Você está na página 1de 4

Gustavo N Betônico

ISDA (Interrogatório sobre diversos aparelhos)


1. Geral: apetite, alterações do peso, febre, sudorese, astenia.
2. Olhos: edema palpebral, hipermia, acuidade visual, uso de óculos, lentes,
moscas volantes, escotomas, fotofobia.
3. Nariz: epistaxe, coriza, obstrução, anosmia
4. Boca e garganta: dor, disfagia, salivação, dentição, lesões, disfonia, afonia,
uso de próteses.
5 Ouvidos: dor, otorréia, audição, zumbido-“tinitus”.
6. Cabeça: cefaléias, tonturas, vertigens.
7. Anexos, pele e mucosas: palidez, icterícia, prurido, alterações dos pêlos,
alterações das unhas, lesões elementares, equimoses.
8. Pulmões: deformidades torácicas, dor, tosse, expectoração, hemoptise,
hemoptoicos, dispnéia, cianose, chiado no peito,.
9. Cardiovascular: palpitação, precordialgia, claudicação intermitente, dispnéia
paroxística noturna, ortopneia.
10. Aparelho digestivo: dor, clocking, náusea, vômito, hematêmese,
regurgitação, intolerância alimentar, polifagia, polidipsia, alterações intestinais,
coloração e consistência das fezes, melena, eliminação de vermes, prurido
anal.
anal, regurgitação.
11. Aparelho gênito-urinário: dor, disúria, polaciúria, alterações do volume
urinário, nictúria, urina espumosa, cor da urina, incontinência urinária, enurese,
jato urinário, gotejamento, leucorreia vaginal, lesões genitais, dispareunia, data
da última menstruação.
12. Membros e coluna vertebral: dor, edema, tumefação articular, impotência
funcional, deformidades, lesões, tumorações, alterações de marcha.
13. Sistema nervoso: sonolência, insônia, irritabilidade, perda de consciência,
convulsões, movimentos involuntários, alterações da conduta, confusão mental,
paresias, paralisias.

“Quanto mais cuidadosa é a exploração, tanto maior é o número de sinais que se obtém”

“Qui bene interrogat, bene diagnoscit. Qui bene diagnoscit, bene curat” – Ditado Latino
Gustavo N Betônico

Roteiro para Exame Físico

Inspeção Geral.
Estado geral, atitude, estado de nutrição, estado de hidratação, cianose,
icterícia, palidez cutâneo mucosa, perfusão periférica, edema, decúbito
preferencial, fáscies, biótipo, padrão respiratório.

Sinais vitais:
Pressão arterial, freqüência cardíaca, temperatura, freqüência respiratória

Pele e subcutâneo.
Lesões elementares da pele:
a) Cor: cianose, palidez, icterícia, eritema, exantema, púrpura, mácula,
discromia (hipercromia, hipocromia), pigmentação anormal.
b) Elevações sólidas: pápula, placa de urticária, tubérculo, nódulo, verruga
c) Elevações de conteúdo líquido: vesícula, bolha, flictena, pústula.
d) Soluções de continuidade: escoriação, erosão, ulceração, fissura, escara.
e) Modificações estruturais profundas: atrofia, cicatriz.
f) Alterações vasculares: telangiectasias, hemangiomas, circulação colateral,
cútis marmorata, púrpuras, petéquias.
Fâneros
a) Cabelos (alopecia, tricotilomania)
b) pêlos (rarefação, hipertricose ou hirsutismo);
c) Unhas: onicólise, onicomicose, unhas hipocráticas, celoníquia, paroníquia,
vidro de relógio.
d) Tecido Subcutâneo: Linfonodos, turgor, panículo adiposo, edema, enfisema
subcutâneo, nódulos subcutâneos, .

Cabeça e pescoço
Crânio: volume e forma (macrocefalia, microcefalia, hidrocefalia, circunferência,
assimetrias
Olhos: hipertelorismo, microftalmia, buftalmia, exoftalmia, enoftalmia,
estrabismo, nistagmo, pálpebras (criptoftalmia, obliqüidade dos eixos
palpebrais, ptose, blefarite, hordéolo ou tersol, calázio, edema), pupilas (reação
à luz, anisocoria, midríase, miose, leucoria), acuidade e campo visual.

“Quanto mais cuidadosa é a exploração, tanto maior é o número de sinais que se obtém”

“Qui bene interrogat, bene diagnoscit. Qui bene diagnoscit, bene curat” – Ditado Latino
Gustavo N Betônico

Ouvidos: pavilhão auricular (implantação, tamanho, anotia), membrana


timpânica (brilho, cor, translucidez, cabo do martelo, triângulo luminoso),
audição, secreção, cerume.
Nariz: forma, batimentos das asas do nariz, mucosa, secreção, epistaxe, fossas
nasais, cornetos, septo, corpos estranhos, pólipos, pressão sobre o sinus, odor.
Boca: sialorreia, lábio leporino, edema angioneurótico, queilite, queilose,
estomatites, aftas, enantema, macroglossia, microglossia, língua geográfica,
língua seca, saburrosa, de framboesa, tumores, dentição, micrognatia,
prognatismo, trismo.
Garganta: tonsilas (tamanho, inflamação, exsudato, criptas), inflamação dos
pilares anteriores, mucosa, tecido linfoide hipertrófico, epiglotite, laringe,
halitose.
Pescoço: Turgência jugular a 45º, torcicolo, glândula tireóide, cisto tireoglosso,
adenopatias (palpar todas as cadeias cervicais), cistos branquiais, opistótono,
sinal de Brudzinki, rigidez de nuca.

Aparelho Cardiovascular
Inspeção: ictus cordis, presença de pulsação de fúrcula
Palpação: localização e características do ictus, presença de frêmito. Pulsos
periféricos e centrais.
Ausculta: bulhas, ritmo, presença de sopros.

Aparelho respiratório
Inspeção estática e dinâmica: forma, simetria, lesões de pele, abaulamentos e
retrações, tiragem intercostal, respiração paradoxal.
Palpação: expansibilidade, frêmito toraco-vocal.
Percussão: assimetrias e diferenças na percussão.
Ausculta: murmúrio vesicular e ruídos adventícios.

Abdome
Inspeção: forma, cicatrizes, abaulamentos, lesões de pele.
Ausculta: ruídos hidroaéreos, intensidade, frequência e timbre.
Percussão: timpanismo, submacicez e macicez.

“Quanto mais cuidadosa é a exploração, tanto maior é o número de sinais que se obtém”

“Qui bene interrogat, bene diagnoscit. Qui bene diagnoscit, bene curat” – Ditado Latino
Gustavo N Betônico

Palpação: Pesquisa de pontos álgicos, manobras específicas, visceromegalias.

Neurológico
Consciência: orientação, memória, raciocínio.
Marcha e equilíbrio:
Força motora e reflexos profundos
Sensibilidade
Pares cranianos

“Quanto mais cuidadosa é a exploração, tanto maior é o número de sinais que se obtém”

“Qui bene interrogat, bene diagnoscit. Qui bene diagnoscit, bene curat” – Ditado Latino