Você está na página 1de 5

HISTÓRIA

HEBREUS e FENÍCIOS
afirmam que a religião monoteísta de Jeová só surgiu muito depois da
época dos patriarcas.
Segundo o relato bíblico, as crescentes dificuldades
econômicas fizeram com que muitos hebreus se dirigissem ao rico
Na região do Crescente Fértil, as ricas terras encontradas nas vale do Nilo. Embora a princípio essa ocupação tenha sido pacífica,
margens dos grandes rios (Nilo, Tigre e Eufrates) possibilitaram não posteriormente eles foram escravizados. A resistência à escravidão
apenas o desenvolvimento das civilizações egípcia e mesopotâmica, provocou o fortalecimento da unidade religiosa monoteísta.
mas também o de povos vizinhos, que, de alguma maneira e em A fuga dos hebreus do Egito, conhecida como Êxodo,
algum momento, aproveitaram-se da riqueza daquelas. Trata-se de ocorreu sob a liderança do patriarca Moisés. Durante essa fuga, ainda
hebreus, fenícios e persas, responsáveis por alguns legados da cultura segundo a Bíblia, Deus lhe ditou os Dez Mandamentos, um conjunto
ocidental. Os hebreus se destacam por terem sido o primeiro povo a de leis escritas em duas pedras. Após 40 anos de jornadas pelo
adotar o monoteísmo ético, religiosidade em que existe um só Deus e deserto, os hebreus acabaram retornando à Palestina, já sob a
que exige um comportamento ético dos homens, ou seja, exige-se liderança de Josué. A presença dos hebreus no Egito e o Êxodo
que ajam de maneira correta e justa. O monoteísmo ético está na também não são confirmados por outras fontes que não a própria
base da religião de mais de 2 bilhões de pessoas hoje: os judeus, os Bíblia. Além disso, têm uma cronologia bastante duvidosa, seja pelas
cristãos e os muçulmanos. várias indicações bíblicas contraditórias, seja pela sua confrontação
com outras fontes históricas, constituindo objeto de diferentes
interpretações.
1. HEBREUS Segundo os relatos bíblicos, os hebreus ocuparam a cidade
O povo hebreu estabeleceu- se na Palestina, região do atual de Jericó e, divididos em tribos, passaram a nomear juízes para
território de Israel, às margens do rio Jordão. Praticou a agricultura e o combater os filisteus que ocupavam o litoral da Palestina
pastoreio, embora com grandes dificuldades, por causa do clima seco. Entre esses chefes guerreiros destacaram-se Gideão, Sansão e Samuel,
Os primeiros hebreus que ocuparam a região, por volta de 2000 a.C., que tentou promover a união das várias tribos. Após a provável
tinham origem semita, como os cananeus, que já eram habitantes da instalação dos hebreus na Palestina, ocorreram várias tentativas de
região mas foram derrotados pelas tribos hebraicas. unificar as tribos em um reino único, mas essa unificação só aconteceu
com a liderança de Saul, em 1010 a.C., considerado o primeiro rei dos
hebreus.
Davi, o sucessor de Saul, conseguiu lançar as bases para a
formação de um verdadeiro Estado hebraico, com governo
centralizado, exército permanente e organização burocrática.
Jerusalém tornou-se capital do reino de Israel. Sob o comando de
Salomão, filho de Davi, o Estado hebraico antigo atingiu seu apogeu,
com grande desenvolvimento comercial. Para os cultos foi construído
um grande templo dedicado a Jeová: o Templo de Jerusalém
(conhecido como Templo de Salomão), na capital hebraica.
Os elevados impostos e o trabalho compulsório dos
camponeses, todavia, acabaram gerando descontentamentos. O
Estado unificado não sobreviveu à morte de Salomão. Logo surgiram
disputas pela sucessão, que resultaram na divisão dos hebreus em
dois reinos: o de Israel, com capital em Samaria, e o de Judá, com
capital em Jerusalém.
A consequência imediata da divisão foi a invasão
estrangeira, inicialmente pelos assírios e mais tarde por
Nabucodonosor, rei da Babilônia no século VI a.C. Depois de saquear
Jerusalém e destruir o Templo de Salomão, Nabucodonosor levou um
grande número de habitantes do reino de Judá como escravos para a
Muitas das informações de que dispomos sobre os hebreus Mesopotâmia. Com a invasão persa à Babilônia, em 539 a.C., os
são provenientes da Bíblia, mais especificamente do Antigo hebreus escravizados foram libertados e puderam retornar à
Testamento. Na Bíblia, dados históricos misturam-se com relatos Palestina, embora politicamente fossem submetidos aos persas.
místicos e religiosos, envolvendo as principais personagens da história Os últimos invasores da Palestina na Antiguidade foram os
antiga hebraica numa aura de mistério e religiosidade. Os estudos macedônios e, a seguir, os romanos. A resistência à ocupação romana,
linguísticos e arqueológicos e os textos não bíblicos dialogam com em 70 d.C., foi reprimida brutalmente. Jerusalém foi destruída e os
essas representações. hebreus se dispersaram por outras regiões. Esse movimento tornou-se
O primeiro grande líder hebreu, segundo a tradição, foi conhecido como diáspora e se estendeu por centenas de anos.
Abraão, considerado o primeiro patriarca (chefe do clã). Pregava uma
nova religião, monoteísta, que logo se tornaria o elemento unificador
do povo hebreu. O deus único, Javé (também chamado Iahweh ou
Jeová), teria prometido a ele e seus descendentes uma terra onde
“jorraria leite e mel”. De acordo com a Bíblia, Abraão foi sucedido
pelos patriarcas Isaac e Jacó. Dos herdeiros deste último descenderam
os grupos familiares originais, chamados de “as 12 tribos de Israel”.
É importante ressaltar, contudo, que nenhum desses
patriarcas é mencionado em qualquer outro documento de época que
não seja o Antigo Testamento. Além disso, muitos historiadores
técnicas e descobertas, tornando- se depositários dos conhecimentos
de muitas regiões e povos. Ao mesmo tempo, deram contribuições
originais à humanidade, sendo a principal delas um alfabeto fonético
simplificado, composto de 22 letras, que, incorporado pelos gregos e
romanos, serviu de base para o alfabeto ocidental atual.
Os fenícios desenvolveram a Astronomia, associada às
essenciais técnicas de navegação, e a Matemática, ligada às
necessidades do comércio. As diversas cidades-Estado cultuavam
vários deuses, os mais importantes geralmente denominados Baal (do
hebraico Bahal = senhor), associados ao Sol, e Astarteia, simbolizada
pela Lua e que representa a fecundidade.

2. FENÍCIOS
A Fenícia situava-se no litoral da Síria, no norte da Palestina,
onde se localiza atualmente o. Foi ocupada antes de 3000 a.C. por
povos semitas que, além de desenvolverem a agricultura com o cultivo
de cereais, videiras e oliveiras, a pesca e o artesanato, destacaram-se
no comércio marítimo. A possibilidade de adquirir excedentes
agrícolas do Egito foi um forte estímulo para a atividade comercial.

1. Colocar V nas verdadeiras e F nas falsas e V:

 Os dois povos que estudamos eram monoteísta.

 O atual Irã corresponde a antiga Pérsia.

 O maior legado dos fenícios foi o comércio marítimo.

Os povos fenícios estavam organizados em cidades-Estado


como Biblos, Sidon, Tiro. Na Fenícia, as cidades-Estado eram chefiadas
 Samuel foi o último Juiz dos Hebreus.

pela elite mercantil e proprietária das embarcações, constituindo uma 02. O que está errado nestas frases:
talassocracia (do grego thálassa = mar, kratía = força, governo), ou A. Os chefes de famílias que lideravam as comunidades hebraicas eram os reis
seja, um governo centrado no domínio marítimo. _________________________________________________________
Os fenícios chegaram a estabelecer rotas mercantis por todo
B. A Estrada Real foi construída pelos Fenícios
o Mediterrâneo e até no litoral Atlântico do norte da África (observe o
mapa a seguir). Instalaram povoados em várias regiões no _________________________________________________________
Mediterrâneo, verdadeiros entrepostos comerciais, como Cartago, no
C. Zoroastro fundou a religião do povo hebreu
norte da África.
_________________________________________________________
No contato com vários povos propiciado pelas relações
mercantis, os fenícios conheceram várias culturas e suas artes,
E. O Islamismo é o nome da religião dos Judeus 13. As constantes batalhas pela reconquista da palestina duraram cerca de 200
_________________________________________________________ anos e durante esse período a palestina foi governada por:
A. juízes
03. Qual alternativa preenche os espaços em branco corretamente. Vindos da B. patriarcas
cidade de Ur e chefiados por _______________________, os hebreus C. monoteístas
estabeleceram-se na___________________________. D. reis
A. Moisés – Palestina E. sacerdotes hebreus
B. Abraão – Palestina
C. Abraão – Egito 14. A vida dos hebreus em relação ao socioeconômico pode ser dividida em
D. Josué - Egito duas partes, a fase nômade e a fase:
A. religiosa
04. Qual alternativa preenche o espaço em branco corretamente. Os primeiros B. da literatura
chefes hebreus eram chamados de____________________________. C. islâmica
A. Monarquia D. das batalhas
B. Patriarcado E. sedentária
C. Diáspora
D. Êxodo 15." ... essencialmente mercadores, exportavam pescado, vinhos, ouro e prata,
armas, praticavam a pirataria, e desenvolviam um intenso comércio de
05. Qual alternativa preenche o espaço em branco corretamente. O episódio escravos no Mediterrâneo..."
da fuga dos hebreus do Egito recebeu o nome de _______________________.
A. Monarquia O texto refere-se a características que identificam, na Antiguidade Oriental, os
B. Patriarcado A. fenícios.
C. Diáspora B. hebreus.
D. Êxodo C. caldeus.
D. egípcios.
06. Qual alternativa preenche o espaço em branco corretamente. Libertou os E. persas.
hebreus da escravidão do Egito: ______________________________
A. Moisés 16. Na história dos hebreus, corresponde à saída dos hebreus do Cativeiro no
B. Abraão Egito, conduzidos por Moisés à Terra Prometida:
C. Jacó A. Cisma.
D. Josué B. Diáspora.
C. Êxodo.
07. São características do território fenício: D. Cativeiro na Babilônia.
A. território extenso, dominado por férteis planícies. E. Formação de Israel.
B. havia muitas terras cultiváveis para o desenvolvimento da
agricultura. 17. Os fenícios, na Antiguidade, foram conhecidos, sobretudo, por suas
C. não havia saída para o mar. atividades ligadas:
D. estreita faixa de terra, localizada entre as montanhas do atual A. à propagação do monoteísmo.
Líbano e o mar Mediterrâneo. B. ao comércio marítimo.
C. ao expansionismo militarista.
08. Qual alternativa completa a frase? A Fenícia era formada por D. à criatividade científica.
_______________________________ isto é, cada uma tinha um governo E. à agricultura intensiva.
próprio.
A. vilas dependentes 18. Assinale a alternativa INCORRETA sobre os Hebreus:
B. cidades independentes A. Segundo a Bíblia, um período de seca prolongado obrigou Israel e
C. metrópoles independentes seus descendentes a emigrar para o Egito.
D. favelas independentes B. Nos primeiros séculos em que os hebreus habitaram Canaã não
havia um poder centralizado.
09. Dentre as importantes contribuições, deixadas pelos fenícios, para a C. A principal fonte para o estudo do povo hebreu são os cinco
humanidade, destacamos: primeiros livros da Bíblia, chamados Torá.
A. a invenção do alfabeto fonético. D. Os hebreus nunca foram nômades e desde a sua origem viveram na
B. a construção de gigantescas obras para a prática da agricultura. ilha de Creta.
C. a criação de um governo democrático.
D. a prática do monoteísmo. 19. Sobre os hebreus assinale FALSO (F) ou VERDADEIRO (V):

