Você está na página 1de 14

ESCOLA POLITÉCNICA DA

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO


Departamento de Engenharia de Sistemas Eletrônicos
PSI - EPUSP

PSI 3214
LABORATÓRIO DE INSTRUMENTAÇÃO ELÉTRICA

Experiência 05:
Potência em Corrente Alternada

Profa. Elisabete Galeazzo

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo


Potência
• Potência instantânea fornecida a uma carga:
𝑝(𝑡) = 𝑣(𝑡). 𝑖(𝑡)
Circuitos elétricos no modo DC:
Carga resistiva: p(t) = p = V.I
i

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo


Carga Resistiva
Potência fornecida a uma carga resistiva, em
corrente alternada senoidal:
i

v(t) e i(t) estão em fase:

𝑣 𝑡 = 𝑉𝑚 𝑠𝑒𝑛 𝜔𝑡
𝑖 𝑡 = 𝐼𝑚 𝑠𝑒𝑛 𝜔𝑡
Toda energia fornecida ao resistor é
𝑝 𝑡 = 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 − 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑐𝑜𝑠 2𝜔𝑡
utilizada para realizar trabalho
𝑝𝑜𝑡ê𝑛𝑐𝑖𝑎 𝑚é𝑑𝑖𝑎 = 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 =
Potência ativa: necessária para realizar trabalho
potência útil = potência ativa (aquecimento, movimento, luz...)
PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo
Carga Indutiva Ideal
i v(t) e i(t) estão defasados de  = 90o:

v 𝑣 𝑡 = 𝑉𝑚 𝑠𝑒𝑛 𝜔𝑡
𝑖 𝑡 = 𝐼𝑚 𝑠𝑒𝑛 𝜔𝑡 − 90o

𝑝 𝑡 = 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑐𝑜𝑠𝜃 − 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑐𝑜𝑠𝜃 cos 2𝜔𝑡 + 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑠𝑒𝑛𝜃 𝑠𝑒𝑛(2𝜔𝑡)

𝑝 𝑡, = 90𝑜 = 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑠𝑒𝑛 2𝜔𝑡


𝑝𝑜𝑡ê𝑛𝑐𝑖𝑎 𝑚é𝑑𝑖𝑎 = 𝑧𝑒𝑟𝑜
= 𝑝𝑜𝑡ê𝑛𝑐𝑖𝑎 𝑎𝑡𝑖𝑣𝑎

. Troca de potência entre fonte


e carga num ciclo = nula;
. Nenhuma energia é perdida
no processo
PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo
Carga Capacitiva
v(t) e i(t) estão defasados de 90o:
i
𝑣 𝑡 = 𝑉𝑚 𝑠𝑒𝑛 𝜔𝑡
v 𝑖 𝑡 = 𝐼𝑚 𝑠𝑒𝑛 𝜔𝑡 + 90o

𝑝 𝑡 = 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑐𝑜𝑠𝜃 − 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑐𝑜𝑠𝜃 cos 2𝜔𝑡 + 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑠𝑒𝑛𝜃 𝑠𝑒𝑛(2𝜔𝑡)

𝑝 𝑡, 𝜃 = −90𝑜 = − 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑠𝑒𝑛(2𝜔𝑡)

𝑝𝑜𝑡ê𝑛𝑐𝑖𝑎 𝑚é𝑑𝑖𝑎 = 𝑧𝑒𝑟𝑜


= 𝑝𝑜𝑡ê𝑛𝑐𝑖𝑎 𝑎𝑡𝑖𝑣𝑎
. Troca de potência entre fonte
e carga num ciclo = nula;
. Nenhuma energia é perdida
no processo.
PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo
Carga Indutiva Real
v(t) e i(t) estão defasados de  :
𝑣 𝑡 = 𝑉𝑚 𝑐𝑜𝑠 𝜔𝑡 e 𝑖 𝑡 = 𝐼𝑚 𝑐𝑜𝑠 𝜔𝑡 − 𝝓

