Você está na página 1de 4

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL

FACULDADE DE EDUCAÇÃO

Curso de Especialização em Educação Integral


Integrada na Escola Contemporânea
Ma. Prof.º Janete Barcellos

TRABALHO SOBRE DANÇAS CIRCULARES SAGRADAS

Aluna: Rejane Maria Hübner Goulart


Porto Alegre, 2013
DANÇAS SAGRADAS CIRCULARES

As práticas das Danças Circulares Sagradas também conhecidas como danças de roda foram
criadas por Bernhard Wosien e sintetizam danças de diferentes culturas pesquisadas por ele.
Bernhard Wosien foi um bailarino , coreógrafo e pedagogo que viveu entre os anos de 1908 a 1986.
Aos 60 anos de idade teve despertado um interesse em conhecer as diversa s manifestações de
dança de todas as tradições culturais pelo mundo . Em uma de suas viagens passando por um
vilarejo na Escócia ,foi convidado a visitar uma Fundação chamada Findhon , a mesma foi
fundada em1962 por Peter e Eillen Caddy e Doroty Maclean é uma fundação sem fins lucrativos,
onde a comunidade trabalha com plantas e a comunicação com os reinos naturais ; é socialmente e
economicamente sustentável e inclui o uso de técnicas de construção ecológica , geração de energia
responsável ; reciclagem e produção de alimentos orgânicos .
Foi neste ambiente que compreendeu o que estava buscando: a dança que pudesse expressar
verdadeiramente os seus sentimentos . Denominou- a então, de Dança Circular de Roda .
No Brasil , as danças circulares foram introduzidas na década de 1980, por Carlos Solano que
hospedou-se na Fundação Findhorn e foi aluno de Anna Barton, ícone nesta categoria de dança .
Nos dias atuais , muitas pessoas estão engajadas em projetos que envolvem a prática das danças
circulares , em muitos lugares ,por todo o mundo, as pessoas desenvolvem este trabalho para
benefício próprio, assim como da comunidade onde vive.
Nos primórdios da humanidade , na história de nossos ancestrais verificamos que as tradições e
costumes é pautada e registrada sob a forma de mitos, símbolos , movimentos e sons sincronizados
com a natureza do planeta e a natureza humana. Em toda a antiguidade , o homem evocou, honrou,
comemorou e agradeceu aos seus deuses suas aquisições materiais e espirituais através das danças .
Era assim sua forma de comunicação e integração com o todo e consigo, de uma forma muito
intuitiva , dava-se a conexão com o universo , com Deus e com o seu eu interior ,e com o outro ser.
E com poucas informações e conhecimentos sobre este assunto , pra mim a dança dos povos
indígenas , tribos xãmas , tribos africanas , tribos ciganas eram ritmos primitivos de natureza
telúrica sem expressão nos tempos atuais . Foi muito interessante para mim esta descoberta . O
movimento das danças circulares sagradas que existe em todas as partes do mundo , na atualidade.
E foi no curso de Pós de Especialização em Educação Integral na Escola Contemporânea , na
Disciplina de Danças Circulares Sagradas com a Ma. Professora Janete Barcellos , que descobri este
trabalho que envolve o corpo, a mente e o espírito e que traz ao praticante muitos benefícios .
A proposta apresentada pela Mestra em sala de aula ,era através de recortes de revistas abrir
uma discussão no pequeno grupo sobre o significado da música , e ou, ritmos em sua vida . O grupo
montou uma¨ carta de caminho¨ onde cada um contasse suas experiências com a danças . Foi muito
interessante , porque para alguns colegas descortinou-se uma lembrança dos tempos de infância ,
outros falaram sobre as tradições e costumes familiares em relação à dança , tipos de ritmos ,
alguns falaram sobre sua timidez , outros revelaram seus desejos secretos pela dança .
Na prática da dança todos nós podemos participar. A coreografia é simples . De mãos dadas e em
círculo os movimentos são leves , experimentamos a integração , o equilíbrio e a alegria ,
precisamos fazer silêncio e nos concentrar para que conseguíssemos acertar o passo e chegar a um
estado de meditação em movimentos de forma suave e profunda nos levando a um estado de bem
estar.
Nos dias de hoje , a proposta do Programa Mais Educação, com o Turno Integral nas escolas é
viável trazer como um dos Temas Transversais , em arte , cultura e lazer a prática das Danças
Circulares Sagradas , porque além de proporcionar o bem estar físico , mental e espiritual, os alunos
praticantes experimentariam sentimentos de alegria , serenidade , a fraternidade , despertando a
colaboração , o apoio ao próximo, oportunizando o trabalho em grupo , sem que o sujeito perca sua
individualidade.
Proporcionar aos alunos uma educação integral, com um olhar holístico, sobre a necessidade de
cada alma encontrar-se; trabalhar a inclusão respeitando as diferenças ; romper as as fronteiras
étnicas e fronteiras individuais ; promover o encontro dos múltiplos saberes, articulando as práticas
dos fazeres nas diversas atividades pedagógicas expandindo a percepção , a concentração e a
atenção na busca da auto confiança . Pelo envolvimento e desenvolvimento natural que se dá com
a dança encorajar os alunos na sua construção como sujeitos , ajudá-los nas suas descobertas do dia
a dia .
Também podemos lembrar que aproveitando todas essas sensibilidades e dentro da totalidade do
ser cósmico podemos desenvolver projetos sobre o Meio Ambiente, amor ao nosso planeta
despertando e conscientizando para um futuro de práticas auto- sustentáveis, trazendo como
exemplo regional o Projeto Gaya , perto de Rio Pardo.
Não poderia de deixar de registrar um outro momento em aula com os colegas do curso , outra
proposta oferecida pela professora Janete : foi sorteado uma palavra que deveríamos descrever o
que ela representava ou reportávamos para alguns sentimentos: A palavra sorteada para mim era :
Busca? ( como Bernhard Wosien , em sua busca...)
…¨ é quando nós sonhamos e esses sonhos alimentam nosso coração. Aí a gente vai atraz e o
universo os transforma em realidade.¨
Então, busca me reporta para...
• Felicidade- comunhão com o outro , com o universo.
• Amor- diálogo amoroso com as pessoas.
• Família – cultura e costumes que passam de geração por geração.
• Saúde- auto cura , auto conhecimento através da dança.
• Conhecimento- outras culturas e etnias.
• Espiritualidade- conectar-se com o eu interior, com Deus.
• Evolução- fazer ao outro o que eu quero que faça para mim.
• Transformação – a cada passo.
• Transcender – harmonizar-se com os poderes cósmicos.
• Inspiração- revelar-me, ritmar-me.
• Honestidade- apoio mútuo.
• Fraternidade -união dos povos através da música e da dança.

A Educação Integral por meio do Programa Mais Educação nos oferece a chance de repensar os
caminhos da educação e suas aprendizagens e nós professores somos desafiados no dia a dia tornar
estas aprendizagens significativas e possibilitar ao aluno ser o construtor de seus próprios saberes e
protagonista da sua história. As Danças Circulares Sagradas , permite a participação de todos e as
reais oportunidades de aprendizagem para um ser integral e feliz para a vida .