Você está na página 1de 42

Eritropoese e introdução às

anemias...

Professora: Ana Carolina Terra Mercadante


Eritropoese: o que é?
 Formação dos eritrócitos na M.O. 200 bilhões de hemácias/dia.
 Envolve:
– Síntese de DNA e Mitose
– Síntese de hemoglobina com incorporação de Ferro
– Perda do núcleo e organelas
Dura em média 7 dias (normalmente), sendo 5 dias de divisões e 2 de
maturação.
Produto final: glóbulo vermelho, anucleado, com reserva energética para uma
vida média útil e funcional com 120 dias.
Eritropoese:
 3 fases distintas:
- Comprometimento da célula tronco à linhagem mielóide; CFUGEMM

BFUE
- Fase eritropoietina-independente (precoce)

CFUE
- Fase eritropoietina-dependente (tardia)

PROERITOBLASTO
 Intensa síntese protéica_Hb + Intensa capacidade
proliferativa!
Eritropoese:
1
divisão

2 divisões

2 divisões

Sem
divisões
Sem
divisões
Sem
divisões
Eritropoese:
Eritropoese: PRO-ERITROBLASTO OU PRO-NORMOBLASTO

Célula grande com citoplasma azul escuro


 Cromatina jovem e um ou dois nucléolos
 Apresenta organelas
 Atividade na síntese de proteínas
Eritropoese: ERITROBLASTO OU NORMOBLASTO

 Progressivamente: [Hb] e [RNA]  mudança de


coloração do citoplasma.

O núcleo vai ficando cada vez mais condensado, os


nucléolos desaparecem (Picnose).

O núcleo condensado é expulso da célula e ingerido


por macrófagos (baço).
Eritropoese: RETICULÓCITO OU ERITRÓCITO POLICROMÁTICO

 Anucleados, com resquícios de material genético e organelas.


10 -20% da síntese de Hb acontece nesta fase.
Equivalem a ~ 1% dos eritrócitos circulantes
1-2 dias na M.O.
Após 2-3 na circulação, terminam o amadurecimento:
- Parada total da síntese protéica;
- Parada da respiração aeróbica.
- Perda dos receptores de transferrina.
Eritropoese: RETICULÓCITO OU ERITRÓCITO POLICROMÁTICO

Concentração normal de reticulócitos: 0,5 a 1,5 %


 Reticulocitose: número aumentado quando a eritropoese é super estimulada:
-  [reticulócito] = produção compensatória de hemácias. Ex. Anemias Hemolíticas.
-  [reticulócito] = M.O. hipoproliferativa. Ex. Anemias por baixa produção de
hemácias.
 Atenção: para fins diagnósticos, necessidade de correção em relação ao
hematócrito!
Eritropoese: CONTAGEM DE RETICULÓCITO CORRIGIDA (CRC)

Concentração normal de reticulócitos: 0,5 a 1,5 %


 CRC = (Reticulócito (%) x Hematócritopaciente )/Hematócritonormal _45%

Ex: Paciente X apresentou na


• Valores de referência: contagem convencional a
-Hematócrito de 45% = 1% porcentagem de reticulócitos 1,2%.
-Hematócrito de 35% = 2-3% Seu hematócrito é de 29%. Calcule a
-Hematócrito de 25% ou menos = 4-5% porcentagem de reticulócitos
corrigida.

CRC = (1,2 X 29)/45 = 0,77


Eritropoese: CONTAGEM DE RETICULÓCITO CORRIGIDA (CRC)

Causas de reticulocitoses
Causas de reticulopenias
1. Esferocitose
1. Anemia Aplástica
2. Drepanocitose
2. Crise aplástica de anemia hemolítica
3. Eritroblastose Fetal
3. Anemias Megaloblásticas
4. Anemia aguda pós-hemorrágica
5. Anemia hemolítica autoimune adquirida
6. Hemoglobinúria Paroxística noturna
7. Resposta terapêutica satisfatória nas anemias carenciais
Eritropoese:

Eritrócitos nucleados NÃO


estão presentes no sangue
periférico normal!
Aparecem no sangue se
houver eritropoese
extramedular e também
em algumas doenças da
medula óssea.
Eritropoese: quem regula???

