Você está na página 1de 51

Resolução CONSEMA 372/2018

(Alterada pelas Resoluções 375/2018, 377/2018, 379/2018, 381/2018, 383/2018, 389/2018, 395/2019, 403/2019)

Dispõe sobre os empreendimentos e atividades utilizadores de


recursos ambientais, efetiva ou potencialmente poluidores ou
capazes, sob qualquer forma, de causar degradação ambiental,
passíveis de licenciamento ambiental no Estado do Rio Grande do
Sul, destacando os de impacto de âmbito local para o exercício da
competência municipal no licenciamento ambiental.

O CONSELHO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE – CONSEMA, no uso de suas atribuições que lhe conferem a Lei Estadual
10.330, de 27 de dezembro de 1994 e a Lei Complementar 140, de 08 de dezembro de 2011;

RESOLVE:
CAPÍTULO I
Dos Empreendimentos e Atividades Licenciáveis

Art. 1º. Os empreendimentos e atividades utilizadores de recursos ambientais, efetiva ou potencialmente poluidores ou capazes,
sob qualquer forma, de causar degradação ambiental, passíveis de licenciamento ambiental no Estado do Rio Grande do Sul, com
a definição de seus portes e potencial poluidor, são aqueles constantes do anexo I desta Resolução.

Parágrafo único. § 1o. O anexo II desta Resolução detalha os conceitos relativos aos empreendimentos e atividades de que trata o
anexo I, nos casos identificados pelo Conselho Estadual do Meio Ambiente como necessários. (Renumerado pela Resolução 379/2018)

§ 2º. O anexo III desta Resolução refere os empreendimentos e atividades não incidentes de licenciamento ambiental, uma vez
que estão sujeitos a outros atos autorizativos e instrumentos de controle, conforme constam no referido anexo com a finalidade
exemplificativa. (Incluído pela Resolução 379/2018)

Art. 2º. Os empreendimentos e atividades que causem ou possam causar impacto de âmbito local, cuja competência de
licenciamento é municipal, constam em destaque no anexo I desta Resolução.

Parágrafo único. Quando a área física do empreendimento e atividade licenciável ultrapassar os limites de um município, o
impacto não será mais de âmbito local e a competência para licenciamento será estadual.

Art. 3º. O empreendimento que abranja mais de uma atividade correlata será objeto de um único licenciamento, no órgão competente pela atividade
principal ou atividade-fim, à exceção de:
I – atividades correlatas em empreendimentos que não sejam de mesma pessoa física ou jurídica;
II – as dragas e a atividade de mineração em corpo hídrico;
§ 1o. Entende-se por atividade fim como sendo aquela que produz o bem ou presta o serviço que será disponibilizado para terceiros.

§ 2º. No caso da existência de mais de uma atividade fim em um único empreendimento, será considerada atividade principal aquela que representa o
maior volume de bens e serviços disponibilizados a terceiros.
§ 3º. Atividade correlata é aquela que por sua natureza mantém relação com a atividade fim, necessitando estar ou interligada em seu processo
produtivo, ou fisicamente próxima.
§ 4o. O licenciamento ambiental deverá considerar todas as atividades do empreendimento nela licenciado.

Art. 3o. O empreendimento que abranja mais de uma atividade correlata será objeto de um único licenciamento, no órgão
competente pela atividade de maior potencial poluidor, à exceção das atividades em empreendimentos que não sejam da mesma
pessoa física ou jurídica.Redação dada pela Resolução 377/2018)

§ 1º. Atividades correlatas são aquelas que por sua natureza mantém relação entre si no processo produtivo ou na prestação de
serviços necessitando estar na mesma área física.(Redação dada pela Resolução 377/2018)

§ 2o. O licenciamento ambiental deverá considerar todas as atividades do empreendimento.(Redação dada pela Resolução 377/2018)
2

§ 3º. Caso todas as atividades do empreendimento tenham um mesmo potencial poluidor, porém competências originárias de
licenciamento distintas, caberá ao órgão ambiental estadual o licenciamento do empreendimento.(Redação dada pela Resolução
377/2018)

§ 4o. Os conflitos em relação a existência ou não de correlação entre as diferentes atividades em um mesmo empreendimento
deverão ser encaminhadas diretamente à Câmara Técnica Permanente de Gestão Compartilhada Estado/Municípios do
CONSEMA-RS, que consolidará seu entendimento em ata.(Redação dada pela Resolução 377/2018)

Art. 4o. A não incidência de licenciamento ambiental em empreendimentos e atividades, ou em determinados portes destes, não dispensa da
necessidade de atendimento de outras autorizações e licenças exigidas pela legislação vigente.

Art. 4o. A não incidência de licenciamento ambiental em empreendimentos e atividades, ou em determinados portes destes, não
dispensa da necessidade de atendimento de outras autorizações e licenças exigidas pela legislação vigente, inclusive as licenças
ambientais de supressão, corte, poda, transplante ou manejo de vegetação nativa e a Outorga do Direto de Uso da Água ou sua
dispensa.(Redação dada pela Resolução 377/2018)

§ 1o. O município, em função de suas peculiaridades locais, poderá exigir licenciamento ambiental municipal, através de Resolução
do Conselho Municipal de Meio Ambiente ou norma específica, para os empreendimentos e atividades constantes como não
incidentes de licenciamento no anexo I desta Resolução.

§ 2o. As decisões dos Conselhos Municipais de Meio Ambiente ou as demais normas específicas, a que se refere o § 1º., deverão
ser comunicadas à Secretaria Estadual do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável – SEMA/RS, a fim de dar publicidade e
integrar o Sistema Estadual de Informações Ambientais, no que couber.

§ 3º. Para as atividades ou portes de atividades não incidentes de licenciamento ambiental não é necessária a emissão de
declaração de isenção pelo órgão ambiental, tendo em vista a norma expressa desta Resolução pela não incidência.(Incluído pela
Resolução 377/2018)

Art. 5o. Os empreendimentos e atividades serão licenciados ou autorizados ambientalmente por um único ente federativo, inclusive
quanto à supressão de vegetação nativa vinculada ao licenciamento.

§ 1º. Deverão ser observadas as competências e anuências estabelecidas na Lei Federal 11.428/2006 (Lei da Mata Atlântica) e no
Decreto Federal 6.660/2008.

§ 2º. Os empreendimentos e atividades de impacto local que envolvam necessidade de supressão de vegetação em formações
florestais nativas e ecossistemas associados no Bioma Mata Atlântica serão licenciados pelos órgãos ambientais municipais
competentes, desde que os respectivos municípios possuam convênio de delegação de competência da gestão da Mata Atlântica,
devendo na inexistência deste, serem licenciados pelo órgão ambiental estadual competente.

§ 3º. Nas demais áreas, em que não incidente o regramento do § 1o., o órgão licenciador é competente para autorizar a supressão
de vegetação nativa, inclusive em zona rural, associada ao empreendimento ou atividades em licenciamento.

§ 4º. Os empreendimentos e atividades que necessitem de captação de água superficial ou subterrânea deverão obter a Outorga
do Direito de Uso da Água ou sua Dispensa.

§ 5º. No licenciamento ambiental dos empreendimentos e atividades que envolvam o lançamento de efluentes deverá ser
observado, o enquadramento aprovado por Resolução do Conselho Estadual de Recursos Hídricos – CRH e os termos da
Resolução 355/2017 do Conselho Estadual do Meio Ambiente – CONSEMA ou outra Resolução que a substitua.

§ 6º. A área de uso rural, na qual será licenciado o empreendimento e atividade, deverá estar inscrita no Cadastro Ambiental Rural.

§ 7º. Para o transporte de matéria-prima florestal nativa deverá ser emitido o Documento de Origem Florestal (DOF) junto ao órgão
estadual.

CAPÍTULO II
Das Estruturas Ambientais Municipais

Art. 6º. Considera-se órgão ambiental capacitado, para efeitos do disposto nesta Resolução, aquele que possui técnicos próprios
ou em consórcio, devidamente habilitados em meio físico e biótico e em número compatível com a demanda das ações
administrativas de licenciamento e fiscalização ambiental de competência do município.
3

§ 1º. Todos os municípios devem possuir em seu quadro no mínimo um licenciador habilitado e um fiscal concursado, designados
por portaria, mesmo que o município opte por consórcio.

§ 2º. O município dotará o órgão ambiental com equipamentos e os meios necessários para o exercício de suas funções e
atribuições.

Art. 7º. Considera-se Conselho Municipal de Meio Ambiente, para efeitos do disposto nesta Resolução, aquele colegiado que
possui caráter deliberativo, sempre que possível com paridade entre governo e sociedade civil, com regimento interno instituído,
com definição de suas atribuições, composição, realização de reuniões ordinárias, além de livre acesso à informação sobre suas
atividades.

Art. 8º. Os Municípios que não possuam órgão ambiental capacitado ou Conselho Municipal de Meio Ambiente comunicarão tal
situação à Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável para fins de exercício da competência supletiva prevista no art.
15 da Lei Complementar 140/2011.

CAPÍTULO III
Das Ações de Cooperação para Ampliação da Delegação de Competência

Art. 9º - O órgão ambiental estadual poderá delegar ao município, mediante convênio, a execução de ações administrativas a ele
atribuídas na Lei Complementar nº 140/2011, inclusive nos casos de que trata a Lei Federal 11.428/2006, desde que o ente
destinatário da delegação disponha de Conselho de Meio Ambiente e de órgão ambiental capacitado para executar as ações
administrativas a serem delegadas.

Parágrafo único - Cabe ao órgão delegante avaliar se o órgão destinatário da delegação é capacitado, para a execução da ação
administrativa objeto do convênio.

CAPÍTULO IV
Da Revisão e Atualização dos Anexos

Art. 10. Os órgãos licenciadores estaduais ou municipais poderão propor ao CONSEMA, a qualquer tempo, a atualização do anexo
I, podendo importar em: criação, alteração ou extinção de empreendimento e atividade licenciável; a alteração de porte ou
potencial poluidor; a inclusão ou alteração de definições do anexo II.

Art. 11. Fica renumerado o parágrafo único para parágrafo primeiro e inserido o parágrafo segundo no art. 16 da Resolução
CONSEMA 305/2015 (Regimento Interno), com a seguinte redação:

§ 2º. As propostas dos órgãos licenciadores de atualização dos anexos da Resolução CONSEMA 372/2018, que trata dos
empreendimentos e atividades consideradas potencialmente poluidoras passíveis de licenciamento ambiental no Estado do Rio
Grande do Sul, destacando as de impacto de âmbito local para o exercício da competência Municipal no licenciamento ambiental,
serão automaticamente encaminhados pela Secretaria Executiva ao Presidente da Câmara Técnica de Gestão Compartilhada
Estado/Munícipios, com inclusão na pauta da próxima reunião.

CAPÍTULO V
Das Disposições Finais e Transitórias

Art. 12. As licenças ambientais já emitidas pelo órgão estadual para Programas Estaduais e que abrangem atividades de impacto
local, ou seja, de competência municipal, permanecerão válidas até o seu vencimento, não podendo mais serem renovadas pelo
órgão estadual.

Parágrafo único. Os beneficiários dos Programas Estaduais abrangidos pela licença ambiental devem ser informados pela
Secretaria de Estado titular da licença ambiental que, se incidente, o licenciamento ambiental de cada empreendimento e atividade
passará a ser feito pelo órgão licenciador competente, municipal ou estadual, consoante regramento desta Resolução.

Art. 13. As novas solicitações, inclusive de renovação, deverão observar os novos enquadramentos de tipologias e competências
de licenciamento.

§ 1º. A nova competência assumida pelos órgãos licenciadores para licenciamento de determinados portes, por força desta
resolução, é condicionada a responsabilidade pelo acompanhamento do empreendimento e pela respectiva emissão da declaração
de prorrogação da licença do órgão anterior até a análise do pedido de renovação, observados os prazos estabelecidos pela Lei
Complementar 140, de 8 de dezembro de 2011.
4

§ 2º. Os requerimentos de determinada fase de licenciamento iniciados antes da entrada em vigor desta Resolução poderão,
conforme opção do empreendedor, permanecer tramitando no órgão ambiental em que protocolados, o qual decidirá pela emissão
da licença, com seu acompanhamento, ou seu indeferimento.

§ 3º. As solicitações de licença de ampliação, sejam prévias ou de instalação, que não alterem o porte do empreendimento, na
vigência da licença de operação atual, apesar da possível troca de competência por força desta Resolução, poderão, conforme
opção do empreendedor, ser analisadas e emitidas pelo órgão ambiental responsável pela emissão da licença de operação
vigente.

§ 4º. As licenças ambientais já emitidas para empreendimentos e atividades que passam a não ter incidência de licenciamento
ambiental em face desta Resolução permanecem válidas até seu vencimento ou podem ser encerradas pelo órgão ambiental
mediante a identificação de outros instrumentos de regularidade incidentes sobre o empreendimento ou atividade, tais como o
habite-se, o alvará municipal, a outorga do direito de uso da água, o cadastro ambiental rural, entre outros.(Incluído pela Resolução
377/2018)

Art. 14. Revoga-se a Resolução CONSEMA 288/2014, o anexo III da Resolução CONSEMA 323/2016, o anexo II da Resolução
CONSEMA 347/2017, o art. 8o. e parágrafo único, da Resolução CONSEMA 358/2017 e demais disposições em contrário.

Art. 15. Esta Resolução entra em vigor no prazo de 30 dias de sua publicação.

Porto Alegre, 22 de fevereiro de 2018.

Maria Patrícia Möllmann


Presidente do CONSEMA
Secretária Adjunta do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável

Publicado no DOE do dia 01/03/2018


Proc. nº: 18/0500-0000942-8

ANEXO I
Tabela de Atividades Licenciáveis

Legenda para Competência de Licenciamento: Impacto Local Licenciamento Estadual

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
AGROSSILVIPASTORIL
ATIVIDADES AGROPECUARIAS
IRRIGAÇÃO
de
IRRIGACAO PELO MÉTODO Área irrigada de 50,01 a de 500,01 a
111,30 Alto até 50,00 100,01 a demais
SUPERFICIAL (ha) 100,00 1000,00
500,00

IRRIGAÇÃO PELO MÉTODO DE


ASPERSÃO OU LOCALIZADO

IRRIGAÇÃO PELO MÉTODO DE Área da bacia de 25,01


de 10,01 de 50,01 a
111,41 ASPERSÃO OU LOCALIZADO de acumulação Alto até 10,00 até demais
até 25,00 200,00
COM BARRAGENS (ha) 50,00
IRRIGAÇÃO PELO MÉTODO DE Área da bacia de 25,01
de 5,01 até de 10,01 de 100,01 a
111,42 ASPERSÃO OU LOCALIZADO de acumulação Baixo até 5 até demais
10,00 até 25,00 200,00
COM AÇUDES (ha) 100,00

111,43 IRRIGAÇÃO PELO MÉTODO DE


Excluído pela Área irrigada todos os
ASPERSÃO OU LOCALIZADO Baixo
Resolução (ha) portes
379/2018 SEM O USO DE RESERVATÓRIO

de
RECUPERACAO DE ÁREA Área de 50,01 a de 500,01 a
111,70 Baixo até 50,00 100,01 a demais
DEGRADADA POR IRRIGACAO degradada (ha) 100,00 1000,00
500,00

FORNECIMENTO DE ÁGUA PARA


FINS AGRICOLAS
5

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
111,95 BARRAGEM PARA IRRIGAÇÃO -
Alterado pela Área da bacia de de 10,01 até de 25,01 de 50,01 a
APENAS PARA FORNECIMENTO DE Alto até 10,00 demais
Resolução acumulação (ha) 25,00 até 100,00 200,00
375/2018 AGUA

BARRAGEM PARA IRRIGAÇÃO - Área da bacia de 25,01


de 10,01 de 50,01 a
111,95 APENAS PARA FORNECIMENTO de acumulação Alto até 10,00 até demais
até 25,00 200,00
DE AGUA (ha) 50,00
AÇUDE PARA IRRIGAÇÃO - Área da bacia de 25,01
de 5,01 até de 10,01 de 100,01 a
111,96 APENAS PARA FORNECIMENTO de acumulação Baixo até 5 até demais
10,00 até 25,00 200,00
DE AGUA (ha) 100,00

CRIAÇÃO DE ANIMAIS DE
PEQUENO PORTE

CRIAÇÃO DE AVES
de
Nº de cabeças de 1001 a de 14001 a de 48001 a
112,11 CRIAÇÃO DE AVES DE CORTE Médio até 1000 36001 a demais
(un) 14000 36000 60000
48000
de
Nº de cabeças de 1001 a de 30001 a de 90001 a
112,12 CRIAÇÃO DE AVES DE POSTURA Médio até 1000 60001 a demais
(un) 30000 60000 120000
90000
de
Nº de cabeças de 1001 a de 30001 a de 90001 a
112,13 CRIAÇÃO DE MATRIZES E OVOS Médio até 1000 60001 a demais
(un) 30000 60000 120000
90000
de
Nº pintos/mês de 51 a de 30001 a 100001 de 600001 a
112,14 INCUBATÓRIO Médio até 50 demais
(un) 30000 100000 a 2000000
600000
CRIAÇÃO DE OUTROS ANIMAIS

CUNICULTURA E OUTROS Nº de cabeças de 1001 a de 3001 a de 6001 de 12001 a


112,21 Médio até 1000 demais
ANIMAIS DE PEQUENO PORTE (un) 3000 6000 a 12000 36000

CRIAÇÃO DE ANIMAIS DE MEDIO


PORTE

CRIAÇÃO DE SUINOS - COM


MANEJO DE DEJETOS LIQUIDOS

CRIAÇÃO DE SUINOS - CICLO


Nº de matrizes de 51 a
114,21 COMPLETO - COM MANEJO Alto até 5 de 6 a 10 de 11 a 50 de 61 a 400 demais
(un) 60
DEJETOS LÍQUIDOS
CRIAÇÃO DE SUINOS - UNIDADE
PRODUTORA DE LEITOES ATE 21 Nº de matrizes de 71 a de 281 a
114,22 Alto até 5 de 6 a 70 de 421 a 840 demais
DIAS - COM MANEJO DEJETOS (un) 280 420
LÍQUIDOS

CRIAÇÃO DE SUINOS - UNIDADE


PRODUTORA DE LEITOES ATE 63 Nº de matrizes de 51 a de 201 a de 301 a
114,23 Alto até 5 de 6 a 50 demais
DIAS - COM MANEJO DEJETOS (un) 200 300 1000
LÍQUIDOS
CRIAÇÃO DE SUÍNOS -
Nº de cabeças de 61 a de 101 a de 501 a de 1001 a
114,24 TERMINAÇÃO - COM MANEJO Alto até 60 demais
(un) 100 500 1000 2000
DEJETOS LÍQUIDOS
CRIAÇÃO DE SUÍNOS - CRECHE -
Nº de cabeças de 201 a de 401 a de 2001 de 3001 a
114,25 COM MANEJO DEJETOS Alto até 200 demais
(un) 400 2000 a 3000 5000
LÍQUIDOS

CRIAÇÃO DE SUÍNOS - CENTRAL


Nº de cabeças de 131 a de 391 a de 781 a
114,26 DE INSEMINAÇÃO - COM Alto de 1 a 130 demais
(un) 390 780 1300
MANEJO DEJETOS LÍQUIDOS

114,27 CRIAÇÃO DE SUÍNOS -


Alterado pela CRECHE/TERMINAÇÃO - COM MANEJO Nº de cabeças de 301 a de 1501 a
Alto até 150 de 151 a 300 de 2101 a 3000 demais
Resolução DEJETOS LÍQUIDOS (SISTEMA WEAN (un) 1500 2100
375/2018 TO FINISH)

CRIAÇÃO DE SUÍNOS -
DESMAME/TERMINAÇÃO - COM Nº de cabeças de 151 a de 301 a de 1501 de 2101 a
114,27 Alto até 150 demais
MANEJO DEJETOS LÍQUIDOS (un) 300 1500 a 2100 3000
(SISTEMA WEAN TO FINISH)
CRIAÇÃO DE SUÍNOS - COM
MANEJO DE DEJETOS SOBRE
CAMA

CRIAÇÃO DE SUÍNOS - CICLO


Nº de matrizes de 41 a
114,31 COMPLETO - COM MANEJO DE Médio até 5 de 6 a 10 de 11 a 40 de 76 a 100 demais
(un) 75
DEJETOS SOBRE CAMAS

CRIAÇÃO DE SUÍNOS - UNIDADE


PRODUTORA DE LEITÕES ATE 21 Nº de matrizes de 71 a de 281 a
114,32 Médio até 5 de 6 a 70 de 421 a 700 demais
DIAS - COM MANEJO DE (un) 280 420
DEJETOS SOBRE CAMAS
6

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

CRIAÇÃO DE SUÍNOS - UNIDADE


PRODUTORA DE LEITÕES ATE 63 Nº de matrizes de 51 a de 201 a
114,33 Médio até 5 de 6 a 50 de 301 a 500 demais
DIAS - COM MANEJO DE (un) 200 300
DEJETOS SOBRE CAMAS

CRIAÇÃO DE SUÍNOS -
Nº de cabeças de 61 a de 101 a de 401 a de 751 a
114,34 TERMINAÇÃO - COM MANEJO DE Médio até 60 demais
(un) 100 400 750 1000
DEJETOS SOBRE CAMAS
CRIAÇÃO DE SUÍNOS - CRECHE -
Nº de cabeças de 201 a de 401 a de 1601 de 3001 a
114,35 COM MANEJO DE DEJETOS Médio até 200 demais
(un) 400 1600 a 3000 4000
SOBRE CAMAS
CRIAÇÃO DE SUÍNOS - CENTRAL
DE INSEMINAÇÃO - COM Nº de cabeças de 131 a de 391 a de 781 a
114,36 Médio de 1 a 130 demais
MANEJO DE DEJETOS SOBRE (un) 390 780 1300
CAMAS

114,40 CRIAÇÃO DE ANIMAIS DE MÉDIO


Excluído pela PORTE EM SISTEMA SEMI Nº de cabeças todos os
Baixo
Resolução CONFINADO OU EXTENSIVO A (un) portes
379/2018 CAMPO

CRIAÇÃO DE OVINOS E/OU Nº de cabeças de 201 a de 301 a de 451 a de 1801 a


114,90 Médio até 200 demais
CAPRINOS CONFINADOS (un) 300 450 1800 4500

CRIAÇÃO DE OUTROS ANIMAIS


DE MÉDIO PORTE CONFINADOS , Nº de cabeças de 46 a de 451 a de 1801 a
114,95 Médio até 5 de 6 a 45 demais
EXCETO SUÍNOS, OVINOS E (un) 450 1800 4500
CAPRINOS.
CRIAÇÃO DE ANIMAIS DE
GRANDE PORTE (CONFINADO)

CRIAÇÃO DE BOVINOS Nº de cabeças de 51 a de 101 a de 201 a


116,10 Alto até 50 de 401 a 600 demais
CONFINADOS (un) 100 200 400

CRIAÇÃO DE OUTROS ANIMAIS


Nº de cabeças de 51 a de 101 a de 201 a de 501 a
116,20 DE GRANDE PORTE Alto até 50 demais
(un) 100 200 500 2000
CONFINADOS

CRIAÇÃO DE ANIMAIS DE
GRANDE PORTE (SEMI-
CONFINADO)
CRIAÇÃO DE BOVINOS (SEMI- Nº de cabeças de 201 a de 301 a de 401 a de 601 a
117,10 Alto até 200 demais
CONFINADO) (un) 300 400 600 1000
117,20
Excluído pela AÇUDE PARA DESSEDENTAÇÃO Área alagada todos os
Baixo
Resolução ANIMAL (ha) portes
379/2018
117,30
Excluído pela CRIAÇÃO DE BOVINOS EM Nº de cabeças todos os
Baixo
Resolução SISTEMA EXTENSIVO A CAMPO (un) portes
379/2018

MANEJO DE RESÍDUOS ANIMAIS

CENTRAIS DE BENEFICIAMENTO de
Pátio de
DE DEJETOS SECOS DE até de 1000,01 2000,01 de 4000,01 a
118,10 compostagem Médio demais
CRIAÇÕES DE ANIMAIS 1000,00 a 2000,00 a 6000,00
(m²)
CONFINADOS 4000,00

CENTRAIS DE BENEFICIAMENTO de
Pátio de
DE DEJETOS LIQUIDOS DE até de 1000,01 2000,01 de 4000,01a
118,20 compostagem Médio demais
CRIAÇÕES DE ANIMAIS 1000,00 a 2000,00 a 6000,00
(m²)
CONFINADOS 4000,00
PISCICULTURA
PISCICULTURA SISTEMA
INTENSIVO

UNIDADES DE PRODUÇÃO DE Área alagada de 0,51 a de 1,01 de 2,01 a


119,11 Médio até 0,50 demais
ALEVINOS (SISTEMA INTENSIVO) (ha) 1,00 a 2,00 5,00

UNIDADES DE PRODUÇÃO DE
Área alagada de 0,51 a de 1,01 de 2,01 a
119,12 ALEVINOS - SOMENTE ESPÉCIES Baixo até 0,50 demais
(ha) 1,00 a 2,00 5,00
NATIVAS - SISTEMA INTENSIVO

UNIDADES DE PRODUÇÃO DE
Área alagada de 0,51 a de 1,01 de 2,01 a
119,13 ALEVINOS - ESPÉCIES Médio até 0,50 demais
(ha) 1,00 a 2,00 5,00
EXÓTICAS (SISTEMA INTENSIVO)

PISCICULTURA SISTEMA
INTENSIVO PARA ENGORDA

PISCICULTURA DE ESPÉCIES
Área alagada de 2,01 a de 5,01 de 10,01 a
119,21 NATIVAS PARA ENGORDA Baixo até 2,00 demais
(ha) 5,00 a 10,00 50,00
(SISTEMA INTENSIVO)
7

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

PISCICULTURA DE ESPÉCIES
Área alagada de 2,01 a de 5,01 de 10,01 a
119,22 EXÓTICAS PARA ENGORDA Médio até 2,00 demais
(ha) 5,00 a 10,00 50,00
(SISTEMA INTENSIVO)

PISCICULTURA SISTEMA SEMI -


INTENSIVO

119,31 PISCICULTURA DE ESPÉCIES


Área alagada de 2,01 a de 5,01 de 10,01 a
NATIVAS (SISTEMA SEMI- Baixo até 2,00 demais
(ha) 5,00 a 10,00 50,00
INTENSIVO)
PISCICUTURA DE ESPÉCIES
Área alagada de 2,01 a de 5,01 de 10,01 a
119,32 EXÓTICAS (SISTEMA SEMI- Médio até 2,00 demais
(ha) 5,00 a 10,00 50,00
INTENSIVO)
PISCICULTURA SISTEMA
EXTENSIVO

