Você está na página 1de 6

AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA

(Confidencial)

Nome:Daniel Ernest Morais Kunz


Data de Nascimento: 21/06/2004
Idade: 12 anos
Escolaridade: – 6°ano do Ensino Fundamental II
Filiação: Daniel Kunz e Eliane Silva Morais Kunz

Finalidade:Avaliação neuropsicológica solicitada pela psicopedagoga Susy Andrade.

Descrição da demanda:Daniel tem facilidade na aprendizagem de uma maneira geral, é faixa preta
no Karatê. No entanto Daniel apresenta certa inquietação e dispersão, com comportamento teimoso,
irritante e desafiador.

História familiar:Daniel é filho único. Pais têm nível de escolaridade superior. Genitor á faixa
preta em Karatê.

Nascimento/desenvolvimento/saúde: A gravidez planejada com pré-natal,nasceu no Hospital


Aliança, a termo, sem intercorrências. Segundo seus genitores, Daniel teve um desenvolvimento
psicomotor dentro do esperado.

História escolar: Iniciou vida escolar com 1 ano e meio na escola Clubinho das Letras. Depoisfoi
para o colégio Anchieta, no qual se encontra atualmente (no 6º ano, aos 12 anos de idade). Daniel
esta fazendo reforço escolar para a disciplina de Redação.

Procedimentos:A avaliação ocorreu entre outubro e dezembrodo corrente ano. Os instrumentos


psicológicos utilizados foram os seguintes:
 Entrevistas clínicas e anamnese com a genitora;
 WISC–IV – Escala de Inteligência Wechsler para Crianças adaptação brasileira, Casa do Psicólogo, 2014;
 Figuras Complexas de Rey, SP: Casa do Psicólogo, 2010;
 THAS-C – Teste de Habilidades Sociais p/ Crianças e Adolescentes em Situação Escolar. SP, 2014;
 EACI–J – Escala de Autoconhecimento Infanto-Juvenil. 1ª Ed. São Paulo: Vetor, 2004
 WCST – Teste Wisconsin de Classificação de Cartas –1ª ed. adaptação brasileira. São Paulo: Casa do Psicólogo,
2005.
 ESI – Escala de Stress Infantil – Lipp e Lucarelli. Casa do Psicólogo, 2006;
 EMA-EF - Escala de Avaliação da Motivação para Aprender. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2014.
 SSRS – Inventário de Habilidades Sociais, Problemas de Comportamento e Competência Acadêmica para Crianças.
São Paulo: Casa do Psicólogo, 2016.
 FDT – Teste dos Cinco Dígitos: São Paulo: Hogrefe CETEPP, 2015;
 Entrevista de devolução.

Técnicas complementares:
 Atividades neuropsicológicas para avaliação das funções cognitivas.

Perfil Neuropsicológico
Resultado e análise por domínios:

Av. ACM, nº 429 – Edifício Centro Empresarial Itaigara Sul, sala 509 – Itaigara
CEP: 41825-000 - Salvador-Bahia - Tel. (71) 3351-6630
Avaliação global da inteligência
De acordo com a Bateria WISC IV, Daniel apresentou em 2016, funcionamento intelectual global
muito superior à média (QIT 131) em relação à sua faixa etária, com os seguintes índices:
Índice de Compreensão Verbal(ICV 128) superior – avalia as habilidades verbais por meio do
raciocínio verbal, da compreensão e da formação de conceitos.
Índice de Organização Perceptual (IOP 128) – superior – avalia a formação de conceitos não
verbais, percepção e organização visual, processamento simultâneo, coordenação visomotora,
aprendizagem e a habilidade de separar figura e fundo de um estímulo visual à organização
perceptual.
Índice de Memória Operacional (IMO 115) – na média superior – avalia as habilidades do
examinando de sustentar atenção, concentração e exercer controle mental.
Índice de Velocidade de Processamento(IVP 118) – na média superior – indicador de velocidade
com a qual a criança pode processar mentalmente uma informação, simples ou rotineira, sem errar.

