Você está na página 1de 35

IES Plan Instituto de Ensino Superior Planalto

Fac Plan Faculdades Planalto

Projeto de Estradas
Aula 03

Prof° Marcelo Cunha

Semestre 2/2015
Aula de Projeto

Estudo de Traçado
1- Conceitos
2- Objetivo
3- Metodologia
4- Etapas de trabalho
5- Exercício
Aula de Projeto
1- Conceitos
Anteprojeto
O Anteprojeto é a fase inicial de um projeto. Tem por finalidade levantar os
parâmetros que conduzem e orientam a melhor alternativa para sua
implementação e deve abranger:
• Análise de Mercado - Visa a definição de produtos, faixas de mercado,
condição de comercialização (o quê, quanto, a quem, onde e de que forma
comercializar);
• Análise de Localização - Visa definição de onde produzir;
• Análise de Engenharia - Visa definição da tecnologia e caracterização do
processo produtivo, ou seja, como produzir;
• Análise de Dimensões - Visa definição da escala de nível econômico, ou
seja, quanto produzir;
• Análise Econômico-Financeira - Visa definição de investimentos e recursos
financeiros, ou seja, quanto e como investir.
Aula de Projeto
1- Conceitos
Anteprojeto

Sendo assim, o anteprojeto é uma análise vital de viabilidade técnica,


econômica e financeira que deve levantar parâmetros suficientes para a tomada
de decisões.
Aula de Projeto
1- Conceitos
Projeto Básico

Um projeto básico, segundo a lei nº 8.666 de 21/06/1993, é o conjunto de


elementos necessários e suficientes, com nível de precisão adequado, para
caracterizar a obra ou serviço, ou complexo de obras ou serviços objeto da
licitação, elaborado com base nas indicações dos estudos técnicos
preliminares, que assegurem a viabilidade técnica e o adequado tratamento do
impacto ambiental do empreendimento, e que possibilite a avaliação do custo
da obra e a definição dos métodos e do prazo de execução.
Aula de Projeto
1- Conceitos
Projeto Básico

Requisitos
Deve conter os seguintes elementos:
• Desenvolvimento da solução escolhida de forma a fornecer visão global da
obra e identificar todos os seus elementos construtivos com clareza;
• Soluções técnicas globais e localizadas, suficientemente detalhadas, de
forma a minimizar a necessidade de reformulação ou de variantes durante
as fases de elaboração do projeto executivo e de realização das obras e
montagem;
• Identificação dos tipos de serviços a executar e de materiais e equipamentos
a incorporar à obra, bem como suas especificações que assegurem os
melhores resultados para o empreendimento, sem frustrar o caráter
competitivo para a execução;
Aula de Projeto
1- Conceitos
Projeto Básico

Requisitos (cont)
• Informações que possibilitem o estudo e a dedução de métodos
construtivos, instalações provisórias e condições organizacionais para a
obra, sem frustrar o caráter competitivo para a sua execução;
• Subsídios para a montagem do plano de licitação e gestão da obra,
compreendendo a sua programação, a estratégia de suprimentos, as normas
de fiscalização e outros dados necessários em cada caso;
• O orçamento detalhado do custo global da obra, fundamentado em
quantitativos de serviços e fornecimentos propriamente avaliado.
Aula de Projeto
1- Conceitos
Projeto Executivo

O Projeto Executivo, segundo a lei nº 8.666 de 21/06/93, é o conjunto dos


elementos necessários e suficientes à execução completa da obra, de acordo
com as normas pertinentes da ABNT (Associação Brasileira de Normas
Técnicas).
Licitações Públicas
Tem-se conhecimento de manuais elaborados pela Administração Pública
Federal que não são utilizados e tampouco citados nas licitações
governamentais, nos três níveis do poder (federal, estadual e municipal).
Entretanto, deveriam fazer parte integrante dos editais, uma vez que definem,
da melhor maneira oficial existente, as especificações de projeto e de
construção, são eles:
Aula de Projeto
1- Conceitos
Projeto Executivo

• Manual de Obras Públicas – Edificações; Práticas da SEAP – Secretaria de


Estado da Administração e Patrimônio – Secretaria de Logística e
Tecnologia da Informação, inclusive com aspecto bem assemelhado com o
antigo Decreto nº 92.100, também de âmbito federal.
• Manual de Projeto;
• Manual de Manutenção e
• Manual de Construção.
Estes manuais apresentam como principal defeito não formular exigências tais
como: tolerância de erro topográfico, ou de acabamento de alvenaria ou de
revestimento, etc.
Aula de Projeto
2- Objetivo do Estudo de Traçado
Obter um traçado de uma via viável técnica e economicamente.

