Você está na página 1de 16

Quem você pensa que é?

 Até o sopro chegar somos apenas um boneco de barro, sem forma e


vazio;
 Mas quando Deus sopra Ele nos vivifica. Tudo muda. Tudo passa a ter
sentido e propósito.
 Quando o Espírito Santo chega o sem forma passa a ter forma e o vazio
VAZA.

Para Deus você é ESPECIAL!


 Gn1.3 – “E disse Deus: Haja luz...”
 Gn 1.6 – “E disse Deus: haja expansão....”
 Gn 1.9 – “E disse Deus: Ajunta-se as águas..”
 Gn 1.11– “E disse Deus: Produza erva verde..”
 Gn 1.14- “E disse Deus: Haja luminares...”
 Gn 1.20- “E disse Deus: Produzem repteis..”
 Gn 1.24- “E disse Deus: Produza alma vivente conforme sua espécie”
 Gn 2.7- “Façamos o homem.....”

IMPORTANTE
 Para criação de “COISAS” Deus usou a sua Palavra falada – “E disse
Deus”. Mas quando foi a criação do homem, Deus não disse NADA. Ele
preferiu “FAZER” Ele mesmo – “Façamos”.
 Você é a “COROA” da criação de Deus.

A TENTAÇÃO DE JESUS NO DESERTO

OBJETIVO DA TENTAÇÃO:
 A) Desqualifica-lo para ser o Salvador, assim o plano de Deus da
redenção humana seria frustrado;

 B) Qualificá-lo como nosso socorro e intercessor. “Porque naquilo


que ele mesmo, sendo tentado, padeceu, pode socorrer aos que são
tentados”. (Hb 2:17-18)
O PRIMEIRO ADÃO VERSUS O ULTIMO ADÃO (CRISTO)
 O último Adão estava em grande desvantagem neste conflito:
 O primeiro Adão vivia no paraíso; o último Adão estava no deserto árido;
 O estômago do primeiro Adão estava cheio de comida das plantas do
Jardim; o último Adão já estava quarenta dias em jejum.
 O primeiro Adão vivia num ambiente livre de pecado;
 O último Adão desceu do céu exatamente porque o mundo estava cheio
de pecado.
 Ao primeiro Adão foi dada uma companheira como apoio;
 O último Adão estava só.
 Como o último Adão se arranjará? Que tipo de "filho de Deus" Ele(JESUS)
será?

CONCLUSÃO:

Adão no paraíso, tentado, caiu. Sansão, em casa, tentado caiu. Os três


jovens na fornalha, tentados, não caiu. Jesus no deserto, tentado, não
caiu. A questão não é o tipo de ambiente e sim o tipo de cristão que sou.

NO DESERTO DA TENTAÇÃO

 “A seguir, foi Jesus levado pelo Espírito ao deserto, para ser


tentado pelo diabo”.(Mt 4.1-2)
 Por que o deserto?
 Uma das palavras para deserto no hebraico “mi-davar”, que traduzindo
para o português significa “encontro com a palavra”.
 Os rabinos judeus dizem que o motivo de chamar o deserto de mi-davar,
é: No deserto é o único lugar da Terra silencioso o bastante para
ouvir a Palavra de Deus.
 Região inóspita, árida, com penhascos rochosos e solo totalmente seco.

CONSIDERAÇÕES SOBRE A TENTAÇÃO:


 Jesus era filho de Deus, mas veio em carne, sujeito as mesmas aflições,
angustias e tentações humanas.
 O jejum era um hábito de disciplina espiritual, onde se orava e se
preparava para as grandes tarefas futuras.
 Satanás venceu o primeiro Adão (o filho de Deus), e agora vai desafiar
o "último Adão" (1 Coríntios 15:45), o Filho de Deus.
 A tentação de Jesus foi dupla: A INVISÍVEL e VISÍVEL.
 A) INVISÍVEL (psicológica): animais, calor, frio etc.
 O evangelho de Marcos diz que Jesus “vivia entre as feras” (Marcos
1:13), Satanás instigou os animais para fazerem barulhos estranhos, o
vento soprava assustadoramente, dando medo em Jesus.

 B) VISÍVEL (presencial): O próprio DIABO na forma de anjo de luz;

CONDIÇÕES DO PROCESSO – 40 dias:


 a) Jesus esteve profundamente só! Sem família, amigos, igreja ou
grupo familiar.
 b) Jesus esteve profundamente sem conforto! Sem cama, quarto,
banheiro, chuveiro, vaso sanitário, tv, telefone, internet, watzap.
 c) Jesus esteve profundamente inseguro! Cercado por insetos, feras
selvagens e as intempéries do clima no deserto.
 d) Jesus esteve profundamente faminto. Após 40 dias em absoluto
jejum, os originais hebraicos e gregos revelam que Jesus não apenas
estava com `fome, mas que Ele estava sôfrego de fome,
verdadeiramente esfomeado.
 e) Jesus esteve profundamente transfigurado. No deserto a terra
vermelha assola as roupas e a pele fica impregnada. Sujo, maltrapilho,
fedido, etc.

CONDIÇÕES FÍSICAS DE JESUS:


 Fragilizado e debilitado;
 Jesus estava somente com fome, mas sôfrego de fome (esfomeado);
 Perdeu muitos quilos;
 Tonturas, enjoos, náuseas;
 Dificuldade de raciocínio;
 Apático e depressivo;
 Vestes deviam estar desgastadas;
 O cabelo devia estar impregnado da areia vermelha;
 Jesus estava feio, fétido e cansado;
 Quase rastejando sem conseguir andar, e o pior de tudo para
 Pior de tudo era a ausência de Deus que Ele sentia.
CONCLUSÃO DAS CONDIÇÕES DO PROCESSO:
 Jesus está faminto à beira de um colapso, de um esgotamento físico,
mental e emocional. Vestes sujas, cabelos emaranhados, cansado e
desgastado. Raciocínio abalado, apático e faminto;
 Em outras palavras, Jesus, o Filho de Deus estava VULNERÁVEL!
 PLENO no ESPÍRITO, mas CARENTE na CARNE!
 Neste momento, o ev. Mateus informa que o diabo se aproximou dEle.
(4.3 e 4.1)
AFIRMAÇÃO DE DEUS: “Tu és O Meu Filho Amado, em que me agrado!”
 Deus estava apenas massageando o ego de Jesus? Não!
 A vitória do ministério de Jesus teria como causa fundamental esta
declaração;
 Deus sabia das dificuldades e circunstâncias que Jesus encontraria. Mas
quando viessem as adversidades, as pressões, as dificuldades, a solidão,
as angustias e as vozes era para que jesus se lembra-se desta afirmação

PRIMEIRA TENTAÇÃO:
SATANÁS :
 “Chegando, então, o tentador, disse-lhe: Se tu és Filho de Deus
manda que estas pedras se tornem em pães.” (Mat 4:3).

CONSIDERAÇÕES: SATANÁS
 O "se" nesta passagem não denota dúvida. O sentido verdadeiro do
original é "Uma vez que é o Filho de Deus...." ;
 Satanás instiga a Jesus duvidar de sua própria filiação divina. “O filho
de Deus não tem razão para sentir fome!” “Será que você é mesmo o
filho amado de Deus?”;
 Se você é de fato o Filho de Deus mande que estas pedras se
transformem em pães. Afinal que pai deixará o filho amado, em quem
Ele se agrada, passar fome, estando em seu poder satisfazê-Lo.

O que está por trás deste ataque?


 Prove seu valor através de sua realização!
 A primeira tentação do Diabo foi: Faça você mesmo.
 Se as pedras não se transformarem em pães, das duas uma: é sinal de
que você não é filho dEle, ou, talvez até seja, mas não tão amado
assim, Ele não se agrada tanto de você. Você é só mais um, entre tantos.
 O diabo é o pai da mentira e estava passando a entender que Deus era
mentiroso e não ele;
 Caso cedesse a esta tentação Jesus estaria afirmando:

 "Eu sou o que eu faço!"