Os mais importantes são:


– Eritropoetina
– Hormônios andrógenos
–Vitamina B12
– Folatos
– Ferro
– Hemoglobina
Eritropoese: ERITROPOETINA

 A eritropoese é regulada pelo hormônio eritropoetina.


Glicoproteína composta por 165 aminoácidos e peso molecular de 34 kDa.
 90% do hormônio é produzido nas células intersticiais peritubulares renais, e 10%,
no fígado e em outros locais.
 Não há reservas pré-formadas, e o estímulo para produção de eritropoetina é a
tensão de oxigênio (O2) nos tecidos do rim.
Eritropoese: ERITROPOETINA
Eritropoese: ERITROPOETINA

 Funções dependentes do estágio de


amadurecimento do eritrócito:
1. Estimulo da proliferação das células
indiferenciadas medulares;
2. Estimula do amadurecimento das células
indiferenciadas;
3. Estimula a síntese de hemoglobina e do
receptor de transferrina;
4. Aumenta a taxa de reticulócitos no
sangue
Eritropoese: Hormônios Andrógenos

 Testosteronas e andrógenos em geral atuam sobre a eritropoese de dois


modos:

- Por estímulo direto sobre as unidades ou células formadoras de colônias


Eritróides na MO (CFUe).
- Por ação indireta, estimulando a produção de eritropoetina.
Eritropoese: Vitamina B12 ou Cobalamina
 Encontrada normalmente em ovos, leite e carnes.
Necessária na síntese de DNA.
 Deficiência: síntese defeituosa de DNA, megaloblastos (céls grandes com núcleo de
cromatina frouxa e citoplasma com pouca Hb), leucopenia, plaquetopenia e anemia
megaloblástica
Eritropoese: Folatos
Alimentos de origem vegetal (saladas, feijão, etc) e animal (fígado, rins, leite, etc).
Ácido Fólico + 4H+ = ácido tetraidrofólico, sendo bioquimicamente ativo e utilizado na
síntese de purinas, pirimidinas e DNA.
 Deficiência: síntese anormal de proteínas nucleares e, alteração na formação e divisão
celular.
Eritropoese: Ferro

 Liga-se ao O2 para transportá-lo aos tecidos (oxigenação), sendo a principal função da


hemoglobina.
Ligado ao heme representa a maior quantidade do ferro no organismo
- 1 mg de Hb = 0,34 mg de ferro
- 1 Moléc. de Hb = 4 moléc. Heme + 4 cadeias de globina
 O ferro da dieta se apresenta sob a forma inorgânica (Fe+++ ou Fe++) ou sob a forma de
heme, ligada geralmente à mioglobina da carne. São absorvidos de formas distintas pelos
enterócitos, porém seguem o mesmo destino ao passarem para o plasma.
Eritropoese: Ferro
Eritropoese: Ferro

O transporte e armazenamento do ferro é mediado por três proteínas: transferrina,


receptor de transferrina e ferritina:
- Transferrina: Glicoproteína sintetizada no fígado responsável pelo transporte do ferro
pelo plasma, após sua saída dos enterócitos.
- Transportador de Transferrina: presente em isoformas diferentes em todas as células que
necessitam de ferro.
- Ferritina e hemossiderina: representam fontes de ferro amarzenado, do qual o
organismo pode retirar quando há necessidade de formação do heme, parte integrante
da hemoglobina. Encontrados no intestino e no fígado.
Eritropoese: Resumindo até aqui...
Eritropoese: HEMOGLOBINA

A principal função dos eritrócitos é o transporte de O2 aos tecidos e o retorno de dióxido


de carbono (CO2) dos tecidos aos pulmões.
 Eritrócitos contêm uma proteína especializada, a hemoglobina.
Cada eritrócito contém aproximadamente 640 milhões de moléculas de hemoglobina.
 Formada por duas partes: i. porção que contém o ferro, denominada heme; ii. Porção
protéica, denominada de globina.
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese do Heme...

• O grupo heme (protoporfirina IX de ferro) encontra-se em


proteínas como: hemoglobina, mioglobina, catalase e
citocromos. (Grupo prostético).

• Hemoglobina e mioglobina: Fe2+ tem a função de ligar uma


molécula de O2, possibilitando o seu transporte na corrente
sanguínea.
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese do Heme...
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese do Heme...
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese do Heme...

