Você está na página 1de 6

Curso Ciências Sociais

Teste QUESTIONÁRIO UNIDADE I


Iniciado 07/08/18 05:45
Enviado 07/08/18 05:49
Status Completada
Resultado da 5 em 5 pontos
tentativa
Tempo decorrido 3 minutos
Resultados Todas as respostas, Respostas enviadas, Respostas corretas, Comentários,
exibidos Perguntas respondidas incorretamente
• Pergunta 1
0,5 em 0,5 pontos
Émile Durkheim pensou no processo de socialização, que consiste em:
Resposta b.
Selecionada: Limitar os impulsos, os desejos e os instintos do
indivíduo.
Respostas: a.
Obedecer às leis do Estado.
b.
Limitar os impulsos, os desejos e os instintos do
indivíduo.
c.
Educar para preservar a moral.
d.
Ensinar boas maneiras.
e.
Desenvolver o pensamento crítico no ser humano.
Feedback Resposta: B
da
Comentário: Para conviverem pacificamente, os indivíduos
resposta:
devem aprender a limitar seus impulsos, desejos e instintos,
que geralmente são violentos ou sexuais. Para isso, a
sociedade estabelece valores e normas para guiar o
comportamento dos indivíduos e conduzi-los à convivência
harmoniosa.
• Pergunta 2
0,5 em 0,5 pontos
A Revolução Industrial pode ser identificada por quais fatores?
Resposta c.
Selecionada: Pelos métodos produtivos e pela liberdade dos
empresários industriais de produzir e enriquecer.
Respostas: a.
Pode ser identificada exclusivamente pela
mecanização.
b.
Pelos fatores de produção que criaram o proletariado.
c.
Pelos métodos produtivos e pela liberdade dos
empresários industriais de produzir e enriquecer.
d.
Pelo fim da produção agrícola.
e.
Por novas formas de comércio que surgiram.
Feedback Resposta: C
da Comentário: A Revolução Industrial significou mais do que a
resposta:
introdução da máquina a vapor e o aperfeiçoamento dos
métodos produtivos, ela nasceu sob a égide da liberdade ao
permitir aos empresários industriais que desenvolvessem e
criassem formas de produzir e enriquecer.
• Pergunta 3
0,5 em 0,5 pontos
Augusto Comte é importante, pois:
Resposta c.
Selecionada: Estabeleceu conceitos para definir a sociologia.
Respostas: a.
Definiu os estudos positivistas.
b.
Percebeu que a democracia não funciona.
c.
Estabeleceu conceitos para definir a sociologia.
d.
Era um militar que lutou na Revolução Francesa.
e.
Sempre esteve a favor das liberdades
democráticas.
Feedback Resposta: C
da
Comentário: Augusto Comte foi o primeiro a definir
resposta:
precisamente o objeto, a estabelecer conceitos e uma
metodologia de investigação da sociologia. Também foi um
crítico das ideias de Rousseau e das ideias iluministas que
preconizavam a liberdade e a igualdade entre os homens e
os conduziu à discórdia.
• Pergunta 4
0,5 em 0,5 pontos
Como Durkheim explicava a existência do crime?
Resposta c.
Selecionada: Uma desagregação dos laços que unem os
indivíduos.
Respostas: a.
A conquista da burguesia pelo proletariado.
b.
A conquista dos meios de produção pelo
proletariado.
c.
Uma desagregação dos laços que unem os
indivíduos.
d.
Uma revolução burguesa.
e.
A falta de moral que reina na sociedade.
Feedback Resposta: C
da Comentário: O crime é aquele desvio que uma sociedade
resposta:
considerou tão perigoso e ofensivo que resolveu inibir ou
punir com a lei. Para Durkheim, nenhuma sociedade estaria
livre do crime: como toda sociedade institui normas, o crime
existirá sempre que alguém quebrar essas normas; pois o
crime representa a desagregação dos laços que unem os
indivíduos.
• Pergunta 5
0,5 em 0,5 pontos
Como podemos descrever o que é o senso comum?
Resposta d.
Selecionada: O senso comum é a nossa primeira forma de
compreensão do mundo, resultante da herança cultural
dos grupos sociais onde estamos inseridos.
Respostas: a.
O senso comum é a melhor forma de compreensão do
mundo, resultante da herança cultural dos grupos sociais
onde estamos inseridos.
b.
É construído por uma geração por meio da educação
formal.
c.
É transmitido de geração em geração por meio da
tradição.
d.
O senso comum é a nossa primeira forma de
compreensão do mundo, resultante da herança cultural
dos grupos sociais onde estamos inseridos.
e.
O senso comum é a cultura da imitação e das
experiências pessoais.
