Você está na página 1de 29

Guia de configuração

Guia de configuração
Projeto: 0001BRIMP
Criado por: CBABILON
Data de criação: 26/05/2015
Opções de seleção:
Elementos de estrutura: Componente lógico: ZSAPECC
Estrutura selecionada com restrições
Apenas elementos de estrutura com objetos
Opções de exibição
Elementos de estrutura: Componentes lógicos
Empregado
Status
Palavras-chave
Documentação IMG
Guia de configuração 0001BRIMP

Conteúdo
PROJETO PASSAPORTE - IMPLEMENTAÇÃO....................................................................................................................3
1 CENÁRIOS EMPRESARIAIS..............................................................................................................................................3
1.1 Contratos de Arrendamento e Parceria.........................................................................................................3
1.1.1 Dados mestre.......................................................................................................................................................... 3
1.1.1.1 Parceiro de Negócio........................................................................................................................................3

26/05/2015

2
Guia de configuração 0001BRIMP

Projeto PASSAPORTE - Implementação


1 Cenários empresariais
1.1 Contratos de Arrendamento e Parceria
1.1.1 Dados mestre
1.1.1.1 Parceiro de Negócio

Tipo Componente lógico Objeto Denominação

Objeto IMG ZSAPECC Nó de estrutura Intervalo de numeração

Objeto IMG ZSAPECC REFXREBUPA_TB003 Definir funções PN

Intervalo de Numeração
1° ARRUMAR INTERVALO DE NUMERAÇÃO
Deixar o intervalo de numeração do cliente e fornecedor como externo, para que o parceiro de negócio
defina a numeração. Os grupos de clientes e fornecedores utilizam o mesmo intervalo, assim a
numeração criada no BP será a mesma da XD e XK.

2° DEIXAR TODOS OS CAMPOS FACULTATIVOS NO CADASTRO DO CLIENTE


Esta ação foi tomada para que não haja problema na criação automatica do cadastro de cliente e
fornecedor, os campos obrigdatórios serão configurados no BP.

Contexto

O parceiro de negócios central também será utilizado em RE-FX. Define-se aqui em que funções
um parceiro de negócios pode aparecer.

Utilização

Nesta atividade IMG definem-se as Funções do parceiro de negócios e os seus atributos.

Além disso, definem-se as categorias de função do parceiro de negócios com outros dados
correspondentes.

As categorias de função do parceiro de negócios são arquivadas em uma tabela com a classe de
entrega E.

26/05/2015

3
Guia de configuração 0001BRIMP
Configurações standard

A SAP fornece as seguintes funções do parceiro de negócios:

 000000

 BUP001

 BUP002

 BUP003

 BUP004

 BUP005

 FS0000

A SAP fornece as seguintes categorias de função:

 BUP001

 BUP002

26/05/2015

4
Guia de configuração 0001BRIMP
 BUP003

 BUP004

 BUP005

A SAP fornece as seguintes visões do parceiro de negócio:

 000000

 BUP001

 BUP002

 BUP003

 BUP004

 BUP005

 FS0001

Não modificar estas configurações.

Estas entradas devem apenas ser modificadas se, p.ex.:

 se pretender utilizar uma seqüência de telas inteiramente diferente

 forem necessárias seqüências de telas adicionais para categorias de funções próprias

 tiverem sido definidos processos próprios que devem ser programados em categorias de
função

Atenção

Especialmente as categorias de função fornecidas pela SAP não devem ser modificadas, pois, se
necessário, o programa da SAP acessa diretamente a elas.

Atividades

Efetuar primeiro as seguintes configurações para a função do parceiro de negócios:

1. Atributos da função
a) Entrar uma chave alfanumérica de seis caracteres para a função PN.
b) Entrar um título em forma breve e uma denominação em forma descritiva para
o texto da função.

26/05/2015

5
Guia de configuração 0001BRIMP
c) Definir o código Ocultar se uma função não tiver de ser exibida na caixa drop-
down da seleção de função no diálogo.

2. Atributos da categoria de função


a) Selecionar uma categoria de função, caso se deva programar na função.
É possível atribuir várias funções a uma categoria de função. As funções
atribuídas são exibidas na síntese. Mediante um clique duplo, é possível navegar
na função correspondente.
b) Determinar a função a ser atribuída como função standard.
O código será definido automaticamente ao ser criada uma função, desde que a
categoria da função afetada não esteja atribuída a outra função.
O código assegura que pode sempre ser feita a leitura de uma função durante a
programação na categoria de função.
A atribuição de uma categoria de função permite, além disso, determinar que a função
seja atualizada na tabela de funções (BUT100).

