Você está na página 1de 123

Módulo: Easy Financing Control x Easy Export Control

Versão: Protheus 10
Pag. 2

Sumário

Capítulo 01 – Tabelas ............................................................................................... 4


TABELAS .................................................................................................................... 5
INSTITUIÇÃO FINANCEIRA ........................................................................................... 5
MODALIDADE DE PAGAMENTO DE EXPORTAÇÃO ............................................................. 6
MOEDAS .................................................................................................................... 9
COTAÇÃO DE MOEDAS ................................................................................................ 9
TIPOS DE FINANCIAMENTO ........................................................................................ 10

Capítulo 02 -Cadastros ........................................................................................... 12


CADASTROS ............................................................................................................. 13
FORNECEDOR/EXPORTADOR ...................................................................................... 13
CLIENTES ................................................................................................................ 15
PRAÇA ..................................................................................................................... 18
EMPRESAS ............................................................................................................... 18
EVENTOS CONTÁBEIS ............................................................................................... 20
ROF (Registro de Operações Financeiras) ..................................................................... 21

Capítulo 03 – Contrato ACC .................................................................................... 28


CONTRATO DE FINANCIAMENTO ACC .......................................................................... 29
PRÉ - VINCULAÇÃO ................................................................................................... 31
EVENTOS DO CONTRATO ........................................................................................... 36
HISTÓRICO DO CONTRATO ........................................................................................ 41
LIQUIDAÇÃO DE INVOICES VINCULADAS A UM CONTRATO ............................................ 42
LIQUIDAÇÃO NO CÂMBIO DE EXPORTAÇÃO.................................................................. 42
VARIAÇÃO CAMBIAL DE PROVISÃO DE JUROS ACE ....................................................... 44
LIQUIDAÇÃO NA MANUTENÇÃO DE CONTRATOS DE FINANCIAMENTO ............................. 45
CÓPIA DE UM CONTRATO........................................................................................... 46
VISUALIZAÇÃO DE TODAS AS SEQUENCIAS DE UM CONTRATO ...................................... 47

Capítulo 04 – Contrato ACE .................................................................................... 48


CONTRATO DE FINANCIAMENTO ACE .......................................................................... 49
PERIODO ESPECÍFICO PARA UMA INVOICE .................................................................. 49
PRÉ – VINCULAÇÃO ................................................................................................... 51
VINCULAÇÃO DE INVOICES PELA MANUTENÇÃO DE CONTRATOS .................................... 54
LIQUIDAÇÃO DA INVOICE VINCULADA NA MANUTENÇÃO DE CONTRATO ......................... 55
LIQUIDAÇÃO AUTOMATICA DE JUROS ......................................................................... 56

Capítulo 05 – Contrato Pré-Pagamento/ Securitização .......................................... 58


CONTRATO DE FINANCIAMENTO PRÉ-PAGAMENTO/SECURITIZAÇÃO ............................... 59
PERIODOS DO CONTRATO ......................................................................................... 60
GERAÇÃO DE PARCELAS DE PAGAMENTO ..................................................................... 61
RECALCULO DAS PARCELAS DE PAGAMENTO................................................................ 64
VINCULAÇÃO DE INVOICES A UM FINANCIAMENTO DE PRÉ-PAGAMENTO/ SECURITIZAÇÃO
.............................................................................................................................. 64
VINCULAÇÃO A PARCELA DO PRINCIPAL ...................................................................... 64
VINCULAÇÃO DAS PARCELAS DE JUROS ...................................................................... 66
LIQUIDAÇÃO DAS PARCELAS DE PAGAMENTO .............................................................. 68
LIQUIDAÇÃO DE PARCELAS DO PRINCIPAL .................................................................. 69
LIQUIDAÇÃO DE PARCELAS DE JUROS ......................................................................... 70
LIQUIDAÇÃO DE INVOICES ........................................................................................ 71
LIQUIDAÇÃO FORÇADA DE JUROS .............................................................................. 73
SALDOS DE UM CONTRATO DE FINANCIAMENTO .......................................................... 74
OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO DE JUROS DE CONTRATOS ACC/ACE .......................... 75
ENCERRAMENTO/ TRANSFERENCIA DE CONTRATO DE FINANCIAMENTO .......................... 78
Pag. 3

Capítulo 06 – Carta de Crédito e FFC ..................................................................... 82


CARTA DE CRÉDITO .................................................................................................. 83
MANUTENÇÃO FFC (Ficha de Fechamento de Câmbio) ................................................... 85
BAIXA FFC ............................................................................................................... 87

Capítulo 07 –Relatórios .......................................................................................... 94


RELATÓRIO .............................................................................................................. 95
RELATORIO DE COMPROMISSOS ................................................................................ 95
EXTRATO CONTRATOS ............................................................................................... 96
ACOMPANHAMENTO DE JUROS ................................................................................... 98
PRÉ-VINCULAÇÕES ................................................................................................. 100
MOVIMENTAÇÃO DE CONTRATOS ............................................................................. 102
PROVISÃO DE JUROS .............................................................................................. 104
ACE´S EM ABERTO.................................................................................................. 106
INVOICES NÃO VINCULADAS .................................................................................... 108
CARTEIRA EM ABERTO ............................................................................................. 110
POSIÇÃO CONTRATOS ............................................................................................. 112
MELHORES CLIENTES .............................................................................................. 115
AGING LIST............................................................................................................ 116
FINANCIAMENTO VINCULAR EXPORTAÇÃO E IMPORTAÇÃO .......................................... 118
RELATÓRIO DE FINANCIAMENTO A VINCULAÇÕES ...................................................... 119
RELATÓRIO DE FINANCIAMENTO VINCULADOS .......................................................... 120
RELATÓRIO DE FINANCIAMENTO PROVISÃO DE JUROS ............................................... 122
Pag. 4

Capítulo 01 – Tabelas

 Instituição Financeira;
 Modalidade de Pagamento de
Exportação;
 Moedas;
 Cotação de Moedas;
 Tipos de Financiamento.
Pag. 5

TABELAS
As tabelas apresentam as informações básicas para iniciar as
movimentações do módulo. O correto preenchimento das tabelas é fundamental
para execução das rotinas do sistema.

Na manutenção das tabelas atente-se para os seguintes detalhes:

Durante o cadastramento observe os campos destacados na cor azul, estes


campos possuem preenchimento “obrigatório”, não sendo possível finalizar
uma inclusão sem a sua informação.
Caso haja alguma duvida sobre o campo pressione [ENTER+F1] sobre o
mesmo, será apresentada uma tela com a descrição do campo.
Alguns campos estão associados a tabelas ou cadastros, para pesquisar este
conteúdo utilize o botão de pesquisa (a esquerda do campo) ou tecle F3
sobre o campo.

Antes de iniciar a manutenção nos cadastros, verifique se o parâmetro


MV_EEC_EFF (Parâmetro lógico que define se existe integração dos módulos
SigaEEC e SigaEFF) está habilitado “T”

INSTITUIÇÃO FINANCEIRA

Este é um cadastro oficial do Siscomex – Sistema de Comércio Exterior do


governo Brasileiro e pode ser alimentado através da integração com o Siscomex
(SISCCAD) pelo ambiente de Controle de Importações (SIGAEIC). Esta tabela é
utilizada no cadastro de condição de pagamento para os tipos de pagamentos
acima de 360 dias.

Exemplo - Como verificar uma instituição financeira:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Tabelas” + “Inst. Financeira”.


2. Selecione a Instituição “97”, clique na opção “Alterar” e informe os
seguintes dados:

Instituição Financeira – Figura 01

3. Clique sobre o botão “Ok” para gravar.


Pag. 6

MODALIDADE DE PAGAMENTO DE EXPORTAÇÃO

Esta é a tabela padrão do Siscomex que informa a modalidade de


pagamento. Será informada no cadastro de condição de pagamento e utilizada no
envio ao Siscomex.

Esta tabela é apenas informativa para o usuário, não necessitando de manutenção.

Exemplo - Como verificar uma modalidade de pagamento de exportação:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Tabelas” + “Mod. Pgto Export”.


2. Selecione a Modalidade “005”, clique na opção “Alterar” e informe os
seguintes dados:

Modalidade de Pagamento Exportação – Figura 01

3. Clique sobre o botão “Ok” para gravar.

CONDIÇÕES DE PAGAMENTO

As condições de pagamento identificam a forma de recebimento dos valores


faturados e exportados. Esta tabela apresenta três tipos de Condições de
Pagamento para as mercadorias exportadas:

A condição de pagamento é utilizada apenas para as parcelas que não


são de adiantamento, portanto será utilizada apenas para parcelas à
vista ou com vencimento maior que a data de embarque.

1-À vista Recebimento único do valor com vencimento na Data de


Embarque.

2-Normal Recebimento único do valor com data de vencimento de 1 a 899


dias a contar da data de embarque.

3-Parcelado Destinado para parcelamento do valor em até 10 parcelas,


aceitando apenas parcelas com data de vencimento depois da
data de embarque (Maiores que zero).

Para registrar tal condição, deve-se proceder da seguinte maneira:


Pag. 7

Código: Informar o código.


Tipo: Parcelado.
Dias: = ou > 900
Descrição Português: Digitar a descrição desejada.
Descrição no idioma: Digitar a descrição desejada no idioma.
Discriminando as Parcelas: Dados a serem gerenciados pelo controle financeiro,
para cada parcela é determinado o número de dias
de vencimento a partir da data de embarque
(maiores que zero).

Exemplo - Como cadastrar Condições de Pagamento:

1. Selecione o menu “Atualizações”+ “Tabelas” + “Cond.Pgtos”


2. Clique na opção “Incluir” e na Pasta Cadastrais, informe os seguintes dados:
Pag. 8

Condições de Pagamento - Figura 01

3. Caso a condição seja do tipo “Parcelado” é necessário definir os percentuais


e prazos de cada parcela, utilizando os campos disponíveis na pasta
“Parcelas”. Lembrando que somente é aceito parcelas com vencimento a
partir da data de embarque.
Para condições do tipo “Normal” (como neste exemplo) os campos estarão
desabilitados porque esta configuração não é necessária.
4. Para inserir a descrição da condição de pagamento em outro idioma clique
no botão “Incluir”, conforme demonstrado a seguir:

Condições de Pagamento - Figura 02

5. Clique sobre o botão “Ok” para gravar a nova descrição.


6. Confira os dados e clique sobre o botão “Ok” para gravar.

Quando o tipo da condição for “Parcelado”, o sistema preencherá


automaticamente o campo "No. de Dias" com o valor 901, para não
considerar o conteúdo do campo como o número de dias para recebimento,
liberando os campos da pasta “Parcelas”.

Para condições “A Vista”, o sistema preencherá automaticamente o campo


"No. de Dias" com o valor -1, indicando que o desembolso ocorrerá antes do
embarque.

É possível configurar apenas condições de pagamento “parcelado” com dias


de vencimento a partir da data de embarque.
Pag. 9

MOEDAS

Esta tabela contém todos os tipos de moedas utilizadas nos processos de


Exportação da sua empresa, esta tabela já vem preenchida previamente com dados
padrões necessitando apenas de manutenção.

Exemplo - Manutenção na tabela de Moedas:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Tabelas” + “Moedas”.


2. Clique na opção “Alterar” e confira os dados iniciais.

Moedas - Figura 01

3. Mesmo com esta tabela previamente preenchida certifique-se de que o


conteúdo do campo “Cod.SISCOMEX” está correto.
4. Em seguida clique no botão “Incluir” para inserir a descrição desta moeda
em outro idioma.

Moedas - Figura 02

5. Clique sobre o botão “Ok” para gravar a descrição da moeda.


6. Confira os dados e clique sobre o botão “Ok” para gravar a alteração.

COTAÇÃO DE MOEDAS

Esta tabela é de fundamental importância para a correta apuração da


variação cambial.
O sistema sempre irá procurar pela taxa mais atualizada, caso não encontre
a do dia. É conveniente a inclusão diária das taxas comerciais das moedas que a
sua empresa utiliza nas exportações.

Exemplo - Como cadastrar Cotações de Moedas:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Tabelas” + “Cotação das Moedas”.


2. Clique na opção “Incluir” e informe os seguintes dados:
Pag. 10

Cotação das Moedas - Figura 01

3. Clique sobre o botão “Ok” para gravar a cotação da moeda.

A cotação é sempre em relação à moeda corrente do país (Ex: Brasil = R$),


é importante a inclusão diária de taxas comerciais (Tx.Venda). A Taxa Fiscal
corresponde ao Siscomex e será utilizada no desembaraço. A taxa de compra é
apenas o registro do valor para aquisição da moeda nesta data (informativo).

TIPOS DE FINANCIAMENTO

O cadastro de Tipos de Financiamento é feito de acordo com seu processo


(Exportação/Importação), e disponibiliza a atribuição de encargos específicos para
cada tipo cadastrado. Estes encargos podem ser gerados nos Contratos de
Financiamento.

Exemplo – Como cadastrar um tipo de financiamento:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Tabelas” + “Tip. Financiamento”.


2. Clique na opção “Incluir” e efetue o cadastro do “Tipo” desejado:

Tipos de Financiamento - Figura 01

Caso não haja cadastros, o sistema automaticamente faz o cadastro de cinco tipos
pré-definidos, como segue:

Código do Descrição Tipo do Financiamento


Financiamento
01 ACC Exportação

02 ACE Exportação

03 Pré-Pagamento Exportação

04 Securitização Exportação
Pag. 11

05 FINIMP Importação

Um novo encargo poderá ser incluído clicando no último registro e


adicionando uma linha com a tecla “↓”, então se pode digitar os dados
diretamente nos campos, ou através do botão “Incluir” existente na barra
superior que exibe a seguinte tela:

Tipos de Financiamento - Figura 02


3. Clique no botão “OK” para gravar.

O Código do Evento deve existir na tabela de “Cadastro de Contas”, para o


respectivo tipo de módulo (“EX” = Exportação e “IM” = Importação) e tipo de
financiamento (Cód. Financ.), e precisa estar compreendido no intervalo de 300 a
499 (eventos fora desse intervalo são reservados para lançamentos do sistema).

Os Campos “Código do Evento Associado” e “Código do Evento Base”


seguem as mesmas exigências do “Código do Evento”, porém com uma exceção:
não precisam estar entre 300 e 499.

O “Código do Evento Associado” é o evento gerador do encargo cadastrado.


Isso significa que sempre que o evento associado for lançado, o encargo será
gerado. O valor desse encargo pode ser fixo ou um percentual de um outro evento
gerado na mesma seqüência. O evento sobre qual o percentual será aplicado é
preenchido no campo “Código do Evento Base”.
Pag. 12

Capítulo 02 -
Cadastros

 Fornecedor/Exportador;
 Clientes;
 Praça;
 Eventos Contábeis;
 ROF.
Pag. 13

CADASTROS

Neste capítulo abordaremos os cadastros do módulo de financiamento de


exportação, que são apresentados de forma hierárquica porque alguns cadastros
precisam de informações de tabelas que devem estar previamente preenchidas no
sistema, desta forma, é interessante que a montagem seja feita na seqüência de
utilização dos dados.

FORNECEDOR/EXPORTADOR

Neste cadastro deverão ser registrados os Fabricantes, Fornecedores,


Beneficiários e Exportadores, onde diferenciamos:

Somente será necessário identificar como Exportador, as empresas que


intermediam o processo de exportação e/ou exportam através de Tradings.
Fornecedor: a empresa apresentada como fornecedora e, normalmente,
exportadora das mercadorias para o Siscomex.
Fabricante: identificamos como a empresa apresentada como produtora da
mercadoria para o sistema Siscomex.
Beneficiário: a empresa apresentada como escritório central, com
centralização de documentação e empresa beneficiária para cartas de crédito
e recebimento na contratação de câmbio.

Exemplo - Como cadastrar Exportadores, Fornecedores ou Fabricantes:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Cadastros” + “Forn./Exportador”.

2. Clique na opção “Incluir” e na pasta Cadastrais, informe os seguintes dados:


Pag. 14

Exp./Forn./Fabr. - Figura 01

3. Na pasta “Outros” informe os seguintes dados:

Exp./Forn./Fabr. - Figura 02
4. Clique sobre o botão “Incluir” para cadastrar os contatos desta Empresa,
conforme demonstrado a seguir:
Pag. 15

Exp./Forn./Fabr. – Figura 03

5. Clique sobre o botão “Ok” para gravar o contato.


Utilize os botões “Alterar” e “Excluir” para a manutenção dos contatos
cadastrados.
6. Confira os dados da Empresa e clique sobre o botão “Ok” para gravar.

CLIENTES

Neste cadastro deverão ser registrados os Clientes e Importadores atendidos no


processo de exportação.
O Importador é a empresa apresentada como compradora das mercadorias para o
Siscomex. O Cliente é identificado como consumidor final, com o qual a relação
comercial é intermediada pelo Importador.
Caso o Cliente seja o mesmo que o Importador não será necessário cadastrá-lo
duas vezes.

Exemplo - Como cadastrar Importadores / Clientes:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Cadastros” + “Import./Clientes”.


2. Clique na opção “Incluir” e na pasta Cadastrais informe os seguintes dados:
Pag. 16

Clientes - Figura 01

3. Na pasta “Adm/Fin.” devem ser preenchidos campos como Percentual de


comissão, Bancos, Conta Contábil, etc.
4. Na pasta “Fiscais” são definidos alguns campos que dependem da localização
da empresa e necessidade de controle do setor Fiscal.
5. Na pasta “Vendas” defina os campos necessários para controle da área
comercial.
6. Clique sobre o botão “Incluir” para cadastrar os contatos desta Empresa,
conforme demonstrado a seguir:

Clientes - Figura 02

7. Clique sobre o botão “Ok” para gravar o contato.


Utilize os botões “Alterar” e “Excluir” para a manutenção dos contatos
cadastrados.
8. Confira os dados do Cliente e clique sobre o botão “Ok” para gravar.
Pag. 17

BANCOS

Este cadastro permite a inclusão de bancos, caixas e agentes cobradores


com os quais uma empresa trabalha. As contas correntes devem ser cadastradas
individualmente, mesmo que pertençam ao mesmo banco.

Este cadastro também permite que se indique quais as contas contábeis a serem
utilizadas para contabilização de exportação e dos contratos de financiamento.

Exemplo - Como cadastrar Bancos:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Cadastros” + “Bancos”.


2. Localize o banco “Banco AVG S/A”, clique na opção “Alterar” e informe os
seguintes dados:

Bancos - Figura 01

3. Para indicar a conta contábil a ser utilizada na contabilização de exportação,


preencha os dados abaixo:
Pag. 18

Bancos - Figura 02

4. Confira os dados do Banco e clique sobre o botão “Ok” para gravar.

PRAÇA

Este cadastro tem como objetivo permitir o registro das Praças para os
Bancos cadastrados no sistema. Um banco pode possuir o cadastro de várias
praças.

Exemplo – Como incluir uma Praça:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Cadastros” + “Praça”.


2. Clique na opção “Incluir” e informe os seguintes dados:

Praça - Figura 01

3. Clique sobre o botão “Ok” para gravar.

EMPRESAS

Nesta rotina devem ser cadastradas todas as empresas prestadoras de


serviços que participam do Processo de Exportação, exemplo: Despachantes,
Paletizadoras, Agentes de Carga, Seguradoras, Corretoras, etc.
Pag. 19

Exemplo - Como cadastrar Empresas:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Cadastros” + “Empresas”.


2. Clique na opção: “Incluir” e informe os dados a seguir:

Empresas - Figura 01

3. Clique sobre o botão “Incluir” para cadastrar os contatos desta Empresa,


conforme demonstrado a seguir:

Empresas - Figura 02

4. Clique sobre o botão “Ok” para gravar o contato.


Utilize os botões “Alterar” e “Excluir” para a manutenção dos contatos
cadastrados.
5. Confira os dados da Empresa e clique sobre o botão “Ok” para gravar.
Pag. 20

Atenção para o correto preenchimento do campo “Classif.”


(Classificação/Atividade da Empresa). O sistema disponibiliza as seguintes
opções (tabela genérica “YE”):

Chave Descrição

1 AGENTE EMBARCADOR

2 AGENTE (RECEB. DADOS EMBARQUE)

3 AGENTE (RECEBEDOR COMISSAO)


4 ARMADOR
5 CORRETORA CÂMBIO
6 DESPACHANTE
7 DIVERSOS
8 INSPETORA
9 PALETIZADORA
A SEGURADORA
B TRANSPORTADORA
C AGENTE NO DESTINO=FOWARDER
D COURIER

EVENTOS CONTÁBEIS

Neste cadastro devemos inserir Eventos (contas) Contábeis controlados pelo


módulo, definindo principalmente, as contas de débito e crédito de cada evento.

Exemplo - Como incluir eventos contábeis:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Tabelas” + “Eventos Contábeis”.


2. Clique na opção "Incluir" e informe os seguintes dados:

Eventos Contábeis – Figura 01


Pag. 21

3. Confira os dados e clique sobre o botão “Ok” para gravar.

Através da opção "Cópia", é possível incluir um novo evento no cadastro tendo


como base um dos eventos já existentes.

Exemplo - Como copiar eventos contábeis:

1. Na tela de Manutenção de Eventos Contábeis, selecione uma conta


semelhante a que deseja incluir.
2. Clique sobre a opção "Copiar". O sistema apresentará a tela de inclusão de
eventos com os campos código e descrição já preenchidos.
3. Preencha os demais campos seguindo a orientação do help.
4. Clique sobre o botão “Ok” para gravar.

Informações mais específicas sobre os Eventos Contábeis serão


apresentadas no manual do módulo Easy Accounting.

Para verificar as contas contábeis cadastradas utilizando a Consulta


Genérica, consulte o arquivo EC6 (Cadastro de Contas).

Este cadastro armazena os eventos contábeis utilizados nos módulos de


contabilização de importação e exportação. E também é utilizado para
associar as contabilizações que serão geradas pelos produtos de
Financiamento.