JESUS CRISTO:
“Mas Jesus lhe respondeu: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem,
mas de toda palavra que sai da boca de Deus” (Mat 4:4).

CONSIDERAÇÕES: JESUS CRISTO

 “Nem só de pão viverá o homem,..”


 Saciar-se, matar a fome é um desejo legitimo;
 Não era errado para Jesus comer, nem mesmo fazer pão milagrosamente;
 Jesus poderia ter transformado as pedras em pães, não o fez por três
motivos:
 A) Primeiro porque não é a Satanás a quem Ele obedece;
 B) Segundo, porque Jesus confia nas providências do Pai;
 C) Terceiro, porque atrás do ataque tinha algo mentiroso.

ATAQUE 1: Você não é Filho de Deus a não ser que prove!


 Jesus disse com esta resposta que Ele não viveria do pão (alimento), mas
da palavra (vontade) que o próprio Deus havia pronunciado

REFLETIR: “A fome dentro da vontade de Deus é sempre melhor do que a


satisfação fora”

 Jesus discerniu o perigo da afirmação do diábo (VOCÊ É O QUE VOCÊ


FAZ!). Escolheu acreditar nas Palavras do Pai. Mas que palavras?

“...mas de toda palavra que sai da boca de Deus”

 No grego, existem dois termos que podem ser traduzidos por “palavra”:
A) logos = Palavra escrita, formatada.
B) Hema = Pronunciada
 Neste verso o termo é “hema”. Ou seja, a palavra que Deus pronunciou?
Que palavra que Deus pronunciou? “Eis o meu filho amado em que me
agrado”.

 PERGUNTO: Para ser AMADO tenho que PROVAR alguma coisa para
alguém?

 CURIOSIDADE: Jesus não tinha feito NADA ainda e Deus disse que Ele
era seu Filho AMADO. (Ilustração: O nascimento do bebê)
Jesus Cristo – “Eu escolhi aceitar o que o meu Pai me disse. A fome não
me define. As circunstâncias não me define. As pressões das pessoas
não me definem, as injustiças não me definem. As tribulações,
adversidades e os problemas não me definem. Os meus desejos e
prazeres não me definem. O que me define é aquilo que o MEU PAI DIZ
SOBRE MIM. Não preciso fazer nada para provar nada para ninguém”. Por
quê?....

Eu sou o que faço? ISSO NÃO É QUEM VOCÊ É! VOCÊ NÃO TEM QUE
PROVAR NADA PARA NINGUÉM!
ALERTA: Quando não queremos ouvir a voz de Deus, duvidamos e
entramos num campo muito perigoso
a) Merecer amor
b) Conquistar admiração
c) Ser aceito (a)
d) Provar valor

ESCUTE!
 Muitos jovens se perdem ao tentar fazer e provar alguma coisa.
 Não há NADA acima da categoria “FILHO(A) AMADO(A) DE DEUS”.
 Qualquer coisa que venhamos ser nesta vida, será sempre MENOR
do que ser “Filho(a) amado(a) de Deus”.
 Quando chegamos ao lugar onde não precisamos provar nada para
ninguém, é porque aquilo que SOMOS já nos basta. O que
somos?.....

Entrei nas chamas para salvá-la", diz mãe de vítima do 'desafio do fogo'

Timiyah teve 49% do corpo queimado Imagem: Arquivo Pessoal


"Sou evangélica, bi, e tenho dois parceiros fixos"

A estudante Thais Maria (24 anos) Imagem: Arquivo pessoal

"Dizem que não podemos, de jeito nenhum, fazer sexo antes do casamento, que
vamos para o inferno. Mas percebi que não é natural para mim seguir esse
roteiro de casar, ter filhos, ter uma carreira e ir à igreja. Tentei, mas não deu
certo. E me permiti experimentar outras coisas", diz ela, "sem sair da igreja".