26/05/2015

6
Guia de configuração 0001BRIMP

OBS> - Dentro da Função Parceiro tem CtgFunção PN é onde fica atribuido o controle de
tela.

3. Configurações para o controle de interfaces


a) Atribuir uma Visão PN.
Definir a visão PN no menu de área do parceiro de negócios no SAP Easy Access ,
em Parceiro de negócios -> Controle -> Divisibilidade -> Visões PN (transação
BUSD).
Se não houver nenhuma visão PN atribuída, serão utilizadas as configurações da
visão PN 000000 (PN geral) no diálogo.
b) Indicar a posição na qual a função deve aparecer na caixa de listagem
dropdown no diálogo.
Se não forem efetuadas entradas para funções, as funções serão ordenadas em
seqüência alfabética.

4. Gravar os dados.

Definir as categorias de função próprias, caso necessário.

1. Entrar uma chave de seis caracteres para a categoria de função no espaço de nomes de
cliente (Y* e ZÜ*) .
2. Entrar um título em forma breve e uma denominação em forma descritiva para o texto
da categoria de função.
3. Entrar um tipo de diferenciação (entrada obrigatória).
4. Indicar para quais categorias do parceiro de negócios a categoria de função pode ser
válida.
5. Caso necessário, atribuir uma operação empresarial à categoria de função e determinar
a influência da operação.

26/05/2015

7
Guia de configuração 0001BRIMP
Configurações standard

As funções fornecidas especialmente para RE, começam com TR06 ou TR08. No sistema
standard, é feita distinção entre as seguintes visões de parceiros de negócios:

 FS001, FS002:
Função externa normal (por ex.: arquiteto, construtor-incorporador). FS001 representa o
atributo máximo, ou seja, normalmente todos os campos para a atualização estão
disponíveis e mediante o controle de status de campo determina-se quais campos não são
mais necessários. FS002 representa o atributo mínimo. Apenas os campos selecionados
estarão disponíveis:

 FLCU01:
Parceiro devedor (por ex.: locatário)

 FLVN01:
Parceiro credor (por ex.: locador)

 BUP003:
Empregado (por ex.: responsável)

A visão de PN FS0005 também estará disponível para a transferência de dados inicial. Atribuir
essa visão no momento de transferência de dados da função, na qual os parceiros serão aceitos.
Ela permite entradas para todos os campos do parceiro de negócios.

Nota

o conceito da função Pagador alternativo mudou em RE-FX. No RE Classic, o pagamento


através de uma outra conta dependia exclusivamente da existência de um parceiro de negócios na
função Pagador alternativo. O mesmo não será mais utilizado no RE-FX. Para lançar todas ou
parte das contas a receber de condições do contrato imobiliário, utilizar um parceiro devedor na
função Subvencionador

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC REFXV_TB108 Configurar atributos de campo para cada função
IMG PN

Utilização

Nesta etapa, determina-se, consoante a Função do PN, quais os campos que

 requerem uma entrada (entrada obrigatória)

26/05/2015

8
Guia de configuração 0001BRIMP
 estão disponíveis para entrada (entrada facultativa)

 são exibidos (exibir)

 são ocultados (ocultar)

na atualização do registro mestre.

Em cada campo, esta definição é ligada ao status do campo dos outros critérios. A ligação
determina que status o campo assumirá na tela de entrada dos os dados mestre.

Exemplo

São efetuadas transações bancárias com parceiros de negócios que assumem funções de PN
distintas. Se estiver previsto automatizar estas transações de pagamento, será necessário, pelo
menos, um conjunto de dados bancários. Neste caso, definir os dados bancários como campo
obrigatório nestas funções de PN.

Configurações standard

Existem as seguintes entradas no sistema standard da SAP para as seguintes funções do PN:
26/05/2015

9
Guia de configuração 0001BRIMP
 BUP001

 BUP002

 BUP003

 BUP004

 FS0000

Atividades

Verificar e, se necessário, modificar as atribuições fornecidas no sistema standard.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC REFXV_TIVBPOBJROLE Definir configurações para funções por tipo
IMG de objeto

Utilização

Nesta atividade você pode determinar a que tipo de objeto se podem atribuir parceiros de
negócios e as funções que esses parceiros podem assumir (por exemplo, tipo de função Zelador -
tipo de aplicação Edifício; consultar também Pré-requisitos).