ROF (Registro de Operações Financeiras)

Neste cadastro é efetuado o registro das seguintes operações: Importações


financiadas pelo fornecedor do bem ou serviço ou por outro financiador, ou
concessão de linha de crédito a bancos autorizados a operar em câmbio no país.

É disponibilizada a atribuição de encargos específicos para cada R.O.F., estes


encargos podem ser gerados nos “Contratos de Financiamento”.
A inclusão de encargos é igual a do cadastro de “Tipo de Financiamento”.

Exemplo – Como incluir um ROF:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Cadastros” + “ROF”.


2. Clique na opção “Incluir” e informe os seguintes dados:
Pag. 22

ROF – Figura 01

3. No botão “Incluir” insira um encargo para o R.O.F. “ROF 01” conforme


orientação a seguir:

ROF – Figura 02

Caso seja digitado no campo “Cod. Evento” um código, por exemplo “5.01”
aparecerá a seguinte mensagem:

ROF – Figura 03

4. Clique no botão “OK” e digite um evento que comece com 3 ou 4.


5. Clique sobre o botão “Ok” para gravar.
Pag. 23

Para incluir um encargo no ROF, é necessário verificar o tipo do módulo


incluso no cadastro de “Eventos Contábeis” e colocá-lo o mesmo no ROF.
Assim o código de evento aparecerá corretamente.
Pag. 24

Exercícios
de Fixação

 Tabelas;
 Cadastros.
Pag. 25

1. Como é cadastrada uma condição de pagamento parcelada, sendo 50% para


15 dias antes do embarque, 25% para 15 dias após o embarque e 25% para 30
dias após o embarque?

2. Que campo indica a classificação de um Fabricante/Fornecedor?

3. Quais são os tipos de financiamento?

i. ACC; ACE; Linha de Crédito; Pré-Pagamento e FINIMP.


ii. ACC; ACE; Pré- Pagamento; Instituição Financeira; Securitização; FINIMP.
iii. ACC; ACE; Pré- Pagamento e FINIMP.
iv. ACC; ACE; Pré –Pagamento; Securitização e FINIMP.

4. No cadastro Cliente possui o campo “Tipo” na pasta “Cadastrais”, este campo é


caracterizado como?

a) Importador; Consignatário; Produtor Rural; Exportação.


b) Consumo Final; Produtor Rural; Revendedor; Solidário e Exportação.
(Correta)
c) Consumo Final; Produtor Rural; Revendedor; e Exportação.
d) Importador; Consignatário; Revendedor; e Exportação.
Pag. 26

Soluções

 Tabelas;
 Cadastros.
Pag. 27

1. Como é cadastrada uma condição de pagamento parcelada, sendo 50% para 15


dias antes do embarque, 25% para 15 dias após o embarque e 25% para 30
dias após o embarque?
Para incluir uma condição de pagamento parcelada, na pasta cadastrais,
é necessário selecionar a opção “Parcelado” no campo “Tipo”.
Na pasta parcela, o campo “% Parcela” armazena o percentual de cada
uma das parcelas, e o campo “Dias Parc” armazena o prazo da
respectiva parcela sendo, Valor Negativo: para pagamento antes do
embarque e Valor Positivo: para pagamento após o embarque.

% Parcela 01 = 50 Dias Parc 01 = -15


% Parcela 02 = 25 Dias Parc 02 = 15
% Parcela 03 = 25 Dias Parc 02 = 30

2. Que campo indica a classificação de um Fabricante/Fornecedor?

Campo “Identificac.”, disponível na pasta Outros do cadastro de


Fabricantes/Fornecedores.

3. Quais são os tipos de financiamento?

Letra D: ACC; ACE; Pré –Pagamento; Securitização e FINIMP.

4. No cadastro Cliente possui o campo “Tipo” na pasta “Cadastrais”, este campo é


caracterizado como?

Letra B: Consumo Final; Produtor Rural; Revendedor; Solidário e


Exportação.
Pag. 28

Capítulo 03 – Contrato
ACC
 Pré-vinculação;
 Eventos do Contrato;
 Histórico do Contrato;
 Liquidação de Invoices
vinculadas a um contrato;
 Liquidação no câmbio de
exportação;
 Variação Cambial de provisão de
juros ACE;
 Liquidação na manutenção de
contrato de financiamento;
 Cópia de um contrato;
 Visualização de todas as
seqüências de um contrato.
Pag. 29

CONTRATO DE FINANCIAMENTO ACC


O Financiamento ACC – Adiantamento sobre Contrato de Câmbio consiste
em uma operação na qual o banco antecipa em “Reais” o equivalente à quantia de
moeda estrangeira estipulada na garantia de compra feita pelo cliente ao
exportador.

Exemplo – Como incluir uma manutenção de Contrato ACC:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”.


2. Clique na opção “Inclui” e na pasta Cadastrais informe os seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação - Figura 1

É necessário definir os “Períodos do Contrato”, ou seja: os tipos, as datas e as


taxas de juros a que o contrato está sujeito.

3. Clique no botão “Períodos do Contrato” em seguida clique no botão


“Incluir” e inclua um período conforme orientações a seguir:
Pag. 30

Manutenção de Contrato de Exportação - Figura 2

4. Clique sobre o botão “OK” para confirmar.

5. Inclua outro Período de Contrato, e informe os seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação - Figura 3

6. Clique sobre o botão “OK” para confirmar.

O sistema gerará o evento 100, que representa o valor financiado pelo banco
ao exportador. Este evento foi gerado ao preencher o valor do contrato e terá seu
valor em “Reais” atualizados assim que for preenchido o campo da data de Inicio de
Juros.

7. Na pasta “Cadastrais”, preencha o campo “Dt. Ini.Juros” com a mesma data


do campo “Dt. Contrato”, conforme abaixo:
Pag. 31

Manutenção de Contrato de Exportação - Figura 4

A Vinculação de Invoices ao financiamento representa a entrega das invoices


ao credor após o embarque das mercadorias.

A vinculação pode ser feita através do botão “Vincular Invoices”, na


manutenção de Contrato.

8. Clique no botão “Ok” para gravar a Manutenção.

Este procedimento pode ser feito tanto nas rotinas de “Manutenção de


Contratos de Financiamento” quanto no “Câmbio” (na opção
“Atualizações/Exportação/Câmbio” ou no módulo “Easy Export Control –
EEC” em “Atualizações/Financeiro/Câmbio”).

PRÉ - VINCULAÇÃO

Esta opção está disponibilizada a rotina de Pré-Vinculação de Invoices a um


Contrato de financiamento. Esta rotina permite ao exportador controlar quais
Invoices ele desejará vincular aos contratos de financiamento.

Pré – Requisitos:

- Ter efetuado um embarque no módulo de Exportação, não esquecendo de


preencher a data do embarque. Pois não é possível vincular uma invoice cujo
processo não tenha data de embarque.

Exemplo – Como incluir uma Pré-vinculação:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Pré-Vinculação”


2. Clique na opção “Incluir”, aparecerá uma tela para filtrar as invoices.
Informe os dados abaixo:
Pag. 32

Pré- Vinculação – Figura 01

3. Clique no botão “OK” para prosseguir.


4. Inclua uma Pré-Vinculação preenchendo os campos a seguir diretamente no
browse:

Pré- Vinculação – Figura 02

Na tela de Pré-Vinculação existe o botão “Saldo do Contrato”, que


disponibiliza a verificação dos saldos dos contratos de financiamento:

Pré- Vinculação – Figura 03

Após a “Pré – Vinculação” das invoices aos “Contratos de Financiamento”, estas


pré-vinculações podem ser efetivadas, representando que a Invoice realmente foi
entregue ao Credor.

5. Confirme os dados da Pré-Vinculação.


6. Em seguida, posicione o foco sobre a pré-vinculação incluída e clique na
opção “Efetiva”.
Pag. 33

7. Informe o campo “Processo” e confirme.

Pré- Vinculação – Figura 04

8. Marque a pré-vinculação incluída, com dois cliques sobre o processo


desejado, é aberta a tela para preenchimento das informações referentes à
efetivação.

Pré - Vinculação - Figura 05

9. Clique no botão “Ok” para gravar a efetivação.


Pag. 34

A. VINCULAÇÃO DE INVOICES PELO CONTROLE DE CÂMBIO

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Câmbio”.


2. Clique na opção “Alterar” e em seguida clique no botão “Vinculação” e
vincule uma parcela de uma invoice, conforme orientações a seguir:

Câmbio – Figura 01

Caso a parcela já esteja vinculada, aparecerá a mensagem abaixo:

Câmbio – Figura 02

3. Clique no botão “Ok” para confirmar.

B. VINCULAÇÃO DE INVOICES PELA MANUTENÇÃO DE CONTRATOS

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”.


2. Selecione o processo desejado e clique na opção “Alterar”.
3. Em seguida pressione o botão “Vincular Invoices”, informe os dados a
seguir:
Pag. 35

Pré- Vinculação – Figura 01

4. Clique no botão “Ok”.


5. Vincule a invoice clicando duas vezes sobre a marca a esquerda e preencha
conforme as orientações a seguir:

Pré- Vinculação – Figura 02

6. Em seguida, clique no botão “Ok” para gravar.


Pag. 36

EVENTOS DO CONTRATO

Na rotina de Manutenção de contratos, logo abaixo dos campos principais, estão os


“Eventos do Contrato”. Existem varias operações que geram eventos em um
contrato de financiamento, sendo as principais:

Operação Evento
Inicio do Contrato 100
Vinculação de Invoice 600
Liquidação de Invoice 630
Parcela de Pagamento 700
Parcela de Juros 710

Exemplo – Como exibir os eventos de contrato:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”.


2. Selecione o processo desejado e clique na opção “Alterar”.

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 01

Eventos do Contrato
Pag. 37

3. Pressione o botão “Filtros”, apara exibir os eventos de acordo com o código


ou de acordo com a Invoice. Filtre os eventos pelo código “600”.

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 02

4. Serão exibidos apenas os eventos que obedeçam ao filtro selecionado.


Para desfazer o filtro, clique no botão “Selecionar Filtrar” no campo “Filtrar” clique
em “Limpar filtro” e em seguida clique em “OK” com os filtros em branco.

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 03


Pag. 38

Desfaça o filtro, e observe os seguintes campos dos eventos do contrato:

Campo Descrição

Filial Origem Preenchido quando o evento for relacionado a uma Invoice ou quando o
evento for derivado de um evento relacionado a uma Invoice. Ex.:
Vinculação, Encargo sobre vinculação.
Processo / Invoice/ Preenchido quando o evento for relacionado a uma Invoice ou quando o
Nro. Parcela / Tipo / evento for derivado de um evento relacionado a uma Invoice. Ex.:
Fornecedor Vinculação, Encargo sobre vinculação.
Arq. Origem Identifica se a parcela de Câmbio que originou o evento é de
Exportação.
Seqüência Identifica a ordem em que as operações foram efetuadas. Quando uma
operação gera mais de um evento, todos os eventos gerados possuem
o mesmo número de seqüência.
Nro. Contab. Preenchido caso o evento tenha sido contabilizado pelo SIGAECO.

