Você está na página 1de 15

SP CONSULTORIA E GESTÃO

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

A SP Consultoria e Gestão oferece serviços nas mais diversas áreas e no mais exigente padrão de qualidade,
conforme atestam os resultados já obtidos por nossos clientes ao longo de quase três décadas de atuação no mercado.
Contamos com uma equipe de consultores especializados e parceiros com larga experiência nas diferentes áreas de atuação
de Inteligência Organizacional.
Somos especializados em Planejamento Tributário, serviço voltado à gestão estratégica da carga tributária,
para assegurar e otimizar a responsabilidade fiscal das empresas perante à União, Estados e Municípios. Realizamos estudos
para conhecer o processo do cliente, o sistema de tributação em que está inserido e quais impostos a organização recolhe. É
elaborado um planejamento que possibilite a redução de impostos, quer por via judicial ou administrativa, assegurando que
a empresa não venha a ter uma contingência futura, com alternativas tecnicamente viáveis e comprometidas com a
legislação vigente.
Nosso foco de atuação é reduzir riscos e otimizar ganhos em incentivos fiscais para nossos clientes. Nossa
empresa também proporciona soluções de otimização de negócios nas áreas de Gestão de Finanças, Gestão Corporativa,
Intermediação em compra e venda de negócios, Gestão para empresas Publicas e Privadas, Gestão da Educação Superior,
Gestão Patrimonial, Gestão de Energia Elétrica e Gestão de Projetos de Mineração.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO

O planejamento tributário, a administração e redução do passivo fiscal e a redução dos impostos vincendos, são
fontes de inovação buscadas na maioria das vezes pelas empresas, como forma de ganho financeiro.

O trabalho de revisão e redução de impostos está amparado por mecanismos legais, como será demonstrado
abaixo, e tem como escopo reduzir o impacto de caixa nas empresas, independentemente de haver débitos.

A apuração do tributo, via de regra, é realizada de acordo com a legislação vigente na data da ocorrência do fato
gerador. A título exemplificativo, dentre outras situações podemos citar que não poucas vezes ocorre da
legislação tributária ser declarada inconstitucional pelo Poder Judiciário, o que torna sua cobrança indevida.
Todavia, muitas das vezes tais valores não são expurgados do montante consolidado, cabendo ao contribuinte a
análise e apontamento de valores recolhidos indevidamente, já que não há por parte da Receita Federal, Estados
ou Municípios, qualquer interesse em deixar de receber. Daí a necessidade de uma precisa análise tributária a fim
de se evitar o pagamento de impostos indevidos, em duplicidade ou em valor maior do que o efetivamente
devido.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

1. DIREITO CREDITÓRIO - INTRODUÇÃO

O direito creditório vem dos créditos que uma empresa tem a receber, que normalmente são devedores a União,
Estados e Municípios, de uma determinada quantia. O direito de recebimento desses créditos é negociável, quer
dizer, a empresa pode vender esse crédito para terceiros, o que é feito através de uma cessão de crédito, através
de instrumento público ou particular.

Tais direitos que geralmente geram os créditos contra a União, Estados e Municípios, que são utilizados na
compensação dos impostos são oriundos de: legislação tributária declarada inconstitucional pelo Poder
Judiciário, pagamentos em duplicidades, recolhimentos de impostos incorretos, desapropriações, reparação de
danos, indenizações diversas, etc.

Uma vez definidos na justiça de última instância, ocorrendo o trânsito em julgado (quando não cabe mais
recurso), e determinado, portanto, os valores finais e irrevogáveis, tais créditos podem ser utilizados pela própria
empresa ou vendidos para terceiros, para fazer a compensação ou abatimento dos impostos atrasados ou
vincendo, ou seja, o mês a mês.

Os créditos também possuem origem administrativa, ou seja, nem sempre a sua origem será de processo judicial,
como por exemplo: Os créditos do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), escriturados na forma da
legislação específica, poderão ser utilizados pelo estabelecimento que os escriturou na dedução, em sua escrita
fiscal, dos débitos de IPI decorrentes das saídas de produtos tributados.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

Os créditos do IPI que, ao final de um período de apuração, remanescerem da dedução poderão ser mantidos na
escrita fiscal do estabelecimento, para posterior dedução de débitos do IPI relativos a períodos subseqüentes de
apuração, ou serem transferidos para outras empresas.

Por isso oferecemos profissionais capacitados para realizar esse trabalho junto a Receita Federal e Estadual, já
que na maioria das vezes as empresas não têm essas informações e com isso perdem a oportunidade de usufruir
desses benefícios.

2. QUEM PODE UTILIZAR ESSES CRÉDITOS PARA FAZER A COMPENSAÇÃO DOS IMPOSTOS?

As empresas com débitos vencidos, parcelados ou não, empresas sem débitos para fazer o abatimento dos
impostos vincendo, ou seja, o mês a mês, e que estão cadastradas no “SIMPLES NACIONAL, LUCRO REAL e
LUCRO PRESUMIDO”.