CONCLUSÃO: ATAQUE 1

 Jesus venceu a tentação de acreditar que “Ele era aquilo que Ele fazia”,
porque decidiu CRER nas Palavras pronunciadas do Pai – “Eis o meu
Filho amado em que me agrado”.

PERGUNTARAM......

 O que a droga significa para você? A PAZ!


 O que o sexo significa para você? O CAMINHO do prazer!
 “Por causa de 20 segundos de prazer orgástico chutamos a
eternidade”
 O que a liberdade significa para você? A VERDADE!
 O que significa a independência para você? VIDA!

ILUSTRAÇÃO: “Eu sou o caminho a verdade e a vida”....

QUAL ÁRVORE VOCÊ TEM SE ALIMENTADO?

Não vivemos no âmbito do CERTO e ERRADO ou POSSO ou NÃO


POSSO!

O que estou fazendo vai gerar VIDA?


 Jesus não deu vazão aos seus sentimentos egoístas, vontades e paixões.
Deus não nos chamou para vivermos baseados em sentimentos,
vontades e paixões.

PARA REFLETIR.....

“Não viva por aquilo que você sente, mas por aquilo que faz
sentido viver”

Qual o sentido da vida? Crer no que realmente sou! Quem eu


sou?....

SEGUNDA TENTAÇÃO:

O TENTADOR: SATANÁS
 Então o Diabo o levou à cidade santa, colocou-o sobre o pináculo do
templo, 6 e disse-lhe: Se tu és Filho de Deus, lança-te daqui abaixo;
porque está escrito: Aos seus anjos dará ordens a teu respeito; e:
eles te susterão nas mãos, para que nunca tropeces em alguma
pedra. (Mat. 4:5-6).

CONSIDERAÇÕES:
 .Por que não em outro lugar?
 O Templo um dos prédios mais elevados e era o centro religioso, o local
sagrado onde o povo esperava a chegada do Messias (Ml 3.1);
 “Se tu és Filho de Deus, lança-te daqui abaixo; porque está escrito:
Aos seus anjos dará ordens a teu respeito; e: eles te susterão nas
mãos, para que nunca tropeces em alguma pedra”. (Mt 4.6 – Sl 91.11)

ATAQUE 2: Você não é Filho de Deus a não ser que pule!

 Existe uma tradição judaica antiga que dizia que o Messias quando viesse
repousaria seus pés sobre o telhado do templo;
 Lançando-se do pináculo do Templo, com anjos amparando-o, todos que
estavam no pátio do templo iriam vê-lo e aceita-lo como o MESSIAS.
 Jesus não experimentaria rejeição! Nada de sofrimento, nada de
martírio e nada de CRUZ.
 Imagine Jesus dando início ao seu ministério de modo tão espetaculoso
como este. Os louvores, as hosanas, os aplausos, o reconhecimento, a
aceitação que receberia dos outros, sobre quem Ele era e sua missão na
terra.
 O que está por trás deste ataque?
 Cedendo a este ataque Jesus não precisaria passar ou suportar nenhuma
das várias rejeições que sofreu no âmbito familiar, social e eclesiástico
em que viveu.

 Caso cedesse a esta tentação Ele estaria afirmando:

"Eu sou o que as outras pessoas dizem ao meu respeito!" (Nome)

ISSO NÃO É QUEM VOCÊ É! SAIBA QUAL É A SUA IDENTIDADE!

ILUSTRAÇÃO 1:

Kaká testemunha como superou depressão: “Entendi minha identidade


em Cristo”
Igreja Batista do Povo – São Paulo

Em 2013, quando retornou para o Milan, Kaká sofreu uma nova lesão e teve
que se afastar novamente dos gramados. Nessa fase, ele pensou em desistir
de jogar futebol. “Esse foi um dos momentos mais difíceis da minha vida até
hoje, porque foi nesse momento que eu entrei em depressão. Foi exatamente
por essa falta de identidade, eu não sabia mais quem eu era, se eu era o que
eu fazia ou se eu era alguém, se eu tinha uma identidade fora do futebol ou
não”, revela.

