Você está na página 1de 40

Prof.

MSc Jéssica Albuquerque


Farmácia Hospitalar
“Dispensação é o ato profissional farmacêutico
de proporcionar um ou mais medicamentos a
um paciente, em resposta à apresentação de
uma receita elaborada por um profissional.”
Ministério da Saúde. Assistência Farmacêutica – Instruções Técnicas para sua
Organização
 Surgiram da necessidade de assegurar o uso
racional dos medicamentos através de efetiva SDM
racional dos medicamentos através de efetiva
dispensação.

 De acordo com Resolução do CFF nº 300 de


30/01/97, art 3,p III ‐ “Estabelecer um sistema,
eficiente, eficaz e seguro de dispensação para
pacientes ambulatoriais e internados, de acordo
com as condições técnicas hospitalares, onde ele
se efetive.”
 Racionalizar a distribuição de
medicamentos
 Garantir o cumprimento da PM em 24
horas
 Correta administração dos medicamento ao
paciente
 Diminuir os erros de medicação
 Estabelecer seguimento farmacoterapêutico
 Promover a atenção farmacêutica
 Reduzir custos
 3 tipos de classificação:

 Coletivo, individualizado, combinado ou


misto e dose unitária
 Centralizado ou descentralizado
 Dispensação com intervenção do
farmacêutico (prévia ou posterior)
 Os medicamentos são distribuídos por
unidade de internação e/ou serviço a partir
de uma solicitação da enfermagem,
implicando a formação de vários estoques
nas unidades assistenciais

 “Depósitos” de medicamentos controlados


pela equipe de enfermagem
 Farmácia --- repassador de medicamentos
 Medicamentos são liberados sem as
informações:

 Nome do paciente
 Motivo da solicitação
 Médico prescritor
 Dias de tratamento
 Atenção farmacêutica inexistente

 Enfermagem: 25% do seu tempo em


procedimentos relacionados ao medicamento
 Alto índice de erros de administração de
medicamentos, desde o ato da prescrição até
o momento da administração dos mesmo.
 Duplicação de doses

 Medicamentos, dosagem e/ou via


incorretos

 Administração de medicamentos não


prescritos

 Alto custo devido possíveis desvios, perdas


por validade e armazenamento inadequado
 Vantagens

 Grande disponibilidade de medicamentos nas


unidades assistenciais
 Redução do número de solicitações e
devoluções à farmácia
 Necessidade de menor número de
funcionários na farmácia
 Desvantagens

 Falta de revisão da prescrição pelo


farmacêutico
 Maior incidência de erros na administração
 Aumento dos estoques
 Perdas de medicamentos
 Alto custo institucional
 Não permite faturamento real por paciente
 Se caracteriza pelo fato de o medicamento
ser dispensado por paciente, geralmente por
um período de 24 horas
 Solicitação feita por paciente e não unidade
assistencial
 Participação do farmacêutico
 Pode ser realizado:

 Dispensados em um único compartimento contendo


a medicação das 24 horas;

 Dispensados em um único compartimento contendo


a medicação de forma desordenada
 Pode ser para 24h, 12h ou por turno (manhã, tarde e
noite)
 Pode ser realizado:
 Medicamentos dispostos segundo os horários de
administração.
 Vantagens

 Possibilidade de revisão da prescrição médica


 Maior controle sobre o medicamento
 Redução de estoques nas unidades
assistenciais
 Pode estabelecer devoluções
 Permite faturamento correto do gasto por
paciente
 Desvantagens

 Erro de distribuição e administração de


medicamentos

 Perdas/Desvios de medicamentos

 Enfermagem ainda prepara os medicamentos


 Trata-se da adoção, em um mesmo hospital,
de mais de uma metodologia de Distribuição
de Medicamentos.

 Não é um sistema de distribuição com


características específicas, mas é uma
decisão que compete ao Gestor da Farmácia
quanto à política de Estoques da Instituição
 Conceito
 Distribuição ordenada dos medicamentos com formas e
apresentações prontas para serem administradas a um
determinado paciente de acordo com a prescrição
médica, num certo período de tempo.