𝑝 𝑡 = 𝑣 𝑡 . 𝑖 𝑡 = 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑐𝑜𝑠𝝓 + 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑐𝑜𝑠𝝓 cos 2𝜔𝑡 + 𝑉𝑒𝑓 𝐼𝑒𝑓 𝑠𝑒𝑛𝝓 𝑠𝑒𝑛(2𝜔𝑡)

Potência instantânea da carga indutiva real


Carga indutiva real

p(t)
Tensão, V; Corrente, A

Potência instantânea, p(t)


Vef.Ief.cos()

0 10 20 30 40 50 60
Tempo, s
0 20 40 60
tempo, s

Vmcos(t) Imcos(t-) Vef.Ief.cos()cos(2t) Vef.Ief.cos()sen(2t)

.Potência ativa: Vef. Ief.cos()


Carga Indutiva Real
exemplos: Lâmpada Fluorescente ou Motor de Indução

Carga indutiva real, potência instantânea


Potência Instantânea, p(t)

0 10 20 30 40 50 60

Tempo, s

. Parte da energia absorvida pela . Parte da energia fornecida à carga


carga realiza trabalho (calor ou é devolvida para fonte, não
movimento, por exemplo) realizando trabalho.
PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo
Conceito de Potência Aparente, Potência Ativa
e Potência Reativa
POTÊNCIA ATIVA (P):
. Potência que é paga para a concessionária
. Usada para realizar trabalho (geração de luz, calor, rotação de um motor, etc...)
. Unidade física: W
. É o valor médio de p(t); (p(t) = potência instantânea, oscila com o dobro da
frequência da rede)

POTÊNCIA REATIVA (Q):


. Potência que é usada para gerar e manter os campos eletromagnéticos
(fundamentais na aplicação de motores, geradores, transformadores)
. Não realiza trabalho útil
. Unidade física: VAr

POTÊNCIA APARENTE (Pap):


. Potência que é solicitada da concessionária;
. Unidade física: VA;
. É a soma vetorial de P e Q. Seu módulo é calculado por Vef.Ief

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo


Relação entre:
Potência Aparente, Ativa e Reativa
Para sinais senoidais e cargas lineares, temos:

Potência Ativa (P) = |Pap| . cos 

Potência Reativa (Q) = |Pap|. sen 

|Potência Aparente| = |Pap| = Vef . Ief

 = defasagem entre tensão e corrente fornecida

logo: cos = P/|Pap|;

cos = fator de potência

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa


Elisabete Galeazzo
Correção do fator de Potência

Para evitar sobretaxa da concessionária:


cos = fator de potência > 0,92
Deve-se efetuar correção do fator de potência

Corrente que não contribui para realizar trabalho é indesejável, pois:

 Exige cabos condutores com maior seção transversal que o necessário

 Eleva o custo da distribuição de energia elétrica

 Exige superdimensionamento dos equipamentos elétricos conectados


ao sistema

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo


ALICATE WATTÍMETRO DIGITAL : NO EXPERIMENTO SERÁ UTILIZADO COMO
AMPERÍMETRO ALICATE e COMO WATTÍMETRO.

Como amperímetro:
MEDE SOMENTE CORRENTES ALTERNADAS

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo


Esquema da Montagem Experimental

. aparelho deve ser posicionado de costas para carga


. Cuidado com a alimentação da rede: desconectar os
dois bananas da régua, para evitar choque....
PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa Elisabete Galeazzo
Medir potência de um sistema com
várias cargas

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa


Elisabete Galeazzo
Potências Nominais

Elemento resistivo: P = V2/R

Elemento Capacitivo : P = V2/Xc

Elemento Indutivo : P = V2/XL

Se Pap = P, então Pap = P = V2/R

Se Pap = jQ, então Pap = jQ = jV2/XC ,caso o elemento reativo seja capacitivo

Se Pap = jQ, então Pap = jQ = jV2/XL , caso o elemento reativo seja indutivo

PSI 3214, Instrumentação Elétrica; Profa


Elisabete Galeazzo

Você também pode gostar