PISCICULTURA DE ESPÉCIES Área alagada de 2,01 a de 3,01 a de 5,01 de 10,01 a


119,41 Baixo até 2 demais
NATIVAS (SISTEMA EXTENSIVO) (ha) 3,00 5,00 a 10,00 50,00

PISCICULTURA DE ESPÉCIES
Área alagada de 2,01 a de 5,01 de 10,01 a
119,42 EXÓTICAS (SISTEMA Médio até 2,00 demais
(ha) 5,00 a 10,00 50,00
EXTENSIVO)
de
até de 1000,01 3000,01 de 5000,01 a
120,00 RANICULTURA Área útil (m²) Alto demais
1000,00 a 3000,00 a 10000,00
5000,00

CARCINOCULTURA Área alagada de 1,01 a de 10,01 de 50,01 a


121,00 Médio até 1,00 demais
(CRUSTÁCEOS) (ha) 10,00 a 50,00 100,00

MALACOCULTURA (MOLUSCOS) Área alagada de 1,01a de 2,51 de 5,01 a


122,00 Médio até 1,00 demais
E OUTROS (ha) 2,50 a 5,00 10,00

AGROTÓXICOS (EXCETO
FABRICAÇÃO)

123,20 Número de de 10 a
AVIAÇÃO AGRÍCOLA Alto 1 de 2 a 9 de 18 a 25 demais
Aeronaves 17
PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS
PARA TRATAMENTO DE
123,30 Não se aplica Alto Único
SEMENTES COM USO
AGROTÓXICOS

APLICAÇÃO DE AGROTÓXICO
(EXCETO AVIAÇÃO AGRÍCOLA)

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE
CONTROLE DE VETORES E
124,30 PRAGAS Não se aplica Alto Único

125,00
Excluído pela
Resolução CULTURAS AGRÍCOLAS NÃO Área de plantio todos os
379/2018 IRRIGADAS (ha) portes

SILVICULTURA

SILVICULTURA DE EXÓTICAS
de 30,01 a de 300,01 de 600,01
126,10 COM ALTA CAPACIDADE Hectares (ha) Alto até 30,00 demais
300,00 a 600,00 a 1000,00
INVASORA (PINUS SP E OUTRAS)

SILVICULTURA DE EXÓTICAS
COM BAIXA CAPACIDADE de 40,01 a de 300,01 de 600,01
126,20 Hectares (ha) Médio até 40,00 Demais
INVASORA (EUCALYPTUS SP, 300,00 a 600,00 a 1000,00
ACACIA MEARNSII E OUTRAS)

ÁREA DE PESQUISA AGRÍCOLA

de 10,01 a de 100,01 de 400,01


133,00 ÁREA DE PESQUISA AGRÍCOLA Área total (ha) Médio até 10,00 demais
100,00 a 400,00 a 500,00

CRIADOURO DE FAUNA
SILVESTRE

CRIADOURO DE FAUNA SILVESTRE


140,10 NÃO AMADORA EM CATIVEIRO
Alterado pela Nº de cabeças de 101,00 a de 201,00 a de 301,00 a
(ZOOLÓGICOS, MANTENEDORES, Médio até 100,00 demais
Resolução (un) 200,00 300,00 400,00
CETAs)
375/2018
8

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

CRIADOURO DE FAUNA
SILVESTRE NÃO AMADORA EM Nº de cabeças de 101,00 de 201,00 de 301,00
140,10 Médio até 100,00 demais
CATIVEIRO (MANTENEDORES, (un) a 200,00 a 300,00 a 400,00
CETAs)
Alterado pela
Resolução
MINERAÇÃO (EXTRAÇÃO E
TRATAMENTO METÁLICOS)
375/2018
510,00
Alterado pela Poligonal útil em de 10,01 até de 20,01 até de 50,01 até
PESQUISA MINERAL Médio até 10 demais
Resolução hectares (ha) 20 50 100
403/2019
Poligonal útil
PESQUISA MINERAL C/ GUIA DE de 10,01 de 20,01 de 50,01
510,00 em hectares Médio até 10 demais
UTILIZAÇÃO até 20 até 50 até 100
(ha)

RECUPERAÇÃO DE ÁREAS de 5,01 a de 10,01 de 25,01


520,00 Área total (ha) Médio até 5,00 demais
MINERADAS 10,00 até 25,00 até 50,00

LAVRA A CÉU ABERTO COM


RECUPERAÇÃO DA ÁREA
MINERADA
LAVRA DE CALCÁRIO, ARGILA
INDUSTRIAL (CAULIM) - A CÉU Poligonal útil de 10,01 de 50,01 de 80,01
530,01 Alto até 10 demais
ABERTO E COM RECUPERAÇÃO (ha) até 50 até 80 até 120
DE ÁREA DEGRADADA
LAVRA DE
CARVÃO/TURFA/COMBUSTÍVEIS
Poligonal útil de 25,01 de 50,01 de 100,01
530,02 MINERAIS - A CÉU ABERTO E Alto até 25 demais
(ha) até 50 até 100 até 120
COM RECUPERAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA

LAVRA DE MINÉRIO METÁLICO


(COBRE/OURO/CHUMBO/ETC) - A
Poligonal útil de 25,01 de 50,01 de 100,01
530,03 CÉU ABERTO E COM Alto até 25 demais
(ha) até 50 até 100 até 120
RECUPERAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA

LAVRA DE GEMAS
(ÁGATA/AMETISTA/ETC) - A CÉU Poligonal útil de 2,51 até de 5,01 até de 10,01
530,04 Médio até 2,5 demais
ABERTO E COM RECUPERAÇÃO (ha) 5 10 até 20
DE ÁREA DEGRADADA

LAVRA DE ROCHA
ORNAMENTAL- A CÉU ABERTO E Poligonal útil de 5,01 até de 10,01 de 20,01
530,05 Médio até 5 demais
COM RECUPERAÇÃO DE ÁREA (ha) 10 até 20 até 40
DEGRADADA

LAVRA DE ROCHA PARA USO


IMEDIATO NA CONSTRUÇÃO
Poligonal útil de 5,01 até de 20,01 de 40,01
530,06 CIVIL - A CÉU ABERTO, COM Médio até 5 demais
(ha) 20 até 40 até 60
BRITAGEM E COM
RECUPERAÇÃO DE ÁREA

LAVRA DE ROCHA PARA USO


IMEDIATO NA CONSTRUÇÃO
CIVIL- A CÉU ABERTO, SEM Poligonal útil de 5,01 até de 10,01 de 20,01
530,08 Médio até 5 demais
BRITAGEM E COM (ha) 10 até 20 até 40
RECUPERAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA
LAVRA DE SAIBRO- A CÉU
Poligonal útil de 2,51 até de 5,01 até de 10,01
530,10 ABERTO E COM RECUPERAÇÃO Médio até 2,5 demais
(ha) 5 10 até 25
DE ÁREA DEGRADADA

LAVRA DE ARGILA - A CÉU


Poligonal útil de 2,51 até de 5,01 até de 10,01
530,11 ABERTO E COM RECUPERAÇÃO Médio até 2,5 demais
(ha) 5 10 até 25
DE ÁREA DEGRADADA

LAVRA DE AREIA E/OU


Poligonal útil de 10,01 de 25,01 de 50,01
530,12 CASCALHO, EM RECURSO Alto até 10,00 demais
(ha) até 25 até 50 até 100
HIDRICO SUPERFICIAL

LAVRA DE AREIA - A CÉU


ABERTO, FORA DE RECURSO
Poligonal útil de 5,01 até de 10,01 de 25,01
530,13 HIDRICO SUPERFICIAL E COM Alto até 5 demais
(ha) 10 até 25 até 50
RECUPERAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA

LAVRA DE AREIA INDUSTRIAL- A


CÉU ABERTO, COM Poligonal útil de 5,01 até de 10,01 de 25,01
530,14 Alto até 5 demais
RECUPERAÇÃO DE ÁREA (ha) 10 até 25 até 50
DEGRADADA
9

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

LAVRA DE AREIA E OU
CASCALHO EM BARRAS DE
Poligonal útil de 5,01 até de 10,01 de 20,01
530,15 SEDIMENTO – EM RECURSO Alto até 5 demais
(ha) 10 até 20 até 50
HÍDRICO E COM RECUPERAÇÃO
DE ÁREA DEGRADADA

LAVRA DE FOSFATO - A CÉU


Poligonal útil de 25,01 de 50,01 de 100,01
531,01 ABERTO E COM RECUPERAÇÃO Alto até 25 demais
(ha) até 50 até 100 até 120
DE ÁREA DEGRADADA

LAVRA SUBTERRÂNEA COM


RECUPERAÇÃO DE ÁREA

LAVRA DE
CARVÃO/TURFA/COMBUSTÍVEIS
Poligonal útil de 25,01 de 50,01 de 100,01
540,02 MINERAIS, SUBTERRANEA E Alto até 25 demais
(ha) até 50 até 100 até 120
COM RECUPERAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA

LAVRA DE MINÉRIO METÁLICO


(COBRE/OURO/CHUMBO/ETC),
Poligonal útil de 25,01 de 50,01 de 100,01
540,03 SUBTERRÂNEA E COM Alto até 25 demais
(ha) até 50 até 100 até 120
RECUPERAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA

LAVRA DE
GEMAS(AGATA/AMETISTA/ETC),
Poligonal útil de 2,51 até de 5,01 até de 10,01
540,04 SUBTERRÂNEA E COM Alto até 2,5 demais
(ha) 5 10 até 20
RECUPERAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA

BENEFICIAMENTO (BRITAGEM) Poligonal útil de 2,51 até de 5,01 até de 10,01


1010,21 Médio até 2,5 demais
DE RECURSOS MINERAIS (ha) 5 10 até 20

550,00 DRAGAS - CLASSE I OU II Não se aplica Médio Único


INDÚSTRIA
INDUSTRIA DE MINERAIS NÃO-
METÁLICOS
BENEFICIAMENTO

BENEFICIAMENTO DE MINERAIS de
de 250,01 de 2000,01
1010,10 NAO-METÁLICOS, COM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TINGIMENTO 40000,00

BENEFICIAMENTO DE MINERAIS de
de 250,01 de 2000,01
1010,20 NAO-METÁLICOS, SEM Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TINGIMENTO 40000,00

FABRICAÇÃO DE CAL de
de 250,01 de 2000,01
1020,00 VIRGEM/HIDRATADA OU Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
EXTINTA 40000,00

FABRICAÇÃO DE
TELHAS/TIJOLOS/OUTROS
ARTIGOS DE BARRO COZIDOS

FABRICAÇÃO DE
de
TELHAS/TIJOLOS/OUTROS de 250,01 de 2000,01
1030,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ARTIGOS DE BARRO COZIDO, a 2000,00 a 10000,00
40000,00
COM TINGIMENTO

FABRICAÇÃO DE
de
TELHAS/TIJOLOS/OUTROS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1030,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
ARTIGOS DE BARRO COZIDO, a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
SEM TINGIMENTO

FABRICAÇÃO DE MATERIAL
CERÂMICO

FABRICAÇÃO DE MATERIAL de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1040,10 CERÂMICO DE PORCELANA OU Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
REFRATÁRIO 40000,00
FABRICAÇÃO DE
CIMENTO/CLINQUER
de
de 250,01 de 2000,01
1050,10 FABRICAÇÃO DE CIMENTO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 2000,01
1050,20 FABRICAÇÃO DE CLINQUER Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
10

FABRICAÇÃO DE
de
PECAS/ORNATOS/ESTRUTURAS/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1051,00 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
PRE-MOLDADOS DE CIMENTO, a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
CONCRETO, GESSO

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1052,00 FABRICAÇÃO DE ARGAMASSA Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
USINA DE PRODUÇÃO DE de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1053,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
CONCRETO a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE VIDRO E
CRISTAL
de
FABRICAÇÃO DE VIDRO E de 250,01 de 2000,01
1060,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
CRISTAL a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
ELABORAÇÃO DE ARTEFATOS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1060,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
DE VIDRO E CRISTAL a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE LÃ DE VIDRO
de
FABRICAÇÃO DE LÃ DE VIDRO E de 250,01 de 2000,01
1061,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ASSEMELHADOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE de 250,01 de 2000,01
1061,20 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
FIBRA DE VIDRO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 2000,01
1062,00 FABRICAÇÃO DE ESPELHOS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
INDÚSTRIA METALURGICA
BÁSICA
INDÚSTRIA SIDERURGICA
de
FABRICAÇÃO DE AÇO E de 250,01 de 2000,01
1110,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
PRODUTOS SIDERÚRGICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE OUTROS de 250,01 de 2000,01
1110,20 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
METAIS E SUAS LIGAS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
METALURGIA DOS METAIS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1110,21 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
PRECIOSOS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
DE MAETAIS NÃO FERROSOS

FABRICACAO DE de
de 250,01 de 2000,01
1111,10 LAMINADOS/LIGAS/ARTEFATOS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE METAIS NÃO FERROSOS 40000,00

de
RELAMINAÇÃO DE METAIS NÃO de 250,01 de 2000,01
1111,20 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
FERROSOS, INCLUSIVE LIGAS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
PRODUÇÃO DE SOLDAS E de 250,01 de 2000,01
1110,30 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ANODOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
PRODUÇÃO DE FUNDIDOS
PRODUÇÃO DE FUNDIDOS DE de
de 250,01 de 2000,01
1112,10 FERRO E AÇO/FORJADOS/ Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ARAMES/RELAMINADOS 40000,00
de
PRODUÇÃO DE FUNDIDOS DE de 250,01 de 2000,01
1112,20 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
OUTROS METAIS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
PRODUÇÃO DE FUNDIDOS DE de 250,01 de 2000,01
1112,21 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ALUMÍNIO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
PRODUÇÃO DE FUNDIDOS DE de 250,01 de 2000,01
1112,22 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
CHUMBO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
METALURGIA DO PÓ, INCLUSIVE de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1113,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
PEÇAS MOLDADAS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
METALÚRGICOS
FABRICAÇÃO DE
ESTRUTURAS/ARTEFATOS/RECI
PIENTES/OUTROS METÁLICOS
11

FABRICAÇÃO DE ESTRUTURAS/
ARTEFATOS/ RECIPIENTES/ de
de 250,01 de 2000,01
1121,10 OUTROS METALÍCOS,COM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E 40000,00
COM PINTURA

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

FABRICAÇÃO DE ESTRUTURAS/
ARTEFATOS/ RECIPIENTES/ de
de 250,01 de 2000,01
1121,20 OUTROS METALÍCOS, COM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO DE SUPERFICIE E 40000,00
SEM PINTURA

FABRICAÇÃO DE ESTRUTURAS/
ARTEFATOS/ RECIPIENTES/
de
OUTROS METALÍCOS, SEM de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1121,30 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
COM PINTURA (EXCETO A
PINCEL)

FABRICAÇÃO DE ESTRUTURAS/
ARTEFATOS/ RECIPIENTES/ de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1121,40 OUTROS METALÍCOS, SEM Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E 40000,00
COM PINTURA A PINCEL

FABRICAÇÃO DE ESTRUTURAS/
ARTEFATOS/ RECIPIENTES/ de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1121,50 OUTROS METALÍCOS, SEM Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E 40000,00
SEM PINTURA

de
de 250,01 de 2000,01
1122,00 GALVANIZAÇÃO A FOGO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FUNILARIA,ESTAMPARIA E
LATOARIA

FUNILARIA, ESTAMPARIA E de
de 250,01 de 2000,01
1123,10 LATOARIA, COM TRATAMENTO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE SUPERFÍCIE E COM PINTURA 40000,00

FUNILARIA, ESTAMPARIA E de
de 250,01 de 2000,01
1123,20 LATOARIA, COM TRATAMENTO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE SUPERFÍCIE E SEM PINTURA 40000,00

FUNILARIA, ESTAMPARIA E
de
LATOARIA, SEM TRATAMENTO de 250,01 de 2000,01
1123,30 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
DE SUPERFÍCIE E COM PINTURA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
(EXCETO A PINCEL)

FUNILARIA, ESTAMPARIA E
de
LATOARIA, SEM TRATAMENTO de 250,01 de 2000,01
1123,40 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
DE SUPERFÍCIE E COM PINTURA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
A PINCEL

FUNILARIA, ESTAMPARIA E de
de 250,01 de 2000,01
1123,50 LATOARIA, SEM TRATAMENTO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE SUPERFÍCIE E SEM PINTURA 40000,00

TEMPERA E CEMENTAÇÃO DE de
de 250,01 de 2000,01
1130,00 AÇO, RECOZIMENTO DE Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ARAMES 40000,00
RECUPERAÇÃO DE
de
EMBALAGENS METÁLICAS E de 250,01 de 2000,01
1140,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
PLÁSTICAS DE PRODUTOS OU a 2000,00 a 10000,00
40000,00
RESÍDUOS NÃO PERIGOSOS

RECUPERAÇÃO/DESCONTAMINA
de
ÇÃO DE EMBALAGENS E de 250,01 de 2000,01
1141,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
TANQUES DE PRODUTOS OU a 2000,00 a 10000,00
40000,00
RESÍDUOS PERIGOSOS

INDÚSTRIA MECÂNICA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS,
PEÇAS E ACESSÓRIOS
12

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
1210,10 APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
Alterado pela ACESSÓRIOS, COM TRATAMENTO de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 TÉRMICO, COM FUNDIÇÃO E COM
PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, de
de 250,01 de 2000,01
1210,10 PEÇAS E ACESSÓRIOS, COM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO SUPERFÍCIE , 40000,00
COM FUNDIÇÃO E COM PINTURA

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
1210,20 APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
Alterado pela ACESSÓRIOS, COM TRATAMENTO de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 TÉRMICO, COM FUNDIÇÃO E SEM
PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, de
de 250,01 de 2000,01
1210,20 PEÇAS E ACESSÓRIOS, COM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO SUPERFÍCIE , 40000,00
COM FUNDIÇÃO E SEM PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
1210,30 APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
Alterado pela ACESSÓRIOS, COM TRATAMENTO de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 TÉRMICO, SEM FUNDIÇÃO E SEM
PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, de
de 250,01 de 2000,01
1210,30 PEÇAS E ACESSÓRIOS, COM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO SUPERFÍCIE, SEM 40000,00
FUNDIÇÃO E SEM PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
1210,40 ACESSÓRIOS, COM TRATAMENTO
Alterado pela SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução TÉRMICO, SEM FUNDIÇÃO E COM 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS,
PEÇAS E ACESSÓRIOS, COM de
de 250,01 de 2000,01
1210,40 TRATAMENTO SUPERFÍCIE, SEM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
FUNDIÇÃO E COM PINTURA 40000,00

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
1210,50 APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
Alterado pela ACESSÓRIOS, SEM TRATAMENTO de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 TÉRMICO, COM FUNDIÇÃO E COM
PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, de
de 250,01 de 2000,01
1210,50 PEÇAS E ACESSÓRIOS, SEM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO SUPERFÍCIE, COM 40000,00
FUNDIÇÃO E COM PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
1210,60 APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
Alterado pela ACESSÓRIOS, SEM TRATAMENTO de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01 Demais
Área útil (m²) Médio até 250,00
Resolução SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 TÉRMICO, SEM FUNDIÇÃO E COM
PINTURA
13

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, de Demais
de 250,01 de 2000,01
1210,60 PEÇAS E ACESSÓRIOS, SEM Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO SUPERFÍCIE, SEM 40000,00
FUNDIÇÃO E COM PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
1210,70 APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
Alterado pela ACESSÓRIOS, SEM TRATAMENTO de 250,0100 de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO a 2000,0000 10000,00 a 40000,00
403/2019 TÉRMICO, COM FUNDIÇÃO E SEM
PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, de
de 250,01 de 2000,01
1210,70 PEÇAS E ACESSÓRIOS, SEM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO SUPERFÍCIE, COM 40000,00
FUNDIÇÃO E SEM PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
1210,80 APARELHOS, UTENSÍLIOS, PEÇAS E
Alterado pela ACESSÓRIOS, SEM TRATAMENTO de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
Resolução SUPERFÍCIE INCLUSIVE TRATAMENTO 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 TÉRMICO, SEM FUNDIÇÃO E SEM
PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÁQUINAS,
APARELHOS, UTENSÍLIOS, de
de 250,01 de 2000,01
1210,80 PEÇAS E ACESSÓRIOS, SEM Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO SUPERFÍCIE, SEM 40000,00
FUNDIÇÃO E SEM PINTURA

FABRICAÇÃO DE UTENSÍLIOS,
PEÇAS E ACESSÓRIOS
FABRICAÇÃO DE UTENSÍLIOS,
PEÇAS E ACESSÓRIOS, COM de
de 250,01 de 2000,01
1221,00 MICROFUSÃO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

FABRICAÇÃO DE
AUTOPEÇAS/MOTOPEÇAS
de
FABRICAÇÃO DE CHASSIS PARA de 250,01 de 2000,01
1224,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
VEÍCULOS AUTOMOTORES a 2000,00 a 10000,00
40000,00
INDÚSTRIA DE MATERIAL
ELÉTRICO, ELETRÔNICO,
COMUNICAÇÕES

FABRICAÇÃO DE MATERIAL
ELÉTRICO-
ELETRÔNICO/EQUIPAMENTOS
P/COMUNICAÇÃO/INFORMÁTICA

FABRICAÇÃO DE MATERIAL
ELÉTRICO- ELETRÔNICO/ de
de 250,01 de 2000,01
1310,10 EQUIPAMENTOS PARA Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
COMUNICAÇÃO/ INFORMÁTICA, 40000,00
COM TRATAMENTO SUPERFÍCIE

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

FABRICAÇÃO DE MATERIAL
ELÉTRICO- ELETRÔNICO/ de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1310,20 EQUIPAMENTOS PARA Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
COMUNICAÇÃO/ INFORMÁTICA, 40000,00
SEM TRATAMENTO SUPERFÍCIE

FABRICAÇÃO DE de
de 250,01 de 2000,01
1320,00 PILHAS/BATERIAS E OUTROS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ACUMULADORES 40000,00

de
de 250,01 de 2000,01
1321,00 RECUPERAÇÃO DE BATERIAS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE APARELHOS
ELÉTRICOS E
ELETRODOMÉSTICOS
14

FABRICAÇÃO DE APARELHOS
de
ELÉTRICOS E de 250,01 de 2000,01
1330,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ELETRODOMÉSTICOS, COM a 2000,00 a 10000,00
40000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE

FABRICAÇÃO DE APARELHOS
de
ELÉTRICOS E de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1330,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
ELETRODOMÉSTICOS, SEM a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE
de
de 250,01 de 2000,01
1340,00 FABRICAÇÃO DE LÂMPADAS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

INDÚSTRIA DE MATERIAL DE
TRANSPORTE

FABRICAÇÃO, MONTAGEM E
REPARAÇÃO DE VEÍCULOS

RODOVIÁRIOS

1411,10 FABRICAÇÃO, MONTAGEM E


Alterado pela REPARAÇÃO DE VEÍCULOS de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução AUTOMOTORES / TRAILLERS E 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 REBOQUES

FABRICAÇÃO, MONTAGEM E de
de 250,01 de 2000,01
1411,10 REPARAÇÃO DE VEÍCULOS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
AUTOMOTORES / TRAILLERS 40000,00

FERROVIÁRIOS

1412,10
FABRICAÇÃO, MONTAGEM E
Alterado pela de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
REPARAÇÃO DE TRENS, Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução 2000,00 10000,00 a 40000,00
LOCOMOTIVAS, VAGÕES
403/2019

de
FABRICAÇÃO, MONTAGEM DE de 250,01 de 2000,01
1412,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
TRENS, LOCOMOTIVAS, VAGÕES a 2000,00 a 10000,00
40000,00
1412,20 MANUTENÇÃO E
Excluído pela de 250,01 de 500,01 de 1000,01
ABASTECIMENTO DE Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
Resolução a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
403/2019 LOCOMOTIVAS

AEROVIÁRIOS
1413,10
Alterado pela FABRICAÇÃO, MONTAGEM E de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução REPARAÇÃO DE AERONAVES 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019
de
FABRICAÇÃO, E MONTAGEM DE de 250,01 de 2000,01
1413,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
AERONAVES a 2000,00 a 10000,00
40000,00

HIDROVIÁRIOS

FABRICAÇÃO, MONTAGEM E
de
REPARAÇÃO DE de 250,01 de 2000,01
1414,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
EMBARCAÇÕES/ ESTRUTURAS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FLUTUANTES

1415,00
FABRICAÇÃO, MONTAGEM E
Alterado pela de 250,01 a de 2000,01 a de 10000,01
REPARAÇÃO DE TRATORES E Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução 2000,00 10000,00 a 40000,00
MÁQUINAS DE TERRAPLANAGEM
403/2019

FABRICAÇÃO E MONTAGEM DE de
de 250,01 de 2000,01
1415,00 TRATORES E MÁQUINAS DE Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
TERRAPLANAGEM 40000,00

INDÚSTRIA DE MADEIRA

SERRARIA E DESDOBRAMENTO
DA MADEIRA

de
SERRARIA E DESDOBRAMENTO de 250,01 de 2000,01
1510,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
COM TRATAMENTO DE MADEIRA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
SERRARIA E DESDOBRAMENTO de 250,01 de 2000,01
1510,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
SEM TRATAMENTO DE MADEIRA a 2000,00 a 10000,00
40000,00

BENEFICIAMENTE E/OU
TRATAMENTO DE MADEIRA

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de
PRESERVAÇÃO/TRATAMENTO de 250,01 de 2000,01
1520,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
DE MADEIRA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
15

de
de 250,01 de 2000,01
1520,20 SECAGEM DE MADEIRA Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FARICAÇÃO DE
PLACAS/CHAPAS MADEIRA
AGLOMERADA/PRENSADA/COM
PENSADA

FABRICAÇÃO DE PLACAS/
CHAPAS MADEIRA
de
AGLOMERADA/ PRENSADA/ de 250,01 de 2000,01
1530,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
COMPENSADA COM UTILIZAÇÃO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
DE RESINAS ( MDF, MDP E
OUTRAS )

FABRICAÇÃO DE PLACAS/
CHAPAS MADEIRA de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1530,20 AGLOMERADA/ PRENSADA/ Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
COMPENSADA SEM UTILIZAÇÃO 40000,00
DE RESINAS