“Foi aí que eu entendi que eu era filho de Deus. Essa foi a maior identidade
que eu consegui enxergar naquele momento. Eu já não era mais o melhor
jogador do mundo, mas também não era o pior. Foi um momento de carreira
distinto, mas eu continuava sendo filho de Deus”, acrescenta o ex-atleta. “Aos
poucos, fui entendendo minha identidade em Cristo. Por isso que hoje eu sou
muito bem resolvido para vir aqui e contar essa história para vocês”.
As redes sociais podem ser muito perigosas. Nelas, as pessoas podem dizer
qualquer coisa e você não é o que as elas dizem. Não é verdade. Você precisa
buscar a sua identidade. Se está passando por essa situação de depressão,
procure os profissionais ou um líder espiritual. É muito importante falar com
pessoas mais experientes sobre seu problema –
ILUSTRAÇÃO 2:

Após depressão profunda, cantora gospel “zera” Instagram e anuncia novidade

A cantora é um dos grandes nomes da música gospel da igreja


Adventista
Rafaela Pinho revelou ter mergulhado em uma profunda
depressão, que além de ter provocado “desejos de morrer”, a levou a
uma doença chamada TAG (Transtorno de ansiedade generalizada).

O MELHOR DE DEUS

Toda a dor que eu senti só me fortaleceu


Agora quero estar de pé diante de Deus
Nova vida simplesmente vai acontecer
Ergo as mãos e vivo agora o melhor de Deus

Desde que me encontrou em minha condição


Percebi o quanto sempre estive em suas mãos
Mesmo que de vez em quando eu pense em fugir
Tudo o que mais preciso é permanecer aqui
É permanecer aqui
Todo choro, todo riso, são a prova que estamos vivos
Toda a dor que eu senti só me fortaleceu
Agora quero estar de pé diante de Deus
Nova vida simplesmente vai acontecer
Ergo as mãos e vivo agora o melhor de Deus
O melhor de Deus

ILUSTRAÇÃO3:

Quem é você? Ao olhar esta imagem, o que vem em nossa mente é um prato
com batata e ovo frito.Mas, na verdade neste prato contem maçã, iogurte e
pêssego. E porque temos de imediato a impressão de ser ovo e batata frita?
Simplesmente porque faz parte da nossa experiência e cotidiano. Ao analisar
esta imagem e percebermos que ver é diferente de ser, podemos trazer para
nós um grande aprendizado. O que pensam sobre você não define quem você
é. As pessoas estão te olhando a partir das experiências e dores delas. Mas só
você sabe o que você traz na essência. Suas dores, sonhos e essências são
desconhecidos por muitos. Mas, o importante é você se conhecer e saber sua
essência, propósitos e chamado. Deus conhece sua essência!!!

O OBJETO DA TENTAÇÃO: JESUS CRISTO


 “Replicou-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor
teu Deus” (Mat 4:7).

TERCEIRA TENTAÇÃO:

SATANÁS
 “Novamente o Diabo o levou a um monte muito alto; e mostrou-lhe
todos os reinos do mundo, e a glória deles; e disse-lhe: Tudo isto te
darei, se, prostrado, me adorares. (Mt 4:8-9)

 Com todos estes reinos, riquezas e glórias ao seu dispor para ajudar a
humanidade todos reconhecerão quem você é!