Ev. Vinculado Preenchido quando o evento for derivado de outro evento.

Parc. Ev. Vinc. Preenchido quando o evento que originário for uma parcela de
pagamento.
Contr. / Praça Preenchido quando o contrato for derivado de um outro contrato.
Destino

Evento / Data Preenchido quando ocorrer o estorno de um evento que já tenha sido
Estorno contabilizado. Neste caso o campo “Evento Estorno” recebe o código o
evento e o campo “Evento” recebe o código de estorno “999”.

EVENTOS GERADOS DEVIDO À VINCULAÇÃO DE INVOICE

1º Evento - Variação Cambial ACC (500 ou 501) contendo a variação em reais


entre a taxa da data de início de juros (100) e a taxa de vinculação (600), o cálculo
será feito da seguinte maneira:

VV = Valor Vinculado (na moeda do contrato)


TX = Taxa do evento 100
TV = Taxa de Vinculação
VC = Variação Cambial (em reais)

VC = VV * ( TV – TX ) Exemplo: VC = 1.000,00 * ( 3,00 – 3,10)


VC = -100,00

Caso a variação cambial seja maior ou igual à zero, o evento gerado


possuirá código 500. Se a variação for menor do que zero o código será 501.
Pag. 39

2º Evento – Provisão de juros ACC (520) contendo o valor dos juros devidos da
data de Início de juros até a data da vinculação da invoice, o cálculo será feito da
seguinte maneira:

VV = Valor Vinculado (na moeda do contrato)


DI = Data de Início de Juros
DV = Data de Vinculação
QD = Quantidade de Dias
TX = Taxa Diária de Juros
PJ = Provisão de Juros (na moeda do contrato)

QD = ( DV – DI ) + 1 Exemplo: QD = (05/06/06 – 01/06/06) + 1


QD = 5
PJ = VV * QD * TX PJ = 1.000,00 * 5 * 0,05%
PJ = 2,50

O código do evento depende do tipo de juros a que se refere. Por exemplo:

Tipo de Juros Evento

0 520

1 521

3º Evento - Caso a taxa na data de vinculação seja diferente da taxa da última


provisão de juros ACC, será gerado um evento de variação cambial de provisão de
juros ACC (código iniciado com “55”) contendo a variação em “Reais” entre as duas
taxas. Se não houver provisão anterior será gerada a variação cambial com valor
zerado. O cálculo será feito da seguinte maneira:

SA = Soma das Provisões de Juros Anteriores (na moeda do contrato)


TA = Taxa da Provisão de Juros Anterior (na moeda do contrato)
TV = Taxa na Data da Vinculação
VC = Variação Cambial (em reais)

VC = SA * ( TV – TA ) Exemplo: VC = 100,00 * ( 3,20 – 3,00)


VC = 20,00

O código do evento de variação cambial depende do tipo de juros e do valor da


variação, sendo que sempre são reservados dois códigos para cada tipo de juros.
Por exemplo:

Evento
Tipo de Juros
Variação maior ou igual a Variação menor que zero
zero
0 551 552

1 553 554

4º Evento – Transferência de juros de ACC – Adiantamento sobre Contrato de


Câmbio para ACE – Adiantamento sobre Cambiais Entregues (650), contendo o
valor dos juros devidos da data de início de juros até a data da vinculação da
Pag. 40

invoice, o cálculo será feito da mesma maneira que o cálculo da provisão de juros
ACC.
Exemplo – Como excluir um evento:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no processo desejado e clique em “Alterar”.

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 01

3. Selecione o evento “600” exclua através do botão “Excluir” e feche o


contrato “Cont ACC”.
Ao fechar o contrato é exibida uma tela para informar o motivo da exclusão do
evento. Esta informação será armazenada no “Histórico do Contrato”:

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 02

4. Clique no botão “OK” para gravar.


Pag. 41

Todos os eventos que possuam mesmo número de seqüência serão


excluídos junto ao evento “600”.

O estorno do evento “600” também pode ser feito através do menu “Atualizações”
+ “Exportação” + “Câmbio”, através do botão “Estorno Vinculação”:

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 03

HISTÓRICO DO CONTRATO

Exemplo – Como verificar o histórico de um contrato:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no Contrato desejado e clique na opção “Histórico”

Será exibida uma tela contendo informações sobre as principais operações


efetuadas como a rotina “Contrato de Financiamento”, como segue:

Histórico do Contrato – Figura 01

3. O botão “Visualizar”, exibe as informações detalhas sobre as alterações e


operação realizadas no contrato.
4. Clique no botão “OK” para confirmar.
Pag. 42

LIQUIDAÇÃO DE INVOICES VINCULADAS A UM CONTRATO

A Liquidação de invoices vinculadas ao financiamento representa o pagamento da


invoice realizado pelo cliente.

LIQUIDAÇÃO NO CÂMBIO DE EXPORTAÇÃO

Exemplo – Como liquidar uma invoice:


1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Câmbio”
2. Posicione no processo desejado e clique na opção “Alterar”.
3. Selecione uma invoice vinculada ao contrato “CONT ACC” e clique no botão
“Liquidação” e informe os dados a seguir:

Câmbio – Figura 01

4. Clique no botão “OK” e confirme a liquidação.

Após a liquidação da Invoice, alguns eventos serão gerados no financiamento, por


exemplo:

 Variação Cambial ACE (500 ou 501)


Pag. 43

Evento contendo a variação em reais entre a taxa da data de início de


vinculação e a taxa de liquidação. O cálculo será igual ao da variação cambial ACC
mencionada anteriormente.

 Provisão de Juros ACE (520)


Evento contendo o valor dos juros devidos da data da última provisão de juros
sobre o valor da invoice até a sua data de liquidação, o cálculo será feito da
seguinte maneira:

VL = Valor Liquidado (na moeda do contrato)


DA = Data da Provisão de Juros Anterior
DV = Data da Liquidação
QD = Quantidade de Dias
TX = Taxa Diária de Juros
PJ = Provisão de Juros (na moeda do contrato)

QD = DV – DA Exemplo: QD = 10/06/06 – 05/06/06


QD = 5
PJ = VL * QD * TX PJ = 1.000,00 * 5 * 0,05%
PJ = 2,50

O código do evento depende do tipo de juros a que se refere. Por exemplo:

Tipo de Juros Evento

0 520

1 521

 Liquidação de Principal ACE (630)


Evento contendo o valor da invoice liquidada.

 Liquidação de Juros ACE (código iniciado com “64”)


Evento contendo o valor dos juros a serem liquidados. O código deste evento é
complementado com o código do tipo de juros. O valor é correspondente à soma
das provisões de juros referentes à Invoice liquidada.
Este evento é identificado como liquidado caso o campo “Taxa” esteja preenchido.
A sua liquidação pode ser automática (junto com a liquidação do principal) ou não,
esta definição será feita através do campo “Baixa Juros” localizado na pasta
“Cadastrais”.

Como neste contrato escolhemos a opção “Não”, liquidaremos os juros da seguinte


maneira:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”.


2. Posicione no processo desejado e clique na opção “Alterar”
Pag. 44

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 01

3. Selecione o evento “640” e clique sobre o botão “Liquidação”, e liquide os


juros conforme orientações a seguir:

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 02

Informe o campo data de evento e o campo taxa da moeda.


4. Em seguida, clique no botão “OK” para gravar.

VARIAÇÃO CAMBIAL DE PROVISÃO DE JUROS ACE

Caso a taxa de liquidação seja diferente da taxa da última provisão de juros, será
gerado um evento de variação cambial de provisão de juros ACE (código iniciado
com “55”) contendo a variação em “Reais” entre as duas taxas. O cálculo será igual
ao da variação cambial de provisão de juros ACC mencionado acima.
Pag. 45

LIQUIDAÇÃO NA MANUTENÇÃO DE CONTRATOS DE


FINANCIAMENTO

A liquidação na rotina “Manutenção de Contratos” não liquida a invoice no câmbio


da exportação, liquida apenas no contrato de financiamento.

Exemplo – Como liquidar uma invoice na Manutenção de Contrato:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT ACC” e clique na opção “Alterar”.

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 01

3. Liquide uma invoice de evento “600” vinculada ao contrato “CONT ACC”


através do botão “Liquidação”. E preencha os dados a seguir:
Pag. 46

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 02

4. Clique no botão “OK” para confirmar.


Após a liquidação da invoice, quando o campo “Baixa Juros” estiver como
“Não”, são gerados no contrato os mesmos eventos gerados quando a liquidação é
feita pela rotina “Câmbio de Exportação”, porém com duas diferenças: ao invés dos
eventos de liquidação (630 e 640), são gerados os “Eventos de Liquidação Forçada
(660 e 670)” que são tratados da mesma maneira que os eventos comuns de
liquidação. Conforme abaixo:

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 03

5. Pressione o botão “Ok” para gravar.

CÓPIA DE UM CONTRATO

Nesta rotina é possível criar um novo contrato de financiamento contendo os


mesmos dados do contrato de origem, com exceção aos eventos.

Exemplo – Como realizar a cópia de um contrato:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT ACC” seqüência “01” e clique na opção
“Copiar”, e informe os dados a seguir:
Pag. 47

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

É exibida a tela acima para inclusão de contrato com os mesmos dados do


contrato “CONT ACC” seqüência “01”, porém com a seqüência do contrato alterada
para “02”. Este novo contrato pode funcionar como continuação do contrato de
origem.

3. Clique no botão “OK” para confirmar.

VISUALIZAÇÃO DE TODAS AS SEQUENCIAS DE UM CONTRATO

Exemplo – Como realizar a visualização das seqüências de um contrato:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT ACC” seqüência “01” e clique na opção
“Tot.p/contrato”.

Será exibida a tela contendo os dados cadastrais, os valores de todas as seqüências


do contrato “CONT ACC”, observe:

Visualização de um contrato – Figura 01

3. Clique no botão “Ok” para confirmar.


Pag. 48

Capítulo 04 – Contrato
ACE
 Período específico para uma
invoice;
 Pré-Vinculação;
 Vinculação de invoices pela
manutenção de contratos;
 Liquidação da invoice vinculada
na manutenção de contrato;
 Liquidação automática de juros.
Pag. 49

CONTRATO DE FINANCIAMENTO ACE

O Financiamento ACE consiste em uma operação idêntica ao financiamento


ACC, existindo apenas uma diferença: o financiamento ACE é firmado após o
embarque das mercadorias exportadas.

Exemplo – Como incluir um contrato ACE:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Clique na opção “Incluir” e informe os dados a seguir:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

PERIODO ESPECÍFICO PARA UMA INVOICE

Em um contrato de financiamento do tipo ACC ou ACE é possível cadastrar


taxas e períodos específicos por invoice.
Pag. 50

Todos os exemplos de utilização mencionados no financiamento ACE são


aplicados ao ACC e vice-versa.

