Você está na página 1de 4

Resistência dos Materiais

ENGENHARIA CIVIL
Profº Wesley M. Rodrigues

Lista de Exercícios

Tensões

1) A coluna está sujeita a uma força axial de 8 kN aplicada no centroide da área da seção
transversal. Determine a tensão normal média que age na seção a-a. Mostre como fica essa
distribuição de tensão sobre a seção transversal da área.

2) Determine a força normal interna resultante que age na seção transversal no ponto A em
cada coluna e a respectiva tensão atuante no ponto A. Em (a), o segmento BC tem massa de
300 kg/m e o segmento CD tem massa de 400 kg/m com seção transversal quadrada de (2m
x 2m). Em (b), a coluna tem uma massa de 200 kg/m e uma seção transversal retangular oca,
retângulo externo (0,5m x 0,4m) e retângulo interno (0,2m x 0,1m).

3) O arganéu da âncora suporta uma força de cabo de 3 kN. Se o pino tiver diâmetro de 6 mm,
determine a tensão média de cisalhamento no pino.
4) O mancal de encosto está sujeito às cargas mostradas. Determine a tensão normal média
desenvolvida nas seções transversais que passam pelos pontos B, C e D. Faça um rascunho
dos diagramas de corpo livre e dos resultados sobre um elemento de volume infinitesimal
localizados em cada seção.

5) A luminária de 250 N é sustentada por três hastes de aço interligadas por um anel em A.
Determine o ângulo de orientação θ de AC de modo que a tensão normal média na haste AC
seja duas vezes a tensão normal média na haste.

6) Cada uma das barras da treliça tem área de seção transversal de 780 mm². Se a tensão normal
máxima em qualquer barra não pode ultrapassar 140 MPa, determine o valor máxima P das
cargas que podem ser aplicadas à treliça.
7) O elemento B está sujeito a uma força de compressão de 4 kN. Se A e B forem feitos de
madeira e tiverem 10 mm de espessura, determine, com aproximação de 5 mm, a menor
dimensão h do apoio de modo que a tensão de cisalhamento média não exceda τadm = 2,1
MPa.

8) A junta está presa por dois parafusos. Determine o diâmetro exigido para os parafusos se a
tensão de ruptura por cisalhamento para os parafusos for σrup = 350 MPa.

9) As tiras A e B devem ser coladas com a utilização das duas tiras C e D. Determine a espessura
exigida t para C e D de modo que todas as tiras falhem simultaneamente. A largura das tiras A
e B é 1,5 vezes a das tiras C e D.

10) A barra é suportada pelo pino. Se a tensão de tração admissível para a barra for (σ t)adm = 150
MPa e a tensão de cisalhamento admissível para o pinto for τadm = 85 MPa, determine o
diâmetro do pino para o qual a carga P será máxima. Qual é essa carga máxima? Considere
que o orifício na barra tem o mesmo diâmetro d do pino. Considere também t = 6 mm e w =
50 mm.

11) O punção circular B exerce uma força de 2 kN na parte superior da chapa A. Determine a
tensão de cisalhamento média na chapa provocada por essa carga.
12) O acoplamento de gancho e haste está sujeito a uma força de tração de 5 kN. Determine a
tensão normal média em cada haste e a tensão de cisalhamento média no pino A entre os
elementos.

13) A estrutura suporta a carga mostrada. O pino em A tem diâmetro de 5 mm. Se estiver sujeito a
cisalhamento duplo, determine a tensão de cisalhamento média no pino.

14) As duas hastes suportam a força vertical P = 30 kN. Determine o diâmetro da haste AB, se a
tensão de tração admissível para o material for σadm = 150 MPa.

15) O conjunto representado na figura é formado por:

1 - Parafuso sextavado M12.


2 - Garfo com haste de espessura 6mm.
3 - Arruela de pressão.
4 - Chapa de aço ABNT 1020 espessura 8mm.
5 - Porca M12.

Supondo que não haja rosca no parafuso, nas regiões de cisalhamento e esmagamento. A
carga Q que atuará no conjunto é de 6 kN. Determinar:

a) a tensão de cisalhamento atuante.


b) a tensão de esmagamento na chapa intermediária.
c) a tensão de esmagamento nas hastes do garfo.
Boa Sorte!

Você também pode gostar