Você está na página 1de 27

Sócio-histórica: Vygotsky

Raíra Cavalcanti
❏ Perspectiva sócio-histórica:

• concebe o indivíduo em sua


completude, na relação dos aspectos
internos com o meio externo, a
sociedade

• os indivíduos são históricos, culturais,


sociais
❏ Vygotsky é tido também como sociointeracionista

❏ Concebe quatro planos para a compreensão do desenvolvimento dos


indivíduos:
● filogenético: evolução da espécie humana (predisposições biológicas,
adaptações)
● sociogenético: história cultural da sociedade e dos grupos sociais
● ontogenético: desenvolvimento do indivíduo ao longo da vida (da infância
à velhice)
● microgenético: desenvolvimento do psiquismo (personalidade, repertório
psicológico)
(CONSULPLAN) Vygotsky reafirma a natureza histórica e social do ser humano, como ser
concreto, autor e produtor de sua história. Assim, concebeu o desenvolvimento humano a
partir de quatro planos genéticos: filogênese, ontogênese, sociogênese e microgênese. Eles
são quatro aspectos do desenvolvimento, que estão inter-relacionados e constituem a origem
de quem somos nós e de como nos tornamos humanos. Está INCORRETA a definição:

(A) Plano ontogenético: representa o nosso desenvolvimento ao longo da vida, que vai da
infância até a velhice.
(B) Plano filogenético: aspectos do nosso desenvolvimento que trazemos em virtude de nossa
evolução como espécie e que independe da ontogênese.
(C) Plano microgenético: embora sejamos seres eminentemente interativos, vivemos sozinhos
nossas aprendizagens, ou seja, ninguém pode aprender por mim.
(D) Plano sociogenético: ou seja, a interação permanente como base da formação humana.
Somos seres que nos desenvolvemos em sociedade, construindo cultura.
❏ Mediação:
● As interações entre indivíduo e meio são mediadas

● Aprendizagem mediada: os conhecimentos são adquiridos por meio de um


vínculo intermediário entre o indivíduo e o ambiente.

● A mediação ocorre por meio de dois tipos de elementos (filtros entre o


indivíduo e o meio):

➔ INSTRUMENTOS
➔ SIGNOS
1) Instrumentos
- componentes colocados entre o indivíduo e o ambiente, aumentando as opções
de ação sobre a natureza, de transformação no meio
- exemplo: um machado para cortar uma árvore

2) Signos
- componentes exclusivamente humanos: funcionam como instrumentos
- utilizados na esfera psicológica
- são representações que mediam as relações dos indivíduos, possibilitando que
ele estabeleça planos, intenções e interações mesmo na ausência dos objetos
(FADESP) O conceito de mediação simbólica de Vigotsky na educação trata da
concepção de intermediação, da relação homem-mundo, que acontece por meio
de duas formas:

(A) linguagens e pensamentos.

(B) instrumentos e comunicação.

(C) comunicação e categorização.

(D) instrumentos e signos.


❏ Internalização e aprendizagem:
● As interações por meio da mediação são importantes para a aprendizagem
● No contato com o meio, o indivíduo internaliza conhecimentos,
desenvolvendo estruturas simbólicas e linguagem
● A ação de aprender é compreendida como práxis, é fruto da prática social dos
sujeitos: a aprendizagem é um processo compartilhado e colaborativo entre o
indivíduo e o meio
● A aprendizagem não é uma mera aquisição de informações, não acontece a
partir de uma simples associação de ideias armazenadas na memória, mas é
um processo ativo e interpessoal
❏ Linguagem e pensamento
● O pensamento e a fala têm as mesmas raízes genéticas, mas as duas funções
se desenvolvem em trajetórias diferentes e independentes.
● A estreita correspondência entre o pensamento e a fala é característica dos
humanos - sociohistóricos (para além do biológico)
● A introdução em um meio sociocultural permite que o pensamento se torne
verbal e a linguagem falada surja (funções simbólica, intelectual)
● O desenvolvimento ocorre no sentido do social para o individual
❏ Fase pré-linguística no desenvolvimento do pensamento e uma fase pré-
intelectual no desenvolvimento da fala: a criança, mesmo sem a linguagem
desenvolvida, já consegue solucionar questões práticas e usar instrumentos
para realizar ações visando um resultado

❏ Ao longo do desenvolvimento, fala e o pensamento se associam:


● fala social: função de comunicar, de manter um contato social.
● fala egocêntrica: discurso da criança quando dialoga alto consigo
própria, quando fala sozinha ou “pensa alto"
● fala interior: pensamento reflexivo
(FCC) Vygotsky, ao enfatizar a importância da linguagem e da cultura na
constituição dos sujeitos, compreende as crianças como seres sócio-históricos.
Neste sentido, as crianças
(A) não dependem de fatores externos de ordem social, cultural ou mesmo
histórico, no aprendizado de sua língua materna.
(B) durante o processo de aquisição linguística, são recompensadas ou
reforçadas na sua produção pelos adultos que a rodeiam.
(C) possuem uma predisposição natural, instintiva, para a aquisição de um
sistema linguístico.
(D) não estão apenas imitando os adultos, mas estão, sobretudo, recriando e
ressignificando o mundo que estes lhes oferecem.
(E) apresentam capacidade cognitiva dependente dos aspectos biológicos,
exercendo estes, papel determinante no processo de aquisição da linguagem.
(CESPE) O trabalho de Vygotsky é precursor de uma corrente de pensamento, que é
geralmente referida como teoria histórico-cultural. Assinale a opção que apresenta
uma ideia defendida por esse autor.