[Heme] = Inibe ALA sintase Retroalimentação negativa


[Heme] = Ativa ALA sintase
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese do Heme...

Intoxicação por Pb = Inativação da porfobilogênio sintase


Anemia microcrômica
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese do Heme...

Defeitos na Ferroquelase ou deficiência


em íons Fe++ = Anemia ferropriva
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese da Globina...

Estrutura quaternária: Tetrâmero (consiste de 4 cadeias polipeptídicas).


 Cada molécula de hemoglobina A (Hb A) normal do adulto (hemoglobina dominante no
sangue depois dos 3 a 6 meses de idade), consiste em quatro cadeias polipeptídicas (duas α
e duas β) cada qual com seu próprio grupo heme.
Pequenas quantidades de outros tipos de hemoglobina:
Eritropoese: HEMOGLOBINA – Síntese da Globina... Ainda no eritroblasto
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA

Os eritrócitos no sangue arterial sistêmico transportam O2 dos pulmões aos tecidos e
voltam no sangue venoso, com CO2, para os pulmões.
Esse transporte é caracterizado pelo seguinte gráfico:
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

1. O que quer dizer?

No alvéolo pulmonar,
onde a pressão parcial
de Oxigênio (pO2) é de
100mmHg, +/- 97% das
minhas hemácias estão
saturadas com O2
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

1. O que quer dizer?

No alvéolo pulmonar,
onde a pressão parcial
Durante o percurso da de Oxigênio (pO2) é de
hemácia, ela encontra 100mmHg, +/- 97% das
na célula epitelial uma minhas hemácias estão
pO2 de 40 mmHg. Neste saturadas com O2
local, +/- 75% das
minhas hemácias estão
saturadas com O2. A
diferença entre o alvéolo
e aqui (ou seja, 20% de
O2 ) representa o quanto
a hemoglobina liberou
ali.
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

1. O que quer dizer?

No alvéolo pulmonar,
onde a pressão parcial
Será diferente de Oxigênio (pO2) é de
dependendo do tecido. 100mmHg, +/- 97% das
Na célula muscular, é minhas hemácias estão
normal encontrar saturadas com O2
apenas 30% de hemácias
saturadas com O2 .
Como utiliza muito
oxigênio, a pressão ali é
de +/- 20 mmHg. Logo,
quase 70% de O2 é
entregue ali.
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

1. O que quer dizer?

No alvéolo pulmonar,
P50 = A P50 (pressão onde a pressão parcial
parcial de O2, na qual a de Oxigênio (pO2) é de
hemoglobina está 100mmHg, +/- 97% das
metade saturada com minhas hemácias estão
O2) do sangue normal é saturadas com O2
26,6 mmHg.
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

2. Por que o formato é sigmoide e não uma reta?

Porque a interação Oxigênio-Subunidade da


hemoglobina é do tipo COOPERATIVA!

Uma subunidade influencia a ação da outra!

A ligação das primeiras moléculas são difíceis,


mas conforme vai acontecendo, há uma
necessidade menor de pressão para saturar
mais.
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

3. Por que ocorre liberação de O2 nos tecidos?

Princípio básico: capta O2 onde há alta pO2 e


libera onde é menor!

 Presença de fatores alostéricos!


Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

Fatores alostéricos???
X=
- CO2
HbO2 + X  HbX + O2
- H+
- 2,3 Difosfoglicerato
Forma relaxada! Forma T” (estabilizada)
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

Fatores alostéricos??? CO2 e H+ produzidos nos tecidos...

Hemácia CO2 + H2O H2CO3 H+ + HCO3-

(DESOXIEMOGLOBINA)

H+ + Hb- HbH
A própria hemoglobina se liga ao H+, neutralizando o próton livre, até a sua chegada no
pulmão. Pequena porcentagem de CO2 é carregado ali também.

No alvéolo, a reação ocorre na direção contrária, formando CO2 que será liberado
ali.
Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

Fatores alostéricos??? 2,3 Difosfoglicerato


Eritropoese: Função da HEMOGLOBINA... Entendendo esse gráfico...

Assim, os fatores alostéricos movimentam a curva para a direita...

Hemoglobina S

Fazem com que, na mesma


pressão, mais Oxigênio seja

Hemoglobina F
liberado!