
• Profecia de Aias, o silonita (2 Cr 9.29).
• Livro de Histórias de Semaías, o profeta (2Cr 12.15).
• Crônicas de Jeú, filho de Hanani (2Cr 20.34).
• Aos Coríntios (IC o 5.9).
• Livros da Vida (Dn 12.1, SI 69:28, Fp 4:3, Ap 20.12,15).
• Livro dos Setes Selos (Ap 5.1-5).
• Referência ao livro de Enoque (Jd 1.14).
• Livros (Ap 20.12).
n\
i I
IP'

Frase
A primeira e única frase registrada na Bíblia do que foi
dito pelo homem antes da queda é um poema que celebra
a união dele com sua mulher:
"Esta, afinal, é osso dos meus ossos e carne da minha
zarne; chamar-se-á varoa, porquanto do varão foi tom ada"
Gn 2.23).

Mandamentos
O primeiro mandamento de Deus está em Gênesis 2.16-
17. E o primeiro mandamento com promessa encontra-se em
Êxodo 20.12.
(veja também Ef 6.2).

Palavra
A palavra mais comprida encontrada na nossa tradução
da Bíblia para o português é IRREPREENSIVELMENTE (19
letras), em ITessalonicenses 2.10 e Lucas 1.6.

Nomes
O nome mais comprido encontrado na Bíblia é um nome
simbólico, dado a um dos filhos de Isaías, M AER-SALAL-
HAS-BAZ (16 letras), traduzido na ARA por Rápido- Des­
pojo - Presa- Segura (24 letras), em Isaías 8.3. Ou o nome de
um dos filhos de Hamã, Poquerete-Hazebaim (17 letras), em
Ester 9.8 conforme a tradução.

Sabedoria
O homem mais sábio do mundo (com exceção de Jesus,
Mateus 12.42), foi Salomão. Relata a Bíblia que Deus deu a
Salomão coração sábio e inteligente, de maneira que antes
dele não houve igual, nem depois dele também. Deus deu
a Salom ão sabedoria, grandíssim o entendim ento e larga
inteligência como a areia que está na praia do mar. Com ­
pôs ele 3000 provérbios, e foram 1005 os seus cânticos. Dis­
correu sobre todas as plantas; também sobre os animais, as
aves, os répteis e os peixes (IReis 3.12, 4.29-34).
PARÁBOLAS
Parábolas do Antigo Testamento Referência
A cordeirinha 2 Samuel 12.1-4
Os dois irmãos e os vingadores 2 Samuel 14.1-11
O prisioneiro que escapou 1 Reis 20.35-40
A vinha e as uvas Isaías 5.1-7
As duas águias e a videira Ezequiel 17.3-10
O leão engaiolado Ezequiel 19.2-9
A panela fervendo Ezequiel 24.3-14

Parábolas de Jesus Mateus Marcos Lucas


Os dois devedores 7.41-43
O semeador 13.3-8 4.3-8 8.5-8
A semente que germina 4.26-29
O bom samaritano 10.25-37
O amigo à meia-noite 11.5-8
O rico insensato 12.16-21
A figueira estéril 13.6-9
O joio 13.24-30
O grão de mostarda 13.31-32 4.31-32 13.18-19
O fermento 13.33 13.21
O tesouro escondido 13.44
A pérola de grande preço 13.45-46
A rede de pescar 13.47-50
A grande ceia 14.16-24
A ovelha perdida 18.12-14 15.4
O servo incompassivo 18.23-35
A moeda perdida 15.8-10
O filho pródigo 15.11-32
O mordomo infiel 16.1-9
O rico e lázaro 16.19-31
Os servos inúteis 17.7-10
O juiz iníquo 18.2-8

O
O fariseu e o publicano 18.10-14
Os trabalhadores na vinha 20.1-16
As minas 19.12-27
Os dois filhos 21.28-32
Os lavradores maus 21.33-46 12.1-12 20.9-19
As bodas do filho do rei 22.1-14
As dez virgens 25.1-13
Os talentos 25.14-30

Lucas é o livro que mais narra parábolas e João é o úni­


co evangelho que não narra parábolas.

VIDA
Os primeiros
O primeiro homem a ser criado foi Adão (Gn 3.17).
A primeira mulher a ser criada foi Eva (Gn 3.20).
O primeiro bebê a ser gerado foi Caim (Gn 4.1).
A primeira pessoa a ser transladada foi Enoque (Gn 5.24).
A primeira pessoa mencionada na Bíblia a ser ressuscita­
da foi o filho da viúva de Sarepta> por Elias (IReis 17. 20-
24),
Os primeiros gêmeos citados na Bíblia sao Esaú e Jacó
(Gn 25.24).

Longevidade
M etusalém (ou M etusalá) foi o homem mais longevo,
morreu aos 969 anos de idade (Gn 5.25).

Curiosidade: Metusalém morreu no ano do dilúvio. Ele


tinha 187 anos quando Lameque nasceu, 369 anos quando
Noé nasceu e 969 anos quando as águas do dilúvio inun­
daram a terra. (Confira Gênesis 5.25-31 e 7.6).

Paternidade antiga
Noé foi o pai mais idoso de que se tem registro na Bí­
blia. Gerou seu filho Sem Deve Ser aos quinhentos anos de
idade (Gn 5.32).
Da esterilidade à maternidade
Sara foi a mais idosa mulher que deixou de ser estéril.
Ela teve seu primeiro e único filho, Isaque, aos 90 anos de
idade (Gn 17.17; 21.2-5).
Tam bém é a p rim eira estéril m en cion ad a na B íblia
(Gn 11.30).

Bigamia e poligamia
O primeiro bígamo foi Lameque, descendente de Caim,
que se casou com Ada e Zilá (Gn 4.19).
O homem mais polígamo de que se tem registro na Bí­
blia foi Salomão, que teve setecentas mulheres, princesas,
e trezentas concubinas (lR s 11.3).

Gerações + Gerações

Noé foi o homem que mais viu gerações de que se tem


registro na Bíblia (Gn 5 e 11).

Quando Noé nasceu, seu...


Parentesco Nome Tinha (idade)
Pai Lam eque 182 anos
Avô M etusalém 369 anos
Bisavô Enoque Transladado há 69 anos
Trisavô Jarede 569 anos
Tetravô M aalalel 671 anos
Pentavô Cainã 741 anos
Sexavô Enos 831 anos
(Gn 5)

Noé tinha 74 anos quando o avô de seu tataravô (seu


Sexavô Enos) morreu aos 905 anos de idade!
Noé tinha 890 anos quando Abrão (seu nonaneto) nas­
ceu, ou seja, estava vivo quando o tataraneto do seu tatáraneto
nasceu!
Quando Noé morreu aos 950 anos de idade, seu...
Parentesco Nome Tinha (idade)
Filho Sem 450 anos
Neto Arfaxade 350 anos
Bisneto Sala 315 anos
Trineto Héber 285 anos
Tetraneto Pelegue 251 anos
Pentaneto Réu 221 anos
Sexaneto Serugue 189 anos
Septuaneto Naor morrido há 11 anos
Octaneto Terá 130 anos
Nonaneto Abrão 60 anos
(Gn 11)

Ao todo, foram dezessete gerações (com exceção de Enoque,


seu bisavô, que tinha sido transladado antes de Noé nascer).

Curiosidade: Há ainda a possibilidade de Noé estar vivo


quando Ló nasceu (seu decaneto), pois Noé viveu ainda 60
anos depois do nascimento de Abrão. Se Noé não estava vivo
quando Ló nasceu, então Ló tinha menos de 15 anos de idade
quando Terá o levou junto com Abrão e Sarai de Ur dos
caldeus para Harã, pois Abrão tinha 75 anos quando saiu
de Harã (veja Gênesis 11.31 e 12.4).

Transladados
Enoque e Elias são as únicas pessoas transladadas (ou
seja, arrebatadas vivas — Gn 5.24 e 2Rs 2.11).

MORTES
Primeiro:
Caim foi a primeira pessoa a matar alguém: Abel, que
foi a primeira pessoa a morrer fisicamente (Gn 4.8)
M aior mortandade:
A maior mortandade em uma noite foi quando a Anjo
do Senhor feriu no arraial dos assírios, 185.000 pessoas (2Reis
19.35 e Isaías 37.36).

O que mais matou:


O homem que mais tirou a vida de seus inimigos em um
só dia foi Sansão. Ele matou mais na sua morte do que quando
estava vivo, umas três mil pessoas (Juizes 16.27-30).

Mortes estranhas:
M uitas das mortes registradas na Bíblia são estranhas.
Algumas delas são difíceis de ocorrer novamente, outras até
que não. Abaixo, alguns exemplos:

• A m ulher de Ló — quando fugia da destruição de


Sodoma e Gomorra olhou para trás e converteu-se numa
estátua de sal (Gn 19.26).
• Nadabe e Abiú — trouxeram fogo estranho perante a
face do Senhor, então saiu fogo de diante do Senhor e os
consumiu (Lv 10.1-2).
• Coré — ele e seus companheiros foram engolidos vi­
vos pela terra com suas casas e todos os seus bens por se
rebelarem contra Moisés (Nm 16.31-33 — veja terremotos).
• Uzá — estendeu sua mão à Arca da Aliança e a segu­
rou quando os bois que a transportavam tropeçaram. Era
errada a maneira com que eles transportavam a arca (lC r
15.14-15). Então Deus os feriu ali e eles morreram junto à
arca (2Sm 6.7).
• Je zab e l — sabend o que ia m orrer p in to u os olhos,
en feito u a cabeça e olhou para a ja n ela para zom bar de
Jeú. D ois ou três eunucos a lan çaram p ela ja n ela e fo ­
ram salp icad o s com o seu sangue a p ared e e os cav a­
los, e Jeú a atrop elou , depois os cachorros com eram seu
co rp o, só sobran d o a cav eira, os pés e as p alm as das
m ãos (2Rs 9.30-35).
• Eglom — foi morto por Eúde, que fez para si um pu­
nhal de dois gumes. Disse ele ao rei que precisava lhe re-
r velar uma palavra secreta de Deus. O reiIo chamou para sua
sala de verão e ficaram a sós. Então Eúde lhe cravou o pu­
nhal no ventre, de tal maneira que entrou também o cabo com
a lâmina, e a gordura se fechou sobre ele (Jz 3.18-22).
• Ananias e Safira — vendendo uma propriedade reti­
veram parte do valor e depositaram o restante aos pés dos
apóstolos como se fosse toda a quantia. Ananias morreu ao
ouvir a repreensão de Pedro e, em seguida, sua mulher, da
mesma maneira (At 5.1-10).
• Herodes — vestido de traje real, assentado no trono,
fez um discurso, e o povo clamava: "É voz de um deus, e
não de hom em !". No mesmo instante, um anjo do Senhor o
feriu, por ele não haver dado glória a Deus; e, comido de
vermes, morreu (At 12:21-23).
• Eli — caiu da cadeira para trás, quebrando o pescoço,
quando lhe disseram que seus dois filhos estavam mortos
e a arca de Deus havia sido tomada (ISm 4.18).

ANJOS
Gabriel e Miguel são os dois únicos anjos citados na Bí­
blia pelo nome (Dn 9.21 e 10.13).

ADORAÇAO
Sacrifícios
Crê-se que o primeiro sacrifício mencionado na bíblia
encontra-se em Gênesis 3.21, quando Deus fez vestimenta
de pele para Adão e sua mulher. A provisão de Deus im ­
plicava o sacrifício de um animal para suprir a pele neces­
sária. Talvez um sacrifício pelo pecado, restaurando assim
a comunhão entre o homem e Deus (veja Gn 3.7 e Lv 17.11).
Invocação ao nome de Deus
Começou-se a invocar o nome de Deus com o nascimento
de Enos, filho de Sete (Gn 4.26).

Profetas e sacerdotes
O p rim eiro sa cerd o te m en cio n ad o na B íb lia foi
M elquisedeque, que aparece sem genealogia (Gn 14.18 e
Hb 7.3).
O primeiro a ser chamado de profeta foi Abraão (Gn 20.7,
também é a primeira menção de profeta).
Arão foi profeta de Moisés enquanto este era profeta de
Deus (Êx 7.1).

Salários e dízimos
Jacó é o primeiro trabalhador assalariado mencionado
na Bíblia (Gn 29.15).
A primeira menção de alguém dar o dízimo a um sacer­
dote de Deus foi quando Abraão deu o dízimo a M elquise­
deque (Gn 14.18-20).

HOMEM
Homem mais alto
Não está claro se o texto de Deuteronômio 3.11, onde diz
que o leito de Ogue, rei de Basã, tinha nove côvados de
com prim ento e quatro côvados de largura (cerca de 4,5
metros de comprimento e 1,8 metros de largura), referia-se
ao seu caixão, cama ou sarcófago. A palavra traduzida por
"leito" é muito rara. Se a entendermos por caixão ou cama,
então deduziremos que Ogue é o homem mais alto m enci­
onado na Bíblia. Mas a grande maioria dos teólogos tem-
na entendida por sarcófago.
Nesse caso, o homem mais alto de que se tem registro
na Bíblia é Golias, com seis côvados e um palmo, cerca de
3 metros de altura (ISm 17.4).
Maior número de dedos
O homem com maior quantidade de dedos é um descen­
dente dos gigantes de Gate. Tinha ele em cada mão e em
cada pé seis dedos, vinte e quatro ao todo (2Sm 21.20 e 1 Cr
20.6).

Beleza
Certos personagens são citados por sua beleza, ou par­
te de sua beleza. Relacionei alguns por achar interessante:
Saul, desde os ombros para cima, sobressaia a todo o povo
de Israel (ISm 9.2). Sarai era sobremaneira formosa a ponto
de os príncipes de Faraó gabarem-na (Gn 12.14). Em toda a
terra de Jó não se achavam mulheres tão formosas quanto
suas filhas (42.15). José e Raquel eram formosos de porte e
de aparência (Gn 29.17 e 39.6). Vasti era em extremo form o­
sa (Et 1.11).

Beleza em exagero
Vasti foi uma rainha extremamente formosa. Mas por sua
teimosia foi banida da presença do rei. O rei então fez um
concurso de beleza, e as jovens formosas dedicaram-se a um
tratamento de beleza durante um ano! E sabe quem ganhou
o concurso? Ester (Et 1 e 2).

Vestes
A prim eira vestim enta do homem (folhas de figueira,
serviam somente para os quadris - Gn 3.7) não tinha nenhuma
co m p aração com a p ro v id ên cia de D eus fe ita com
vestimentas resistentes (vestimentas de pele - Gn 3.21).

Nudez
Além de Adão e Eva, outros personagens bíblicos são
citados nus:
• Noé plantou uma vinha e, bebendo do vinho, em bria­
gou-se e ficou nu dentro de sua tenda (Gn 9.21).
• Balaão subiu a um monte desnudo para encontrar-se
com Deus (Nm 23.3).
• A comissão que Davi mandou para consolar Hanum
pela morte de seu pai foi hum ilhada por ter ele raspado
metade de suas barbas e cortado-lhes metade das vestes até
as nádegas (2Sm 10.3-4).
• Isaías andou três anos despido por ordem do Senhor
(Is 20.3).
• Um jovem acompanhou a prisão de Jesus coberto uni­
camente de um lençol. Lançando-lhe os guardas a mão, largou
o lençol e fugiu desnudo. Muitos crêem que era o próprio
escritor do evangelho (Mc 14.52).
• Pedro estava pescando nu quando o Senhor Jesus apa­
receu na segunda pesca maravilhosa (Jo 21.7).
• Os filhos de Ceva tentaram expulsar demônios sem te­
rem a autoridade de Jesus, então o espírito maligno saltou
sobre eles, e de tal maneira prevaleceu contra eles que, des­
nudos e feridos, fugiram (At 19.16).

Barbeado
A primeira menção de alguém que se barbeou foi José,
ao se apresentar a Faraó (Gn 41.14).

Circuncisão
Cerimônia instituída por Deus como sinal da Aliança entre
Ele e Abraão e sua descendência (Gn 17). Mais tarde, veio a
ser uma identificação do povo de Israel (Js 5.2). Consistia
na remoção do prepúcio de todo macho do oitavo dia em
diante.
Os primeiros a serem circuncidados foram Abrão, seu filho
Ismael e todos os seus escravos, no mesmo dia (Gn 17.23-27).
M oisés quase foi morto por adiar a circuncisão de seu
filho, mas foi salvo por sua mulher, que tomou uma pedra
aguda e cortou o prepúcio do menino (Êx 4.24-26).
^ •-____________________________
A circuncisão também serviu para que os filhos de Jacó
vingassem Diná por ter sido violentada por Siquém. Ao ter­
ceiro dia, quando os circuncidados sentiam mais forte a dor,
Simeão e Levi mataram todos os homens da cidade (Gn 34.1-31).
Como dote de casamento com sua filha, Saul pediu que
Davi lhe trouxesse cem prepúcios, e isso porque tentava
matá-lo pelas mãos dos filisteus. Mas Davi trouxe-lhe du­
zentos prepúcios, e os entregou ao rei, casando-se então com
Mical.

PROEZAS
Resistência
Força:
Entre todas as proezas que Sansão fez (Jz 14 e 15), uma
merece grande admiração: Sansão demonstrou muita força
e resistência quando carregou ambas as folhas da porta da
cidade de Gaza, com suas umbreiras e tranca, por cerca de
61 Km, sendo a maior parte do trajeto uma subida (Jz 16.1-3).

Velocidade:
Elias demonstrou velocidade e resistência quando cor­
reu adiante de Acabe do Carmelo até Jezreel (cerca de 27
Km). Ele correu a pé adiante de Acabe que correu com seu
carro (lR s 18.45-46).

Jejuns
O primeiro jejum voluntário mencionado na Bíblia foi o
de Davi, em favor de sua filha com Bate-Sebá (2Sm 12:16-22).
Os jejuns mais compridos foram de:
Nome Tempo Referência
M oisés 40 dias Êxodo 34.28
Elias 40 dias IR eis 19.8
Jesus 40 dias Mateus 4.2

Curiosidade: Moisés representa a Lei, Elias, os profetas,


e Jesus, a Palavra viva. Veja também Mateus 17.1-8 e João
1.14.

Paciência e mansidão
Pelo fato de Jó sofrer as provações sem blasfemar con­
tra Deus, ouvimos no nosso dia-a-dia falar muito sobre a
"paciência de Jó". Todavia, Moisés que é citado como um
varão mui manso, mais do que todos os homens que havia
na terra (Nm 12.3).

Valentes de Davi
Tinha Davi trinta e sete cavalheiros notáveis (2Sm 23.8 a
39) e, entre eles, três se destacavam.
• Josebe-Bassebete, o principal de três. Este brandiu a
sua lança contra oitocentos e os feriu de uma só vez.
• Eleazar — na peleja contra os filisteus, quando os fi­
lhos de Israel se retiraram, ele se levantou e feriu os filisteus
até lhe cansar a mão e ficar pegada à espada. Naquele dia,
o SENHOR efetuou grande livramento.
• Sama — quando os filisteus se ajuntaram em Lei, onde
havia um pedaço de terra cheio de lentilhas, e o povo fu­
giu de diante dos filisteus, pôs-se Sama no meio daquele
terreno e o defendeu, e feriu os filisteus; e o SENHOR efe­
tuou grande livramento.

Além dos três, mais dois se destacaram entre os trinta


outros valentes; contudo, aos primeiros três não chegaram
São eles:

O
• Abisai — era cabeça de trinta, alçou a sua lança contra
trezentos e os feriu. E tinha nome entre os primeiros três.
• Benaia — era homem valente de Cabzeel e grande em
obras, feriu ele dois heróis de Moabe. Desceu em uma cova
e nela matou um leão no tempo da neve. Matou também um
egípcio, homem de grande estatura. Davi o pôs sobre a sua
guarda.

MILAGRES
M ilagres do Antigo Testamento Referência
Translação de Enoque Gn 5.24
Confusão de línguas em Babel Gn 11.9
Punição de Faraó e sua casa com pragas Gn 12.7
Sodom itas feridos de cegueira Gn 19.1
Sodom a e G om orra destruídas Gn 19.24.
Mulher de Ló convertida em uma estátua de sal Gn 19.26
Doença e cura de Abmeleque, mulher e servas Gn 20.17
N ascim ento de Isaque Gn 21.2
A sarça ardente Êx 3.2
A mão de M oisés fica leprosa Êx 4.6
A vara de A rão se tornou em serpente Êx 7.10
praga Águas em sangue Êx 7.20
praga Rãs Ex .6
praga Piolhos Êx .17
praga M oscas Êx .24
praga Peste nos animais Êx 9.6
praga Úlceras Êx 9.10
praga — Saraiva Êx 9.23
8a praga — Gafanhotos Êx 10.13
9a praga — Trevas Êx 10.22
10a praga — M orte dos prim ogênitos Êx 12.19
Coluna de nuvem e coluna de fogo Êx 13.21
D ivisão do mar Êx 14.21
Águas de M ara tornam -se doces Êx 15.15
Cordonizes e Maná Êx 16.13
Á gua da rocha em Redifim Êx 17.6
M orte de Nadabe e Abiú Lv 10.1
Fogo entre os israelitas Nm 11.1

O
G
M iriã leprosa e depois curada Nm 12.10
M orte de Coré e seus com panheiros Nm 16.32
250 m ortos pelo fogo Nm 16.35
A praga que matou 14.700 Nm 16.46
A vara de Arão floresce Nm 17.8
Água da rocha em Meribá Nm 20.11
Serpentes abrasadoras Nm 21.6
A jum enta de Balaão fala Nm 22.28
As roupas e sandálias não se envelheceram Dt 29.5
D ivisão do rio Jordão Js 3.16
Queda das m uralhas de Jericó Js 6.20
Sol e Lua detidos Js 10.13
Gideão e a lã Jz 6.36
Gideão vence os m idianitas com 300 homens Jz 7.7
N ascim ento de Sansão Jz 13.24
Sansão rasga um leão Jz 14.6
Sansão m ata trinta e toma suas vestes Jz 14.19
Sansão queim a a seara dos filisteus Jz 15.4
Sansão mata 1000 e pede água ao Senhor Jz 15.14
Sansão leva as porta da cidade de Gaza Jz 16.3
Sansão se liberta duas vezes das cordas Jz 16.9, 12
Sansão arranca os pinos e a urdidura da teia Jz 16.14
Sansão derruba as colunas e mata os filisteus Jz 16.30
N ascim ento de Samuel IS m 1.19
Dagom é prostrado diante da arca IS m 5.1
Filisteus feridos de tumores IS m 5.6
Uzá é m orto 2Sm 6.7
H olocausto de Salomão é consumido lR s 8.54,
2Cr 7.1
Seca-se a mão de Jeroboão lR s 13.4
Seca profetizada por Elias lR s 17.1 e
Tg 5.17
Elias sustentado pelo corvo lR s 17.6
Elias sustentado pela viúva de Sarepta lR s 17.16
Elias ressuscita o filho da viúva lR s 17.22
Elias e os 450 profetas de Baal lR s 18.38
A chuva de Elias lR s 18.45
A corrida de Elias lR s 18.46
Fogo do céu sobre os capitães e seus homens 2 Rs 1.10
Elias divide as águas do Jordão 2Rs 2.8
Elias é transladado 2Rs 2.11
Eliseu divide as águas do Jordão 2Rs 2.14
Eliseu torna saudáveis as águas de Jericó 2Rs 2.21
Duas ursas despedaçam 42 rapazinhos 2Rs 2.24
Á gua e vitória para o exército 2Rs 3.16
O azeite da viúva 2Rs 4.6
Ressurreição d o filho da sunamita 2rs 4.35
A m orte que havia na panela é tirada 2Rs 4.41
100 hom ens alimentados 2Rs 4.43
Naam ã curado de lepra 2Rs 5.14
Geazi fica leproso 2Rs 5.27
Eliseu faz o machado flutuar 2Rs 6.6
A cegueira do exército do rei da Síria 2Rs 6.18
Ressurreição ao se tocar nos ossos de Eliseu 2Rs 13.21
Jonas no ventre do peixe 2Rs 14.25,
Jn 1.17
Jonas vom itado da barriga do peixe 2Rs 14.25,
Jn 2.10
Azarias (Uzias) fica leproso 2Rs 15.5,
2Cr 26.20
D estruição do exército de Senaqueribe 2Rs 19.35
Retrocede a som bra em dez graus 2Rs 20.11
Três hom ens na fornalha de fogo Dn 3.26
A doença de N abucodonosor Dn 4.33
Dedos escrevem na parede Dn 5.5
Daniel na cova dos leões Dn 6.22