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS/ de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1540,00 ESTRUTURAS DE MADEIRA Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
(EXCETO MÓVEIS) 40000,00

de
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1540,10 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
CORTIÇA a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1540,20 BAMBU/ VIME/ JUNCO/ PALHA Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
TRANCADA (EXCETO MÓVEIS) 40000,00

INDÚSTRIA DE MÓVEIS

FABRICAÇÃO DE MÓVEIS COM


de
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E de 250,01 de 2000,01
1611,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
COM PINTURA (EXCETO A a 2000,00 a 10000,00
40000,00
PINCEL)

FABRICAÇÃO DE MÓVEIS, COM de


de 250,01 de 2000,01
1611,20 TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
SEM PINTURA 40000,00

FABRICAÇÃO DE MÓVEIS, SEM


de
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1611,30 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
COM PINTURA (EXCETO A a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
PINCEL)

1611,40 FABRICAÇÃO DE MÓVEIS, SEM


Alterado pela de 250,01 a de 1000,01 a de 2000,01 a de 10000,01
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E COM Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
Resolução 1000,00 2000,00 10000,00 a 40000,00
375/2018 PINTURA A PINCEL OU SEM PINTURA

FABRICAÇÃO DE MÓVEIS, SEM


de
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE E de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1611,40 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
COM PINTURA A PINCEL OU SEM a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
PINTURA

FABRICAÇÃO DE ESTOFADOS E
COLCHÕES

FABRICAÇÃO DE
de
COLCHÕES/ESTOFADOS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1640,10 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
(EXCETO FABRIÇÃO DE a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
ESPUMA)

INDÚSTRIA DE PAPEL E
CELULOSE
de
de 250,01 de 2000,01
1710,00 FABRICAÇÃO DE CELULOSE Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE PAPEL, de
de 250,01 de 2000,01
1720,00 PAPELÃO, CARTOLINA E Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
CARTÃO 40000,00
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS
DE PAPEL/ PAPELÃO/
CARTOLINA/CARTÃO

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
16

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE
PAPEL/ PAPELÃO/ CARTOLINA/ de
de 250,01 de 2000,01
1721,10 CARTÃO, COM OPERAÇÕES Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
MOLHADAS OU SECAS, COM 40000,00
IMPRESSÃO GRÁFICA

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE
PAPEL/ PAPELÃO/ CARTOLINA/ de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
1721,22 CARTÃO, COM OPERAÇÕES Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
SECAS, SEM IMPRESSAO 40000,00
GRÁFICA

INDÚSTRIA DA BORRACHA
de de
BENEFICIAMENTO DE de 2000,01
1810,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 250,0100 a 10000,01 a demais
BORRACHA NATURAL a 10000,00
2000,0000 40000,00
FABRICAÇÃO DE ARTIGOS/ de
de 250,01 de 2000,01
1820,00 ARTEFATOS DIVERSOS DE Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
BORRACHA 40000,00
de
FABRICAÇÃO DE PNEUMÁTICO/ de 250,01 de 2000,01
1820,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
CÂMARA DE AR a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE LAMINADOS E de 250,01 de 2000,01
1820,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
FIOS DE BORRACHA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE de
de 250,01 de 2000,01
1820,30 ESPUMA/ARTEFATOS DE Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ESPUMA, INCLUSIVE LATEX 40000,00
de
RECUPERAÇÃO DE SUCATA DE de 250,01 de 2000,01
1830,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
BORRACHA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
RECONDICIONAMENTO DE de 250,01 de 2000,01
1840,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
PNEUMÁTICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
INDÚSTRIA DE COUROS E
PELES
SECAGEM E SALGA DE COUROS de
de 250,01 de 2000,01
1910,00 E PELES (SOMENTE ZONA Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
RURAL) 40000,00
CURTIMENTO E OUTRAS
PREPARAÇÕES COUROS E
PELES
CURTIMENTO

PELES BOVINAS/SUÍNAS/
CAPRINAS E EQUINAS

CURTIMENTO DE PELES
de
BOVINAS/ SUÍNAS/ CAPRINAS E de 250,01 de 2000,01
1921,11 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
EQUINAS - CURTUME a 2000,00 a 10000,00
40000,00
COMPLETO

CURTIMENTO DE PELES
de
BOVINAS/ SUÍNAS/ CAPRINAS E de 250,01 de 2000,01
1921,12 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
EQUINAS - ATE WET BLUE OU a 2000,00 a 10000,00
40000,00
ATANADO
de
de 250,01 de 2000,01
1921,20 CURTIMENTO DE PELE OVINA Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

ACABAMENTO

ACABAMENTO DE COUROS, A de
de 250,01 de 2000,01
1922,10 PARTIR DE WET BLUE OU Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ATANADO 40000,00

ACABAMENTO DE COUROS, A de
de 250,01 de 2000,01
1922,20 PARTIR DE COURO SEMI- Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ACABADO 40000,00

de
de 250,01 de 2000,01
1930,00 FABRICAÇÃO DE COLA ANIMAL Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS de
de 250,01 de 2000,01
1940,00 DIVERSOS DE COUROS E PELES Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
(EXCETO CALÇADO) 40000,00
de
FABRICAÇÃO DE OSSOS PARA de 250,01 de 2000,01
1940,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
CÃES a 2000,00 a 10000,00
40000,00
INDÚSTRIA QUÍMICA
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de
PRODUÇÃO DE SUBSTÂNCIAS de 250,01 de 2000,01
2010,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
QUÍMICAS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
17

de
PRODUÇÃO DE GASES de 250,01 de 2000,01
2010,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
INDUSTRIAIS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE PRODUTOS de 250,01 de 2000,01
2020,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
QUÍMICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE POLVORA/
de
EXPLOSIVO/ DETONANTE/ de 250,01 de 2000,01
2020,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
FÓSFORO/ MUNIÇÃO/ ARTIGOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
PIROTÉCNICOS

FABRICAÇÃO DE
de
CONCENTRADO AROMÁTICO de 250,01 de 2000,01
2020,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
NATURAL/ ARTIFICIAL/ a 2000,00 a 10000,00
40000,00
SINTÉTICO/ MESCLA

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS DE de
de 250,01 de 2000,01
2020,30 LIMPEZA/ POLIMENTO/ Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DESINFETANTE 40000,00

de
FABRICAÇÃO DE FERTILIZANTES de 250,01 de 2000,01
2020,40 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
E AGROQUÍMICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 2000,01
2020,41 MISTURA DE FERTILIZANTES Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE ÁLCOOL de 250,01 de 2000,01
2020,50 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ETÍLICO, METANOL E SIMILARES a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FRACIONAMENTO DE de 250,01 de 2000,01
2021,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
PRODUTOS QUÍMICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
RECUPERAÇÃO DE PRODUTOS de 250,01 de 2000,01
2030,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
QUÍMICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 2000,01
2040,00 RECUPERAÇÃO DE METAIS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

FABRICAÇÃO DE BIOCIDAS E
AGROTÓXICOS

de
FABRICAÇÃO DE INSETICIDAS, de 250,01 de 2000,01
2051,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
GERMICIDAS E/OU FUNGICIDAS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE AGROTÓXICOS de 250,01 de 2000,01
2052,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
BIOLÓGICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE AGROTÓXICOS de 250,01 de 2000,01
2052,20 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
NAO BIOLÓGICOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
PETRÓLEO ROCHA E MADEIRA

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
de
DERIVADOS DO de 250,01 de 2000,01
2061,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
PROCESSAMENTO DE a 2000,00 a 10000,00
40000,00
PETRÓLEO

de
de 250,01 de 2000,01
2062,00 REFINARIA DE PETRÓLEO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
PRODUÇÃO DE RESINAS DE de 250,01 de 2000,01
2063,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
MADEIRA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 2000,01
2064,00 EXTRAÇÃO DE TANINO VEGETAL Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

USINA DE ASFALTO E
CONCRETO ASFALTÍCO

USINA DE ASFALTO E
de 250,01 de 500,01 de 1000,01
2065,10 CONCRETO ASFALTÍCO, A Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
QUENTE

USINA DE ASFALTO E de 250,01 de 500,01 de 1000,01


2065,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
CONCRETO ASFALTÍCO, A FRIO a 500,00 a 1000,00 a 5000,00

RECUPERAÇÃO/REFINO DE
SOLVENTES, ÓLEOS MINERAIS/
VEGETAIS/ ANIMAIS

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
18

PRODUÇÃO DE ÓLEO/
GORDURA/ CERA VEGETAL/ de
de 250,01 de 2000,01
2066,00 ANIMAL/ ESSENCIAL OU OUTRO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
PRODUTO DA DESTILAÇÃO DA 40000,00
MADEIRA
de
RE-REFINO DE ÓLEOS de 250,01 de 2000,01
2067,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
LUBRIFICANTES a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 2000,01
2067,20 RECUPERAÇÃO DE SOLVENTES Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 2000,01
2067,30 RECUPERAÇÃO DE ÓLEOS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
MISTURA DE GRAXAS de 250,01 de 2000,01
2068,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
LUBRIFICANTES a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE RESINAS/ de
de 250,01 de 2000,01
2070,00 ADESIVOS/ FIBRAS/ FIOS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ARTIFICIAIS E SINTÉTICOS 40000,00
FABRICAÇÃO DE TINTA
de
ESMALTE/ LACA/ VERNIZ/ de 250,01 de 2000,01
2080,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
IMPERMEABILIZANTE/ a 2000,00 a 10000,00
40000,00
SOLVENTE/ SECANTE
de
FABRICAÇÃO DE TINTA COM de 250,01 de 2000,01
2080,10 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
PROCESSAMENTO A SECO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE COMBUSTÍVEIS de 250,01 de 2000,01
2090,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
NÃO DERIVADOS DO PETRÓLEO a 2000,00 a 10000,00
40000,00

INDÚSTRIA DE PRODUTOS
FARMACÊUTICOS E
VETERINÁRIOS

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS de
de 250,01 de 2000,01
2110,00 FARMACÊUTICOS E/OU Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
FARMOQUÍMICOS 40000,00

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS DE de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2110,10 HIGIENE PESSOAL Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
DESCARTÁVEIS 40000,00

de
FABRICAÇÃO DE PRODUTOS de 250,01 de 2000,01
2120,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
VETERINÁRIOS a 2000,00 a 10000,00
40000,00

INDÚSTRIA DE PERFUMARIAS/
SABÕES E VELAS

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS DE de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2210,00 PERFUMARIA E/OU Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
COSMÉTICOS 40000,00
de
FABRICAÇÃO DE SABÕES, COM de 250,01 de 2000,01
2220,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
EXTRAÇÃO DE LANOLINA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE SABÕES, SEM de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2220,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
EXTRAÇÃO DE LANOLINA a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE SEBO de 250,01 de 2000,01
2221,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
INDUSTRIAL a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2230,00 FABRICAÇÃO DE DETERGENTES Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2240,00 FABRICAÇÃO DE VELAS Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
INDÚSTRIA DE PRODUTOS DE
MATÉRIA PLÁSTICA

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS
DE MATERIAL PLÁSTICO

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE
2310,10 MATERIAL PLÁSTICO, COM de
de 250,01 de 2000,01
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
19

2310,21 FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE


Alterado pela MATERIAL PLÁSTICO, SEM de 250,01 a de 1000,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
Resolução TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE, COM 1000,00 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 IMPRESSÃO GRÁFICA

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE
MATERIAL PLÁSTICO, SEM de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2310,21 TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE, Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
COM IMPRESSÃO GRÁFICA E OU 40000,00
METALIZAÇÃO

2310,22 FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE


Alterado pela MATERIAL PLÁSTICO, SEM de 250,01 a de 1000,01 a de 2000,01 a de 10000,01
Área útil (m²) Baixo até 250,00 demais
Resolução TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE, SEM 1000,00 2000,00 10000,00 a 40000,00
403/2019 IMPRESSÃO GRÁFICA

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE
MATERIAL PLÁSTICO, SEM de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2310,22 TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE, Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
SEM IMPRESSÃO GRÁFICA E OU 40000,00
METALIZAÇÃO

FABRICAÇÃO DE CANOS, TUBOS de


de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2320,00 E CONEXÕES E/OU LAMINADOS Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
PLÁSTICOS 40000,00
de
FABRICAÇÃO DE PRODUTOS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2330,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
ACRÍLICOS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
INDÚSTRIA TÊXTIL
BENEFICIAMENTO
BENEFICIAMENTO DE FIBRAS
TÉXTEIS
BENEFICIAMENTO DE FIBRAS de
de 250,01 de 2000,01
2411,10 TEXTEIS VEGETAIS E/OU Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ARTIFICIAIS/ SINTÉTICAS 40000,00

BENEFICIAMENTO DE MATERIAS
TEXTEIS DE ORIGEM ANIMAL

BENEFICIAMENTO DE MATERIAS de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2412,10 TEXTEIS DE ORIGEM ANIMAL, Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
COM LAVAGEM DE LÃ 40000,00

BENEFICIAMENTO DE MATERIAS de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2412,20 TEXTEIS DE ORIGEM ANIMAL, Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
SEM LAVAGEM DE LÃ 40000,00

FIAÇÃO E/OU TECELAGEM


FIAÇÃO E/OU TECELAGEM, COM de
TINGIMENTO de 250,01 de 2000,01
2420,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FIAÇÃO E/OU TECELAGEM, SEM de
TINGIMENTO de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2420,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE TECIDOS
ESPECIAIS
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de
FABRICAÇÃO DE ESTOPA/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2440,00 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
MATERIAL PARA ESTOFO a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00

INDÚSTRIA DE CALÇADO /
VESTUÁRIO / ARTEFATOS DE
TECIDOS

de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2510,00 FABRICAÇÃO DE CALÇADOS Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS/
COMPONENTES PARA
CALÇADOS

FABRICAÇÃO DE
de
ARTEFATOS/COMPONENTES de 250,01 de 2000,01
2511,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
PARA CALÇADOS, COM a 2000,00 a 10000,00
40000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE
20

FABRICAÇÃO DE
de
ARTEFATOS/COMPONENTES de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2511,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
PARA CALÇADOS, SEM a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE

de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2512,00 ATELIER DE CALÇADOS Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
CONFECÇÕES
de
FABRICAÇÃO DE VESTUÁRIO / de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2520,10 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
MALHARIA a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE ROUPAS de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2520,11 CIRÚRGICAS E PROFISSIONAIS Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
DESCARTÁVEIS 40000,00
FABRICAÇÃO DE COLCHAS,
de
ACOLCHOADOS E OUTROS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2520,20 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
ARTIGOS DE DECORAÇÃO EM a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
TECIDO
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS
DE TECIDOS
de
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE de 250,01 de 2000,01
2530,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
TECIDO, COM TINGIMENTO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2530,20 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
TECIDO, SEM TINGIMENTO a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
TINGIMENTO DE ROUPA/ PEÇA/ de 250,01 de 2000,01
2540,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ARTEFATOS DE TECIDO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
ESTAMPARIA/ OUTRO
de
ACABAMENTO EM ROUPA/ PEÇA/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2550,00 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
TECIDOS/ ARTEFATOS DE a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
TECIDO, EXCETO TINGIMENTO
INDÚSTRIA DE PRODUTOS
ALIMENTARES
BENEFICIAMENTO DE GRÃOS
2611,20
LIMPEZA, SECAGEM E/OU
Alterado pela de 250,01 a de 1000,01 a de 5000,01 a de 10000,01
ARMAZENAGEM DE GRÃOS EM ZONA Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
Resolução 1000,00 5000,00 10000,00 a 40000,00
URBANA
403/2019
LIMPEZA, SECAGEM E/OU
de
ARMAZENAGEM DE de 250,01 de 1000,01 de 5000,01
2611,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
GRÃOS/SEMENTES EM ZONA a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
URBANA
2611,30
Alterado pela Área das
Resolução LIMPEZA, SECAGEM E/OU
estruturas de
403/2019 ARMAZENAGEM DE GRÃOS EM ZONA de 10,1 a
limpeza, secagem Médio até 2,5 de 2,5 a 4,0 de 4,1 a 7,5 de 7,6 a 10,0 demais
3510,30 RURAL INCLUINDO A DESTINAÇÃO DO 15,0
e armazenagem
Alterado pela RESÍDUO
(ha)
Resolução
379/2018
Área das
LIMPEZA, SECAGEM E/OU
estruturas de
ARMAZENAGEM DE
limpeza, de 2,5 a de 4,1 a de 7,6 a de 10,1 a
2611,30 GRÃOS/SEMENTES EM ZONA Médio até 2,5 demais
secagem e 4,0 7,5 10,0 15,0
RURAL INCLUINDO A
armazenagem
DESTINAÇÃO DO RESÍDUO
(ha)
de
TORREFAÇÃO E/OU MOAGEM DE de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2612,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
GRÃOS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
ENGENHOS
ENGENHO DE ARROZ
de
ENGENHO DE ARROZ COM de 250,01 de 2000,01
2614,11 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
PARBOILIZAÇÃO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
ENGENHO DE ARROZ SEM de
PARBOILIZAÇÃO de 250,01 de 2000,01
2614,12 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
BENEFICIAMENTO DE
SEMENTES COM UTILIZAÇÃO DE de
AGROTÓXICOS COM FINS de 250,01 de 2000,01
2616,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
COMERCIAIS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
21

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS DE
ORIGEM ANIMAL

MATADOUROS/ABATEDOUROS
MATADOUROS/ ABATEDOUROS,
COM FABRICAÇÃO DE de
EMBUTIDOS OU de 250,01 de 5000,01
2621,11 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
INDUSTRIALIZAÇÃO DE CARNES a 5000,00 a 10000,00
40000,00

MATADOUROS/ ABATEDOUROS,
SEM FABRICAÇÃO DE de
EMBUTIDOS OU de 250,01 de 5000,01
2621,12 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
INDUSTRIALIZAÇÃO DE CARNES a 5000,00 a 10000,00
40000,00

PROCESSAMENTO DE
PRODUTOS DE ABATE

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

FABRICAÇÃO DE DERIVADOS DE
ORIGEM ANIMAL , INCLUINDO
de
FABRICAÇÃO DE EMBUTIDOS de 250,01 de 1000,01 de 5000,01
2622,10 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
E/OU PREPARAÇÃO DE CARNE E a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
BENEFICIAMENTO DE TRIPAS
SEM ABATE

PRODUÇÃO DE BANHA E de
de 250,01 de 5000,01
2622,40 GORDURAS ANIMAIS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 5000,00 a 10000,00
COMESTÍVEIS 40000,00
FABRICAÇÃO DE RAÇÃO
BALANCEADA / FARINHA DE
OSSO / PENA / ALIMENTOS
PARA ANIMAIS

FABRICAÇÃO DE RAÇÃO
BALANCEADA/ FARINHA DE de
de 250,01 de 2000,01
2623,10 OSSO/ PENA/ ALIMENTOS PARA Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ANIMAIS, COM COZIMENTO E/OU 40000,00
COM DIGESTÃO

FABRICAÇÃO DE RAÇÃO
BALANCEADA/ FARINHA DE
de
OSSO/ PENA/ ALIMENTOS PARA de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2623,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
ANIMAIS, SEM COZIMENTO E/OU a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
SEM DIGESTÃO (SOMENTE
MISTURA)
PESCADO

PREPARAÇÃO DE PESCADO/ de
de 250,01 de 5000,01
2624,10 FABRICAÇÃO DE CONSERVAS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 5000,00 a 10000,00
DE PESCADO 40000,00

de
de 250,01 de 1000,01 de 5000,01
2624,20 SALGAMENTO DE PESCADO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 1000,01 de 5000,01
2624,30 ARMAZENAMENTO DE PESCADO Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
LATICÍNIOS

BENEFICIAMENTO E
de
INDUSTRIALIZAÇÃO DE LEITE de 250,01 de 1000,01 de 5000,01
2625,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
E/OU SEUS DERIVADOS, a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
EXCETO PREPARAÇÃO DE LEITE
de
de 250,01 de 1000,01 de 5000,01
2625,30 PREPARAÇÃO DE LEITE Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
de
POSTO DE RESFRIAMENTO DE de 100,01 de 250,01 de 5000,01
2625,40 Área útil (m²) Médio até 100,00 10000,01 a demais
LEITE a 250,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
AÇÚCAR E DOCES
de
FABRICAÇÃO DE AÇÚCAR de 250,01 de 2000,01
2631,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
REFINADO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE DOCES EM de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2632,10 PASTA, CRISTALIZADOS, EM Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
BARRA 40000,00
FABRICAÇÃO DE SORVETES/ de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2632,20 BOLOS E TORTAS GELADAS/ Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
COBERTURAS 40000,00
22

FABRICAÇÃO DE BALAS/
de
CARAMELOS/ PASTILHAS/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2632,30 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
DROPES/ BOMBONS/ a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
CHOCOLATES/ GOMAS
2632,40
Excluído pela ENTREPOSTO / DISTRIBUIDOR todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução DE MEL portes
379/2018

FABRICAÇÃO DE MASSAS de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2640,00 ALIMENTÍCIAS (INCLUSIVE Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
PÃES), BOLACHAS E BISCOITOS 40000,00

2640,10
Excluído pela PADARIA, CONFEITARIA, todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução PASTELARIA portes
379/2018

FABRICAÇÃO DE CONDIMENTOS
/TEMPEROS / FERMENTOS

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2651,00 FABRICAÇÃO DE CONDIMENTOS Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2652,10 FABRICAÇÃO DE VINAGRE Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
PREPARAÇÃO DE SAL DE de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2652,20 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
COZINHA a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE FERMENTOS E de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2653,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
LEVEDURAS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE CONSERVAS, de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2660,00 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
EXCETO DE CARNE E PESCADO a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE PROTEÍNA

FABRICAÇÃO DE PROTEÍNA de
de 250,01 de 2000,01
2670,10 TEXTURIZADA E/OU Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
HIDROLIZADA DE SOJA 40000,00

SELEÇÃO / LAVAGEM /
PASTEURIZAÇÃO DE OVOS /
FRUTAS / LEGUMES
LAVAGEM DE OVOS E/OU de
de 100,01 de 250,01 de 2000,01
2680,10 PASTEURIZAÇÃO DE OVO Área útil (m²) Médio até 100,00 10000,01 a demais
a 250,00 a 2000,00 a 10000,00
LÍQUIDO 40000,00
SELEÇÃO E LAVAGEM DE de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2680,20 FRUTAS, LEGUMES, Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
TUBÉRCULOS E/OU VERDURAS 40000,00

FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
ALIMENTARES DIVERSOS

de
PREPARAÇÃO DE REFEIÇÕES de 250,01 de 2000,01
2691,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
INDUSTRIAIS a 2000,00 a 10000,00
40000,00
2691,00 De de
Alterado pela PREPARAÇÃO INDUSTRIAL DE De 250,01 de 2000,01
Área útil (m²) Médio Até 250,00 1000,01 a 10000,01 a demais
Resolução REFEIÇÕES a 1000,00 a 10000,00
395/2019 2000,00 40000,00

ERVA / CHÁ
de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2692,10 FABRICAÇÃO DE ERVA-MATE Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE CHÁS E ERVAS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2692,20 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
PARA INFUSÃO a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE PRODUTOS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2693,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
DERIVADOS DA MANDIOCA a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00

REFINO/PREPARAÇÃO DE
ÓLEO/GORDURA VEGETAL/
ANIMAL/MANTEIGA DE CACAU

REFINO/PREPARAÇÃO DE ÓLEO/
de
GORDURA VEGETAL/ ANIMAL de 250,01 de 2000,01
2694,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ATRAVÉS DE EXTRAÇÃO POR a 2000,00 a 10000,00
40000,00
SOLVENTES
23

REFINO/PREPARACAO DE ÓLEO/ de
de 250,01 de 2000,01
2694,20 GORDURA VEGETAL/ ANIMAL Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ATRAVÉS DE PROCESSO FÍSICO 40000,00

de
de 250,01 de 2000,01
2695,00 FABRICAÇÃO DE GELATINA Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
FABRICAÇÃO DE OUTROS de
de 250,01 de 2000,01
2696,00 PRODUTOS ALIMENTARES NÃO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ESPECIFICADOS 40000,00
INDÚSTRIA DE BEBIDAS
FABRICAÇÃO DE BEBIDAS
ALCOÓLICAS
2710,10 de
Alterado pela FABRICAÇÃO DE CERVEJA/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
Resolução CHOPE/ MALTE a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
389/2018 40000,00
de
FABRICAÇÃO DE CERVEJA/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2710,10 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
CHOPE/ MALTE a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2710,20 FABRICAÇÃO DE VINHOS Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de
FABRICAÇÃO DE AGUARDENTE/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2710,30 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
LICORES/ OUTROS DESTILADOS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE OUTRAS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2710,40 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
BEBIDAS ALCOOLÍCAS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00

FABRICAÇÃO DE BEBIDAS NÃO


ALCOÓLICAS

de
FABRICAÇÃO DE de 250,01 de 2000,01
2720,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
REFRIGERANTES a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
CONCENTRADORAS DE SUCO de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2720,20 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
DE FRUTAS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE OUTRAS de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2720,30 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
BEBIDAS NÃO ALCOOLÍCAS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00

ENGARRAFAMENTO DE
BEBIDAS, INCLUSIVE
de
ENGARRAFAMENTO E de 250,01 de 2000,01
2730,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
GASEIFICAÇÃO DE ÁGUA a 2000,00 a 10000,00
40000,00
MINERAL, COM OU SEM
EXTRAÇÃO MINERAL

INDÚSTRIA DO TABACO

BENEFICIAMENTO DO TABACO/
de
FABRICAÇÃO DE CIGARRO, de 250,01 de 2000,01
2810,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
CHARUTO, CIGARRILHAS E a 2000,00 a 10000,00
40000,00
ASSEMELHADOS
2820,00 de
Excluído pela ARMAZENAMENTO, SEPARAÇÃO de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
Resolução E ENFARDAMENTO DE TABACO a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
403/2019 40000,00
de de
CURA E SECAGEM DE TABACO de 1000,01 de 5000,01
2830,00 Área útil (m²) Baixo até 1000,00 2000,01 a 10000,01 a demais
POR MÉTODOS NÃO NATURAIS a 2000,00 a 10000,00
5000,00 40000,00
2840,00
Excluído pela CURA E SECAGEM DE TABACO todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução POR MÉTODOS NATURAIS portes
379/2018
INDÚSTRIA EDITORIAL E
GRÁFICA
de
CONFECÇÃO DE MATERIAL de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
2910,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
IMPRESSO a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
INDÚSTRIAS DIVERSAS
FABRICAÇÃO DE JÓIAS/ de
de 250,01 de 2000,01
3001,10 BIJUTERIAS, COM TRATAMENTO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE SUPERFÍCIE 40000,00
FABRICAÇÃO DE JÓIAS/ de
de 250,01 de 2000,01
3001,20 BIJUTERIAS, SEM TRATAMENTO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE SUPERFÍCIE 40000,00
FABRICAÇÃO DE ENFEITES de
de 250,01 de 2000,01
3002,10 DIVERSOS, COM TRATAMENTO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE SUPERFÍCIE 40000,00
24

FABRICAÇÃO DE ENFEITES de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
3002,20 DIVERSOS, SEM TRATAMENTO Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
DE SUPERFÍCIE 40000,00
FABRICAÇÃO DE de
de 250,01 de 2000,01
3003,10 INSTRUMENTOS DE PRECISÃO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
NÃO ELÉTRICOS 40000,00
FABRICAÇÃO DE APARELHOS
de
PARA USO MÉDICO, de 250,01 de 2000,01
3003,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
ODONTOLÓGICO, ORTOPÉDICO a 2000,00 a 10000,00
40000,00
E/OU CIRÚRGICO

FABRICAÇÃO DE APARELHOS E
MATERIAIS FOTOGRÁFICOS de
de 250,01 de 2000,01
3003,30 E/OU CINEMATOGRÁFICOS, Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
INSTRUMENTOS MUSICAIS E/OU 40000,00
INDÚSTRIA FONOGRÁFICA

de
de 250,01 de 2000,01
3003,50 FABRICAÇÃO DE EXTINTORES Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE ESCOVAS, de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
3004,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
PINCÉIS, VASSOURAS, ETC a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE CORDAS/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
3005,00 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
CORDÕES E CABOS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
FABRICAÇÃO DE GELO (EXCETO de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
3006,00 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
GELO SECO) a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de
LAVANDERIA PARA ROUPAS E de 250,01 de 2000,01
3007,10 Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
ARTEFATOS INDUSTRIAIS a 2000,00 a 10000,00
40000,00

LAVANDERIA PARA ROUPAS E de


de 250,01 de 2000,01
3007,20 ARTEFATOS DE USO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DOMÉSTICO 40000,00

de
FABRICAÇÃO DE ARTIGOS E/OU de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
3008,00 Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
EQUIPAMENTOS ESPORTIVOS a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00
LABORATORIO DE TESTES DE de
de 250,01 de 2000,01
3009,00 PROCESSOS/ PRODUTOS Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
INDUSTRIAIS 40000,00

SERVIÇOS DE TRATAMENTO DE
SUPERFÍCIE

de
de 250,01 de 2000,01
3010,10 SERVIÇOS DE GALVANOPLASTIA Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

SERVIÇOS DE FOSFATIZAÇÃO/ de
de 250,01 de 2000,01
3010,20 ANODIZAÇÃO/ DECAPAGEM/ Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
ETC, EXCETO GALVANOPLASTIA 40000,00

de
de 250,01 de 2000,01
3011,00 SERVIÇOS DE USINAGEM Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00
de
SERVIÇOS DE TORNEARIA/ de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
3012,00 Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
FERRARIA/ SERRALHERIA a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
40000,00

LIMPEZA/RESTAURAÇÃO DE
EQUIPAMENTOS

LIMPEZA/RESTAURAÇÃO DE
de
EQUIPAMENTOS COM de 250,01 de 2000,01
3013,10 Área (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE a 2000,00 a 10000,00
40000,00
E/OU TRATAMENTO TÉRMICO

LIMPEZA/RESTAURAÇÃO DE
de
EQUIPAMENTOS SEM de 250,01 de 2000,01
3013,20 Área (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE a 2000,00 a 10000,00
40000,00
E/OU TRATAMENTO TÉRMICO

3017,00 Volume de de
Alterado pela PRODUÇÃO DE CARVÃO de 250,01 de 2000,01
produção Baixo até 250 10000,01 a demais
Resolução VEGETAL EM FORNOS a 2000,00 a 10000,00
379/2018 (m³/dia) 40000,00

PRODUÇÃO DE CARVÃO
Volume de de
VEGETAL EM FORNOS, de 250,01 de 2000,01
3017,00 produção Baixo até 250 10000,01 a demais
INCLUINDO A DESTINAÇÃO DO a 2000,00 a 10000,00
(m³/dia) 40000,00
RESÍDUO
25

FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE de
de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
3020,00 TECIDO E METAL SEM Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE 40000,00

TRATAMENTO E DESTINAÇÃO
DE RESÍDUOS SÓLIDOS
INDUSTRIAIS

ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO


INDUSTRIAL

Volume de
ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO total de de 30,01 a de 75,01 a de 250,01
3111,10 Alto até 30,00 demais
INDUSTRIAL CLASSE I resíduos 75,00 250,00 a 500,00
(m³/mês)
Volume de
ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO total de de 30,01 a de 150,01 de 300,01
3111,20 Médio até 30,00 demais
INDUSTRIAL CLASSE II A resíduos 150,00 a 300,00 a 500,00
(m³/mês)
Volume de
ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO
total de de 100,01 de 500,01 de 2000,01
3111,21 INDUSTRIAL CLASSE II A - Médio até 100,00 demais
resíduos a 500,00 a 2000,00 a 5000,00
CASCA DE ARROZ
(m³/mês)

ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO Volume de


INDUSTRIAL CLASSE II A - CINZA total de até de 20,01 a de 100,01 de 400,01
3111,22 Médio demais
ORIUNDA DA QUEIMA DE CASCA resíduos 20,0000 100,00 a 400,00 a 1000,00
DE ARROZ (m³/mês)

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

CENTRAL DE RECEBIMENTO E
DESTINAÇÃO DE RESÍDUO
SÓLIDO INDUSTRIAL

Volume de
CENTRAL DE RECEBIMENTO E
total de de 30,01 a de 150,01 de 300,01
3112,10 DESTINAÇÃO DE RESÍDUO Alto até 30,00 demais
resíduos 150,00 a 300,00 a 500,00
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE I
(m³/mês)

Volume de
CENTRAL DE RECEBIMENTO E
total de de 30,01 a de 150,01 de 300,01
3112,20 DESTINAÇÃO DE RESÍDUO Médio até 30,00 demais
resíduos 150,00 a 300,00 a 500,00
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE II A
(m³/mês)

TRATAMENTO TÉRMICO DE
RESÍDUOS SÓLIDOS

3113,10 TRATAMENTO TÉRMICO DE RESÍDUO Volume de total


Alterado pela de 75,01 a de 300,01 a de 3000,01 a
SÓLIDO INDUSTRIAL (INCINERAÇÃO, de resíduos Alto até 75,00 demais
Resolução 300,00 3000,00 5000,00
375/2018 PIRÓLISE, GASEIFICAÇÃO, PLASMA) (m³/mês)

3113,10
Volume de total
Alterado pela TRATAMENTO TÉRMICO DE RESÍDUO de 75,01 a de 300,01 a de 3000,01 a
de resíduos Alto até 75,00 demais
Resolução SÓLIDO 300,00 3000,00 5000,00
(m³/mês)
403/2019

Volume de
TRATAMENTO TÉRMICO DE total de de 5,01 a de 20,01 a de 70,01 a
3113,10 Alto até 5,00 demais
RESÍDUO SÓLIDO resíduos 20,00 70,00 200,00
(ton/dia)

3113,20
TRATAMENTO TÉRMICO DE RESÍDUO Volume de total
Excluído pela de 75,01 a de 300,01 a de 3000,01 a
SÓLIDO URBANO (INCINERAÇÃO, de resíduos Alto até 75,00 demais
Resolução 300,00 3000,00 5000,00
PIRÓLISE, GASEIFICAÇÃO, PLASMA) (m³/mês)
375/2018

INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO
SÓLIDO INDUSTRIAL EM SOLO
AGRÍCOLA

3114,10
INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO Volume de total
Alterado pela de 75,01 a de 150,01 a de 600,01 a
INDUSTRIAL CLASSE II A EM SOLO de resíduos Médio até 75,00 demais
Resolução 150,00 600,00 2500,00
AGRÍCOLA (m³/mês)
379/2018

Volume de
INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO
total de de 75,01 a de 150,01 de 600,01
3114,10 INDUSTRIAL CLASSE II A EM Médio até 75,00 demais
resíduos 150,00 a 600,00 a 2500,00
SOLO AGRÍCOLA
(m³/mês)

3114,20 Volume de
INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO
Alterado pela total de de 75,01 a de 150,01 de 600,01
(EXCETO INDUSTRIAL) CLASSE II Médio até 75,00 demais
Resolução resíduos 150,00 a 600,00 a 2500,00
379/2018 A EM SOLO AGRÍCOLA
(m³/mês)
26

3114,20 Volume de
INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO
Alterado pela de 75,01 a de 150,01 a de 600,01 a
(EXCETO INDUSTRIAL) CLASSE II A EM total de resíduos Médio até 75,00 demais
Resolução 150,00 600,00 2500,00
SOLO AGRÍCOLA (m³/mês)
403/2019

Volume de
INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO
total de de 75,01 a de 150,01 de 600,01
3114,20 (EXCETO INDUSTRIAL) CLASSE II Médio até 75,00 demais
resíduos 150,00 a 600,00 a 2500,00
A EM SOLO AGRÍCOLA
(m³/mês)

CO-PROCESSAMENTO DE
RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL
EM FORNOS DE CIMENTO

CO-PROCESSAMENTO DE Volume de
RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL total de de 75,01 a de 300,01 de 3000,01
3115,10 Alto até 75,00 demais
CLASSE I EM FORNOS DE resíduos 300,00 a 3000,00 a 5000,00
CIMENTO (m³/mês)

UNIDADES DE MISTURA E PRÉ - Volume de


CONDICIONAMENTO DE total de de 75,01 a de 150,01 de 3000,01
3115,11 Alto até 75,00 demais
RESÍDUOS CLASSE I PARA FINS resíduos 150,00 a 3000,00 a 5000,00
DE CO-PROCESSAMENTO (m³/mês)

CO-PROCESSAMENTO DE Volume de
RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL total de de 75,01 a de 300,01 de 3000,01
3115,20 Médio até 75,00 demais
CLASSE II A EM FORNOS DE resíduos 300,00 a 3000,00 a 5000,00
CIMENTO (m³/mês)

UNIDADES DE MISTURA E PRÉ - Volume de


CONDICIONAMENTO DE total de de 75,01 a de 150,01 de 3000,01
3115,21 Médio até 75,00 demais
RESÍDUOS CLASSE II PARA FINS resíduos 150,00 a 3000,00 a 5000,00
DE CO-PROCESSAMENTO (m³/mês)

CO-PROCESSAMENTO DE Volume de
RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL total de de 75,01 a de 300,01 de 3000,01
3115,30 Baixo até 75,00 demais
CLASSE II B EM FORNOS DE resíduos 300,00 a 3000,00 a 5000,00
CIMENTO (m³/mês)
COMPOSTAGEM E
VERMICOMPOSTAGEM DE
RESIDUO SÓLIDO CLASSE II

COMPOSTAGEM DE RESÍDUO de 150,01 de 300,01 de 500,01 de 3000,01


3116,10 Tonelada/mês Médio até 150,00 demais
INDUSTRIAL CLASSE II A a 300,00 a 500,00 a 3000,00 a 6000,00

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
VERMICOMPOSTAGEM DE
de 150,01 de 300,01 de 500,01 de 3000,01
3116,20 RESÍDUO SÓLIDO INDUSTRIAL Tonelada/mês Baixo até 150,00 demais
a 300,00 a 500,00 a 3000,00 a 6000,00
CLASSE II A
3116,30 de
Alterado pela de 250,01 de 1000,01 de 2000,01
PRODUÇÃO DE BIOGÁS Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
Resolução a 1000,00 a 2000,00 a 10000,00
379/2018 40000,00
De De
De
Volume de De 2.500.000, 7.500.000,
Até 100.000,01
3116,30 PRODUÇÃO DE BIOGÁS Produção Médio 250.000,01 01 a 01 a demais
100.000,00 a
(m³/mês) a 2.500,00 7.500.000, 12.500.000
250.000,00
00 ,00
SISTEMA DE COLETA,
ARMAZENAMENTO,
de 0,501 a de 1,01 a de 10,01 a
3117,00 TRANSPORTE E DESTINAÇÃO Tonelada/mês Médio até 0,50 demais
1,00 10,00 25,00
FINAL DE EMBALAGENS DE
ÓLEO LUBRIFICANTES
OUTRA DESTINAÇÃO DE Volume de
RESÍDUO SÓLIDO CLASSE total de de 75,01 a de 300,01 de 3000,01
3117,10 Alto até 75,00 demais
INDUSTRIAL I NÃO resíduos 300,00 a 3000,00 a 5000,00
ESPECÍFICADA (m³/mês)
OUTRA DESTINAÇÃO DE Volume de
RESÍDUO SÓLIDO CLASSE total de de 75,01 a de 300,01 de 3000,01
3117,20 Médio até 75,00 demais
INDUSTRIAL II A NÃO resíduos 300,00 a 3000,00 a 5000,00
ESPECÍFICADA (m³/mês)

OUTRA DESTINAÇÃO DE Volume de


RESÍDUO SÓLIDO CLASSE total de de 75,01 a de 300,01 de 3000,01
3117,30 Baixo até 75,00 demais
INDUSTRIAL II B NÃO resíduos 300,00 a 3000,00 a 5000,00
ESPECÍFICADA (m³/mês)
ARMAZENAMENTO E
PROCESSAMENTO DE RESÍDUO
SÓLIDO INDUSTRIAL
TRIAGEM E ARMAZENAMENTO
TRIAGEM E ARMAZENAMENTO de
de 250,01 de 2000,01
3121,10 DE RESÍDUO SÓLIDO Área útil (m²) Alto até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
INDUSTRIAL CLASSE I 40000,00
27

TRIAGEM E ARMAZENAMENTO de
de 250,01 de 2000,01
3121,20 DE RESÍDUO SÓLIDO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
INDUSTRIAL CLASSE II A 40000,00
TRIAGEM E ARMAZENAMENTO de
de 250,01 de 2000,01
3121,30 DE RESÍDUO SÓLIDO Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
INDUSTRIAL CLASSE II B 40000,00

PROCESSAMENTO DE RESÍDUO
SÓLIDO INDUSTRIAL

Volume de
PROCESSAMENTO DE RESÍDUO total de de 75,01 a de 150,01 de 3000,01
3122,10 Alto até 75,00 demais
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE I resíduos 150,00 a 3000,00 a 5000,00
(m³/mês)

PROCESSAMENTO DE RESÍDUO até 18,00 a de 35,01 a de 750,01


3122,20 toneladas/mês Médio até 18,00 demais
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE II A 35,00 750,00 a 1250,00

Quantidade de
PROCESSAMENTO DE 10001 até 30.001 até 50001 até
3122,40 lâmpadas Alto até 10000 demais
LÂMPADAS FLUORESCENTES 30000 50000 80.000
(Unidade/mês)

PROCESSAMENTO DE RESÍDUO até 18,00 a de 35,01 a de 750,01


3122,30 toneladas/mês Baixo até 18,00 demais
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE II B 35,00 750,00 a 1250,00

REMEDIAÇÃO E
MONITORAMENTO
REMEDIAÇÃO DE ÁREA DE
ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO
INDUSTRIAL
REMEDIAÇÃO DE ÁREA DE
de 200,01 de 500,01 de 1000,01
3130,11 ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO Área útil (m²) Alto até 200,00 demais
a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
INDUSTRIAL CLASSE I
REMEDIAÇÃO DE ÁREA DE
de 200,01 de 500,01 de 1000,01
3130,12 ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO Área útil (m²) Médio até 200,00 demais
a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
INDUSTRIAL CLASSE II A
REMEDIAÇÃO DE ÁREA
DEGRADADA POR RESÍDUO
SÓLIDO INDUSTRIAL
REMEDIAÇÃO DE ÁREA
de 200,01 de 500,01 de 1000,01
3130,21 DEGRADADA POR RESÍDUO Área útil (m²) Alto até 200,00 demais
a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE I
REMEDIAÇÃO DE ÁREA
de 200,01 de 500,01 de 1000,01
3130,22 DEGRADADA POR RESÍDUO Área útil (m²) Médio até 200,00 demais
a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE II A
REMEDIAÇÃO DE ÁREA DE
PROCESSO INDUSTRIAL
CONTAMINADA

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

REMEDIAÇÃO DE ÁAEA DE
PROCESSO INDUSTRIAL de 200,01 de 500,01 de 1000,01
3130,31 Área útil (m²) Alto até 200,00 demais
CONTAMINADA POR PRODUTO a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
PERIGOSO

REMEDIAÇÃO DE ÁREA DE
PROCESSO INDUSTRIAL de 200,01 de 500,01 de 1000,01
3130,32 Área útil (m²) Médio até 200,00 demais
CONTAMINADA POR PRODUTO a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
NÃO PERIGOSO
MONITORAMENTO DE ÀREA DE
ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO
INDUSTRIAL

MONITORAMENTO DE ÁREA DE de
de 250,01 de 2000,01
3130,41 ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
INDUSTRIAL CLASSE I 40000,000

MONITORAMENTO DE ÁREA DE de
de 250,01 de 2000,01
3130,42 ATERRO DE RESÍDUO SÓLIDO Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
INDUSTRIAL CLASSE II A 40000,000

MONITORAMENTO DE ÁREA
DEGRADADA POR RESÍDUO
SÓLIDO INDUSTRIAL

MONITORAMENTO DE ÁREA de
de 250,01 de 2000,01
3130,51 DEGRADADA POR RESÍDUO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE I 40000,000

MONITORAMENTO DE ÁREA de
de 250,01 de 2000,01
3130,52 DEGRADADA POR RESÍDUO Área útil (m²) Baixo até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
SÓLIDO INDUSTRIAL CLASSE II A 40000,000
28

MONITORAMENTO DE ÁREA de
de 250,01 de 2000,01
3130,60 CONTAMINADA OU DEGRADADA Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
POR PROCESSO INDUSTRIAL 40000,000

3513,10
Excluído pela COLETA/ TRATAMENTO Vazão afluente de 400,000
Resolução na ETE de 20,000 de 100,000
CENTRALIZADO DE EFLUENTES Alto até 20,00 a demais
379/2018 a 100,0000 a 400,0000
LÍQUIDOS INDUSTRIAIS (m³/dia) 1000,0000

3513,20
Realocado APLICAÇÃO DE EFLUENTE Volume de 20,01 a de 60,01 a de 150,01
pela INDUSTRIAL TRATADO EM SOLO Médio até 20,00 demais
Resolução (m³/ dia) 60,00 150,00 a 300,00
AGRÍCOLA
379/2018

ATIVIDADES DIVERSAS/OBRAS
CIVIS/SERVIÇOS DE UTILIDADES

ATIVIDADES DIVERSAS/OBRAS
CIVIS
ATIVIDADES DIVERSAS
de
de 500,01 de 2000,01
3411,00 INCUBADORA Área útil (m²) Baixo até 500,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
40000,00

de 2,01 a de 5,01 a de 10,01 a


3412,00 CEMITÉRIO Área total (ha) Baixo até 2,00 demais
5,00 10,00 25,00
3412,10
Alterado pela Nº de de 3,00 a de 6,00 a de 11,00 a
CREMATÓRIO Alto até 2,00 demais
Resolução operações/dia 5,00 10,00 20,00
375/2018

Nº de de 3,00 a de 6,00 a de 11,00 a


3412,10 CREMATÓRIO DE HUMANOS Alto até 2,00 demais
cremações/dia 5,00 10,00 20,00

3412,11
Incluído pela
Resolução Quantidade em de 250,01 de 500,01 de 1000,01
379/2018 e CREMATÓRIO DE ANIMAIS Alto Até 250,00 demais
Alterado pela (kg/dia) a 500,00 a 1000,00 a 2000,00
Resolução
389/2018

Quantidade em de 250,01 de 500,01 de 1000,01


3412,11 CREMATÓRIO DE ANIMAIS Alto Até 250,00 demais
(kg/hora) a 500,00 a 1000,00 a 2000,00

PARCELAMENTO DO SOLO

PARCELAMENTO DO SOLO
PARA FINS DIVERSOS

3413,11
Alterado pela CAMPUS UNIVERSITÁRIO de 5,01 a de 10,01 a de 20,01 a
Área total (ha) Alto até 5,00 demais
Resolução (INCLUSÃO DA ETE SE COUBER) 10,00 20,00 100,00
395/2019

CAMPUS UNIVERSITÁRIO De 5,01 a De 20,01 a De 50,01 a


3413,11 Área total (ha) Alto até 5,00 demais
(INCLUSÃO DA ETE SE COUBER) 20,00 50,00 100,00

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

PARCELAMENTO DO SOLO
PARA FINS RESIDENCIAS

PARCELAMENTO DO SOLO PARA


FINS DE LOTEAMENTO/
DESMEMBRAMENTO/
3414,40 CONDOMÍNIO RESIDENCIAL E
Alterado pela de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
UNIFAMILIAR (INCLUÍDOS Área total (ha) Médio até 5,00 demais
Resolução 20,00 50,00 100,00
395/2019 EQUIPAMENTOS,
INFRAESTRUTURA E
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE)

PARCELAMENTO DO SOLO PARA


FINS RESIDENCIAIS E MISTOS
de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
3414,40 (INCLUÍDOS EQUIPAMENTOS, Área total (ha) Médio até 5,00 demais
20,00 50,00 100,00
INFRAESTRUTURA E
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE)
29

PARCELAMENTO DO SOLO PARA


FINS DE LOTEAMENTO /
3414,60 DESMEMBRAMENTO /
Excluído pela CONDOMÍNIO RESIDENCIAL E de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
Área total (ha) Médio até 5,00 demais
Resolução PLURIFAMILIAR (INCLUÍDOS 20,00 50,00 100,00
395/2019 EQUIPAMENTOS,
INFRAESTRUTURA E
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE)

PARCELAMENTO DO SOLO
PARA FINS INDUSTRIAIS

PARCELAMENTO DE SOLO PARA FINS


3415,10 INDUSTRIAIS/ DISTRITO INDUSTRIAL
Alterado pela (INCLUÍDOS EQUIPAMENTOS, de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
INFRAESTRUTURA E TRATAMENTO DE Área total (ha) Alto até 5,00 demais
Resolução 20,00 50,00 100,00
403/2019 ESGOTO)

PARCELAMENTO DE SOLO PARA


FINS INDUSTRIAIS/ LOGÍSTICOS
(INCLUÍDOS EQUIPAMENTOS, de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
3415,10 INFRAESTRUTURA E Área total (ha) Médio até 5,00 demais
20,00 50,00 100,00
TRATAMENTO DE ESGOTO)

PARCELAMENTO DO SOLO
RURAL

PARCELAMENTO DO SOLO
RURAL PARA FINS DE REFORMA de 101,00 de 501,00 de 1001,00
3416,10 Nº Famílias Médio até100,00 demais
a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
AGRÁRIA
MANEJO DE CONFLITOS DE
URBANIZAÇÃO E MEIO
AMBIENTE

3417,10 USOS DA FAIXA DE PRAIA Não se aplica Baixo Único

MANEJO DE CONFLITOS DE
URBANIZAÇÃO, CAMPOS de 10,01 a de 50,01 a de 250,01
3417,20 ARENOSOS E DUNAS Área útil (ha) Baixo até10,00 demais
50,00 250,00 a 500,00

ESTACIONAMENTO DE
VEÍCULOS
3419,10
Excluído pela ESTACIONAMENTO SEM todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução MANUTENÇÃO DE VEÍCULOS portes
379/2018
ESTACIONAMENTO DE de
de 250,01 de 2000,01
3419,20 FROTISTAS COM MANUTENÇÃO Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
DE VEÍCULO 40000,00

PRESTAÇÃO DE SERVIÇO EM
GERAL / MONTAGEM

3420,10 PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE


Excluído pela MONTAGEM DE MÁQUINAS/ todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução APARELHOS/ UTENSÍLIOS/ portes
379/2018 PEÇAS/ ACESSÓRIOS

3420,20 MONTAGEM DE MATERIAL


Excluído pela ELÉTRICO/ ELETRÔNICO E todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução EQUIPAMENTOS PARA portes
379/2018 COMUNICAÇÃO/INFORMÁTICA
3420,30 MONTAGEM DE ARTEFATOS DE
Excluído pela todos os
MADEIRA (INCLUSIVE Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018 CARIMBOS)

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

3420,40 MONTAGEM OU RECUPERAÇÃO


Excluído pela todos os
DE MÓVEIS SEM TRATAMENTO Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018 DE SUPERFÍCIE E SEM PINTURA

SERVIÇOS DE REPARAÇÃO E
3420,50 MANUTENÇÃO DE MÁQUINAS/
Excluído pela todos os
APARELHOS/ UTENSÍLIOS/ Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018 PEÇAS/ ACESSÓRIOS/
ESTOFADOS
30

3420,60
Excluído pela ESTOFARIA - REFORMAS DE todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução ESTOFADOS EM GERAL portes
379/2018
3420,70
Excluído pela SERVIÇOS DIVERSOS DE todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução REPARAÇÃO E CONSERVAÇÃO portes
381/2018

ATIVIDADES EM GERAL
3430,10 de 250,01 de
Alterado pela LAVAGEM COMERCIAL DE de 2000,01
Área útil (m²) Baixo até 250,00 a 10000,01 a demais
Resolução VEÍCULOS a 10000,00
379/2018 2000,0000 40000,00

LAVAGEM COMERCIAL DE de 50,01 a de 250,01 de 1000,01


3430,10 Área útil (m²) Baixo até 50,00 demais
VEÍCULOS 250,00 a 1000,00 a 4000,00
3430,20
OFICINA MECÂNICA/CENTRO DE
Alterado pela de 50,01 a de 250,01 a de 1000,01 a
DESMANCHE DE VEÍCULOS (CDV) / Área útil (m²) Médio até 50,00 demais
Resolução 250,00 1000,00 5000,00
CHAPEAÇÃO/ PINTURA
379/2018
de 250,01 de
OFICINA MECÂNICA/ de 2000,01
3430,20 Área útil (m²) Médio até 250,00 a 10000,01 a demais
CHAPEAÇÃO/PINTURA a 10000,00
2000,0000 50000,00
3430,50
Excluído pela todos os
ESCOLAS/CRECHES Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018
3440,00
Excluído pela CENTRO DE TREINAMENTO DE todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução COMBATE A INCÊNDIO portes
379/2018