26/05/2015

10
Guia de configuração 0001BRIMP
Pré-requisitos

Você gravou todas as funções necessárias na atividade Definir funções PN

Atividades

Atribua primeiro as funções necessárias a cada tipo de objeto. Desta forma são determinados os
níveis nos quais você deseja processar parceiros em determinadas funções. Por exemplo,
dependendo do ponto onde o zelador deve ser processado no sistema, essa função pode ser
atribuída na unidade econômica, no edifício e/ou no objeto de locação.
Além disso é também possível efetuar uma diferenciação no tipo de objeto para os seguintes
tipos de objetos:

 Objetos arquitetônicos (por tipo de objeto)

 Objetos de locação (por tipo de utilização)

 Contratos imobiliários (por tipo de contrato)

Caso uma função de parceiro de negócios seja válida para este tipo de objeto independentemente
deste critério (por exemplo, responsável por todos os contratos, independentemente do tipo de
contrato), não preencha o critério de diferenciação para esses tipos de objetos. Insira as funções,
somente necessárias para determinados critérios de diferenciação, também apenas para esses
critérios (por exemplo, locador credor somente para tipos de contrato que representem locação
externa). Observe que as funções definidas como funções para o parceiro principal do contrato
do tipo de contrato devem também ser aqui inseridas para o tipo de contrato correspondente.

Após atribuídas todas as funções, determine os seguintes atributos para cada função e tipo de
objeto:

 Cardinalidade
A cardinalidade determina o número máximo de parceiros de negócios com esta função
que podem ser simultaneamente atribuídos a um objeto. Se o campo estiver vazio, é
possível atribuir um número qualquer de parceiros de negócios com esta função.

 Código: obrigatório
Esta entrada depende do período: se uma função estiver definida como obrigatória, deve
estar atribuído no período de validade da aplicação um parceiro de negócios (ou vários,
dependendo da cardinalidade) com esta função.

A função do parceiro principal do contrato é sempre obrigatória e deve possuir a


cardinalidade 1.
 Agrupamento de parceiros de negócios
O agrupamento de parceiros de negócios determina o intervalo de numeração utilizado
para a criação de um parceiro de negócios. Se o intervalo de numeração for externo, é
necessário indicar também o número do parceiro (eventualmente alfanumérico) na
criação de um novo parceiro.

26/05/2015

11
Guia de configuração 0001BRIMP
Considere que, no caso de funções do cliente e do fornecedor, o grupo de contas do
cliente/fornecedor criado automaticamente também depende do agrupamento de
parceiros.

 Tipo de endereço:
Pode-se também inserir um tipo de endereço por tipo de aplicação/função. Neste caso,
esse tipo de endereço será proposto como o tipo do endereço padrão na criação de um
parceiro.

 Transferência do endereço do objeto


Você pode determinar aqui se um endereço atribuído ao objeto ou contrato deve ser
atribuído ao parceiro de negócios a ser atualizado.

 Código: Atribuição múltipla


Se o código estiver definido, uma atribuição múltipla do mesmo parceiro de negócios
nessa função é também possível para períodos de atribuição sobrepostos.

 Variante atribuição do parceiro


A atribuição de um parceiro de negócios está sempre ligada a uma pesquisa, a fim de
evitar criações múltiplas ou no caso em que, por motivos organizacionais, não seja
possível efetuar uma atualização dos dados de parceiros de negócios em conjunto com os
de contratos ou objetos de bens imóveis. Essa pesquisa pode ocorrer de modo dependente
ou independente da função.

 Ajuda de pesquisa
Por padrão, a pesquisa por parceiros de negócios ocorre de acordo com as indicações na
tela de pesquisa e, se necessário, de acordo com a função da variante de atribuição do
parceiro. Outra alternativa aqui é integrar uma pesquisa específica do cliente para cada
função/tipo de aplicação.