M ilagres do Novo Testamento Referência


Zacarias fica mudo Lc 1.20
N ascim ento de João Batista Lc 1.57
Cura de Zacarias Lc 1.64
N ascim ento de Jesus Lc 2.1
Água transform ada em vinho Jo 2.1
Cura do filho de um oficial Jo 4.46
Cura de um paralítico no tanque de Betesda Jo 5.1
Prim eira pesca maravilhosa Lc 5.1
Libertação de um endemoninhado na sinagoga Mc 1.23,
Lc 4.31
Cura da sogra de Pedro M t 8.14,
Mc 1.29,
Lc 4.38
Purificação de um leproso M t 8.2,
M c 1.40,
Lc 5.12
( )
Cura de um paralítico M t 9.2,
Mc 2.3,
Lc 5.18
Cura do hom em da mão mirrada M t 12.9,
Mc 3.1,
Lc 6.6
Cura do servo do centurião M t 8.5,
Lc 7.1
Ressurreição do filho da viúva de Naim Lc 7.11
Cura de um endemoninhado cego e mudo M t 12.22,
Lc 11.14
O acalm ar de uma tempestade M t 8.24,
Mc 4.35,
Lc 8.22
Libertação dos endem oninhados gadarenos M t 8.28,
Mc 5.1,
Lc 8.26
Cura de uma m ulher com fluxo de sangue M t 9.20,
Mc 5.25,
Lc 8.43
Ressurreição da filha de Jairo M t 9.23,
Mc 5.35,
Lc 8.49
Cura de dois cegos M t 9.27
Libertação de um endem oninhado mudo M t 9.32
5000 alim entados M t 14.14,
Mc 6.34,
Lc 9.12,
Jo 6.5
C am inhando sobre as águas M t 14.24,
Mc 6.45,
Jo 6.16
Cura da filha de uma siro-fenícia M t 15.21,
Mc 7.24
Cura de um surdo e gago em Decápolis Mc 7.31
4000 alimentados M t 15.32,
Mc 8.1
C ura de um cego em Beteaida M c 8.22
Libertação de um moço endem oninhado M t 17.14
Mc 9.14,
Lc 9.38
O dinheiro na boca do peixe M t 17.24
Cura de um cego de nascença Jo 9.1
Cura de uma m ulher paralítica por 18 anos Lc 13.10
Cura de um hidrópico Lc 14.1
Ressurreição de Lázaro Jo 11.17
Cura de dez leprosos Lc 17.11
Cura do cego Bartim eu M t 20.29,
M c 10.46,
Lc 18.35
A figueira é am aldiçoada M t 21.18,
Mc 11.12
Restauração da orelha de M alco Lc 22.49,
]o 18.10
O véu é rasgado, ressurreição de m ortos M t 27.51
Ressurreição de Jesus M t 28.1,
Mc 16.1,
Lc 24.1,
Jo 20.1
Segunda pesca m aravilhosa Jo 21.1
Pentecostes At 2.1
Cura do coxo na porta Form osa At 3.1
M orte de Ananias e Safira A t 5.1
Libertação de Paulo e Silas At 5.19
Prodígios e m ilagres pela mão de Estêvão A t 6.8
M ilagres operados pela mão de Filipe At 8.6
Filipe é arrebatado At 8.39
A cegueira de Paulo A t 9.3
A cura de Paulo A t 9.17
Cura de Enéias At 9.34
Ressurreição de Dorcas A t 9:40
A libertação de Pedro At 12.7
Elim as ferido de cegueira A t 13.11
Cura do coxo em Listra A t 14.10
Cura de uma jovem adivinhadora At 16.18
M ilagres extraordinários pelas mãos de Paulo A t 19.11
Ressurreição de Êutico A t 20.12
Cura do pai de Públio e enfermos em Patmos At 28.8

Os milagres seguem a ordem cronológica dos fatos. Os


m ilagres relacionados a Jonas foram colocados antes de
Azarias (Uzias) ficar leproso por causa de 2Reis 14.25 (con­
fira Jonas 1.1).
"Há, porém, ainda muitas outras cousas que Jesus fez. Se todas
elasfossem relatadas uma por uma, creio eu que nem no mundo inter
caberiam os livros que seriam escritos" (Jo 21.25).

/
APOSTOLOS
Em Hebreus 3.1, Jesus é chamado de Apóstolo e Suir
Sacerdote da nossa confissão.

Os primeiros apóstolos a serem chamados foram A nc:-


que procurou seu irmão Pedro e juntos seguiram a J e ; .
(Jo 1.41).

A primeira menção de apóstolo encontra-se em Mateu4


10.2, também é a primeira relação dos nomes dos doze apch
tolos:

1 Tendo chamado os seus doze discípulos, deu-lhes Jesus ai


ridade sobre espíritos imundos para os expelir e para curar toda s e ­
de doenças e enfermidades.
2 Ora, os nomes dos doze apóstolos são estes: primeiro, Sim.'.:
por sobrenome Pedro, e André, seu irmão; Tiago, filho de Zebed-:. ,
e João, seu irmão;
3 Filipe e Bartolomeu; Tomé e Mateus, o publicano; Tiago. - -
lho de Alfeu, e Tadeu;
4 Simão, o Zelote, e Judas Iscariotes, que foi quem o traiu.

Além dos doze e de Matias e Paulo, foram chamadc >


apóstolos Tiago, irmão do Senhor (Gl 1.19; 2.9 e Jo 7.5; ICo
15.7), Barnabé (At 14.4, 14 e ICo 9.1-6), Andrônio e Júni?
(Rm 16.7) e Silas (lTs 2.6).
Paulo é chamado de o apóstolo dos gentios, enquant
Pedro é cham ado de o apóstolo dos judeus. Um é c :
incircuncisão e o outro, da circuncisão (Rm 11.13 e Gl 2.:
REINADO
Juizes
Com exceção apenas de Sangar (pois não sabemos o tem­
po em que julgou a Israel - Jz 3.31):
O juiz que julgou a Israel por maior período foi Eude,
durante 80 anos (Jz 3.30).
Jefté foi o juiz que julgou por menor período, durante 6
anos (Jz 12.7).

Reis
Antes da divisão do reino de Israel, Saul, Davi e Salomão
reinaram 40 anos cada um (At 13.21; lR s 2.11; 11.42).

O reino se dividiu em dois: Judá e Israel (lR s 11.31-32).

Reis que governaram por Judá, Israel


Maior período__________ Azarias (Uzias), durante Jeroboão II, durante
52 anos (2Rs 15.1 e 2). 41 anos (2Rs 14.23).
Menor período íeocaz e Toaquim. durante Zinri. durante sete dias
3 meses cada (lR s 16.15).
(2Rs 23.31; 24.8).

Saul foi o primeiro rei de Israel (ISm 10.20-24).


Joás foi o mais jovem a assumir um reinado. Foi rei de
Tudá aos sete anos de idade (2Rs 11.21).
Atalia foi a única rainha de Judá. Usurpou o trono, destru­
indo a descendência real, com exceção de Joás (2Rs 11.1-3).

SANTUÁRIOS
O primeiro santuário de Israel foi o Tabernáculo, tam­
bém chamado de Tenda do Testemunho (Êx 25.8).

O
Tabernáculo
Início da construção:
Foi levantado um ano depois de os israelitas saírem do
Egito e nove meses depois de chegarem ao Sinai
(Êx 12.2,19.1 e 40.17).
Fim da utilização:
Até o reinado de Salomão, que iniciou a construção do
templo no ano 480, depois de os filhos de Israel saírem do
Egito (IR 6.1).
Duração Total ±487 anos (lR s 6.1 e 38).

Templo de Salomão
Início da construção 966 a.C. IR eis 6.1
Término da construção 959 a.C. IR eis 6.38
Tempo de construção 7 anos IR eis 6.38
Destruição 587 a.C. 2Reis 25.8-9
Duração total 372 anos

Templo de Zorobabel
Início da construção 536 a.C. Esdras 6.3
Término da construção 12/03/515 a.C. Esdras 6.15
Tempo de construção 21 anos
Destruição 63 a.C.
Duração total 475 anos

■Dados obtidos em outras fontes bibliográficas.

Templo de Herodes
Início da construção 19 a.C.
Término da construção 64 a.D.*
Tempo de construção 10 anos*
Destruição 70 a.D.
Duração Total 71 anos*

O
Na Bíblia não encontramos informações a respeito da cons­
trução deste templo, exceto em João 2.20. Dados obtidos em
outras fontes bibliográficas.
* O templo propriamente dito foi terminado em 10 anos (começo de 9 a.C.).
. As dependências exteriores que demoraram mais.

O m aior tem p lo foi o de H ero d es, e o m en o r, de


Zorobabel.*
Não construído: Ezequiel (Ez 40 - 46).
O Templo de Salomão foi o que teve maior quantidade
de sacrifícios na inauguração: 120.000 ovelhas e 22.000 bois
(lR s 8.63).

Sinagogas
A sinagoga era normalmente destinada à oração e à lei­
tura das Escrituras (Mt 4.23; 6.5).
No Antigo Testamento, a palavra " sinagoga" aparece so­
mente em algumas traduções no Salmo 74.8. Normalmente
é traduzida em outras versões por "lugares santos''.
A primeira ocorrência no Novo Testamento encontra-se
em Mateus 4.23.

•Fontes bibliográficas:
• Dicionário da Bíblia (1994), de John D. Davis, Tradução de J. R.
Carvalho Braga, 18a edição, JUERP — Rio de Janeiro.
• Novo Dicionário da Bíblia (1991), por J. D. Douglas, M.A., B.D., S.T.M.,
| Ph.D; F. F. Bruce, M.A., D.D.; R. V. G. Tasker, M.A., D.D; J. I. Packer, M.A.,
D.Phil; D. J. Wiseman, O.B.E., M.A., editado em português por R. P. Shedd,
M.A., B.D., Ph.D. Edições Vida Nova — São Paulo.

ÍDOLOS
Neustã — era a serpente de bronze que Moisés fizera para
que o povo de Israel fosse curado das mordidas das serpen­
tes abrasadoras que o Senhor enviara por causa da rebel­
dia do povo. No tempo do rei Ezequias o povo ainda lhe
queimavam incenso, pelo que a destruiu (2Rs 18.4).
Dagon — era o deus dos filisteus. Tinha cabeça e braços

V
de homem e a parte inferior do corpo era um peixe. Sansão
destruiu seu templo ao derrubar as colunas e matar cero~
de três mil filisteus (Jz 16.23-30). Dagon ficou caído com
rosto em terra diante da arca, então os filisteus o puserarr
no seu lugar. No dia seguinte, estava caído de bruço dian­
te da arca do Senhor com a cabeça e as duas mãos cortadas
Naquela época, era comum cortar a cabeça e as mãos doí
inim igos.
Baal — deus dos cananeus, era o deus sol. Sacrificavair
humanos passando-os pelo fogo quando em época de seca
e de peste. Tanto Elias quanto Jeú mataram seus profetas
(lR s 18.19, 40 e 2Rs 10.18-28). Em muitas passagens vemo?
o povo de Israel cultuando a Baal.
Rainha dos céus — deidade falsa que os habitantes de
Jerusalém adoravam oferecendo-lhe bolos e queimando-lhr
incenso. Acredita-se que se trata de Astarte, dos fenícios, ou
Istar, dos assírios (Jr 7.18; 44.17-19, 25).
Diana — também chamada de Artemis, deusa da caça
Em Éfeso existia um enorme templo da deusa e uma está­
tua que eles acreditavam ter caído de Júpiter (At 19.27, 35

FEITICEIROS
Janes e Jambre — Acredita-se que sejam os feiticeiros qvz I
se opuseram a Moisés diante de faraó. Conseguiam rea_:- I
zar alguns m ilagres, em pequena proporção. Com o, po:
exemplo; transformar água em sangue e colocar rãs nas águaí
do Egito, mas não fizeram surgir piolhos da terra, que foi :-i
terceira praga. Então os magos disseram a Faraó: "Isto é
dedo de D eus" (Êx 7 e 8, 2Tm 3.8).
Feiticeira de En-Dor — era a médium na qual Saul se dis­
farçou com roupas comuns, para prestar consulta a Samu:
por meio da necromancia. Uma atitude de desespero, já qu-
o Senhor não lhe dava resposta, e também irônica, uma ve;
que ele mandou eliminar todos os médiuns e adivinhos c - I
terra de Israel (ISm 28.3-19).
Simão — era um praticante da magia que iludia o povo
áe Samaria. Insinuava-se ser grande vulto e era respeitado
iesd e o menor até o maior. Abraçou a fé quando viu os si­
nais que Filipe fazia, acompanhando-o de perto. Simão foi
batizado, mas sua atitude de querer comprar o dom do Es-
rírito mostra-nos que ele na verdade não cria em Jesus, es-
:ava apenas impressionado com os milagres que os após­
tolos operavam (At 8.9-25).
Barjesus — também chamado de Elimas. Era judeu, má-
pco, falso profeta, e se opôs a Paulo e a Barnabé quando
rstes falaram a Palavra de Deus para o procônsul Sérgio Pau-
lo, tentando impedi-lo de crer em Jesus. Em conseqüência
disso, Deus o castigou, ficando Elimas cego por algum tem ­
po (At 13.4:12)

ANIMAIS
Primeiro — O primeiro animal mencionado na Bíblia é
a serpente (Gn 3.1).
Impuros — Em Mateus 23.24, Jesus faz uma citação do
raenor (mosquito) e do maior (camelo) animais impuros.
Estranhos animais — Muitos animais fizeram parte da
ristória da Bíblia, como é o caso do corvo que Noé usou para
?aber se a terra estava seca ou do corvo que alimentou Elias.
Relacionei alguns desses animais por se destacarem dos
outros em algumas diferenças fora do normal:
A jumenta de Balaão — depois de ser espancada três ve­
zes por se desviar do Anjo, o Senhor a fez falar com Balaão
Nm 22.21-35).
M onstro marinho — crocodilo ou leviatã, conform e a
rradução. E descrito como um animal aquático poderoso que
solta tochas de fogo pela boca e fumaça pelas narinas. Nin­
guém se atrevia a enfrentá-lo (Jó 41.1-34,3.8, SI 74.14,104.26,
Is 27:1, Ez 29.3-5).
C )
Duas vacas — guiaram a arca de Deus quando os filisteus
a devolverem por causar grandes males ao seu povo. As
vacas se encaminharam direto para Bete-Semes sem se des­
viarem um só momento (ISm 6.1-18).
Uma manada de porcos- cerca de 2000, que se precipi­
taram despenhadeiro abaixo, para dentro do mar, onde se
afogaram (Mc 5.13).

Veja também: leões — Dn 6.22, Jz 14.6, lR s 13.21-30,20.36


serpentes — Gn 3.1, Êx 4.3, Nm 21.6-9; ursa — ISm 17.34
2Rs 2.24; peixe — Jn 1.17, Mt 17.24, Lc 5.1, Jo 21.1.

FENOMENOS DA NATUREZA
A

Dia e noite
O dia mais comprido de que se tem registro na Bíblí:-
foi quando o Sol se deteve e a Lua parou quase um dia in­
teiro a pedido de Josué ao Senhor (Js 10.12-14).

Chuvas
• A primeira chuva mencionada na Bíblia, e também
maior de todas, foi o dilúvio (Gn 7.4-24). Antes o Senhor aincs
não tinha feito chover sobre a terra (Gn 2.5-6).
• Foi uma chuva de enxofre e fogo que destruiu as ci­
dades de Sodoma e Gomorra, e todos os moradores dela ^
o que dela nascia também (Gn 19.24-25).
• A sétima praga do Egito foi uma chuva de pedras f
fogo (Êx 9.23).

Terremotos
• Todo o monte Sinai trem eu grandem ente quando
Senhor transmitiu a lei para Moisés (Êx 19.18).
• A terra se fendeu debaixo de Coré e seus companhe -
r
ros quando a terra os tragou vivos com suas casas e todos
os seus bens (Nm 16.31-33).
• No momento em que Jesus morreu, o véu do templo
se rasgou em dois, de alto a baixo; e trem eu a terra, e
fenderam -se as p edras; abriram -se os sep u lcros, e m u i­
tos corpos de santos que dorm iam foram ressu scitad os
(Mt 27.50-53).
• Um terremoto sacudiu os alicerces da prisão em que
Silas e Paulo estavam, libertando-os das cadeias e abrindo
todas as portas (At 16.26).
• Haverá um grande terremoto como nunca se viu no
Armagedom (Ap 16.18).

Tempestades
Várias passagens de tempestades são lembradas por nós,
mas uma delas é inesquecível. Foi quando Jesus dorm ia
enquanto seus discípulos estavam apavorados. Os discípulos
então acordaram a Jesus, que os repreendeu por terem pouca
fé, e depois repreendeu os ventos e o mar, e fez-se grande
bonança (Mt 8.24, Mc 5.1 e Lc 8.26).

Secas
Houve uma seca durante três anos e seis meses quando
Elias orou ao Senhor (lR s 17.1, Tg 5.17).

Coluna de nuvem e coluna de fogo


Durante a peregrinação do povo de Israel pelo deserto, uma
coluna de nuvem os acompanhava durante o dia e uma colu­
na de fogo durante a noite, alumiando o caminho para que
pudessem caminhar tanto de dia como de noite (Êx 13.21-22).

Arco-íris
O arco-íris foi criado como símbolo da aliança de Deus
com o homem de nunca destruir a terra com outro dilúvio
Fogo do céu
Em algumas passagens bíblicas encontramos fogo c-.-t I
caiu do céu, como no desafio de Elias aos 450 profetas :
Baal, na destruição de dois capitães com cinqüentas solda-1
dos cada, no holocausto de Salomão, entre os israelitas n
deserto e em muitas outras passagens (Nm 11.1, lR s 18.' •
2Rs 1.10, 2Cr 7.1).

Estrela brilhante
Uma estrela diferente brilhou no céu e foi vista no Orier I
te para anunciar o nascimento de Jesus e dirigir os magos a--? I
o lugar em que se encontrava o menino (Mt 2.1-12).

DIVERSOS
Cidade
A p rim eira cidade m encionad a na B íblia é Enoq.
edificada por Caim (Gn 4.17). O Éden era uma planície e de a
Deus fez um jardim.
A cidade mais freqüentemente mencionada na Bíblia 4
Jerusalém. A primeira vez em que se fez referência a ela cc n
este nome foi em Josué 10.1. Em Gênesis 14.18 ela apare:-r
como Salém.

Árvore
A primeira e também a última árvore mencionada pe i
nome é a "Á rvore da V ida" (Gn 2.9 e Ap 22.19).

Metais
O bronze e o ferro são os primeiros metais mencionad ■
na Bíblia (Gn 4.22).

Instrumentos musicais
A harpa e a flauta são os primeiros instrumentos mui -
cais mencionados na Bíblia (Gn 4.21).
Armas
A espada flamejante é a primeira e a mais freqüentemente
arma mencionada na Bíblia (Gn 3.24).

Barcos e carros
A arca de Moisés
Não! Não é a arca de Noé. A palavra traduzida por cesto
em Êxodo 2.3 é a mesma traduzida por arca em Gênesis 7-9.
A arca era feita com ju n co s de papiro, tra n ça d o s e
calafetada com piche para torná-la impermeável. Construída
com tamanho suficiente para o livramento do infante Moisés
(Êx 2.1-10). Esta é então a menor arca mencionada na Bíblia.

A arca de Noé
A arca de Noé é a primeira e a maior arca mencionada
na Bíblia. Tinha 300 côvados de comprimento (± 133 metros),
50 côvados de largura (± 22 metros) e 30 côvados de altura
(± 13 metros) (Gn 6.15).

Carros
A primeira menção de carro na Bíblia foi quando Faraó
fez José subir ao seu segundo carro (Gn 41.43). E a primeira
menção de carros de ferro está em Juizes 1.19.
A maior quantidade de carros mencionados na Bíblia en­
contra-se em Salmo 68.17, onde diz que: "os carros de Deus
são vinte mil".
A profecia de Naum é muito parecida com o trânsito
pesado e veloz de hoje em dia:
"Os carros passam furiosamente pelas ruas, e se cruzam velozes
pelas praças; parecem tochas, correm como relâmpago" (Na 2.4).

V O
.

'

'

"
• .
As respostas em parênteses vêm como auxílio ou opção, e
fica a critério do dirigente usá-las como complemento ou não.
O dirigente deverá ter muito cuidado com as perguntas
doutrinárias, pois alguém poderá questioná-las. Para os livros
mais doutrinários que históricos, seria bom que as pergun­
tas fossem do tipo: verdadeiro ou falso? complete o versículo,
dite o versículo, quantas vezes, etc.
As perguntas deverão ser feitas baseadas nos capítulos
dos livros escolhidos. (Exemplo: "pergunta do capítulo 8
de Rom anos...").
Um excelente método é consultar, além da Bíblia (que é
o fundamental!), um bom dicionário bíblico e alguns comen­
tários bíblicos.
Para se fazer perguntas sobre algum personagem bíblico (ou
vassagem bíblica) o dirigente poderá usar a "Chave de Perguntas
E também as "Curiosidades e Recordes".
A seguir, alguns exemplos de perguntas:

Verdadeiro ou falso?
A epístola aos Filipenses recebeu este nom e porque foi
destinada aos discípulos de Filipe. Verdadeiro ou falso?
R.: Falso, fo i aos moradores de Filipos.

Dite o versículo
-ilipenses 4.13
R.: tudo posso naquele que me fortalece.
Alternativas
Quem era Bartimeu: a) um leproso; b) um cego m en d ig ;;
ou c) um aleijado das mãos?
R.: b) um cego mendigo (Mc 10.46).

Complete o versículo
O Senhor é o meu...
R.: pastor, nada me faltará (Salmo 23)

Quem sou eu?


Fui a prim eira cidade a conhecer o "R ei dos Ju d eu s", :
"M essias". Quem sou eu?
R.: Belém (Mt 2.2-8).

Quem disse?
"Dai pois a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus
R.: Jesus Cristo (Mt 22.21).

Quantas vezes?
Q uantas vezes aparece a palavra am ém na epístola aos
Romanos?
R.: Seis (Rm 1.25; 9.5; 11.36; 15.33; 16.24; 16.27).

Charadas
A mão do irmão mais novo é mais velha do que a do irmã*:
primogênito. De quem estou falando?
R.: Perez e Zerá (Gn 38.27-30).

Diretas
Qual e o nome do pai de João Batista?
R.: Zacarias (Mc 1.13).

