Você está na página 1de 4

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENFICA

E. S. José Gomes Ferreira


Física e Química A
2ª ficha de Avaliação Sumativa
10º Ano – turma 2 Ano Letivo 2018/2019
Formulário e Constantes

Número de entidades…………………………………………………………………………N = n x NA
n –quantidade de matéria NA – constante de Avogadro
𝑚
Massa molar…………………………………………………………………………………………M =
𝑛
m –massa n – quantidade de matéria
𝑛𝐴
Fração molar………..…………………………………………………………………..………….𝑥A = 𝑛𝑇
nA -quantidade de matéria de A nT - quantidade de matéria total
𝑚𝐴
Fração mássica…………….……………………………………………………………………ωA = 𝑚𝑇
mA -massa de A mT - massa total
𝑚
Concentração mássica…………….……………………………….………………………… 𝐶𝑚 = 𝑉 𝑠𝑜𝑙𝑢𝑡𝑜
𝑠𝑜𝑙𝑢çã𝑜
𝑛
Concentração ou concentração molar…………….……………………….………….…… 𝐶 = 𝑉 𝑠𝑜𝑙𝑢𝑡𝑜
𝑠𝑜𝑙𝑢çã𝑜
𝑚𝐴
percentagem em massa…………….…………………………………….………………%(m/m) = 𝑚𝑇 × 100
mA -massa de A mT - massa total
𝑉𝐴
percentagem em volume…………….…………………………………….………………%(V/V) = 𝑉𝑇 × 100
VA -volume de A VT – volume total
𝑚𝐴
Partes por milhão em em massa…………………………………….………………….. 𝑝𝑝𝑚𝑚 = × 106
𝑚𝑇
mA -massa de A mT - massa total
𝑉𝐴
Partes por milhão em volume…………….…………………………….………… ……..𝑝𝑝𝑚𝑉 = 𝑉𝑇 × 106
VA -volume de A VT – volume total

Constante de Avogadro: ………………………………………………………………. NA = 6,02 x 1023 mol-1

Volume molar: …………………………………………………………………….………. VM = 22,4 mol/dm3


Grupo I

1. O carbonato de sódio é constituído por carbono, 6C, oxigénio, 8O, e sódio, 11Na.
1.1 O elemento sódio pertence à família dos metais alcalinos. Os átomos deste elemento apresentam…
(A) tendência para formar iões negativos. (C) a orbital s de valência incompleta.
(B) maior raio atómico que o potássio. (D) dois eletrões de valência.
1.2 Relativamente aos elementos carbono, 6C, e oxigénio, 8O, podemos afirmar que…
(seleccione a opção correta)
(A) o raio atómico do oxigénio é superior ao raio atómico de carbono.
(B) o raio iónico do oxigénio (O2–) é superior ao raio atómico do oxigénio.
(C) a primeira energia de ionização do carbono é superior à primeira energia de ionização do oxigénio.
(D) o oxigénio apresenta cinco energias de remoção eletrónica.
1.3 Os elementos carbono e oxigénio podem combinar-se para formar as substâncias monóxido de
carbono, CO, e dióxido de carbono, CO2, cujas fórmulas de estrutura são respetivamente:
e
1.3.1 Em relação às moléculas destas substâncias, pode dizer-se que…(seleccione a opção correta)
A. a ligação carbono-oxigénio em ambos os compostos é apolar.
B. ambas as moléculas são polares.
C. a energia de ligação carbono-oxigénio na molécula de CO é maior que a energia de ligação carbono-
oxigénio na molécula de CO2.
D. a ordem de ligação carbono-oxigénio em CO2 é superior à da ligação carbono-oxigénio em CO.
1.3.2 Selecione a opção correta.
A. As forças de London são mais intensas em CO2 do que em CO.
B. As ligações intermoleculares predominantes em CO2 são do tipo dipolo permanente-dipolo permanente.
C. As ligações intermoleculares predominantes em CO são do tipo dipolo instantâneo-dipolo induzido.
D. As ligações intermoleculares predominantes em CO são do tipo dipolo permanente-dipolo induzido.

Grupo II

1. O sulfureto de hidrogénio (H2 S) é um gás solúvel em água.


1.1 Escreva a fórmula de estrutura da molécula de sulfureto de hidrogénio.
1.2 A geometria da molécula de sulfureto de hidrogénio é…
(A) linear. (B) angular.
(C) trigonal piramidal. (D) triangular plana.

1.3 Considere que o teor de sulfureto de hidrogénio em 1,0 kg de solução aquosa é de 44 ppm.
1.3.1 A massa de soluto contido na solução é…
(A) 44 × 103 mg.
(B) 44 × 10−3 mg. (C) 44 × 106 mg.
(D) 44 mg.
1.3.2 A percentagem em massa do soluto é…
(A) 4,4 × 10−1 %. (C) 4,4 × 10−3 %.
(B) 4,4 × 10−7 %. (D) 4,4 × 102 %.
1.3.3 Calcule a fração mássica do solvente, nesta solução.

2
Grupo III

1. A tabela seguinte apresenta diferentes energias de ligação. Ligação Energia de ligação / kJ mol
–1

1.1 Considere as seguintes afirmações: H–H 436


Cℓ–Cℓ 242
I. É necessário mais energia para decompor a molécula de O2
do que para decompor a molécula de N2. O=O 498
II. A molécula de HCℓ é mais estável que a molécula de N≡N 945
HBr. H–Cℓ 432
III. De entre as moléculas gasosas H2 , O2 e Cℓ2 a molécula H–Br 366
Cℓ2 é a menos estável.
IV. A reação traduzida pela equação química H2 (g) + Cℓ2 (g) → 2 HCℓ (g) é endotérmica.
Com base nestas afirmações, selecione a opção correta.