OBRAS CIVIS

IMPLANTAÇÃO OU AMPLIAÇÃO
DE RODOVIAS E ESTRADAS
Comprimento de 2,01 a de 10,01 a de 20,01 a
3451,00 (COM RESPECTIVAS OBRAS DE Alto até 2,00 demais
(km) 10,00 20,00 40,00
ARTE), INCLUSIVE AS NÃO
PAVIMENTADAS

IMPLANTAÇÃO OU AMPLIAÇÃO
DE RODOVIAS E ESTRADAS
Comprimento de 2,01 a de 10,01 a de 20,01 a
3451,10 MUNICIPAIS (COM RESPECTIVAS Alto até 2,00 demais
(km) 10,00 20,00 40,00
OBRAS DE ARTE), INCLUSIVE
NÃO PAVIMENTADAS

3451,20
Alterado pela Comprimento de 10,01 a 50,01 a 150,01 a
PONTES Alto até 10,00 Demais
Resolução (km) 50,00 150,00 300,00
375/2018

Comprimento de 10,01 a 50,01 a 150,01 a


3451,20 PONTES Alto até 10,00 Demais
(m) 50,00 150,00 300,00

NÚCLEOS OU CONJUNTO DE Comprimento de 50,01 a de 250,01 de 500,01


3451,40 Alto até 50,00 demais
RODOVIAS REGIONALIZADAS (km) 250,00 a 500,00 a 750,00

Comprimento de 2,01 a de 5,01 a de 10,01 a


3452,00 FERROVIA/METROVIA Alto até 2,00 demais
(km) 5,00 10,00 20,00

HIDROVIA / CANAL DE
Comprimento de 15,01 a de 30,01 a de 100,01
3453,00 NAVEGAÇÃO/ BARRAGEM Alto até15,00 demais
(km) 30,00 100,00 a 200,00
ECLUSADA
IMPLANTAÇÃO OU AMPLIAÇÃO
DE INFRAESTRUTURA DE
Comprimento de 251,00 de 501,00 de 1001,00
3457,00 MOBILIDADE - ACESSO/ Baixo até 250,00 demais
(m) a 500,00 a 1000,00 a 2000,00
VIADUTOS/ VIAS MUNICIPAIS EM
ZONA URBANA
BARRAGENS
BARRAGEM PARA USO Área alagada de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
3458,20 Alto até 5,00 demais
MÚLTIPLO (ha) 20,00 50,00 200,00

SISTEMA PARA CONTROLE DE


ENCHENTES (DIQUE / Comprimento de 0,2501 de 0,5001 de 1,0001
3459,00 Médio até 0,2500 demais
BARRAGEM / BACIA DE (km) a 0,5000 a 1,0000 a 2,0000
ARMAZENAMENTO/ POLDER)

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

AÇUDES

3460,00
Excluído pela AÇUDE (LAZER, PAISAGISMO OU Área inundada todos os
Médio
Resolução DESSEDENTAÇÃO ANIMAL) (ha) portes
379/2018

ABERTURA DE BARRAS,
Comprimento de 1,01 a de 2,01 a de 10,01 a
3461,00 EMBOCADURAS, CANAIS Alto até 1,00 demais
(km) 2,00 10,00 20,00
(EXCETO NAVEGAÇÃO)
31

Comprimento de 500,01 de 1000,01 de 2000,01


3462,00 DRENAGEM PLUVIAL URBANA Médio até 500 demais
(m) a 1000,0 a 2000,0 a 10000,00

CANALIZAÇÃO DE CURSO
Comprimento de 100,01 de 500,01 de2000,01
3463,00 D'AGUA NATURAL EM ÁREA Alto até 100,00 demais
(m) a 500,00 a 2000,00 a 5000,00
URBANA

TUBULAÇÃO DE CURSO D´ÁGUA Comprimento de 100,01 de 500,01 de2000,01


3463,10 Alto até 100,00 demais
NATURAL EM ÁREA URBANA (m) a 500,00 a 2000,00 a 5000,00

SERVIÇOS DE UTILIDADE
ENERGIA ELÉTRICA
GERAÇÃO DE Potência de 1,01 a de 10,01 a de 30,01 a
3510,11 TERMOELETRICIDADE A PARTIR Médio até 1,00 demais
(MW) 10,00 30,00 50,00
DE GÁS NATURAL
GERAÇÃO DE Potência de 1,01 a de 10,01 a de 30,01 a
3510,12 TERMOELETRICIDADE A PARTIR Médio até 1,00 demais
(MW) 10,00 30,00 50,00
DE BIOMASSA
GERAÇÃO DE Potência de 1,01 a de 10,01 a de 30,01 a
3510,13 TERMOELETRICIDADE A PARTIR Alto até1,00 demais
(MW) 10,00 30,00 50,00
DE FONTE FÓSSIL

GERAÇÃO DE ENERGIA Potência de 1,01 a de 10,01 a de 30,01 a


3510,14 Médio até 1,00 demais
ELÉTRICA A PARTIR DE BIOGÁS (MW) 10,00 30,00 50,00

GERAÇÃO DE ENERGIA A Potência de 5,01 a de 10,01 a de 30,01 a


3510,20 Alto até 5,00 demais
PARTIR DE FONTE HIDRICA (MW) 10,00 30,00 50,00

3510,21 MICROGERAÇÃO DE ENERGIA A


Incluído pela Todos os
PARTIR DE FONTE HÍDRICA (Até Potência (MW) Baixo
Resolução portes
389/2018 0,5 MW)
3510,30
2611,30 GERAÇÃO DE ENERGIA Potência de 20,01 a de 100,01 de 300,01
Alterado pela ELÉTRICA A PARTIR DE FONTE Baixo até 20,00 demais
(MW) 100,00 a 300,00 a 500,00
Resolução EÓLICA
375/2018

3510,31 TORRE ANEMOMÉTRICA Não se aplica Baixo ÚNICO

AUTOPRODUÇÃO E GERAÇÃO
3510,41 DISTRIBUÍDA DE ENERGIA
Excluído pela Potência todos os
ELÉTRICA A PARTIR DE FONTE Baixo
Resolução (MW) portes
379/2018 SOLAR OU EÓLICA REGRADOS
PELA RESOLUÇÃO 687 ANEEL

GERAÇÃO DE ENERGIA
de 40,01 a de 300,01 de 600,01
3510,40 ELÉTRICA A PARTIR DE FONTE Área total (ha) Baixo até 40,00 demais
300,00 a 600,00 a 1000,00
SOLAR
3510,51
Excluído pela LINHAS DE DISTRIBUIÇÃO DE Comprimento todos os
Baixo
Resolução ENERGIA ELÉTRICA (ATÉ 38 kV) (km) portes
379/2018
LINHAS DE TRANSMISSÃO DE
Comprimento de 10,01 a de 20,01 a de 50,01 a
3510,52 ENERGIA ELÉTRICA (A PARTIR Médio até 10,00 demais
(km) 20,00 50,00 100,00
DE 38 kV)
3510,53
Alterado pela Comprimento de 10,01 a de 20,01 a de 50,01 a
SISTEMAS DE TRANSMISSÃO Médio até 10,00 demais
Resolução (km) 20,00 50,00 100,00
375/2018

Comprimento de 50,01 a de 100,01 de 500,01 De 1000,01 a


3510,53 SISTEMAS DE TRANSMISSÃO Médio até 50,00
(km) 20,00 a 500,00 a 1000,00 3000,00

de de
SUBESTAÇÃO DE ENERGIA de 250,01
3510,54 Área útil (m²) Baixo até 250,00 2000,010 a 10000,01 a demais
ELÉTRICA a 2000,00
10000,00 40000,00
ÁGUA

SISTEMA DE ABASTECIMENTO
3511,10 DE ÁGUA (CAPTAÇÃO, de de
Alterado pela
Vazão até de 6000,01
TRATAMENTO E ADUÇÃO) COM Alto 12000,01 a 36000,01 a demais
Resolução (m³/dia) 6000,00 a 12000,00
395/2019 USO DE RESERVATÓRIOS 36000,00 58000,00
ARTIFICIAIS DE ÁGUA

SISTEMA DE ABASTECIMENTO
DE ÁGUA (CAPTAÇÃO, ADUÇÃO
Vazão de de
DE ÁGUA BRUTA E até de 6000,01
3511,10 Alto 12000,01 a 36000,01 a demais
TRATAMENTO) COM USO DE (m³/dia) 6000,00 a 12000,00
36000,00 58000,00
RESERVATÓRIOS ARTIFICIAIS
DE ÁGUA

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
32

SISTEMA DE ABASTECIMENTO
3511,20 DE ÁGUA (CAPTAÇÃO, de de
Alterado pela
Vazão até de 6000,01
TRATAMENTO E ADUÇÃO) SEM Médio 12000,01 a 36000,01 a demais
Resolução (m³/dia) 6000,00 a 12000,00
395/2019
USO DE RESERVATÓRIOS 36000,00 58000,00
ARTIFICIAIS DE ÁGUA

SISTEMA DE ABASTECIMENTO
DE ÁGUA (CAPTAÇÃO, ADUÇÃO
Vazão de de
DE ÁGUA BRUTA E até de 6000,01
3511,20 Médio 12000,01 a 36000,01 a demais
TRATAMENTO) SEM USO DE (m³/dia) 6000,00 a 12000,00
36000,00 58000,00
RESERVATÓRIOS ARTIFICIAIS
DE ÁGUA

SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO DE
3511,30 ÁGUA TRATADA (REDE,
Excluído pela Comprimento todos os
ELEVATÓRIOS DE Baixo
Resolução (km) portes
379/2018 DISTRIBUIÇÃO, LINHAS DE
RECALQUE E RESERVATÓRIOS)

ESGOTO SANITÁRIO

SISTEMAS DE ESGOTAMENTO
3512,10 SANITÁRIO (INTERCEPTORES, de
Alterado pela Vazão afluente até de 4000,01 de 8000,01
TRONCOS COLETORES, Alto 24000,01 a demais
Resolução (m³/dia) 4000,00 a 8000,00 a 24000,00
379/2018 TRATAMENTO E/OU 40000,00
EMISSÁRIOS) - SES
SISTEMAS DE ESGOTAMENTO
SANITÁRIO (INTERCEPTORES,
COLETORES TRONCO, de
Vazão afluente até de 4000,01 de 8000,01
3512,10 ESTAÇÕES ELEVATÓRIAS, Alto 24000,01 a demais
(m³/dia) 4000,00 a 8000,00 a 24000,00
LINHAS DE RECALQUE, 40000,00
TRATAMENTO E/OU
EMISSÁRIOS) - SES
SISTEMAS DE ESGOTAMENTO
SANITÁRIO (SES) ORIUNDOS DE
LOTEAMENTOS E Vazão afluente de 200,01 de 1000,01 de 2000,01
3512,11 Alto até 200 demais
DESMEMBRAMENTOS CUJO (m³/dia) a 1000 a 2000 a 10000
PORTE ORIGINÁRIO É DE
COMPETÊNCIA MUNICIPAL
3512,30 REDE DE ESGOTO DOMÉSTICO
Excluído pela Comprimento todos os
EM VIAS EXISTENTES OU ZONA Baixo
Resolução (km) portes
379/2018 URBANA CONSOLIDADA
3512,40 SISTEMA DE TRATAMENTO DE
Alterado pela Vazão afluente de 200,01 a de 1000,01 a de 2000,01 a
EFLUENTES DE ESGOTAMENTO Alto até 200 demais
Resolução (m³/dia) 1000 2000 10000
375/2018 SANITÁRIO

3512,40 SISTEMA DE TRATAMENTO DE


Alterado pela
Vazão afluente de 200,01 de 1000,01 de 2000,01
RESÍDUOS DE ESGOTAMENTO Alto até 200 demais
Resolução (m³/dia) a 1000 a 2000 a 10000
395/2019 SANITÁRIO

3512,40 SISTEMA DE TRATAMENTO DE Vazão afluente De 100,01 De 250,01 De 500,01


RESÍDUOS DE ESGOTAMENTO Alto Até 100,00 demais
(m³/dia) a 250,00 a 500,00 a 1000,00
SANITÁRIO
3512,50
Excluído pela UNIDADE GERENCIADORA DE de 60,01 a de 300,01 de 600,01
Tonelada/mês Alto até 60,00 demais
Resolução LODO DE ETE - UGL 300,00 a 600,00 a 3000,00
389/2018

TRATAMENTO
CENTRALIZADO/DISPOSIÇÃO DE
EFLUENTES LÍQUIDOS
INDUSTRIAIS
COLETA/ TRATAMENTO Vazão afluente
na ETE de 20,01 a de 100,01 de 500,01
3513,10 CENTRALIZADO DE EFLUENTES Alto até 20,00 demais
100 a 500 a 1.000
LÍQUIDOS INDUSTRIAIS (m³/dia)
3513,20
APLICAÇÃO DE EFLUENTE Volume
Alterado pela de 20,01 a de 60,01 a de 150,01 a
INDUSTRIAL TRATADO EM SOLO Médio até 20,00 demais
Resolução (m³/ dia) 60,00 150,00 300,00
AGRÍCOLA
403/2019
APLICAÇÃO DE EFLUENTE Volume de 20,01 a de 60,01 a de 150,01
3513,20 INDUSTRIAL TRATADO EM SOLO Médio até 20,00 demais
(m³/ dia) 60,00 150,00 a 300,00
AGRÍCOLA
3513,30 APLICAÇÃO DE EFLUENTE
Alterado pela Volume de 20,01 a de 60,01 a de 150,01
(EXCETO INDUSTRIAL) TRATADO Médio até 20,00 demais
Resolução (m³/dia) 60,00 150,00 a 300,00
379/2018 EM SOLO AGRÍCOLA

3513,30
APLICAÇÃO DE EFLUENTE (EXCETO
Alterado pela de 20,01 a de 60,01 a de 150,01 a
INDUSTRIAL) TRATADO EM SOLO Volume (m³/dia) Médio até 20,00 demais
Resolução 60,00 150,00 300,00
AGRÍCOLA
403/2019

APLICAÇÃO DE EFLUENTE
Volume de 20,01 a de 60,01 a de 150,01
3513,30 (EXCETO INDUSTRIAL) TRATADO Médio até 20,00 demais
(m³/dia) 60,00 150,00 a 300,00
EM SOLO AGRÍCOLA

LIMPEZA E/OU DRAGAGEM


33

LIMPEZA DE CANAIS DE Comprimento de 501 a de 1001 a de 2000,01 de 5000,01


3514,10 Baixo até 500 demais
DRENAGEM PLUVIAL URBANA (m) 1000 2000,00 a 5000,00 a 10000,00

DESASSOREAMENTO (LIMPEZA
Comprimento de 501,00 de 2001,00 de 5001,00
3514,30 E DRAGAGEM) DE CURSOS Alto até 500,00 demais
(m) a 2000,00 a 5000,00 a 10000,00
D'AGUA NATURAL

MANUTENÇÃO DE CANAIS DE Comprimento de 2,51 a de 5,01 a de 10,01 a


3514,40 Alto até 2,50 demais
NAVEGAÇÃO (km) 5,00 10,00 20,00

CAPINA QUÍMICA COM USO DE de


de 500,01 de 2000,01
3515,00 HERBICIDAS, EXCETO EM Área útil (m²) Alto até 500,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
IMÓVEIS RURAIS 50000,00
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
RESÍDUO SÓLIDO URBANO,
SERVIÇOS DE SAÚDE E
CONSTRUÇÃO CIVIL
RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS -
RSU
CENTRAL TRIAGEM E Quantidade de
de 5,01 a de 50,01 a 100,01 a
3541,10 COMPOSTAGEM DE RSU COM resíduo Médio até 5,00 demais
50,00 100,00 200,00
ESTAÇÃO DE TRANSBORDO (ton/dia)
CENTRAL TRIAGEM DE RSU Quantidade de
de 5,01 a de 50,01 a de 100,01
3541,11 COM ESTAÇÃO DE resíduo Médio até 5,00 demais
50,00 100,00 a 200,00
TRANSBORDO (ton/dia)
Quantidade de
CENTRAL DE RECEBIMENTO DE de 1,01 a de 5,01 a de 20,01 a
3541,12 resíduo Baixo até 1,00 demais
RESÍDUOS DE PODA 5,00 20,00 50,00
(ton/dia)
CLASSIFICAÇÃO/SELEÇÃO DE
de 250,01 de 500,01 de 2500,01
3541,13 RSU ORIUNDO DE COLETA Área útil (m²) Baixo até 250,00 demais
a 500,00 a 2500,00 a 10000,00
SELETIVA
Quantidade de
ESTAÇÃO DE TRANSBORDO DE de 5,01 a de 50,01 a de 100,01
3541,20 resíduo Médio até 5,00 demais
RSU 50,00 100,00 a 200,00
(ton/dia)
Quantidade de
ATERRO SANITÁRIO COM de 5,01 a de 20,01 a 70,01 a
3541,30 resíduo Alto até5,00 demais
CENTRAL DE TRIAGEM DE RSU 20,00 70,00 200,00
(ton/dia)
ATERRO SANITÁRIO COM Quantidade de
de 5,01 a de 20,01 a 70,01 a
3541,31 CENTRAL DE TRIAGEM E resíduo Alto até 5,00 demais
20,00 70,00 200,00
COMPOSTAGEM DE RSU (ton/dia)
Quantidade de
de 5,01 a de 20,01 a 70,01 a
3541,32 ATERRO SANITÁRIO DE RSU resíduo Alto até 5,00 demais
20,00 70,00 200,00
(ton/dia)
Quantidade de
USINAS DE COMPOSTAGEM DE de 5,01 a de 50,01 a de 100,01
3541,50 resíduo Médio até 5,00 demais
RSU 50,00 100,00 a 200,00
(ton/dia)
3541,70 OUTRA FORMA DE DESTINAÇÃO Quantidade de
Alterado pela de 5,01 a de 20,01 a 70,01 a
DE RSU COM ATERRO, NÃO resíduo Alto até5,00 demais
Resolução 20,00 70,00 200,00
389/2018 ESPECIFICADA (ton/dia)
Quantidade de
PROCESSAMENTO DE RESÍDUO de 5,01 a de 20,01 a 70,01 a
3541,70 resíduo Alto até5,00 demais
SÓLIDO URBANO 20,00 70,00 200,00
(ton/dia)
3541,71 OUTRA FORMA DE DESTINAÇÃO Quantidade de
Excluído pela de 5,01 a de 20,01 a 70,01 a
DE RSU SEM ATERRO, NÃO resíduo Médio até5,00 demais
Resolução 20,00 70,00 200,00
389/2018 ESPECIFICADA (ton/dia)
área útil em m²
3541,80 (disposição de
Alterado pela REMEDIAÇÃO DE ÁREA DEGRADADA resíduos e até de 10.000,01 de 30.000,01 de 70.000,01
Alto demais
Resolução POR DISPOSIÇÃO DE RSU Estação 10.000,00 a 30.000,00 a 70.000,00 a 100.000,00
375/2018 tratamento de
efluentes)
de de de
REMEDIAÇÃO DE ÁREA área útil até 10.000,01 30.000,01 70.000,01
3541,80 DEGRADADA POR DISPOSIÇÃO Alto demais
(m²) 10.000,00 a a a
DE RSU
30.000,00 70.000,00 100.000,00
área útil em m²
3541,90 (disposição de
MONITORAMENTO DE ÁREA
Alterado pela resíduos e até de 10.000,01 de 30.000,01 de 70.000,01
REMEDIADA OU DEGRADADA POR Médio demais
Resolução Estação 10.000,00 a 30.000,00 a 70.000,00 a 100.000,00
375/2018 DISPOSIÇÃO DE RSU
tratamento de
efluentes)

de de de
MONITORAMENTO DE ÁREA área útil até 10.000,01 30.000,01 70.000,01
3541,90 REMEDIADA OU DEGRADADA Médio demais
(m²) 10.000,00 a a a
POR DISPOSIÇÃO DE RSU
30.000,00 70.000,00 100.000,00
RESÍDUOS SÓLIDOS DE
SERVIÇO DE SAÚDE - RSSS

Quantidade de de 20,01 a de 100,01 de 300,01


3543,10 ATERRO DE RSSS Alto até 20,00 demais
resíduo (kg/dia) 100,00 a 300,00 a 750,00

ATERRO COM TRATAMENTO DE Quantidade de de 20,01 a de 100,01 de 300,01


3543,13 Alto até 20,00 demais
RSSS resíduo (kg/dia) 100,00 a 300,00 a 750,00
34

Quantidade de de 20,01 a de 100,01 de 300,01


3543,40 INCINERAÇÃO DE RSSS Alto até 20,00 demais
resíduo (kg/dia) 100,00 a 300,00 a 750,00
3543,50 volume total de
Alterado pela resíduos de 20,01 a de 100,01 a de 300,01 a
TRATAMENTO DE RSSS Médio até 20,00 demais
Resolução 100,00 300,00 750,00
375/2018 (m³/mês)
volume total de
de 20,01 a de 100,01 de 300,01
3543,50 TRATAMENTO DE RSSS resíduos Médio até 20,00 demais
100,00 a 300,00 a 750,00
(kg/dia)
volume total de
de 30,01 a de 150,01 de 300,01
3543,60 ENTREPOSTO DE RSSS resíduos Médio até 30,00 demais
150,00 a 300,00 a 500,00
(m³/mês)
área útil em m²
3543,80 (disposição de
Alterado pela REMEDIAÇÃO DE ÁREA DEGRADADA até de 10.000,01 de 30.000,01 de 70.000,01
resíduos e Estação Alto demais
Resolução POR DISPOSIÇÃO DE RSSS tratamento de 10.000,00 a 30.000,00 a 70.000,00 a 100.000,00
375/2018
efluentes)

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
de de de
REMEDIAÇÃO DE ÁREA área útil até 10.000,01 30.000,01 70.000,01
3543,80 DEGRADADA POR DISPOSIÇÃO Alto demais
(m²) 10.000,00 a a a
DE RSSS
30.000,00 70.000,00 100.000,00
área útil em m²
3543,90 (disposição de
MONITORAMENTO DE ÁREA
Alterado pela resíduos e até de 10.000,01 de 30.000,01 de 70.000,01
REMEDIADA OU DEGRADADA POR Médio demais
Resolução Estação 10.000,00 a 30.000,00 a 70.000,00 a 100.000,00
375/2018 DISPOSIÇÃO DE RSSS
tratamento de
efluentes)

de de de
MONITORAMENTO DE ÁREA área útil até 10.000,01 30.000,01 70.000,01
3543,90 REMEDIADA OU DEGRADADA Médio demais
(m²) 10.000,00 a a a
POR DISPOSIÇÃO DE RSSS
30.000,00 70.000,00 100.000,00

RESÍDUOS SÓLIDOS DE
CONSTRUÇÃO CIVIL - RSCC

Volume de
ATERRO DE RSCC COM OU SEM de 25,01 a de 100,01 de 300,01
3544,10 recebimento Baixo até 25,00 demais
TRIAGEM 100,00 a 300,00 a 1000,00
(m³/dia)
ATERRO DE RSCC COM Volume de
de 25,01 a de 100,01 de 300,01
3544,11 BENEFICIAMENTO, COM OU SEM recebimento Médio até 25,00 demais
100,00 a 300,00 a 1000,00
TRIAGEM (m³/dia)
ESTAÇÃO DE TRANSBORDO
Volume de
COM OU SEM CENTRAL DE de 25,01 a de 100,01 de 300,01
3544,20 recebimento Médio até 25,00 demais
TRIAGEM COM 100,00 a 300,00 a 1000,00
(m³/dia)
BENEFICIAMENTO DE RSCC
ESTAÇÃO DE TRANSBORDO Volume de
de 25,01 a de 100,01 de 300,01
3544,22 COM OU SEM CENTRAL DE recebimento Baixo até 25,00 demais
100,00 a 300,00 a 1000,00
TRIAGEM DE RSCC (m³/dia)
OUTRA FORMA DE DESTINAÇÃO
Volume de
DE RSCC COM de 25,01 a de 100,01 de 300,01
3544,40 recebimento Médio até 25,00 demais
BENEFICIAMENTO NÃO 100,00 a 300,00 a 1000,00
(m³/dia)
ESPECIFICADA

OUTRA FORMA DE DESTINAÇÃO Volume de


de 25,01 a de 100,01 de 300,01
3544,41 DE RSCC SEM BENEFICIAMENTO recebimento Baixo até 25,00 demais
100,00 a 300,00 a 1000,00
NÃO ESPECIFICADA (m³/dia)

área útil em m²
3544,50 (disposição de
Alterado pela REMEDIAÇÃO DE ÁREA DEGRADADA resíduos e até de 10.000,01 de 30.000,01 de 70.000,01
Baixo demais
Resolução POR DISPOSIÇÃO DE RSCC Estação 10.000,00 a 30.000,00 a 70.000,00 a 100.000,00
375/2018 tratamento de
efluentes)

de de de
REMEDIAÇÃO DE ÁREA área útil até 10.000,01 30.000,01 70.000,01
3544,50 DEGRADADA POR DISPOSIÇÃO Baixo demais
(m²) 10.000,00 a a a
DE RSCC
30.000,00 70.000,00 100.000,00
área útil em m²
3544,60 (disposição de
MONITORAMENTO DE ÁREA
Alterado pela resíduos e até de 10.000,01 de 30.000,01 de 70.000,01
REMEDIADA OU DEGRADADA POR Baixo demais
Resolução Estação 10.000,00 a 30.000,00 a 70.000,00 a 100.000,00
375/2018 DISPOSIÇÃO DE RSCC
tratamento de
efluentes)

de de de
MONITORAMENTO DE ÁREA área útil até 10.000,01 30.000,01 70.000,01
3544,60 REMEDIADA OU DEGRADADA Baixo demais
(m²) 10.000,00 a a a
POR DISPOSIÇÃO DE RSCC
30.000,00 70.000,00 100.000,00
COMÉRCIO
COMERCIO/DISTRIBUIDORA
COMÉRCIO DE PRODUTOS
QUÍMICOS
35

4111,00
DEPÓSITO PARA ARMAZENAMENTO
Alterado pela de 250,01 a de 5000,01 a de 10000,01
DE PRODUTOS PERIGOSOS (EXCETO Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
Resolução 5000,00 10000,00 a 40000,00
COMBUSTÍVEIS E AGROTÓXICOS)
403/2019