Feedback Resposta: D
da
Comentário: O senso comum é a nossa primeira forma de
resposta:
compreensão do mundo, resultante da herança cultural dos
grupos sociais onde estamos inseridos. É um conhecimento
transmitido de geração em geração por meio da educação
informal e é baseado em imitações e experiências pessoais.
• Pergunta 6
0,5 em 0,5 pontos
Durkheim considerava dois tipos de solidariedade social:
Resposta e.
Selecionada: A solidariedade mecânica e a solidariedade
orgânica.
Respostas: a.
A solidariedade de classes e a solidariedade
religiosa.
b.
A solidariedade religiosa e a solidariedade imposta
pela lei.
c.
A solidariedade de classes e a solidariedade
religiosa.
d.
A solidariedade orgânica e a solidariedade religiosa.
e.
A solidariedade mecânica e a solidariedade
orgânica.
Feedback da Resposta: E
resposta:
Comentário: Durkheim identificou dois tipos de
solidariedade social:
Solidariedade mecânica: significa a união de pessoas a
partir da semelhança na religião, na tradição ou nos
sentimentos.
Solidariedade orgânica: é a união de pessoas a partir da
dependência que uma tem da outra para realizar alguma
atividade social; é a dependência que cada um tem da
atividade do outro.
• Pergunta 7
0,5 em 0,5 pontos
Identifique nessas revoluções qual não foi burguesa?
Resposta Selecionada: e.
Revolução Comunista Soviética.
Respostas: a.
Revolução Gloriosa.
b.
Revolução Francesa.
c.
Independência Americana.
d.
Revolução Industrial.
e.
Revolução Comunista Soviética.
Feedback da Resposta: E
resposta: Comentário: As revoluções burguesas foram: a Revolução
Gloriosa (1680), na Inglaterra; a Revolução Francesa
(1789), a Independência Americana (1776) e a Revolução
Industrial inglesa, a partir de 1750.
• Pergunta 8
0,5 em 0,5 pontos
Maquiavel escreveu na sua obra “O Príncipe” que:
Resposta a.
Selecionada: Um monarca precisa saber tirar proveito da sua
situação de governante.
Respostas: a.
Um monarca precisa saber tirar proveito da sua
situação de governante.
b.
O povo tem o direito à democracia.
c.
Toda sociedade será beneficiada se o governante for
uma pessoa feliz.
d.
O povo tem o governante que merece.
e.
O governante sábio deve ouvir seus súditos.
Feedback Resposta: A
da Comentário: Em sua obra “O Príncipe”, Maquiavel afirma
resposta:
que o destino da sociedade depende da ação dos
governantes e explora as condições pelas quais um
monarca absoluto é capaz de obter êxitos. Além disso,
Maquiavel acredita que o poder depende das características
pessoais do governante, de suas virtudes, das
circunstâncias históricas e de fatos que ocorrem
independentemente de sua vontade.
• Pergunta 9
0,5 em 0,5 pontos
O que se pode chamar de desigualdade moral ou política?
Resposta c.
Selecionada: Consiste nos privilégios desfrutados por alguns em
prejuízo dos demais.
Respostas: a.
É a forma com que todas as pessoas são obrigadas a
votar.
b.
São as diferenças entre os acadêmicos e os
analfabetos.
c.
Consiste nos privilégios desfrutados por alguns em
prejuízo dos demais.
d.
É uma forma natural de se perceber diferenças.
e.
Não existe desigualdade moral ou política numa
democracia.
Feedback Resposta: C
da
Comentário: O que se pode chamar de desigualdade moral
resposta:
ou política é uma espécie de convenção e foi estabelecida,
ou ao menos autorizada, pelo consentimento dos homens, e
consiste nos diferentes privilégios desfrutados por alguns
em prejuízo dos demais, como o de serem mais ricos, mais
respeitados, mais poderosos que estes, ou mesmo mais
obedecidos.
• Pergunta 10
0,5 em 0,5 pontos
Qual a definição de individualismo?
Resposta e.
Selecionada: É a valorização da autonomia individual em detrimento
da coletividade.
Respostas: a.
É quando o homem se coloca como centro de tudo.
b.
É a separação das questões transcendentais das
preocupações imediatas do dia a dia.
c.
É um modo de pensar que atribui valor somente à
razão.
d.
É a dedicação ao prazer como estilo de vida
e.
É a valorização da autonomia individual em detrimento
da coletividade.
Feedback da Resposta: E
resposta:
Comentário: Individualismo é a valorização da
autonomia individual em detrimento da coletividade.