Você está na página 1de 22

PERSPECTIVAS DO SETOR DE

GÁS NATURAL NO RIO DE JANEIRO


FIRJAN
Perspectivas do Gás Natural no Rio de Janeiro

Rio de Janeiro/RJ • 05 dez. 2017

José Mauro Coelho


Diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
CONSUMO FINAL
DE ENERGIA

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
CONSUMO FINAL DE ENERGIA POR FONTE

1,9% a.a.
Em milhões de tep Derivados de
Petróleo
2016 2026
Eletricidade
11 10 13 17 Derivados da
4% 5%
21 4% 20 4% Cana
8% 7%
18 23
Gás Natural
108 113
7% 8%
257 42%
309 37% Lenha e Carvão
Vegetal
Mtep Mtep Carvão Mineral
43 58
17% e Derivados
19%
64
Demais Fontes(1)
44
21%
17% (1)Inclui biodiesel, lixívia, outras
renováveis e outras não renováveis

Derivados de Participação decrescente Derivados Aumento da participação do


na matriz, porém se mantendo etanol
Petróleo com alta importância da Cana

Ampliação do uso no setor Penetração na competição com


industrial e forte expansão de energéticos substitutos (óleo
Eletricidade consumo no setor energético Gás Natural
via autoprodução combustível, carvão, GLP, etc.)

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
PRODUÇÃO DE
PETRÓLEO E GÁS NATURAL

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
PRODUÇÃO DE PETRÓLEO: TERRA, PÓS-SAL E PRÉ-SAL

Em milhões de barris por dia

6
5,2 7,1% a.a.
6%
5
4,4 38%
2016
4
56%
3,1
2,8 3,8 14,4% a.a.
3 2,6 3,0

1,8 2%
2 1,0 1,2 24%

2026
1 1,5 1,4 1,2 1,3 1,2 -1,7% a.a. 74%

0
2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026
Aumento significativo da
participação da produção
Terra Pré-Sal do pré-sal
Pós-Sal
Declínio natural da
produção do pós-sal
Fonte: EPE

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
Empresa de Pesquisa Energética
Ministério de Minas e Energia
PRODUÇÃO DE PETRÓLEO

Em milhões de barris por dia

6
5,2 7,1% a.a.
5
0,6
2016
4
68%

3 2,6

0,8 4,6 10% a.a.


2
2026
1 1,8
88%

0
2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026

Rio de Janeiro Produção


Demais Estados

Fonte: EPE

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
PRODUÇÃO BRUTA DE GÁS NATURAL

Em milhões de m3 por dia

200 185 6,0% a.a.

150 50 44%
2016
104
100

58
136 11,6% a.a.
50 2026
46 73%

0
2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026

Rio de Janeiro Produção Bruta


Demais Estados

Fonte: EPE

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
PRODUÇÃO LÍQUIDA DE GÁS NATURAL

Em milhões de m3 por dia

120

95
4,5% a.a. 37%
90
2016
61 41
60

38
30 9,1% a.a. 2026
53 56%

22
0
2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026

Rio de Janeiro Produção Líquida


Demais Estados

Fonte: EPE

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
OFERTA POTENCIAL DE GÁS NATURAL

Em milhões de m3 por dia

80 75
4,7% a.a.

60 47%
33 2016
47

40
25

20 42 6,5% a.a.
2026 56%
22

0
2016 2017 2018 2019 2020 2021 2022 2023 2024 2025 2026

Rio de Janeiro Oferta Potencial:


Malha Integrada + Sistemas Isolados
Demais Estados

Fonte: EPE

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
ROYALTIES E
PARTICIPAÇÃO ESPECIAL

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
ROYALTIES E PARTICIPAÇÃO ESPECIAL

2011 2016 2017


(até outubro)
ROYALTIES
Em milhões de reais O campo de Lula é o principal Em bilhões de reais
responsável pelo aumento na 2,7
900 3 2,5
arrecadação de Maricá e Niterói 2,1
559 2,0
600 410 2
300 281 321
293 243
300 179 151206 76 68 78
1
68 64
- 0
Campos Macaé Maricá Niterói Rio de Total dos Estado
Janeiro Municípios RJ do RJ

PARTICIPAÇÃO ESPECIAL
Em milhões de reais Em bilhões de reais
900 6
667 4,5
600 4
338 298
300 187 2 1,1 1,5
82 89 71 134 0,5
3 5 1 1 0 31 55
- 0
Campos Macaé Maricá Niterói Rio de Total dos Estado
Janeiro Municípios RJ do RJ
Fonte: EPE, ANP

