Você está na página 1de 8

Polinômios

Um monômio é composto por coeficiente (número) e parte literal (letras). Um polinômio é uma
expressão algébrica formada por monômios.

Grau de um polinômio: é o maior expoente da parte literal.

Raiz de um polinômio: é (são) o (s) valor (es) de x que fazem o polinômio resultar em zero.

Propriedade distributiva: Cada termo de um polinômio é multiplicado por cada termo de outro
polinômio.Em incógnitas semelhantes, somam-se os expoentes. As incógnitas distintas são
repetidas. E os números são multiplicados normalmente.
Ex: (x – 4) . (x² + 3y) = x³ + 3xy – 4x² - 12y

* Operações:
a) Adição: Basta somar termos semelhantes. Eles serão semelhantes pelas INCÓGNITAS!

b) Subtração: Basta subtrair termos semelhantes.

c) Multiplicação: Aplicar propriedade Distributiva.

d) Divisão: Dividem-se as incógnitas de maior expoente até que não se possa mais dividir,
devido o grau.

Relações de Girard:
! #
Soma das raízes = $
! (&'()* +,-'.',-',&')
Produto da raízes = $

Exercícios:

11. Considere o polinômio: p(x) = 4𝑥 1 + 3x³ - 2x² + x + k Sabendo que P(1) = 2, então o valor
de P(3) é:

a) 386.
b) 405.
c) 324.
d) 81.
e) 368.

Resolução:

Como a questão nos diz que P(1) = 2, teremos:

p(x) = 4𝑥 1 + 3x³ - 2x² + x + k


P(1) = 4. 1 1 + 3.1³ – 2.1² + 1 + k = 2
4.1 + 3.1 – 2.1 + 1 + k = 2
4+3–2+1+k=2
6+k=2
k=2–6
k=–4

Agora que já sabemos o resultado de K é só resolver P(3) substituindo seu valor na expressão
p(x) = 4𝑥 1 + 3x³ - 2x² + x + k
P(3) = 4. 3 1 + 3.3³ – 2.3² + 3 – 4
P(3) = 4.81 + 3.27 – 2.9 + 3 – 4
P(3) = 324 + 81 – 18 + 3 – 4
P(3) = 386

(Alternativa A)

12. Para encontrar as idades de três irmãos – Ana (a), Beatriz (b) e Caio (c) –, basta resolver o
polinômio p( x) = ( a + b - 18 ) x 3 + ( 2a - b - 15 ) x 2 + ( c - 5 ) x , de maneira que ele seja
identicamente nulo. Com base nesses dados, assinale a alternativa correta.

a) Ana é a irmã mais velha.


b) Beatriz é a irmã mais nova.
c) Caio é o irmão mais velho.
d) Ana é a irmã mais nova.
e) Beatriz é a irmã mais velha.

Resolução:

Como a questão nos diz que os polinômios são nulos, basta igualar os coeficientes do
polinômio a 0. Sendo assim teremos:

Primeiro pegaremos o primeiro coeficiente do polinômio a 0

a + b – 18 = 0
a + b = 18
a = 18 – b

Agora faremos o mesmo com o segundo coeficiente do polinômio 2a - b – 15 = 0


2a – b = 15
2a = 15 + b, substituindo o valor de a encontrado anteriormente,
2 (18 – b) = 15 + b
36 – 2b = 15 + b
-2b – b = 15 - 36
-3b = - 21
!45
b= !6

Beatriz = 7 anos

Agora repetiremos a primeira sentença para descobrir a idade de Ana


a = 18 – b
a = 18 – 7
Ana = 11 anos

Pegando o ultimo coeficiente do nosso polinômio e igualando a 0 teremos

c–5=0
Carlos = 5 anos
(Alternativa A)

13. O polinômio que permite calcular a área da parte sombreada da figura abaixo é

a) 9x² + 21x
b) 12x² + 31x + 20
c) 3x² + 10x + 20
d) 9x² + 31x

Resolução:

Temos que o retângulo sombreado no lado direito tem medidas de 3x + 4 (x + 4 + 2x) de altura
e x de largura, logo sua área será:
Área do retângulo = base x altura
Área do retângulo = (3x + 4) . x = 3x² + 4x

O retângulo sombreado na coluna do meio possui medidas de x de altura e 5 de largura, logo


sua área será:
Área do retângulo = base x altura
Área do retângulo = x . 5 = 5x

Já o retângulo sombreado na coluna da esquerda, possui medidas de 2x + 4 de altura e 3x de


largura, logo sua área será:
Área do retângulo = base x altura
Área do retângulo = (2x + 4) . 3x = 6x² + 12x

Agora que possuímos o valor da área sombreada nas 3 colunas, é só somá-las para
encontrarmos a área total

3x² + 4x + 5x + 6x² + 12x = 9x² + 21x

(Alternativa A)

14. Os valores de a e b para que os polinômios P(x) = – x4 + ax3 + x2 – bx + 8 e Q(x) = 7x2 –


2bx – 2a sejam divisíveis por (x – 2) são, respectivamente,

a) 2 e 4.
b) 2 e 6.
c) 4 e 2.
d) 4 e 6.
e) 6 e 2.
Resolução:

