Você está na página 1de 12

2ª Fase

Exame Discursivo
05/05/2019

Biologia
Neste caderno, contém dez questões de Biologia.
Não abra o caderno antes de receber autorização.

INSTRUÇÕES
1. Ao receber autorização para abrir os cadernos, verifique se a impressão, a paginação e a numera-
ção das questões estão corretas.
Se houver algum erro, notifique o fiscal.
2. Todas as respostas e o desenvolvimento das soluções, quando necessário, deverão ser apresentados
nos espaços apropriados, com caneta de corpo transparente, de cor azul ou preta.
Não serão consideradas as questões respondidas fora desses espaços.

INFORMAÇÕES GERAIS
O tempo disponível para fazer a prova é de cinco horas. Nada mais poderá ser registrado após o término
desse prazo.
Ao terminar, entregue os três cadernos ao fiscal.
Nas salas de prova, os candidatos não poderão portar arma de fogo, fumar e utilizar corretores orto-
gráficos e borrachas.
Será eliminado do Vestibular Simulado 2018 o candidato que, durante a prova, utilizar qualquer meio
de obtenção de informações, eletrônico ou não.
Será também eliminado o candidato que se ausentar da sala levando consigo qualquer material de
prova.
BOA PROVA!
BIOLOGIA
QUESTÃO De acordo com a hipótese da endossimbiose sequencial proposta pela bioquímica Lynn Margulis sobre a origem

01
das células eucarióticas, podemos dizer que as células dos animais têm dois genomas e as das plantas têm três;
nos dois casos, os genomas funcionam de forma integrada.

Identifique em quais organelas das células dos animais e das plantas estão localizados esses genomas.

Desenvolvimento e resposta:

Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo 3


BIOLOGIA
QUESTÃO O cultivo de células é caracterizado por permitir a manutenção de células vivas (in vitro) em laboratório inde-

02
pendente do organismo que a originou. As células mantidas em culturas não estão mais organizadas em tecidos,
crescendo em recipientes estéreis, usualmente placas e frascos plásticos e descartáveis. A cultura celular é uma
extensão da técnica de cultura de tecidos, um termo genérico utilizado para incluir culturas in vitro de órgãos,
tecidos e células. Durante o século XX, não havia uma clara distinção entre as possíveis diferenças e tipos de
culturas (i.e. órgãos, tecidos e células).
Cultivo celular in vitro: importância para a pesquisa biomédica e dimensão da
problemática de autenticação de linhagens celulares, 2012

Indique quantas moléculas de DNA existem no núcleo de uma célula somática humana que se encontra no está-
gio G1 da intérfase. Justifique sua resposta.

Desenvolvimento e resposta:

4 Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo


BIOLOGIA
QUESTÃO Liquens são associações simbióticas entre algas e fungos que resultam em um talo (Ahmadjian 1993, modifi-

03
cado). Este conceito, talvez por curto e simples, acaba não podendo ser aplicado a toda a imensa diversidade
de formas, tamanhos e tipos de relação que ocorrem nas cerca de 20 mil espécies de liquens conhecidas. As
algas podem pertencer ao Reino Monera, no caso das cianobactérias (antigamente chamadas algas azuis), ou ao
Reino Protista, no caso das algas verdes. Já os fungos (Reino Fungi) pertencem, em sua grande maioria, ao Filo
Ascomycota (98% dos liquens), com poucos representantes no filo Basidiomycota (que engloba os cogumelos,
por exemplo). Os componentes da simbiose liquênica recebem seus próprios nomes. As algas verdes e ciano-
bactérias, por realizarem a fotossíntese, são chamadas de fotobiontes (foto = luz; bionte = ser vivo), enquanto
os fungos constituem os micobiontes (mico = fungo). Assim, pode-se dizer também que líquen é a união de um
micobionte com um fotobionte.
www.biodiversidade.pgibt.ibot.sp.gov.br, em 30/04/2019

Os benefícios proporcionados pelo fungo para a alga podem incluir: proteção contra a dessecação e radiação
excessiva, fixação e provisão de nutrientes minerais retirados do substrato.

Explique por que a alga é fundamental para a sobrevivência do fungo nesse exemplo de associação cooperativa.

Desenvolvimento e resposta:

Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo 5


BIOLOGIA
QUESTÃO Falar de engenharia genética é caracterizar um conjunto de processos que permitem a manipulação do genoma

04
de microrganismos vivos, com a consequente alteração das capacidades de cada espécie. Esta possibilidade de
alteração das potencialidades genéticas dos organismos resultou da colaboração íntima e constante entre a cha-
mada ciência básica e a ciência aplicada.

Outro aspecto de interesse na área da medicina humana, para o qual a engenharia genética trouxe notáveis
progressos, é o relacionado com o diagnóstico de diversas doenças infecciosas ocasionadas por Salmonella, Cam-
pylobacter, Actinobacillus, Plasmodium, Retrovírus da síndrome de imunodeficiência adquirida (SIDA/AIDS) e
vírus da hepatite B. O princípio que rege a execução técnica do diagnóstico é o mesmo do diagnóstico prenatal,
apoiando-se na elevada especificidade da hibridização entre sequências complementares de ADN.
NOVOS ASPECTOS DA SAÚDE PÚBLICA, 1991

Usando a tabela do código genético, é possível deduzir a sequência de aminoácidos de uma proteína a partir da
sequência de nucleotídeos do RNA mensageiro que a codifica.