Gênesis
1. Que animal era mais sagaz do que todos os animais?
R.: A serpente (Gn 3.1)
2. Qual é o nome do primeiro homem criado por Deus?
R.: Adão (Gn 1.26, 3.17)
?. De que árvore Adão e Eva estavam proibidos de comer
io seu fruto?
R.: A árvore do conhecimento do bem e do mal (Gn 2.17)
4. Por que Deus expulsou o homem do jardim do Éden e
colocou um querubim ao oriente do jardim?
R.: Para que não comessem da árvore da vida (Gn 3.22-24)
5.Qual é o nome da esposa de Adão?
R.: Eva (Gn 3.20)
6. Quem comeu primeiro do fruto da árvore do conheci­
mento do bem e do mal?
R.: Eva (ou a mulher — Gn 3.6)
7. Qual é o nome do primeiro filho de Adão?
R.: Caim (Gn 4.1)
S. Qual é o nome do segundo filho de Adão?
R.: Abel (Gn 4.2)
9. Qual foi a profissão de Caim? E a de Abel?
R.: Caim foi lavrador e Abel pastor de ovelhas (Gn 4.2)
10. Quem matou Abel?
R.: Caim (Gn 4.8)
11. Como se chamavam os três filhos de Adão?
R.: Caim, Abel e Sete (Gn 4.1,2;25)
12. Qual é o nome do primeiro filho de Caim?
R.: Enoque (Gn 4.17)
13. Quem foi o primeiro homem a ser transladado?
R.: Enoque (Gn 5.24 e Hb 11.5)
14. Qual é o nome que Caim deu à cidade que edificou?
R.: Enoque (o nome de seu filho — Gn 4.17)
15. Qual é o nome do primeiro bígamo?
R.: Lameque (Gn 4.19)
16. Qual é o nome das duas esposas de Lameque?
R.: Ada e Zilá (Gn 4.19)
17. Qual é o nome do filho de Adão que nasceu depois da
morte de Abel?
R.: Sete (Gn 4.25)
18. Qual é o nome do filho de Sete?
R.: Enos (Gn 4.26)
19. Qual é o nome do homem mais longevo (mais idoso)?
R.: M etusalém (ou M atusalá — Gn 5.27)
20. Qual é o nome do pai de Noé?
R.: Lameque (Gn 5.28-29)
21. Como se chamavam os filhos de Noé?
R.: Sem, Cão (ou Cam) e Jafé (Gn 5.32)
22. Qual era a medida em côvado da arca de Noé?
R.: 300 côvados de comprimento, 50 de largura e 30 de altura. (Gn
6.15)
23. Com que tipo de madeira Noé construiu a arca?
R.: Cipreste (Gn 6.14).
24. Quem foi o primeiro homem a construir uma grande arca
(barco)?
R.: Noé (Gn 6.14, 22)
25. Quantos animais entraram por vez na arca de Noé?
R.: De dois em dois (Gn 7.9).
26. Quantas pessoas entraram na arca de Noé?
R.: Oito (Gn 7.13)
27. Que idade tinha Noé quando as águas do dilúvio inva­
diram a terra?
R.: 600 anos (Gn 7.6)
28. Durante quantos dias e noites choveu sobre a face da tem
durante o dilúvio?
R.: 40 dias e 40 noites (Gn 7.12)
29. Qual foi a prim eira ave solta por Noé depois do dilú­
vio, até que se secaram as águas de sobre a terra?
R.: Um corvo (Gn 8.7)
30. Qual foi a segunda ave solta por Noé no período em que
as águas se secaram?
R.: Uma pomba (Gn 8.8)
31. De que árvore a pomba trouxe no bico uma folha nova a
Noé?
R.: Oliveira (Gn 8.11)
32. O que colocou Deus nas nuvens como sinal de sua ali­
ança com Noé e os homens?
R.: O arco-íris (ou Arco de Deus - Gn 9.13)
33. Que neto Noé amaldiçoou?
R.: Canaã (Gn 9.22 e 25)
34. Quantos anos viveu Noé?
R.: 950 anos (Gn 9.29)
35. Entre Sem e Jafé, quem era o mais velho?
R.: Sem (Gn 10.21)
36. Quais os filhos de Noé não viram a sua nudez?
R.: Sem e Jafé (Gn 9.23)
37. Qual foi o acontecimento que marcou o fracasso da tor­
re de Babel?
R.: Confusão de línguas (um não entendia a linguagem do outro
— Gn 11.9)
38. Que torre foi criada para reunião, fama e grandeza de
uma civilização quando a população do mundo tinha uma
só linguagem?
R.: Babel (Gn 11.1 e 9)
39. Que torre foi criada logo depois do dilúvio?
R.: Torre de Babel (Gn 11.9)
40. Qual é o nome do pai de Abraão?
R.: Terá (Gn 11.24)
( )
41. Como se chamavam Abraão e Sara antes de Deus mu­
dar seus nomes?
R.: Abrão e Sarai (Gn 17.5 e 15)
42. Qual é o nome do sobrinho de Abrão que o acompanhou
desde a Mesopotâmia até Canaã?
R.: Ló (Gn 11.31-12.5 e At 7.2)
43. A mulher de quem se converteu em uma estátua de sa’
por causa de sua desobediência?
R.:Ló (Gn 19.26).
44. Com qu an to s hom ens A braão foi lib e rta r Ló dr
Quedorlaomer e de seus confederados?
R.: 318 homens (Gn 14.14).
45. Para que sacerdote Abraão deu o dízimo de tudo o qu-
possuía?
R.: Melquisedeque (Gn 14.18-20)
46. Que alimento trouxe Melquisedeque a Abraão e a seus
homens depois de libertarem Ló?
R.: Pão e vinho (Gn 14.18)
47. Qual é o nome dos aliados de Abraão que o ajudaram :
libertar Ló?
R.: Manre, Escol e Aner (Gn 14.13 e 24).
48. Qual é o nome da serva egípcia de Sarai?
R.: Hagar (ou Agar — Gn 16.1)
49. Qual é o nome do primeiro filho de Abraão?
R.: Ismael (Gn 16.15)
50. Quantos anos tinha Abraão quando Ismael nasceu?
R.: 86 (Gn 16.16)
51. Qual é o nome da mãe de Ismael?
R.: Hagar (ou Agar — Gn 16.16)
52. Q ual é o nom e do filh o que Ló teve com sua filh :
primogênita?
R.: Moabe (Gn 19.37)
53. Qual é o nome do filho que Ló teve com sua filha mais
nova?
R.: Bem-Ami (Gn 19.38)
54. Quantos anos tinha Abraão quando foi circuncidado?
R.: 99 (Gn 17.24)
55. Que filho de Abraão foi circuncidado no mesmo dia que
ele?
R.: Ismael (Gn 17.26)
56. Quantos anos tinha Ismael quando foi circuncidado?
R.: 13 (Gn 17.25)
57. Em que lugar ficava o jardim onde moravam Adão e Eva
antes da desobediência?
R.: Éden (Gn 2.8)
58. Em que local ficava a árvore da vida e a árvore do co­
nhecimento do bem e do mal?
R.: No meio do jardim do Éden (Gn 2.8-9)
59. Quais são os quatros rios que surgiam do rio que saía
do Éden?
R.: Pisom, Giom, Tigre e Eufrates (Gn 2.10-14).
?0. Para que local se refugiou Caim depois de m atar seu
:rmão?
R.: Terra de Node (Gn 4.16)
-1. Em que local repousou a arca de Noé depois do dilúvio?
R.: Sobre as montanhas de Ararate (Gn 8.4)
-2. Em que cidade estava Abraão quando recebeu o primeiro
inamado do Senhor?
R : Ur (dos caldeus — Gn 11.31; 12.1; Ne 9.7; At 7.2-3)
63. Em que cidade morreu o pai de Abraão?
R : Harã (Gn 11.32)
64. Em que local (país) Abraão disse pela primeira vez que
rarai era sua irmã?
J ■Egito (Gn 12.13-19)
65. Em quais cidades o Senhor fez chover enxofre e fogo?
R.: Sodoma e Gomorra (Gn 19.24)
66. Para que cidade Ló e suas filhas fugiram da destruição
de Sodoma e Gomorra?
R.: Zoar (Gn 19.22-23)
67. Que nome Esaú recebeu por haver vendido o seu direi­
to de primogenitura?
R.: Edom (Gn 25.30)
68. Quais são os nomes dos poços que os servos de Isaque
cavaram em Gerar e que os pastores de Gerar contenderam'
R.: Eseque e Sitna (Gn 26.19-21)
69. Qual é o nome do poço que os servos de Isaque cava­
ram em Gerar e que não houve contenda?
R.: Reobote (Gn 26.22)
70. Que nome Jacó deu ao lugar no qual, em sonho, teve :
visão de uma escada cujo topo atingia o céu?
R.: Betei (Gn 28.11-19)
71. Qual era o ofício de Raquel antes de se casar?
R.: Pastora (Gn 29.9)
72. Qual é o nome da primeira esposa de Jacó?
R.: Lia (ou Léia — Gn 29.25)
73. Quantos anos trabalhou Jacó para Labão até coabitar corr
Raquel?
R.: Sete anos e uma semana (Gn 29.18 a 30 — Jacó coabitou com
Raquel depois de uma semana que havia coabitado com Lia — C-1
29.27-30)
74. Qual é o nome da serva que Labão deu a Lia?
R.: Zilpa (Gn 29.24)
75. Qual é o nome da serva que Labão deu a Raquel?
R.: Bila (Gn 29.29)
76. Quais são os nomes dos filhos que Lia concebeu?
R.: Ruben, Simeão, Levi, Judá, Issacar, Zebulom e Diná (Gn 29.: i
a 30.21)
| 77. Quais são os nomes dos filhos que Zilpa concebeu de
Jacó?
R.: Gade e A ser (Gn 30.11-13)
78. Quais são os nomes dos filhos que Bila concebeu de Jacó?
R.: Dã eN aftali (Gn 30.5-8)
79. Quais são os nomes dos filhos que Raquel concebeu?
R.: José e Benjamim (Gn 30.22-24 e 35.16-18)
80. Qual é o nome do primeiro filho de Jacó?
R.: Rúben (Gn 29.30-32)
i 81. Que filho de Jacó cometeu incesto e perdeu seu direito
à primogenitura?
R.: Rúben (Gn 35.22)
82. Qual é o nome do filho mais novo de Jacó?
R.: Benjamim (Gn 35.18 e 44.20)
i 83. Qual é o nome da esposa de José, filho de Jacó?
R.: Azenate (Gn 41.45)
84. Qual é o nome da sogra de José, filho de Jacó?
‘ R.: Potífera (Gn 41.45)
\ 85. Qual foi o primeiro sonho que Faraó teve, interpretado
por José?
!i R.: O das sete vacas gordas e das sete vacas magras (Gn 41.18-21)
86. Qual foi o segundo sonho que Faraó teve, interpretado
por José?
R.: O das sete espigas secas e das sete espigas boas (Gn 41.22-24).
87. Quais são os dois filhos de José, filho de Jacó?
R.: Efraim e M anassés (Gn 41.51-51)
88. Qual é o nome do filho primogênito de José, filho de Jacó?
R.: M anassés (Gn 41.51)
89. Quais são os dois homens que foram embalsamados?
R.: Israel (Jacó) e José (Gn 50.2 e 26)
90. Qual é o nome do filho de Abraao e Sara?
R.: Isaque (Gn 21.1-3)
91. Quantos anos tinha Abraão quando Isaque nasceu?
R.: 100 (Gn 21.5)
92. Quantos anos tinha Sara quando Isaque nasceu?
R.: 90 (Gn 17.17 e 21.5)
93. Quantos anos Abraão era mais velho que Sara?
R.: 10 (Gn 17.17)
94. Meus pais riram quando foi anunciado o meu nascimento
Quem sou eu?
R.: Isaque (Gn 17.17 e 18.12)
95. Com que idade se casou Isaque?
R.: 40 anos (Gn 25.20)
96. Qual é o nome da esposa de Isaque?
R.: Rebeca (Gn 25.20)
97. Como se chamavam os filhos gêmeos de Isaque?
R.: Esaú e Jacó (Gn 25.24-26)
98. C om o se cham ava o co m an d an te do e x ército de
Abim eleque?
R.:Ficol (Gn 21.22, 26.26)
99. No monte de que terra Abraão foi oferecer Isaque e r
holocausto?
R.: Moriá (G n22.2)
100. Qual é o nome da irmã de Ló e esposa de Naor?
R.: Milca (Gn 11.29 e 31)
101. Como se chamavam os irmãos de Abraão?
R.: Naor e Harã (Gn 11.26)
102. Qual é o nome do pai de Rebeca?
R.: Betuel (Gn 22.23)
103. Como se chamavam os gêmeos dos quais o mais no-
nasceu segurando o calcanhar do mais velho?
R.: Esaú e Jacó (Gn 25.25 e 26)
1
104. Que idade tinha Isaque quando nasceram seus filhos?
R.: 70 anos (Gn 25.26)
105. Qual era o filho que Rebeca amava mais?
R.: Jacó (Gn 25.28)
106. Qual era o filho que Isaque amava mais?
R.: Esaií (Gn 25.28)
107. Por causa de que alimento Esaú desprezou e vendeu
sua primogenitura?
R.: Pão e cozinhado de lentilhas (Gn 25.34)
108. Quanto Abraão pagou pelo campo de Macpela?
R.: 400 siclos de prata (Gn 23.16)
109. De quem Abraão comprou o campo de Macpela?
R.: De Efrom (o heteu, Gn 23.16)
\ 110. Onde Sara foi sepultada?
R.: Na caverna de M acpela (Gn 23.19)
111. Onde Abraão foi sepultado?
R.: Na caverna M acpela (Gn 25.9)
112. Qual é o nome da esposa que Abraão teve depois da
morte de Sara?
R.: Quetura (Gn 25.1)
\ 113. Qual é o nome do irmão de Rebeca?
R.: Labão (Gn 24.29)
114. Para onde Jacó foi ao fugir de Esaú?
R.: Para a casa de Labão (Gn 27.43)
115. Como se chamavam os filhos de Jacó que vingaram
Diná?
R.: Simeão e Levi (Gn 34.25-31)
116. Que filho de Jacó aconselhou os irmãos a venderem
José aos ismaelitas?
R.: Judá (Gn 37.26-28)
117. Qual é o nome do filho primogênito de Judá com a filha
de Sua?
R.: Er (Gn 38.1-3)
118. Qual é o nome da esposa de Er?
R.: Tamar (Gn 38.6)
119. Como se chamavam os dois filhos de Judá com a filha
de Sua mortos pelo Senhor?
R .:E r e O n ã (Gn 38.7-10)
120. Qual é o nome da filha de Judá que fora violada por
Siquém?
R.: Diná (Gn 34.1-2)
121. Qual foi o primeiro sonho de José, filho de Jacó?
R.: Feixes no campo que se inclinavam ao de José (Gn 37.7)
122. Qual foi o segundo sonho de José, filho de Jacó?
R.: O sol, a lua e onze estrelas que se inclinavam perante José (Gr.
37.9)
123. Por quanto José, filho de Jacó, foi vendido por seus
irmãos?
R.: 20 siclos de prata (Gn 37.28)
124. Qual era o ofício de Potifar, oficial de Faraó?
R.: Comandante (capitão) da guarda (Gn 39.1)
125. Qual era o nome do oficial de Faraó que comprou Jose
dos ismaelitas?
R.: Potifar (Gn 39.1)
126. Qual era o oficio de José enquanto esteve na casa c-:
Potifar?
R.: M ordomo (da casa e de tudo o que possuía — Gn 39.4)
127. Qual foi o sonho do copeiro-chefe, oficial de Farac
interpretado por José?
R.: A videira de três ramos (Gn 40.9-13)
128. Qual foi o sonho do padeiro-chefe, oficial de Fara:
interpretado por José?
R.: Três cestos de pães (Gn 40.16-19)
' ___________________
129. Qual foi o nome dado a José por Faraó do Egito?
R.: Zafenate-Panéia (Gn 41.45)
130. Que nome Jacó recebeu de Deus depois de lutar com
um anjo?
R.: Israel (Gn 32.28, 35.10 e Os 12.4)
131. Qual foi o nome que Jacó deu ao lugar onde lutara com
o anjo?
• R.: Peniel (Gn 32.24-31, Os 12.4)
132. Quantos homens acompanharam Esaú em seu encon­
tro com Jacó?
R.: 400 (Gn 33.1)
133. Que nome Raquel deu ao seu filho mais novo?
R.: Benoni (Gn 35.18)
134. Em que cidade foi sepultada Raquel?
R.: Belém (ou Efrata — Gn 35.19)
| 135. Qual é o nome da concubina de Jacó cujo filho come-
' teu incesto?
R.: Bila (Gn 35.22)
' 136. Qual é o nome do filho que Judá negou a Tamar?
R.: Selá (Gn 38.26)
137. Como se chamavam os filhos gêmeos de Tamar com
Judá?
R.: Perez e Zerá (Gn 38.24-30)
138. Qual era o filho de Jacó que tinha uma túnica Talar de
várias cores (em algumas traduções — "de mangas compri­
das")?
R.: José (Gn 37.3 e 32)

Êxodo
139. Quais são as duas cidades-celeiros edificadas pelos
israelitas no tempo do cativeiro no Egito?
R.: Pitom e Ramessés (Êx 1.11).
140. Quais eram os nomes das duas parteiras hebréias que
não cumpriram a ordem de Faraó?
R.: S ifrá eP u á (Ê x 1.15-17).
141. À beira de que rio Moisés foi colocado dentro de um
cesto betumado?
R.: Nilo (Êx 1.22 e 2.3).
142. Os pais de Moisés eram descendentes de que tribo de
Israel?
R.: Levi (Êx 2.1-10).
143. Qual é o nome do sogro de Moisés?
R.: jetro (ou Reuel, Êx 2.18 e 3.1).
144. Jetro era sacerdote de que região (terra)?
R.: M idiã (Êx3.1).
145. Qual foi o nome da primeira esposa de Moisés?
R.: Zípora (Êx 2.21).
146. Qual foi o nome do primeiro filho de Moisés?
R.: Gérson (Êx 2.22).
147. Em que monte o Senhor apareceu em uma chama de
fogo do meio de uma sarça a Moisés?
R.: Horebe (ou M onte Sinai, Êx 3.1 e 2).
148. Em que réptil virou o cajado que Moisés tinha na mãe
quando o Senhor lhe apareceu do meio de uma sarça ardente*
R.: Cobra (ou serpente, Êx 4.3).
149. Como se chamavam os pais de Moisés?
R.: Anrão e Joquebede (Êx 7.20).
150. Qual era o nome da irmã de Moisés?
R.: M iriã (Êx 15.20 e Nm 26.59).
151. O que fez Miriã logo após a passagem do Mar Vermelho?
R.: tomou um tamborim, e todas as mulheres saíram atrás dela cor.
tamborins e com danças (Êx 15.20-21).
152. Que alimento o Senhor deu ao povo de Israel durante
os quarenta anos em que estiveram no deserto?
R.: M aná (Êx 16.31-35).
153. Q uem dirigiu a peleja contra A m aleque enquanto
Moisés levantava a mão?
R.: Josué (Êx 17.9-13).
154. Como se chamavam os dois homens que sustentaram
as mãos de Moisés na peleja contra Amaleque?
R.: Arão e Hur (Êx 17.10-12).
155. Qual era o nome do segundo filho de Moisés?
R.: Eliezer (Êx 18.4).
156. Qual foi a primeira praga enviada por Deus aos egí­
pcios no tempo de Moisés?
R.: Tornou as águas do rio (Nilo) em sangue (Êx 7.20).
157. Qual foi a última praga enviada por Deus aos egí­
pcios no tempo de Moisés?
R.: a morte dos primogênitos (Êx 12.29).
158. Como se chamava a tampa da arca da Aliança?
R.: Propiciatório (ou tampa da expiação, Êx 25.17 e 21).
159. Quantas pragas Deus enviou ao Egito no tempo de
Moisés?
R.: Dez (Êx 7.20 a 12.29).
160. Com quem Deus falou por meio de uma sarça ardente?
R.: M oisés (Ex 3.2-6).
161. Qual é o nome do monte em que M oisés recebeu os
dez mandamentos do Senhor?
R.: Sinai (ou Horebe, Êx 19.1 a 20.17).
162. De que madeira e metal foi feito a mesa da proposi­
ção do Tabernáculo?
R.: Acácia e ouro (Êx 25.23-24).
163. De que metal foi feito a bacia usada no Tabernáculo
para lavagem das mãos e dos pés dos sacerdotes?
: Bronze (Êx 30.18).
164. Quem fez para o povo de Israel um bezerro de ouro'
R.: Arão (Êx 32.1-5).
165. Quais foram os filhos de Arão que trouxeram foge
estranho perante a face do Senhor?
R.: Nadabe eA biíi (Lv 10.1-2).

Josué
166. Quem disse: "Eu e minha casa serviremos ao Senhor ' '
R.: Josué (Js 24.15).
167. Em quais lugares Josué deteu o Sol e a Lua, respecti­
vamente?
R.: O Sol em Gibeão e a Lua no Vale de Aijalom (Js 10.12).
168. Qual é o nome da meretriz (prostituta) que escondeu
os dois espias em Jericó?
R.: Raabe (Js 2.4-5).
169. Quais foram as três coisas que Acã pegou entre os
despojos, pecando assim contra o Senhor?
R.: Capa babilônica, 200 siclos de prata e uma barra de ouro do pes:
de 50 siclos (Js 7.21).

Juizes
170. Qual foi o juiz de Israel, canhoto, que matou Eglom
rei dos moabitas?
R.: EudeQ z 3.15, 21-22).
171. Qual é o nome da profetisa e juíza de Israel?
R.: Débora (Jz 4.4).
172. Qual é o nome do israelita que, ao chamado de D éb: -
ra, derrotou Sísera e seu exército de 10.000 homens?
R.: Baraque (Jz 4.6-15).
173. Como se chamava a mulher que matou Sísera, com a: -
dante do exército de Jabim, cravando-lhe uma estaca na fror -
enquanto dormia?
R.: JaeK Jz 4.17-22).
1 __________________
174. Que nome Gideão recebeu por derrubar o altar de Baal?
R .:Jerubaal (Jz 6.32).
175. Com quantos homens Gideão venceu os midianitas?
R.: 300 (Jz 7.16-25).
176. Qual é o nome do filho de Gideão que matou seus 70
irmãos, escapando apenas Jotão?
R.: Abimeleque (Jz 9.4-5).
177. Que juiz de Israel fez um voto precipitado ao Senhor
e ofereceu sua filha em holocausto?
R.: JeftéfJz 11.30-40).
178. Qual foi o homem que feriu seiscentos filisteus com
uma aguilhada de bois no tempo dos juizes?
R.: Sangar (Jz 3.31).
179. Quantos homens Sansão feriu com uma queixada de
íumento?
R.: 1000 (Jz 15.15).
180. Qual era o nome do pai de Sansão?
R.: M anoá (Jz 13.21-24).
181. Em que cidade Sansão pegou as folhas da porta com
seus postes e fechaduras e levou até o alto do monte que
I olha para Hebrom?
R.: Gaza (Jz 16.1-3).
182. Como se chamavam a mulher que cavou a ruína de
Sansão?
R.: D alila(Jz 16.4-21).
183. Quantos filisteus matou Sansão na sua morte?
R.: uns três mil (Jz 16.27).
184. Que palavra o povo de Gileade usou para identificar
os eframitas pela pronúncia?
R.: chibolete (ou sibolete,Jz 12.5-6).
135. Sansão matou mais filisteus durante a sua vida ou na
sua morte?
R.: na sua morte (Jz 16.30).
Rute
186. Qual é o nome da sogra de Rute?
R.: Noemi (Rt 1.3-4).
187. Qual é o nome da cunhada de Rute?
R.: Orfa (Rt 1.4).
188. Qual era o nome do marido de Rute?
R.: M alom (Rt 4.10).
189. Como se chamava o filho de Rute?
R.: Obede (Rt 4.13-17).
190. Qual era o nome do segundo marido de Rute?
R.: Boaz (Rt 4.9-10).