 Agrupamento de funções de parceiro de negócios


Se um agrupamento de funções de parceiro de negócios estiver indicado, ocorre uma
pesquisa (padrão) e um processamento/exibição do parceiro de negócios não ocorre mais
sob a função PN, e sim sob o agrupamento de funções PN. O pré-requisito para tal é que
a função PN esteja atribuída ao agrupamento de funções PN. A atribuição ao
contrato/objeto em si continua a ocorrer sob a função atribuída.
Para poder utilizar essa funcionalidade, é necessário ativar a subfunção BP02 -
Agrupamento de funções PN.

Tipo Componente lógico Objeto Denominação


Objeto IMG ZSAPECC REFX_GPDEBITOR Parceiros de negócios devedores

Atividades

26/05/2015

12
Guia de configuração 0001BRIMP
Para configurações predefinidas dos parceiros de negócios, utilizar o guia de implementação
previsto para clientes (contabilidade financeira).

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC REFXV_TBD001 Atribuição de nºs: atribuir grupo de contas ao
IMG cliente

Utilização

Nesta atividade, será atribuído um Grupo de contas de FI a cada Agrupamento de parceiros


de negócios.

Pré-requisitos

As configurações correspondentes foram efetuadas nas seguintes atividades:

1. Intervalo de numeração parceiro de negócios


2. Definir agrupamentos e atribuir aos intervalos de numeração
Na criação de um parceiro de negócios, o agrupamento de parceiros de negócios
determina que intervalo de numeração seja utilizado. O agrupamento é gerado
automaticamente do customizing. O agrupamento de parceiros de negócios tem que estar
atribuído a uma categoria de função, que foi atribuída antes a uma categoria de aplicação
(ver 3.).
3. Determinar intervalo de numeração (agrupamento) e tipo de endereço

Atividades

Para garantir uma contabilidade financeira correta, deve ser atribuído a um agrupamento de
parceiros de negócios um grupo de contas do cliente e/ou um grupo de contas do fornecedor,
com base em FI. Os grupos de contas do cliente são criados na seguinte atividade: Definir grupo
de contas com estrutura de tela (clientes).

É possível definir o código Criar cliente com o mesmo número para cada agrupamento.

26/05/2015

13
Guia de configuração 0001BRIMP

Tipo Componente lógico Objeto Denominação


Objeto IMG ZSAPECC REFXV_TBD002 Funções da parte devedora

Utilização

Nesta atividade é necessário efetuar as configurações para as categorias de funções necessárias


em um devedor na contabilidade financeira (por exemplo locatário principal devedor).

Nota

Se não tiver definido categorias de funções de devedor próprias, não será necessário efetuar
modificações para a administração flexível de bens imóveis na configuração standard.

 Se pretender que uma função seja definida como de devedor, definir o código "Devedor".
Se um parceiro de negócios for criado nesta função, será criado ou atribuído
automaticamente um devedor para esse parceiro.

 Se pretender que o devedor (opcional) seja criado ou atribuído durante o processamento


do parceiro de negócios, definir o código "Controlável do ponto de vista do devedor"

 Se o número do devedor for exibido durante o processamento do parceiro, definir o


código "Exibir número do devedor".
26/05/2015

14
Guia de configuração 0001BRIMP

 No campo MF cód.devedor existe a possibilidade de indicar o nome de um módulo de


função, que define o código em vez do código indicado neste diálogo. Deste modo, o
devedor poderá ou não ser criado automaticamente por contexto (ou usuário).

 No campo MF predef. é possível entrar um módulo de função durante a criação


automática. Este módulo define os valores propostos para o devedor. Para que os valores
propostos entrados no customizing possam ser definidos, deve-se entrar o módulo de
função BPOB_TRD001_VORBEL_DEB neste campo.

Configurações standard

Se não tiver definido funções de devedor próprias, não é necessário efetuar modificações para
RE-FX na configuração standard.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC REFXV_TZD0AI Predefinições para a criação automática de
IMG fornecedores

26/05/2015

15
Guia de configuração 0001BRIMP
Utilização

Nesta entrada de menu, são atualizadas as configurações preliminares para a criação de clientes.
Estas configurações preliminares são utilizadas quando um parceiro de negócios é atualizado
pela primeira vez em uma função do cliente e esta atualização é chamada com base na
administração de contratos.