(A) As características tipicamente humanas já estão presentes desde o nascimento do


indivíduo.
(B) São os instrumentos técnicos e os sistemas de signos, construídos historicamente,
que fazem a mediação dos seres humanos entre si e deles com o mundo.
(C) Pensamento e fala têm a mesma origem e se desenvolvem de modo dependente.
(D) Há três níveis de desenvolvimento cognitivo: o real, o intermediário e o potencial.
(E) As funções psicológicas aparecem duas vezes ao longo do desenvolvimento cultural
da criança: primeiramente, dentro da criança; e, depois, entre as pessoas, como
categoria interpsicológica.
❏ Processos psicológicos superiores:

● funções características dos humanos: atenção voluntária, pensamento


abstrato, raciocínio dedutivo, planejamento, memória, imaginação, ações
controladas

● se originam no convívio social com o ambiente histórico e cultural

● o sujeito é ativo em receber e produzir elementos a partir da interação com o


meio
❏ Desenvolvimento:
Zonas:
1) zona de desenvolvimento real:
➔ as funções mentais da criança estão estruturadas, resultantes de ciclos de
desenvolvimento já alcançados e concluídos.
➔ refere-se às capacidades autônomas do indivíduo, independentes de qualquer
auxílio externo
2) zona de desenvolvimento potencial:
➔ as capacidades mentais podem ser alcançadas com orientação de alguém
mais experiente ou qualificado na área em questão
➔ o indivíduo atua, em resposta a um problema, sob a orientação de um adulto
ou em colaboração com companheiros mais capazes.
3) Zona de desenvolvimento proximal:
➔ funções que ainda não se desenvolveram, mas que se encontram em fase de
amadurecimento
➔ “A zona de desenvolvimento proximal é a distância entre o nível de
desenvolvimento real, que se costuma determinar através da solução
independente de problemas, e o nível de desenvolvimento potencial,
determinado através da solução de problemas sob a orientação de um adulto
ou em colaboração com companheiros mais capazes. (...) A zona de
desenvolvimento proximal define aquelas funções que ainda não
amadureceram, mas que estão presentes em estado embrionário” (Vigotsky,
1989, p. 97).
ZONA DE
DESENVOLVIMENTO
PROXIMAL

ZONA DE ZONA DE
DESENVOLVIMENTO DESENVOLVIMENTO
REAL POTENCIAL

RESOLVE OS RESOLVE OS
PROBLEMAS PROBLEMAS
SOZINHA COM AJUDA
(IDHTEC) A perspectiva de Vygotsky acerca da construção do conhecimento
supõe que a aprendizagem antecede o desenvolvimento e que esta se dá a partir
da interação social. Nesse sentido, a capacidade da criança em desenvolver
tarefas de modo independente sem a ajuda de outro é denominada por ele de:

(A) Zona de desenvolvimento proximal.


(B) Assimilação.
(C) Acomodação.
(D) Zona de desenvolvimento potencial.
(E) Zona de desenvolvimento real.
(VUNESP) Ensinar é um trabalho intelectual que requer uma aprendizagem
reflexiva e continuada. Pode-se atingir uma maior integração entre o ensino e a
aprendizagem quando o professor trabalha com seus alunos, segundo Vygotsky,
na

(A) zona de desenvolvimento proximal.


(B) zona de desenvolvimento real.
(C) zona de desenvolvimento potencial.
(D) aprendizagem significativa e repetitiva.
(E) preparação de habilidades e em conhecimentos a transmitir.
(SUGEP - UFRPE) Conforme a teoria de Vygotsky, o caminho que o indivíduo vai
percorrer para desenvolver funções que estão em processo de amadurecimento
e que se tornarão funções consolidadas, estabelecidas no seu nível real, é
denominado:

(A) zona de desenvolvimento experiencial.