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
ROYALTIES E PARTICIPAÇÃO ESPECIAL

2011 2016 2026

Brent: US$ 108 / bbl Brent: US$ 42 / bbl Brent: US$ 80 / bbl

Câmbio: R$ 1,66 / US$ Câmbio: R$ 3,57 / US$ Câmbio: R$ 3,77 / US$

ROYALTIES PARTICIPAÇÃO ESPECIAL


Em bilhões de reais Em bilhões de reais
50 50
40
40 40

30 30
20
20 13 20 13
12
10 8 10 7
6
8
5 4 6 4
- - 2
2011 2016 2026 2011 2016 2026

Rio de Janeiro (Municípios e Estado) Demais Municípios, Estados e União Brasil (Municípios, Estados e União)

Fonte: EPE, ANP

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
INVESTIMENTOS

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
CADEIA DE VALOR DO GÁS NATURAL
PRÉ-SAL: BACIAS DE CAMPOS E DE SANTOS

GASTAU
UPGN
Caraguatatuba/SP

Malha Integrada
Rota 2 GASDUC III
UPGN
Cabiúnas/RJ

Itaboraí-
Guapimirim

UPGN
Comperj/RJ

Etapas: E&P Escoamento Processamento Transporte Distribuição

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
GASODUTO ROTA 3
MUNICÍPIOS: MARICÁ/RJ, ITABORAÍ/RJ

Geração de empregos diretos:



UPGN
UPGN Cabiúnas
800 COMPERJ
(futura)

Custo estimado:
• R$ 6,0 bilhões UPGN
REDUC

Status atual: Rota 3


• Em construção
(futura)
(355 km)
UPGN
Caraguatatuba/SP

Previsão de conclusão:
• 2019
Pólo
Pré-Sal

Fonte: Petrobras

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
AMPLIAÇÃO DA UPGN CABIÚNAS
MUNICÍPIOS: MACAÉ/RJ

Geração de empregos diretos:



UPGN
UPGN Cabiúnas
800 COMPERJ
(futura)

Custo realizado:
• R$ 1,7 bilhões UPGN
REDUC

Status atual: Rota 3


• Concluída em junho/2017
(futura)
(355 km)
UPGN
Caraguatatuba/SP

Pólo
Pré-Sal

Fonte: Petrobras

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
UPGN COMPERJ
MUNICÍPIO: ITABORAÍ/RJ

Geração de empregos diretos:


• 5.000
Gás Gás
Natural Natural
Úmido Seco
Custo estimado para conclusão:
• R$ 2,0 bilhões
(21,0 MMm³/d) (18,2 MMm³/d)

Status atual:
• Petrobras contratando empresa para
concluir obras
GLP (6 mil m³/d)
Previsão de conclusão:
• 2020
C5+ (600 m³/d)

Fonte: Petrobras

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
GASODUTO ITABORAÍ-GUAPIMIRIM
MUNICÍPIOS: ITABORAÍ/RJ, CACHOEIRAS DE MACACU/RJ,
GUAPIMIRIM/RJ

Geração de empregos diretos:


• 400

Custo estimado:
• cerca de R$ 150 milhões

Previsão de conclusão:
• 2021

Fonte: Petrobras, EPE

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
RECADOS
FINAIS

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
RECADOS FINAIS

O Estado do Rio de Janeiro já possui e passará a ter importância


• ainda maior na produção nacional de petróleo e gás natural.

As arrecadações governamentais do Rio de Janeiro (Municípios +


• Estado) com royalties e participação especial devem crescer
significativamente nos próximos anos.

Os investimentos previstos em gasoduto de escoamento, gasoduto


• de transporte e UPGNs devem gerar um número significativo de
empregos diretos e indiretos.

O aumento da produção de petróleo e gás natural no Brasil e, em


• especial, no Estado do Rio de Janeiro deve proporcionar maior
dinamismo à economia fluminense.

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia
José Mauro Coelho
Diretor de Estudos do Petróleo, Gás
e Biocombustíveis
E-mail: jose.coelho@epe.gov.br
Telefone: + 55 (21) 3512 - 3310

Avenida Rio Branco, 1 - 11o andar


20090-003 - Centro - Rio de Janeiro
http://www.epe.gov.br/

Twitter: @EPE_Brasil
Facebook: EPE.Brasil

Empresa de Pesquisa Energética


Ministério de Minas e Energia