Exemplo – Como incluir um período de contrato:


1. Clique no botão “Períodos do Contrato” localizado na barra de ferramentas.
2. Em seguida, clique no botão “Incluir” e cadastre dois períodos de juros,
conforme orientações a seguir:

Tipo Invoice Parcela Dt. Inicial Dt. Final % Taxa


Juros Fixa
0 “InvoicePré- “Parcela da InvoicePré- 01/06/06 01/05/07 9,00
Vinculada” Vinculada”

0 “Deixe em “Deixe em Branco” 01/06/06 01/05/07 18,00


Branco”

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

3. Clique no botão “OK” para confirmar.

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 04


Pag. 51

4. Clique no botão “OK” para confirmar.


Na tela abaixo, é apresentada a tela dos períodos que foram incluídos:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 05

5. Clique no botão “OK” para gravar.


6. Na pasta Cadastrais, preencha o campo “Data de Inicio de Juros”, conforme
orientações a seguir:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 06

7. Em seguida, clique no botão “OK” para gravar a manutenção.

PRÉ – VINCULAÇÃO

Exemplo – Como incluir uma Pré-vinculação:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Pré-Vinculação”


2. Clique na opção “Incluir” e informe os dados a seguir:
Pag. 52

Pré-Vinculação – Figura 01

3. Clique no botão “OK” para prosseguir.


4. Inclua uma Pré-Vinculação preenchendo os campos a seguir diretamente no
browse:

Pré-Vinculação – Figura 02

Na tela de Pré-Vinculação existe o botão “Saldo do Contrato”, que


disponibiliza a verificação dos saldos dos contratos de financiamento:

Pré-Vinculação – Figura 03

5. Clique no botão “OK” será exibido à tela com o Saldo:


Pag. 53

Pré-Vinculação – Figura 04

Após a “Pré – Vinculação” das invoices aos “Contratos de Financiamento”, estas


pré-vinculações podem ser efetivadas, representando que a Invoice realmente foi
entregue ao Credor.

6. Clique no botão “OK” para gravar a Pré-Vinculação.


7. Em seguida, posicione o foco sobre a pré-vinculação incluída e clique na
opção “Efetiva”. E informe os dados a seguir:

Pré - Vinculação - Figura 05

8. Clique no botão “OK” para prosseguir.


9. Marque a pré-vinculação incluída, com dois cliques sobre o processo
desejado, é exibida a tela para preenchimento das informações referentes à
efetivação.
Pag. 54

Pré - Vinculação - Figura 06

10.Clique no botão “Ok” para gravar a efetivação.

VINCULAÇÃO DE INVOICES PELA MANUTENÇÃO DE


CONTRATOS

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”.


2. Selecione o contrato “CONT ACE” e clique na opção “Alterar”.
Vincule uma invoice no mesmo valor da invoice pré-vinculada ao financiamento
“CONT ACE”.
3. Em seguida pressione o botão “Vincular Invoices”, informe os dados a
seguir:

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 01

4. Clique no botão “Ok”.


Pag. 55

5. Vincule a invoice clicando duas vezes sobre a marca a esquerda e preencha


conforme as orientações a seguir:

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 02

6. Em seguida, clique no botão “Ok” para gravar.

Observe que o evento de vinculação (600) gerado possui valor e taxa


diferentes do evento da vinculação anterior. Isto ocorre porque a taxa de
vinculação na moeda do contrato foi preenchida com 3,00 que é um valor
diferente da taxa da moeda do contrato na data da vinculação (2,75). Isto
permite que sempre que a moeda do financiamento for diferente da moeda
do câmbio, possam ser preenchidas as taxas de vinculação na moeda do
contrato (EUR) e na moeda do câmbio (US$). Apesar de os valores
vinculados em EUR serem diferentes, como os valores e as taxas de
vinculação das parcelas de câmbio são iguais, o valor correspondente em
“Reais” também é igual.

LIQUIDAÇÃO DA INVOICE VINCULADA NA MANUTENÇÃO DE


CONTRATO

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”.


2. Selecione o contrato “CONT ACE” e clique na opção “Alterar”.
3. Posicione no evento “600” e clique no botão “Liquidação”, conforme
orientações a seguir:
Pag. 56

Manutenção de Contratos de Exportação – Figura 01

4. Em seguida, clique no botão “OK”.

Após uma invoice estar vinculada a um contrato de financiamento. A inclusão de


um período de juros específico para uma invoice também pode ser feito de outra
maneira.
5. Na capa da manutenção do contrato ACE, selecione a invoice vinculada e
clique no botão “Repactuação”.

Câmbio – Figura 01

Será exibida a tela com os dados do contrato:

Câmbio – Figura 02

6. Clique no botão “OK” e confirme.

LIQUIDAÇÃO AUTOMATICA DE JUROS

Observe que ao liquidar as invoices, eventos de Liquidação de Juros Forçado


(código iniciado em “67”) já estão com a taxa da moeda e o valor em reais
preenchidos, o que caracteriza que eles foram liquidados automaticamente. Isto
ocorreu porque na pasta “Cadastrais” o campo “Baixa Juros” está preenchido com
"Sim”.

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT ACE” e clique na opção “Alterar”.
3. Na pasta Cadastrais altere o campo “Baixa Juros” de NÂO para SIM.
Pag. 57

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

4. Clique no botão “OK” para gravar.


Pag. 58

Capítulo 05 – Contrato
Pré-Pagamento/
Securitização
 Períodos do Contrato;
 Geração de parcelas de
pagamento;
 Vinculação de invoices a um
financiamento de pré-
pagamento;
 Vinculação da parcela do
principal;
 Vinculação das parcelas de juros
 Liquidação das parcelas de
pagamento;
 Liquidação de parcelas do
principal;
 Liquidação de parcelas de juros;
 Liquidação de invoices;
 Liquidação forçada de juros;
 Saldos de um contrato de
financiamento.
Pag. 59

CONTRATO DE FINANCIAMENTO PRÉ-


PAGAMENTO/SECURITIZAÇÃO
O Pré-Pagamento consiste em uma operação na qual o banco ou o
importador fornece recursos ao exportador antes do embarque das mercadorias. O
exportador pode liquidar o contrato de forma parcelada e com datas e taxas de
juros pré-definidas.

Este tipo de financiamento não se assemelha aos financiamentos ACC/ACE.

Exemplo – Como realizar um Pré-Pagamento:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Clique na opção “Incluir” e informe os seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01


Pag. 60

PERIODOS DO CONTRATO

É necessário definir os períodos do contrato, ou seja: os tipos, as datas e as


taxas de juros a que o contrato está sujeito. Para contratos com parcelas de
pagamento, é possível definir (no campo “Vincula Fatura?”) se os juros poderão ou
não ser pagos com invoices.

Exemplo – Como incluir um período de contrato:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” e clique na opção “Alterar”:
3. Na barra de ferramentas, pressione o botão - “Períodos do Contrato” e
informe os seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

4. Clique no botão “OK” para confirmar.


5. Na pasta “Cadastrais”, preencha o campo “Data de Inicio de Juros”,
conforme abaixo:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 03


Pag. 61

GERAÇÃO DE PARCELAS DE PAGAMENTO

Para dar origem às parcelas do financiamento e aos juros é necessário


informar quantas parcelas possui o contrato, qual a periodicidade em que elas
serão pagas e qual é o período de carência.

Exemplo – Como gerar as parcelas de pagamento:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” e clique na opção “Alterar”:
3. Na pasta “Parcelas de Pag.”, informe os seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 04

4. Na barra de ferramentas, clique no botão “Calcular Juros e Principal” para


gerar as parcelas de pagamento, conforme abaixo:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 05

5. Clique no botão “OK” para gravar.

PARCELA PRINCIPAL

Os eventos gerados com o código “700” são referentes às parcelas do evento


principal.

PARCELA DE JUROS
Pag. 62

Os eventos gerados com o código iniciados com “71” são referentes às parcelas de
juros. Para cada tipo de juros é gerado um evento com o ultimo digito igual ao tipo
de juros. Por exemplo:

Tipo de Juros Evento

0 710

1 711

Abaixo podemos ver um exemplo da forma que o valor das parcelas de juros é
calculado:

TX = Taxa Diária de Juros

DI = Data de Início de Juros

DP = Data da Parcela do Principal

DJ = Data da Parcela de Juros

DA = Data da Parcela de Juros Anterior

QD = Quantidade de Dias

VC = Valor total das vinculações

VP = Valor da Parcela do Principal

VJ = Valor da Parcela de Juros

SL = Saldo a ser liquidado

I. Se for a primeira parcela de juros e não existir parcela de principal a ser


liquidada entre a data de início de juros e a data da parcela de juros:

DI DP

SL = VC SL = 3.000,00
QD = DJ - DI QD = 12/07/06 – 02/07/06 = 10
VJ = SL * TX * QD VJ = 3.000,00 * ( 0,05 / 100 ) * 10
VJ = 15,00

II. Se for a primeira parcela de juros e existir parcela de principal a ser


liquidada entre a data de início de juros e a data da parcela de juros:

DI DP DJ
Pag. 63

SL1 = VC SL1 = 3.000,00


QD1 = DP – DI QD1 = 07/07/06 – 02/07/06 = 5
VJ1 = SL1 * TX * QD1 VJ1 = 3.000,00 * ( 0,05 / 100 ) * 5
VJ1 = 7,50

SL2 = VC – VP SL2 = 3.000,00 – 1.000,00 =


2.000,00
QD2 = DJ – DP QD2 = 12/07/06 – 07/07/06 = 5
VJ2 = SL2 * TX * QD2 VJ2 = 2.000,00 * ( 0,05 / 100 ) *
5
VJ2 = 5,00

VJ = VJ1 + VJ2 VJ = 7,50 + 5,00 = 12,50

III. Se não for a primeira parcela de juros:

DI DP1 DA DP2 DJ

SL1 = VC – VP SL1 = 3.000,00 – 1.000,00 =


2.000,00
QD1 = DP – DA QD1 = 19/07/06 – 12/07/06 = 7
VJ1 = SL1 * TX * QD1 VJ1 = 2.000,00 * ( 0,05 / 100 ) *
7
VJ1 = 7,00

SL2 = SL1 – VP SL2 = 2.000,00 – 1.000,00 =


1.000,00
QD2 = DJ – DP QD2 = 24/07/06 – 19/07/06 = 5
VJ2 = SL2 * TX * QD2 VJ2 = 1.000,00 * ( 0,05 / 100 ) *
5
VJ2 = 2,50

VJ = VJ1 + VJ2 VJ = 7,00 + 2,50 = 9,50


Pag. 64

RECALCULO DAS PARCELAS DE PAGAMENTO

O botão “Calcular Juros e Principal” permite que as parcelas de pagamento


que ainda não foram liquidadas possam ter seus valores e suas datas recalculadas.
O recálculo será adequado nas situações em que ocorrer alterações de datas,
períodos de carência ou taxas de juros.

VINCULAÇÃO DE INVOICES A UM FINANCIAMENTO DE PRÉ-


PAGAMENTO/ SECURITIZAÇÃO

A vinculação de invoices ao financiamento representa a entrega das invoices


ao credor após o embarque das mercadorias.
Este procedimento pode ser feito tanto na rotina de “Manutenção de Contratos de
Financiamento” quanto no “Câmbio” (na opção “Atualizações/Exportação/Câmbio”
ou no Módulo “Easy Export Control – EEC” em “Atualizações/Financeiro/Câmbio”).