Samuel
191. Com o se cham avam as esposas de E lcan a, pai cU
Samuel?
R.: Ana e Penina (ISm 1.1-2).
192. Qual das duas mulheres de Elcana, pai de Samuel, er;
estéril?
R.: Ana (ISm 1.5).
193. Qual foi o profeta que teve Ana por embriagada?
R.: Eli (ISm 1.13).
194. Quais são os dois filhos de Eli que morreram quandc
os filisteus tomaram a Arca da Aliança?
R.: Hofni e Finéias (ISm 4.11).
195. Para o templo de que ídolo (deus) os filisteus levarair.
a Arca da Aliança em Asdode?
R.: Dagom (ISm 5.1-2).
196. Qual foi o ídolo (deus) filisteu que caiu de bruço e teve
a cabeça e as duas mãos cortadas diante da Arca da Aliança'
R.: Dagom (ISm 5.4).
197. Quantos meses a Arca da Aliança esteve com os filisteuí
no tempo de Samuel?
R.: Sete (ISm 6.1).
' __________________
198. Que nome Samuel deu à pedra que colocou entre Mispa
e Sem, dizendo: "A té aqui nos ajudou o Senhor"?
R.: Ebenézer (ISm 7.12).
199. Como se chamava o profeta no tempo de Samuel?
R.: Vidente (ISm 9.9,11,18-19).
200. Que instrum ento Davi tocava quando um espírito
maligno atormentava a Saul?
R.: Harpa (ISm 16.23).
201. Qual é o nome do filisteu que media seis côvados e
um palmo de altura, e que desafiou as tropas de Israel no
tempo de Saul?
R.: Golias (ISm 17.4-10).
202. Como se chamava o irmão mais velho de Davi?
R.: Eliade (ISm 17.28).
203. Quem matou um leão e um urso quando apascentava
as ovelhas?
R.: Davi (ISm 17.34-36).
204. Com que arma Davi matou Golias?
R.: com uma fun da e com uma pedra (ISm 17.50).
205. Que cântico as mulheres israelitas entoavam que dei­
xou Saul indignado, tornando-o inimigo de Davi?
R.: Saul feriu os seus milhares, porém Davi, os seus dez milhares
(ISm 18.7-9).
206. Que filho de Saul amou Davi com sua própria alma?
R.: Jônatas (ISm 18.1).
207. Com que filha de Saul Davi se casou?
R.: M ical (ISm 18.27).
208. Quem, interessado em casar-se com a filha do rei, m a­
tou duzentos homens e trouxe seus prepúcios aos pés do
monarca.
R.: Davi (ISm 18.27).
209. Que festa era realizada quando Saul tentou ferir se_
filho com uma lança?
R.: Festa da Lua Nova (ISm 20.5, 24).
210. Que rei de Israel disfarçou-se e consultou uma médiuzr.
para lhe adivinhar pela necromancia?
R.: Saul (ISm 28.8).
211. Qual é o nome do pai de Davi?
R.: Jessé (ISm 16.19-20).
212. Qual das filhas do rei Saul foi prometida a Davi, mas
que nunca tornou-se sua esposa?
R.: M erabe (ISm 18.19).
213. Isbosete, um dos filhos de Saul, também era conheci­
do por qual nome?
R.: Esbaal (2Sm 2.8, lC r 8.33, e ISm 31.2).
214. Quem matou oitenta e cinco sacerdotes por ordem c :
rei Saul?
R.: Doegue (ISm 22.17-18).
215. Que sacerdote salvou-se do massacre incentivado por
Saul?
R.: Abiatar (ISm 22.20).
216. O corpo de que rei de Israel foi fixado no muro de Bete
Seã e depois queimado?
R.: Saul (ISm 31.10-13).
217. Em que cidade Saul foi proclamado rei de Israel?
R.: Gilgal (ISm 11.15).
218. Que sacerdote deu a Davi o pão sagrado (proposiçã:
e a espada de Golias?
R.: Aimeleque (ISm 21.1-9).
219. Como morreu o profeta Eli?
R.: caiu da cadeira para trás e quebrou-se-lhe o pescoço (ISm 4.1i
220. Em que cidade morava Jessé quando Davi foi u n g ic:
rei de Israel?
R.: Belém (ISm 16.1-13)
221. Qual é o nome do pai de Saul?
R.: Quis (ISm 9.3).
222. Como o profeta Natã chamou Salomão?
R.: Jedidias (ISm 12.25).
223. Quantos anos reinou Davi em Jerusalém sobre Israel
e Judá?
R.: Trinta e três anos (2Sm 5.5).
224. Qual era a idade de Davi quando começou a reinar?
R.: Trinta anos (ISm 5.4)
225. Qual é o nome da esposa de Davi que, olhando-o pela
janela, o desprezou em seu coração?
R.: Mical (2Sm 6.16).
226. Quem estendeu sua mão à Arca de Deus e a segurou
e por isso o Senhor o feriu e ele morreu?
R.: Uzá (2Sm 6.6-7).
227. Qual era a vestimenta de Davi quando trouxe a Arca
de Deus de Obede-Edom a Jerusalém?
R.: uma estola sacerdotal de linho (2Sm 6.14s).
228. Qual foi o filho de Jônatas que Davi usou de bondade
lhe restituindo as terras de Saul?
R.: Mefibosete (2Sm 9.6-13).
229. Quantos anos tinha Mefibosete, filho de Jônatas, quando
ficou aleijado?
R.: cinco (2Sm 4.4).
230. Qual é o nome da mulher com quem Davi com eteu
adultério?
R.: Bate-Seba (2Sm 11.3-4).
231. Qual é o nome do marido de Bate-Seba, morto à espa­
da por ordem de Davi?
R.: Urias (2Sm 12.9 e 11.3).
232. Que filho de Davi com eteu incesto, possuindo sua
própria irmã?
R.: Amnom (ISm 13.10-14).
233. Que filha de Davi foi forçada (violentada) por seu pró­
prio irmão?
R.: Tamar (2Sm 13.10-14).
234. Qual dos filhos de Davi era belo da planta do pé ac
alto da cabeça?
R.: Absalão (2Sm 14.25).
235. Quem ia caminhando e amaldiçoando Davi quando este
fugia de Absalão?
R.: Simei (2Sm 16.7-14).
236. Quem aconselhou Absalão a coabitar com as concubinas
de seu pai?
R.: Aitofel (2Sm 16.20).
237. Quem matou um homem com vinte e quatro dedos?
R.: Jônatas (sobrinho de Davi, 2Sm 16.20-21).
238. Que pecado cometeu Davi que o Senhor lhe oferecei:
três opções de julgamento?
R.: O censo (2Sm 24.1-14).
239. Quem disse: "... não oferecerei ao Senhor meu Deu;
holocaustos que não me custem nada" ?
R.: Davi (2Sm 24.24).
240. Que profeta confrontou Davi por causa de seu peca­
do com Bate-Seba?
R.: Nata (2Sm 12.1-15).
241. Que profeta confrontou Davi por causa do Censo?
R.: Gate (2Sm 24.11-19).
242. Quem era o capitão do exército do rei Saul?
R.: Abner (2Sm 2.8).
243. Quem matou Abner?
R.: Joabe (2Sm 3.27).
I Reis
244. Quantas vezes Naamã lavou-se no rio Jordão para ser
curado de lepra?
R.: Sete (2Rs 5.14).
245. Quais foram os dois rios de Damasco citados por Naamã
quando se indignou com a atitude do profeta?
R.: Abana (Amana) e Farfar (2Rs 5.12).
246. Que jovem donzela trouxeram a Davi em sua velhice
para o servir e o aquecer?
R.: Abisaque (lR s 1.1-4).
247. Que profeta aconselhou o rei Davi a respeito do rei­
nado de Salomão?
R .:N atã (lR s 1.11-31).
248. Quantos anos reinou Salomão sobre Israel?
R.: 40 (lR s 11.42).
249. Que irmão de Salomão tentou apoderar-se do trono de
Davi enquanto este era vivo?
R.: Adonias (lR s 1.5s).
250. Que rei de Israel edificou o primeiro templo ao Senhor?
R.: Salomão (lR s 6.1 - 7.51).
251. Qual era o nome da mulher de Acabe, rei de Israel?
R.: Jezabel (lR s 16.31).
252. Que profeta desafiou e matou os 450 profetas de Baal?
R.: Elias (lR s 18.20-40).
253. Que profeta orou para que não chovesse sobre a terra?
R.: Elias (lR s 17.1; Tg 5.17).
254. Que profeta ressuscitou o filho da viúva de Sarepta?
R.: Elias (lR s 17.17-23).
255. Quem Elias ungiu profeta em seu lugar?
R.: Eliseu (lR s 19.16,19, 21).
256. Qual é o nome do jezreelita que tinha uma vinha a:
lado do palácio de Acabe em Jezreel?
R.: Nabote (lR s 21.1).
257. Como se vestia Elias, o profeta?
R.: Vestido de pêlos, com os lombos cingidos de um cinto de cour:
(2Rs 1.8).
258. Qual foi o primeiro milagre de Eliseu?
R.: dividir o rio Jordão (2Rs 2.14).
259. Que profeta orou para que chovesse depois de três anos
e seis meses de seca?
R.: Elias (lR s 18.41-46; Tg 5.17).
260. Que profeta tornou saudáveis as águas de Jericó?
R.: Eliseu (2Rs 2.19-22).
261. Quantos rapazinhos foram despedaçados por duas
ursas ao zombarem de Eliseu?
R.: 42 (2Rs 2.24).
262. Que palavras diziam os rapazinhos de Betei quandc
zombaram de Eliseu?
R.: Sobe, calvo! Sobe, calvo! (2Rs 2.23).
263. Quantos filhos tinha a viúva que Eliseu aumentou o
azeite na botija?
R.: dois (2Rs 4.1-7).
264. Que profeta restaurou a vida do filho da Sunamita
mulher rica de Suném?
R.: Eliseu (2Rs 4.8-37).
265. Quantos homens Eliseu alimentou com vinte pães de
cevada e espigas verdes?
R.: 100 (2Rs 4.42-44).
266. Qual é o nome do auxiliar de Eliseu que ficou lepro­
so por causa da sua ganância?
R.: Geazi (2Rs 5.19-27).
267. Que profeta fez um machado flutuar no rio?
R.: Eliseu (2Rs 6.1-7).
___________________:
268. Como se chamava o profeta que revelava ao rei de Isra­
el as palavras do rei da Síria ditas em sua câmara de dormir ?
R.: Eliseu (2Rs 6.8-12 ) .~ —
269. Qual foi o último milagre feito por Eliseu?
R.: os ossos de Eliseu revivem um homem (2Rs 13.21).
270. Qual é o nome da mulher que usurpou o trono de Judá
e destruiu a descendência real?
R.: Atalia ( 2 R s ll.l) .
271. Qual foi o descendente de Acazias que sobreviveu ao
atentado de Atalia?
R.: Joás (2Rs 11.1-3).
272. Quem escondeu Joás de Atalia durante seis anos na
Casa do Senhor?
R.: Jeoseba (2Rs 11.1-3).
273. Com quantos anos Joás começou a reinar?
R.: Com sete (2Rs 11.21).
274. Que rainha provou Salomão com perguntas difíceis?
R.: A rainha de Sabá (lR s 10.1).
275. Que rei de Judá ficou com a testa leprosa por entrar
n.o Templo para queimar incenso no altar?
R.: Uzias (2Cr 26.16-21).
276. Que rei de Israel ficou com a mão seca por tentar prender
um servo de Deus que profetizou contra o Altar, sendo cu­
rado após a oração do profeta?
R.: Jeroboão (lR s 13.1-8).
277. Que rei teve mais 15 anos acrescentados à sua vida por
virar o rosto para parede e orar?
R.: Ezequias (2Rs 20.1-6).
278. Qual foi o rei que fez um açude e um aqueduto em
Jerusalém?
R.: Ezequias (2Rs 20.20).
279. Como se chamava o profeta que falava o que era mal
para Acabe, rei de Israel, inclusive sobre sua morte?
R.: M icaías (2Cr 18.7-8; lR s 22.8).

Esdras
280. Qual é o nome do rei da Pérsia que decretou a recons­
trução do templo de Jerusalém (Zorobabel), e consentiu que
os judeus voltassem à sua terra?
R.: Ciro (Ed 1.1-4).
281. Que rei impediu a reconstrução do templo e da cida­
de de Jerusalém, obras iniciadas por Ciro?
R.: Artaxerxes (Ed 4.21-24).
282. Que rei deu prosseguimento à reconstrução que ha­
via sido interrompida?
R.: Dário (Ed 6.12).

Neemias
283. Qual era o ofício de Neemias na corte do rei da Pérsia?
R.: copeiro do rei (Ne 1.11).
284. Qual é o nome do rei da Pérsia que Neemias servia?
R.: Artaxerxes (Ne 2.1).
285. O que fez Neemias durante a noite pouco depois de
chegar em Jerusalém?
R.: inspecionou os muros (contemplou, Ne 2.11-15).
286. Quem foi subornado para entregar uma profecia fal­
sa a Neemias?
R.: Semaías (Ne 6.10-13).
287. Que profetisa procurou intimidar Neemias?
R.: Noadia (Ne 6.14).

Ester
288. Qual era o outro nome de Ester?
R.: Hadassa (Et 2.7).
289. Por quem Ester foi criada quando seus pais morreram?
R.: M ordecai (ou M ardoqueu- Et 2.7).
290. Que homem planejou matar o povo judeu no tempo
de Ester?
R.: Hamã (Et 3.7-15).
291. Qual é o nome do eunuco que aconselhou o rei matar
Hamã na própria forca que ele preparou para Mordecai?
R.: Harbona (Ester 7.9).
292. Qual é o nome da mulher de Hamã?
R.: Zeres (Et 5.10).
293. Qual era é a altura em côvados da forca que Hamã
mandou preparar para Mordecai?
R.: 50 côvados (Et 7.9).
294. Em quanto tempo foi feito o embelezamento de Ester?
R.: um ano (Et 2.12).
295. Qual é o nome da rainha que negou o pedido do rei
Assuero (Xerxes) e foi substituída por outra?
R.: Vasti (Et 1.10-2.17).
296. Qual é o nome dos dois eunucos que tramaram con-
:ra o rei e foram revelados por Mordecai a Ester?
R.: Bigtã e Teres (Et 2.21).

Profetas maiores
297. Que profeta teve a visão de um vale de ossos secos?
R.: Ezequiel (Ez 37.1 e 1.3).
298. Quais foram os reis de Judá citados por Isaías para
indicar o tempo de sua profecia?
R.: Uzias, Jotão, Acaz e Ezequias (Is 1.1).
299. Que profeta viu Serafins com seis asas, sendo que com
duas eles cobriam o rosto, com duas os pés e com duas vo­
avam?
R.: Isaías (Is 6.2).
300. O que um dos Serafins tocou na boca de Isaías para
purificá-lo de seus pecados?
R.: uma brasa viva (tirada do altar- Is 6.6-7).
301. Por intermédio de qual profeta o Senhor disse: "Ouvis
de fato, e não entendeis; e vedes, em verdade, mas não
percebeis"?
R.: Isaías (Is 6.9).
302. Que profeta vaticinou: "Eis que uma virgem conceberá
e dará à luz um filho, e será o seu nome Em anuel"?
R.: Isaías (Is 7.14).
303. Que profeta teve a visão de uma vara de amendoeira
e de uma panela ao fogo?
R.: Jeremias (Jr 1.11-13).
304. Que profeta o Senhor mandou ir à casa do oleiro para
ver como ele trabalhava o vaso de barro?
R.: Jeremias (Jr 18.1-6).
305. Qual é o nome do presidente da "C asa do Senhor"
chamado pelo Senhor de "terror por todos os lados"?
R.: Pasur (Jr 20.1-4).
306. Que profeta teve a visão de dois cestos de figos?
R.: Jeremias (Jr24.1).
307. Que falso profeta tomou os canzis de Jerem ias e os
quebrou sobre o pescoço do profeta do Senhor?
R.: Hananias (Jr 28.10-11).
308. A respeito de que falso profeta Jeremias profetizou que
morreria naquele ano?
R.: Hananias (Jr 28.15-17).
309. De quem Jeremias comprou um campo em Anatote?
R.: Hananel (Jr 32.6-12).
310. Que profeta foi proibido pelo Senhor de se casar, e isso
como sinal do cativeiro que viria?
R.: Jeremias (Jr 16.2).
311. Quem escrevia nos rolos (livros) o que Jeremias ditava?
R.: Baruque (Jr 36.4,18,27).
312. Qual é o nome do etíope que salvou Jeremias da cis­
terna onde estava atolado?
R.: Ebede-Meleque (Jr 38.7-13).
313. Qual era o nome de rei da Babilônia no período em
que Jeremias profetizou que Jerusalém seria cativa?
R.: Nabucodonosor (Jr 39.1-10).
314. Qual era o nome do comandante da guarda babilônica
que cuidou de Jeremias a mando do rei da Babilônia?
R.: Nebuzaradão (Jr 39.11-18).
315. Que profeta o Senhor dirige-se como: "filho do ho­
m em " por mais de noventa vezes?
R.: Ezequiel (Ez 2.1$).
316. Quais cidades o profeta Ezequiel se refere como "A olá
e A olibá"?
R.: Samaria e Jerusalém (Ez 23.4).
317. Que profeta teve a visão do tem plo que nunca foi
construído?
R.: Ezequiel (Ez 40-42).
318. Q ual foi o nom e dado pelo chefe dos eunucos da
Babilônia a Daniel?
R.: Beltessazar (Dn 1.7).
319. Quais eram os nomes hebraicos de Sadraque, Mesaque
e Abede-Nego?
R.: Hananias, M isael e Azarias (Dn 1.7).
320. Para não se contaminar com as finas iguarias do rei,
que alimento Daniel pediu para o cozinheiro chefe?
R.: legumes e água (Dn 1.12).
321. Qual foi o primeiro sonho do rei Nabucodonosor?
R.: uma grande estátua (Dn 2.31).
322. Qual é o nome do chefe da guarda do rei encarregado
de matar os sábios da Babilônia?
R.: Ariocjue (Dn 2.14).
323. Q uantas vezes m ais o rei N abucodonosor m andou
aquecer a fornalha para jogar os três homens?
R.: Sete (Dn 3.19).
324. Como se chamavam os homens jogados na fornalha de
fogo ardente?
R.: Sadraque, Mesaque e Abede-Nego (Dn 3.22-23).
325. Quantos homens o rei Nabucodonosor viu passeando
dentro do fogo na fornalha?
R.: Quatro (Dn 3.25).
326. Qual foi o segundo sonho do rei Nabucodonosor in­
terpretado por Daniel?
R.: uma grande árvore no meio da terra, cuja altura era grande (Dn
4.10).
327. De que rei está escrito que seus cabelos cresceram como
as penas da águia, e as suas unhas, como as das aves?
R.: Nabucodonosor (Dn 4.33).
328. Qual é o nome do rei que viu uns dedos de mão de
homem escrevendo na caiadura da parede do palácio real?
R.: Belsazar (Dn 5.1-5).
329. Quais foram as palavras escritas na parede do palá­
cio real interpretadas por Daniel?
R.: Mene, Mene, Tequel e Parsim (Parsim é o plural de Peres, Dn
5.24-28).
330. Que rei foi obrigado a ordenar que lançassem Daniel
na cova dos leões?
R.: Dario (Dn 6.14-1.7).
331. Que rei judeu teve seus olhos vazados pelo rei da
Babilônia?
R.: Zedequias (Jr 52.11).
332. Como se chamava o campo onde Nabucodonosor le­
vantou a estátua de ouro?
R.: Campo de Dura (Dn 3.1).
333. Com que idade Dario ocupou o reino dos caldeus?
R.: 62 (Dn 9.1 e 5.31).

Profetas menores
334. Qual foi a cidade para onde Jonas embarcou fugindo
da presença do Senhor?
R.: Társis (Jn 1.3).
335. Quem esteve três dias e três noites no ventre de um
peixe?
R.: Jonas (Jn 1.17).
336. Qual foi o profeta que, entre seus ofícios, foi pastor,
boieiro e colhedor de sicômoros?
R.: Amós (Am 1.1, 7.14).
337. Cerca de quantas pessoas habitavam em Nínive?
R.: mais de 120 (Jn 4.11).
338. Contra que cidade Deus mandou Jonas clamar?
R.: Nínive (Jn 1.2).
339. Quantos dias eram necessários para percorrer a cida­
de de Nínive?
R.: três (Jn 3.3).
340. Com quem o Senhor mandou o profeta Oséias casar-se?
R.: com uma prostituta (Os 1.2).
341. Qual é o nome da mulher com quem Oséias casou-se?
R.: Gômer (Os 1.3).
342. Que livro dos profetas menores repete a frase: "Por três
transgressões de..., e por quatro, não sustarei o castigo"?
R.: Amós (Am 1.3, 6, 9, 11,13).
343. Que livro dos profetas menores é uma sentença con­
tra Nínive?
R.: Naum (Na 1.1).
344. Qual é o nome do profeta que o Senhor mandou fazer
um "outdoor"?
R.: Habacuque (Hb 2.2).

