Você está na página 1de 32

Os mapas

Prof.º Acácio Martins


Mapas
• São desenhos que retratam um lugar da
superfície curva da Terra (país, região, estado,
cidade, etc.) em uma superfície plana (folha de
papel ou monitor de vídeo), num determinado
momento.
• Nos permitem conhecer melhor uma área;
• Compreensão do espaço geográfico e suas
alterações, assim como das relações sociais entre
os seres humanos.
Principais elementos de um mapa
• Escala;
• Projeções cartográficas;
• Símbolos ou convenções cartográficas;
• Título.
Cartografia
• É a ciência de preparar cartas e mapas para os
mais variados fins, com diversos níveis de
complexidade e informação, baseados em
elementos científicos, técnicos e artísticos de
extremo apuro, extraídos de resultados da
observação direta ou da análise de documentos.
Convenções cartográficas ou
símbolos
• São a linguagem visual dos mapas.
• É a maneira utilizada pelos cartógrafos para
representar as informações dos mapas.
• São necessários porque, muitas vezes, os objetos
desenhados possuem um tamanho muito reduzido,
e, para que possam ser compreendidos, criamos
um desenho especial para representá-los.
• Plantas: são representações gráficas de pequenas
áreas feitas em escalas grandes e, em geral,
apresentam muitos detalhes.
Convenções cartográficas ou
símbolos
• Legenda: quadro explicativo de todos os símbolos
de um mapa.
• As cores também são utilizadas para comunicar
informações:
- Azul – rios, oceanos, mares;
- Verde – vegetação;
- Castanho – relevo e solos;
- Preto – cidades, vilas, limites políticos;
- Vermelho – rodovias ou correntes marítimas.
• Legenda: quadro explicativo de todos os símbolos
de um mapa.
• As cores também são utilizadas para comunicar
informações:
- Azul – rios, oceanos, mares;
- Verde – vegetação;
- Castanho – relevo e solos;
- Preto – cidades, vilas, limites políticos;
- Vermelho – rodovias ou correntes marítimas.
Escalas
• Servem para estabelecer a relação entre o
tamanho real de um lugar e a sua representação
no papel, ou seja, quantas vezes o objeto real (no
caso, a Terra ou alguma parte dela) precisou ser
reduzido para caber num mapa.
• Escala numérica;
• Escala gráfica.
Escala Numérica
• É a relação entre as distâncias no mapa e as
distâncias no terreno representadas por uma
fração ordinária, na qual o numerador
corresponde à medida do mapa e o denominador
à medida real.
• Ex: 1:200.000  1 cm no mapa corresponde à
200.000 cm (2.000 m = 2km) na realidade.
Escala Gráfica
• É representada por uma figura semelhante a um
pedaço de régua, na qual são indicadas as
medidas reais sobre as medidas do papel.

• Quanto menor a escala, menor será a riqueza de


detalhes do mapa.
Projeções cartográficas
• São técnicas utilizadas para representar a esfera
terrestre numa superfície plana, já que o simples
achatamento da esfera causa distorções que
inviabilizam a construção dos mapas.
• Mesmo utilizando essas técnicas, a representação
não fica fiel à original, ocorrendo distorções, seja
na forma e no tamanho dos continentes, seja nas
distâncias entre os lugares representados.
Projeção plana ou azimutal
• É o desenho cuja face plana toca em um ponto
qualquer do globo;
• Mostra somente metade do planeta, por isso é
muito utilizado para representar uma das duas
regiões polares da Terra.
Projeção cilíndrica
• É produzida a partir do envolvimento da esfera
terrestre em um cilindro de papel imaginário,
como se uma luz atravessasse o globo e
projetasse os paralelos e meridianos na folha;
• Apresenta os paralelos e meridianos retos e
perpendiculares, sendo a mais utilizada.
Projeção cônica
• Assemelha-se à cilíndrica, porém, no lugar do
cilindro, temos um cone envolvendo a superfície
terrestre, que depois será planificado;
• Apresenta paralelos circulares e meridianos retos,
utilizada para representar áreas pertencentes à
Zona Temperada.
Projeções de Mercator e Peters

Mercator Peters
Apresenta uma visão onde a Apresenta uma visão mais
Europa é o centro do mundo. exata da Terra.

Favorece os países do Valoriza as nações que


Hemisfério Norte. historicamente são mais
pobres.
Mercator

Peters
Tipos de mapas
• Como não é possível representar todos os
elementos do espaço ou da paisagem em um
mapa, foram criados diversos tipos de mapas que
representam especificamente um tema, são os
chamados mapas temáticos.
Os principais mapas temáticos
• Mapas políticos: mostram municípios, estados, países,
seus limites, suas capitais e cidades importantes.
• Mapas físicos: representam um ou vários elementos
naturais, como os rios, o relevo, as diferentes
altitudes, os tipos de clima, os tipos de vegetação.
• Mapas econômicos: representam disponíveis, o grau
de desenvolvimento econômico de um continente,
país ou de uma região e sua produção, assim como a
localização de recursos minerais, das indústrias e da
produção agropecuária.
Mapa Físico
Mapa
Político
Mapa
Econômico
Gráficos
• São instrumentos construídos a partir de
informações ou dados numéricos sobre um
determinado assunto;
• Utilizados pela Cartografia, Economia, Biologia,
Sociologia, entre outros;
• Podem ser:
- Gráficos de colunas;
- Gráficos de linhas;
- Gráficos circulares ou de pizza.
Gráficos de colunas
• Permite-nos perceber rapidamente os elementos
de grandeza máxima e mínima, ou seja, o maior
ou menos, dependendo do assunto tratado.
Gráficos de linhas
• Obedece o mesmo procedimento do de coluna,
diferindo apenas porque muda a representação
para linhas;
• Representa os dados de determinado assunto por
meio de linhas que unem os pontos, o que nos
permite uma rápida visualização.
Gráficos circulares ou de pizza
• São semelhantes a bolos cortados em fatias ou
pizzas divididas em pedaços;
• Possui as mesmas regras de confecção dos
gráficos de colunas e de linhas.

Você também pode gostar