Você está na página 1de 8

Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo

1. OBJETO

1.1. Prestação de serviços de diagnóstico do atendimento a NR 10 e outras normas aplicáveis


a segurança em eletricidade, com o mapeamento de áreas classificadas e apresentação
de propostas de soluções (para todas não conformidades identificadas) a serem
executados no Complexo S11D Eliezer Batista, no município de Canaã dos Carajás/PA.

2. ESCOPO DOS SERVIÇOS

2.1. Item 1 do QQP – MOBILIZAÇÃO: Entender-se-á por mobilizada, quando a CONTRATADA


efetivamente tiver disponibilizado nas unidades da VALE e tiver cumprido com todos os
requisitos necessários à confecção, liberação dos crachás de seus funcionários e realizado
cadastro do efetivo no SGC (Sistema de Gestão de Contratos).

2.1.1 Todos os treinamentos, programas necessários são responsabilidade da


CONTRATADA.

2.1.2 Os custos unitários de mobilização deverão ser apontados no quadro de


quantidades e preços.

2.2. Item 2 do QQP - DIAGNÓSTICO NR10: Elaboração do Diagnóstico do sistema de gestão


da segurança da empresa, contemplando todos os requisitos da NR 10, aplicados a todos
os setores da empresa em que hajam trabalhadores próprios ou terceirizados que
interajam com a eletricidade, com base nas análises das documentações, entrevistas,
inspeções e demais requisitos necessários para atendimento da NR10. Deverá ser
executada no mínimo uma amostra, por tipo. Ex.: Instalações, Áreas administrativas
(painéis elétricos), Subestação 230KV e 34,5KV, painéis avulsos, cubículos de
transformadores, atividades de elétrica em geral e outros aplicáveis a eletricidade, da
Mina e Usina.

2.3. Item 3 do QQP - ESTUDO DE ÁREA CLASSIFICADA: Realizar o Mapeamentos e Atestado


de Áreas Classificadas com Atmosfera Explosiva no site. Ex.: Banco de baterias e áreas
de combustíveis.

2.4. Item 4 do QQP - WORKSHOP: realização de Workshop para a apresentação das


conclusões do diagnóstico e propostas das tratativas de adquação das possíveis não
conformidades identificadas.

2.5. Item 5 do QQP – DESMOBILIZAÇÃO: Entender-se-á quando ao término da prestação dos


serviços houver a devolução do crachá de todos os empregados na Segurança Empresarial
da VALE, quando aplicável, e realizada baixa do efetivo no SGC (Sistema de Gestão de
Contratos).

2.5.1 Os custos unitários de desmobilização deverão ser apontados no quadro de


quantidades e preços.

3. ABRANGÊNCIA

3.1. O serviço será executado nas instalações da VALE, no Complexo S11D Eliezer Batista,
localizada na cidade de Canaã dos Carajás, estado do Pará.

1 de 8
Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo


4. PRAZO

4.1. O prazo previsto para a execução dos serviços, objeto desta especificação, é de 90 dias,
contados a partir da data da assinatura do contrato pela empresa CONTRATADA, estando
incluso o prazo de mobilização de até 30 dias.

4.2. Estima-se o prazo de até 60 (sessenta) dias para execução dos serviços.

5. EQUIPE E TURNO DE TRABALHO

5.1. A CONTRATADA deverá disponibilizar equipe técnica especializada para realização dos
trabalhos (Engenheiro(os) com conhecimento comprovado no assunto).

5.2. O regime de trabalho para os serviços na área da VALE deverá ser de acordo com o que
rege a CLT.

- Regime administrativo, das 8h às 17h.


6. OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA

6.1. Credenciar, por escrito, junto à VALE, seu representante com poderes para tomar as
providencias relativas ao contrato e, caso necessário, os responsáveis técnicos que
trabalharão como prepostos neste contrato;

6.2. Responsabilizar-se pelo bem estar de seus empregados, bem como arcar com todos os
custos proveniente de acidentes ocorridos durante a execução do contrato, objeto desta
especificação.

6.3. A CONTRATADA deverá atender as regras de ouro da VALE e os requisitos definidos nos
RAC´s (Requisitos de Atividades Críticas) aplicáveis ao contrato, conforme PTP-000813;

6.4. Fornecer aos empregados uniformes e EPI’s e responsabilizar-se pela reposição correta
dos mesmos;

6.5. Conhecer e praticar todas as normas de segurança e de meio ambiente da VALE,


aplicáveis ao objeto deste contrato;

6.6. Responsabilizar-se pelo transporte das instalações da contratada / aeroporto / instalações


da contratada, passagem aérea e hospedagem (hotel).

6.7. Executar todos os serviços com zelo, limpeza, eficiência e pontualidade, em consonância
com as normas técnicas e procedimentos específicos da CONTRATANTE;

6.8. A CONTRATADA deverá garantir a mobilizaç ão de empregados que compartilhem dos


valores da Vale quanto aos requisitos de Saúde, Segurança e Meio ambiente e assegurar
uma avaliação prévia à contratação, sobretudo aqueles que já atuaram nas instalações
da CONTRATANTE;

6.9. Realizar mensalmente o procedimento de controle de efetivo terceiros no SGC (Sistema


de Gestão de Contratos) ou outro sistema que venha a substituir, para fins de
acompanhamento de headcount e HHT de terceiros, devendo desmobilizar os empregados
ao final da prestação dos serviços.

7. OBRIGAÇÕES DA VALE

2 de 7
Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo


7.1. Credenciar, por escrito, junto à CONTRATADA um técnico de seu próprio quadro que
atuará como gestor do contrato;

7.2. Fornecer as informações e especificações relacionadas aos serviços;

7.3. