Você está na página 1de 2

DEVOCIONAL DIARIO (BASEADO NO LIVRO DO PR.

LUCIANO SUBIRÁ) - DATA: 14/03/19

TEMA: MANANCIAL OU CISTERNA - LER Texto base: Jeremias 2:13

Quebra-gelo: Como tem sido seu relacionamento com Deus? Diário ou quando pode?

1) Introdução: Naqueles dias não havia água encanada, e o povo dependia dos mananciais
para sua sobrevivência. Entretanto, tanto pela falta do manancial como pelo comodismo
de não precisar buscar água todos os dias, as pessoas passaram a usar cisternas. A
cisterna era um reservatório de água de chuva, e era muito prática, uma vez que evitava
o trabalho de se ir diariamente atrás de uma fonte.

Temos muitos exemplos bíblicos de pessoas indo aos poços para buscar água. Isto era algo
comum a todos, razão pela qual Deus escolhe justamente esta figura para ilustrar a verdade
espiritual que o seu povo necessitava ouvir e entender.

Qualquer um sabe que há uma diferença na qualidade da água proveniente da fonte e do poço.
Mas o que Deus está dizendo não é algo ligado à qualidade da água, mas ao fato de que,
espiritualmente falando, as cisternas não funcionam.

2) Entendendo a cisterna: Deus chamou as cisternas que seu povo vinha cavando de rotas,
que não podiam reter as águas. Portanto, nesta comparação que o Senhor faz, a
conclusão é única: quem bebe da fonte tem a água, enquanto que quem tenta a
cisterna acaba ficando sem água!

Muitos de nós achamos que é possível "driblar" o princípio da busca diária e tentamos "encher
nosso reservatório" nos cultos. Há pessoas que durante toda a semana não oram e nem leem a
Bíblia, mas acham que um culto é suficiente para mantê-las abastecidas.

Era disto que Deus falava. Porque preferimos encher nossa cisterna em vez de ir diariamente à
fonte? Talvez por mero comodismo, mas o fato é que temos falhado numa área vital de nosso
relacionamento com o Pai Celeste. Ninguém sobrevive de estoque em sua vida espiritual. Não
existe uma espécie de "crentecamelo" que enche o tanque e aguenta quarenta dias no deserto!

3) Manancial: Creio que esta é uma área importantíssima a ser ordenada em nossas vidas.
Não há nada que nos leve a estar mais próximos de Deus do que o relacionamento
diário. Esta ideia de beber da fonte é usada por Deus em toda a Bíblia, e penso que isto
serve para cultivar em nós uma mentalidade correta de nosso relacionamento com Ele;

Em João 7:38-39, Jesus compara a água viva ao Espírito Santo, e expressa sua vontade de que
em nós fluísse rios de água viva. Este fluir significa viver na dependência de Deus, desfrutar de
uma grande intimidade e liberdade com Ele. Andar em Espírito fazendo constantemente a
vontade do Pai, sem satisfazer a vontade da carne (Gálatas 5:16-17). Viver libertos da escravidão
do pecado, estando tão cheios de Deus ao ponto de transbordar para outras vidas, sendo de
fato transformados.

O grande propósito de Deus foi o de ter uma grande família, mantendo comunhão com o homem
diariamente, assim como fazia com Adão. Não há outra maneira de vivermos a plenitude,
somente indo a fonte todos os dias. Cristo nos ensina que devemos buscá-lo diariamente: “O
pão nosso de cada dia nos dai hoje” .

É impossível manter um relacionamento íntimo com Deus buscando-o apenas de culto em culto,
uma vez por semana. Em Ex 16:19-20, Deus orienta o povo a não armazenar o maná para o dia
seguinte. Aqueles que desobedeciam encontravam o alimento apodrecido e cheio de bichos.
4) Por que nos afastamos da fonte?

- Valorizamos mais a água do que a fonte. Existem muitos crentes buscando experiências
sobrenaturais, como profecias, curas e isso é muito bom, mas o que Deus espera de nos é um
relacionamento profundo. A água é o que Deus usa para nos manter por perto. Quando
buscamos somente a água e nos esquecemos da fonte não chegamos a verdadeira adoração,
acabamos amando mais a benção que o abençoador. Na realidade é impossível estarmos com
Ele e não sermos abençoados. “Bendito seja o Deus e pai de nosso Senhor Jesus cristo que já
nos abençoou com toda a sorte de bênção nas regiões celestiais. ” Efésios 1:3. “Se você obedecer
aos meus mandamentos essas bênçãos virão atrás de ti e te alcançarão” Dt 28:2.

Não podemos viver por metas em Deus “Agora está bom, já posso descansar por um tempo. ”
Sabemos que dos dez leprosos que foram curados, apenas um voltou para caminhar com Jesus.
Quando estamos com problemas buscamos mais, e isso quer dizer que estamos apegados aos
resultados.

- Comodismo: Para que buscar água todos os dias? Nesses dias temos seguido a lei do menor
esforço. Ao invés de buscarmos a água viva nos contentamos com águas paradas, achando que
isso é suficiente. No entanto, este pensamento enganoso nos leva a rebeldia, independência e
aos poucos voltamos as obras do velho homem.

5) Conclusão: A palavra diz que o reino de Deus é tomado à força, precisamos de atitudes
de fé constantes. A passividade do povo de Deus tem levado a Igreja à morte espiritual.

Precisamos voltar ao primeiro amor, às primeiras obras (Ap 2:4-5) quando buscávamos a Deus
sem reservas. “Chegai-vos a Deus e ele se chegará a vós outros. ” A intensidade da busca vai
gerar grandes transformações, renovação de mente e principalmente restaurará a noiva para
viver com intensidade seu relacionamento com Cristo. Portanto, voltemos à fonte e
abandonemos as cisternas.