@AH@ Para a administração de bens imóveis só é importante o tipo de produto (Tp.prod.) IMV.
Se o tipo de produto a ser atualizado não estiver incluído na lista, criá-la mediante a função
'Entradas novas'. Caso o tipo de produto IMV não esteja disponível na lista de seleção, crie o tipo
de produto aqui com as seguintes características:

Tipo de produto IMV


Texto Contrato de locação (bens imóveis)
Tipo de contrato 3
Categoria de produto 410

Atividades

 Existe a possibilidade de predefinir um grupo de autorizações (GrpA) para o registro


mestre de clientes.

 Determinar se um recebedor do pagamento (recebedor do pagamento no documento)


divergente pode ser lançado.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC REFXV_TZD0BI Predefinições p/criação automática de fornecedores
IMG (dependente da empresa)

Utilização

Nesta entrada de menu, são atualizadas as configurações preliminares para a criação de dados do
cliente dependentes da empresa. Estas configurações preliminares são utilizadas quando um
parceiro de negócios é atualizado pela primeira vez em uma função do cliente na respectiva
empresa e esta atualização é chamada com base na administração de contratos.

@AH@ Para a administração de bens imóveis só é importante o tipo de produto (Tp.prod.) IMV.

Atividades

 Se a empresa a ser atualizada não estiver incluída na lista, criar as configurações


preliminares mediante a função 'Entradas novas' ou é possível selecionar a empresa a ser
atualizada.

26/05/2015

16
Guia de configuração 0001BRIMP

Tipo Componente lógico Objeto Denominação


Objeto IMG ZSAPECC Nó de estrutura Parceiros de negócios credores
Objeto IMG ZSAPECC _CABP_V_TSAD3 Atualizar formas de tratamento

Nesta etapa são atualizadas as Formas de tratamento para parceiros de negócios.

Configurações standard

A SAP fornece as seguintes formas de tratamento:

 0001

 0002

 0003

 0004

Outras observações

Maiores informações encontram-se no IMG da Administração de endereços em Atualizar


formas de tratamento

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC Nó de Nºs identificação fiscal
IMG estrutura
Objeto ZSAPECC V_TBD002 Definir categoria da função PN p/direção parceiro de
IMG negócios para cliente

Utilização

Nesta atividade IMG é possível determinar quais as categorias de função PN que permitem a
integração de clientes na direção do parceiro de negócios para o cliente. É determinado o modo
como deve ocorrer a criação de um cliente correspondente na contabilidade financeira durante o
processamento de parceiros de negócios.

As categorias de função PN entradas nesta atividade IMG são do devedor, ou seja, durante o
processamento de parceiros de negócios na respectiva função PN deve ser considerada a
integração de devedores. Na atividade IMG é possível determinar se a função de parceiro de
negócios atribuída à categoria de função PN é obrigatoriamente do devedor ou facultativamente
do devedor

26/05/2015

17
Guia de configuração 0001BRIMP
Em funções de parceiro de negócios obrigatoriamente do devedor, o devedor correspondente é
criado automaticamente. Em funções de parceiro de negócios facultativamente do devedor, é
possível determinar, durante o processamento de parceiros de negócios, se se pretende criar
também um devedor correspondente.

Pré-requisitos

Foram definidas as funções PN e as categorias de função PN necessárias no customizing do


Parceiro de negócios SAP na atividade IMG Definir funções PN.

Atividades

Para permitir a integração de devedores para uma categoria de função PN, efetuar as seguintes
etapas:

1. Selecionar a categoria de função PN na qual se pretende permitir a integração de


devedores.
2. Definir a categoria de função PN para a integração de devedores:
o Se for selecionado o campo Devedor, é determinado que também é processado
automaticamente o devedor correspondente da contabilidade financeira durante o
processamento do parceiro de negócios nessa categoria de função PN ou na
função PN atribuída.

o Se for selecionado o campo Devedor opcional, é determinado que o responsável


pode decidir durante o processamento do parceiro de negócios nessa categoria de
função PN ou na função PN atribuída, se deve ser criado também um devedor
correspondente.

É possível entrar o devedor atribuído no processamento de parceiros de negócios


na ficha de registro Devedor: dados gerais.
o Se for entrado um módulo de função apropriado (p.ex.
BPOB_TRD001_DEB_ROLLE) no campo Controle de funções, esse módulo de
função efetua a configuração pretendida para a integração de devedores para as
categorias de função PN correspondentes. os módulos de função apropriados
apenas serão entrados com o controle de funções devedor opcional.