(B) zona de desenvolvimento diferencial.
(C) zona de desenvolvimento relacional.
(D) zona de desenvolvimento proximal.
(E) zona de desenvolvimento original.
(VUNESP) Um professor, em suas aulas, costuma considerar o nível de partida do
aluno, criando desafios abordáveis para além desse nível, por meio de diversos
instrumentos de apoio e suporte. Ele entende que a realização de tarefas por
alunos menos proficientes com a ajuda de colegas mais competentes é uma via
de acesso à realização autônoma dessas mesmas tarefas, em um nível superior.
Os procedimentos adotados por esse professor caracterizam o ensino como
ajuda ajustada ao processo de aprendizagem que, segundo Javier Onrubia (In:
Coll, 1999), refletem na maneira de entender o ensino associado à noção de
(A) estímulo ao trabalho em grupo.
(B) integração dos alunos na sala de aula.
(C) zona de desenvolvimento proximal.
(D) nivelamento do conhecimento dos alunos.
(E) apropriação individual de conhecimentos.
(IMPARH) Maria e Joana têm a mesma idade e não sabem ainda amarrar os seus
próprios tênis sozinhas. Mas, com ajuda de um adulto dando algumas dicas,
Maria rapidamente consegue amarrar, enquanto Joana, não. Depois, Maria, que
foi capaz de finalizar a tarefa com ajuda, provavelmente irá realizá-la sozinha.
Segundo, Vygotsky é preciso atentar não só para o que a criança realiza
sozinha, mas para o que faz com ajuda ou acompanhamento de alguém mais
competente naquela tarefa. Para o autor, a aprendizagem acontece justamente
na distância entre o que a criança já sabe e aquilo que é capaz de fazer com
ajuda. Por isso, a aprendizagem acontece na:
(A) zona de desenvolvimento proximal.
(B) zona de desenvolvimento potencial.
(C) zona de desenvolvimento realizado.
(D) zona de desenvolvimento atitudinal.
(IBADE) Mesmo que as crianças não possam desempenhar algumas tarefas
sozinhas, algumas dessas podem ser realizadas com a ajuda de outras pessoas.
Isso identifica sua zona de desenvolvimento:

(A) vertical.
(B) proximal.
(C) horizontal.
(D) potencial
(E) real.
❏ A aprendizagem e o desenvolvimento são inter-relacionados

❏ A aprendizagem se dá na lacuna entre o desenvolvimento real e o


desenvolvimento potencial.

❏ Para Vygotsky, o aprendizado das crianças começa muito antes de elas


frequentarem a escola. Qualquer situação de aprendizado com a qual a
criança se defronta na escola tem sempre uma história prévia.
(FGV) Vygotsky considera a relação entre aprendizagem e desenvolvimento
como

(A) dois processos independentes entre si.


(B) uma relação unilateral.
(C) processos idênticos, fundidos em um só.
(D) processos que mantêm complexas inter-relações.
(E) processos que mantêm relações antagônicas.
(CESPE) Julgue os itens:
( ) O conceito de zona de desenvolvimento proximal é definidor das funções que já
amadureceram e que são importantes para a aprendizagem dos indivíduos. Corresponde,
portanto, ao que se pode considerar como desenvolvimento em seu sentido completo E

( ) Para Vygotsky, o aprendizado orientado para níveis de desenvolvimento que já tenham


sido atingidos é ineficaz do ponto de vista do desenvolvimento global da criança. C

( ) Conforme a teoria em questão, o adulto não deve solicitar que a criança realize tarefas
que estejam acima de seu nível de desenvolvimento. E

( ) São estágios de desenvolvimento cognitivo postulados por Vygotsky: sensório-motor, pré-


operacional, operacional-concreto e operacional-formal.
E

( ) De acordo com Vygotsky, a aprendizagem envolve mediação e interação social em


determinado contexto histórico-cultural e é essencial ao desenvolvimento das funções
psicológicas superiores.
C
(Prefeitura de Fortaleza - CE) Sobre o papel do professor no desenvolvimento da criança,
segundo a teoria de Vygotsky, marque a única alternativa INCORRETA.

(A) O professor exerce uma função essencial, porque, apesar de não ser o único agente de
formação e informação, é um “parceiro privilegiado”, sendo elemento mediador das
interações entre as crianças e destas com os objetos de conhecimento.
(B) O papel do professor de Educação Infantil é, entre outros, o de intervir na zona de
desenvolvimento proximal das crianças, fazendo-as progredir no processo de compreensão de
mundo, provocando avanços que não ocorreriam espontaneamente.
(C) O papel do professor traz consigo não apenas a visão de criança, mas também a concepção
de profissionalidade e de competências específicas no trabalho destinado a cuidar e educar a
infância.
(D) O professor, na teoria de Vygotsky, não se constitui como figura relevante na
intermediação do processo de aprendizagens e desenvolvimento da criança.
(IFB) Vygotsky tem um papel fundamental na configuração do campo da chamada teoria sócio-
histórica. Sobre os estudos de Vygotsky, leia atentamente as afirmativas abaixo.
I) Uma das preocupações do autor era demonstrar as evidências de um processo evolutivo que
não poderiam ser identificadas apenas nos processos biológicos.
II) O autor indica em suas contribuições a existência de uma relação de determinação dialética
da sociedade e da cultura na constituição de processos psíquicos superiores.
III) Afirma que a natureza humana só pode ser compreendida através da sua história.
IV) O desenvolvimento da criança é composto por fases.
V) Desenvolveu o conceito de Zona de Desenvolvimento Relativo.
Com base nas afirmativas, marque a opção em que todas as alternativas estejam CORRETAS:
(A) I, II e III apenas.
(B) I, III, IV apenas.
(C) II, III e V apenas.
(D) II, IV e V apenas.
(E) I, IV e V apenas.

Você também pode gostar