3-Metodologia

As etapas devem abranger:


• levantamento de dados
• analise dos dados obtidos
• conhecimento do problema
• estudo de alternativas
• estudo comparativo
• estimativa de custos
• recomendações e conclusões
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
Implantar uma via para atender necessidades.
A meta é elaborar um anteprojeto. O que fazer?

- Levantamento de dados:
• localização das redes das concessionárias (água, luz, telefone...)
• buscar base topográfica existente (UTM ou topográfico)
• observar a escala necessária
• verificar os logradouros, projetos e vias existentes
• verificar o PDOT e a legislação vigente
• verificar o PDTU e faixa de domínio
• google earth
• projetos similares
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
* Caso contrário – contratar uma empresa especializada ou um topógrafo.
Definir a densidade de levantamento e a escala.

- Analise dos dados


Cabe frisar que os dados devem ser analisados e verificar a sua validade.

- Conhecimento do problema
Etapa que representa o entendimento das impedâncias que devem ser
consideradas no projeto e se for o caso pode gerar projeto.

- Estudo de alternativas
Etapa onde são realizados algumas diretrizes planimétricas, calculado o perfil e
estimados os principais elementos de projeto.
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
- Estudo de alternativas
Realizar uma analise comparativa entre as alternativas, no mínimo 3, para se
realizar uma análise comparativa quantitativa e qualitativa.

- Estimativa de Custos
Etapa fundamental. A partir desta é que os gestores decidem sobre o
empreendimento e, serve como base do EVTEA.

- Recomendações / Conclusão
Momento em que o projetista opina pela alternativa e apresenta suas
justificativas.
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
Notas:
*1- Escala de projeto
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*1- Escala de projeto

Tipo Escala de trabalho


Anteprojeto 1/ 5.000
Projeto Básico 1/ 2.000
Projeto Executivo 1/ 1.000

Escala Resolução Detecção


(precisão) (acurácia)
1/ 10.000 5m 10 m
1/ 5.000 2,5 5,0
1/ 2.000 1,0 2,0
1/ 1.000 0,5 1,0
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*2- PDOT e Legislação

- Lei Federal nº 6.766/79 – Parcelamento do solo


- Lei Federal nº 10.257/01 – Estatuto da Cidade

GDF
- Lei Complementar nº 854 – Mapa A-3 Estratégia de Estruturação Viária

*3 – PDTU/DF
- Definição e classificação das vias
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*4- Diretrizes de Vias
- Decreto nº 27.365/2006 – Regula faixa de domínio

*5 – Projeto similares
- Quem tem? O Governo
- Onde podem ser adquiridos ou conhecidos? Nos órgãos e pela internet

*6 – Topografia
- poligonal principal (parte da base do IBGE, no min. 3 pontos)
- poligonal secundária
- erro: x,y,z e angular
- materializar no campo (bloco de concreto, estacas e outras formas)
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*6 – Topografia
- Cadastro de acordo com a escala de execução (seção transversal a cada
20,0m). Quantidade de pontos / ha.
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*6 – Topografia
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*6 – Topografia
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*7 – Alternativas
- Obter informações sobre as vantagens / desvantagens de cada alternativa
visando:
- Impacto ambiental
- Desapropriação
- Remanejamento de interferências
- Drenagem
- Movimento de terra
- Custo por km (para uma dada seção tipo)
- Observar as observações dos órgãos de controle
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*8 – Resolução do CONAMA
- IBAMA - Federal
- Órgãos Ambientais – Estadual
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*9 – Faixa de domínio
Define-se como “Faixa de Domínio” a base física sobre a qual assenta uma
rodovia, constituída pelas pistas de rolamento, canteiros, obras-de-arte,
acostamentos, sinalização e faixa lateral de segurança, até o alinhamento das
cercas que separam a estrada dos imóveis marginais ou da faixa do recuo
(Glossário de Termos Técnicos Rodoviários).
Conforme o Art. 50 do Código de Trânsito Brasileiro, o uso de faixas laterais
de domínio e das áreas adjacentes às estradas e rodovias obedecerá às
condições de segurança do trânsito estabelecidas pelo órgão ou entidade com
circunscrição sobre a via.
Procedimentos e documentações necessários para formalização de solicitação
para o uso das Faixas de Domínio.
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*10 – Interferências - remanejamento
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*11 – Impacto da Drenagem
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*12 – Movimento de Terra
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
Aula de Projeto
4- Etapas de Trabalho
*13 – Estimativa de Custos
Aula de Projeto
5- Exercício
5.1– Dado um terreno, implantar um bairro
Aula de Projeto
5- Exercício
– Dado um terreno, implantar um bairro
Aula de Projeto
5- Exercício
5.2– Dado um
terreno,
acessar o topo
Aula de Projeto
5- Exercício
5.3– Dado um
terreno,
acessar a ponte
Aula de Projeto
5- Exercício
5.3– Projeto de Engenharia

Interesses relacionados