Desse modo é possível determinar p.ex. para contratos de empréstimo em função


do status do contrato e da empresa, em que momento deve ser criado um devedor
para um parceiro de negócios.
o Se for entrado um módulo de função apropriado (p.ex.
BPOB_TRD001_VORBEL_DEB) no campo Predefinição , esse módulo de
função efetua a predefinição dos dados do devedor a ser criado. É possível
predefinir os seguintes dados do registro mestre do devedor:

- mestre de clientes (parte geral)


- mestre de clientes (empresa)
- mestre de clientes (dados de advertência)

26/05/2015

18
Guia de configuração 0001BRIMP
Esta configuração preliminar é utilizada, por exemplo, na criação do devedor ou
da empresa.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC CVIV_CUST_TO_BP2 Determinar função PN para sentido cliente -
IMG parceiro de negócios

Utilização

Nesta atividade IMG são atribuídas ao Grupo de contas do registro mestre de cliente as
Funções PN, nas quais o parceiro de negócios deve ser criado durante o processamento de
clientes.

O parceiro de negócios é criado durante o processamento do cliente, no âmbito da integração de


clientes, com o grupo de contas correspondente nas funções do parceiro de negócios atribuídas a
este grupo de contas.

Pré-requisitos

 No customizing da contabilidade financeira foram determinados os grupos de contas e os


intervalos de numeração atribuídos aos grupos de contas para criar contas de cliente.
Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir grupos de contas com estrutura de tela (clientes)

o Criar intervalos de numeração para contas de cliente

o Atribuir intervalos de numeração a grupos de contas para clientes

 As funções do PN são definidas e configuradas no customizing do parceiro de negócios


da SAP. Esta configuração é efetuada na atividade IMG Definir funções PN.

26/05/2015

19
Guia de configuração 0001BRIMP
 O customizing da integração de dados mestre em Componentes válidos para várias
aplicações -> Sincronização de dados mestre foi configurado de acordo com as
necessidades.

Atividades

1. Atribuir ao grupo de contas funções de parceiro de negócios, em que o parceiro de


negócios tenha de ser criado durante o processamento de clientes.
2. Executar igualmente a atividade IMG Determinar atribuição de números para
direção de cliente para parceiro de negócio da sinconização de dados mestre.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC V_TBD001 Determinar atribuição de nºs para direção parceiro de
IMG negócios para cliente

26/05/2015

20
Guia de configuração 0001BRIMP

Nesta atividade IMG são atribuídos grupos de contas do registro mestre de cliente aos
agrupamentos do parceiro de negócios para possibilitar a atualização simultânea do cliente no
quadro da integração de clientes durante o processamento de parceiros de negócios. Com esta
atribuição é determinado se o registro mestre de cliente é criado com um grupo de contas com
atribuição interna ou externa de números ou também com igualdade numérica.

Pré-requisitos

 Foram definidos e atribuídos intervalos de numeração e agrupamentos para o parceiro de


negócios. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir intervalos de numeração

o Definir agrupamentos e atribuir a intervalos de numeração

 No customizing da contabilidade financeira foram determinados os grupos de contas e os


intervalos de numeração atribuídos aos grupos de contas para a criação de contas de
clientes. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir grupos de contas com estrutura da tela (clientes)

o Criar intervalos de numeração para contas do cliente

o Atribuir intervalos de numeração aos grupos de contas para clientes

Considerar que os grupos de contas também utilizados para consumidores ou centros de


comercialização não podem ser sincronizados.

Atividades

1. Selecionar o agrupamento do parceiro de negócios e atribuir o grupo de contas


pretendido do registro mestre de clientes da contabilidade financeira.

26/05/2015

21
Guia de configuração 0001BRIMP
2. Quando durante a criação do registro mestre de clientes se pretende utilizar o mesmo
número que o número do parceiro de negócios em processamento, definir o código
Igualdade numérica.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC CVIV_CUST_TO_BP1 Determinar distribuição nºs para sentido cliente
IMG - parceiro de negócios

Utilização

Nesta atividade IMG, os agrupamentos do parceiro de negócios são atribuídos aos grupos de
contas do registro mestre de cliente para, durante o processamento de clientes, possibilitar a
atualização simultânea do parceiro de negócios no âmbito da integração de clientes.