Evangelhos
345. Qual era o ofício de José, marido de Maria?
R.: Carpinteiro (Mt 13.55)
346. Qual foi o decreto de César Augusto para todos os
súditos de seu im pério que fez José sair de N azaré para
Belém?
R.: O alistamento ou o recenseamento (Lc 2.1-3)
347. Qual foi a promessa de Deus a Simeão, o profeta?
R.: Que ele não morreria antes de ter visto o Cristo do Senhor (Lc
2.26)
348. Com quem Jesus conversou à beira do poço de Jacó?
R.: Com uma mulher samaritana (Jo 4.6s)
349. Como Jesus principiou seus sinais em Caná da Galiléia?
R.: Transformando água em vinho (Jo 2.1-11)
350. Quantas pessoas Jesus alimentou na segunda multi­
plicação de pães?
R.: Quatro mil homens, fora mulheres e crianças (Mc 8.1-9)
351. Para que serviria o estáter que Jesus mandou um dos
discípulos tirar da boca do primeiro peixe que pescasse?
R.: Para pagar os tributos (Mt 17.27)
352. O leproso que voltou para agradecer a cura era Judeu
Galileu ou Samaritano?
R.: Samaritano (Lc 17.16)
353. Quanto tempo ficou Lázaro morto na sepultura?
R.: Quatro dias (Jo 11.17)
354. Com que sinal Judas Iscariotes traiu Jesus?
R.: Com um beijo (Mt 26:48)
355. O que Jesus fez aos discípulos quando acabou a ceia?
R.: Lavou os pés deles (Jo 13.1-12)
356. Por quantas moedas de prata Judas Iscariotes traiu
"esus?
R.: Por trinta moedas de prata (Mt 26.15)
357. Quantas vezes Pedro negou Jesus?
R.: Três (Mt 26.69-74)
358. Como se vestia João Batista?
R.: Com vestido de pêlos de camelo e um cinto de couro em torno
ie seus lombos (Mt 3.4)
359. Como se alimentava João Batista?
R.: Com gafanhotos e mel silvestre (Mt 3.4)
360. Em que dia da semana Jesus curou com lodo um cego
ie nascença?
R.: No sábado (Jo 9.14)
361. Quanto ofertou a viúva pobre na arca do tesouro do
templo de Herodes?
R.: Duas pequenas moedas (cinco réis) (Mc 12.42)
362. Em quantas partes se dividiram as vestes de Jesus?
R.: Em quatro (Jo 19.23)
363. O que Pilatos fez para não participar da condenação
de Jesus?
R.: Lavou as mãos (Mt 27.24)
364. Quem os Judeus escolheram para ser liberto no lugar
de Jesus?
R.: Barrabás (Mt.27.21)
365. O que aconteceu com o véu do templo quando Jesus
expirou?
R.: Se rasgou em dois, de alto a baixo (Mc 15.38)
366. Que discípulo pediu o corpo de Jesus a Pilatos?
R.: José de Arimatéia (Mc 15.43-45)
367. A quem Jesus apareceu prim eiram ente depois que
ressuscitou?
R.: M aria M adalena (Mc 16.9)
368. Em que caminho Jesus apareceu a dois discípulos e
explicou-lhes as Escrituras?
R.: Caminho de Emaiís (Lc 24.13)
369. Como morreu Judas Iscariotes?
R.: Enforcado (precipitando-se, rebentou pelo meio e todas as suas
entranhas se derramaram-M t 27.5, At 1.18)
370. O que fez Pedro quando o Senhor olhou para ele de­
pois de tê-lo negado?
R.: Saiu para fora e chorou amargamente (Lc 22.61s)
371. Como morreu João Batista?
R.: Degolado (Mt 14.10)
372. Quantas pessoas comeram na primeira multiplicação
de pães?
R.: Cinco mil homens, além das mulheres e crianças (Mt 14.21)
373. Quais foram as dádivas oferecidas a Jesus pelos magos?
R.: Ouro, incenso e mirra (Mt 2.11)
374. Em que período do dia Nicodemos foi falar com Jesus?
R.: Â noite (Jo 3.1)
375. Em que evangelho se encontra a parábola "o trigo e o
jo io "?
R.: M ateus (Mt 13.24s)
376. Em que evangelho se encontra a parábola "o filho pró­
digo"?
R.: Lucas (Lc 15.11s)
377. Em que evangelho se encontra a parábola "o rico e
Lázaro"?
R.: Lucas (Lc 16.19s)
378. Que evangelho foi escrito a Teófilo?
R.: Lucas (Lc 1.3)
379. Quais os discípulos Jesus levou ao monte da transfi­
guração?
R.: Pedro, Tiago e João (Mt 17.1)
380. Quem decretou o alistamento que obrigou José e Maria
irem a Belém?
R.: Imperador Augusto (César Augusto- Lc 2.1)
381. A que seita pertencia Nicodemos?
R.: Os fariseus (Jo 3.1)
382. Q ual é o único milagre de Jesus Cristo narrado nos
quatros evangelhos?
R.: A primeira multiplicação de pães (cinco mil homens alim enta­
dos- M t 14.20: Mc 6.42; Lc 9.17 e Jo 6.12)
383. Que grupo religioso dizia não haver ressurreição: a)
os fariseus, b) os saduceus ou c) os essênios?
R.: Os saduceus (Mt 22.23)
384. Qual era a profissão de Mateus?
R.: Cobrador de impostos (ou publicano) (Mt 10.3)
385. Q u al é o ú n ico ev an g elh o que cita o n om e de
Nicodem os?
R.: O de João (Jo 3.1)
386. O que se comemorava no local onde Jesus transformou
água em vinho?
R.: Umas bodas (uns casamentos) (Jo 2.1)
387. De que enfermidade Jesus curou a sogra de Pedro?
R.: Febre (Mt 8.14)
388. Onde estava João Batista quando enviou dois de seus
discípulos para interrogar a Jesus?
R.: Preso no cárcere (da fortaleza deM aquero, na Peréia) (Mt 11.2)
389. O que os príncipes dos sacerdotes fizeram com o di­
nheiro que Judas ganhou pela traição?
R.: Compraram o campo dum oleiro (o campo de sangue) (Mt 27.7-8)
390. Sobre o que os soldados de Pilatos lançaram sorte
depois de crucificarem Jesus?
R.: Sobre a túnica de Jesus (Jo 19.24)
V
391. Que tipo de bebida deram para Jesus na cruz?
R.: Vinagre (Jo 19.29-30)
392. E que bebida Ele recusou?
R.: Vinho comfel (Mt 27.34)
393. Quantos dias e quantas noites Jesus jejuou?
R.: Quarenta dias e quarenta noites (Mt 4.2)
394. Qual era a profissão de Pedro e André?
R.: Pescadores (Mt 4.18)
395. Quantas pessoas morreram com a queda da torre de
Siloé?
R.: Dezoito (Lc 13.4)
396. Em que dia da semana Jesus ressuscitou?
R.: Domingo (Mc 16.1-2)
397. O que simboliza o pão, na ceia de Senhor?
R.: O corpo de Cristo (Lc 22.19)
398. E o cálice?
R.: O sangue de Jesus (o Novo Testamento) (Lc 2.20)
399. Como se chamava o discípulo amado por Jesus?
R.: João (evangelista) (Jo 13.33)
400. Quantos anos padecera a mulher com fluxo de sangue?
R.: Doze (Lc 8.43)
401. Que idade tinha a filha de Jairo quando Jesus a res­
suscitou?
R.: Doze anos (Lc 8.42)
402. Quantos porcos precipitaram-se por um despenhadeiro
ao mar quando Jesus expulsou os espíritos imundos de um
homem gadareno?
R.: quase dois mil porcos (Mc 5.13)
403. Quais discípulos Jesus chamou de Boanerges, que sig­
nifica filhos do trovão?
R.: Tiago e João (Mc 3.17)
404. Há quanto tempo se achava enfermo o paralítico de
Betesda que Jesus curou?
R.: Trinta e oito anos (Jo 5.5)
405. Q uantos peixes os discípulos pegaram na segunda
grande pesca?
R.: Cento e cinqüenta grandes peixes (Jo 21.11)
406. Que grupo religioso se dedicava a práticas m inucio­
sas, como, por exemplo, pagar escrupulosamente o dízimo
e se lavar antes de comer?
R.: Os fariseus (Mt 23.23-25; Mc 7.3-4)
407. Que pessoas se recusavam comer na casa de quem não
pertencia ao seu grupo?
R.: Os fariseus (Mt 9.11)
408. Quem eram os copistas e mestres das Escrituras?
R.: Os escribas (Mt 22.35; Lc 11.44-46)
409. Quais eram os dois discípulos que queriam chamar
fogo do céu sobre os samaritanos?
R.: Tiago e João (Lc 9.54)
410. Bartimeu era: a) um leproso; b) um cego mendigo ou
c) um aleijado das mãos?
R.: Um cego mendigo (Mc 10.46)
411. Quem disse: "Porventura condena a nossa lei um ho­
mem sem primeiro ouvi-lo para descobrir o que faz"?
R.: Nicodemos (Jo 7.51)
412. Quem disse: "N ão entre na questão desse Justo, por­
que num sonho muito sofri por causa dele"?
R.: A mulher de Pilatos (Mt 27.19)
413. Quem disse: "Senhor, eis que eu dou aos pobres m e­
tade dos meus bens e, se nalguma coisa tenho defraudado
alguém, o restituo quadruplicado"?
R.: Zaqueu (Lc 19.8)
414. Quem disse: "D ai a César o que é de César, e a Deus o
que é de Deus"?
R.: Jesus Cristo (Mt 22.21)
415. Quem disse: "É necessário que Ele cresça, e que eu
dim inua" ?
R.: João Batista (Jo 3.30)
416. Quem disse: "Se eu não vir o sinal dos cravos em suas
mãos e não meter o dedo no lugar dos cravos,... de maneira
nenhuma o crerei"?
R.: Tomé (Jo 20.25)
417. Quem disse: "R abôni" (que quer dizer mestre) a Jesus?
R.: M aria Madalena (Jo 20.16)
418. Quem disse: "Eu careço de ser batizado por Ti, e vens
tu a m im "?
R.: João Batista (Mt 3.14)
419. Quem disse: "Sim, Senhor, mas também os cachorrinhos
comem das migalhas que caem da mesa dos seus senhores"?
R.: A mulher cananéia (Mt 15.27)
420. Como foi que os magos do Oriente souberam do nas­
cimento de Jesus Cristo?
R.: Através da estrela de Belém (ou do Oriente- M t 2.2)
421. Que rei reedificou o templo de Jerusalém no tempo
de Cristo?
R.: Herodes, o Grande (compare: Jo 2.20 e M t 2.1)
422. Como foi que José entendeu a gravidez de Maria, mãe
de Jesus?
R.: Um anjo lhe apareceu em sonho e lhe explicou (Mt 1.20)
423. Que criancinha saltou de alegria, no ventre de sua mãe,
quando Isabel ouviu a saudação de Maria?
R.: João Batista (Lc 1.41)
424. Quem foi constrangido a levar a cruz de Cristo?
R.: Simão, o cireneu (Mt 27.32)
425. A quem Jesus foi prim eiram ente apresentado ao ser
preso
R.: A Anás (Jo 18.13)
426. Quem assumiu o lugar de Herodes, o Magno, quan­
do ele morreu?
R.: Arquelau (Herodes Arquelau, o etnarca) (Mt 2.22)
427. Em quais línguas estava escrita a frase "Jesus Nazareno,
Rei dos judeus"?
R.: Hebraico, grego e latim (Jo 19.20)
428. Quem disse: "Está consum ado"?
R.: Jesus Cristo (Jo 19.30)
429. Qual foi a expressão aramaica dita por Jesus Cristo à
filha de Jairo no momento em que Ele a ressuscitou?
R.: Talita cumi (Mc 5.41)
430. Qual é o único evangelho que se refere a Jesus como
Verbo?
R.: João (Jo 1.1)
431. Em que evangelho se encontram as bem-aventuranças?
R.-.Mateus (Mt 5.3-12)
432. Qual foi a palavra aramaica dita por Jesus ao curar um
surdo e gago e que significa "abre-te"?
R.: Efatá (Mc 7.34)
433. Que anjo foi enviado para anunciar o nascimento de
João Batista e o nascimento de Jesus Cristo?
R.: Gabriel (Lc 1.11-22, 26-31)
434. Qual o nome da profetisa que, aos oitenta e quatro anos,
não se apartava do templo, onde servia a Deus de dia e de
noite em jejum e oração?
R.: Ana (Lc 2.36-38)
435. Quem tomou uma líbia (arretéis) de bálsamo, de nardo
puro e de grande preço, ungiu os pés de Jesus e os enxu­
gou com cabelos?
R.: M aria de Betânia (irmã de M arta- Jo 12.1-3)
436. Qual é o nome do mendigo que jazia à porta do rico,
na parábola dita por Jesus Cristo?
R.: Lázaro (Lc 16.19-31)
437. Quem levou consigo uma composição de quase cem
libras (arretéis) de mirra e de aloés e ajudou a preparar o
corpo de Jesus para ser sepultado?
R.: Nicodemos (Jo 19.39)
438. Q ual é o nom e de um dos discípulos a quem Jesus
apareceu no caminho de Emaús?
R.: Cléopas (Lc 24.18)
439. Quem é o discípulo a quem Jesus amava?
R.: João, o evangelista (Jo 13.33)
440. Quem é o pai de Tiago e João?
R.: Zebedeu (Mt 4.21)
441. Qual é o nome do pai de Mateus ou Levi?
R.: Alfeu (Mc 2.14)
442. Qual é o nome da mulher de Zacarias, sacerdote no
tempo de Herodes, "o grande"?
R.: Isabel (Lc 1.5)
443. Qual é o nome da prima de Isabel?
R.: Maria, mãe de Jesus (Lc 1.36)
444. Qual é o nome do filho de Isabel?
R.: João Batista (Lc 1.60)
445. Qual é o nome do pai da profetisa Ana?
R.: Fanuel (Lc 2.36)
446. Q ual é o nom e da m ulher de Cuza, procurador de
Herodes?
R.: Joana (Lc 8.3)
447. Qual é o nome da irmã de Marta?
R.: M aria (de Betânia) (Lc 10.39)
448. Qual é o nome do pai de Pedro?
R.: Jonas (ou João) (Jo 1.42)
c| i
r n

449. Qual é o nome do pai de Judas Iscariotes?


R.: Simão (Jo 6.71)
450. Qual é o nome do irmão de Marta?
R.: Lázaro (Jo 11.5)
451. Qual é o nome do sogro de Caifás?
R.: Anás (Jo 18.13)
452. Qual é o nome da mulher de Zebedeu?
R.: Salomé (Mt 27.56; M c 15.40).
453. Qual é o nome do irmão de Pedro?
R.: André (Jo 1.40)
454. Qual é o nome dos filhos de Simão Cirineu?
R.: Alexandre e Rufo (Mc 15.21)
455. Qual é o nome do servo do sumo sacerdote de Caifás
a quem Jesus, tocando-lhe a orelha, o curou?
R.: M alco (Lc 22.51 e Jo 18.10)
456. Como se chamava o homem que teve a orelha cortada
por Pedro?
R.: M alco (Jo 18.10)
457. Qual é o nome do filho primogênito de Herodes Magno?
R.: Arquelau (Herodes Arquelau, o etnarca) (Mt 2.22)
458. Quem foi o primeiro discípulo de Jesus?
R.: André (Jo 1.41-42)
459. Quem mandou açoitar Jesus e depois entregou-o para
ser crucificado?
R.: Pilatos (Pôncio Pilatos) (Jo 19.1,16)
460. Quem foi o sumo sacerdote no tempo de João Batista
que profetizou que Jesus deveria morrer?
R.: Caifás (Jo 11.49-52)
461. A tradução do meu nome é: "Deus Conosco". Quem
sou eu?
R.: Emanuel (Mt 1.23)
462. M andei degolar todos os meninos de Belém de dois
anos para baixo. Quem sou eu?
R.: Herodes (Herodes M agno - Mt 2.16).
463. Qual é o nome do pai de José, marido de Maria?
R.: Jacó (Mt 1.16)
464. O anjo Gabriel me anunciou o nascimento de meu fi­
lho, meu Salvador. Quem sou eu?
R.: M aria (mãe de Jesus - Lc 1.26-38)
465. Estive na transfiguração com Jesus, não escrevi nenhum
evangelho e nem epístolas. Quem sou eu?
R.: Tiago, o maior (irmão de João - Mc 9.2)
466. Recebi a responsabilidade de cuidar da mãe de Jesus.
Quem sou eu?
R.: João ( o evangelista - Jo 19.26-27)
467. Encontrei Natanael e levei-o a Jesus. Quem sou eu?
R.: Filipe (apóstolo - Jo 1.45-46)
468. Induzi minha filha a pedir a cabeça de João Batista.
Quem sou eu?
R.: Herodias (Mt 14.8)
469. Exercendo eu o sacerdócio diante de Deus, apareceu-
me um anjo e revelou-me o nascimento do meu próprio fi­
lho. Quem sou eu?
R.: Zacarias (Lc 1.5-13)
470. Os discípulos de Jesus, meus irmãos, divulgaram en­
tre si que eu não haveria de morrer. Quem sou eu?
R.: João (o evangelista - Jo 21.23)
471. Entre os nascidos de m ulher, não apareceu profeta
maior do que eu. Quem sou eu?
R.: João Batista (Lc 7.28)
472. Qual é o nome do pai de Tiago, o menor?
R.: Alfeu (Mt 10.3)
473. Vi os céus abertos e o Espírito de Deus que descia em
forma de pomba, e pousava sobre Jesus. Quem sou eu?
R.: João Batista (Mt 3.16)
474. No mesmo dia em que Jesus foi crucificado, Pilatos e
eu nos tornamos amigos. Quem sou eu?
R.: Herodes (Herodes Antipas I - L c 23.12)
475. Sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o cam i­
nho do Senhor. Quem sou eu?
R.: João Batista (Jo 1.23)
476. Não me achei digno de desatar a correia das alparcas
de Cristo. Quem sou eu?
R.: João Batista (Lc 3.16)
477. Assisti à transfiguração e também fisguei o peixe com
a moeda na boca. Quem sou eu?
R.: Pedro (Simão Pedro, Cefas - M t 17.1 e 27)
478. Jesus me perguntou três vezes: "Amas-me". Quem sou eu?
R.: Pedro (Simão Pedro, Cefas - Jo 21.15-17)
479. Em um sonho foi-me revelado a não temer em rece­
ber minha mulher, porque o que nela tinha sido gerada era
do Espírito Santo. Quem sou eu?
R.: José (marido de M aria - M t 1.18-25).
480. Escrevi um título em cima da cruz que dizia: "Jesus
Nazareno, Reis dos Judeus". Quem sou eu?
R.: Pilatos (Pôncio Pilatos - Jo 19.19).
481. Entre os doze apóstolos, eu exercia o cargo de tesou­
reiro. Quem sou eu?
R.: Judas Iscariotes (Jo 12.6; 13.29).
482. Para não participar da condenação de Jesus, lavei as
minhas mãos. Quem sou eu?
R.: Pilatos (Pôncio Pilatos - Mt 27.24).
483. Qual é o nome da mulher de Filipe, irmão de Herodes,
"O Tetrarca"?
R.: Herodias (Mt 14.3)
484. Quem andou sobre as águas para ir até Jesus?
A
R.: Pedro (Simão Pedro, Cefas - M t 14.29)
485. Fui a primeira cidade a conhecer o "R ei dos Judeus",
que é o "M essias". Quem sou eu?
R.: Belém (da Judéia - M t 2.2-8)
486. Fui uma das dádivas dada ao menino Jesus. Estive no
seu nascimento e no seu sepultamento. Quem sou eu?
R.: M irra (Mt 2:11 e Jo 19.39)
487. Sou uma província entre a Judéia e a Galiléia. Quem
sou eu?
R.: Samaria (Lc 17.11; Jo 4.4)
488. Em que cidade moravam Pedro e sua sogra?
R.: Cafarnaum (Mt 8.14)
489. Ouvindo que João Batista estava preso, Jesus foi ha­
bitar em que cidade?
R.: Cafarnaum (Mt 4.13)
490. Em que lugar João Batista costumava pregar?
R.: No deserto da Judéia (Mt 3.1)
491. Em que cidade se encontrava o tanque de Siloé?
R.: Jerusalém (Jo 8.59, 9.7)
492. Em que cidade Jesus Cristo foi crucificado?
R.: Jerusalém (Mt 27.35-38)
493. Em que cidade Jesus curou um enfermo no poço de
Betesda?
R.: Jerusalém (Jo 5.1,8)
494. Em que cidade apresentaram uma mulher apanhada
em adultério?
R.: Jerusalém (Jo 8.13)
495. Em que cidade Jesus curou, com lodo, um cego de
nascença?
R.: Jerusalém (Jo 8.59, 9-7)
( I
r 496. Em que cidade Jesus celebrou a Santa Ceia?
R.: Jerusalém (Lc 22.10, 21.37)
497. Em que cidade Judas Iscariotes suicidou-se?
R.: Jerusalém (Mt 27.3-10)
498. Em que cidade Jesus Cristo nasceu?
R.: Belém (da Judéia) (Mt 1.24-25)
499. Em que cidade Jesus Cristo foi circuncidado?
R.: Belém (Lc2.21)
500. Em que cidade foram mortas as crianças de dois anos
para baixo?
R.: Belém (Mt 2.16-18)
501. Em que cidade os magos do Oriente visitaram o me­
nino Jesus?
R.: Belém (Lc 2.22-38)
502. Em que cidade Maria recebeu a anunciação do Messias?
R.: Nazaré (Lc 1.26-38)
503. Em que cidade Jesus passou a maior parte de sua vida?
R.: Nazaré (Lc 2.39; 3.23; 4.16)
504. Em que cidade da Galiléia Jesus foi expulso pela l . a
vez?
R.: Nazaré (Lc 4.16,29)
505. Em que rio Jesus foi batizado?
R.: Jordão (Mt 3.13-15)
506. Em que mar Jesus realizou o milagre da primeira gran­
de pesca?
R.: Lago de Genesaré (ou mar da Galiléia) (Lc 5.1-6)
507. Em que rio João Batista batizava seus discípulos?
R.: No rio Jordão (Mt 3.6)
508. Em que cidade moravam Pedro e André?
R.: Cafarnaum (Mc 1.21 e 29)
509. Em que cidade moravam Tiago e Joao?
R.: Cafarnaum (Mc 1.21 e 29)
510. Em que cidade morava a sogra de Pedro?
R.: Cafarnaum (Mc 1.21, 29 e 30)
511. D epois de deixar N azaré, em que cidade Jesus foi
morar?
R.: Cafarnaum (Mt 4.13)
512. Em que cidade morava Mateus?
R.: Cafarnaum (Mt 9.1, 9 e 10)
513. Em que cidade Jesus curou a sogra de Pedro?
R.: Cafarnaum (Mc 1.21, 30 e 31)
514. Em que cidade Jesus curou um paralítico levado por
quatro homens (pelo telhado)?
R.: Cafarnaum (Mc 2.1-12)
515. Em que cidade Jesus curou o servo do centurião?
R.: Cafarnaum (Mt 8.5-13)
516. Em que cidade Jesus curou a filha de Jairo?
R.: Cafarnaum (Lc 8.39-56)
517. Em que cidade Jesus Cristo curou a mulher que pa­
decia de fluxo de sangue?
R.: Cafarnaum (Lc 8.44-48)
518. Em que cidade Jesus Cristo pagou tributo (ou imposto)?
R.: Cafarnaum (Mt 17.24-27)
519. Em que cidade Jesus Cristo operou seu primeiro m i­
lagre?
R.: Caná da Galiléia (Jo 2.1-11)
520. Qual é o nome do jardim em que Jesus Cristo curou a
orelha do servo do sumo sacerdote?
R.: Getsêmani (Lc 22.51)
521. Em que cidade Natanael nasceu?
R.: Caná da Galiléia (Jo 21.2)
' ________________ ;
522. Em que jardim Jesus Cristo transpirou gotas de san­
gue?
R.: Getsêmani (Lc 22.44)
523. Em que jardim Jesus Cristo foi preso?
R.: Getsêmani (Lc 22.47-53)
524. Em que cidade nasceram Simão Pedro, André e Filipe?
R.: Betsaida (Jo 1.44)
525. Em que cidade Jesus Cristo ressuscitou Lázaro?
R.: Betânia (Jo 11.17,18)
526. Em que cidade moravam Marta e Maria?
R.: Betânia (Jo 12.1-3)
527. Depois que o menino nasceu (Jesus), José fugiu para
que país?
R.: Egito (Mt 2.13)
528. Depois de andar por cima do mar, Jesus foi para que
cidade?
R.: Genesaré (ou Genesar, Mt 14.34)
529. Em que mar Jesus repreendeu o vento e a fúria das
águas?
R.: M ar da Galiléia (Lc 8.22-26)
530. Em que província ficava Nazaré?
R.: Galiléia (Mt 2.22-23)
531. Em que cidade Jesus ressuscitou o filho de uma viúva?
R.: Naim (Lc 7.11-15).
532. Quem foi assassinado entre o Altar e o Santuário?
R.: Zacarias (Mt 23.35, Lc 11.51).
533. Em que tipo de árvore Zaqueu subiu?
R.: Sicômoro (ou figueira brava, Lc 19.4).
534. Qual era a profissão de Zaqueu?
R.: Publicano (Maioral dos publicanos ou cobradores de impostos,
Lc 19.2).
"\
535. Para quem Jesus disse: "T e vi, quando estavas debai­
xo da figueira"?
R.: Para Natanael (Jo 1.48).
536. Que ilustre m embro do sinédrio que servia a Jesus
ocultamente é citado nos quatro evangelhos?
R.: José de Arimatéia (Lc 23.50-53; Mc 15.42-47; M t 27.57-60 e
Jo 19.38-42).
537. Em que mês de gravidez Isabel estava quando o Anjo
anunciou o nascimento de Jesus para Maria?
R.: Sexto (Lc 1.36).
538. Quando Jesus foi preso, um dos seus discípulos cor­
tou a orelha do servo do sumo sacerdote. Qual foi a orelha
cortada?
R.: A direita (Lc 22.50).
539. A que horas Jesus foi crucificado?
R.: à terceira hora (ou, às nove horas da manhã - M c 15.25).
540. Mandei matar os galileus cujo sangue m isturei com os
seus sacrifícios. Quem sou eu?
R.: Pilatos (Pôncio Pilatos - Lc 13.1)
541. Quantas vezes a Bíblia menciona que Jesus teve fome?
R. : Duas (na tentação, M t 4.2 e Lc 4.2; e na figueira estéril, Mt
21.18 e M c 11.12).