DEPÓSITO PARA
ARMAZENAMENTO DE
Capacidade de de 15,01 a de 50,01 a de 200,01 de 500,01
4111,00 PRODUTOS PERIGOSOS Alto Até 15 demais
estoque (m³) 50,00 200,00 a 500,00 a 1000,00
(EXCETO COMBUSTÍVEIS E
AGROTÓXICOS)
DISTRIBUIDORAS EM GERAL
4130,90 DEPÓSITOS PARA
Alterado pela todos os
ARMAZENAMENTO DE Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018 PRODUTOS NÃO PERIGOSOS
DEPÓSITOS PARA
4130,90 ARMAZENAMENTO DE
de 5,01 a de 10,01 a de 20,01 a de 50,01 a
PRODUTOS NÃO PERIGOSOS Área útil (ha) Baixo Até 5,00 demais
10,00 20,00 50,00 100,00
(CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO/
COMPLEXO LOGÍSTICO)
SHOPPING CENTER /
de
SUPERMERCADO / de 500,01 de 3000,01 de 5000,01
4140,00 Área útil (m²) Baixo até 500,00 10000,01 a demais
MINIMERCADO / CENTRO a 3000,00 a 5000,00 a 10000,00
40000,00
COMERCIAL
UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
4170,00
Excluído pela todos os
COMÉRCIO EM GERAL Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018
TRANSPORTES, TERMINAIS E
DEPÓSITOS

TRANSPORTE DE PRODUTOS
E/OU RESÍDUOS PERIGOSOS

TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE
PRODUTOS E/OU RESÍDUOS
PERIGOSOS EM QUANTIDADE Número de de 2,00 a de 6,00 a de 16,00 a
4710,10 Médio até 1,00 demais
ACIMA DOS LIMITES DE Veículos 5,00 15,00 50,00
ISENÇÃO ESTABELECIDOS PELA
ANTT

COLETA E TRANSPORTE DE
Número de de 2,00 a de 6,00 a de 16,00 a
4710,11 ÓLEO LUBRIFICANTE USADO OU Médio até 1,00 demais
Veículos 5,00 15,00 50,00
CONTAMINADO

COLETA E TRANSPORTE DE
Número de de 2,00 a de 6,00 a de 16,00 a
4710,12 RESÍDUOS DE ESGOTAMENTO Médio até 1,00 demais
Veículos 5,00 15,00 50,00
SANITÁRIO

TRANSPORTE FERROVIÁRIO DE
Número de de 25,01 a de 50,01 a de 150,01
4710,20 PRODUTOS E/OU RESÍDUOS Alto até 25,00 demais
Veículos 50,00 150,00 a 500,00
PERIGOSOS
TRANSPORTE HIDROVIÁRIO DE
Número de de 1,010 a de 3,01 a de 6,01 a
4710,30 PRODUTOS E/OU RESÍDUOS Alto até 1,00 demais
embarcações 3,00 6,00 12,00
PERIGOSOS
4710,40
4730,40
PONTO DE ENTREGA GÁS
Alterado pela NATURAL / CITY GATE DE GÁS Não se aplica Médio único
Resolução NATURAL
375/2018

TRANSPORTE POR DUTOS

TRANSPORTE POR OLEODUTOS/ Comprimento de 5,01 a de 10,01 a de 20,01 a


4711,10 Alto até 5,00 demais
GASODUTOS (km) 10,00 20,00 50,00

TRANSPORTE POR Comprimento de 5,01 a de 10,01 a de 20,01 a


4711,20 Médio até 5,00 demais
MINERODUTOS (km) 10,00 20,00 50,00

RAMAL DE DISTRIBUIÇÃO DE
Comprimento de 5,01 até de 10,01 de 20,001
4711,30 GÁS NATURAL (RDGN) DE ALTA Médio até 5 demais
(km) 10 até 20,00 até 50,000
PRESSÃO, ACIMA DE 21 bar

4711,50 RAMAL DE DISTRIBUIÇÃO DE


Excluído pela Comprimento todos os
GÁS NATURAL (RDGN) DE BAIXA Baixo
Resolução (km) portes
379/2018 PRESSÃO ATÉ 21 bar

PORTOS E SIMILARES

ATRACADOURO / PÍER / Comprimento de 101,00 de 251,00 de 1001,00


4720,10 Médio até 100,00 demais
TRAPICHE / ANCORADOURO (m) a 250,00 a 1000,00 a 2500,00

de 250,01 de 1000,01 de 5000,01


4720,20 MARINA Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
36

de 2,51 a de 5,01 a de 10,01 a


4720,50 PORTO Área total (ha) Alto até 2,50 demais
5,00 10,00 20,00

TERMINAIS

de 5,01 a de 10,01 a de 50,01 a


4730,10 AERÓDROMO Área total (ha) Médio até 5,00 demais
10,00 50,00 500,00

4730,11
4730,10
Alterado pela
Resolução todos os
HELIPONTO Área total (ha) Baixo
375/2018 portes
Excluído pela
Resolução
379/2018

Comprimento de 100,01 de 200,01 de 500,01


4730,20 TELEFÉRICO Médio até 100,00 demais
(m) a 200,00 a 500,00 a 1000,00

de 5,01 a de 10,01 a de 50,01 a


4730,30 AEROPORTO/ HELIPORTO Área total (ha) Médio até 5,00 demais
10,00 50,00 500,00

TERMINAL HIDROVIÁRIO DE de 250,01 de 500,01 de 5000,01


4730,40 Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
MINERIOS a 500,00 a 5000,00 a 10000,00

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

TERMINAL HIDROVIÁRIO DE de 250,01 de 500,01 de 5000,01


4730,41 Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
CARVÃO a 500,00 a 5000,00 a 10000,00

TERMINAL DE PETROLEO E de 250,01 de 500,01 de 5000,01


4730,50 Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
DERIVADOS a 500,00 a 5000,00 a 10000,00

TERMINAL DE PRODUTOS de 250,01 de 500,01 de 5000,01


4730,60 Área útil (m²) Alto até 250,00 demais
QUÍMICOS a 500,00 a 5000,00 a 10000,00

COLETA E TRANSPORTE DE
CARGAS/RESÍDUOS SÓLIDOS
NÃO PERIGOSOS

4740,10 Nº
Excluído pela COLETA E TRANSPORTE DE veículos/Embar todos os
Baixo
Resolução RESÍDUO CLASSE II cações/Aerona portes
379/2018 ves

4740,40 Nº
TRANSPORTE DE
Excluído pela veículos/Embar todos os
EQUIPAMENTOS DE GRANDE Baixo
Resolução cações/Aerona portes
379/2018 PORTE
ves
DEPÓSITOS
4750,10 DEPÓSITOS DE GLP (EM
Alterado pela de 20,01 a de 50,01 a de 100,01 de 200,01
BOTIJÕES, SEM MANIPULAÇÃO, Área útil (m²) Médio até 20 demais
Resolução 50 100,00 a 200,00 a 1000,00
379/2018
CODIGO ONU 1075)
4750,10
Revogado DEPÓSITOS DE GLP (EM BOTIJÕES,
Todos os
pela SEM MANIPULAÇÃO, CODIGO ONU Área útil (m²) Baixo
portes
Resolução 1075)
381/2018

ARMAZENAGEM DE de 100,01 de 300,01 de 1000,01


4750,20 Área útil (m²) Alto até 100,00 demais
AGROTÓXICOS a 300,00 a 1000,00 a 2000,01

UNIDADES DE RECEBIMENTO DE
de 150,01 de 400,01 de 800,01
4750,30 EMBALAGENS VAZIAS DE Área útil (m²) Alto até 150,00 demais
a 400,00 a 800,00 a 1600,00
AGROTÓXICOS
POSTO DE ABASTECIMENTO
PRÓPRIO (DEPÓSITO DE
COMBUSTÍVEIS)
POSTO DE ABASTECIMENTO
PRÓPRIO COM TANQUES de 45,01 a de 90,01 a de 135,01
4750,51 Volume (m³) Médio até 45,00 demais
SUBTERRÂNEOS (DEPÓSITO DE 90,00 135,00 a 180,00
COMBUSTÍVEIS)

POSTO DE ABASTECIMENTO
PRÓPRIO COM TANQUES de 15,01 a de 45,01 a de 90,01 a de 135,01
4750,52 Volume (m³) Médio até 15m3 demais
ÁEREOS (DEPÓSITO DE 45,00 90,00 135,00 a 180,00
COMBUSTÍVEIS)
DEPÓSITO/COMÉRCIO
4750,70
Excluído pela de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
COMPLEXO LOGÍSTICO Área total (ha) Médio até 5,00 demais
Resolução 20,00 50,00 100,00
379/2018
37

DEPÓSITO/ COMÉRCIO
de
ATACADISTA DE COMBUSTÍVEIS até de 1000,01 de 5000,01
4751,10 Área útil (m²) Médio 10000,01 a demais
LÍQUIDOS (BASES DE 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
20000,00
DISTRIBUIÇÃO)

DEPÓSITO/ COMÉRCIO
de
ATACADISTA DE COMBUSTÍVEIS até de 1000,01 de 5000,01
4751,20 Área útil (m²) Médio 10000,01 a demais
GASOSOS (BASES DE 1000,05 a 5000,05 a 10000,05
20000,05
DISTRIBUIÇÃO)
DEPÓSITO/ COMÉRCIO
de 100,01 de 300,01 de 1000,01
4751,30 VAREJISTA DE COMBUSTÍVEIS Área útil (m²) Médio até 100,00 demais
a 300,00 a 1000,00 a 5000,00
(POSTO DE GASOLINA)
TRANSPORTADOR-
de 45,01 a de 90,01 a de 135,01
4751,40 REVEDENDOR- RETALHISTA Volume (m³) Médio até 45,00 demais
90,00 135,00 a 180,00
(TRR)

DEPÓSITO/COMÉRCIO DE de 100,01 de 300,01 de 1000,01


4751,50 Área útil (m²) Médio até 100,00 demais
ÓLEOS USADOS, EXCETO OLUC a 300,00 a 1000,00 a 5000,00

BASE DE ARMAZENAMENTO DE
de 100,01 de 300,01 de 1000,01
4751,60 ÓLEO LUBRIFICANTE USADO OU Área útil (m²) Alto até 100,00 demais
a 300,00 a 1000,00 a 5000,00
CONTAMINADO - OLUC
4751,70 CENTRO DE DESMANCHE E/OU
Alterado pela de 50,01 a de 250,01 de 1000,01
REMOÇÃO E DEPÓSITO DE Área útil (m²) Médio até 50,00 demais
Resolução 250,00 a 1000,00 a 5000,00
VEÍCULOS
381/2018

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

CENTRO DE DESMANCHE E/OU de


de 250,01 de 2000,01
4751,70 REMOÇÃO E DEPÓSITO DE Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 2000,00 a 10000,00
VEÍCULOS 50000,00

4751,80 BASE DE OPERAÇÕES DE


Incluído pela RESÍDUO DE ESGOTAMENTO de 250,01 de 1000,01 de 5000,01
Resolução Área útil (m²) Médio até 250,00 demais
SANITÁRIO E BANHEIRO a 1000,00 a 5000,00 a 10000,00
389/2018
QUÍMICO.
SERVIÇOS PRESTADOS A
COMUNIDADE

SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO
TELEFÔNICA

4810,00
Excluído pela Comprimento todos os
SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES Baixo
Resolução (km) portes
379/2018
4810,10
Excluído pela INSTALAÇÃO DE LINHA Comprimento todos os
Baixo
Resolução TELEFÔNICA (km) portes
379/2018
4810,11
Excluído pela INSTALAÇÃO DE LINHA Comprimento todos os
Baixo
Resolução TELEFÔNICA SUBFLUVIAL (km) portes
379/2018
4811,00
Excluído pela INSTALAÇÃO DE CABOS DE Comprimento todos os
Baixo
Resolução FIBRA ÓPTICA (km) portes
379/2018

REDE/ ANTENA PARA


Valor único por
4812,00 TELEFONIA MÓVEL/ ESTAÇÃO Baixo Único
local
RÁDIO - BASE

SERVIÇOS DE ALOJAMENTO E
ALIMENTAÇÃO

5110,00
Excluído pela todos os
HOTEL / POUSADA Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018
5120,00
Excluído pela BAR/BOATE/DANCETERIA/CASA todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução DE SHOWS portes
379/2018
RESTAURANTE/REFEITÓRIO/
5130,00
Excluído pela LANCHONETE/QUIOSQUE/ todos os
TRAILER FIXO Área útil (m²) Baixo
Resolução portes
379/2018

SERVIÇOS DOMICILIARES
SERVIÇOS DE LIMPEZA E
DESINFECÇÃO
SERVIÇOS DE LIMPEZA E
5410,10
Excluído pela DESINFECÇÃO DE Valor único por todos os
RESERVATÓRIOS DE ÁGUA Baixo
Resolução local portes
379/2018

5410,90
Excluído pela SERVIÇOS DE LIMPEZA DE todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução INSTALAÇÕES EM GERAL portes
379/2018
38

LABORATÓRIOS (EXCETO DE
TESTES DE
PROCESSOS/PRODUTOS
INDUSTRIAIS)

LABORATÓRIO DE ANALISES
FÍSICO-QUÍMICAS/ CLÍNICAS/ de 50,01 a de 250,01 de 1000,01
5710,20 BIOLÓGICAS/TOXICOLOGICAS Área útil (m²) Médio até 50,00 demais
250,00 a 1000,00 a 5000,00

TURISMO

ÁREA DE LAZER
(CAMPING/BALNEÁRIO/PARQUE de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a
6111,00 TEMÁTICO) Área útil (ha) Baixo até 5,00 demais
20,00 50,00 100,00

ÁREA DE LAZER COM de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a


6111,10 Área útil (ha) Baixo até 5,00 demais
EXTRAÇÃO DE ÁGUA MINERAL 20,00 50,00 100,00

AUTÓDROMO/ KARTÓDROMO/ de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a


6112,00 Área útil (ha) Médio até 5,00 demais
PISTA DE MOTOCROSS 20,00 50,00 100,00

PARQUE DE EXPOSIÇÕES
/PARQUE DE EVENTOS de 5,01 a de 20,0100 de 50,01 a
6113,00 Área útil (ha) Baixo até 5,00 demais
20,00 a 50,0000 100,00

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE
6114,00
Excluído pela MUSEU/ ANFITEATRO/JARDIM todos os
Área útil (ha) Baixo
Resolução BOTÂNICO portes
379/2018

de 5,01 a de 20,01 a de 50,01 a


6115,00 OCEANÁRIO/ZOOLOGICO Área útil (ha) Médio até 5,00 demais
20,00 50,00 100,00

SERVICOS COLETIVOS
PRESTADOS A COMUNIDADE
PELA ADMINISTRACAO PÚBLICA

ESTABELECIMENTO PRISIONAL de 5,01 a de 10,01 a de 20,00 a


6210,00 Área total (ha) Médio até 5,00 demais
10,00 20,00 50,00

de
de 250,01 de 5000,01
6211,00 ADUANA Área útil (m²) Médio até 250,00 10000,01 a demais
a 5000,00 a 10000,00
40000,00
SAÚDE E TRABALHO SOCIAL

SERVIÇOS DE SAÚDE

de 21,00 a de 50,00 a de 201,00


8110,00 HOSPITAIS n° de leitos Médio até 20,00 demais
49,00 200,00 a 500,00

8120,00
Alterado pela de 100,01 de 500,01 de 1000,01
CLÍNICAS MÉDICAS Área útil (m²) Médio até 100,00 demais
Resolução a 500,00 a 1000,00 a 5000,00
379/2018
CLÍNICAS MÉDICAS/ UNIDADES
DE PRONTO ATENDIMENTO / De 700,01 de 1000,01 de 2000,01 de 3500,01
8120,00 Área útil (m²) Médio Até 700,00 demais
POSTOS DE SAÚDE / CLÍNICAS a 1000,00 a 2000,00 a 3500,00 a 5000,00
ODONTOLÓGICAS
SERVIÇOS VETERINÁRIOS

HOSPITAIS OU CLÍNICAS de 100,01 de 500,01 de 1000,01


8210,00 Área útil (m²) Médio até 100,00 demais
VETERINÁRIAS a 500,00 a 1000,00 a 5000,00

DIVERSOS
ATIVIDADES ASSOCIATIVAS
9110,00
Excluído pela INSTITUIÇÃO RELIGIOSA/ todos os
Área útil (m²) Baixo
Resolução TEMPLO/ CAPELA portes
379/2018
ATIVIDADES DESPORTIVAS E
OUTRAS ATIVIDADES
RELACIONADAS AO LAZER
9210,10
Alterado pela CENTRO ESPORTIVO E/OU de 5,01 a de 20,1 a de 50,1 a
Área útil (ha) Baixo até 5 demais
Resolução RECREATIVO /ESTÁDIO 20,0 50,0 100,0
395/2019

CENTRO ESPORTIVO E/OU De 3,01 a De 10,01 a de 20,1 a de 50,1 a


9210,10 Área útil (ha) Baixo Até 3,00 demais
RECREATIVO /ESTÁDIO 10,00 20,00 50,0 100,0

MANEJO DE VEGETAÇÃO
39

10430,10 MANEJO FLORESTAL PARA


Alterado pela IMPLANTAÇÃO DE REDES DE de 1,0001 de 10,0001 de 50,0001
Área total (ha) Médio até 1,0000 demais
Resolução DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA a 10,0000 a 50,0000 a 200,0000
381/2018 ELÉTRICA ATÉ 38 kV
MANEJO FLORESTAL PARA
IMPLANTAÇÃO DE REDES DE
10430,10 DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA de 1,0001 de 10,0001 de 50,0001
Área total (ha) Médio até 1,0000 demais
ELÉTRICA ATÉ 38 kV (ATIVIDADE a 10,0000 a 50,0000 a 200,0000
SINAFLOR/IBAMA: USO
ALTERNATIVO DO SOLO)

10430,20 MANEJO DE VEGETAÇÃO EM


Alterado pela FAIXAS DE SEGURANÇA DAS
Não se aplica Baixo único
Resolução REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE
381/2018 ENERGIA ELÉTRICA ATÉ 38 kV

MANEJO DE VEGETAÇÃO EM
FAIXAS DE SEGURANÇA DAS
REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE
10430,20 Não se aplica Baixo único
ENERGIA ELÉTRICA ATÉ 38 Kv
(ATIVIDADE SINAFLOR/IBAMA:
USO ALTERNATIVO DO SOLO)
10440,00 CORTE OU TRANSPLANTE DE
Alterado pela ÁRVORES PARA MANUTENÇÃO de 1,0001 de 10,0001 de 50,0001
Área total (ha) Baixo até 1,0000 demais
Resolução DE RODOVIAS E ESTRADAS, a 10,0000 a 50,0000 a 200,0000
381/2018 EXCETO MUNICIPAIS
CORTE OU TRANSPLANTE DE
ÁRVORES PARA MANUTENÇÃO
DE RODOVIAS E ESTRADAS, de 1,0001 de 10,0001 de 50,0001
10440,00 Área total (ha) Baixo até 1,0000 demais
EXCETO MUNICIPAIS (ATIVIDADE a 10,0000 a 50,0000 a 200,0000
SINAFLOR/IBAMA: USO
ALTERNATIVO DO SOLO)

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

10440,10 CORTE OU TRANSPLANTE DE


Alterado pela ÁRVORES PARA MANUTENÇÃO
Não se aplica Baixo Único
Resolução DE RODOVIAS E ESTRADAS
381/2018 MUNICIPAIS
CORTE OU TRANSPLANTE DE
ÁRVORES PARA MANUTENÇÃO
10440,10 DE RODOVIAS E ESTRADAS
Não se aplica Baixo Único
MUNICIPAIS (ATIVIDADE
SINAFLOR/IBAMA: USO
ALTERNATIVO DO SOLO)
10440,20 MANEJO DA ARBORIZAÇÃO
Alterado pela URBANA, ARBORETOS E Não se aplica Baixo Único
Resolução
381/2018 ÁRVORES ISOLADAS
MANEJO DA ARBORIZAÇÃO
URBANA, ARBORETOS E
10440,20 ÁRVORES ISOLADAS (ATIVIDADE Não se aplica Baixo Único
SINAFLOR/IBAMA: CORTE DE
ÁRVORES ISOLADAS)

10450,00 CORTE OU TRANSPLANTE DE


Alterado pela ÁRVORES NATIVAS POR DANO
árvores Médio até 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
Resolução CONTINUADO AO PATRIMÔNIO /
381/2018 CAUSANDO RISCO DE ACIDENTE

CORTE OU TRANSPLANTE DE
ÁRVORES NATIVAS POR DANO
CONTINUADO AO PATRIMÔNIO /
10450,00 árvores Médio até 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
CAUSANDO RISCO DE ACIDENTE
(ATIVIDADE SINAFLOR/IBAMA:
CORTE DE ÁRVORES ISOLADAS)

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
NATIVA EM ESTÁGIO MÉDIO DE
10710,00 Não se aplica Médio Único
REGENERAÇÃO NATURAL ATÉ 2
HA NO BIOMA MATA ATLÂNTICA

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
10710,00 NATIVA EM ESTÁGIO MÉDIO DE
Alterado pela REGENERAÇÃO NATURAL ATÉ 2
Não se aplica Médio Único
Resolução HA NO BIOMA MATA ATLÂNTICA
381/2018 (ATIVIDADE SINAFLOR/IBAMA:
USO ALTERNATIVO DO SOLO)
SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
NATIVA EM ESTÁGIO INICIAL DE
10720,00 REGENERAÇÃO NATURAL OU DE de de
Alterado pela até de 40,0001
FORMAÇÃO FLORESTAL COM Área total (ha) Médio 300,0001 600,0001 a demais
Resolução 40,0000 a 300,000
381/2018 ESPÉCIES PIONEIRAS PARA USO 600,0000 1000,0000
ALTERNATIVO DO SOLO NO
BIOMA MATA ATLÂNTICA
40

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
NATIVA EM ESTÁGIO INICIAL DE
REGENERAÇÃO NATURAL OU DE
10720,00 FORMAÇÃO FLORESTAL COM de de
até de 40,0001
ESPÉCIES PIONEIRAS PARA USO Área total (ha) Médio 300,0001 600,0001 a demais
40,0000 a 300,000
ALTERNATIVO DO SOLO NO 600,0000 1000,0000
BIOMA MATA ATLÂNTICA
(ATIVIDADE SINAFLOR/IBAMA:
USO ALTERNATIVO DO SOLO)

10740,00 SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO


de de
Alterado pela NATIVA NO BIOMA PAMPA PARA até de 40,0001
Área total (ha) Médio 300,0001 600,0001 a demais
Resolução USO ALTERNATIVO DO SOLO EM 40,0000 a 300,000
381/2018 600,0000 1000,0000
ZONA RURAL

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
NATIVA NO BIOMA PAMPA PARA
de de
USO ALTERNATIVO DO SOLO EM até de 40,0001
10740,00 Área total (ha) Médio 300,0001 600,0001 a demais
ZONA RURAL (ATIVIDADE 40,0000 a 300,000
600,0000 1000,0000
SINAFLOR/IBAMA: USO
ALTERNATIVO DO SOLO)

10740,20 SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO


Alterado pela NATIVA NO BIOMA PAMPA PARA
Não se aplica Médio Único
Resolução USO ALTERNATIVO DO SOLO EM
381/2018 ZONA URBANA

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
NATIVA NO BIOMA PAMPA PARA
USO ALTERNATIVO DO SOLO EM
10740,20 Não se aplica Médio Único
ZONA URBANA (ATIVIDADE
SINAFLOR/IBAMA: USO
ALTERNATIVO DO SOLO)

INTERVENÇÃO E/OU
SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
10720,10 NATIVA PARA REALIZAÇÃO DE
Alterado pela Não se aplica Médio Único
Resolução
ATIVIDADES DE BAIXO IMPACTO
381/2018 AMBIENTAL EM ÁREA DE
PRESERVAÇÃO PERMANENTE
NO BIOMA MATA ATLÂNTICA

INTERVENÇÃO E/OU
SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
NATIVA PARA REALIZAÇÃO DE
ATIVIDADES DE BAIXO IMPACTO
10720,10 AMBIENTAL EM ÁREA DE Não se aplica Médio Único
PRESERVAÇÃO PERMANENTE
NO BIOMA MATA ATLÂNTICA
(ATIVIDADE SINAFLOR/IBAMA:
USO ALTERNATIVO DO SOLO)

INTERVENÇÃO E/OU
SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
10740,10 NATIVA PARA REALIZAÇÃO DE
Alterado pela Não se aplica Médio Único
Resolução
ATIVIDADES DE BAIXO IMPACTO
381/2018 AMBIENTAL EM ÁREA DE
PRESERVAÇÃO PERMANENTE
NO BIOMA PAMPA

INTERVENÇÃO E/OU
SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
NATIVA PARA REALIZAÇÃO DE
ATIVIDADES DE BAIXO IMPACTO
10740,10 AMBIENTAL EM ÁREA DE Não se aplica Médio Único
PRESERVAÇÃO PERMANENTE
NO BIOMA PAMPA (ATIVIDADE
SINAFLOR/IBAMA: USO
ALTERNATIVO DO SOLO)

10740.30 DESCAPOEIRAMENTO NO BIOMA


Excluído pela todos os
PAMPA PARA MANUTENÇÃO DA Área total (ha) Baixo
Resolução portes
379/2018 VEGETAÇÃO CAMPESTRE

10750,00 PODA OU TRANSPLANTE DE


Alterado pela ÁRVORES NATIVAS
árvores Médio de 0 a 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
Resolução CONSIDERADAS IMUNES AO
381/2018 CORTE

PODA OU TRANSPLANTE DE
ÁRVORES NATIVAS
CONSIDERADAS IMUNES AO
10750,00 árvores Médio de 0 a 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
CORTE (ATIVIDADE
SINAFLOR/IBAMA: CORTE DE
ÁRVORES ISOLADAS)
10750,10 CORTE DE ÁRVORES NATIVAS
Alterado pela
CONSIDERADAS IMUNES AO árvores Médio de 0 a 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
Resolução
381/2018 CORTE
41

CORTE DE ÁRVORES NATIVAS


10750,10 CONSIDERADAS IMUNES AO
CORTE (ATIVIDADE árvores Médio de 0 a 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
SINAFLOR/IBAMA: CORTE DE
ÁRVORES ISOLADAS)

10760,00 CORTE DE ÁRVORES NATIVAS


Alterado pela de 0 a de 1,0001 de 10,0001 de 50,0001
COMPROVADAMENTE Área total (ha) Baixo demais
Resolução 1,0000 a 10,0000 a 50,0000 a 200,0000
381/2018 PLANTADAS

CORTE DE ÁRVORES NATIVAS


COMPROVADAMENTE
de 0 a de 1,0001 de 10,0001 de 50,0001
10760,00 PLANTADAS (ATIVIDADE Área total (ha) Baixo demais
1,0000 a 10,0000 a 50,0000 a 200,0000
SINAFLOR/IBAMA: EXPLORAÇÃO
DE FLORESTA PLANTADA)

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES


NATIVAS CONSIDERADAS NÃO
IMUNES PARA USO NA
10770,10 PROPRIEDADE OU POSSE DAS
Excluído pela todos os
POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU m³/ano Médio
Resolução portes
379/2018 PEQUENOS PRODUTORES
RURAIS COMO LENHA EM ZONA
RURAL NO BIOMA MATA
ATLÂNTICA ATÉ 15 m³/ano

UNIDADE DE
POTENCIAL NÃO PORTE PORTE PORTE PORTE PORTE
CODRAM DESCRIÇÃO MEDIDA EXCEPCIONAL
POLUIDOR INCIDÊNCIA MÍNIMO PEQUENO MÉDIO GRANDE
PORTE

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES


NATIVAS CONSIDERADAS NÃO
IMUNES PARA USO NA
PROPRIEDADE OU POSSE DAS
10770,20 POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU
Excluído pela todos os
PEQUENOS PRODUTORES m³/ 3 anos Médio
Resolução portes
379/2018 RURAIS COM FINALIDADE DE
CONSTRUÇÃO DE
BENFEITORIAS EM ZONA RURAL
NO BIOMA MATA ATLÂNTICA ATÉ
20 m³ A CADA 3 ANOS

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES


NATIVAS CONSIDERADAS NÃO
10770,00 IMUNES NA PROPRIEDADE OU
Alterado pela POSSE DAS POPULAÇÕES
árvores Médio de 0 a 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
Resolução TRADICIONAIS OU PEQUENOS
381/2018 PRODUTORES RURAIS COM
FINS COMERCIAIS NO BIOMA
MATA ATLÂNTICA

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES


NATIVAS CONSIDERADAS NÃO
IMUNES NA PROPRIEDADE OU
POSSE DAS POPULAÇÕES
TRADICIONAIS OU PEQUENOS
10770,00 árvores Médio de 0 a 1 de 2 a 5 de 6 a 10 de 11 a 20 demais
PRODUTORES RURAIS COM
FINS COMERCIAIS NO BIOMA
MATA ATLÂNTICA (ATIVIDADE
SINAFLOR/IBAMA: CORTE DE
ÁRVORES ISOLADAS)

10780,00 CORTE E APROVEITAMENTO DE


Alterado pela MATÉRIA PRIMA DE ÁRVORES
Não se aplica Baixo Único
Resolução NATIVAS DANIFICADAS POR
381/2018 FENÔMENOS NATURAIS.