– Necessita da análise da prescrição médica pelo


farmacêutico;
– Elaboração do perfil farmacoterapêutico;
– Só pode ser considerado com a unitarização de todas as
formas farmacêuticas;
– Apresenta redução de erros no uso de medicamentos
frente aos sistemas anteriores
Mais Seguro
 Redução de erros

 A dose do medicamento é preparada, embalada,


identificada e distribuída, estando pronta para ser
administrada no paciente;
 Na unidade assistencial haverá estoque apenas de
medicamentos para uso emergencial;
 Dupla conferência do medicamento pela Farmácia e
Enfermagem.
 Acompanhamento efetivo pelo farmacêutico através
do perfil farmacoterapêutico.
 Vantagens
 Preparo do medicamento para uso pela enfermagem
sem necessidade de transferências ou cálculo;
 Redução potencial de erros no uso dos
medicamentos;
 Redução do tempo da enfermagem com preparo dos
medicamentos;
 Redução de estoque das unidades assistenciais e
redução da perda;
 Grande adaptabilidade à sistemas automatizados e
informatizados;
 Melhor faturamento na conta do paciente;
 Vantagens
 Maior segurança para o médico quanto ao
cumprimento da prescrição;
 Participação efetiva do farmacêutico na definição da
terapia medicamentosa;
 Melhoria do controle sobre o padrão e horário de
administração dos medicamentos;
 Redução do espaço destinado ao estoque de
medicamentos nas clínicas;
 Melhora da qualidade da assistência prestada ao
paciente
 Desvantagens

 Oferta limitada pela Indústria Farmacêutica de


medicamentos em dose unitária;
 Resistência da equipe de enfermagem;
 Aumento das necessidades de recursos humanos e
infra-estrutura da farmácia hospitalar;
 Necessidade de equipamento, programas
informatizados e materiais específicos;
 Necessidade de alto investimento financeiro inicial
 Dose unitária x Dose unitarizada
 Dose unitária: Formas e dosagens prontas para serem
administradas a um paciente, num certo período de
tempo

 Dose unitarizada: Dose padrão comercializada pelos


laboratórios, fornecida em embalagem unitária
 Dispensação com intervenção prévia: Farmacêutico
valida as prescrições médicas antes da dispensação do
medicamentos
‐ SD individualizado ou SD por dose unitária

• Dispensação com intervenção posterior: Participação


mínima do Farmacêutico

‐ Validação das prescrições médicas ocorre depois da


dispensação
‐ SD coletivo ou SD individualizado
 Sistema centralizado:
 O setor de distribuição está concentrado em uma
única área física.
 Sistema descentralizado:
 Existe mais de uma unidade de distribuição situada
em locais estratégicos destinada destinada a uma
demanda diferenciada de medicamentos.
 Extensão física da Farmácia (Farmácia Satélite)
 Objetiva:
 Melhorar a comunicação da Farmácia com a equipe de
saúde; - Maior agilidade e viabilização dos
medicamentos

 Desvantagens:
 -Aumento dos custos com RH e estrutura;
 - Necessidade de aplicação de instrumentos
gerenciais em mais de uma área física da farmácia.
 Utilização da TI em prol do uso seguro do
medicamento
 Integração das áreas e processos
 Rastreabilidade das ações
 Indução ao acerto
 Agilidade da Informação
 Propociona a tomada de decisão “inteligente”

 Utilizações:
 ‐ Prontuário Eletrônico do Paciente
 ‐ Telemedicina
 ‐ Sistemas de Apoio à Decisão
 ‐ Processamento de sinais
 Sistemas mecânicos que executam operações ou
atividades relacionadas à estocagem, à embalagem
ou a distribuição de medicamentos

 Conjunto de armários controlados eletronicamente,


gerido por um software e ligado ao serviço de
Farmácia
 Diferentes controles controles de acesso
 Executam também ações de controle e gerenciamento
de informações
 Objetivos:

 Aumentar a eficiência do processo de


dispensação de medicamento
 Melhorar a gestão da informação
 Racionalizar a utilização de recursos
 Controlar os custos do processo
 Vantagens
 Reduzir os erros relacionados ao medicamentos
 Diminuir a carga de trabalho do farmacêutico com
distribuição de medicamentos
 Possibilita o desenvolvimento de outras atividades
pelo farmacêutico como Farm. Clínica
 Garantir a disponibilidade do medicamento em
tempo hábil a sua administração
 Controle de estoque
 Desvantagens

 Dependência de equipamentos eletrônicos com


possibilidade de falhas
 Disponibilidade de equipe para assistência técnica
 Necessidade de backup
 Não está isento de erros
 Necessidade de educação continuada continua
 Alto investimento econômico
https://www.youtube.com/watch?v=vw3QYUGUedI