Atos
542. A quem foi dirigido o livro Atos dos Apóstolos?
R.: A Teófilo (At 1.1)
543. Quem escreveu o livro de Atos dos Apóstolos?
R.: Lucas (Lc 1.3; At 1.1)
544. Quem pregou no dia de Pentecostes?
R.: Pedro (At 2.14)
545. Quais foram os apóstolos que curaram o coxo de nas­
cença na porta do templo de Herodes?
R.: Pedro e João (At 3.3-7 e 12)
546. Quem foi o primeiro dos doze apóstolos a ser marti-
rizado?
R.: Tiago (o maior, At 12.2)
547. Há que horas houve a descida e a m anifestação do
Espírito Santo no dia de Pentecostes?
R.: Â terceira hora do dia (ou às 9h atual, At 2.15)
548. Qual era o nome da mãe de João, cognominado Marcos?
R.: M aria (At 12.12)
549. Era um dos dois candidatos a preencher a vaga no
ministério e apostolado depois da morte de Judas, mas não
ganhei. Quem sou eu?
R.: José (chamado Barsabás, cognominado Justo- At 1.23-26)
550. Fui escolh id o para preen ch er a vaga de Ju d as no
apostolado depois de seu suicídio. Quem sou eu?
R.: M atias (At 1.23-26)
551. Quem, junto com a esposa, vendeu um campo e, to­
mando parte do preço, depositou o resto aos pés dos após­
tolos como se fosse toda a quantia?
R.: Ananias (de Jerusalém- A t 5.1-10)
552. Fui enviado por Deus a Saulo de Tarso para que recu­
perasse a visão e fosse cheio do Espírito Santo. Quem sou
eu?
R.: Ananias (de Damasco, At 9.10-19)
553. A quem Paulo disse: "Deus há de ferir-te, parede bran-
queada"?
R.: Ananias (sumo sacerdote, At 23.2 e 3)
554. Qual é o nome da mulher de Ananias, ferida de morte
por haver mentido a Deus?
R.: Safira (At 5.1-10)
555. Quem disse: "D aí de mão a estes homens, deixai-os;
porque se este conselho ou esta obra vem de homens pere­
cerá; mas, se é de Deus, não podereis destruí-los, para que
não sejais, porventura, achados lutando contra D eus"?
R.: Gamaliel (fariseu, mestre âa Lei, membro do Sinédrio, At 5.34,
38 e 39)
556. Quem insinuando ser alguma coisa induziu cerca de
400 homens a segui-lo, procurando desencaminhar o povo
com suas falsas doutrinas?
R.: Teudas (At 5.36)
557. Quem foi que chefiou uma revolta na qual pereceu ele
e todos os que o acompanhavam (citado por Gamaliel)?
R.: Judas (o galileu, A t 5.37)
558. Quem foi o primeiro mártir cristão?
R.: Estêvão (At 7.59-60)
559. Quais foram os sete diáconos eleitos pela igreja de
Jerusalém ?
R.: Estêvão, Filipe, Prócoro, Nicanor, Timão, Pármenas e Nicolau.
(At 6.5)
560. Depois da minha morte, houve a primeira grande per­
seguição na igreja em Jerusalém. Quem sou eu?
R.: Estêvão (At 7.59, 60 e 8:1)
561. Quem foi o p rosélito de A ntioqu ia e um dos sete
diáconos eleito pela igreja em Jerusalém?
R.: Nicolau (At 6.5)
562. Qual foi o diácono que levou o evangelho a Samaria?
R.: Filipe (At 8.5-13)
563. Quem evangelizou um etíope eunuco em um deserto?
R.: Filipe (At 8.26-35)
564. Qual era o título real que as rainhas da Etiópia usa­
vam?
R.: Candace (At 8.27)
565. Qual é o nome do mágico (feiticeiro) convertido pela
instrum entalidade de Filipe?
R.: Simão (o mágico - At 8.9-24)
566. Quem tentou adquirir o dom do Espírito Santo por meio
do dinheiro?
R.: Simão (o mágico - At 8.9-24)
567. Qual era o livro que o eunuco, alto oficial da rainha
dos etíopes, lia quando foi evangelizado?
R.: O profeta Isaías (At 8.28)
568. Na casa de quem Saulo (ou Paulo) alojou-se logo após
a sua conversão?
R.: Judas (At 9.11).
569. Vendi um campo e trouxe o preço e o depositei aos
pés dos apóstolos. Quem sou eu?
R.: Barnabé (José cognominado Barnabé - Ananias trouxe somen­
te parte do preço- At 4.36-37).
570. Qual é o nome do paralítico que Pedro curou em Lida?
R.: Enéias (At 9.33).
571. Quanto tempo o paralítico Enéias jazia em uma cama?
R.: Oito anos (At 9.33).
572. Q u al é o sig n ifica d o em grego do n om e T a b ita
(aram aico), uma discípula muito amada m encionada no
Livro de Atos?
R.: Dorcas (At 9.36).
573. Qual é o nome da discípula ressuscitada por Pedro
perto de Lida?
R.: Tabita (ou Dorcas - At 9.36-40).
574. Na casa de quem Pedro hospedou-se em Jope duran­
te muitos dias?
R.: De Simão (o curtidor - At 9.43).
575. Qual era o ofício de Cornélio na corte chamada italiana?
R.: Centurião (ou chefe de cem homens - At 10.1).
576. A que horas Cornélio teve uma visão de um anjo de
Deus?
R.: Quase à hora nona (ou quase às 15h- At 10.3).
577. O anjo do Senhor mandou Cornélio enviar homens para
chamar que apóstolo?
R.: Pedro (At 10. 4-5)
578. Na casa de quem o apóstolo Pedro estava hospedado
quando os homens de Cornélio foram chamá-lo?
R.: De Simão (o curtidor - At 10.6)
579. Na casa de quem houve a descida do Espírito Santo e
o início da obra do evangelho entre os gentios?
R.: De Cornélio (At 10.24, 44 e 45)
580. Quantos dias esteve Cornélio em jejum até que teve
uma visão do anjo de Deus?
R.: Quatro (At 10.30)
581. Qual foi o profeta que predisse a grande fome nos dias
de Cláudio?
R.: Ágabo (At 11.27,28)
582. Ágabo era profeta de que cidade?
R.: Jerusalém (At 11.27 e 28)
583. Que profeta tom ou a cinta de Paulo e predisse sua
prisão?
R.: Ágabo (At 21.10 e 11)
584. Por ordem de que rei Tiago foi morto, o maior?
R.: Herodes (Agripa 1 - At 12.1 e 2)
585. De que forma morreu o apóstolo Tiago?
R.: Decapitado (ou morto à espada - At 12.2)
586. Para casa de quem Pedro foi depois de ser liberto da
prisão por um anjo?
R.: M aria (mãe de João Marcos - At 12.11 e 12)
587. Que criada anunciou a chegada de Pedro à porta da
casa de sua senhora quando ele foi liberto pelo anjo da pri­
são?
R.: Rode (At 12.13)
588. Qual é o nome do camareiro do rei Herodes Agripa I,
citado no Livro de Atos?
R.: Blasto (At 12.20)
589. Que rei morreu comido de vermes por não glorificar
a Deus?
R.: Herodes (Agripa I - At 12.21-23)
590. Barjesus, o mágico, falso profeta, procurava desviar da
fé que procônsul?
R.: Sérgio Paulo (13.6-8)
591. Qual é o nome hebraico a Barjesus (grego)?
R.: Elimas (At 13.8)
592. Qual foi o castigo que Deus deu a Barjesus por per­
verter os caminhos retos do Senhor?
R.: Ficou cego por algum tempo (At 13.11)
593. A partir de que capítulo do livro de Atos Saulo passa
a se chamar Paulo?
R.: Do treze (At 13.9s)
594. Q ual é o nom e do deus da m itologia rom ana que
Barnabé foi chamado em Listra?
R.: Júpiter (At 14.12)
595. Qual é o nome do deus da eloqüência, da mitologia
romana, que Paulo foi chamado em Listra?
R.: M ercúrio (At 14.12)
596. Por causa de quem houve uma desavença entre Barnabé
e Paulo a ponto de separarem-se um do outro?
R.: M arcos (ou João Marcos - At 15.37-39)
597. Q ue d iscíp u lo P au lo lev ou co n sig o p ara a obra
missionária depois da desavença com Barnabé?
R.: Silas (At 15.40)
598. Que discípulo cuja mãe era judia e o pai grego acom ­
panhou Paulo na segunda viagem missionária?
R.: Timóteo (At 16.1-4)
599. Qual era o nome da vendedora de púrpura da cidade
de Tiatira que se converteu ao Senhor pela pregação de Paulo?
R.: Lídia (At 16.14)
600. Qual era o ofício da jovem possessa que Paulo curou?
R.: Adivinhadora (At 16.16)
601. Qual era o ofício do homem que tentou suicidar-se,
supondo que Paulo e os outros presos tivessem fugido?
R.: Carcereiro (At 16.27)
602. Qual é o nome do anfitrião que teve sua casa assalta­
da por hospedar Paulo e Silas?
R.: Jasom (At 17.5)
603. Quais eram os dois grupos de filósofos que contendiam
com Paulo em Antenas?
R.: Epicureus e Estóicos (At 17.18)
604. Em que local de Atenas Paulo pregou sobre o Deus
Desconhecido?
R.: Areópago (At 17.22)
605. Qual era o nome do areopagita que creu na pregação
de Paulo "ao Deus Desconhecido"?
R.: Dionísio (At 17.34)
606. Qual é o nome da mulher que se converteu em Ate­
nas com a pregação de Paulo "ao Deus Desconhecido"?
R.: Dâmaris (At 17.34)
607. Qual é o nome da esposa do judeu Áqüila, natural do
Ponto?
R.: Priscila (At 18.2)
608. Na casa de quem Paulo foi morar quando partiu de
Atenas para Corinto?
R.: Áqüila e Priscila (At 18.2 e 3)
609. Qual era o ofício de Áqüila e Priscila?
R.: Fazedores de tendas (At 18.2 e 3)
610. Quem decretou a retirada dos judeus de Roma, expul­
sando Áqüila e Priscila?
R.: Cláudio (At 18.2)
611. Onde moravam Áqüila e Priscila? Dica: Paulo morou
um tempo em sua casa.
R.: Corinto (At 18.2)
612. Qual era o nome do principal da sinagoga em Corinto
que ficava junto da casa de Tito Justo (converteu-se junto
com sua família)?
R.: Crispo (At 18.8)
613. Quem expulsou os judeus do tribunal ao dizer que
Paulo persuadia os homens contra a Lei?
R.: Gálio (At 18.13-16)
614. De que província Gálio era procônsul?
R.: Acaia (At 18.12)
615. Qual era o nome do chefe principal da sinagoga judaica
de Corinto espancado quando Gálio recusou aceitar as acu­
sações dos judeus contra Paulo?
R.: Sóstenes (At 18.17)
616. Na escola de quem Paulo discutiu acerca do reino de
Deus durante dois anos?
R.: Na escola de Tirano (At 19.9)
617. Qual é o nome do pai dos sete exorcistas judeus am­
bulantes que tentaram libertar um possesso de espíritos
malignos usando o nome de Jesus?
R.: Ceva (ou Sceva - At 19.13)
618. Qual é o nome do ourives que fazia miniaturas de prata
do templo de Diana e que também iniciou um grande tu­
multo contra Paulo?
R.: Demétrio (At 19.24s)
619. Qual era o nome da deusa grega dos efésios que foi
motivo de grande tumulto contra Paulo?
R.: Diana (At 19.27)
620. Como se chamava o gentio que os judeus pensaram
que Paulo tivesse introduzido no templo e por isso alvo­
roçaram toda a cidade para que prendessem o servo de Deus?
R.: Trófimo (At 21.27-33)
621. Qual é o nome do jovem que caiu da janela e morreu,
mas foi ressuscitado por Paulo?
R.: Êutico (At 20.9 el2 )
622. Qual dos sete diáconos tinha quatro filhas solteiras que
profetizavam?
R.: Filipe (At 21.8 e 9)
623. Qual era o nome do comandante que livrou Paulo dos
judeus que queriam m atá-lo em Jerusalém antes de ir a
Roma?
R.: Cláudio Lísias (At 23.26 e 27)
624. Qual é o nome do orador que acusou Paulo perante o
governador Félix?
R.: Tértulo (At 24.1 e 2)
625. Qual é o nome da esposa do governador Félix?
R.: Drusila (At 24.24)
626. Por quanto tempo esteve Paulo preso sobre o coman­
do de Félix?
R.: Dois anos (At 24.27)
627. Qual é o nome do governador da Judéia, sucessor de
Félix?
R.: Pórcio Festo (At 24.27)
628. Qual é o nome do governador da Judéia a quem Pau­
lo pediu para ser julgado por César?
R.: Festo (ou Pórcio Festo - At 25.11-12)
629. Qual é o nome do rei que interrogou Paulo logo após
sua apelação para César?
R.: Agripa (Herodes Agripa - At 25.26)
630. Quem disse: "Estás louco, Paulo! As muitas letras te
fazem delirar"?
R.: Festo (Pórcio Festo - At 26.24)
631. Quem disse: "Por pouco me queres persudir a que me
faça cristão?"
R.: Rei Agripa (Herodes Agripa - At 26.28)
632. Qual é o nome do centurião da corte im perial que es­
coltou Paulo a Roma?
R.: Júlio (At 27.1)
633. Qual é o nome do principal da ilha de Malta que rece­
beu e hospedou Paulo depois no naufrágio?
R.: Públio (At 28.7)
634. Qual era o emblema do navio alexandrino em que Paulo
viajou da ilha de Malta a Régio?
R.: Dióscuros (ARA ou Castor e Pólux, ARC - At 28.11)
635. Q u al é o nom e do sum o sacerd o te qu e, num
julgam ento,"m andou aos que estavam, junto dele (de Pau­
lo) que o ferissem na boca" ?
R.: Ananias (At 23.2)
636. Qual é o nome da irmã de Herodes Agripa II que as­
sistiu, junto de seu irmão e de Festo, à defesa de Paulo?
R.: Berenice (ela estava cometendo incesto com seu irmão, At 25.23)
637. Em que cidade houve a primeira descida do Espírito
Santo, “o Pentecostes"?
R.: Jerusalém (At 1.4)
638. Em que cidade Estêvão foi martirizado?
R.: Jerusalém (At 8.1)
639. Quais os lugares em que Jesus disse que os discípu­
los seriam suas testemunhas?
R.: Jerusalém, Judéia e Samaria, e até os confins da terra (At 1.8)
640. De onde eram os judeus que apedrejaram a Paulo e
depois arrastaram-no para fora da cidade, dando-o por mor­
to?
R.: Antioquia e Icônio (At 14.19-20)
641. Em que cidade foi fundada a primeira Igreja gentia?
R.: Antioquia (da Síria, At 11.19-26)
642. Em que cidade os discípulos foram pela primeira vez
chamados cristãos?
R.: Antioquia (da Síria, At 11.26)
643. Que cidade foi o berço das missões cristãs ao estran­
geiro? Dica: as três viagens m issionárias de Paulo saíram
de lá.
R.: Antioquia (da Síria, At 13.1-3; 15.35-36; 18.22-23)
644. Em que cidade foi profetizada a grande fome que so­
breveio nos dias de Cláudio?
R.: Antioquia (da Síria, At 11.27-28)
645. Como se chamava a cidade onde o diácono Filipe foi
arrebatado pelo Espírito do Senhor?
R.: Azoto (At 8.39-40)
646. Em que cidade morava Cornélio?
R.: Cesaréia (da Palestina - At 10.1)
647. Onde morava o diácono Filipe quando foi profetiza­
da a prisão de Paulo em Jerusalém?
R.: Cesaréia (da Palestina -A t 21.8)
648. Em que cidade Paulo fez a sua defesa perante Festo e
Agripa?
R.: Cesaréia (da Palestina - At 23.23; 26.1s)
649. Como se chamava a cidade em que Paulo foi transpor­
tado para ser julgado por Félix?
R.: Cesaréia (da Palestina - At 23.23-33)
650. Para onde Paulo estava indo quando se converteu?
R.: Damasco (At 9)
651. Qual era a cidade natal e primitiva residência de Paulo?
R.: Tarso (At 9.11; 11.25)
652. Em que aldeia (ou povoação) o paralítico Enéias foi
curado?
R.: Lida (At 9.32-35)
653. Em que cidade morava Dorcas (ou Tabita)?
R.: Jope (At 9.36)
654. Em que cidade Pedro teve a visão do grande lençol que
baixava à terra com toda sorte de quadrúpedes?
R.: Jope (At 11.5).
655. Q ual era o nom e do porto m arítim o da cidade de
Antioquia. Ponto de embarque das viagens m issionárias de
Paulo?
R.: Selêucia (At 13.1e 4)
656. Depois de serem separados pelo Espírito Santo para
a obra missionária, qual era o nome da cidade em que eles
pregaram o primeiro sermão em uma sinagoga judaica?
R.: Salamina (At 13.5).
657. Em que cidade o mágico, falso profeta, Barjesus pro­
curou desviar da fé o procônsul?
R.: Pafos (At 13.6-8)
658. Em que cidade Paulo curou um aleijado de nascença?
R.: Listra (At 14.8 e 9)
659. De que cidade João M arcos apartou -se de Paulo e
Barnabé voltando para Jerusalém?
R.: Perge (da Panfínia, At 13.13)
660. Qual era o nome do vento tempestuoso que impediu
o navio de Paulo de acostar na ilha de Creta quando ia para
Roma?
R.: Euro-aquilão (At 27.14)
661. Em que ilha naufragou o navio em que Paulo viajava?
R.: M alta (At 27.44; 28.1)
662. Como eram denominados os habitantes da ilha em que
o navio que Paulo viajava naufragou: a) Gregos; b) Rom a­
nos; c) Bárbaros?
R.: Bárbaros (At 28.2)
663. Que réptil prendeu-se na mão de Paulo, sendo sacu­
dido ao fogo?
R.: Uma víbora (At 28.3 e 5).
664. Qual é o nome do porto marítimo onde Paulo teve a
visão do homem macedônio rogando-lhe que passasse para
Macedônia?
R.: Trôade (ou Troas - At 16.8 e 9).
665. Em que cidade morava Lídia, vendedora de púrpura?
R.: Tiatira (At 16.14).
666. De que lugar eram os judeus nobres que examinavam
as Escritu ras todos os dias enquanto Paulo pregava: a)
Tessalônica ou b) Beréia?
R.: Da Beréia (At 17.11)
667. Em que cidade existia um altar "ao Deus Desconhe­
cido"?
R.: Atenas (At 17.21 e 23)
668. O que revoltava o espírito de Paulo em A tenas: a)
adultério; b) idolatria; c) feitiçaria?
R.: A idolatria dominante (At 17.16)
669. De que cuidavam (ou se ocupavam) os moradores de
Atenas na época em que Paulo pregou lá?
R.: Dizerem as últimas novidades (At 17.21)
670. Em que cidade m oravam D ionísio (o areopagita) e
Dâmaris?
R.: Atenas (At 17.34; 18.1)
671. Em que província nasceu Áqüila o italiano?
R.: Ponto (At 18.2)
r672. Em que porto Paulo rapou a cabeça antes de chegar a
Éfeso?
R.: Cencréia (At 18.18).
673. Em que cidade nasceu A poio, hom em eloqüente e
poderoso nas Escrituras e fervoroso de espírito?
R.: Alexandria (At 18.24)
674. Em que cidade ficava a escola de Tirano?
R.: Éfeso (At 18.1 e 9).
675. Qual era o preço calculado dos livros de artes m ági­
cas dos moradores de Éfeso que creram em Deus juntados
para ser queimados?
R.: 50.000 denários (At 19.19)
676. O que os efésios gritaram por espaço de quase duas
horas no tumulto causado por Demétrio?
R.: Grande é Diana dos efésios (At 19.34)
677. Em que porto ocorreu o m ilagre da ressurreição de
Êutico?
R.: De Filipos (At 20.6, 9-12)
678. Em que ilha Mnasom nasceu?
R.: Chipre (At 21.16)
679. Onde morava Mnasom velho discípulo?
R.: Jerusalém (At 21.15-17)
680. Na casa de quem Paulo hospedou-se na sua últim a
viagem para Jerusalém?
R.: De Mnasom (At 21.15-17)
681. Que grupo de sacerdotes compunha o sinédrio cujo
sumo sacerdote mandou bater na boca de Paulo?
R.: fariseus e saduceus (At 23.6)
682. Que grupo de judeus não acreditava em ressurreição,
anjo ou espírito?
R.: Os saduceus (At 23.8)
683. Quantos judeus juraram sob pena anátema (maldição)
que não comeriam nem beberiam enquanto não matassem
Paulo?
R.: M ais de 40 (At 23.12 e 13)
684. Quantos discípulos estavam presentes no dia de Pen-
tecostes, quando foi derramado o Espírito Santo sobre eles?
R.: 120 (At 1.15 e 2.1)
685. Quantas pessoas se reuniram no dia de Pentecostes
depois da pregação de Pedro?
R.: Quase três mil (At 2.41)
686. Qual era a idade do coxo curado por Pedro na porta
do templo?
R.: M ais de 40 anos (At 4.22)
687. Quanto tempo viveu Safira depois da morte de seu
marido? Dica: Que mentiu ao Espírito Santo.
R.: Quase três horas (At 5.7).
688. Quanto tempo durou o ministério de Cristo na terra
no período entre sua ressurreição e ascensão?
R.: 40 dias (At 1.3)
689. Qual foi a última cidade que Paulo pregou?
R.: Roma (At 28.16 e 23)
690. Quanto tempo Paulo morou em Roma?
R.: Dois anos (At 28.30).
691. De que doenças Paulo curou o pai de Públio?
R.: Disenteria e febre (At 28.8).
692. Quem disse: "Crê no Senhor Jesus, e serás salvo, tu e
tua casa"?
R.: Paulo e Silas (note: responderam-lhe...- At 16.29-31)
693. Quem circuncidou Timóteo?
R.: Paulo (At 16.1-3)
694. Qual é o significado da palavra Alcedama?
R.: Campo de sangue (Atos 1.19).
695. Quantas pessoas estavam na assem bléia em que foi
eleito o substituto de Judas Iscariotes?
R.: Umas 120 (Atos 1.15-26).
696. Quantas pessoas se agregaram à igreja de Cristo no dia
de Pentecostes?
R.: Quase três mil (Atos 2.1 e 41).