Com esta atribuição seleciona-se se o registro mestre de cliente será criado com um grupo de
contas com atribuição de números interna ou externa ou igualdade de números.

Pré-requisitos

 Os intervalos de numeração e os agrupamentos foram definidos para o parceiro de


negócios. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir intervalos de numeração

o Definir agrupamentos e atribui-los a intervalos de numeração

 No customizing da contabilidade financeira foram determinados os grupos de contas e os


intervalos de numeração atribuídos aos grupos de contas para a criação de contas de
cliente. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir grupos de contas com estrutura da tela (clientes)

o Criar intervalos de numeração para contas de cliente

26/05/2015

22
Guia de configuração 0001BRIMP
o Atribuir intervalos de numeração a grupos de contas para clientes

Ter em conta que os grupos de contas que também são utilizados para consumidores ou
centros de comercialização não podem ser sincronizados.

Atividades

Selecionar os grupos de contas dos registros mestre de cliente e atribuir os agrupamentos


correspondentes do parceiro de negócios.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC V_TBC002 Definir categoria função p/direção parceiro negócios para
IMG fornecedor

Utilização

Nesta atividade IMG é possível determinar quais as categorias de função PN que permitem a
integração de credores na direção do parceiro de negócios para o fornecedor. É determinado o
modo como deve ocorrer a criação de um credor correspondente na contabilidade financeira
durante o processamento de parceiros de negócios.

As categorias de função PN entradas nessa atividade IMG são da parte credora, ou seja, durante
o processamento de parceiros de negócios na respectiva função PN deve ser considerada a
integração de credores. Na atividade IMG é possível determinar se a função de parceiro de
negócios atribuída à categoria de função PN é obrigatoriamente da parte credora ou
facultativamente da parte credora.

Em funções de parceiro de negócios obrigatoriamente da parte credora, o credor correspondente


é criado automaticamente. Em funções de parceiro de negócios facultativamente da parte
credora, é possível determinar, durante o processamento de parceiros de negócios, se se pretende
criar também um credor correspondente.
26/05/2015

23
Guia de configuração 0001BRIMP
Pré-requisitos

Foram definidas as funções PN e as categorias de função PN necessárias no customizing dos


Componentes válidos para várias aplicações em Parceiro de negócios SAP -> Parceiro de
negócios-> Configurações globais -> Funções de parceiro de negócios na atividade IMG
Definir funções de parceiro de negócios.

Atividades

Para permitir a integração do credor para uma categoria de função PN, efetuar as seguintes
etapas:

1. Selecionar a categoria de função PN na qual se pretende permitir a integração do


credor.
2. Definir a categoria de função PN para a integração do credor:
o Se for selecionado o campo Obrigatório, é determinado que também é
processado automaticamente o credor correspondente da contabilidade financeira
durante o processamento do parceiro de negócios nessa categoria de função PN ou
na função PN atribuída.

o Se for selecionado o campo Credor opcional, é determinado que o responsável


pode decidir durante o processamento do parceiro de negócios nessa categoria de
função PN ou na função PN atribuída, se deve ser criado também um credor
correspondente.

É possível entrar o credor a ser criado de novo no processamento de parceiros de


negócios na ficha de registro Credor: dados gerais.
o Se for entrado um módulo de função apropriado no campo Controle de funções,
esse módulo de função efetua a configuração pretendida para a integração de
credores para as categorias de função PN correspondentes.

o Se for entrado um módulo de função apropriado no campo Predefinição , esse


módulo de função efetua a predefinição dos dados do credor a ser criado.

Essa configuração preliminar é utilizada, por exemplo, na criação inicial do


credor ou da empresa.

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC CVIV_VEND_TO_BP2 Determinar função PN para sentido fornecedor
IMG - parceiro de negócios

26/05/2015

24
Guia de configuração 0001BRIMP

Utilização

Nesta atividade IMG, são atribuídas ao Grupo de contas do registro mestre de fornecedor
Funções PN, nas quais o parceiro de negócios deve ser criado durante o processamento de
fornecedores.

O parceiro de negócios é criado durante o processamento do fornecedor, no âmbito da integração


de fornecedores, com o grupo de contas correspondente nas funções do parceiro de negócios
atribuídas a este grupo de contas.