10. Os hebreus não desenvolveram um império, mas deixaram uma importante  Os hebreus chegaram à Palestina guiados pelos patriarcas.
herança:
A. o monoteísmo
B. o patriarquismo
 Atingiram o maior desenvolvimento quando instalaram a monarquia,
que como reino unido teve apenas três reis: Saul, Davi e Salomão.
C. a monarquia
D. a arquitetura
E. suas artes e cultura
 Dividiram-se em dois reinos, acabaram enfraquecendo e foram
conquistados pelos Assírios que habitavam a Mesopotâmia, sendo
feitos escravos novamente.
11. Assinale a alternativa que se refere a um dos grandes períodos da história
política dos hebreus: 20. Das alternativas abaixo, a que melhor caracteriza a sociedade fenícia é:
A. governo aristocratas A. a existência de um Estado centralizado talassocrático e o
B. governo dos patriarcas monoteísmo;
C. governo de monarca B. o comércio, as cidades-estados e a religião politeísta;
D. governo dos plebeus C. o monoteísmo e a agricultura;
E. governo dos monoteístas D. as Cidades-estados e o monoteísmo;
E. a agricultura e a forma de Estado centralizado.
12. Assinale a alternativa que se refere ao primeiro patriarca dos hebreus:
A. Moisés 21. Os fenícios, povo de origem semita que se fixou e desenvolveu as suas
B. Sansão cidades numa faixa de 200 quilômetros situada entre o mar Mediterrâneo e as
C. Judásenta afid) Saul montanhas do atual Líbano, conheceram o apogeu da sua influência a partir de
D. Abraão 1400 a.C. (destruição de Cnossos em Creta).
Entre as afirmações que se seguem, escolha aquela que caracteriza de maneira E) As inovações tecnológicas desenvolvidas na agricultura,
correta esse povo. possibilitando grande crescimento da produtividade agrícola
A. Viviam num sistema político teocrático, ou seja, os sacerdotes na região palestina.
governavam.
B. Suas principais atividades econômicas eram agrícolas e a pecuária
C. Seu alfabeto foi elaborado a partir do alfabeto grego. 03. (UEL) "... essencialmente mercadores, exportavam pescado,
D. Praticavam uma religião maniqueísta. vinhos, ouro e prata, armas, praticavam a pirataria, e desenvolviam
E. Eram especializados no comércio marítimo. um intenso comércio de escravos no Mediterrâneo..."

22. Os fenícios, na Antiguidade, foram conhecidos, sobretudo, por suas O texto refere-se a características que identificam, na Antiguidade
atividades ligadas: Oriental, os
A. à propagação do monoteísmo. A) fenícios.
B. ao expansionismo militarista.
B) hebreus.
C. ao comércio marítimo.
D. à criatividade científica. C) caldeus.
E. à agricultura intensiva. D) egípcios.
E) persas.
23. Sobre os Fenícios é correto afirmar:
04. (UFRN) Entre os hebreus da Antiguidade, os profetas eram
I) Os fenícios nunca fundaram um império unido, estando sempre divididos em considerados mensageiros de Deus, lembrando ao povo as demandas
cidades independentes. da justiça e da Lei dadas por Javé. Isaías, um dos profetas dessa época,
II) Não quis envolver-se em uma disputa com o Império Romano. em nome de Javé proclamou:
III) Foram grandes navegadores e fundaram diversas colônias ao redor do Mar
Mediterrâneo, sendo a mais importante delas a colônia de Cartago.
Ai dos que decretam leis injustas; dos que escrevem leis de
A. I e III estão corretas opressão, para negarem justiça aos pobres, para arrebatarem o
B. I, II estão incorretas direito aos aflitos do meu povo, a fim de despojarem as viúvas e
C. I, II e III estão corretas roubarem os órfãos! (Isaías 10:1-2)
D. II e III estão incorretas
E. I e II estão corretas Ai dos que ajuntam casa a casa, reúnem campo a campo, até que
não haja mais lugar, e ficam como únicos moradores no meio da
terra! (Isaías 5:8)