(A) Todas as afirmações são corretas. (B) São corretas apenas as afirmações I e II.
(C) São corretas apenas as afirmações III e IV. (D) São corretas apenas as afirmações II e III.

1.2 Considere a reação química referida na afirmação IV da alínea anterior.


H2 (g) + Cℓ2 (g) → 2 HCℓ (g) M(HCℓ) = 36,46 g𝑚𝑜𝑙−1
1.2.1 A quantidade de energia posta em jogo quando se formam 3,646 g de HCℓ, sabendo que a
variação de entalpia na reacção acima é -186 kJ, é:
3,646 × 186
3,646×2 3,646×186 𝐶. 𝐾𝐽 36,46×186
A. kJ B. 36,46
× 2kJ 36,46 × 2 𝐷. KJ
36,46×186 3,646×2

1.2.2 Selecione a opção correta.


(A) Nesta reação, a energia necessária para romper as ligações H–H e Cℓ–Cℓ é superior à energia que
se liberta quando se formam as ligações H–Cℓ.
(B) Nesta reação, a energia necessária para romper as ligações H–H e Cℓ–Cℓ é inferior à energia que
se liberta quando se formam as ligações H–Cℓ.
(C) Se esta reação ocorrer em sistema isolado, a sua temperatura mantém-se.
(D) Se esta reação ocorrer em sistema fechado, a sua temperatura aumenta.

Grupo IV

1. A energia de dissociação da molécula BrO é 235 kJ mol−1.


1.1 Selecione a opção que exprime, de forma correta, a energia de dissociação de BrO em J/ligação.
6,02 × 1023 235 235 × 103 103
(A) J/lig (B) J/lig (C) J/lig (D) J/lig
235 × 103 6,02 × 1023 × 103 6,02 × 1023 235 × 6,02 × 1023

1.2 A radiação UV que atinge a estratosfera varia entre 6,6 × 10−19 J e 9,9 × 10−19 J. As
moléculas de BrO que existem na estratosfera, ao sofrerem a ação destas radiações UV,
dissociam-se? Justifique a sua resposta
1.3 Selecione a opção que traduz corretamente o que acontece quando este tipo de radiação UV
atinge as moléculas BrO na estratosfera.
(A) A energia da radiação é totalmente utilizada para provocar efeito térmico.
(B) A energia da radiação é totalmente utilizada para provocar efeito químico.
(C) A energia da radiação não provoca nem efeito químico nem efeito térmico.
(D) Parte da energia da radiação é utilizada na dissociação da molécula BrO e a parte restante
vai provocar o efeito térmico.
Grupo V
A figura seguinte mostra a fórmula de estrutura da fenfluramina, um composto que foi usado no tratamento
da obesidade.

1- Indique a que família de compostos orgânicos pertence o grupo


assinalado com uma circunferência.
2- Transcreva a fórmula de estrutura da fenfluramina para a folha de
respostas e assinale com uma circunferência o único grupo metilo
presente na fenfluramina.
3- Podemos afirmar que a fenfluramina
(A) não é um haloalcano, nem é um (C) não é um haloalcano, mas é um
composto aromático. composto aromático.
(B) é um haloalcano e é um composto (D) é um haloalcano, mas não é um
aromático. composto aromático.
4- O átomo assinalado com a seta
(A) não está ligado a qualquer átomo de (C) está ligado a 2 átomos de hidrogénio.
hidrogénio. (D) está ligado a 3 átomos de hidrogénio.
(B) está ligado a 1 átomo de hidrogénio.

5- Quantos átomos de carbono existem na molécula de fenfluramina?

Grupo VI

1- Em condições normais de pressão e de temperatura (PTN), o volume ocupado por 13 g de -


ozono é
48,0 13
(A) ( 13
× 22,4) dm3 (C) (22,4 × 48,0) dm3
13
(B) ( × 22,4) dm3 (D) (13 × 22,4 × 48,0) dm3
48,0

2- Nos finais do século XVIII, elevaram-se na atmosfera os primeiros balões, do tipo representado na Figura ao
lado. Para fazer subir o primeiro balão, de volume aproximado 800 m3, «os inventores
colocaram na boca do balão uma grelha de ferro, sobre a qual dispuseram palha e
pedaços de lã, [...] aos quais lançaram fogo», o que permitiu aquecer gradualmente o ar
nele contido.
Considere que o ar contém cerca de 21%, em volume, de oxigénio e que Vm representa o
volume molar de um gás, em dm3 mol–1, em quaisquer condições de pressão e de
temperatura.
Qual das expressões seguintes permite calcular a quantidade aproximada de oxigénio
que existia no balão?
800 × 10 3 × 0,21
(A) (
800 × 10 × 0,21
) mol (C) ( 𝑉m
) mol
𝑉m

800 × 10 800 × 10 3
(B) ( × Vm ) mol (D) ( 0,21
× Vm ) mol
0,21

FIM

Grupo I Grupo II Grupo III Grupo IV Grupo V Grupo VI


Total
Item 11 12 131 132 11 12 131 132 133 11 121 122 11 12 13 1 2 3 4 5 1 2
cotação 5 5 5 5 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 200