Caso a vinculação de invoices às parcelas de juros esteja habilitada, será


necessário informar qual o tipo de vinculação (Principal ou Juros).

VINCULAÇÃO A PARCELA DO PRINCIPAL

Exemplo – Como vincular a parcela principal:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” e clique na opção “Alterar”
3. Na barra de ferramentas, clique no botão “Vincular Invoices” e observe o
filtro especifico para cada tipo de vinculação:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

4. Clique no botão “OK” para continuar.


Pag. 65

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

5. Dê um duplo clique na invoice para realizar a vinculação, conforme abaixo:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 03

6. Clique no botão “OK”.

Observe na tela de vinculação as informações sobre a parcela de pagamento:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 04

7. Clique no botão “OK” para confirmar.

Como o valor vinculado foi maior do que o valor da primeira parcela do principal, o
valor excedente será vinculado nas próximas parcelas caso haja saldo.
O saldo a vincular de cada parcela de pagamento pode ser verificado no browse de
eventos, na coluna “Saldo a Vinc.”
Pag. 66

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 05

8. Clique no botão “Ok” para gravar a manutenção.

VINCULAÇÃO DAS PARCELAS DE JUROS

Exemplo – Como realizar a vinculação das parcelas de juros:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Câmbio”


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” e clique na opção “Alterar”
Pag. 67

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

3. Pressione o botão “Vinculação” e informe os seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

A tela de seleção do tipo de vinculação é exibida no momento do preenchimento


do campo “Nr. Contrato”, conforme abaixo:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 03

4. Clique no botão “OK”.


Caso o valor vinculado seja maior do que o saldo de Juros, apenas será vinculado o
equivalente ao saldo e será exibida uma mensagem informando que o excedente
não foi vinculado.
Pag. 68

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 04

5. Clique no botão “OK” e altere o campo “Vl. a Vincular”, conforme abaixo:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 05

6. Clique no botão “OK”.

LIQUIDAÇÃO DAS PARCELAS DE PAGAMENTO

As parcelas de pagamento (principal e juros) a serem liquidadas podem ser


identificadas de acordo com o campo “Taxa Moeda”, todas elas possuem este
campo com o valor zerado.

7. Na capa da manutenção do contrato “CONT PREPAG”, observe o campo


“Taxa Câmbio”

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 06


Após uma parcela de pagamento ser liquidada, seu campo “Taxa Moeda” é
preenchido com a taxa de liquidação e seu valor em Reais é preenchido com base
nesta taxa.
Pag. 69

LIQUIDAÇÃO DE PARCELAS DO PRINCIPAL

As parcelas do principal somente serão liquidadas quando todas as invoices


vinculadas a ela forem liquidadas.

Antes de realizar a liquidação, verifique se o parâmetro “MV_LIQAUTO”


(Determina se a liquidação do pré-pagamento/securitização será automática,
ou seja, quando todas as invoices forem baixadas será baixado o principal)
está habilitado.

8. Liquide uma invoice vinculada à primeira parcela do principal, clique no


botão “Liquidação” e informe os seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 07

9. Clique no botão “OK” para gravar a liquidação.


Quando uma parcela do principal é liquidada, o sistema apresentará uma tela
contendo informações de liquidação das invoices vinculadas à parcela. Conforme
abaixo:
Pag. 70

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 08

10.Clique no botão “OK” para gravar.

Caso a taxa de liquidação seja diferente da taxa do evento que deu origem ao
financiamento (100) será gerado um evento de variação cambial do principal (500
ou 501) contendo a variação em Reais entre as duas taxas, o cálculo será feito da
seguinte maneira:

VP = Valor da Parcela do Principal (na moeda do contrato)


TX = Taxa do evento 100
TL = Taxa de Liquidação
VC = Variação Cambial (em reais)

VC = VP * ( TL – TX ) Exemplo: VC = 1.000,00 * ( 3,20 – 2,90)


VC = 300,00

Caso a variação cambial seja maior que zero, o evento gerado possuirá
código 500. Se a variação for menor do que zero o código será 501.

LIQUIDAÇÃO DE PARCELAS DE JUROS

As parcelas de juros serão liquidadas quando todas as invoices vinculadas a ela


forem liquidadas ou quando a liquidação for forçada (botão “Liquidação” na
Manutenção de Contratos).
Pag. 71

LIQUIDAÇÃO DE INVOICES

Exemplo – Como liquidar a parcela de juros:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Câmbio”


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” e clique na opção “Alterar”

Câmbio – Figura 01

3. Liquide a invoice vinculada à primeira parcela de juros do contrato “CONT


PREPAG”, clique no botão “Liquidação”.
Pag. 72

Câmbio – Figura 02

4. Clique no botão “OK” para confirmar a liquidação.

Após uma parcela de juros ser liquidada, é gerado um evento de provisão de


juros (código iniciado com “52”). Este evento possui o valor de juros devidos no
período entre a última provisão de juros e a atual, se não houver provisão anterior
é considerado o período entre a data de início de juros e data da provisão atual. O
cálculo será igual ao cálculo das parcelas de juros. O código do evento depende do
tipo de juros a que se refere. Por exemplo:

Tipo de Evento
Juros
0 520

1 521

Caso a taxa de liquidação seja diferente da taxa da última provisão de juros,


será gerado um evento de variação cambial de provisão de juros (código iniciado
com “55”) contendo a variação em “Reais” entre as duas taxas (somente se a
última provisão corresponder à parcela que está sendo liquidada). Se não houver
provisão anterior não será gerada a variação cambial. O cálculo será feito da
seguinte maneira:

VJ = Valor da Provisão de Juros Atual (na moeda do contrato)


TA = Taxa da Provisão de Juros Anterior (na moeda do contrato)
TL = Taxa de Liquidação
VC = Variação Cambial (em reais)

VC = VJ * ( TL – TA ) Exemplo: VC = 450,00 * ( 3,30 – 2,90)


Pag. 73

VC = 180,00

O código do evento de variação cambial depende do tipo de juros e do valor


da variação, sendo que sempre são reservados dois códigos para cada tipo de
juros. Por exemplo:

Tipo de Evento
Juros
Variação maior que zero Variação menor que zero

0 551 552

1 553 554

LIQUIDAÇÃO FORÇADA DE JUROS

Exemplo – Como realizar a liquidação forçada de juros:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” e clique na opção “Alterar”

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

3. Liquide a segunda parcela de juros do contrato “CONT PREPAG” através do


botão “Liquidação”
Pag. 74

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

4. Clique no botão “OK” para confirmar a liquidação.

Os eventos gerados no momento da liquidação forçada da parcela de


juros são os mesmos gerados na liquidação mencionada acima.

SALDOS DE UM CONTRATO DE FINANCIAMENTO

Exemplo – Como verificar o saldo de um contrato:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” desejado e clique na opção “Alterar”
3. Na pasta Saldos, podem ser verificados os seguintes campos:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01


Pag. 75

FINANC. ACC / ACE Pré-Pagamento/Securitização

CAMPO

Sl. Princ. ME Saldo Principal a Vincular (na moeda do Saldo das parcelas do principal a
contrato) serem liquidadas (na moeda do
contrato)
Sl. Princ. R$ Saldo Principal a Vincular (em reais) Saldo das parcelas do principal a
serem liquidadas (em reais)
Sl. Juros ME Saldo de Juros ACC (na moeda do Saldo das parcelas de juros a serem
contrato) liquidadas (na moeda do contrato)
Sl. Juros R$ Saldo de Juros ACC (em reais) Saldo das parcelas de juros a serem
liquidadas (em reais)
Sl. Pr. ME Saldo Principal a Liquidar (na moeda do Não possui
ACE contrato)
Sl. Pr. R$ Saldo Principal a Liquidar (em reais) Não possui
ACE
Sl. Jr. ME Saldo de Juros a Liquidar (na moeda do Não possui
ACE contrato)
Sl. Jr. R$ Saldo de Juros a Liquidar (em reais) Não possui
ACE
Liq. Princ. Saldo Principal liquidado (na moeda do Saldo das parcelas do principal
ME contrato) liquidadas (na moeda do contrato)
Liq. Princ. Saldo Principal liquidado (em reais) Saldo das parcelas do principal
R$ liquidadas (em reais)
Liq. Juros Saldo de Juros liquidados (na moeda do Saldo das parcelas de juros
ME contrato) liquidadas (na moeda do contrato)

Liq. Juros R$ Saldo de Juros liquidados (em reais) Saldo das parcelas de juros
liquidadas (em reais)

OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO DE JUROS DE CONTRATOS


ACC/ACE

A. JUROS ANTECIPADOS

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT ACC” seqüência “02” e clique na opção
“Alterar”.
3. Na pasta Cadastrais, altere o campo “Juros Antecipados” para “SIM”, este
campo definirá se efetuará o pagamento antecipado para os juros:
Pag. 76

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

Observe que o sistema calculará o valor dos juros no período cadastrado


para o contrato e gerar um evento de pagamento de juros antecipados (680). Com
isso, todas as liquidações de invoices que forem geradas neste contrato, terão o
evento de liquidação de juros gravados com valor zerado.

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

4. Clique no botão “OK” para gravar.

Neste mesmo momento da liquidação, o sistema calculará a variação cambial do


pagamento de juros antecipados. Caso o valor da variação cambial seja negativo,
será gerado um evento de estorno dos juros antecipados. Este evento terá a taxa
digitada e será gerada uma variação cambial da taxa da liquidação contra a taxa
digitada.
Pag. 77

Não será permitido marcar a opção de pagamento de juros


antecipados caso já exista liquidação de invoices para esse contrato.
Caso a opção de “Juros Antecipados” esteja preenchida com “Sim”, o
sistema gerará o evento de pagamento de juros antecipados a cada
período extra que seja incluído pelo usuário.
Caso a opção esteja como Sim e o usuário alterar para Não, o
sistema irá estornar todos os eventos de pagamento de juros
antecipados.

B. JUROS POR PERÍODO

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut.Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT ACC” seqüência “02” e clique na opção
“Alterar”,
3. Na pasta Cadastrais, altere o campo “Juros Antecipados” para “Não” e o
campo “Jr. p/ Per.” para “Sim”.

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01

Será exibida a tela para informação da taxa de liquidação de juros, conforme


abaixo:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02


Pag. 78

4. Clique no botão “OK” para gravar.

A cada inclusão/exclusão de um período, o sistema irá incluir/excluir a


liquidação de juros (evento 640) para este período.
Caso a opção esteja como Sim e o usuário alterar para Não, o sistema irá
estornar todos os eventos de liquidação de juros por períodos.
As taxas para estas liquidações serão informadas manualmente pelo usuário.

ENCERRAMENTO/ TRANSFERENCIA DE CONTRATO DE


FINANCIAMENTO

Um contato de financiamento do tipo ACC/ACE pode ser encerrado, ou, se possuir


saldo, pode ter seu saldo transferido para outro contrato.