Indique se é possível, dada a sequência de aminoácidos de uma proteína de um eucarioto, deduzir a sequência
de seu gene. Justifique sua resposta.

Desenvolvimento e resposta:

6 Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo


BIOLOGIA
QUESTÃO Pese a aparente estabilidade do mundo natural, as mudanças são constantes ao longo da história evolutiva do

05
nosso planeta. Estas mudanças podem ser observadas e medidas em escalas de tempo muito variáveis e, inde-
pendente disto, sabe-se hoje que cada característica de vida atual é um produto do processo evolutivo. Por esta
razão a evolução de todos os organismos deve ser considerada como a pedra fundamental de todo o conheci-
mento biológico.
ORIGEM DA VIDA: Como surgiram os primeiros animais?

O diagrama a seguir apresenta uma das hipóteses sobre as relações evolutivas entre os principais filos animais.
Cada seta numerada indica uma aquisição evolutiva compartilhada apenas pelos grupos representados nos ra-
mos acima dessa seta. Por exemplo, a seta 1 indica tecidos verdadeiros.

os s
o
m
us s

s
m into

co der
de
s
s
os

co
io

po
m

ad
no
er

ár

tró
el
líf

rd
ui
id

ol
at
po

eq
cn

ar
pl
5
4
3
2
1
Considere as três seguintes características embrionárias: cavidade corporal completamente revestida por meso-
derma; três folhetos germinativos; blastóporo que dá origem ao ânus.

Indique a seta que corresponde a cada uma dessas características.

Desenvolvimento e resposta:

Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo 7


BIOLOGIA
QUESTÃO Nosso entendimento do papel do DNA na hereditariedade nos leva a uma variedade de aplicações práticas,

06
incluindo análises forenses, testes de paternidade e mapeamento genético. Graças a essas várias utilidades,
atualmente muitas pessoas conhecem o conceito de DNA.
Pode até parecer surpreendente, mas menos de um século atrás, nem mesmo os membros da comunidade
científica mais bem educados sabiam que o DNA era nosso material genético.
O conceito de gene tem desempenhado um papel central na biologia desde sua introdução, no início do século
xx. Contudo, ao longo do seu desenvolvimento histórico, o conceito tem sido objeto de controvérsia crescente,
inicialmente na filosofia da biologia e, depois, na própria biologia. Desafios ao conceito de gene têm levado a
uma dificuldade de preservar o chamado conceito molecular clássico, de acordo com o qual um gene é um seg-
mento do DNA que codifica um produto funcional (polipeptídeo ou RNA). As últimas três décadas de estudos
experimentais levaram a achados como genes interrompidos, emenda (splicing) alternativa, o chamado DNA-li-
xo, sequências TAR, pseudogenes, regulação pós-transcricional, rnai e rnasi, entre outros, os quais colocaram
dificuldades inesperadas à compreensão usual do conceito de gene.
A genética em transformação: crise e revisão do conceito de gene, Sci. stud. vol.8 no.1 São Paulo Jan./Mar. 2010

Se extrairmos o DNA total de células de coração, pulmão e hipófise de um mesmo indivíduo, verificaremos que
os tecidos apresentam genomas idênticos.

Os RNA mensageiros das células dos diferentes tecidos que compõem esses três órgãos serão os mesmos? Jus-
tifique sua resposta.

Desenvolvimento e resposta:

8 Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo


BIOLOGIA
QUESTÃO É manhã de domingo e a boneca Emília já reclama para a Tia Nástacia do intenso barulho na cozinha. A quituteira

07
do Sítio do Picapau Amarelo está ocupadíssima, preparando as delícias com milho para estudantes da cidade
que vêm visitar a Turma. ‘’Eles vão conhecer a maior travessura da agricultura brasileira’’, exclama a boneca. ‘’O
visconde de Sabugosa!’’, brinca.
A travessura, personificada pelo visconde de Sabugosa, nada mais é do que o milho, ingrediente indispensável
para a elaboração de farinha, doces e salgados, sem contar as histórias que giram em torno dele na obra do
escritor Monteiro Lobato, que nutria admiração pelo cereal. Seu livro, ‘’Sítio do Picapau Amarelo’’, é pano de
fundo para o apetitoso ‘’Gostosuras e Travessuras com Milho’’, de Conceição Fenille Molinaro, um prato cheio de
comida e diversão para a garotada.

Barato, comum e muito rico em nutrientes, o cereal tem sua história contada por Dona Benta, que destaca a
origem do milho, que foi cultivado pelos povos primitivos do México há mais de quatro mil anos.

