Você está na página 1de 4

5 passos para a libertação espiritual - Só

oração não resolve!


...

A libertação é uma parte muito importante da obra de Deus em nossas


vidas. Cristo nos liberta da condenação eterna, do pecado e da influência
do diabo, e é somente nEle que encontramos a verdadeira liberdade. Ele
disse: “Portanto, se o Filho os libertar, vocês de fato serão livres.” (João
8:36)

A Bíblia fala sobre muitos tipos de libertação, e a mais importante delas é,


com certeza, a espiritual, porque, sem ela, é impossível ser feliz de verdade.

Assim como uma pessoa pode ser oprimida e escravizada por outra, ela
também pode ser escravizada pelo pecado e, em consequência, pelas forças
do diabo (João 8:34). E nós não conseguimos nos libertar sozinhos dessa
prisão. Precisamos de alguém mais forte do que nós. Ou seja, precisamos de
Jesus!

A Bíblia diz que o Filho de Deus veio a esta terra para destruir as obras do
diabo (1 João 3:8), por isso, precisamos entregar a nossa vida a Ele e não
voltarmos atrás em nossa decisão. Então, se você quer ter uma vida vitoriosa
e ser totalmente liberto, dê esses cinco passos a partir de agora:

1º Passo) Aceite Jesus como Senhor e Salvador

Isso é muito mais do que uma simples escolha. O termo “aceitar”, no sentido
bíblico, significa crer, confiar e seguir. Muitas pessoas dizem que aceitaram a
Jesus, mas nunca depositaram a sua fé totalmente nEle. Elas afirmam que
têm Jesus no coração, mas ao mesmo tempo, são orgulhosas, fofoqueiras,
mentirosas, guardam mágoa, inveja, idolatria, e acham que não precisam
mudar de vida. A verdade é que não tem como receber Jesus como seu
Salvador, se primeiro, você não reconhecer que é pecador e que precisa da
misericórdia dEle.

A Bíblia diz que o verdadeiro seguidor de Jesus não pode ficar em cima do
muro; convivendo com a luz e as trevas ao mesmo tempo. Veja o que está
escrito: “Aquele que diz: ‘Eu o conheço’, mas não obedece aos seus
mandamentos, é mentiroso, e a verdade não está nele. Mas, se alguém obedece
à sua palavra, nele verdadeiramente o amor de Deus está aperfeiçoado. Desta
forma sabemos que estamos nele: aquele que afirma que permanece
nele, deve andar como ele andou.” (1 João 2:4-6)

Aceitar a Jesus significa abandonar os ídolos do passado, virar as costas para


o pecado e obedecer a Sua Palavra. Significa negar-se a si mesmo, tomar a
sua cruz e segui-Lo até o fim. É confiar em Seu poder, mesmo nas piores
tempestades que surgem em nosso caminho, e descansar, na certeza de que
Ele sempre tem o melhor para nós. Se fizermos isso com o coração aberto,
teremos dado o primeiro passo rumo à nossa libertação espiritual.

2º Passo) Ande em santidade

A palavra “santo” significa "separado". Ou seja, se você quiser ser liberto do


jugo de Satanás, você não pode mais fazer a vontade dele, porque agora você
é propriedade exclusiva de Deus e Ele quer que você seja só dEle.

“Não se ponham em jugo desigual com descrentes. Pois o que têm em comum a
justiça e a maldade? Ou que comunhão pode ter a luz com as trevas? Que
harmonia entre Cristo e Belial? Que há de comum entre o crente e o descrente?
Que acordo há entre o templo de Deus e os ídolos? Pois somos santuário do
Deus vivo. Como disse Deus: ‘Habitarei com eles e entre eles andarei; serei
o seu Deus, e eles serão o meu povo’. Portanto, ‘saiam do meio deles e
separem-se’, diz o Senhor. ‘Não toquem em coisas impuras, e eu os
receberei e lhes serei Pai, e vocês serão meus filhos e minhas filhas’, diz o
Senhor Todo-poderoso.” (2 Coríntios 6:14-18).

Isso significa que nunca mais voltaremos a pecar? Não. Desde que o pecado
entrou no mundo através de Adão e Eva, o ser humano é impuro por
natureza. Por mais que Jesus já tenha morrido na cruz para nos justificar do
pecado, enquanto vivermos neste mundo, não conseguiremos ser totalmente
santos. Isso só acontecerá na eternidade.

Então, viver em santidade significa odiar o pecado, reconhecê-lo em sua vida


e lutar para que ele não domine o seu coração, porque se isso acontecer, o
diabo irá te controlar e te levar a tomar decisões que vão contra a vontade
de Deus e que vão te levar à morte espiritual.