QI Percentil Classificação Intervalo


QI Total 131 98 superior 125-135
Índice de Compreensão Verbal 128 97 superior 119-133
Índice de Organização Perceptual 128 97 superior 119-133
Índice de Memória Operacional 115 84 Médio superior 107-125
Índice de Velocidade Processamento 118 88 Médio superior 107-125
Obs.: O QI médio encontra-se entre 90 e 109

Linguagem (Leitura/Escrita) e Habilidades Aritméticas


Nomeação – acima do esperado – avalia a linguagem expressiva e o acesso ao sistema de memória
de longo prazo, que armazena os nomes dos objetos; está relacionada às habilidades verbais e
vocabulário.
Vocabulário – acima do esperado - mede o conhecimento de palavras e a formação de conceitos,
bem como o nível de conhecimento; habilidade de aprendizado, memória de longo prazo e nível de
desenvolvimento linguístico.
Raciocínio Verbal (semelhanças) – acima do esperado – avalia a formação de conceitos,
envolvendo a compreensão oral, memória e a forma de se expressar verbalmente.
Compreensão social – dentro do esperado – avalia o raciocínio verbal, compreensão verbal e
expressão e envolve conhecimentos de padrões de comportamento, julgamento e bom senso.
Fluência Verbal Fonológica – dentro do esperado.
Leitura de textos – dentro do esperado – leitura lexical adequada, com pequenas imprecisões nas
pontuações.
Compreensão leitora – acima do esperado – faz respostas completas, com uso de vocabulário
preciso, compreende relações entre idéias do texto e faz inferências, porém, às vezes confunde
informações explícitas do texto, com conhecimento prévio.
Ditado de palavras – dentro do esperado.
Produção textual – acima do esperado – bom vocabulário e sintaxe, com boa organização das
ideias.
Memória de curto prazo fonológica – TRPP – acima do esperado.
Aritmética– acima do esperado. Envolve cálculos e problemas orais.

Av. ACM, nº 429 – Edifício Centro Empresarial Itaigara Sul, sala 509 – Itaigara
CEP: 41825-000 - Salvador-Bahia - Tel. (71) 3351-6630
Memória
Avaliação da memória auditivo-verbal de palavras (RAVLT):
Curva de aprendizagem – dentro do esperado
Lista de interferência (B1) – dentro do esperado
Lista após interferência- dentro do esperado
Lista de recordação tardia – dentro do esperado
Reconhecimento - dentro do esperado

Memória visual/planejamento/execução de ações: (Fig. Complexas de REY)


Cópia – na média inferior
Evocação/Reprodução de memória – acima da média esperada
Tempo – Cópia e Memória – dentro do esperado.

Memória de trabalho auditiva verbal numérica (Dígitos)


Ordem direta – dentro do esperado (span 6 números) – componente fonológico.
Ordem indireta – acima do esperado (span 5 números) – componente atencional.

Memória de trabalho viso-espacial (Corsi)


Ordem direta – dentro do esperado (span 5 números) – componente viso-espacial
Ordem indireta – dentro do esperado (span 6 números) – componente atencional

Memória semântica – acima do esperado – capacidade de adquirir , reter e recuperar conhecimentos


factuais adquiridos na escola e no ambiente em que vive, envolve inteligência e memória de longo
prazo (Informação – WISC IV).

Atenção/ Funções Executivas


Em relação à atenção visual os resultados foram os seguintes: (TAVIS 4)
Atenção Seletiva – dentro do esperado– relacionada à habilidade de focalizar estímulos relevantes,
na presença de estímulos distratores e selecionar a informação para processamento consciente.
Atenção Alternada – na média inferior– relacionada à capacidade de mudar o foco de atenção entre
tarefas com demandas cognitivas diferentes.
Atenção Sustentada – na média superior– relacionada à capacidade de sustentar uma resposta
comportamental consistente durante uma atividade contínua.
Erros por omissão – acima do esperado na tarefa de atenção alternada.
Erros por ação – acima do esperado nas tarefas de atenção seletiva e alternada.

Função Executiva / Flexibilidade–médio superior(FDT)


Função Executiva/ Inibição – média (FDT)
Função Executiva / Fluência Verbal Semântica (animais) – dentro do esperado (FAS)
Função Executiva / Flexibilidade Cognitiva/Categorização – dentro do esperado (WSCT)
Função Executiva /Planejamento – dentro do esperado (Torre de Londres)

Av. ACM, nº 429 – Edifício Centro Empresarial Itaigara Sul, sala 509 – Itaigara
CEP: 41825-000 - Salvador-Bahia - Tel. (71) 3351-6630
Habilidade social/comportamento
Durante a avaliação Daniel realizou todas as atividades propostas de forma colaborativa.

