Você está na página 1de 5

TÓPICOS EM LIBRAS:SURDEZ E INCLUSÃO

Avaiação Parcial: CEL0284_SM_201703120922 V.1


Aluno(a): RODRIGO LUIZ SAMPAIO Matrícula: 201703120922
Acertos: 10,0 de 10,0 Data: 13/04/2017 04:38:24 (Finalizada)

1a Questão (Ref.: 201703743388) Acerto: 1,0 / 1,0


Marque a alternativa em que a datilologia abaixo corresponde ao nome do elemento linguístico formador do léxico das línguas de
sinais:

Movimento
Mímica
Gestos
Ação
Sinal

Gabarito Comentado.

2a Questão (Ref.: 201703743364) Acerto: 1,0 / 1,0


Algumas perspectivas para o auxílio da educação de surdos foram tomadas em relação a este
processo. Atualmente há a possibilidade de contratação de um profissional bilíngue (língua de sinais
e língua portuguesa) que atua na interpretação/ tradução dos conteúdos curriculares e atividades
acadêmicas, envolvidas na escola. Sua função principal é a de permitir o acesso às informações
veiculadas, principalmente, em sala de aula, no mesmo nível e complexidade que as recebem os
demais alunos, dadas as características deste profissional, estamos diante de um:

Professor Itinerante
Professor de ensino regular
Professor Instrutor de LIBRAS
Professor especializado
Professor intérprete

Gabarito Comentado.
3a Questão (Ref.: 201703265370) Acerto: 1,0 / 1,0
A fluência em LIBRAS não implica:

A competência no uso e leitura da datilologia.


O conhecimento dos sinais e competência em seu uso.
A uso de leitura labial.
O uso da expressão corporal e facial.
A ampliação da consciência corporal e uso do espaço.

Gabarito Comentado. Gabarito Comentado.

4a Questão (Ref.: 201703753255) Acerto: 1,0 / 1,0


Umas das formas de saudação em LIBRAS, que traz consigo uma informação cultural e idiomática,
é o cumprimento SAÚDE-BEM. Assinale a ÚNICA opção que traduz o sentido dessa saudação para
a língua portuguesa:

Você está doente?.


Como vai você?.
Onde você mora?.
Aonde você vai?.
Quantos anos você tem?.

Gabarito Comentado.

5a Questão (Ref.: 201703743260) Acerto: 1,0 / 1,0


Numa PERSPECTIVA DE POLITICAS LINGUÍSTICAS NA EDUCAÇÃO a relação de legítimo
X legítimo entre as PESSOAS COM E SEM DEFICIÊNCIA, pressupõe:

Que o especial DA Educação e na sociedade é sempre o aluno/cidadão COM deficiência que


possui alguma limitação, dificuldade de aprendizagem e de relacionamento.
Que o especial DA Educação e na sociedade é qualquer aluno/cidadão COM ou SEM
deficiência que possui alguma limitação, dificuldade de aprendizagem e de relacionamento.
Que todas as pessoas com deficiência possui limitação, dificuldade de aprendizagem e de
relacionamento.
Que todos as pessoas com deficiência e sem deficiência devem manter um distanciamento
social , quando possuem alguma limitação, dificuldade de aprendizagem e de relacionamento.
Que a pessoa com deficiência não consegue conviver na sociedade é com pessoas sem
deficiência .

Gabarito Comentado.
6a Questão (Ref.: 201703743264) Acerto: 1,0 / 1,0
Em 1880, houve o congresso de Milão onde se instituiu a prática de qual metodologia de ensino que
privilegia a leitura labial como forme de aquisição dos conteúdos pedagógicos:

Comunicação Total
Interlíngua
Pedagogia surda
Bilinguismo
Oralismo

Gabarito Comentado.

7a Questão (Ref.: 201703753318) Acerto: 1,0 / 1,0


A inclusão e a participação de surdos em escolas regulares aumenta cada vez mais, a realidade é
inegável e deve acontecer. Nessa perspectiva, a Educação conta com uma nova categoria de
profissionais nas salas de aulas inclusivas, para a acessibilidade comunicativas dos surdos. Nesse
novo cenário educacional, a que categoria de profissionais o enunciado se refere:

Tutores de surdos.
Intérpretes de Braille.
Ledores de Braille.
Intérpretes de LIBRAS.
Cuidadores de surdos.

Gabarito Comentado.

8a Questão (Ref.: 201703743338) Acerto: 1,0 / 1,0


Percebe-se mesmo diferença no desempenho linguístico desses surdos, pois não sofreram tanta
influência da língua oral (portuguesa) no processo de aquisição da língua de sinais. A que núcleo de
família de surdos se refere o enunciado:

Pais ouvintes e filhos surdos.


Pais surdos e filhos ouvintes.
Pais ouvintes e filhos ouvintes.
Pais cegos e filhos ouvintes.
Pais surdos e filhos surdos.
Gabarito Comentado.

9a Questão (Ref.: 201703753951) Acerto: 1,0 / 1,0


As experiências visuais às quais os surdos usuários da LIBRAS são expostos na vida, diferenciam
sua percepção e inserção no mundo em comparando com os ouvintes. Há surdos que têm
consciência de sua diferença e necessitam de recursos essencialmente visuais nas suas interações.
Abaixo marque o conceito que corresponde totalmente a experiência visual de se comunicar pela
LIBRAS:

São frases curtas e sem artigos, portanto, não podendo ser consideradas uma frase completa.
São frases complexas e expressas pelas mãos em determinado espaço e percebidas pela visão,
ou seja, a comunicação ocorre através de fontes distintas, mas com os mesmos significados
em comparados aos atos linguísticos das línguas orais.
A experiência de apreender uma língua só pode ocorrer pela modalidade oral auditiva, ou
seja, através da audição e da fala oral.
São discursos inadequados, já que LIBRAS não tem os artigos comum a todas as línguas.
As línguas de modalidade visual espacial não deveriam ser consideradas línguas, porque as
palavras de um idioma devem ser constituídas apenas de sons.

Gabarito Comentado.

10a Questão (Ref.: 201703753981) Acerto: 1,0 / 1,0


As crianças surdas devem ter como modelos linguísticos e culturais os surdos adultos, usuários da
LIBRAS. Elas não são deficientes, mas, sim, diferentes, já que são membros de uma comunidade
linguística própria. Assinale a ÚNICA opção que evidencia essa afirmativa:

As crianças surdas são sujeitos de uma comunidade autêntica. As representações surdas são
muito importantes para a sua formação identitária.
É muito importante que as crianças surdas usem aparelho auditivo, com o apoio da
comunidade surda.
As barreiras comunicacionais que os surdos enfrentam e a rejeição da família valem para que
aprendam a superar seus limites.
Os deficientes auditivos rechaçam o uso da LIBRAS, negam a identidade surda e para eles o
modelo clínico é mais bem representativo, já que usam a leitura labial para se comunicar.
Geralmente usam próteses auditivas.
As crianças surdas podem expressar a culturalidade e a história das pessoas ouvintes como
seus modelos sociais e linguísticos.

Gabarito Comentado.

Você também pode gostar