Mas, se todos os dias, você orar e vigiar, e buscar uma vida de santidade,
você começará a experimentar a liberdade que o Senhor planejou para você.
Por isso eu quero te perguntar: Quem governa o seu coração hoje: Cristo ou
o pecado? Se você quer ser liberto, peça perdão pelos seus erros e não deixe
que nada te escravize novamente.
3º Passo) Fuja da aparência do mal

Um dos passos mais importantes para uma pessoa ser liberta


espiritualmente é se desligar de tudo aquilo que tira o seu foco de Jesus. Veja
o que o apóstolo Paulo disse: “Afastem-se de toda forma de mal. Que o
próprio Deus da paz os santifique inteiramente. Que todo o espírito, alma e
corpo de vocês seja conservado irrepreensível na vinda de nosso Senhor Jesus
Cristo.” (1 Tessalonicenses 5:22,23)

Isso não significa que devemos nos tornar crentes bitolados, chatos,
legalistas, assim como eram os fariseus dos tempos de Jesus, que pensavam
ser melhores do que os outros só porque conheciam as Escrituras e tinham
certas atitudes. Você pode sim, viver neste mundo, conviver com pessoas e
até desfrutar das coisas boas desta terra, mas, deve sempre se lembrar de
que o mal está em todos os lugares, inclusive no seu coração, e você deve se
afastar de tudo o que te afasta do Senhor. O próprio Jesus orou pelos seus
discípulos dizendo: “Pai, não peço que os tires do mundo, mas que os livres
do mal.” (João 17:9)

4º Passo) Seja cheio do Espírito Santo

Esse é outro passo muito importante para a libertação espiritual. E para que
isso aconteça, é preciso que antes, você se esvazie do orgulho, da
autosuficiência, do rancor, da ira e de tudo o que te afasta do Senhor. A
palavra ‘esvaziar’ significa ‘tornar vazio, desocupar’. Ou seja, devemos
desocupar o coração para dar lugar ao Espírito Santo de Deus. Se estivermos
cheios de vontade própria, vaidade, murmuração, então o Espírito Santo não
terá espaço para atuar em nossas vidas.

Enquanto não morremos para o nosso “eu”, não poderemos experimentar


uma vida cheia do Espírito Santo. A Bíblia diz que "a carne deseja o que é
contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em
conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam"(Gálatas
5:17).

Isso mostra que a nossa carne deseja praticar o pecado, e o nosso espírito
deseja as coisas de Deus, e só iremos vencer esta guerra se orarmos e
renovarmos a nossa mente dia após dia com a Palavra de Deus.

A Bíblia conta a história de Ananias e sua esposa, Safira. Eles ajudaram a


manter a Igreja logo depois que Jesus ressuscitou e voltou para o céu. Certa
vez, esse casal vendeu um terreno que tinha para doar o dinheiro e ajudar a
manter o ministério. Mas eles decidiram ficar com uma parte do valor e não
contaram a ninguém. Deus, então, revelou esta mentira ao apóstolo Pedro,
que confrontou Ananias, dizendo: “Ananias, como você permitiu que
Satanás enchesse o seu coração, a ponto de você mentir ao Espírito Santo e
guardar para si uma parte do dinheiro que recebeu pela propriedade?” (Atos
5:3)

O coração de Ananias estava vazio da presença de Deus, e cheio dele mesmo;


por isso, Satanás entrou e fez com que ele mentisse. E o preço desse pecado
foi a morte dele e da sua esposa Safira. E, da mesma forma, o diabo tem
entrado na vida de muita gente que tem abandonado os caminhos do
Senhor, e só depois elas percebem o quanto custou caro fazer essa escolha.

5º Passo: Ore e vigie o tempo todo

Pode parecer difícil, mas é muito importante dar esse passo para que a sua
libertação espiritual seja completa. Jesus disse: “Vigiem e orem para que
não caiam em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca” (Mateus
26:41).

Vigiar e orar não significa que você tenha que ficar trancado no seu quarto
24 horas por dia. Isso é praticamente impossível nos dias de hoje, porque
todos nós temos compromissos no trabalho, com a família, com os amigos e
com a gente mesmo.

Orar e vigiar é estar sempre em espírito de oração e em contato com Deus.


Independente de onde você esteja, é totalmente possível viver dessa
maneira; basta que você esteja com os seus pensamentos voltados para as
coisas do Alto e que no seu coração haja o desejo sincero de não perder a
comunhão com o Pai.

Enquanto estivermos em oração e vigiando sempre para não sermos


enganados, Satanás não encontrará brecha para entrar na nossa vida. A
Bíblia diz que o diabo vive nos rodeando, rugindo como leão, procurando
devorar aqueles que estão longe da presença de Deus. Mas quando estamos
orando e vigiando, ele foge, porque maior é Aquele que está em nós do que
aquele que está no mundo!