A. TRANSFERÊNCIA DE SALDO DE CONTRATO ACC/ACE

Como um contrato de ACC/ACE pode ser encerrado sem ter seu saldo totalmente
liquidado, é possível transferir seu saldo para outro contrato.

Exemplo – Como realizar a transferência de saldo:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”


2. Posicione no contrato “CONT ACC” na seqüência “01” e clique na opção
“Alterar”

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01


Pag. 79

3. Selecione no evento “100” e clique na opção “Liquidação” e informe os


seguintes dados:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

4. Clique no botão “OK” para gravar.

B. ENCERRAMENTO DE CONTRATO ACC/ACE

O encerramento de um contrato ACC/ACE pode ser feito de duas maneiras:

Preenchendo o campo “Dt. Encerra.”


Liquidando o evento principal do financiamento (100)

Exemplo – Como realizar o encerramento de um contrato ACC/ACE:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”.


2. Posicione no contrato “CONT ACC” da seqüência “01” e clique na opção
“Alterar”

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 01


Pag. 80

3. Selecione no evento “100” e clique na opção “Liquidação” e encerre o


contrato na data corrente do sistema:

Manutenção de Contrato de Exportação – Figura 02

4. Em seguida, clique no botão “OK” para confirmar.

C. ENCERRAMENTO DE CONTRATO DE PRÉ-PAGAMENTO/ SECURITIZAÇÃO

O encerramento de um contrato Pré-Pagamento/ Securitização pode ser de duas


maneiras:
a) Preenchendo o campo “Dt. Encerra” ou
b) Liquidando todas as parcelas de pagamento (tanto Principal quanto Juros).

Exemplo – Como encerrar um contrato de Pré-Pagamento:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manut. Contrato”.


2. Posicione no contrato “CONT PREPAG” da seqüência “01” e clique na opção
“Alterar”
3. Preencha o campo “Dt. de Encerra.” e observe a exibição dos saldos a
liquidar na tela de confirmação de encerramento:
Pag. 81

4. Clique no botão “OK” para confirmar.


Pag. 82

Capítulo 06 – Carta de
Crédito e FFC

 Manutenção da Carta de Crédito;


 Baixa FFC.
Pag. 83

CARTA DE CRÉDITO

Esta transação armazena os dados da Carta de Crédito que deve ser


vinculada ao processo de embarque. Este tratamento permite o controle de saldos
e a possibilidade de trabalhar com dois tipos de carta de crédito.

Exemplo - Como cadastrar uma Carta de Crédito:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Carta de Credito”.


2. Clique na opção “Incluir” e na pasta Cadastrais informe os seguintes dados:

Carta de Crédito - Figura 1

3. Na pasta “Informações Adicionais“ é possível informar os dados do Cliente,


Exportador, Notify, etc.
4. Confira os dados e clique sobre o botão “Ok” para gravar a Carta de Crédito.
5. Para vincular a carta de crédito ao embarque selecione o menu
“Atualizações” + “Embarque” + “Manutenção”, localize o processo “EMB-
001”, clique sobre a opção “Alterar” e informe o número da carta de crédito
na pasta “Financeiro”:
Pag. 84

Carta de Crédito - Figura 2

6. Clique sobre o botão “Ok” para gravar a alteração.

Controle de Saldo:

O controle de saldo disponibilizado para L/C tem como objetivo impedir que o valor
do embarque ultrapasse o valor total da L/C vinculada.

Há dois tipos de saldo: “Saldo a Vincular” e “Saldo a Embarcar”, podemos visualizar


estes campos na inclusão da Carta de Crédito.

Saldo a Vincular – Este saldo é abatido toda vez que um embarque é


vinculado a L/C.
Saldo a Embarcar – Este saldo é abatido toda vez que um embarque
vinculado a uma L/C é efetivado.

Se um embarque for vinculado a uma L/C que possui saldo a embarcar suficiente,
mas saldo a vincular insuficiente, o sistema abrirá uma tela para desvincular outros
processos desta L/C.

Tipo de L/C:

A janela de manutenção de Carta de Crédito contém o campo “Tipo L/C” que


disponibiliza duas opções de L/C: “Documentária” e “Stand BY”.

Na L/C Documentária – Os saldos são abatidos até serem zerados.


Na L/C Stand By - Os saldos são abatidos até serem zerados, mas quando o
câmbio é liquidado, o valor do saldo referente a este câmbio é restaurado.
Pag. 85

MANUTENÇÃO FFC (Ficha de Fechamento de Câmbio)

Esta rotina permite o agrupamento de diversas Invoices para um único Fechamento


de Câmbio com base nos parâmetros selecionados pelo usuário.
Para utilizar este recurso é necessário como pré-requisito, que todos os processos
que fazem parte de um mesmo contrato de câmbio estejam lançados no “Controle
de Câmbio”. Serão listadas todas as parcelas sem Liquidação de Câmbio.

Exemplo - Manutenção FFC:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manutenção FFC”.


2. Informe o número do processo:

Manutenção FFC - Figura 1

3. Clique sobre o botão “Ok” para confirmar.


4. Caso deseje, poderá alterar o numero da FFC.
5. Clique na opção: “Marca/ Desmarca todos” para marcar todas as invoices,
ou clique duas vezes nas invoices, que irão fazer parte deste contrato de
câmbio.
Pag. 86

Manutenção FFC - Figura 2

6. Clique sobre o botão “Ok” e informe os dados a seguir:

Manutenção FFC - Figura 3

7. Clique sobre o botão “Preenche todas as datas automaticamente”, informe


as datas de “Crédito no Exterior” e “Solicitação de Câmbio”, selecione
também a forma de atualização como demonstrado a seguir:

Manutenção FFC - Figura 4

Clique sobre o botão “Ok” para confirmar as datas.


8. Confira os dados e clique sobre o botão “Ok” para gerar o FFC e a solicitação
do contrato de câmbio de exportação.
Pag. 87

BAIXA FFC

Agora veremos o procedimento para baixa de FFC, que possibilita a liquidação de


todas as parcelas de câmbio que fazem parte deste FFC de uma única vez.

Exemplo - Como realizar a Baixa de FFC:

1. Selecione o menu “Atualizações” + “Exportação” + “Manutenção FFC”.


2. Clique na opção “Incluir” e informe o número do FFC:

Baixa FFC - Figura 1

3. Clique sobre o botão “Ok” para confirmar.


4. O sistema apresentará a tela de Manutenção de FFC:
Pag. 88

Baixa FFC - Figura 2

5. Clique sobre o botão “Liquida FFC” e informe os seguintes dados:

Baixa FFC - Figura 3

6. Clique sobre o botão “Ok” para gravar a baixa de FFC de exportação.


7. Para estornar a baixa de FFC, utilize o botão “Estorna FFC” disponível na
barra de ferramentas da tela de Manutenção de FFC. Antes de realizar a
baixa, este mesmo botão terá a função de excluir o FFC.
Pag. 89

Exercícios
de Fixação

 ACC;
 ACE;
 Pré-Pagamento;
 Carta de Crédito;
 Manutenção FFC.
Pag. 90

1. Qual o significado de ACC?

a) Adiantamento sobre Controle de Câmbio


b) Adiantamento do Cadastro de Clientes
c) Adiantamento do Ato Concessório
d) Adiantamento da Carta de Crédito

2. O que é ACC?

a) Consiste em uma operação na qual o banco antecipa em “Reais” o


equivalente à quantia de moeda estrangeira estipulada na garantia de
compra feita pelo cliente ao exportador.
b) Consiste em uma operação na qual o banco antecipa em “Dólares” o
equivalente à quantia de moeda estrangeira estipulada na garantia de
compra feita pelo cliente ao exportador.
c) Consiste em uma operação na qual o banco antecipa em “Reais e Doláres” o
equivalente à quantia de moeda estrangeira estipulada na garantia de
compra feita pelo cliente ao exportador.
d) Nda.

3. Em qual fase do sistema é realizada a Vinculação de Invoices?

a) Manutenção FFC
b) Modalidade de Pagamento de Importação
c) Manutenção de Contrato
d) Carta de Crédito

4. Assinale a alternativa correta:

a) A vinculação de invoices ao financiamento representa a entrega das invoices


ao credor após o embarque das mercadorias.
b) A vinculação de invoices ao financiamento representa a entrega das
despesas ao credor após o embarque das mercadorias.
c) A vinculação de invoices ao financiamento representa a entrega do dinheiro
ao credor após o embarque das mercadorias.
d) A vinculação de invoices ao financiamento representa a entrega das
documentações ao credor após o embarque das mercadorias.

5. Qual é o evento que representa a Vinculação de Invoices?

a) 600
b) 630
c) 100
d) 710

6. Qual o significado de ACE?

a) Adiantamento sobre Cambiais Entregues


b) Adiantamento do Cadastro de Clientes
c) Adiantamento do Ato Concessório
d) Adiantamento sobre Cambiais
Pag. 91

7. O financiamento ACE consiste em uma operação idêntica ao financiamento


ACC, existindo apenas uma diferença, qual é:

a) O Financiamento ACE é firmado antes do embarque das mercadorias


exportadas.
b) O Financiamento ACE é firmado após o embarque das mercadorias
exportadas.
c) O Financiamento ACC é firmado na data do embarque das mercadorias
exportadas.
d) O Financiamento ACE é firmado na data do embarque das mercadorias
exportadas.

8. A que se refere à frase: “Para dar origem às parcelas do financiamento e aos


juros é necessário informar quantas parcelas possui o contrato, qual a
periodicidade em que elas serão pagas e qual é o período de carência.”

a) Modalidade de Pagamento
b) Liquidação de Invoices
c) Geração de Parcelas de Pagamento
d) Manutenção FFC

9. Complete a frase “Esta rotina permite cadastrar as __________ emitidas para


o Importador em garantia do pagamento ao Fornecedor.”?

a) Manutenção FFC
b) Carta de Crédito
c) Controle de Câmbio
d) Pré – Vinculação

10. O encerramento de um Contrato ACC / ACE pode ser feito de duas maneiras,
Quais são elas?

a) Liquidando o evento principal do Financiamento (100) e liquidando o câmbio.


b) Preenchendo o campo “Dt. Embarque” e Liquidando o evento principal do
Financiamento (100).
c) Preenchendo o campo “Dt. Embarque” e liquidando o câmbio.
d) Preenchendo o campo “Dt. Encerra” e Liquidando o evento principal do
Financiamento (100).
Pag. 92

Soluções

 ACC;
 ACE;
 Pré-Pagamento;
 Carta de Crédito;
 Manutenção FFC.
Pag. 93

1. Qual o significado de ACC?

Letra A - Adiantamento sobre Controle de Câmbio.

2. O que é ACC?

Letra A - Consiste em uma operação na qual o banco antecipa em


“Reais” o equivalente à quantia de moeda estrangeira estipulada na
garantia de compra feita pelo cliente ao exportador.

3. Em qual fase do sistema é realizada a Vinculação de Invoices?

Letra C – Manutenção de Contrato.