O Inventáriode Habilidades Sociais, Problemas de Comportamento e Competência Acadêmica


(SSRS).Foi respondida por Daniel, pela mãe e por um professor.
Os resultados do inventário SSRS respondida por Daniel foram os seguintes:
F1 – Empatia/Afetividade – acima da média – comportamentos que mostram interesse e respeito
pelos sentimentos dos outros/ expressão de sentimentos positivos.
F2 – Responsabilidade – abaixo da média – comportamentos que demonstram compromisso com
tarefas e regras preestabelecidas para atividades.
F3 – Autocontrole/Civilidade – acima da média – comportamentos emitidos em situações de
conflito e/ou restringir os seus próprios comportamentos/atendem a normas mínimas de convívio
social.
F4 – Assertividade – acima da média – comportamentos que envolvem algum risco de reação
indesejável do outro.

A Escala de Autoconceito Infanto-juvenil (EAC-IJ), expressa o conhecimento que o indivíduo tem


de si, através de frases que descrevem como o indivíduo se comporta, o que pensa ou sente em
diversos contextos. Os resultados de Daniel foram os seguintes:
Ambiente Social – abaixo do esperado– trata das relações sociais com os colegas e como a pessoa
se percebe nessas relações.
Ambiente Escolar – dentro do esperado– trata de questões relativas às relações interpessoais que
ocorrem no contexto escolar.
Ambiente Familiar –acima do esperado – trata do comportamento adotado nas situações do dia-a-
dia em casa com pais e irmãos.
Ambiente Pessoal – acimado esperado– refere-se aos sentimentos que a pessoa tem com relação ao
seu modo de ser e agir em diferentes situações, carregado de emoções ou lidando bem com elas.

De acordo com o Teste de Habilidades Sociais(THAS-C), que é subdividido em três fatores, Daniel
apresentou os seguintes resultados:
Civilidade e Altruísmo – superior à média – referem-se às habilidades como agradecer elogios,
pedir desculpas, ajudar amigos, elogiá-los, expressar sentimentos positivos aos pares, ser educado
ao receber uma opinião.
Conversação e Desenvoltura social – dentro da média - sugerem constrangimento e vergonha em
situações de exposição, o que impede de tomar iniciativa nesses contextos, ocasionando prejuízo
social.
Assertividade com Enfrentamento –superior àmédia – refere-se à habilidade de demonstrar
desagrado, defender direitos e opiniões, resistir à pressão do grupo, afirmar autoestima.
Resultado geral – superior àmédia.

De acordo com a Escala de Stress Infantil (ESI), Daniel não apresentou sinais de stress;

Av. ACM, nº 429 – Edifício Centro Empresarial Itaigara Sul, sala 509 – Itaigara
CEP: 41825-000 - Salvador-Bahia - Tel. (71) 3351-6630
A Escala de avaliação de Motivação para Aprender de Alunos do Ensino Fundamental (EMA-EF) é
dividida em dois tipos de motivações (Intrínseca e Extrínseca), Danielapresentou o seguinte
resultado:
Motivação Intrínseca – dentro da média – responsável pelo interesse natural por novidades e
desafios.
Motivação Extrínseca – abaixo da média - passível de sofrer influência do contexto e, em
decorrência, busca responder às pressões de outras pessoas.

Escalas respondidas pelos pais e professores


Resultado do Inventário SRSS respondido pela mãe de Daniel foi o seguinte:
F1 – Responsabilidade – abaixo do esperado – comportamentos que demonstram compromisso com
tarefas e regras preestabelecidas para atividades.
F2 – Autocontrole – abaixo do esperado – comportamentos emitidos em situações de conflito e/ou
restringir os seus próprios comportamentos.
F3 – Afetividade/Cooperação – dentro do esperado – comportamentos de expressão de sentimentos
positivos/ contribuem para o andamento de uma atividade ou atendem necessidade de outros.
F4 – Desenvoltura Social – dentro do esperado – comportamentos que expressam traquejo nas
relações interpessoais.
F5 – Civilidade – dentro do esperado – comportamentos que atendem a normas mínimas de
convívio social.
F6 – Problemas de Comportamentos Externalizantes – acima do esperado – comportamentos que
envolvem agressão física ou verbal com os outros e baixo controle de humor.
F7 – Problemas de Comportamentos Internalizantes – abaixo do esperado – comportamentos
indicativos de ansiedade, tristeza, solidão e baixa autoestima.