Sabe-se que logo após a colheita, os grãos de milho apresentam sabor adocicado, devido à presença de grandes
quantidades de açúcar em seu interior. Mas o milho estocado e vendido nos mercados não tem mais esse sabor,
pois cerca de metade do açúcar já foi convertido em amido por meio de reações enzimáticas. No entanto, se
o milho for, logo após a colheita, mergulhado em água fervente, resfriado e mantido num congelador, o sabor
adocicado é preservado.

Por que esse procedimento preserva o sabor adocicado dos grãos de milho?

Desenvolvimento e resposta:

Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo 9


BIOLOGIA
QUESTÃO Em 1928, o bacteriologista britânico Frederick Griffith conduziu uma série de experimentos usando a bactéria

08
Streptococcus pneumoniae e ratos. Griffith não estava tentando identificar o material genético, mas, sim, criar
uma vacina contra a pneumonia. Em seus experimentos, Griffith usou duas cepas relacionadas de bactéria, co-
nhecidas como R e S.
Neste trabalho foi relatado que Pneumococcus não capsulados podiam começar a apresentar cápsulas quando
misturados com Pneumococcus capsulados e mortos pelo calor (figura abaixo). Em 1944, Avery e colaboradores
demonstraram que o DNA era a molécula envolvida nesse processo.

Outros trabalhos posteriores mostraram que as bactérias, apesar de não apresentarem reprodução sexuada,
podem receber genes de outras bactérias por três mecanismos diferentes de recombinação: transformação,
transdução e conjugação.
(A) Que mecanismo de recombinação foi observado por Griffith? Explique como o DNA está envolvido nesse
processo.
(B) Em qual dos mecanismos de transferência de material genético é necessário o contato físico entre as células
bacterianas? Justifique sua resposta.
(C) Em qual dos três mecanismos os vírus bacteriófagos podem servir de vetores na recombinação bacteriana?
Justifique sua resposta.

Desenvolvimento e resposta:

10 Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo


BIOLOGIA
QUESTÃO A bactéria KPC (Klebsiella Pneumoniae Carbapenemase), a “superbactéria”, foi identificada pela primeira vez nos

09
Estados Unidos, em 2000, depois de ter sofrido uma mutação genética que lhe conferiu resistência a múltiplos
antibióticos (aos carbapenêmicos, especialmente) e a capacidade de tornar resistentes outras bactérias. Essa
característica pode estar diretamente relacionada com o uso indiscriminado ou incorreto de antibióticos.
drauziovarella.uol.com.br, em 30/04/2019

(A) Qual das figuras abaixo (A e B) corresponde a uma célula de bactéria? Cite DUAS características morfológicas
que definam esse tipo de célula.

Figura A Figura B

(B) Em qual dos reinos, segundo Whittaker ou Margulis e Schwartz, as bactérias se encontram?

Desenvolvimento e resposta:

Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo 11


BIOLOGIA
QUESTÃO O método de estudo ecológico utilizado pelos primeiros profissionais que se dedicaram a essa ciência- denominado

10
hoje autoecológico - dificilmente poderia levar a considerações mais abrangentes sobre maciços impactos ambien-
tais: os impactos atingem populações e só nessa dimensão podem tornar-se irreversíveis, provocar desequilíbrios
ambientais ou extinção de espécies. As leis que regem a atuação do homem sobre os seres vivos são leis de grandes
números, tal como as leis que regem a transmissão dos caracteres hereditários. E o império da estatística (e não
mais da biologia) atuando sobre o microcosmos da genética e o macrocosmos da sinecologia. Foi, portanto, o estudo
das populações (dinâmica populacional, um campo da estatística) e o advento dos computadores que permitiram o
aparecimento da sinecologia, com uma dimensão a mais no campo da ecologia, dimensão esta representada pela
integração dos inúmeros fatores e circunstâncias ambientais em equilíbrio dinâmico e responsável pelo comporta-
mento e sobrevivência de número significativo de espécimes vivos.
Conflitos conceituais nos estudos sobre meio ambiente, Estud. av. vol.9 no.23 São Paulo Jan./Apr. 1995

Utilize a letra da música de Baiano e os Novos Caetanos, intitulada Urubu Tá Com Raiva Do Boi, para responder as
perguntas:

Urubu tá com raiva do boi, e eu já sei que ele tem razão é que o urubu tá que-
rendo comer mais o boi não quer morrer Não tem alimentação.
O mosquito é engolido pelo sapo, O sapo a cobra lhe devora.
Mas o urubu não pode devorar o boi: Todo dia chora, todo dia chora.
Gavião quer engolir a socó, Socó pega o peixe e dá o fora.
Mas o urubu não pode devorar o boi, Todo dia chora, todo dia chora.

(A) A segunda estrofe apresenta um exemplo de cadeia ou teia alimentar? Justifique sua resposta.

(B) Denomine o tipo de relação ecológica entre o pássaro socó e o peixe.

(C) Indique o nível trófico do boi e do urubu, considerando que o boi tenha morrido e o urubu o tenha comido.

Desenvolvimento e resposta:

12 Vestibular Estadual 2019 2ª fase Exame Discursivo