Paulinas
697. Quantas vezes aparece a palavra "am ém " na epístola
aos Romanos?
R.: Seis (Rm 1.25; 9.5; 11.36; 15.33; 16.24; 16.27).
698. Qual é o nome do homem cuja mãe foi como uma mãe
para Paulo, e que é o suposto filho de Simão Cireneu?
R.: Rufo (Rm 16.13 e M c 15.21).
699. Quem foi o copista (amanuense) que escreveu a epís­
tola aos Romanos ditada por Paulo?
R.: Tércio (Rm 16.22)
700. Qual é o nome do tesoureiro da cidade de Corinto?
R.: Erasto (Rm 16.23).
701. Qual é o nome da provável portadora da epístola aos
Romanos?
R.: Febe (Rm 16.1 e 2 - note recomendo-vos...recebais...).
702. Febe era crente de que igreja (cidade)?
R.: Cencréia (Rm 16.1).
703. Quais são os discípulos, com panheiros de Paulo de
prisão, convertidos ao evangelho antes dele?
R.: Andrônico e Júnias (Rm 16.7).
704. Em que cidade Paulo escreveu a epístola aos Rom a­
nos?
R.: Corinto (Rm 15.24, 25; At 19.21 e 20.2 e 3).
705. Em que evento Jesus disse: "Fazei isso em memória
de m im "?
R.: Na última Ceia (IC o 11.24-25).
706. Quais sao os nove dons que o Espírito Santo concede
aos crentes?
R.: Palavra da sabedoria, palavra do conhecimento, fé, dons de curar,
operações de milagres, profecia, discernimento de espíritos, varie­
dade de línguas, capacidade para interpretá-las (IC o 12.8 a 10).
707. Qual é o dom supremo?
R.: o amor (IC o 13.13).
708. Quantos discípulos Paulo batizou?
R.: Crispo, Gaio e a casa de Estéfanas (ICo 1.14 e 16).
709. Qual foi o principal da sinagoga de Corinto batizado
por Paulo?
R.: Crispo (IC o 1.14 e At 18.8).
710. Por meio de quem o apóstolo Paulo ficou sabendo que
havia contendas na igreja de Coríntios?
R.: Cloe (os da casa de Cloe - IC o 1.11).
711. Que pecado cometeu a pessoa da igreja de Corinto que
o apóstolo Paulo sentenciou que fosse entregue a Satanás
para a destruição da carne?
R.: possuiu a mulher de seu próprio pai (incesto - IC o 5.1 e 3).
712. De que cidade o apóstolo Paulo escreveu a primeira
epístola aos coríntios?
R.: Éfeso (IC o 16.8).
713. Qual era o nome do governador preposto do rei que
montou guarda na cidade de Damasco para prender Paulo?
R.: Aretas (2Ço 11.32).
714. Quantos açoites Paulo recebeu dos judeus?
R.: Cinco quarentenas menos um (2Co 11.24).
715. Em Antioquia, que apóstolo Paulo resistiu-lhe face a
face porque se tornara repreensível?
R.: Cefas (ou Simão Pedro - Gl 2.11).
716. Qual era o nome da cidade onde os galátas congrega­
vam?
R.: Galácia (Gl 1.2).
717. Quais são os nove itens do fruto do Espírito?
R.: Amor (Caridade), Alegria (Gozo), Paz, Longanimidade, Benig-
nidade, Bondade, Fidelidade (Fé), M ansidão e Domínio Próprio
(Temperança) (Gl 5.22,23).
718. Q ual era o nom e da cidade onde congregavam os
coríntios?
R.: Corinto (IC o 1.2 e 2Co 1.1).
719. Em que cidade se congregavam os efésios?
R.: Éfeso ( E fl.l) .
720. Qual era o nome da cidade onde os filipenses congre­
gavam?
R.: Filipos (Fl 1.1).
721. Em que cidade os colossenses congregavam?
R.: Colosso (Cl 1.2).
722. Qual era o nome da cidade em que os tessalonicenses
congregavam?
R.: Tessalônica (At 17.1 e lT s 1.1).
723. Em que cidade Tito estava quando Paulo escreveu-lhe
uma epístola?
R.: Creta (Tt 1.5).
724. Como Paulo relata a armadura de Deus?
R.: couraça da justiça, calçado os pés com a preparação do evange­
lho, escudo da fé, capacete da salvação e a espada do Espírito (que
é a Palavra de Deus) (E f6.14 — 17).
725. Qual é a única arma ofensiva (ataque) mencionada por
Paulo em referência à armadura de Deus?
R.: Espada do Espírito (que é a Palavra de Deus) (Ef6.17).
726. Qual é o nome do m ensageiro cristão da igreja dos
filipenses enviado para levar socorros ao apóstolo Paulo?
R.: Epafrodito (Fp 2.25).
727. Que cristão da igreja de Filipos chegou à beira da morte
para suprir a carência de Paulo?
R.: Epafrodito (Fp 2.25-30).
728. Quem foi o provável portador da epístola de Paulo aos
filipenses?
R.: Epafrodito (Fp 2.25-30).
729. Qual é o médico mencionado na epístola de Paulo aos
colossenses?
R.: Lucas (Cl 4.14).
730. Aos crentes de que igreja Paulo pede para que a epís­
tola aos colossenses também seja lida?
R.: aos laodicenses (Cl 4.16).
731. Aos membros de que igreja Paulo diz que se haviam
tornado modelo para todos os crentes da Macedônia e da
Acaia?
R.: aos tessalonicenses (lT s 1.7).
732. Em que cidade Timóteo estava quando Paulo lhe es­
creveu a primeira epístola?
R.: Éfeso (lT m 1.3).
733. Quais são as duas pessoas que Paulo diz que naufra­
garam na fé?
R.: Himeneu e Alexandre (lT m 1.19-20).
734. Qual é o nome da mãe de Timóteo?
R.: Eunice (2Tm 1.5).
735. Qual é o nome da avó de Timóteo?
R.: Lóide (2Tm 1.5).
736. Que cristão animou Paulo muitas vezes?
R.: Onesíforo (2Tm 1.16).
737. Quais são os dois homens que resistiram a Moisés?
R.: Janes e Jambres (2Tm 3.8).
738. Qual é o nome do latoeiro que causou muitos males a
Paulo?
R.: Alexandre (2Tm 4.14).
739. Na casa de quem Paulo deixou sua capa, os livros e
os pergaminhos?
R.: Carpo (2Tm 4.13).
740. A quem Paulo diz ter deixado doente em Mileto?
R.: Trófimo (2Tm 4.20).
741. Qual é o nome do escravo de Filemon?
R.: Onésimo (Fm 10).
742. O nésim o se converteu ao cristianism o por m eio de
Paulo: a) na sinagoga judaica, b) na igreja em Éfeso ou c)
na prisão?
R.: c) na prisão (Fm 10 - ...gerei nas minhas prisões...).
743. Entre Pedro, Paulo e João, quem foi cham ado de o
apóstolo dos gentios?
R.: Paulo (Rm 11.13).
744. Entre Barnabé, Timóteo e Filemom, quem foi cham a­
do de apóstolo?
R.: Barnabé (At 14.14).

Gerais
745. Em que cidade foi escrita a primeira epístola de Pedro?
R.: Babilônia (crê-se que seja um nome simbólico para Roma - lP e
5.13).
746. Por meio de quem Pedro escreveu sua primeira epís­
tola?
R.: Silvano (ou Silas - lP e 5.12).
747. A quem Pedro menciona como seu filho na sua primei­
ra epístola?
R.: M arcos (filho na fé , e não natural - lP e 5.13).
748. Para quem foi endereçada a segunda epístola de João?
R.: A senhora eleita (e a seus filhos -2 Jo 1).
749. Qual é a única epístola que não menciona o nome de
nenhuma pessoa, além do Pai e do Filho (Jesus Cristo)?
R.: segunda epístola de João
750. A quem foi endereçada a terceira epístola de João?
R.: Gaio (3 Jo l).
751. Como se chamava a pessoa que gostava de exercer
primazia, não recebia os irmãos e expulsava os hospedei­
ros da igreja?
R.: Diótrefes (3Jo 9-10).
752. Qual o nome do irmão de Judas?
R.: Tiago (Jd 1).
753. Q ual é o nom e do anjo m encionado na epístola de
Judas?
R.: Miguel (Jd 9).
754. Que anjo contendeu com o diabo a respeito do corpo
d e M oisés? I
R.: Miguel (Jd 9).
755. De quem Judas menciona uma profecia, mas que não
escreveu nenhum livro?
R.: Enocjue (Jd 14).
756. Quem escreveu o livro de Apocalipse?
R.: O apóstolo João (Ap 1.1)
757. Qual é o nome da ilha em que foi escrito o livro de
Apocalipse?
R.: Patmos (Ap 1.9).
758. Quais são os nomes das setes igrejas da Ásia m encio­
nadas no Apocalipse?
R.: Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiatira, Sárdis, Filadélfia e Laodicéia
(Ap 2:1 - 3.22).
759. A quem foi endereçado o livro de Apocalipse?
R.: às sete igrejas da Ásia (Ap 1.4).
760. Qual das sete igrejas da Ásia perdeu o primeiro amor?
R.: Éfeso (Ap 2.4).
761. Quais são as duas igrejas da Ásia que não receberam
nenhuma crítica?
R.: Esmirna e Filadélfia (Ap 2.8-11; 3.7-13).
762. Qual igreja da Ásia não recebeu nenhum elogio?
R.: Laodicéia (Ap 3.14-22).
Primeiros
763. Quem foi o primeiro homem a ser criado?
R.: Adão (Gn 3.17)
764. E a primeira mulher?
R.: Eva (Gn 3.20)
765. Quem foi o primeiro assassino?
R.: Caim (Gn 4.8)
766. Quem foi o primeiro a ser transladado?
R.: Enoque (Gn 5.24)
767. Quem foi o primeiro a construir um barco grande?
R .:N oé (Gn 6.13-22)
768. Quando ocorreu a primeira menção de um médico na
Bíblia?
R.: Quando embalsamaram Israel (Jacó) (Gn 50.02).
769. Quando ocorreu a primeira menção da palavra vinho?
R.: Na bebedeira de Noé (Gn 9.21).
770. Quando ocoreu a primeira menção de "setenta vezes
sete"?
R.: Quando Lameque disse isso às suas duas esposas (Gn 4.24).
771. Quando aparece pela primeira vez a palavra púlpito?
R.: Quando Esdras leu o livro da Lei (Ne 8.3-5).
772. Qual é a primeira cor mencionada na Bíblia?
R.: Verde (Gn 9.3).
773. Quem foi o primeiro a ser ressuscitado?
R.: O filho da viúva de Sarepta, por Elias (lR s 17 20-24).

Curiosidades
77A. Qual é o único livro da Bíblia em que todos os capí­
tulos têm 22 versículos e apenas um com 66 versículos (que
é um múltiplo de 22)?
R.: Lamentações de Jeremias (Só o capítulo 3 tem 66, os outros
têm 22).
775. Qual é a cidade mencionada na Bíblia que tem a for­
ma de um cubo?
R.: A Nova Jerusalém (Ap 21.10 e 16).
776. Que livro da Bíblia fala de um escravo fugitivo?
R.: Filemom
777. Q ual é o livro do Novo Testam ento cujo escritor é
desconhecido?
R.: Hebreus
778. Quem é conhecido como "O homem segundo o cora­
ção de Deus"?
R.: Davi (At 13.22).
779. Quem foi chamado de "O amigo de Deus"?
R.: Abraão (2Co 20.7; Is 41.8; Tg 2.23).
780. Qual é o livro profético do Novo Testamento?
R.: Apocalipse
781. Com que palavra termina o Antigo Testamento?
R.: M aldição (Ml 4.6).
782. Onde encontramos na Bíblia um homem com 24 dedos?
R.: Em 2Sm 21.20 e em lC r 20.6
783. Quais são as duas únicas pessoas transladadas?
R.: Enoque e Elias (Gn 5.24 e 2Rs 2.11).
784. Quais são os dois evangelhos escritos por apóstolos?
R.: M ateus e João (Mt 9.10; Lc 5.29;e 21.20-24).
785. Qual destes homens não foi apóstolo: a) Bartolomeu,
b) Simão cananeu ou c) Timóteo?
R.: Timóteo (Mt 10.2-4; lT m 1.2).
786. Qual é o primeiro livro do Novo Testamento?
R.: O evangelho de Mateus
787. Quais são os evangelhos sinópticos (síntese, resumo)?
R.: Mateus, Marcos e Lucas.
788. Qual é o evangelho que contrasta com os outros três?
R.: O de João (os outros três são sinópticos).
789. Quais são os dois evangelhos que narram a genealogia
de Jesus Cristo?
R.: Mateus e Lucas (Mt 1.1-17 e Lc 3.23-38).

Charadas
790. A sétima nota musical mais o nome de um dos mem­
bros superiores do corpo formam o nome de um dos após­
tolos. Que apóstolo é este?
R.: Simão (Pedro- Lc 6.14)
791. O nome de uma pedra preciosa é igual ao nome da mu­
lher que mentiu ao Espírito Santo junto com o marido. Quem
é ela?
R.: Safira (At 5.1-10)
792. O pretérito do verbo ler na primeira pessoa do singu­
lar mais o espaço de 24 horas formam o nome de uma dis­
cípula vendedora de púrpura. Que discípula é esta?
R.: Lídia (At 16.14)
793. O mesmo que agora mais o nome do efeito que pro­
duz vibrações no órgão auditivo form am o nome de um
hospedeiro de Paulo e Silas. Que homem é este?
R.: Jason (At 17.5)
794. A primeira pessoa do singular mais um pequeno bo­
cado formam o nome de um discípulo que caiu da janela.
Que discípulo é este?
R.: Êutico (At 20.9-12)
795. Sem ela é im possível agradar a Deus m ais o nome
daquilo que se varre com a vassoura menos a última letra
formam o nome de um governador da Judéia no tempo de
Paulo. Que governador é este?
R.: Félix (At 24.27s)
A
Pegadinhas
796. O que Eliseu deixou cair quando a carruagem de fogo
o arrebatou?
R.: Manto, mas o arrebatado fo i Elias (2Rs 2.11-14).
797. Quem matou Abel?
R.: Seu irmão Caim, mas a Bíblia não relata como isso aconteceu.
798. Como Noé dividiu o Mar Vermelho: com uma capa ou
com uma vara?
R.: Noé não dividiu nenhum mar (foi M oisés, com uma vara).
799. Quantas pessoas entraram na arca que Moisés cons­
truiu?
R.: M oisés não construiu nenhuma arca (foi Noé quem construiu
uma arca).
800. A epístola aos Filipenses recebeu este nome porque
foram os discípulos de Filipe que a escreveram em: a) 50
antes de Cristo, b) 61 depois de Cristo ou c) 150 depois
de Cristo?
R.: Nenhuma destas datas (foi Paulo que escreveu a epístola aos
Filipenses, moradores da cidade de Filipos).
801. Quem matou sozinho 1/4 da humanidade?
R.: Caim (Gn 4.1-8).
802. Qual é o nome da m ulher que cortou os cabelos de
Sansão?
R.: Quem cortou os cabelos de Sansão fo i um homem, e não uma
mídher (Jz 16.19).
803. Quantos dias o profeta Jó ficou na barriga do peixe?
R.: Foi Jonas, durante três dias e três noites (Jn 1.17).

História
804. Como morreu Simão Pedro?
R.: Crucificado de cabeça para baixo (Tradição, Jo 21.18-19)
805. O livro de Atos foi escrito antes ou depois do ano 70
A.D.?
R.: Antes (a fato de Lucas não registrar a destruição de Jerusalém
no ano 70, a morte de Paulo e a morte de Pedro deixam -pouco pro­
vável a sua escrita depois).
806. Segundo a tradição, em que cidade Paulo foi martiri-
zado?
R.: Em Roma.
807. Quem mandou incendiar Roma no ano 64 d.C e depois
culpou os cristãos?
R.: Nero.
808. Que Imperador Romano mandou matar Paulo?
R.: Nero.

Esta chave foi elaborada para ajudar os leitores a encon­
trar as perguntas relacionadas a um personagem ou passa­
gem bíblica. Outro objetivo é ajudá-los a construir palavras
cruzadas ou jogos semelhantes.

Nome /Palavra Número(os) das pergunta(s)


Abel 8, 9 ,1 0 ,1 1 ,1 7
Abede-Nego 319,324
Abiatar 215
Abim eleque 98,176
Abisaque 246
Abiú 165
Abner 242,243
Abrão, Abraão 40,41,42,44- 47,4 9 ,5 0 ,5 4 ,5 5 ,
62 - 64,90,91,93,101,108,109,
111,112, 779
Absalão 234 — 236
Acã 169
Acabe 251, 256, 279
Acácia 162
Acaia 614,731
Acaz 298
Acazias 271
Ada 16
Adão 2
Adonias 249
Ágabo 581 — 583
Aijalom 167
Aim eleque 218
Aitofel 236
Alcedama 694
Alexandre 454, 733, 738
Alfeu 441, 472
Aliança 32 (ver Arca da Aliança)
Alistamento 346, 380
Amaleque 153,154
Amém 697
Amendoeira 303
Amnom 232
Amor 707, 717, 760
Amós 336, 342
Ana 191 - 193, 434, 445
Ananias 551 - 554, 569, 635
Anás 425,451
Anatote 309
André 3 9 4 ,4 5 3 ,4 5 8 , 524
Andrônico 703
Aner 47
Anjo 130,131,422,433,464,469,537,
576,577,580,586,587,682,753,
754
Anrão 149
Antioquia 561, 640 - 644, 655, 715
Apóstolos 481,542,543,545,546,551,569,
694, 784, 790
Áqüila 610, 611, 671
Arão 1 54,164,1 6 5
Ararate 61
Arca da Aliança 158,194,195,196,197,226,227,
Arca de Moisés 799
Arca de Noé 22 - 26, 61
Arca do tesouro 361
Arco-íris 32
Areópago 604
Aretas 713
Arimatéia, José 366,536
Arioque 322
Arquelau 426,457
Artaxerxes 281, 284
Árvore 3 ,4
Asas 299
Asdode 195
Aser 77
Assuero 295
Atalia 270 - 272
Atenas 604, 606, 608, 667 - 670
Azarias 319
Azeite 263
Azenate 83
Azoto 645
Baal 174,252
Babel, torre 37 - 39,
Babilônia 313, 314, 318, 322, 331, 745
Baraque 172
Bárbaros 662
Barjesus 590 - 592, 657
Barnabé 569, 594, 596, 597, 659, 744
Barrabás 364
Bartimeu 410
Bartolom eu 785
Baruque 311
Bate-Seba 230,231, 240
Belém 134,220,346,380,420,462,485.
498 - 501
Belsazar 328
Beltessazar 318
Bem-Ami 53
Benjamim 79, 82
V _ ______
Benoni 133
Beréia 666
Berenice 636
Betânia 435, 447, 525, 526
Betei 70,262
Betesda 404,493
Bete-Seã 216
Betuel 102
Bezerro de ouro 164
Bigtã 296
Bila 75, 78, 135
Blasto 588
Boanerges 403
Boaz 190
Bronze 163
Cafarnaum 488, 489, 508 - 518
Caifás 451, 455, 460
Caim 7 ,9 ,1 0 ,1 1 ,1 2 ,1 4 ,6 0 ,7 6 5 ,7 9 7 ,
801
Caldeus 62,333
Calvo 262
Caná da Galiléia 349, 519, 521
Canaã 3 3,42
Cananéia 419
Candace 564
Cão 21
Carpinteiro 345
Carpo 739
Castor e Pólux ver Dióscuros
Censo 238,241
Centurião 515, 575, 632
César 346, 380, 414, 628, 629
Ceva 617
Chibolete ou Sibolete 184
Chipre 678
Cipreste 23
X" p
Cirineu 454
Ciro 280,281
Cláudio 581, 610, 623, 644
Cléopas 438
Cloe 710
Cobra 148
Colosso 721
Copeiro 127, 283
Coríntios 706, 708, 710, 712, 714, 718
Corinto 608,611,612,615,700,704,709,
711,718
Cornélio 575 - 580, 646
Corvo 29
Crispo 612, 708, 709
Cristãos 558, 631, 642, 807
Cristo 382,397,414,420,421,424,428,
429,433,436,476,492,498,499,
517 - 520, 522, 523, 525, 688,
696, 789
Cuza 446
Dã 78
Dagom 195,196
Dalila 182
Dâmaris 670
Damasco 245, 650, 713
Daniel 318, 320, 326, 330
Dario 282, 330, 333
Davi 200, 202 - 208, 211, 212, 218,
220, 223 - 225, 227, 228, 230 -
235, 237 - 241, 246, 247, 249,
778
Débora 171,172
Demétrio 618, 676
Deserto 152, 475, 490, 563
Escritor desconhecido 777
Deus Desconhecido 604 - 607
Diana 618, 219, 676
Dilúvio 27 - 30, 39, 61
Diná 7 6 ,1 1 5 ,1 2 0
Dionísio 605,670
Dióscuros 634
Diótrefes 751
D iscípulos 355,368,379,388,405,438,470,
507,538,639,642,684,703,708,
800
Disenteria 691
Dízim o 45,406
Doegue 214
Domingo 396
Dons 706
Dorcas 572, 573, 653
Drusila 625
Dura 332
Ebede-M eleque 312
Ebenézer 198
Éden 4
Edom 67,227
Efatá 432
Efésios 619, 676, 719, 724,
Éfeso 672,674,675,712,719,732,758,
760
Efraim 87
Eframitas 184
Efrom 109
Egito 6 4 ,1 2 9 ,1 3 9 ,1 5 9 , 527
Eglom 170
Elcana 191,192
Eli 193,194, 219
Eliade 202
Elias 252 - 255, 257, 259, 773, 783,
796
Eliezer 155
Elim as 591
Eliseu 255, 258, 260 — 269, 796
Em anuel 302,461
Emaús 368, 438
Enéias 570, 571, 652
Enoque 1 2 ,1 3 ,1 4 , 755, 766, 783
Enos 18
Epafrodito 726 - 728
Epicureus e Estóicos 603
Er 119
Erasto 700
Esaú 67, 97, 1 0 3 ,1 0 6 ,1 0 7 ,1 1 4 ,1 3 2
Esbaal 213
Escol 47
Escribas 408
Esdras 771
Eseque 68
Espírito Santo 473,479,547,552,566,579,637,
645,656,684,687,706,717,791
Estáter 351
Estátua 43, 321, 332
Estéfanas 708
Ester 288 - 290, 294, 296,
Estêvão 558 - 560
Eude 170
Eufrates 59
Eunice 734
Eunuco 291, 296, 318, 563, 567
Euro-aquilão 660
Eutico 621,677
Eva 5, 6
Evangelho 375 - 378, 382, 385, 430, 431,
443,465,536,562,579,703,724,
784, 787 - 789
Exército 9 8 ,1 7 2 ,1 7 3 , 242
Ezequias 277, 278, 298
— A
Ezequiel 297, 315 - 317
Fanuel 445
Faraó 85, 86, 124,125 - 129, 140
Farfar 245
Fariseus 381, 383, 406, 407, 681
Febe 701, 702
Febre 387, 691
Fechaduras 181
Feitiçaria 668
Félix 624 - 627, 649, 795
Festas 209
Ficol 98
Filem on 741
Filipe 467,483,524,559,562,563,565,
626,645,647,720,726,728,800
Filipos 677, 720, 727, 800
Filisteus 1 7 8 ,1 8 3 ,1 8 5 ,1 9 4 - 197, 201
Finéias 194
Fogo 6 5 ,1 4 7 ,1 6 5 , 303, 324, 325,
409,663
Pedra 198, 204, 791
Funda 204
Gabriel 433,464
Gadareno 402
Gade 77
Gaio 708, 750
Galácia 716
Galiléia 349, 487, 504, 506, 529, 530
Gálio 6 1 3 -6 1 5
Gamaliel 555,557
Gate 241
Gaza 181
Geazi 266
Genesaré 506, 528
Gerar 68, 69
Gerson 146
Getsêm ani 520, 522, 523
Gideão 174 -176
Gileade 184
Gilgal 217
Giom 59
Golias 201, 204, 218
Gômer 341
Gomorra 6 5,66
Habacuque 344
Hadassa 288
Hagar 48,51
Hamã 290 - 293
Hananel 309
Hananias 307, 308, 319
Harã 63,101
Harbona 291
Harpa 200
H ebreus 777
Hebrom 181
Herodes 361,421,426,442,446,457,462,
474,483,545,584,588,589,629,
631,
Herodias 468,483
Himeneu 733
Hofni 194
Holocausto 99, 177, 239
H orebe 147,161
Hur 154
Icônio 640
Idolatria 668
Igreja 559 - 561, 641, 696, 702, 710,
711,726,727,730,731,742,751,
758 - 762
Imperador Augusto 346, 380 (ver Cesar)
Incesto 81,135, 232, 636, 711
Incenso 275,373
V_____________________ jff|.
Isabel 423, 442 - 444, 537
Isaías 298 - 302, 567
Isaque 6 8 ,6 9 ,9 0 -9 2 ,9 4 - 9 7 , 99,104,
106
Isbosete 213
Iscariotes 354,356,369,449,481,497,695
Ism ael 49 - 51, 55, 56
Israel 89,130, 768 (ver Jacó)
Issacar 76
Jabim 173
Jacó 70, 72, 73, 77, 78, 80 - 84, 87 -
89 ,9 7 ,1 0 3 ,1 0 5 ,1 1 4 -1 .1 6 ,1 2 1
-1 2 3 ,1 3 0 -1 3 2 ,1 3 5 ,1 3 8 ,3 4 8 ,
463, 768 (ver Israel)
Jael 173
Jafé 21, 35, 36
Jairo 401, 429, 516
Janes e Jambres 737
Jasom 602
Jedidias 222
Jefté 177
Jeoseba 272
Jeremias 303, 304, 306 - 314, 331, 774
Jericó 168, 260
Jeroboão 276
Jerubaal 174
Jerusalém 223,227,278,280,281,285,313,
316, 421, 491 - 497, 551, 559 -
561, 582, 623, 637 - 639, 647,
659, 679, 680, 775, 805
Jessé 211, 220
Jesus 348 - 541, 617, 639, 692, 705,
789
Jetro 143,144
Jezabel 251
Jezreel 256
Jó 803
Joabe 243
Joana 446
João 379,385,399,403,409,430,439,
440,448,466,470,509,545,548,
586, 596, 659, 743, 748 - 751,
756, 784, 788
João Batista 358,359,371,388,415,418,423,
432,433,444,460,468,471,473,
475, 476, 489, 490, 507
Joás 271 - 273
Joio 375
Jonas 334, 335, 338, 343, 448, 803
Jônata 206, 228, 229, 237
Jope 574, 653, 654
Joquebede 149
Jordão 244, 258,505, 507
José 79, 83 - 8 9 ,11 6 ,1 2 1 - 123,125
129, 138, 345, 346, 366, 380,
422,463,479,527,536,549,569
Josué 153, 166 - 167
Jotão 176,298
Judá 76,116-120,136,137,223,270,
275
Judas 354,356,369,389,449,481,497,
549,550,557,568,695,752,753,
755
Judéia 487, 490, 627, 628, 639, 795
Judeu 331,352,364,427,480,485,607,
610,613,615,617,620,623,640,
6 6 6 ,6 8 2 ,6 8 3 ,7 1 4
Juizes) 1 7 0 ,1 7 1 ,1 7 7 ,1 7 8
632
Jumento 179
Júnias 703
Júpiter 594
Labão 73 - 7 5 ,1 1 3 ,1 1 4
Lam eque 15, 16, 20, 770
Laodicenses 730
Laodicéia 758,762
Lázaro 353, 377, 436, 450, 525
Leão 203
Leproso 266,352, 410
Levi 7 6 ,1 1 5 ,1 4 2 ,4 4 1
Lia 72 - 74, 76
Lida 570, 573, 652
Lídia 599, 665, 792
Listra 594, 595, 658
Ló 42,43,44 ,4 6 ,4 7 ,5 2 ,5 3 ,6 6 ,1 0 0
Lóide 735
Lua 122,167, 209
Lucas 376 - 378, 443, 543, 729, 787,
789,805
Machado 267
Macpela 108 -1 1 1
Madalena 367,417
Mágico 565, 590, 657
Magno 426, 457, 462
M alco 455,456
M alom 188
Maná 152
M anassés 8 7,88
Manoá 180
Manre 47
M ãos 154,163,196363,410,416,482
Mar Vermelho 151, 798
Marcos 548, 596, 659, 747, 787
Maria 345,367,380,417,422,423,435,
443,447,463,464,479,502,526,
537,
Marta 435, 447, 450, 526
M ateus 375,384,431,441,512,784,786,
787, 789
41
' _______ __________ .
Matias 550
M etusalém 19
M efibosete 228,229
M elquisedeque 4 5 ,4 6
Mene, Tequel, Parsim 329
M erabe 212
Mercúrio 595
Meretriz 168
M esaque 319,324
M icaías 279
M ical 207,225
M idiã 144
M ilca 100
M iriã 150 - 151
Mirra 373, 437, 486
M isael 319
M ispa 198
Mnasom 678 - 680
M oabitas 170
M oabe 52
M oisés 141 -1 4 3 ,1 4 5 -1 5 0 ,1 5 3 -1 5 7 ,
159 - 161, 737, 754, 798, 799
M ordecai 289, 291, 293, 296
M oriá 99
M uros 216,285
Naamã 244,245
Nabote 256
N abucodonosor 313, 321, 323, 325 - 327, 332
Nadabe 165
Naftali 78
Naim 531
Naor 100,101
Nata 222, 240, 247
Natanael 467, 521, 535
Naum 343
Navio 634, 660 - 662