Essa engenharia contábil, tributária, jurídica e financeira que viabiliza a compensação de tributos independente
se estejam vencidos ou não, com créditos federais e estaduais, geram para empresa CAPITAL DE GIRO E GANHO
FINANCEIRO, com total segurança jurídica e patrimonial.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

3. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL

A análise de viabilidade na aquisição de direitos creditórios federais com o objetivo de suspender o pagamento
dos tributos vencidos e vincendos possui respaldo nas seguintes legislações:

a)Artigo 170, do Código Tributário Nacional.

As linhas gerais da compensação tributária vieram traçadas no art. 170 do Código Tributário Nacional, pelo qual
"A lei pode, nas condições e sob as garantias que estipular, ou cuja estipulação em cada caso atribuir à
autoridade administrativa, autorizar a compensação de créditos tributários com créditos líquidos e certos,
vencidos ou vincendos, do sujeito passivo contra a Fazenda Pública.

 Atualmente a compensação tributária está basicamente regulamentada pelos art. 74, da Lei 9.430/96, com
redação dada pelas Leis 10.637/02, 10.833/03 e 11.051/04, cujo caput assim dispõe:

 "Art. 74. O sujeito passivo que apurar crédito, inclusive os judiciais com trânsito em julgado, relativo a tributo ou
contribuição administrado pela Secretaria da Receita Federal, passível de restituição ou de ressarcimento, poderá
utilizá-lo na compensação de débitos próprios relativos a quaisquer tributos e contribuições administrados por
aquele Órgão".

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

 INSTRUÇÃO NORMATIVA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Nº 1300, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2012.


Estabelece normas sobre restituição, compensação, ressarcimento e reembolso, no âmbito da Secretaria da
Receita Federal do Brasil, e dá outras providências.

CAPITULO V – DA COMPENSAÇÃO.

 “Art. 41. O sujeito passivo que apurar crédito, inclusive o crédito decorrente de decisão judicial transitada em
julgado, relativo a tributo administrado pela RFB, passível de restituição ou de ressarcimento, poderá utilizá-lo na
compensação de débitos próprios, vencidos ou vincendos, relativos a tributos administrados pela RFB,
ressalvadas as contribuições previdenciárias, cujo procedimento está previsto nos arts. 56 a 60, e as contribuições
recolhidas para outras entidades ou fundos.

 Lei 10.406, de 10 de janeiro de 2002, Código Civil.

 “Art. 368. Se duas pessoas forem ao mesmo tempo credor e devedor uma da outra, as duas obrigações
extinguem-se, até onde se compensarem”.

 “Art. 286. O credor pode ceder o seu crédito, se a isso não se opuser a natureza da obrigação, a lei, ou a
convenção com o devedor, a cláusula proibitiva da cessão não poderá se oposta ao cessionário de boa fé, se não
constar do instrumento da obrigação”.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

 Portaria PGF nº 690, de 16 de Agosto de 2011 – DOU de 18/08/2011 (Disciplina o procedimento de compensação
previsto na Lei nº 12.431, de 27 de junho de 2011).

 Portaria Conjunta PGFN/RFB nº 9, de 19 de outubro de 2011 (Regulamenta o artigo 43 da Lei nº 12.431, de 27 de


junho de 2011.

 Resolução nº 168, de 05 de Dezembro de 2011 – do Conselho da Justiça Federal, estatui no artigo 12 que: O juízo
da execução, antes da elaboração do precatório, para os efeitos da compensação prevista nos §§9º e 10º do
artigo 100 da Constituição Federal, intimará o órgão da representação judicial da entidade executada por
mandado, o qual conterá os dados do beneficiário e sua inscrição no CPF ou CNPJ para que informe em 30 dias a
existência de débitos do beneficiário para com a pessoa jurídica devedora do precatório que preencham as
condições estabelecidas no §9º do artigo 100 da CF, sob pena de perda do direito de abatimento, e apresente
discriminadamente.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

4. COMO UTILIZAR ESTA LEGISLAÇÃO E O CRÉDITO FEDERAL E ESTADUAL, PARA COMPENSAR TRIBUTOS?

Como bem se denota dos argumentos retro mencionados, o adquirente do direito creditório poderá, de acordo
com chancela da legislação em foco, buscar, com êxito, a compensação do referido crédito com tributos federais
vencidos ou vincendo, ajuizados ou não, objetivo patrimonial.

Entretanto, antes de se consumar a efetiva compensação do direito creditório, com tributos federais (nos moldes
do contido na legislação já mencionada), o crédito poderá servir para os seguintes fins:

 PARA PAGAMENTO / COMPENSAÇÃO DOS IMPOSTOS VINCENDOS FEDERAIS E ESTADUAIS:

Na hipótese da empresa não possuir débitos, ela poderá utilizar o crédito tributário, inclusive de outras
empresas, para fazer o pagamento / compensação de seus impostos, mês a mês, a fim de que seja emitida a sua
Certidão Negativa de Débitos.