CONSIDERAÇÕES:
 Porque um monte e não de volta para o deserto?
 O monte tinha uma simbologia especial porque era o lugar mais próximo
do céu, mais próximo de Deus.
 O monte é o lugar de Deus: “Quem habitará no Teu Santo Monte?”
(Salmos 15:1).
 Ao levar Jesus até ao monte, Satanás estava afirmando que Jesus era
Deus.
 Caso cedesse esta tentação, Jesus estaria afirmando: Eu sou o que eu
tenho! (bens)
 O diábo ataca diretamente, sem sugestões, sem ardis, sem rodeios.
Satanás faz uma franca proposta de adoração para si!...
 E Satanás utiliza a mesma artimanha ainda hoje comigo e com você, nos
pedindo: Só por um momento, me adore, e eu te deixo em paz!
 Cuidado com o lado “fácil”. Cuidado com o pensamento: “Deus não é tão
radical assim, é só uma vez”, essa é a lógica de Satanás. Deus me ama
e vai me perdoar! Cuidado!
 Satanás estava oferecendo um atalho indolor. Mas ele não entendia que
o sofrimento e a morte faziam parte do plano de Deus o qual Jesus havia
decidido obedecer.

O OBJETO DA TENTAÇÃO: JESUS CRISTO


 Então ordenou-lhe Jesus: Vai-te, Satanás; porque está escrito: Ao
Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás”. (Mat 4:10)
 “Do Senhor é a terra e a sua plenitude; o mundo e aqueles que nele
habitam” (Salmos 24:1).
 Dt 6:13
O que estava por trás deste e dos outros ataques?
 A tentativa de satanás em instigar dúvidas em Jesus sobre sua
personalidade & missão na terra!
 Gerar confusão e engano sobre quem (personalidade) Ele era e a
importância de para que (missão) Ele existia!
 Em como Ele desenvolveria a sua missão!
OBEJTIVO FINAL DO DIÁBO
 Satanás com estes ataques tentava desestabilizar sua auto-estima, minar
sua identidade e desviá-lo do propósito de manter sua vida e missão
fundamentada neste conhecimento.

A HUMANIDADE QUER RESPOSTAS!


 Quem nós somos? (identidade)
 E para que existimos? (propósito e utilidade)

RESPONDEMOS DE FORMA EQUIVOCADA


 Tentamos responder através do que fazemos:
 Eu sou o que eu faço! (produto).
 Tentamos responder baseando no que as pessoas dizem ao nosso
respeito.
 Eu sou o que as outras pessoas dizem ao meu respeito! (Nome)
 Tentamos responder - Quem nós somos? E para que existimos?
Diante daquilo que possuímos.
 Eu sou o que eu tenho! (bens)

Mas vc e eu sabemos qual é o fim de toda esta oscilação?... A morte!


Quando você morre.
 ninguém fala sobre você novamente;
 você não tem mais nada;
 você não pode fazer mais nada

ISSO NÃO É QUEM VOCÊ É!


 Satanás disse a Jesus no deserto - JESUS, você se sentirá amado:
a) Porque você faz coisas.
b) Porque as pessoas falam bem de vc.
c) Porque você tem algo.
"Este é meu Filho amado, em quem muito me agrado."
Esta verdade trazia e traz em seu conteúdo:
 Senso de pertencimento
 Amor e
 Aprovação

Em todo o seu ministério terreno, embora tentado, Jesus se manteve fiel e viveu
uma vida fundamentada neste conhecimento!
 De que Ele pertencia a Deus!
 De que Ele era amado por Deus!
 e de que Deus o aprovava!

Ouça as escrituras:
 a) Nós somos filhos de Deus, nós pertencemos a Deus: "O mesmo
Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus."
(Romanos 8.16)
 b) Nós somos amados por Deus: "Com amor eterno te amei; com
benignidade te atraí." (Jeremias 3a). "...porque aquele que tocar em vós
toca na menina do seu olho." (Zacarias 2.8b)
 c) Nós somos aprovados por Deus: Mas Deus prova o seu próprio amor
para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda
pecadores. (Romanos 5.8)

ESCUTE:

 E esta é a verdade de Deus para você também, pois o que é dito de


Jesus é dito de você!
 A voz que falou a Jesus por ocasião do batismo, fala tb a você.
 Esta voz, fala com você desde a eternidade:
 - Você é o filho amado! Você é a filha amada! Este é quem você é! Esta
é quem você é!
 Não importam as condições de seu nascimento, sua criação, seu passado
ou seu presente, o que importa é conhecer esta verdade e viver sua vida
fundamentada nela.
 Que você é filho de Deus! Amado por Deus, aceito, aprovado por Ele!
 E tudo o que você faz ou fará aqui nesta terra será derivado deste
conhecimento, deste fundamento e não mais do fundamento da rejeição,
do abandono, da incompreensão, do ultraje, das experiências ou
circunstâncias desagradáveis de sua vida!
 A sua vida será "A vida do Filho amado!" ou "A vida da Filha amada!"
CONCLUSÃO
Cada tentação a estas coisas será na verdade a oportunidade que vc terá de
afirmar: eu sou o filho amado de Deus! Eu sou a filha amada de Deus!
Porque eu pertenço a Ele!
Eu sou amada, MUITO amada por Ele!
Eu sou aprovada por Ele!

ITENS A UTILIZAR:
 Ele nos oferece sossego pelas drogas, com intenção de nos prender na
dependência. Ele oferece prazer sexual, pretendendo nos pegar na
tristeza e destruição física. E ainda assim, ele nunca desiste!
 Jesus completamente derrotou o Diabo. A derrota de Satanás no deserto
foi uma pequena previsão da vitória que Jesus teria por todos nós no
Calvário e na sua ressurreição. Através de Jesus, temos perdão do nosso
passado, poder para o presente, e esperança para o futuro. "Tendo, pois,
a Jesus, o Filho de Deus, como grande sumo sacerdote que penetrou
aos céus, conservemos firmes a nossa confissão" (Hebreus 4:14).
 Como Jesus, podemos nos preparar, através da oração, para enfrentar a
tentação (Mateus 26:41). E, como Jesus fez, nós podemos resistir o Diabo
em plena confiança que ele fugirá de nós (Tiago 4:7).

COMO OBTER VITÓRIA SOBRE A TENTAÇÃO?

 1. Afastando-nos das fontes da mesma: 1 Co 6.18, 2 Tm 2.22


 2. Resistir á sua sedução: Tg 4.7
 3. Vigiar e orar: Mt 26.41
 4. Levar todo pensamento á obediência de Cristo: 2 Co 10.5
 5. Andar no Espírito: Gl 5.16; apropriar-se, pela fé, dos recursos de
Deus: 1 Co 10.13
 6. Manter comunhão constante com os irmãos: Cl 3.16
 7. Estar com a mente cheia da Palavra de Deus: Fp 4.8-9
 8. Buscar a santidade do Senhor: 1 Ts 5.23-24; servindo-O e adorando-O: Sl
56.10-13
A Organização Mundial da Saúde (OMS) aponta o suicídio como a segunda
principal causa de morte de pessoas entre 15 e 29 anos. No Brasil, os casos
aumentaram 65%, entre pessoas com idade de 10 a 14 anos, e 45% na faixa de
15 a 19 anos, de 2000 a 2015. A informação, com dados do Ministério da Saúde,
é da última edição do Mapa da Violência, publicada em 2017... -
A filha da frentista Ceumi Bender, 31, tentou se matar no ano passado, aos 13
anos. O sobrinho da professora de português *Carolina da Silva, 32, vinha
avisando que tiraria a própria vida desde os 6 anos. E o fez, aos 15."Desde muito
novo, ele falava: 'Tia, a minha vida é ruim demais, não tem sentido viver'",
Suicídio entre jovens: "Ele se despediu de todo mundo e ninguém acreditou"... -
Veja mais em https://www.uol.com.br/universa/noticias/redacao/2019/08/23/sao-
muitas-as-razoes-para-o-suicidio-disse-que-faria-e-ninguem-
acreditou.htm?cmpid=copiaecola