Esses pronunciamentos do profeta Isaías estão ligados a uma


época da história hebraica em que ocorre
A) a saída dos hebreus do Egito, sob o comando de Moisés, e o
estabelecimento em Canaã, conquistando as terras dos povos
01. (PUCPR) Na Antiguidade muitos povos consideravam que as
que ali habitavam.
doenças eram enviadas pelos deuses. No final do século VIII a.C.,
B) a imigração para o Egito, quando os hebreus receberam terras
quando os assírios sitiaram a cidade de Jerusalém e ameaçaram
férteis no delta do rio Nilo, por influência de José, que exercia
invadi-la, uma epidemia virulenta acometeu o acampamento matando
ali o cargo de governador.
muitos soldados. Nessa ocasião, Ezequias, rei de Judá, considerou essa
C) a formação de uma aristocracia, que enriquecera com o
epidemia uma bênção de Deus. Nesse contexto, marque a alternativa
comércio e com a apropriação das terras dos camponeses
INCORRETA sobre a religião dos hebreus:
endividados.
A) Os hebreus consideravam Deus como soberano absoluto,
D) a conquista de Jerusalém por Nabucodonosor, quando os
fonte de todo o Universo e dono de uma vontade suprema.
judeus foram despojados de suas terras e deportados para a
B) O Deus hebreu era transcendente, não se identificava com
Babilônia.
nenhuma força natural; estava acima da natureza.
C) Os hebreus consideravam Deus bom e que fazia exigências
05. (FATEC/SP) Entre as principais características da civilização fenícia,
éticas ao seu povo. Ao contrário dos deuses do Oriente
merecem destaque especial:
Próximo, Deus não era atraído pela luxúria ou impelido pelo
A) A economia agrícola de regadio, a sociedade de castas e a
mal.
organização política teocrática.
D) Deus para os hebreus era uno, soberano, transcendente e
B) A economia mercantil, a organização política sob forma de
bom.
cidades-estados e a criação do alfabeto.
E) Para os hebreus o poder de Deus vinha de um poder
C) A religião monoteísta, a escrita cuneiforme e a sociedade
preexistente, habitava a natureza e fazia parte dela.
nômade-pastoril.
D) A religião dualista, o regime político democrático e a escrita
02. (UFPI) Entre as principais características da Civilização Hebraica,
hieroglífica.
merecem destaque especial:
E) A sociedade estamental, a economia de subsistência e o
A) A religião politeísta em que as figuras mitológicas de Abraão,
expansionismo militar.
Isaac e Jacó formavam uma tríade divina.
B) A criação de uma federação de cidades autônomas e 06. (UEL/PR) A Páscoa, na cultura do povo hebreu, está relacionada
independentes (cidades-estado) controladas por uma elite com:
mercantil. A) A conquista de Canaã, a terra prometida, após o Cativeiro dos
C) A criação de um alfabeto (aramaico) que seria incorporado e hebreus na Babilônia.
aperfeiçoado pelos egípcios, tornando-se conhecido como B) A unificação do Reino de Israel após o conturbado período
escrita hieroglífica. gerado pelo Cisma das 12 tribos hebraicas.
D) As práticas religiosas caracterizadas pela crença na existência C) O Êxodo, inicialmente liderado por Moisés, após a
de um único Deus (monoteísmo) e no messianismo, pois permanência de mais de 400 anos dos hebreus no Egito.
acreditavam na vinda de um messias libertador do povo D) A sucessão de Davi, como rei dos hebreus, após a conquista de
hebreu. Jerusalém na luta contra os cananeus.
E) A resistência oposta pelos judeus, após a anexação da Judeia E) sua atividade militar lhes proporcionava numerosos escravos
por Roma. para atuar nas galeras como remadores.