-O
---------------- X
irZí -• ■ |
............
Nazaré 3 4 6 ,5 0 2 -
Nebuzaradão 314
Neemias 283 - 287
Nero 807, 808
Nicanor 559
N icodem os 374, 381, 385, 411, 437
Nicolau 559,561
N ilo 141,156
Nínive 337 - 339, 343
N oadia 287
Node 60
Noé 2 1 -2 7 ,2 9 -3 4 ,3 6 ,6 1 ,7 6 7 ,7 6 9 ,
798, 799
N oem i 186
O bede 189
O bede-Edom 227
O leiro 304,389
Oliveira 31
Onã 119
O nesíforo 736
Onésimo 741,742
Aolá e Aolibá 316
Orfa 187
Oséias 340,341
O ssos 269,297
Ouro 162,1 6 4 ,1 6 9 , 332, 373
Outdoor 344
Ovelhas 9 ,203
Pafos 657
Panela 303
Pão 46,107, 218, 397
Parábola 375 - 377, 436
Pármenas 559
Parsur 305
Patmos 757
^ 1 _________
Paulo 552,553,568,583,590,593,595
- 606, 608, 611, 613, 615, 616,
618 - 621, 623, 624, 626, 628 -
630, 632 - 636, 640, 643, 647 -
651, 655, 658 - 664, 666, 668,
669, 672, 680, 681, 683, 689 -
693, 698, 699, 703, 704, 708 -
715, 723 - 733, 736 - 743, 793,
795,
Pedro 357,370,379,387,394,448,453,
456,477,478,484,488,508,510,
513,524,544,545,570,573,574,
577,578,586,587,654,685,686,
715,
Peixe 335, 351, 405, 477
Peniel 131
Penina 191
Pentecostes 544, 547, 637, 684, 685, 696
Perez 137
Pérgamo 758
Perge 659
Pés 163,299,355,435,551,569,724
Pescadores 394
Pilatos 363,366,390,412,459,474,480,
482,540
Pisom 59
Pitom 139
Poço 68, 69, 348, 493
Pomba 30, 31, 473
Ponto 596, 607, 655, 671
Pórcio Festo 627, 628, 630, 636, 648
Porcos 402
Porta 181, 436, 545, 587, 686, 727
Potifar 124 - 126
Potífera 84
Pragas 156,157, 159

v -----------------------------------------•
Prim ogênitos 52, 88,117, 157, 457
Priscila 6 0 7 - 611
Prócoro 559
Profeta 193,199,219,222,240,241,245,
247, 252 - 255, 257, 264, 259,
260,267,268,276,279,297,299,
301 - 304,306 - 308,315 - 317,
336, 340, 342 - 344, 347, 471,
567, 581 - 583, 590, 657
Propiciatório 158
Puá 140
Publicano 384, 534
Públio 633,691
Quedorlaom er 44
Quetura 112
Q uis 221
Raabe 168
Rabôni 417
Ram essés 139
Raquel 71, 73, 75, 79, 133, 134
Rebeca 96,102, 105,113
Reis 170,208,210,212,214,216,217,
220,223,224,242,247,248,250,
251, 268, 273, 275 - 284, 291,
295, 296, 298, 313 - 323, 325 -
328,330,331,421,427,480,485,
584,588,589,601,629,631,713
Reobote 69
Rode 587
Romanos 662, 697, 699 - 701, 704
Roma 610,623,632,660,689,690,745,
806 - 808
Rúben 76, 80, 81
Rufo 454,698
Rute 186 -1 9 0
Sabá 274
Sábado 360
Sacerdotes 45, 144, 163, 214, 215, 218,
389,442,455,460,520,538,553,
635,681
Sadraque 319,324
Saduceus 3 8 3 ,6 8 1 ,6 8 2
Safira 554, 687, 791
Salamina 656
Salomão 222, 247 - 250, 274,
Salomé 452
Samaria 316, 487, 562, 639
Samaritano 348, 352, 409
Samuel 191 - 193,197 - 199,
Sangar 178
Sansão 179 - 183,185, 802
Sara, Sarai 4 1 ,4 8 , 64, 90, 92, 9 3 ,1 1 0 ,1 1 2
Sarepta 254, 773
Saul 200,201,205,206,209,210,212-
217, 221, 228, 242
Saulo 552, 568, 593 (ver Paulo)
Selá 136
Selêucia 655
Sem 21, 35, 36,1 9 8
Semaías 286
Serafins 299, 300
Sérgio Paulo 590
Serpente I,1 4 8
Sete I I ,1 7 ,1 8
Sete (número) 73, 85, 86,197, 244, 273, 323,
559, 561, 617, 622, 758 - 762,
770
Sicômoros 336, 533
Sifrá 140
Silas 597, 602, 692, 746, 793
Siloé 395,491
Silvano ver Silas
Simão 424,449,454,524,565,566,574,
578, 698, 785, 790, 804 (ver
Pedro)
Simeão 76, 115, 347
Simei 235
Sinagoga 612, 615, 656, 709, 742
Sinai 147,161, 349
Síria 268
Sísera 172,173
Sitna 68
Sodoma 65, 66
Sol 122,167
Sóstenes 615
Sua 117,119
Sunamita 264
Suném 264
Tabita ver Dorcas
Talita Cumi 429
Tamar 1 18,136,137 , 233
Tarsis 334
Tarso 552, 651
Tem plo 195,250,275,280,281,317,361,
365,421,434,545,618,620,686
Teófilo 378,542
Terá 40
Tércio 699
Teres 296
Terror por todos os lados 305
Tértulo 624
Tessalônica 666, 722
Teudas 556
Tiago 379,403,409,440,465,472,509,
546, 584, 585, 752
Tia tira 599,665, 758
Tito 612
Tigre 59
Timão 559
Timóteo 598, 693,732 - 739, 744, 785
Tirano 616, 674
Tito 723
Tom é 416
Tributos 351,518
Trigo 375
Trôade 664
Trófimo 620,740
Trovão 403
Ur 62
Urias 231
Urso 203, 261
Uzá 226
Uzias 275, 298
Vasti 295
Víbora 663
Videira 127
Vidente 199
Vinagre 391
Vinho 46, 349, 386, 392, 398, 769
V iúva 254,263
Zacarias 442, 469, 532
Zafenate-Panéia 129
Zaqueu 4 1 3 ,5 3 3 ,5 3 4
Zebedeu 440,452
Zebulom 76
Zedequias 331
Zerá 137
Zeres 292
Z ilá 16
Zilpa 74, 77
Zípora 145
Zoar 66
Zorobabel 280
Respostas Bíblicas
Arca de Noé

cabras cavalos

macacos cães

gatos feixes-feno

onças bananas

l aViagem missionária

R: Sendo
A = quantidade de peixes de André
P = quantidade de peixes de Pedro
T = quantidade de peixes de Tiago
J = quantidade de peixes de João

Temos:
T = 2J / P = T + J / P = 2J + J / P = 3J
J=A■ — P / J = A — 3J (P) / A = 3J + J / A = 4J
A = 32 / 32 4 4 = 8.

Então: André = 32, Pedro = 24, Tiago = 16 eJoão = 8.


Elias e a viúva
Primeiro ela viraria as duas ampulhetas juntas e prepa­
raria o bolo. Depois que a ampulheta de 30 minutos term i­
nasse, ela colocaria o bolo para assar e viraria novamente a
ampulheta de 30 minutos. Quando a de 50 minutos term i­
nasse, ela tiraria o bolo do forno e os 10 minutos restantes
da ampulheta de 30 minutos ela deixaria o bolo esfriando
para então depois servi-lo.

Os irmãos
A ordem correta é: Rúben, Simeão, Levi e Judá

Arca de Noé 2
Oito (Gn 7.13 e lP e 3.20) - Noé (pai, marido e sogro), a
esposa de Noé (esposa, mãe e sogra), Sem (filho e marido),
Cão (filho e marido), Jafé (filho e marido), e as esposas dos
filhos de Noé (que também eram noras).

Torre de Babel

w
3 3 3
V O)
T3 C
6 «3
>
<u (C
< N X t-J

Neemias e o muro
Os dois sairiam juntos e quando chegassem no quilômetro
12 o ajudante daria de beber às duas mulas e retornaria à
cidade com sua bolsa vazia, e, desta forma, Neemias esta­
ria com a bolsa cheia. Neemias prosseguiria a viagem e, no
quilômetro 24, daria de beber à mula e o ajudante chegaria
ao portão principal e daria de beber à mula diretamente do
poço. Neemias prosseguiria a viagem e daria de beber à mula
no quilômetro 36. O ajudante iria em sentido contrário e o
esperaria no quilômetro 48, e quando se encontrassem da-
riam de beber às duas mulas e, juntos, retornariam à cida­
de, quando dariam de beber novamente às mulas diretamen­
te do poço.

As ovelhinlias

Caravana para Jerusalém


A média é de uma criança para cada família. Já que eram
20 crianças, então existiam 20 famílias na caravana.

Moradores
R: A segunda é a única casa que o vizinho não tem m o­
rador ao lado esquerdo, e a quarta é a única casa que André
poderá ficar à direita de João e ao lado de Tiago. A seqüên­
cia correta é:
1 - Zebedeu, 2 - Pedro, 3 - João, 4 - André e 5 - Tiago.

Limite das rodas


Ele percorreria 9 km e trocaria uma das rodas pela nova.
Percorreria mais 9 km (total 18 Km) e trocaria a roda gasta
(a que não tinha sido trocada) pela usada (Vi vida). Assim
percorreria os 9 km restantes.

Questão de atenção
Dez, pois Judas já estava morto, logo 12 — 2 = 10 (veja
João 20.19-24).

Enigmas
1- Filipe. A lógica é contar o alfabeto de trás para frente
de acordo com o nome. Deve-se verificar se a prim eira le­
tra do nome confere com a letra do alfabeto. Exemplo:

Filip e Gála tas Ester


fedcba gfedcba edcba

2 - 0 Pentateuco. Nasci (Gênesis), saí (Êxodo), aprendi


(L e v íd ico ), co n tei (N ú m eros), to rn ei a a p re n d er
(Deuteronômio). Cinco livros escritos por Moisés.
3 - Lamentações (tem 4 capítulos com 22 versículos e 1
com 66, que é 3 x 22). Jeremias é chamado de o profeta cho­
rão, e Lamentações é o último livro de Jerem ias, logo nun­
ca mais chorarei se refere ao fato de não haver outro livro.
4 — O peixe que engoliu Jonas (Jn 1.17 e 2.10).

Soldados
Para iniciar, vemos que o quarto soldado está descalço,
logo ele é Júlio. Os soldados das pontas são os únicos que
têm couraças iguais e podem ser Sérgio e César, pois o quarto
é Júlio. O terceiro soldado é o único que pode ser Pilatos,
já que os soldados das pontas são Sérgio e César. O segun-
do soldado só pode ser Marcos, cujo nome sobrou. O pri­
meiro será César, pois de outra forma não será possível aten­
der aos requisitos estabelecidos. Sendo assim, a ordem cor­
reta é:

César — Marcos — Pilatos — Júlio — Sérgio

Respostas raciocínio
Conforme o sistema de marcação abaixo, segue-se as 92
posições possíveis:

A B C D E F G H
As oito damas

1 A l B5 C8 D6 E3 F7 G2 H4 16 A 4B2C 7D 3 E 6F 8G 5H 1
2 A l B6C8 D3 E7 F4 G2 H5 17 A 4B2C 7D 3 E 6F 8G 1H 5
3 A l B7C 4 D6 E8 F2 G5 H3 18 A 4B2C 7D 5 E 1F 8G 6H 3
4 A l B7C5 D8 E2 F4 G6 H3 19 A 4B2C 8D 5 E 7F 1G 3H 6
5 A2 B4 C6 D8 E3 F1 G7 H5 20 A 4B2C 8D 6 E 1F 3G 5H 7
6 A2 B5 C7 Dl E3 F8 G6 H4 21 A 4B6C 1D 5 E 2F 8G 3H 7
7 A2 B5 C7 D4 El F8 G6 H3 22 A 4B6C 8D 2 E 7F 1G 3H 5
8 A2 B6 C l D7 E4 F8 G3 H5 23 A 4B6C 8D 3 E 1F 7G 5H 2
9 A2 B6 C8 D3 El F4 G7 H5 24 A 4B7C 1D 8 E 5F 2G 6H 3
10A2B7C3 D6 E8 F5 Gl H4 25 A 4B7C 3D 8 E 2F 5G 1H 6
11A2B7C5 D8 El F4 G6 H3 26 A 4B7C 5D 2 E 6F 1G 3H 8
12A2B8C6 Dl E3 F5 G7 H4 27 A 4B7C 5D 3 E 1F 6G 8H 2
13A3B1C7 D5 E8 F2 G4 H6 28 A 4B8C 1D 3 E 6F 2G 7H 5
14A3B5C2 D8 El F7 G4 H6 29 A 4B8C 1D 5 E 7F 2G 6H 3
15A3B5C2 D8 E6 F4 G7 H1 30 A 4B8C 5D 3 E 1F 7G 2H 6
31A3B5C7 Dl E4 F2 G8 H6 62 A 5B1C 4D 6 E 8F 2G 7H 3
32A3B5C8 D4 El F7 G2 H6 63 A 5B1C 8D 6 E 3F 7G 2H 4
33A3B6C2 D5 E8 F1 G7 H4 64 A 5B1C 8D 4 E 2F 7G 3H 6
34A3B6C2 D7 El F4 G8 H5 65 A 5B2C 4D 7 E 3F8G 6H 1
35A3B6C2 D7 E5 F1 G8 H4 66 A 5B2C 4D 6 E8F3G 1H 7
36A3B6C4 D l E8 F5 G7 H2 67 A 5B2C6D 1 E 7F 4G 8H 3
37A3B6C4 D2 E8 F5 G7 H1 68 A 5B2C8D 1 E 4F 7G 3H 6
38A3B6C8 D l E4 F7 G5 H2 69 A 5B 3C 1D 7 E 2F 8G 6H 4
39A3B6C8 D l E5 F7 G2 H4 70 A 5B3C 1D 6 E 8F 2G 4H 7
40A3B6C8 D2 E4 F1 G7 H5 71 A 5B3C 8D 4 E 7F 1G 6H 2
41A3B7C2 D8 E5 F1 G4 H6 72 A 5B7C 1D 4 E 2F 8G 6H 3
42A3B7C2 D8 E6 F4 G l H5 73 A 5B7C 1D 3 E 8F 6G 4H 2
43A3B8C4 D7 El F6 G2 H5 74 A 5B7C 2D 6 E 3F 1G 4H 8
44A4B1C5 D8 E2 F7 G3 H6 75 A 5B7C 2D 6 E 3F 1G 8H 4
45A4B1C5 D8 E6 F3 G7 H2 76 A 5B7C 2D 4 E8F1G 3 H6
46A4B2C5 D8 E6 F1 G3 H7 77 A 5B7C4D 1 E 3F 8G 6H 2
47A5B8C4 D l E7 F2 G6 H3 78 A 6B4C7D 1 E 8F 2G 5H 3
48A5B8C4 D l E3 F6 G2 H7 79 A 6B4C7D 1 E 3F 5G 2H 8
49A6B1C5 D2 E8 F3 G7 H4 80 A 6B8C 2D 4 E 1F 7G 5H 3
50A6B2C7 D l E4 F8 G5 H3 81 A 7B1C 3D 8 E 6F 4G 2H 5
51A6B2C7 D l E3 F5 G8 H4 82 A 7B2C4D 1 E 8F 5G 3H 6
52A6B3C1 D8 E5 F2 G4 H7 83 A 7B2C 6D 3 E 1F 4G 8H 5
53A6B3C1 D8 E4 F2 G7 H5 84 A 7B3C 1D 6 E8F5 G2H 4
54A6B3C1 D7 E5 F8 G2 H4 85 A 7B3C 8D 2 E 5F 1G 6H 4
55A6B3C5 D8 El F4 G2 H7 86 A 7B4C 2D 8 E 6F 1G 3H 5
56A6B3C5 D7 El F4 G2 H8 87 A 7B4C2D 5 E 8F 1G 3H 6
57A6B3C 7 D4 El F8 G2 H5 88 A 7B5C3D 1 E 6F 8G 2H 4
58A6B3C7 D2 E8 F5 G l H4 89 A 8B2C4D 1 E7F 5G 3H 6
59A6B3C7 D2 E4 F8 G l H5 90 A 8B2C 5D 3 E 1F7G 4H 6
60A6B4C1 D5 E8 F2 G7 H3 91 A 8B3C 1D 6 E 2F 5G 7H 4
61A6B4C2 D8 E5 F7 G l H3 92 A 8B4C 1D 3 E 6F2G 7H 5

As 48 damas
Cada número representa uma cor, sendo assim, o número
1 (um) não se encontra com nenhum outro número 1 (um).

v ----------------------------------------- O
O número 2 (dois) não se encontra com outro número 2 (dois).
E assim por diante.

:6 1 4 2 51 3 2 I 1 :5 ■ |;4:■ 3 6 :
2 3 5 [l 16 [11 6 i‘l í 4 i l í 5 j 1:2 i
6 i: 2 4 5 3 ; 5 i| 5 6 4 3 ;
i ■3 4 2 6 1 4 3 !' to íg 2 1
4 5 S5 3 .1" Z 6 SI 4 3 : Y 2 ;
;2;i í i 5 4 h 3 2 i 4 ■ 6 '
2 5 h 3 1 4! .4 6 2 |3 1
E 4 [3 j 6 I l í [_5__ 11 íll 3 6 5 !4

6 5 1 3 2 K 5 4 6 ::|I1 1 31 \
4 2; ■B 5 3 m 1 6.: 5 3
5 Wi 6 3 4 2 >3: 4 1 :í 2^ 6 5
: 3 12 6 ■5 1 16J 3 4 jB 2
3 4 5' 1;2 6 3 í 6 2 5 4
ih 6 1 :B 3.1 5 g í 6 •2j’ 5 S i |1
■3 5 6 1 4 4 ■3 i 2 6
' l i 2 6 4 ■5 3 11 2 3 !4 5 6

Idades
Sendo: Mateus = M, João = J. Segue-se:
M %3=J
M = 3J
(M + 4) % 2 = 2J
M + 4 = 4J
4J — 4 = 3J
4J — 3J = 4
J=4
M = 43
Logo: João = 4 e Pedro = 12

Através da folha
Dobre a folha ao meio pela parte mais longa e faça al­
guns cortes como mostra a figura 2 (recorte nas linhas pon­
tilhadas).
V isão da folha aberta

Y isao da folha dobrada ao meio pela


1 1 I I I 1 I I I I I I I ! I I I I
parte m ais longa. As linhas pontilha- I I I I I I I I 1 I I I I I I i I I
das m ostram a form a de se fazer os
cortes.

Idades II
João = (26 + 1) % 3 (Pedro)
João = 9 — 1 (ano)
João = 8
José = 8 x 2 = 16
Pedro = 26
Daqui a um ano: João = 9, Pedro = 27

Fardos e fartos
O cavalo carregava 3 fardos, o jumento 5 e o boi 7.

A família
Neto (o filho único do meu avô = meu pai).

Crânio em matemática
Basta você colocar a conta em parênteses e acrescentar o
expoente zero. O resultado será igual a 1 (um), pois qual­
quer número ou conta com o expoente 0 o resultado é igual
a um. Veja o resultado abaixo.

(10x364+ x5- 2 %7y)° = 1

O “X” da questão
Um, pois l x l < 1+1
H\
Li H

"Jogo, brincadeiras & enigmas bíblicos" vem su­


prir uma carência entre os jovens e adolescentes da
Igreja de Cristo na área do entretenimento sadio.

Este livro é uma ferramenta útil e valiosa para ser


usado em gincanas, acampamentos e reuniões bíblicas,
entre outras atividades. Ele instrui, diverte e ajuda os
participantes a aumentarem seus conhecimentos da
Bíblia.

O autor, que também é líder de mocidade, foi cria­


tivo e talentoso ao desenvolver este projeto basean­
do-se em suas próprias experiências e necessidades.
Selecionou os melhores jogos, brincadeiras e enigmas
bíblicos, principalm ente aqueles que muitas vezes
passam desapercebidos aos olhos menos atentos dos
leitores da Bíblia.

Com este livro, as atividades recreativas das igre­


jas não serão mais as mesmas.

IS B N 8 5 -8 6 9 3 9 - 4 4 -7

586 9 3 9 4 4 0