CORTE E APROVEITAMENTO DE
MATÉRIA PRIMA DE ÁRVORES
NATIVAS DANIFICADAS POR
10780,00 Não se aplica Baixo Único
FENÔMENOS NATURAIS
(ATIVIDADE SINAFLOR/IBAMA:
CORTE DE ÁRVORES ISOLADAS)

de
MANEJO DE CAMPO ATRAVÉS de 0 a
de 1,0001 10,0001 de 50,0001
10830,00 DE QUEIMA CONTROLADA EM Área total (ha) Alto 1,000 demais
a 10,0000 a a 200,0000
ÁREAS NÃO MECANIZÁVEIS 0
50,0000
42

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
10860,00 NATIVA PARA ABERTURA DE
Excluído pela TRILHAS E PICADAS COM ATÉ Comprimento todos os
Baixo
Resolução 1,5 m LARGURA, INCLUSIVE EM (m) portes
379/2018 ÁREA DE PRESERVAÇÃO
PERMANENTE

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO
10860,10 NATIVA PARA CONSTRUÇÃO E
Excluído pela Comprimento todos os
MANUTENÇÃO DE CERCAS, Baixo
Resolução (m) portes
379/2018 INCLUSIVE EM ÁREA DE
PRESERVAÇÃO PERMANENTE

de
RECUPERAÇÃO DE ÁREAS de 10,0001 20,0001 50,0001 a Acima de
10580,10 Área total (ha) Baixo até 10
DEGRADADAS EM ZONA RURAL a 20,0000 a 200,0000 200,0000
50,0000
de
RECUPERAÇÃO DE ÁREAS
de 10,0001 20,0001 50,0001 a Acima de
10580,20 DEGRADADAS EM ZONA Área total (ha) Baixo até 10
a 20,0000 a 200,0000 200,0000
URBANA
50,0000

ANEXO II
Glossário de termos do ANEXO I

UNIDADE DE POTENCIAL
CODRAM DESCRIÇÃO GLOSSÁRIO
MEDIDA PORTE POLUIDOR

CRIAÇÃO DE ANIMAIS DE MÉDIO PORTE 1. Sistema de Criação de Animais de Médio e Grande Porte:
114,40 EM SISTEMA SEMI CONFINADO OU Nº de cabeças (un) Baixo
EXTENSIVO A CAMPO 1.1. Extensivo: Criação onde os animais passam soltos direto a
campo, podendo permanecer no máximo 6 (seis) horas presos
CRIAÇÃO DE OVINOS E/OU CAPRINOS em construção apropriado. Alimentam-se diretamente de
114,90 Nº de cabeças (un) Médio
CONFINADOS pastagem ou outra produção de forragem e os dejetos produzidos
são diretamente absorvidos pelo solo.
CRIAÇÃO DE OUTROS ANIMAIS DE MÉDIO
114,95 PORTE CONFINADOS, EXCETO SUÍNOS, Nº de cabeças (un) Médio
OVINOS E CAPRINOS. 1.2. Semi-confinado: Sistema de criação onde os animais são
mantidos em ambiente fechado para trato alimentar e manejo por
116,10 CRIAÇÃO DE BOVINOS CONFINADOS Nº de cabeças (un) Alto
no mínimo 6 (seis) horas diárias, e por no máximo mais 8 (oito)
CRIAÇÃO DE OUTROS ANIMAIS DE diárias destinadas ao pernoite.
116,20 Nº de cabeças (un) Alto
GRANDE PORTE CONFINADOS

117,10 CRIAÇÃO DE BOVINOS (SEMI-CONFINADO) Nº de cabeças (un) Alto 1.3. Confinado: Sistema de criação onde os animais são mantidos
em ambiente fechado, sem acesso ao campo, durante todas as
24 horas do dia.

2. Animais de grande, médio e pequeno porte:

2.1. Pequeno Porte: Animais que quando adultos atingem peso


vivo médio de até 50 kg.

2.2. Médio Porte: Animais que quando adultos atingem peso vivo
médio entre 50,1 e 250 kg.

2.3. Grande Porte: Animais que quando adultos atingem peso


CRIAÇÃO DE BOVINOS EM SISTEMA vivo médio superior a 250 kg.
117,30 Nº de cabeças (un) Baixo
EXTENSIVO A CAMPO
3. Entende-se por criação de animais a atividade que tenha como
finalidade de lazer, trabalho ou produção de carne, leite, fibras,
ovos entre outras, incluindo-se nesta atividade as estruturas
necessárias ao processo produtivo.

4. A destinação dos dejetos resultantes da atividade pecuária,


inclusive a aplicação em solo agrícola, deverá ser observada no
licenciamento da atividade. No caso de portes ou atividades
consideradas não incidentes de licenciamento ambiental a destinação
fica também dispensada de licença, devendo ser manejados de forma
a evitar danos ao meio ambiente.

124,30 Não se aplica Alto Atividade de imunização e desinsetização de ambientes, que


PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONTROLE
pode ser com ou sem expurgo de produtos agrícolas, madeira e
43

DE VETORES E PRAGAS seus subprodutos, com exceção das práticas utilizadas no cultivo
agrícolas.

140,10 CRIADOURO DE FAUNA SILVESTRE NÃO


Alterado pela Para a definição de Fauna Silvestre adota-se o conceito de que trata o art.
AMADORA EM CATIVEIRO (ZOOLÓGICOS, Nº de cabeças (un) Médio
Resolução 34 do Decreto Estadual 53.202/2016.
375/2018 MANTENEDORES, CETAS)

CRIADOURO DE FAUNA SILVESTRE NÃO


Para a definição de Fauna Silvestre adota-se o conceito de que
140,10 AMADORA EM CATIVEIRO Nº de cabeças (un) Médio
trata o art. 34 do Decreto Estadual 53.202/2016.
(MANTENEDORES, CETAS)

510,00 Entende-se por pesquisa mineral de que trata este CODRAM o


Incluído pela PESQUISA MINERAL C/GUIA DE Poligonal útil em empreendimento que faça uso de guia de utilização, sendo não
Médio
Resolução UTILIZAÇÃO hectares (ha) incidente de licenciamento ambiental aqueles que não façam uso
403/2019 deste documento da Agência Nacional de Mineração – ANM.

RECUPERAÇÃO/DESCONTAMINAÇÃO DE Atividade de limpeza/descontaminação/higienização de


1141,00 EMBALAGENS E TANQUES DE PRODUTOS Área útil (m²) Alto embalagens, tanques de produtos perigosos, inclusive tanques de
OU RESÍDUOS PERIGOSOS caminhão.

A cortiça de que trata este CODRAM


1540,10 FABRICAÇÃO DE ARTEFATOS DE CORTIÇA Área útil (m²) Baixo
pertence a espécies arbóreas exóticas.

MATADOUROS/ ABATEDOUROS COM


2621,11 FABRICAÇÃO DE EMBUTIDOS OU Área útil (m²) Alto
INDUSTRIALIZAÇÃO DE CARNES Estabelecimento destinado ao abate e/ou industrialização da
carne de animais tais como bovinos, bubalinos, equídeos, ovinos,
MATADOUROS/ ABATEDOUROS SEM suínos, aves e outros.
2621,12 FABRICAÇÃO DE EMBUTIDOS OU Área útil (m²) Alto
INDUSTRIALIZAÇÃO DE CARNES

2625,30 PREPARAÇÃO DE LEITE Área útil (m²) Médio Atividade de pasteurização de leite oriundo de produção própria.

2640,00 FABRICAÇÃO DE MASSAS ALIMENTÍCIAS


Incluído pela CODRAM destinado a empreendimentos que não envolvam como
(INCLUSIVE PÃES), BOLACHAS E Área útil (m²) Médio
Resolução atividade principal a venda direta ao consumidor final.
375/2018 BISCOITOS

UNIDADE DE POTENCIAL
CODRAM DESCRIÇÃO GLOSSÁRIO
MEDIDA PORTE POLUIDOR

2640,10
Incluído pela CODRAM destinado a empreendimentos que envolvam como
PADARIA, CONFEITARIA, PASTELARIA Área útil (m²) Baixo
Resolução atividade principal a venda direta ao consumidor final.
375/2018

2691,00
Incluído pela Esta atividade se refere a produção de refeições para
Resolução
379/2018 PREPARAÇÃO DE REFEIÇÕES fornecimento a terceiros que tenham por finalidade a alimentação
Área útil (m²) Médio
INDUSTRIAIS de colaboradores, independente da localização da estrutura de
Alterado pela
Resolução preparo.
395/2019

Esta atividade se refere a produção de refeições para


fornecimento a terceiros que tenham por finalidade a alimentação
2691,00 PREPARAÇÃO INDUSTRIAL DE REFEIÇÕES Área útil (m²) Médio de colaboradores. O preparo de refeições realizado na estrutura
de empreendimento licenciável deverá estar contemplado na
mesma licença.

Atividade realizada em estruturas para tal finalidade com a


CURA E SECAGEM DE TABACO POR utilização da energia proveniente da queima de madeira, gás
2830,00 Área útil (m²) Baixo
MÉTODOS NÃO NATURAIS natural, gás liquefeito de petróleo (GLP) ou outra forma de
energia não natural.

Atividade realizada em estruturas para este fim, sendo que neste


CURA E SECAGEM DE TABACO POR
2840,00 Área útil (m²) Baixo ambiente a energia do sol e a aeração se encarregam de
MÉTODOS NATURAIS
proporcionar a cura e a secagem do Tabaco.

Atividade de prestação de serviço de tratamento de superfície a


outros empreendimentos, não envolvendo processo de fabricação
de produto especifico.
Entende-se por tratamento de superfície o processo de
3010,10 SERVIÇOS DE GALVANOPLASTIA Área útil (m²) Alto revestimento, aplicado em determinada peça, a fim de
proporcionar uma camada protetiva, que lhe fornecerá maior
resistência e durabilidade. Também conhecido como “banho”, o
tratamento de superfície pode ser realizado em peças de material
metálico como aço, alumínio, cobre, bronze ou outros materiais.

Atividade de prestação de serviço de tratamento de superfície a


outros empreendimentos, não envolvendo processo de fabricação
de produto especifico.
SERVIÇOS DE FOSFATIZAÇÃO/ Entende-se por tratamento de superfície o processo de
3010,20 ANODIZAÇÃO/ DECAPAGEM/ ETC, EXCETO Área útil (m²) Alto revestimento, aplicado em determinada peça, a fim de
GALVANOPLASTIA proporcionar uma camada protetiva, que lhe fornecerá maior
resistência e durabilidade. Também conhecido como “banho”, o
tratamento de superfície pode ser realizado em peças de material
metálico como aço, alumínio, cobre, bronze ou outros materiais.

Refere-se a exclusiva prestação de serviço de usinagem para


3011,00 SERVIÇOS DE USINAGEM Área útil (m²) Alto produção de peças que servem de parte em processo produtivo
de outra atividade.
44

Refere-se a exclusiva prestação de serviço de tornearia, ferraria e


SERVIÇOS DE TORNEARIA/ FERRARIA/
3012,00 Área útil (m²) Baixo serralheria para produção de peças que servem de parte em
SERRALHERIA
processo produtivo de outra atividade.
Quando a incorporação se der na mesma área do
empreendimento gerador do resíduo esta atividade deverá
constar na licença do próprio empreendimento.
Excluem-se da exigência de licenciamento ambiental a
incorporação de resíduos que sejam oriundos de
3114,10 empreendimentos não incidentes de licenciamento ambiental.
Incluído pela INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO INDUSTRIAL Volume de resíduos
Médio É de responsabilidade do empreendedor gerador do resíduo a
Resolução CLASSE II A EM SOLO AGRÍCOLA (m³/mês)
403/2019
obtenção da licença ambiental para incorporação em área distinta
da sua.
Para enquadramento nos portes de que trata este CODRAM
deverá ser considerado o volume total gerado a ser incorporado
em outra área que não a do próprio empreendimento gerador do
resíduo.
É uma organização que tem por objetivo oferecer apoio a
empreendedores, especialmente em estágio inicial, para que eles
possam desenvolver ideias inovadoras e transformá-las em
negócios. É dotada de espaços físicos, construídos ou adaptados
para alojar temporariamente micro e pequenas empresas,
3411,00 INCUBADORA Área útil (m²) Baixo contando com infraestrutura adequada à implantação e operação
dos empreendimentos que ali venham a ser instalados. A gestão
ambiental do local ficará sob responsabilidade da incubadora, não
sendo exigido licenciamento ambiental individual para as
empresas que venham a ser incubadas.

Área destinada a sepultamento de cadáveres humanos ou


animais, podendo ser horizontal ou vertical:
a) cemitério horizontal: é aquele localizado em área descoberta
3412,00 CEMITÉRIO Área total (ha) Baixo
compreendendo os tradicionais e o do tipo parque ou jardim, e;
b) cemitério vertical: é um edifício de um ou mais pavimentos
dotados de compartimentos destinados a sepultamentos.

PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS DE


3414,40 LOTEAMENTO / DESMEMBRAMENTO /
Parcelamento de solo para instalação de loteamento ou
Alterado pela CONDOMÍNIO RESIDENCIAL E
Área total (ha) Médio condomínio, para ocupação unifamiliar (uma família por unidade),
Resolução UNIFAMILIAR (INCLUIDOS
379/2018 com ou sem unidades edificadas pelo empreendedor.
EQUIPAMENTOS, INFRAESTRUTURA E
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE)

PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS DE Parcelamento de solo para instalação de loteamento,


3414,40 LOTEAMENTO / DESMEMBRAMENTO / desmembramento, ou condomínio, para ocupação unifamiliar
Alterado pela CONDOMÍNIO RESIDENCIAL E (uma família por unidade), com ou sem unidades edificadas pelo
Área total (ha) Médio
Resolução UNIFAMILIAR (INCLUIDOS empreendedor.. Este ramo não envolve a necessidade de
395/2019 EQUIPAMENTOS, INFRAESTRUTURA E licenciamento ambiental de edificações posteriores ao
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE) parcelamento do solo.

Parcelamento de solo para fins de loteamento, desmembramento,


PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS
ou condomínio, independente de unifamiliar ou plurifamiliar. Este
RESIDENCIAIS E MISTOS (INCLUÍDOS
3414,40 Área total (ha) Médio ramo não envolve a necessidade de licenciamento ambiental de
EQUIPAMENTOS, INFRAESTRUTURA E
edificações em zona urbana consolidada conforme definido em
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE)
Lei.

PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS DE


3414,60 LOTEAMENTO / DESMEMBRAMENTO /
Parcelamento de solo para instalação de loteamento ou
Alterado pela CONDOMÍNIO RESIDENCIAL E
Área total (ha) Médio condomínio, para ocupação plurifamiliar (mais de uma família por
Resolução PLURIFAMILIAR (INCLUIDOS
379/2018 unidade), com unidades edificadas pelo empreendedor (edifícios).
EQUIPAMENTOS, INFRAESTRUTURA E
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE)

UNIDADE DE POTENCIAL
CODRAM DESCRIÇÃO GLOSSÁRIO
MEDIDA PORTE POLUIDOR

PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS DE Parcelamento de solo para instalação de loteamento,


3414,60 LOTEAMENTO / DESMEMBRAMENTO / desmembramento ou condomínio, para ocupação plurifamiliar
Excluído pela CONDOMÍNIO RESIDENCIAL E (mais de uma família por unidade), com unidades edificadas pelo
Área total (ha) Médio
Resolução PLURIFAMILIAR (INCLUIDOS empreendedor (edifícios). Este ramo não envolve a necessidade
395/2019 EQUIPAMENTOS, INFRAESTRUTURA E de licenciamento ambiental de edificações posteriores ao
TRATAMENTO DE ESGOTO/ETE) parcelamento do solo.

3415,10 PARCELAMENTO DE SOLO PARA FINS Parcelamento de solo para instalação de loteamento, distrito ou
Incluído pela INDUSTRIAIS/ LOGÍSTICOS (INCLUÍDOS condomínio com ocupação de empreendimentos logísticos ou
Área total (ha) Médio
Resolução EQUIPAMENTOS, INFRAESTRUTURA E industriais, composto por matrículas individualizadas, incluídas as
403/2019 TRATAMENTO DE ESGOTO) infraestruturas básicas necessárias.

Empreendimento destinado ao estacionamento de veículos


vinculados a atividade frotista, no qual são realizados serviços de
ESTACIONAMENTO DE FROTISTAS COM
3419,20 Área útil (m²) Médio manutenção tais como: lavagem, lubrificação, reparação
MANUTENÇÃO DE VEÍCULO
mecânica/elétrica, abastecimento de combustível, lanternagem,
borracharia, dentre outros.

3430,20
Alterado pela OFICINA MECÂNICA/ CENTRO DE DESMANCHE DE Atividades descritas neste CODRAM não incluem a manutenção de veículos
Área útil (m²) Médio
Resolução VEICULOS (CDV) / CHAPEAÇÃO/ PINTURA e implementos de uso próprio em imóveis rurais.
375/2018
45

Atividades descritas neste CODRAM não incluem a manutenção


3430,20 OFICINA MECÂNICA/CHAPEAÇÃO/PINTURA Área útil (m²) Médio
de veículos e implementos de uso próprio em imóveis rurais.

Manutenção de rodovias estaduais em conjunto, com ou sem


NÚCLEOS OU CONJUNTO DE RODOVIAS
3451,40 Comprimento (km) Alto revestimento asfáltico, interligadas e administradas por um
REGIONALIZADAS
mesmo empreendedor.

IMPLANTAÇÃO OU AMPLIAÇÃO DE
INFRAESTRUTURA DE MOBILIDADE - Referente as estruturas necessárias a malha viária municipal e
3457,00 Comprimento (m) Baixo
ACESSO/ VIADUTOS/ VIAS MUNICIPAIS EM suas obras de arte (pontes, viadutos ou estruturas similares)
ZONA URBANA

Estrutura na forma de barramento de curso d’água natural com


sistemas associados, como por exemplo canais, eclusas e
3458,20 BARRAGEM PARA USO MÚLTIPLO Área alagada (ha) Alto travessias, com objetivo de reservar água, exceto quando para o
exclusivo uso em irrigação, geração de energia ou abastecimento
público.

Intervenção, fundamentada em Utilidade Pública, Interesse Social


ou Baixo Impacto, em curso d’água natural que tenha por objetivo
CANALIZAÇÃO DE CURSO D'AGUA
3463,00 Comprimento (m) Alto alterar, total ou parcialmente, o seu traçado ou percurso original
NATURAL EM ÁREA URBANA
(retificação/desvio) de forma a conduzi-lo no interior de um canal
aberto, com ou sem revestimento nas margens ou no fundo.

Intervenção, fundamentada em Utilidade Pública, Interesse Social


ou Baixo Impacto, em curso d’água natural que tenha por objetivo
TUBULAÇÃO DE CURSO D´ÁGUA NATURAL
3463,10 Comprimento (m) Alto alterar, total ou parcialmente, o seu traçado ou percurso original
EM ÁREA URBANA
(retificação/desvio) de forma a confiná-lo para que seu
escoamento ocorra no interior de uma tubulação fechada.
3510,21
Incluído pela MICROGERAÇÃO DE ENERGIA A PARTIR Atividade de geração de energia hídrica, na qual não implica em
Potência (MW) Baixo
Resolução DE FONTE HÍDRICA (Até 0,5 MW) qualquer tipo de barramento e/ou supressão de vegetação.
389/2018

3511,20 SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA


Alterado pela (CAPTAÇÃO, TRATAMENTO E ADUÇÃO) Vazão afluente
Médio Esta atividade inclui as barragens de nível
Resolução SEM USO DE RESERVATÓRIOS (m³/dia)
379/2018 ARTIFICIAIS DE ÁGUA

3511,20 SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA


Alterado Esta atividade inclui as barragens de nível. Excetuam-se as
(CAPTAÇÃO, TRATAMENTO E ADUÇÃO) Vazão afluente
pela Médio captações subterrâneas, as quais são dispensadas de
SEM USO DE RESERVATÓRIOS (m³/dia)
Resolução licenciamento ambiental.
ARTIFICIAIS DE ÁGUA
395/2019

SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA


Esta atividade inclui as barragens de nível. Excetuam-se as
(CAPTAÇÃO, ADUÇÃO DE ÁGUA BRUTA E Vazão afluente
3511,20 Médio captações subterrâneas, as quais são dispensadas de
TRATAMENTO) SEM USO DE (m³/dia)
licenciamento ambiental.
RESERVATÓRIOS ARTIFICIAIS DE ÁGUA
3512,40
Alterado Sistema para recebimento e tratamento de resíduos advindos da coleta e
SISTEMA DE TRATAMENTO DE EFLUENTES DE
pela Vazão afluente (m³/dia) Alto transporte de sistemas de esgotamento sanitário, como por exemplo fossas
ESGOTAMENTO SANITÁRIO
Resolução e outras unidades de tratamento.
379/2018

Sistema para recebimento e tratamento de resíduos advindos da


SISTEMA DE TRATAMENTO DE RESÍDUOS Vazão afluente coleta e transporte de sistemas de esgotamento sanitário, como
3512,40 Alto
DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO (m³/dia) por exemplo fossas e outras unidades de tratamento, com ou sem
unidade gerenciadora de lodo de ETE – UGL.

Referente a unidade responsável pelo recebimento,


3512,50 processamento, caracterização, transporte, destinação do lodo de
Excluído pela UNIDADE GERENCIADORA DE LODO DE
Tonelada/mês Alto esgoto produzido por uma ou mais estações de tratamento de
Resolução ETE – UGL
389/2018 esgoto sanitário e monitoramento dos efeitos ambientais,
agronômicos e sanitários de sua aplicação em área agrícola.
Quando a aplicação de efluente se der na mesma área do
empreendimento gerador do efluente a autorização para esta
aplicação deverá constar na licença do próprio empreendimento.
Excluem-se da exigência de licenciamento ambiental a aplicação
total do efluente que sejam oriundos de empreendimentos não
3513,20 incidentes de licenciamento ambiental.
Incluído pela APLICAÇÃO DE EFLUENTE INDUSTRIAL Volume de efluentes
Médio Para enquadramento nos portes de que trata este CODRAM
Resolução TRATADO EM SOLO AGRÍCOLA (m³/ dia)
403/2019
deverá ser considerado o volume total gerado a ser aplicado em
outras áreas que não a do próprio empreendimento gerador do
efluente.
O licenciamento desta atividade será objeto de processo
administrativo único, independente da aplicação ser realizada em
diversas áreas agrícolas.

Limpeza de canais em zona urbana com intuito de desobstrução


LIMPEZA DE CANAIS DE DRENAGEM
3514,10 Comprimento (m) Baixo da rede de drenagem pluvial para manutenção de sua
PLUVIAL URBANA
funcionalidade.

DESASSOREAMENTO (LIMPEZA E
Limpeza ou dragagem de cursos d’água com intuito de minimizar
3514,30 DRAGAGEM) DE CURSOS D'AGUA Comprimento (m) Alto
os efeitos de cheias ou inundações.
NATURAL

UNIDADE DE POTENCIAL
CODRAM DESCRIÇÃO GLOSSÁRIO
MEDIDA PORTE POLUIDOR
46

MANUTENÇÃO DE CANAIS DE Limpeza ou dragagem de canais de navegação que não estejam


3514,40 Comprimento (km) Alto
NAVEGACAO contemplados no licenciamento de uma hidrovia.