 PARA PASSIVO TRIBUTÁRIO FEDERAL E ESTADUAL AINDA NÃO AJUIZADO:

Na hipótese do adquirente possuir passivo tributário federal e necessitar utilizar o direito creditório,
anteriormente ao ajuizamento da competente Execução Fiscal, poderá, pleitear de forma administrativa a sua
compensação com a suspensão da exigibilidade do crédito tributário, a fim de que seja emitida Certidão Negativa
de Débitos. É importante ressaltar que o adquirente do crédito tributário poderá fazer sua compensação de
forma administrativa, sem a necessidade de recorrer à via judicial.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

 PARA PASSIVO TRIBUTÁRIO FEDERAL E ESTADUAL AJUIZADO:

Na hipótese do adquirente possuir passivo tributário federal e necessitar utilizar o direito creditório, quando a
execução fiscal já estiver ajuizada, poderá, de forma administrativa pleitear a compensação do imposto e
posteriormente informar ao juízo da execução, que determinará a extinção do processo.

PROCEDIMENTOS A SEREM ADOTADOS PARA UTILIZAÇÃO DO CRÉDITO

 EMPRESAS CADASTRADAS NO LUCRO REAL, LUCRO PRESUMIDO E SIMPLES NACIONAL.

Preliminarmente é importante esclarecer que nós não fazemos qualquer tipo de alteração no lançamento do
faturamento da empresa, ou seja, nosso trabalho é fazer o pagamento / compensação dos impostos gerados em
decorrência do que for lançado pelo departamento contábil da empresa.

E para não entrarmos em confronto com as instruções normativas da Receita Federal do Brasil, executamos a
transferência do crédito (artigos 286 Código Civil), para empresa adquirente no processo de origem do crédito,
seja ele judicial ou administrativo, para depois entramos com a habilitação na Receita Federal do Brasil e
aguardamos o recebimento do despacho decisório de aceite.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

Feito isso a empresa estará apta a realizar suas compensações, sendo que todo esse processo administrativo
poderá ser visualizado pelo certificado digital através do portal e- Cac, gerando assim, transparência ao trabalho
realizado.

Com esse procedimento poderão ser pagos tributos federais VENCIDOS ou VINCENDOS. No caso de inscrições na
PGFN, solicitamos o encontro de contas e realizamos a baixa definitiva das inscrições após realizado
procedimento administrativo específico.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

1. COMPENSAÇÃO DE IMPOSTOS.

1.1 CRÉDITO TRIBUTÁRIO DA PROPRIA EMPRESA COM DESCONTO MENSAL DE 70%.

É uma engenharia contábil, tributária, jurídica e financeira que viabiliza a compensação de

tributos independente se estejam vencidos ou não, com créditos federais e estaduais, geram

para empresa CAPITAL DE GIRO E GANHO FINANCEIRO, com total segurança jurídica e

patrimonial.

EXEMPLO
Valor do imposto antes do desconto: R$ 100.000,00
Valor do imposto após o desconto: R$ 30.000,00
Desconto : 70%
Economia aprox. anual: R$ 840.000,00

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

1.2 CRÉDITO TRIBUTÁRIO DE TRECEIROS COM DESCONTO MENSAL DE 35%.

É uma engenharia contábil, tributária, jurídica e financeira que viabiliza a compensação de

tributos independente se estejam vencidos ou não, com créditos federais e estaduais, geram

para empresa CAPITAL DE GIRO E GANHO FINANCEIRO, com total segurança jurídica e

patrimonial.

EXEMPLO
Valor do imposto antes do desconto: R$ 100.000,00
Valor do imposto após o desconto: R$ 65.000,00
Desconto : 35%
Economia aprox. anual: R$ 420.000,00

* OS SERVIÇOS DE COMPENSAÇÃO SÓ SÃO PAGOS AO ESCRITÓRIO APÓS O SUCESSO DOS SERVIÇOS.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

2. RECUPERAÇÃO DE CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS;


Através de uma análise contábil dos registros e peculiaridades de cada empresa é possível

identificar créditos tributários e redução de passivo, seja pela apuração de pagamentos

indevidos ou pela prática de cobranças indevidas pelo credor fiscal. O trabalho permite

revisar todos os lançamentos e pagamentos fiscais e buscar os créditos que a empresa

deixou de aproveitar nos últimos 5 anos, acrescidos de atualização monetária e Juros SELlC.

1. IPI;

2. INSS;

3. PIS/COFINS;

4. ICMS.

* OS SERVIÇOS DE ANÁLISE E RECUPERAÇÃO DE CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS NÃO TEM CUSTO PARA A EMPRESA.

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com
SP CONSULTORIA E GESTÃO

Eduardo Holanda
Diretor de Negócios

(11) 9.4703-8975

Avenida Roque Petroni Junior, 1089 – Sala 514 Telefone 55 11 2384 6511
Centro Empresarial Morumbi, São Paulo / SP contato@spconsultoriagestao.com
www.spconsultoriagestao.com

Você também pode gostar