Resultado do Inventário SSRS respondido pelo professor de Daniel foi o seguinte:


F1 – Responsabilidade – abaixo do esperado – comportamentos que demonstram compromisso com
tarefas e regras preestabelecidas para atividades.
F2 – Autocontrole – abaixo do esperado – comportamentos emitidos em situações de conflito e/ou
restringir os seus próprios comportamentos.
F3 – Assertividade/ Desenvoltura Social – dentro do esperado - comportamentos que expressam
traquejo nas relações interpessoais e comportamentos que envolvem algum risco de reação
indesejável do outro.
F4 – Cooperação/ Afetividade – dentro do esperado - comportamentos de expressão de sentimentos
positivos/ contribuem para o andamento de uma atividade ou atendem necessidade de outros.
F5– Problemas de comportamentos Externalizantes – acima do esperado – comportamentos que
envolvem agressão física ou verbal com os outros e baixo controle de humor.
F6 – Hiperatividade – acima do esperado – comportamentos que envolvem movimentação
excessiva, inquietação e reações impulsivas.
F7– Problemas de comportamentos Internalizantes – dentro do esperado - comportamentos
indicativos de ansiedade, tristeza, solidão e baixa autoestima.
F8 – Competência acadêmica – dentro do esperado – Indicadores do desempenho acadêmico da
criança.

Av. ACM, nº 429 – Edifício Centro Empresarial Itaigara Sul, sala 509 – Itaigara
CEP: 41825-000 - Salvador-Bahia - Tel. (71) 3351-6630
O resultado da escala SNAP IV, para investigação de TDAH, respondida pelos responsáveis de
Danielfoi o seguinte:

Preenchido por: Sintomas de Sintomas de Sintomas de Transtorno


Déficit de Atenção Hiperatividade Opositor
Mãe 5/9 7/9 3/8
Avó 4/9 1/9 2/8

Segundo a Escala Traço Ansiedade Infantil, respondida pelos pais,Daniel nãoapresenta sintomas de
ansiedade.

De acordo com a escala de comportamento para crianças e adolescentes (CBCL), respondida pela
mãe, foi sugerido que Daniel apresenta queixas somáticas e comportamentos de quebra de regras
acima do esperado.

Conclusão
Apresentou funcionamento intelectual global superior à sua faixa etária.
Evidenciou desempenho dentro/acima do esperado na maioria das funções avaliadas: linguagem,
habilidades matemáticas, memória e funções executivas. Porém, na avaliação da atenção, cometeu
erros por omissão e ação acima do esperado.

Percebe-se a partir das escalas respondidas pelos responsáveis que Daniel apresenta bom nível de
habilidades sociais. Entretanto, demonstra dificuldade em relação à responsabilidade e
compromissos com tarefas pré-estabelecidas, problemas externalizantes e com autocontrole.

As evidências sugerem que Daniel tem altas habilidades na área cognitiva e motora, pois aprende o
conteúdo escolar com pouco esforço, tem funcionamento cognitivo superior e é faixa preta em
karatê aos 12 anos de idade. Entretanto Daniel demonstra em certos momentos hiperatividade,
desatenção e comportamento desafiador/contestador.

Encaminhamento
Consulta com neuropediatra ou psiquiatra infantil para conclusão diagnostica.
Recomenda-se atendimento psicológico para tratar questões comportamentais.
Alunos com altas habilidades devem ser encaminhados ao Programa de Inclusão Escolar de acordo
com as leis vigentes do MEC, para terem as atividades e avaliações adaptadas às suas necessidades.

Salvador, 16 de dezembro de 2016.

Maria Arminda S. Tutti Cabussú


Psicóloga/ Psicopedagoga/ Neuropsicóloga
CRP 03/939

Av. ACM, nº 429 – Edifício Centro Empresarial Itaigara Sul, sala 509 – Itaigara
CEP: 41825-000 - Salvador-Bahia - Tel. (71) 3351-6630