07. (UFPI/PI) A respeito da sociedade fenícia, podemos afirmar 12. Leia as afirmações abaixo:
corretamente que:
A) A Fenícia desconhecia centralização do poder, pois era I. As cidades-Estado fenícias são consideradas a mais progressista
formada por cidades-estados que tinham ampla autonomia forma de organização do Estado existente na Antigüidade Oriental,
política, econômica, religiosa e administrativa. pois, todos possuíam direito de voto na escolha do governante da
B) A independência política das cidades-estados fenícias foi cidade-estado;
possível, durante séculos, pelas alianças estabelecidas com os II. A religião fenícia foi monoteísta, a exemplo dos hebreus.
romanos, que por sua vez faziam frente à expansão persa. III. A grande contribuição dos fenícios para as civilizações posteriores
C) Os extensos vales situados entre as montanhas e o foi a invenção do alfabeto fonético, criado por interesses da
Mediterrâneo possibilitaram grande desenvolvimento da navegação comercial.
agricultura e do pastoreio e, consequentemente, do comércio.
D) De todas as criações fenícias, a mais importante foi à caravela, A. I, II e III estão corretas.
posteriormente aperfeiçoada pelos gregos. B. I, II e III estão incorretas.
E) A grande e original contribuição dos fenícios para a história da C. Apenas I e II estão corretas.
civilização foi à introdução das vogais no alfabeto criado pelos D. Apenas III esta correta.
gregos e romanos, o que veio tornar a comunicação mais fácil E. Apenas II e III estão corretas.
e rápida.
13. A respeito da sociedade fenícia podemos afirmar corretamente
08. (FGV/SP) Das alternativas abaixo, a que melhor caracteriza a que:
sociedade fenícia é: A. a Fenícia desconhecia centralização do poder, pois era
A) A existência de um estado centralizado e o monoteísmo. formada por cidades-estados que tinham ampla autonomia
B) O monoteísmo e a agricultura. política, econômica, religiosa e administrativa.
C) O comércio e o politeísmo. B. a independência política das cidades-estados fenícias foi
D) As cidades-estados e o monoteísmo. possível, durante séculos, pelas alianças estabelecidas com
E) A agricultura e a forma de Estado centralizado. os romanos que, por sua vez, faziam frente à expansão
persa.
09. (HEXAG MED) Sobre a Bíblia e a história dos hebreus, é correto C. os extensos vales situados entre as montanhas e o
afirmar que: mediterrâneo possibilitaram o grande desenvolvimento da
A) a Bíblia é, ao mesmo tempo, o livro cujas traduções estão mais agricultura e do pastoreio e, conseqüentemente, do
espalhadas pelo mundo e, segundo alguns historiadores, um comércio.
dos menos lidos de todos os best-sellers. Além de ser um livro D. de todas as criações fenícias, a mais importante foi a
sagrado, ela também é uma importante fonte de pesquisa caravela, posteriormente aperfeiçoada pelos gregos.
para o conhecimento da história dos hebreus. E. a grande e original contribuição dos fenícios para a história
B) o povo hebreu, do qual a Bíblia é originária, desde seus da civilização foi a introdução das vogais no alfabeto criado
primórdios manifestou total desprezo pelas suas tradições pelos gregos e romanos, o que veio tornar a comunicação
escritas. Isso significa que, para eles, a tradição oral teve mais mais fácil e rápida.
importância na transmissão de conhecimentos e costumes,
enfim, para a manutenção de sua identidade. 14. Os hebreus desenvolveram sua civilização no primeiro milênio
C) na Bíblia, a história dos hebreus começa em Gênesis, quando antes de Cristo. A respeito dela podemos afirmar, corretamente que:
Moisés, um dos patriarcas, recebeu a ordem de deixar a sua A. a importância da história da civilização hebraica se expressa,
terra natal para ir rumo à terra que Deus lhe mostrou para especialmente, através da formação de um Estado
nela se estabelecer. centralizado.
D) embora a Bíblia seja considerada um livro sagrado, ela não B. a civilização hebraica apresenta traços específicos que
deve ser vista como um documento que possa ser estudado decorrem do seu distanciamento frente às demais culturas
por historiadores, pois religião e ciência são diferentes esferas do Oriente Próximo.
do conhecimento. C. a importância do estudo dos hebreus se justifica pelo
E) a Bíblia, composta pelo Antigo e pelo Novo Testamento, é monoteísmo ético que surge e se desenvolve entre eles,
considerada integralmente um livro sagrado para cristãos, constituindo-se um ponto de partida para o cristianismo e o
judeus e mulçumanos islamismo.
D. os antigos hebreus têm como livro sagrado o Novo
10. (UFAC) Quantos aos hebreus, é correta a afirmação que: Testamento, que compreende vários outros livros, dentre os
A) foram o primeiro povo a elaborar uma religião monoteísta. quais está o Gênesis, que trata da Criação.
B) sua religião sempre foi politeísta. E. a antecedência da civilização hebraica à sumeriana explica a
C) durante toda a sua história tiveram uma religião monoteísta. presença de mitos semelhantes nas duas culturas.
D) foram um dos únicos povos da chamada Antigüidade
Oriental que, durante a maior parte de sua história, teve
uma religião monoteísta.
E) adotaram facilmente a religião politeísta dos romanos.

11. (OSEC-SP) Os fenícios dedicavam-se, primordialmente, ao


comércio marítimo porque:
A) era grande seu excedente agrícola.
B) sua organização militar lhes garantia o domínio dos mares.
C) sua localização geográfica os induzia a isso.
D) sua organização política era fortemente centralizada.

Você também pode gostar