Você está na página 1de 2

SCHULZ S/A

Companhia de Capital Aberto


Código CVM nº 1466-4
CNPJ nº 84.693.183/0001-68
NIRE 42300008486
JOINVILLE (SC)

Senhores Acionistas,

Em cumprimento ao art. 11, inciso II, da Instrução CVM n° 481/09, a Companhia


fornece o presente relatório apresentando a Proposta da Administração quanto ao
desdobramento de suas ações e conseqüente alteração do art. 4° do Estatuto Social
da SCHULZ S/A (“Companhia”), a ser deliberada na Assembléia Geral
Extraordinária convocada para o dia 02 de dezembro de 2010.

I. DESDOBRAMENTO DE AÇÕES DA COMPANHIA

O Conselho de Administração da Companhia aprovou, em Reunião do dia 16 de


novembro de 2010, a proposta de desdobramento de ações de emissão da
Companhia, de modo que cada 1 (uma) ação passe a ser representada por 5 (cinco)
ações, da mesma espécie.

As novas ações advindas com o desdobramento conferirão aos seus titulares os


mesmos direitos das ações que já possuíam inclusive a percepção de dividendos
integrais e juros sobre capital próprio que vierem a ser deliberados pela Companhia.

O objetivo principal do desdobramento proposto é de dar maior atratividade e


liquidez às ações da Companhia no mercado, conseqüência advinda com a redução
do preço do lote mínimo negociado na BM&F BOVESPA, facilitando o acesso do
pequeno investidor à aquisição de ações da Companhia.

Caso a Proposta de desdobramento venha a ser aprovada, a instituição depositária


das ações da Companhia (Banco Bradesco S.A.) tomará as providências
necessárias de modo a atribuir o crédito dos novos valores mobiliários a seus
respectivos proprietários, no dia 08/12/10.

Assim, até o dia 02/12/2010, inclusive, as ações de emissão da Companhia serão


negociadas com direito ao recebimento das novas ações decorrentes do
desdobramento. A partir do dia 03/12/2010, as ações passarão a ser negociadas
sem direito às ações decorrentes do desdobramento.

II. DA ALTERAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL

Por conta do desdobramento proposto, o capital social da Companhia passará a ser


dividido em 63.816.925 (sessenta e três milhões, oitocentos e dezesseis mil,
novecentos e vinte e cinco) ações, sendo 27.266.565 (vinte e sete milhões, duzentos
e sessenta e seis mil, quinhentos e sessenta e cinco) ações ordinárias e 36.550.360

1
(trinta e seis milhões, quinhentos e cinqüenta mil, trezentos e sessenta) ações
preferenciais, permanecendo inalterado o valor do capital social da Companhia.

Em razão desta modificação, o artigo 4° do Estatuto Social da Companhia passará a


vigorar com a seguinte redação:

REDAÇÃO ATUAL REDAÇÃO PROPOSTA

Artigo 4° - O capital social subscrito e Art. 4° - O capital social subscrito e


integralizado é de R$ 101.852.798,04 integralizado é de R$ 101.852.798,04
(cento e um milhões, oitocentos e (cento e um milhões, oitocentos e
cinqüenta e dois mil, setecentos e cinqüenta e dois mil, setecentos e
noventa e oito reais e quatro centavos), noventa e oito reais e quatro centavos),
dividido em 12.763.385 (doze milhões, dividido em 63.816.925 (sessenta e três
setecentos e sessenta e três mil, milhões, oitocentos e dezesseis mil,
trezentos e oitenta e cinco) ações, sendo novecentos e vinte e cinco) ações,
5.453.313 (cinco milhões, quatrocentos sendo 27.266.565 (vinte e sete milhões,
e cinqüenta e três mil, trezentas e treze) duzentos e sessenta e seis mil,
ações ordinárias e 7.310.072 (sete quinhentos e sessenta e cinco) ações
milhões, trezentos e dez mil e setenta e ordinárias e 36.550.360 (trinta e seis
duas) ações preferenciais, todas milhões, quinhentos e cinqüenta mil,
nominativas, na forma escritural, sem trezentos e sessenta) ações
emissão de certificado, permanecendo preferenciais, todas nominativas, na
em conta de depósito, em nome de seus forma escritural, sem emissão de
titulares, em instituição financeira certificado, permanecendo em conta de
depositária autorizada pela CVM e depósito, em nome de seus titulares, em
designada pelo Conselho de instituição financeira depositária
Administração, nos termos do artigo 34 e autorizada pela CVM e designada pelo
35, da Lei n° 6.404/76. Conselho de Administração, nos termos
do artigo 34 e 35, da Lei n° 6.404/76.

Por fim, em atendimento ao art. 11, inciso I, da Instrução CVM n° 481/09, a


Companhia disponibiliza em anexo cópia do estatuto social contendo, em destaque,
as alterações acima propostas.

Joinville/SC, 16 de novembro de 2010.

Ovandi Rosenstock
Vice-Presidente

(ANEXO ESTATUTO SOCIAL COM CONTROLE DE ALTERAÇÕES NAS


MODIFICAÇÕES DO ARTIGO 4°)