Você está na página 1de 4

QUESTÕES – CIVIL I

1- Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.


I – A LINDB é uma norma de sobredireito, ou seja, de uma norma jurídica que visa a
regulamentar outras normas (leis sobre leis ou lex legum).
II – Apesar desse seu posicionamento metodológico, a LINDB não constitui uma norma exclusiva
do Direito Privado, sendo que o seu conteúdo interessa mais à Teoria Geral do Direito do que ao
Direito Civil propriamente dito.
III – Atribui-se à Lei de Introdução o papel de apontar as fontes do Direito Privado em
complemento à própria lei.
a) Todas estão corretas.
b) Apenas I e II estão corretas.
c) Apenas I e III estão corretas.
d) Apenas II e III estão corretas.
e) Todas estão incorretas

2- Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.


I – O Direito Brasileiro sempre foi filiado à escola da Civil Law, de origem romano-germânica,
pela qual a lei é fonte primária do sistema jurídico.
II – Concebida a lei como fonte do direito – mas não como a única e exclusiva –, a Lei de
Introdução consagra no seu início regras relativas à sua vigência.
III – A lei passa por três fases fundamentais para que tenha validade e eficácia as de elaboração,
promulgação e vacância.
a) Todas estão corretas.
b) Apenas I e II estão corretas.
c) Apenas I e III estão corretas.
d) Apenas II e III estão corretas.
e) Todas estão incorretas

Facebook: CP IURIS Instagram: @cpiuris


Email: contato@cpiuris.com.br
www.cpiuris.com.br
3- Assinale a alternativa INCORRETA.
a) A lei revogada se restaura por ter a lei revogadora perdido a vigência, salvo disposição em
contrário.
b) Depois de oficialmente publicada, a lei começa a vigorar em todo o país quarenta e cinco dias,
salvo disposição em contrário.
c) As correções a texto de lei já em vigor consideram-se lei nova.
d) Ninguém se escusa de cumprir a lei, alegando que não a conhece.
e) Não se destinando à vigência temporária, a lei terá vigor até que outra a modifique ou revogue.

4- De acordo com as disposições da LINDB, assinale a alternativa CORRETA.


a) Nos Estados, estrangeiros, a obrigatoriedade da lei brasileira, quando admitida, se inicia dois
meses depois de oficialmente publicada.
b) Se, antes de entrar a lei em vigor, ocorrer nova publicação de seu texto, destinada a correção, o
prazo de vacatio legis continua a correr independentemente da nova publicação.
c) A lei começa a vigorar em todo o país quarenta e cinco dias depois de oficialmente promulgada,
salvo disposição em contrário.
d) Não pode haver correção de texto de lei antes de decorrido o prazo de vacatio legis.
e) Consideram-se lei nova as correções a texto de lei já em vigor.

5- Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.


I - O intervalo temporal entre a publicação e o início de vigência de uma lei denomina-se vacatio
legis.
II – Na derrogação há revogação absoluta, havendo a supressão total do texto.
III - Em observância ao princípio da continuidade, em regra, a lei não tem um prazo certo para
vigorar, permanecendo em vigor enquanto não for modificada ou revogada por outra.
a) Todas estão corretas.
b) Apenas I e II estão corretas.
c) Apenas I e III estão corretas.
d) Apenas II e III estão corretas.
e) Todas estão incorretas.

6- Quando a lei for omissa, o juiz decidirá o caso de acordo com:


a) os fins sociais a que ela se destina e às exigências do bem comum.
b) a analogia, a equidade, os costumes e os princípios gerais de direito.
c) equidade e princípios gerais do direito
d) a analogia, os costumes e os princípios gerais de direito.
e) a equidade e a exigências do bem comum.

7- Segundo ao artigo 2º, § 3º da LINDB a lei revogada não se restaura por ter a lei revogadora
perdido a vigência, salvo disposição em contrário, no referido artigo a Lei de Introdução às
Normas do Direito Brasileiro está referindo-se à:
a) sub-rogação.
b) repristinação.
c) retroação da lei.
d) resilição.
e) anterioridade legal.

8- Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.


I – A repristinação consiste no retorno à vigência de uma lei revogada, quando a lei revogadora
perde a sua obrigatoriedade.
II - A jurisprudência reconhece que o direito brasileiro não admite a repristinação, salvo se
houver uma declaração expressa.
III – A promulgação é o ato de divulgação da existência da nova lei em órgão oficial,
presumindo-se conhecida por todos.
a) Todas estão corretas.
b) Apenas I e II estão corretas.
c) Apenas I e III estão corretas.
d) Apenas II e III estão corretas.
e) Todas estão incorretas.

9- Assinale a alternativa CORRETA.


a) Ninguém se escusa de cumprir a lei, salvo se alegar que não a conhece.
b) A lei posterior revoga a anterior quando expressamente o declare, quando seja com ela
incompatível ou quando regule inteiramente a matéria de que tratava a lei anterior.
c) Quando a lei for omissa, o juiz decidirá o caso de acordo com os fins sociais a que ela se dirige e
às exigências do bem comum.
d) Na aplicação da lei, o juiz atenderá a analogia, os costumes e os princípios gerais de direito.
e) A lei terá vigor até que outra a modifique ou revogue, em todos os casos.

10- Assinale a alternativa INCORRETA de acordo com o disposto na LINDB.


a) A lei nova, que estabeleça disposições gerais a par das já existentes, revoga a lei anterior.
b) A lei nova revoga a anterior quando expressamente o declare.
c) A lei nova revoga a anterior quando seja com ela incompatível.
d) A lei nova revoga quando regule inteiramente a matéria de que tratava a lei anterior.
e) A lei nova, que estabeleça disposições gerais a par das já existentes, não modifica a lei anterior.