Como a questão nos pede para que o polinômio seja divisível por (x – 2), logo P(2) = 0, pois 2 é
a raiz do polinômio sendo assim teremos

P(2) = – x4 + ax3 + x2 – bx + 8
– 24 + a . 2 3 + 22 – b . 2 + 8 = 0
- 16 + 8a + 4 – 2b + 8 = 0
- 4 + 8a – 2b = 0
8a – 2b = 4 (÷ 2)
4a – b = 2

Agora faremos o mesmo com Q(2) = 0

Q(x) = 7x2 – 2bx – 2a


7 . 2² - 2b . 2 – 2a= 0
7 . 4 – 4b – 2a = 0
28 - 4b – 2a = 0
4b + 2a = 28 (÷ 2)
2b + a = 14

Somando as equações teremos

4a – b = 2
a + 2b = 14

5a + b = 16
b = 16 – 5a

Substituindo b na primeira equação

4a – b = 2
4a – (16 – 5a) = 2
4a – 16 + 5a = 2
9a = 2 + 16
9a = 18
58
a= 9

a=2

Substituindo a na segunda equação

2b + a = 14
2b + 2 = 14
2b = 14 – 2
2b = 12
54
b= 4
b=6

(Alternativa B)

15. Dividindo-se o polinômio p(x) por x - 1, obtêm-se como quociente x² + 3x + 3 e resto 4 .


O polinômio p(x) é:

a) x³ + 2.x² + 1
b) x³ + 2.x² - 3
c) x² + 4.x + 6
d) x² + 2.x

Resolução:

Como sabemos, ao dividir P(x) por (x – 1) encontraremos x² + 3x + 3 e 4 de resto, sendo assim


teremos
:(;)
(;!5)
= (x² + 3x + 3) + 4

Sendo assim, basta passar (x – 1) para o outro lado da equação multiplicando por x² + 3x + 3 e
somar com o resto 4, pois Dividendo = Divisor . Quociente + Resto.

P(x) = (x – 1) . (x² + 3x + 3) + 4
P(x) = x³ + 3x² + 3x – x² - 3x – 3 + 4
P(x) = x³ + 2x² +1

(Alternativa A)

16. A expressão -x + (x +3)2 + x (2x - 6) + 1 corresponde ao trinômio


a) 3x2 – 7 x + 10.
b) 3x2 – 7 x + 7.
c) 3x2 – x + 10.
d) 3x2 – x + 9.

Resolução:

Desenvolvendo a expressão -x + (x +3)2 + x (2x - 6) + 1, teremos

-x + (x +3)2 + x (2x - 6) + 1
-x + x² + 6x + 9 + 2x² - 6x + 1
3x² - x + 10

(Alternativa C)

17. Dado o polinômio abaixo, assinalar a alternativa que apresenta o resultado da operação 5a
+ b, sabendo-se que p(x) é divisível por (x - 5):
p(x) = ax2 + bx - 15

a) 2
b) 3
c) 4
d) 5

Resolução:

Como a questão nos pede para que o polinômio seja divisível por (x – 5), logo P(5) = 0, pois 5 é
a raiz do polinômio sendo assim teremos

p(x) = ax2 + bx - 15
a52 + b5 – 15 = 0
25a + 5b = 15 (÷ 5)

5a + b = 3

(Alternativa B)

18. O resultado da multiplicação entre os polinômios (4x + 3y) e (5x - 8) é:

a) -40x² + 20x +15xy - 20y


b) 20x² - 32x + 15xy - 24y
c) 15xy - 24y + 40x - 20x²
d) 20x - 40x + 15x - 24y

Resolução:

Multiplicando os polinômios pela forma distributiva (4x + 3y) e (5x - 8), teremos
(4x + 3y) . (5x - 8)
(4x . 5x) + [4x . (- 8)] + (3y . 5x) + [3y . (- 8)]
20x² - 32x + 15xy – 24y

(Alternativa B)

19. Seja q(x) = 2x - 4 o quociente da divisão do polinômio P(x) = 6x2 + (n - 1) x - 8 por d(x) = 3x
+ 2. Sendo a divisão exata, então o valor de n é

a) - 7.
b) -8.
c) -9.
d) 9.

Resolução:

Temos que, P(x) = Q(x) . D(x) + R(x), logo


6x2 + (n - 1) x – 8 = (2x – 4) . (3x + 2) + 0
6x2 + nx – x – 8 = 6x² + 4x – 12x – 8 + 0
6x² + nx – x – 8 = 6x² - 8x – 8
nx = 6x² - 8x – 8 – 6x² + x + 8
nx = - 7x
!=;
n= ;

n=-7
(Alternativa A)

20. O valor numérico do polinômio P(x) = 3x4 – x3 + 4x2 – x + 5 para x = -2 é:

a) 51;
b) 59 ;
c) 65;
d) 79;
e) 81.

Resolução:

Como a questão nos diz, x = - 2, sendo assim é só substituir por -2 todos os “x” do polinômio

3x4 – x3 + 4x2 – x + 5
3(- 2)4 – (- 2)3 + 4(- 2)2 – (- 2) + 5
3 . 16 – (-8) + 4(+ 4) + 2 + 5
48 + 8 + 16 + 7
56 + 23
79

(Alternativa D)

Você também pode gostar