4. Assinale a alternativa correta:

Letra A - A vinculação de invoices ao financiamento representa a


entrega das invoices ao credor após o embarque das mercadorias.

5. Qual é o evento que representa a Vinculação de Invoices?

Letra A – 600.

6. Qual o significado de ACE?

Letra A - Adiantamento sobre Cambiais Entregues.

7. O financiamento ACE consiste em uma operação idêntica ao financiamento


ACC, existindo apenas uma diferença, qual é:

Letra B - O Financiamento ACE é firmado após o embarque das


mercadorias exportadas.

8. A que se refere à frase: “Para dar origem às parcelas do financiamento e aos


juros é necessário informar quantas parcelas possui o contrato, qual a
periodicidade em que elas serão pagas e qual é o período de carência.”

Letra C - Geração de Parcelas de Pagamento

9. Complete a frase “Esta rotina permite cadastrar as __________ emitidas para


o Importador em garantia do pagamento ao Fornecedor.”?

Letra B - Carta de Crédito

10. O encerramento de um Contrato ACC / ACE pode ser feito de duas maneiras,
Quais são elas?

Letra B - Preenchendo o campo “Dt. Embarque” e Liquidando o evento


principal do Financiamento (100).
Pag. 94

Capítulo 07 –Relatórios
 Impressão de Relatórios:
 Relatório de compromissos;
 Extrato Contratos;
 Acompanhamento de juros;
 Pré-Vinculações;
 Movimentação de contratos;
 Provisão de juros;
 ACE´S em aberto;
 Invoices não vinculadas;
 Carteira em aberto;
 Posição contratos;
 Melhores clientes;
 Aging List;
 Financiamento vincular exportação
e importação;
 Relatório de financiamento a
vinculações;
 Relatório de financiamento
vinculado;
 Relatório de financiamento previsão
de juros.
Pag. 95

RELATÓRIO

Através da rotina de Relatório veremos os relatórios que fazem parte do


financiamento de exportação.

RELATORIO DE COMPROMISSOS
Este relatório tem o objetivo de exibir por meio de uma planilha no Excel, todos os
contratos inclusos.

Exemplo – Como gerar o relatório de compromissos:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Rel. Compromissos”


Automaticamente será aberta a planilha com os dados, conforme abaixo:
Pag. 96

EXTRATO CONTRATOS

Esta rotina irá gerar um relatório com os extratos dos contratos.

Exemplo – Como gerar o relatório de extrato contratos:

1. Selecione o menu “Relatórios” + “Extrato Contratos”


Será apresentada uma janela para a seleção do período do relatório.

Extrato Contratos – Figura 01


Pag. 97

2. Em seguida, clique no botão “OK”. Será exibida a tela com todos os


contratos:

Extrato Contratos – Figura 02

3. Selecione um contrato e clique no botão “Imprimir”. Será exibida a tela com


os parâmetros para impressão:

Extrato Contratos – Figura 03


Pag. 98

4. Clique no botão “Ok”

ACOMPANHAMENTO DE JUROS

Esta rotina irá exibir um relatório com acompanhamento de juros em aberto.

Exemplo – Como gerar o relatório de acompanhamento de juros:

1. Selecione o menu “Relatórios” + “Acompanham. Juros”


Será apresentada uma janela para a seleção do período do relatório.
Pag. 99

Acompanhamento de Juros – Figura 01

No campo “Juros” selecione a opção “Em Aberto”.

2. Em seguida clique no botão “OK”, será exibida a tela dos parâmetros para
impressão:
Pag. 100

Acompanhamento de Juros – Figura 02

3. Clique no botão “OK”

PRÉ-VINCULAÇÕES

Esta rotina exibe todos os processos que possuem pré-vinculações sem efetivação.

Exemplo – Como exibir o relatório de Pré-Vinculações:

1. Selecione o menu “Relatórios” + “Pré -Vnculações”

Será apresentada uma janela para a seleção do período do relatório.


Pag. 101

Pré- Vinculações – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, será exibida a tela dos parâmetros para impressão:

Pré- Vinculações – Figura 02

3. Clique no botão “OK”.


Pag. 102

MOVIMENTAÇÃO DE CONTRATOS

Esta rotina emite relatório com os saldos de contrato de câmbio, indicando contrato
a contrato todos os valores vinculados, liquidados e os valores estornados
(vinculado/liquidado), além da variação cambial.

Exemplo – Como gerar o relatório Movimentação de Contratos:

1. Selecione o menu “Relatórios” + “Movimen. Contratos”

Será apresentada uma janela para a seleção do modulo a ser utilizado.


Pag. 103

Movimentação de Contratos – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, será exibida a tela dos parâmetros para impressão:
3. Clique no botão “OK”.
Pag. 104

PROVISÃO DE JUROS

Essa rotina gera um relatório de provisão de juros com os seguintes itens:

• Juros Principais, Estorno dos Juros Principais;


• Juros ACE e Estorno dos Juros ACE;
• Transf. ACC/ACE e Estorno da Transf. ACC/ACE;
• Liquidação e Estorno da Liquidação.

Exemplo – Como gerar o relatório Provisão de Juros:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Provisão Juros”


Será apresentada uma janela para a seleção do período do relatório.
Pag. 105

Provisão de Juros – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, será exibida a tela dos parâmetros para impressão:
3. Clique no botão “OK”.
Pag. 106

ACE´S EM ABERTO

Esta rotina gera um relatório com os valores (a Vincular/Pagar), as taxas de


juros e o período dos contratos dos ACEs em aberto. Exibirá um saldo por banco e
um total geral por moeda.

Exemplo – Como gerar o relatório de ACE´S em aberto:

1. Selecione o menu “Relatórios” + “Vinculad. Em Aberto”

Será apresentada uma janela para a seleção do parâmetro.


Pag. 107

ACE´S em Aberto – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, será exibida a tela dos parâmetros para impressão:
Pag. 108

ACE´S em Aberto – Figura 02

3. Clique no botão “OK”

INVOICES NÃO VINCULADAS

Este relatório apresenta todos os contratos que não possuem invoices vinculadas.

Exemplo – Como gerar o relatório de Invoices Não vinculadas:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Invoices Não Vinc.”

Será apresentada uma janela para a seleção do parâmetro.


Pag. 109

Invoices Não Vinculadas – Figura 01

No campo “Tipo de Impressão” selecione o tipo “Excel”.

2. Clique no botão “OK”.


Pag. 110

CARTEIRA EM ABERTO

Este relatório apresenta a posição de Carteira em Aberto, considerando ou


não as invoices vinculadas e possibilitando a escolha do tipo de relatório: Sintético
ou Analítico.

Exemplo – Como gerar o relatório Carteira em aberto:

3. Selecione o menu “Relatório” + “Carteira em Aberto”

Será apresentada uma janela para a seleção do parâmetro.

Carteira em Aberto – Figura 01


Pag. 111

4. Clique no botão “OK”, selecione o tipo de quebra do relatório:

Carteira em Aberto – Figura 02

5. Clique no botão “OK”, será exibida a tela dos parâmetros para impressão:

Carteira em Aberto – Figura 03

6. Clique no botão “OK”.


Pag. 112

POSIÇÃO CONTRATOS

Esta rotina emite o relatório de posição de contratos.

Exemplo – Como gerar o relatório Posição Contratos:

1. Selecione o menu “Relatórios” + “Posição Contratos”

Será apresentada uma janela para que sejam inseridas as informações dos
parâmetros.
Pag. 113

Posição de Contratos – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, será exibida a tela com os parâmetros para


impressão:
Pag. 114

Posição de Contratos – Figura 02

3. Clique no botão “OK”.


Pag. 115

MELHORES CLIENTES

Este relatório tem como objetivo exibir a relação dos melhores clientes das
exportações, de acordo com o valor de exportação realizado para cada cliente.

Exemplo – Como gerar o relatório Melhores Clientes:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Melhores Clientes”

O sistema apresenta uma tela com os campos para seleção de dados:

Melhores Clientes – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, será exibida a tela para escolha do cliente que deseja
imprimir o relatório.
Pag. 116

Melhores Clientes – Figura 02

3. Selecione o cliente e clique no botão “Imprimir”

AGING LIST

Este relatório tem como objetivo exibir o Aging List, de acordo com os vencimentos
das parcelas de invoices vinculadas a contratos de financiamento.

Exemplo – Como gerar o relatório Aging List:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Aging List”

O sistema apresenta uma tela com os campos para seleção de dados:


Pag. 117

Aging List – Figura 01

2. Clique no botão “OK”.


Pag. 118

FINANCIAMENTO VINCULAR EXPORTAÇÃO E IMPORTAÇÃO

Este relatório tem como objetivo imprimir os contratos de financiamentos de


exportação e importação, mostrando dados como prazo para entrega de
documentos, saldo a vincular e taxa de juros.

Exemplo – Como gerar o relatório Fin. Vinc. Exp/Imp:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Fin. Vinc. Exp/Imp”

O sistema apresenta uma tela com os campos para seleção de dados:

Financiamento Vincular Exportação e Importação– Figura 01

2. Clique no botão “OK”


Pag. 119

RELATÓRIO DE FINANCIAMENTO A VINCULAÇÕES

Este relatório tem como objetivo imprimir os contratos de financiamentos de


exportação e importação, com ênfase no ACC, mostrando dados como saldo de
vinculações anterior a um período, saldo atual, vinculações no período e variação
cambial.

Exemplo – Como gerar o relatório Fin. a Vinculações:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Rel. Fin. a Vincula”

O sistema apresenta uma tela com os campos para seleção de dados:

Financiamento a Vinculações – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, será exibida a tela de parâmetros para a impressão:


Pag. 120

Financiamento a Vinculações – Figura 02

3. Clique no botão “OK”.

RELATÓRIO DE FINANCIAMENTO VINCULADOS

Este relatório tem como objetivo imprimir os contratos de financiamentos de


exportação e importação, com ênfase no ACE, mostrando dados como saldo de
liquidações anterior a um período, saldo atual, liquidações no período e variação
cambial.
Pag. 121

Exemplo – Como gerar o relatório Fin. Vinculado:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Fin.Vinculado”

O sistema apresenta uma tela com os campos para seleção de dados:

Financiamento Vinculados – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, sera exibida a tela com os parametros para


impressão:

Financiamento Vinculados – Figura 02


Pag. 122

3. Clique no botão “OK”.

RELATÓRIO DE FINANCIAMENTO PROVISÃO DE JUROS

Este relatório tem como objetivo imprimir os contratos de financiamentos de


exportação e importação, com ênfase nos juros, mostrando dados como saldo de
juros anterior a um período, saldo atual, juros no período e variação cambial.

Exemplo – Como gerar o relatório Fin. Prov. Juros:

1. Selecione o menu “Relatório” + “Rel Fin. Prov. Juros”

O sistema apresenta uma tela com os campos para seleção de dados:


Pag. 123

Rel. Fin. Prov. Juros – Figura 01

2. Clique no botão “OK”, sera exibida a tela com os parâmetros para


impressão:

Rel. Fin. Prov. Juros – Figura 02

3. Clique no botão “OK”.