Você está na página 1de 3

CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE MESQUITA

DELIBERAÇÃO CME Nº 014, DE 09 DE SETEMBRO DE 2015.

ESTABELECE A MATRIZ
CURRICULAR PARA O ENSINO
FUNDAMENTAL DA EDUCAÇÃO
INTEGRAL NAS UNIDADES
ESCOLARES PÓLO DE EDUCAÇÃO
INTEGRAL DA REDE MUNICIPAL DE
EDUCAÇÃO DE MESQUITA E DÁ
OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

O Conselho Municipal de Educação de Mesquita no uso de suas atribuições e


CONSIDERANDO:

- A Lei Federal 9394/96 que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional;


- A Lei Federal 11.645/08, de 10 de março de 2008.
- O Parecer CME 04/2015, de 02 de setembro de 2015.
- O Decreto Municipal nº 1724, de 08 de setembro de 2015.

DELIBERA:
Art. 1º - A matriz curricular, conforme anexo desta Deliberação, destina-se aos alunos
do ensino fundamental de 1º ao 9º ano, oferecendo-lhes 40 horas de atividades semanais
e 1.600 horas de atividades anuais.

Parágrafo Único - Os horários de aula serão distribuídos em quatro blocos didáticos de


uma (01) hora e quarenta (40) minutos, totalizando vinte (20) blocos didáticos
semanais, sendo o primeiro separado do segundo por um intervalo de vinte (20)
minutos, o segundo separado do terceiro por um intervalo de uma (01) hora e o terceiro
separado do quarto por um intervalo de vinte (20) minutos.

Art. 2º - O ensino de Linguagens e Códigos contemplará os conteúdos de Língua


Portuguesa, Língua Estrangeira, Oficinas de Produção Textual, atividades
correspondentes à Sala de Leitura e todas atividades correlatas que estejam diretamente
relacionadas à promoção da língua materna bem como de idiomas estrangeiros
modernos, compondo uma carga horária de cinco (05) blocos didáticos semanais.

Parágrafo Único - Nas unidades escolares da rede municipal de educação que ofereça a
educação integral será oferecida a Língua Inglesa, Língua Espanhola ou outra língua
estrangeira moderna de acordo com as disponibilidades da Secretaria Municipal de
Educação.

Art. 3º - O ensino de Ciências Humanas contemplará os conteúdos de História,


Geografia, Ensino Religioso e Filosofia bem como as alterações instituídas pela Lei nº
11.645/08 de 10 de março de 2008, incluindo-se igualmente um aprofundamento sobre
a História de Mesquita e do Rio de Janeiro, bem como seus aspectos sociogeográficos,
dando ênfase à integração entre as diversas disciplinas através de projetos diferenciados,
aulas-passeio e outras atividades corretadas, compondo uma carga horária de cinco (05)
blocos didáticos semanais.

Art. 4º - O ensino de Matemática, Ciências da Natureza e Tecnologias contemplará os


conteúdos de Matemática, Ciências da Natureza e Tecnologias da Informação e
Comunicação dando ênfase às atividades contextualizados, privilegiando o caráter
concreto dos conteúdos trabalhados, aos conteúdos procedimentais, ressaltando a
importância dos conceituais para o amplo desenvolvimento dos alunos, bem como
jogos, oficinas e atividades alternativas que ensejem o efetivo aprendizado dos
educandos, tendo carga horária de cinco (05) blocos didáticos semanais.

Art. 5º - O ensino de Expressão Artística e Corporal contemplará os conteúdos de Artes


e Educação Física e tem como objetivo a promoção do desenvolvimento artístico,
estético e cultural do educando e a ampliação da concepção de si, de sua cultura e de
outras culturas, ensinando conceitos básicos sobre o próprio corpo desde a função
estrutural anatômica até a reflexão sobre como as diferentes culturas lidam com esse
instrumento, tendo carga horária de 05 (cinco) blocos didáticos semanais do 1º ao 9º ano
de escolaridade.

§1º – As linguagens artísticas a serem implementadas através do ensino são Artes


Visuais, Dança, Teatro e Música, que serão oferecidas de acordo com a demanda e a
disponibilidade de docentes na rede.

§2º - Outras atividades correlatas poderão ser implementadas dentro da carga horária
semanal desde que estejam dentro do projeto pedagógico da escola.

Art. 6º - A organização dos anos de escolaridade nas escolas de educação integral será
feita por ciclos, sob a seguinte organização:

I – 1º ciclo: composto pelos 1º, 2º e 3º anos de escolaridade;

II – 2º ciclo: composto pelos 4º, 5º e 6º anos de escolaridade;

III – 3º ciclo: composto pelos 7º, 8 e 9º anos de escolaridade.

Art. 7º - As avaliações dos educandos ao longo de cada ciclo será processual, sendo
permitida a retenção por rendimento somente após ao final de cada etapa final de ciclo.

Art. 8º - Dada a peculiaridade da organização por ciclos e sua dinâmica, os anos de


escolaridade receberão as seguintes nomenclaturas:

I – Etapa Inicial do 1º Ciclo (1I) – referente ao 1º ano

II – Etapa Intermediária do 1º Ciclo (1M) – referente ao 2º ano

III – Etapa Final do 1º Ciclo (1F) – referente ao 3º ano

IV – Etapa Inicial do 2º Ciclo (2I) – referente ao 4º ano

V – Etapa Intermediária do 2º Ciclo (2M) – referente ao 5º ano


VI – Etapa Final do 2º Ciclo (2F) – referente ao 6º ano

VII – Etapa Inicial do 3º Ciclo (3I) – referente ao 7º ano

VIII – Etapa Intermediária do 3º Ciclo (3M) – referente ao 8º ano

IX – Etapa Final do 3º Ciclo (3F) – referente ao 9º ano

Art. 9º – Esta resolução entra em vigor a partir do período letivo de 2015, nas unidades
escolares pólo de educação integral, revogando-se as disposições em contrário, em
especial as Deliberações CME 007/2013 e 009/2014.

Mesquita, 09 de setembro de 2015.

ANEXO

MATRIZ CURRICULAR DO ENSINO FUNDAMENTAL


(Educação Integral)

ÁREA Carga Horária Semanal


DO Anos de Escolaridade – Ensino Fundamental
CONHECIMENTO 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º
10 10 10 10 10 10 10 10 10
Linguagens
Matemática e 10 10 10 10 10 10 10 10 10
Ciências da Natureza
10 10 10 10 10 10 10 10 10
Ciências Humanas
Expressão Corporal 10 10 10 10 10 10 10 10 10
e Artística
TOTAL 40 40 40 40 40 40 40 40 40