Pré-requisitos

 No customizing da contabilidade financeira foram determinados os grupos de contas e os


intervalos de numeração atribuídos aos grupos de contas para criar contas de
fornecedores. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir grupos de contas com estrutura da tela (fornecedores)

o Criar intervalos de numeração para contas de fornecedores

o Atribuir intervalos de numeração a grupos de contas para fornecedores

 As funções PN foram definidas e configuradas no customizing do parceiro de negócios


SAP. Esta configuração é efetuada na atividade IMG Definir funções PN.

 O customizing da integração de dados mestre em Componentes válidos para várias


aplicações -> Sincronização de dados mestre foi configurado de acordo com as
necessidades.

Atividades

1. Atribuir ao grupo de contas do fornecedor as funções PN, nas quais o parceiro de


negócios deve ser criado durante o processamento fornecedores.
2. Executar igualmente a atividade IMG Determinar atribuição de números para
direção de fornecedor para parceiro de negócios da Integração cliente/fornecedor.
26/05/2015

25
Guia de configuração 0001BRIMP

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC V_TBC001 Determinar atribuição nºs p/direção parceiro de negócios
IMG para fornecedor

26/05/2015

26
Guia de configuração 0001BRIMP
Nesta atividade IMG são atribuídos grupos de contas do registro mestre de fornecedores aos
agrupamentos do parceiro de negócios de modo a possibilitar a atualização simultânea do
fornecedor durante o processamento de parceiros de negócios no quadro da integração de
fornecedores. Mediante esta atribuição é determinado se o registro mestre de fornecedores é
criado com um grupo de contas com atribuição interna ou externa de números ou com igualdade
numérica.

Pré-requisitos

 Foram definidos e atribuídos intervalos de numeração e agrupamentos para o parceiro de


negócios. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir intervalos de numeração

o Definir agrupamentos e atribuir a intervalos de numeração

 No customizing da contabilidade financeira foram determinados os grupos de contas e os


intervalos de numeração atribuídos aos grupos de contas para a criação de contas de
fornecedores. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir grupos de contas com estrutura da tela (fornecedores)

o Criar intervalos de numeração para contas do fornecedor

o Atribuir intervalos de numeração aos grupos de contas para fornecedores

Considerar que os grupos de contas também utilizados para consumidores ou centros de


comercialização não podem ser sincronizados.

Atividades

1. Selecionar o agrupamento do parceiro de negócios e atribuir o grupo de contas


pretendido do registro mestre de fornecedores da contabilidade financeira.
2. Quando durante a criação do registro mestre de fornecedores se pretende utilizar o
mesmo número que o número do parceiro de negócios em processamento, definir o
código Igualdade numérica.

26/05/2015

27
Guia de configuração 0001BRIMP

Tipo Componente Objeto Denominação


lógico
Objeto ZSAPECC CVIV_VEND_TO_BP1 Determinar distribuição de nºs p/sentido
IMG fornecedor - parceiro de negócios

Utilização

Nesta atividade IMG, os agrupamentos do parceiro de negócios são atribuídos aos grupos de
contas do registro mestre de fornecedor para, durante o processamento de fornecedores,
possibilitar a atualização simultânea do parceiro de negócios no âmbito da integração de
fornecedores. Com esta atribuição é selecionado se o registro mestre de fornecedor será criado
com um grupo de contas com atribuição de números interna ou externa ou igualdade de números.

Pré-requisitos

 Foram definidos e atribuídos intervalos de numeração e agrupamentos para o parceiro de


negócios. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir intervalos de numeração

o Definir agrupamentos e atribui-los a intervalos de numeração

26/05/2015

28
Guia de configuração 0001BRIMP
 No customizing da contabilidade financeira foram determinados os grupos de contas e os
intervalos de numeração atribuídos aos grupos de contas para criar contas de
fornecedores. Estas configurações são efetuadas nas seguintes atividades IMG:

o Definir grupos de contas para estrutura da tela (fornecedores)

o Criar intervalos de numeração para contas de fornecedores

o Atribuir intervalos de numeração a grupos de contas para fornecedores

Ter em conta que os grupos de contas que também são utilizados para consumidores ou
centros de comercialização não podem ser sincronizados.

Atividades

Selecionar o grupo de contas do registro mestre de fornecedor da contabilidade financeira e


atribuir o agrupamento corresponente do parceiro de negócios.

26/05/2015

29