CAPINA QUÍMICA COM USO DE


Uso de herbicidas para supressão de vegetação rasteira
3515,00 HERBICIDAS, EXCETO EM IMÓVEIS Área útil (m²) Alto
ressurgente, nos termos da Nota Técnica 04/2016 da ANVISA.
RURAIS

3541,80
Incluído pela REMEDIAÇÃO DE ÁREA DEGRADADA POR
Área útil (m²) Alto
Resolução DISPOSIÇÃO DE RSU
375/2018

3541,90 MONITORAMENTO DE ÁREA REMEDIADA


Incluído pela
Resolução
OU DEGRADADA POR DISPOSIÇÃO DE Área útil (m²) Médio
375/2018 RSU

3543,80
Incluído pela REMEDIAÇÃO DE ÁREA DEGRADADA POR
Área útil (m²) Alto
Resolução DISPOSIÇÃO DE RSSS
375/2018
Considera-se área útil o espaço para disposição de resíduos e a
3543,90 estação de tratamento de efluentes
MONITORAMENTO DE ÁREA REMEDIADA
Incluído pela
OU DEGRADADA POR DISPOSIÇÃO DE Área útil (m²) Médio
Resolução
375/2018 RSSS

3544,50
Incluído pela REMEDIAÇÃO DE ÁREA DEGRADADA POR
Área útil (m²) Baixo
Resolução DISPOSIÇÃO DE RSCC
375/2018

3544,60 MONITORAMENTO DE ÁREA REMEDIADA


Incluído pela
OU DEGRADADA POR DISPOSIÇÃO DE Área útil (m²) Baixo
Resolução
375/2018 RSCC

4111,00 Depósito destinado ao armazenamento de produtos de origem


DEPÓSITO PARA ARMAZENAMENTO DE
Alterado pela química, biológica ou radiológica que apresentam risco potencial
PRODUTOS PERIGOSOS (EXCETO Área útil (m²) Alto
Resolução à vida, à saúde e ao meio ambiente, em caso de vazamento,
379/2018 COMBUSTÍVEIS E AGROTÓXICOS)
assim definidos na Resolução ANTT 5232/2016.
Depósito destinado ao armazenamento de produtos de origem química,
4111,00 biológica ou radiológica que apresentam risco potencial à vida, à saúde e ao
DEPÓSITO PARA ARMAZENAMENTO DE meio ambiente, em caso de vazamento, assim definidos na Resolução ANTT
Alterado pela PRODUTOS PERIGOSOS (EXCETO Área útil (m²) Alto 5232/2016. Não se inclui neste CODRAM a armazenagem realizada para
Resolução COMBUSTÍVEIS E AGROTÓXICOS) consumo próprio ou sem fim comercial em zona rural, independentemente
403/2019 de seu tamanho, e aquela compatível com a venda direta ao consumidor por
pequenos comércios de produtos diversos.

Depósito de produtos químicos, explosivos, inflamáveis,


oxidantes, tóxicos, corrosivos que conforme Resolução ANTT
5232/2016 necessitam de identificação específica para
DEPÓSITO PARA ARMAZENAMENTO DE transporte, identificados pelo seu número ONU.
Capacidade de
4111,00 PRODUTOS PERIGOSOS (EXCETO Alto Não se enquadram neste CODRAM depósitos associados a
estoque (m³)
COMBUSTÍVEIS E AGROTÓXICOS) atividades que possuem licenciamento ambiental próprio.
Não se inclui neste CODRAM a armazenagem realizada para
consumo próprio ou sem fim comercial em zona rural,
independentemente de seu tamanho.

4130,90
Excluído pela DEPÓSITOS PARA ARMAZENAMENTO DE Depósito destinado ao armazenamento de produtos não
Área útil (m²) Baixo
Resolução PRODUTOS NÃO PERIGOSOS enquadrados como perigosos na Resolução ANTT 5232/2016.
379/2018

Destinado a prestação de serviços, não se incidindo nos casos de


COLETA E TRANSPORTE DE ÓLEO
4710,11 Número de Veículos Médio transporte de óleo lubrificante usado ou contaminado resultante
LUBRIFICANTE USADO OU CONTAMINADO
de uso próprio.

Referente ao transporte de produtos de origem química, biológica


TRANSPORTE FERROVIÁRIO DE ou radiológica que apresentam risco potencial à vida, à saúde e
4710,20 Número de Veículos Alto
PRODUTOS E/OU RESÍDUOS PERIGOSOS ao meio ambiente, em caso de vazamento, assim definidos na
Resolução ANTT 5232/2016.

Referente ao transporte de produtos de origem química, biológica


ou radiológica que apresentam risco potencial à vida, à saúde e
ao meio ambiente, em caso de vazamento, assim definidos na
TRANSPORTE HIDROVIÁRIO DE Número de Resolução ANTT 5232/2016.
4710,30 Alto
PRODUTOS E/OU RESÍDUOS PERIGOSOS embarcações
Estruturas para ancoragem de embarcações destinadas ao lazer,
esporte e pesca artesanal.

ATRACADOURO / PÍER / TRAPICHE / Referente ao transporte de produtos de origem química, biológica


4720,10 Comprimento (m) Médio
ANCORADOURO ou radiológica que apresentam risco potencial à vida, à saúde e
ao meio ambiente, em caso de vazamento, assim definidos na
Resolução ANTT 5232/2016.
Estruturas para ancoragem de embarcações destinadas ao lazer,
4720,20 MARINA Área útil (m²) Médio esporte e pesca artesanal.
Estruturas destinadas a ancoragem de embarcações destinadas
ao lazer e esporte, incluindo serviços de lavagem, manutenção,
abastecimento ou hospedagem.
47

Estrutura para atender às necessidades da navegação e da


movimentação e armazenagem de mercadorias, concedido ou
explorado pela União, compreendido pelas seguintes instalações:
ancoradouros, docas, cais, pontes e píeres de atracação e
4720,50 PORTO Área total (ha) Alto acostagem, terrenos, armazéns, edificações e vias de circulação
interna, bem como pela infraestrutura de proteção e acesso
aquaviário ao porto, compreendendo guias-correntes, quebra-
mares, eclusas, canais, bacias de evolução e áreas de fundeio,
que devam ser mantidas pela Administração do Porto.

UNIDADE DE POTENCIAL
CODRAM DESCRIÇÃO GLOSSÁRIO
MEDIDA PORTE POLUIDOR

4750,20 Edificação destinada ao armazenamento de produtos químicos


Alterado pela com finalidade comercial, não incluindo a armazenagem realizada
ARMAZENAGEM DE AGROTÓXICOS Área útil (m²) Alto
Resolução para consumo próprio ou sem fim comercial em zona rural,
379/2018 independentemente de seu tamanho.
Edificação destinada ao armazenamento de produtos químicos
com finalidade comercial, Não se inclui neste CODRAM a
armazenagem realizada para consumo próprio ou sem fim
4750,20 ARMAZENAGEM DE AGROTÓXICOS Área útil (m²) Alto
comercial em zona rural, independentemente de seu tamanho, e
aquela compatível com a venda direta ao consumidor por
pequenos comércios de produtos diversos.
Estrutura de recebimento, armazenamento temporário,
4750,70 COMPLEXO LOGÍSTICO Área total (ha) Médio distribuição e transporte de cargas/mercadorias, com ou sem
desembaraço aduaneiro.

4751,80 BASE DE OPERAÇÕES DE RESÍDUO DE Referente ao local destinado a lavagem, transbordo ou


Incluído pela estocagem temporária dos resíduos coletados pelos veículos
Resolução
ESGOTAMENTO SANITÁRIO E BANHEIRO Área útil (m²) Médio
389/2018 QUÍMICO. licenciados no ramo 4710,12.

6111,00 Área aberta ao público em geral com espaço destinado às


Incluído pela atividades sociais, cívicas, esportivas, culturais, recreativas, de
Resolução AREA DE LAZER
379/2018
entretenimento e contato com o ambiente. Não são passíveis de
(CAMPING/BALNEÁRIO/PARQUE Área útil (ha) Baixo
licenciamento as áreas de uso particular, tais como: sedes
Alterado pela TEMÁTICO)
Resolução
campestres, associações de empresas e outras de uso exclusivo,
395/2019 não abertas ao público.

Espaço destinado às atividades sociais, cívicas, esportivas,


AREA DE LAZER culturais, recreativas, de entretenimento e contato com o
6111,00 (CAMPING/BALNEÁRIO/PARQUE Área útil (ha) Baixo ambiente. Serão passíveis de licenciamento ambiental os
TEMÁTICO) empreendimentos que utilizarem áreas de preservação
permanente. Não se enquadra nesta modalidade a orla marítima.
Estrutura governamental de controle do movimento de
6211,00 ADUANA Área útil (m²) Médio importações e exportações de mercadorias para o exterior ou
dele provenientes.
Estabelecimento de saúde (com serviços diferenciados), dotado
8110,00 HOSPITAIS n° de leitos Médio de capacidade de internação, ambulatório (consulta e urgência) e
meios de diagnóstico e terapêutica.

8120,00 Estabelecimento de saúde, destinado ao diagnóstico e tratamento


Alterado pela de pessoas doentes, utilizando métodos laboratoriais, clínicos,
Resolução
CLÍNICAS MÉDICAS Área útil (m²) Médio
379/2018 cinesiológico-funcionais, sem internação.

Estabelecimento de saúde, destinado ao diagnóstico e tratamento


CLÍNICAS MÉDICAS / UNIDADES DE de pessoas, utilizando métodos laboratoriais, clínicos,
8120,00 PRONTO ATENDIMENTO / POSTOS DE Área útil (m²) Médio
cinesiológico-funcionais, sem internação, porém com
SÁUDE / CLÍNICAS ODONTOLÓGICAS
procedimentos invasivos.
Estabelecimentos capazes de assegurar assistência médica
8210,00 HOSPITAIS OU CLÍNICAS VETERINÁRIAS Área útil (m²) Médio curativa e preventiva aos animais, contando com diagnóstico e
tratamento, com ou sem internação.

10430,20 MANEJO DE VEGETAÇÃO EM


Incluído pela FAIXAS DE SEGURANÇA DAS O licenciamento ambiental desta atividade está
Não se aplica Baixo
Resolução REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE regulamentado na Resolução CONSEMA 358/2017.
379/2018 ENERGIA ELÉTRICA ATÉ 38 kV
SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA EM
Autorização vinculada aos casos específicos de que trata o inciso
ESTÁGIO MÉDIO DE REGENERAÇÃO
10710,00 Não se aplica Médio III do art. 23 da Lei Federal nº 11428/2006 e art. 30 do Decreto
NATURAL ATÉ 2 HA NO BIOMA MATA
Federal nº 6660/2008.
ATLÂNTICA

INTERVENÇÃO E/OU SUPRESSÃO DE


VEGETAÇÃO NATIVA PARA REALIZAÇÃO
DE ATIVIDADES DE BAIXO IMPACTO
10720,10 Não se aplica Médio
AMBIENTAL EM ÁREA DE PRESERVAÇÃO Autorização vinculada aos casos de que trata o inciso X do art. 3º
PERMANENTE NO BIOMA MATA da Lei Federal nº 12651/2012 e na Resolução do CONSEMA nº
ATLÂNTICA 314/2016 com as alterações da Resolução nº 361/2017 e que não
se enquadram em atividades passíveis de licenciamento.
INTERVENÇÃO E/OU SUPRESSÃO DE
VEGETAÇÃO NATIVA PARA REALIZAÇÃO
10740,10 DE ATIVIDADES DE BAIXO IMPACTO Não se aplica Médio
AMBIENTAL EM ÁREA DE PRESERVAÇÃO
PERMANENTE NO BIOMA PAMPA
10760,00 CORTE DE ÁRVORES NATIVAS
Alterado pela COMPROVADAMENTE PLANTADAS Área total (ha) Baixo Nos termos do Decreto Estadual nº 53582/2017.
Resolução
375/2018

CORTE DE ÁRVORES NATIVAS


10760,00 Área total (ha) Baixo Nos termos do Decreto Estadual nº 53862/2017.
COMPROVADAMENTE PLANTADAS
48

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS


CONSIDERADAS NÃO IMUNES NA Autorização vinculada aos casos específicos de que trata o art. 9º
PROPRIEDADE OU POSSE DAS da Lei Federal nº 11428/2006 e o §4º do art. 2º do Decreto
10770,00 POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU árvores Médio Federal nº 6660/2008.
PEQUENOS PRODUTORES RURAIS COM
FINS COMERCIAIS NO BIOMA MATA
ATLÂNTICA

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS


CONSIDERADAS NÃO IMUNES PARA USO Autorização vinculada aos casos de que trata o art. 9º da Lei
10770,10 NA PROPRIEDADE OU POSSE DAS
Alterado pela Federal nº 11428/2006 e o inciso I, §1º do art. 2º do Decreto
POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU m³/ano Médio Federal nº 6660/2008.
Resolução
381/2018 PEQUENOS PRODUTORES RURAIS COMO
LENHA EM ZONA RURAL NO BIOMA MATA
ATLÂNTICA ATÉ 15 m³/ano

UNIDADE DE POTENCIAL
CODRAM DESCRIÇÃO GLOSSÁRIO
MEDIDA PORTE POLUIDOR

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS


CONSIDERADAS NÃO IMUNES OU NÃO AMEAÇADAS Autorização vinculada aos casos de que trata o art. 9º da Lei
DE EXTINÇÃO PARA USO NA PROPRIEDADE OU Federal nº 11428/2006 e o inciso I, §1º do art. 2º do Decreto
10770,10 POSSE DAS POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU m³/ano Médio Federal nº 6660/2008.
PEQUENOS PRODUTORES RURAIS COMO LENHA
EM ZONA RURAL NO BIOMA MATA ATLÂNTICA ATÉ
15 m³/ano

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS


CONSIDERADAS NÃO IMUNES PARA USO
NA PROPRIEDADE OU POSSE DAS Autorização vinculada aos casos de que trata o art. 9º da Lei
10770,20 POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU Federal nº 11428/2006 e o inciso II, §1º do art. 2º do Decreto
Alterado pela PEQUENOS PRODUTORES RURAIS COM m³/ 3 anos Médio
Resolução Federal nº 6660/2008.
381/2018
FINALIDADE DE CONSTRUÇÃO DE
BENFEITORIAS EM ZONA RURAL NO
BIOMA MATA ATLÂNTICA ATÉ 20 m³ A
CADA 3 ANOS

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS


CONSIDERADAS NÃO IMUNES OU NÃO AMEAÇADAS
DE EXTINÇÃO PARA USO NA PROPRIEDADE OU Autorização vinculada aos casos de que trata o art. 9º da Lei
POSSE DAS POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU Federal nº 11428/2006 e o inciso II, §1º do art. 2º do Decreto
10770,20 m³/ 3 anos Médio Federal nº 6660/2008.
PEQUENOS PRODUTORES RURAIS COM
FINALIDADE DE CONSTRUÇÃO DE BENFEITORIAS
EM ZONA RURAL NO BIOMA MATA ATLÂNTICA ATÉ
20 m³ A CADA 3 ANOS

MANEJO DE CAMPO ATRAVÉS DE QUEIMA


10830,00 CONTROLADA EM ÁREAS NÃO Área total (ha) Alto Nos termos da Lei Estadual nº 13931/2012.
MECANIZÁVEIS

Autorização vinculada aos casos de que trata o inciso X do art. 3º


10860,10 SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA
da Lei Federal nº 12651/2012, o art. 29 do Decreto Federal
Alterado pela PARA CONSTRUÇÃO E MANUTENÇÃO DE
Comprimento (m) Baixo 6.660/2008 e na Resolução do CONSEMA nº 314/2016 com as
Resolução CERCAS, INCLUSIVE EM ÁREA DE
381/2018 alterações da Resolução nº 361/2017 e que não se enquadram
PRESERVAÇÃO PERMANENTE
em atividades passíveis de licenciamento.

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA NÃO Autorização vinculada aos casos de que trata o inciso X do art. 3º
IMUNE OU NÃO AMEAÇADA DE EXTINÇÃO da Lei Federal nº 12651/2012, o art. 29 do Decreto Federal
10860,10 PARA CONSTRUÇÃO E MANUTENÇÃO DE Comprimento (m) Baixo 6.660/2008 e na Resolução do CONSEMA nº 314/2016 com as
CERCAS, INCLUSIVE EM ÁREA DE alterações da Resolução nº 361/2017 e que não se enquadram
PRESERVAÇÃO PERMANENTE. em atividades passíveis de licenciamento.

Conceitos gerais:

Área útil: são todas as áreas efetivamente utilizadas para o desenvolvimento das atividades, construídas ou não. Nas atividades industriais incluem-se na área
útil processo industrial, depósitos de matérias primas, produtos, resíduos, áreas de tancagem, equipamentos de controle ambiental, lagoas de tratamento, áreas
administrativas, refeitórios, almoxarifado, estacionamento, pátio de manobra. Em construções de mais de um pavimento, são considerados todos os pavimentos
na área construída.

Tratamento de Superfície: O tratamento de superfície consiste em processo de revestimento, aplicado em determinada peça, a fim de proporcionar camada de
revestimento, que lhe fornecerá maior resistência, durabilidade ou outra finalidade. Também conhecido como “banho”, o tratamento de superfície pode ser
realizado em peças de material metálico como aço, alumínio, cobre, bronze ou outros materiais.

ANEXO III
(Incluído pela Resolução 379/2018)

CODRAM EMPREENDIMENTO OU ATIVIDADE NÃO INCIDENTE DE LICENCIAMENTO EXEMPLOS DE OUTROS ATOS AUTORIZATIVOS E
AMBIENTAL INSTRUMENTOS DE CONTROLE

Cadastro Ambiental Rural (CAR), Outorga/Dispensa


de Outorga (SIOUT), Receituário Agronômico de
IRRIGAÇÃO PELO MÉTODO DE ASPERSÃO OU LOCALIZADO SEM O USO DE
111,43 agrotóxicos (SIG@)
RESERVATÓRIO
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
49

Cadastro Ambiental Rural (CAR), Outorga/Dispensa


de Outorga (SIOUT), Receituário Agronômico de
CRIAÇÃO DE ANIMAIS DE MÉDIO PORTE EM SISTEMA SEMI CONFINADO OU
114,40 agrotóxicos (SIG@)
EXTENSIVO A CAMPO
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Cadastro Ambiental Rural (CAR), Outorga/Dispensa
de Outorga (SIOUT)
117,20 AÇUDE PARA DESSEDENTAÇÃO ANIMAL
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
117,21 MANUTENÇÃO E LIMPEZA DE BARRAGENS PARA DESSEDENTAÇÃO ANIMAL EM Cadastro Ambiental Rural (CAR), Outorga/Dispensa
Incluído pela
Resolução 395/2019 ÁREA RURAL CONSOLIDADA COM ATÉ 1ha DE ÁREA ALAGADA. de Outorga (SIOUT)
Cadastro Ambiental Rural (CAR), Outorga/Dispensa
de Outorga (SIOUT), Receituário Agronômico de
117,30 CRIAÇÃO DE BOVINOS EM SISTEMA EXTENSIVO A CAMPO agrotóxicos (SIG@)
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
EMPREENDIMENTO OU ATIVIDADE NÃO INCIDENTE DE LICENCIAMENTO EXEMPLOS DE OUTROS ATOS AUTORIZATIVOS E
CODRAM
AMBIENTAL INSTRUMENTOS DE CONTROLE
Cadastro Ambiental Rural (CAR), Receituário
Agronômico de agrotóxicos (SIG@)
125,00 CULTURAS AGRICOLAS
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
2640,10 PADARIA, CONFEITARIA, PASTELARIA Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa

2820,00 Outorga/Dispensa de Outorga (SIOUT)


Incluído pela ARMAZENAMENTO, SEPARAÇÃO E ENFARDAMENTO DE TABACO Autorização de supressão de vegetação nativa,
Resolução 403/2019 quando necessário
Cadastro Ambiental Rural (CAR)
2840,00 CURA E SECAGEM DE TABACO POR MÉTODOS NATURAIS Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
3419,1 ESTACIONAMENTO SEM MANUTENÇÃO DE VEÍCULOS Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
MONTAGEM DE MAT ELETRICO/ELETRONICO E EQUIP P/
3420,20 Gerenciamento de Resíduos Sólidos
COMUNICACAO/INFORMATICA
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
3420,30 MONTAGEM DE ARTEF DE MADEIRA (INCLUSIVE CARIMBOS) Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
MONTAGEM OU RECUPERACAO DE MOVEIS SEM TRATAMENTO DE SUPERFICIE E
3420,40 Gerenciamento de Resíduos Sólidos
SEM PINTURA
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
SERVICOS DE REPARACAO E MANUTENCAO DE ampliação ou funcionamento
3420,50
ELETRODOMÉSTICOS/APARELHOS/UTENSILIOS/PECAS/ACESSÓRIOS/ESTOFADOS Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
3420,60 ESTOFARIA - REFORMAS DE ESTOFADOS EM GERAL Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
3430,50 ESCOLAS/CRECHES Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
3440,00 CENTRO DE TREINAMENTO DE COMBATE A INCENDIO Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
3460,00 AÇUDE (LAZER, PAISAGISMO)
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
50

Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,


AUTOPRODUÇÃO E GERAÇÃO DISTRIBUÍDA DE ENERGIA ELETRICA A PARTIR DE ampliação ou funcionamento
3510,41
FONTE SOLAR OU EÓLICA REGRADOS PELA RESOLUÇÃO 687 ANEEL Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa

Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,


ampliação ou funcionamento
3510,51 LINHAS DE DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA (ATÉ 38 kV)
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
4170,00 COMERCIO EM GERAL
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
4711,50 RAMAL DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL (RDGN) DE BAIXA PRESSÃO ATÉ 21 bar
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
4730,11 HELIPONTO
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa

EMPREENDIMENTO OU ATIVIDADE NÃO INCIDENTE DE LICENCIAMENTO EXEMPLOS DE OUTROS ATOS AUTORIZATIVOS E


CODRAM
AMBIENTAL INSTRUMENTOS DE CONTROLE

Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,


ampliação ou funcionamento
4740,10 COLETA E TRANSPORTE DE RESIDUO CLASSE II
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
4750,10 ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
Incluído pela DEPÓSITOS DE GLP (EM BUTIJÕES, SEM MANIPULAÇÃO, CÓDIGO ONU 1075) Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Resolução 381/2018 Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
4810,10 INSTALACAO DE LINHA TELEFONICA
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
4810,11 INSTALACAO DE LINHA TELEFONICA SUBFLUVIAL
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
4811,00 INSTALACAO DE CABOS DE FIBRA OPTICA
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
5110,00 HOTEL / POUSADA Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
5120,00 BAR/BOATE/DANCETERIA/CASA DE SHOWS Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
5130,00 RESTAURANTE/REFEITÓRIO/LANCHONETE/QUIOSQUE/TRAILER FIXO
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
5410,10 SERVICOS DE LIMPEZA E DESINFECCAO DE RESERVATORIOS DE AGUA
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento
5410,90 SERVICOS DE LIMPEZA DE INSTALACOES EM GERAL
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
6114,00 MUSEU/ ANFITEATRO/JARDIM BOTÂNICO Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
Licenças ou autorizações urbanísticas de construção,
ampliação ou funcionamento, incluindo o Plano de
9110,00 INSTITUIÇÃO RELIGIOSA/ TEMPLO/CAPELA Gerenciamento de Resíduos Sólidos
Autorização quando necessário supressão de
vegetação nativa
51

10520,00 Certificado de Identificação de Floresta Plantada com


Inserido pela FLORESTA PLANTADA COM ESPÉCIE NATIVA Espécie Nativa – CIFPEN
Resolução 383/2018 Autorização de corte das árvores, quando o caso.

DESCAPOEIRAMENTO NO BIOMA PAMPA PARA MANUTENÇÃO DA VEGETAÇÃO Cadastro Ambiental Rural


10740,30
CAMPESTRE

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS CONSIDERADAS NÃO IMUNES PARA USO


10770,10 NA PROPRIEDADE OU POSSE DAS POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU PEQUENOS Cadastro Ambiental Rural
Alterado pela
Resolução 381/2018 PRODUTORES RURAIS COMO LENHA EM ZONA RURAL NO BIOMA MATA ATLÂNTICA
ATÉ 15 m³/ano

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS CONSIDERADAS NÃO IMUNES OU NÃO


AMEAÇADAS DE EXTINÇÃO PARA USO NA PROPRIEDADE OU POSSE DAS Cadastro Ambiental Rural
10770,10
POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU PEQUENOS PRODUTORES RURAIS COMO LENHA
EM ZONA RURAL NO BIOMA MATA ATLÂNTICA ATÉ 15 m³/ano

CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS CONSIDERADAS NÃO IMUNES PARA USO


10770,20 NA PROPRIEDADE OU POSSE DAS POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU PEQUENOS Cadastro Ambiental Rural
Alterado pela
Resolução 381/2018 PRODUTORES RURAIS COM FINALIDADE DE CONSTRUÇÃO DE BENFEITORIAS EM
ZONA RURAL NO BIOMA MATA ATLÂNTICA ATÉ 20 m³ A CADA 3 ANOS

EMPREENDIMENTO OU ATIVIDADE NÃO INCIDENTE DE LICENCIAMENTO EXEMPLOS DE OUTROS ATOS AUTORIZATIVOS E


CODRAM
AMBIENTAL INSTRUMENTOS DE CONTROLE
CORTE EVENTUAL DE ÁRVORES NATIVAS CONSIDERADAS NÃO IMUNES OU NÃO
AMEAÇADAS DE EXTINÇÃO PARA USO NA PROPRIEDADE OU POSSE DAS Cadastro Ambiental Rural
10770,20 POPULAÇÕES TRADICIONAIS OU PEQUENOS PRODUTORES RURAIS COM
FINALIDADE DE CONSTRUÇÃO DE BENFEITORIAS EM ZONA RURAL NO BIOMA MATA
ATLÂNTICA ATÉ 20 m³ A CADA 3 ANOS

10860,00 SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA PARA ABERTURA DE TRILHAS E PICADAS Cadastro Ambiental Rural
Alterado pela
Resolução 381/2018 COM ATÉ 1,5 m LARGURA, INCLUSIVE EM ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA NÃO IMUNE OU NÃO AMEAÇADA DE Cadastro Ambiental Rural
10860,00 EXTINÇÃO PARA ABERTURA DE TRILHAS E PICADAS COM ATÉ 1,5 m LARGURA,
INCLUSIVE EM ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE.

10860,10 SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA PARA CONSTRUÇÃO E MANUTENÇÃO DE Cadastro Ambiental Rural
Alterado pela
Resolução 381/2018 CERCAS, INCLUSIVE EM ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE

SUPRESSÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA NÃO IMUNE OU NÃO AMEAÇADA DE Cadastro Ambiental Rural
10860,10 EXTINÇÃO PARA CONSTRUÇÃO E MANUTENÇÃO DE CERCAS, INCLUSIVE EM ÁREA
DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE.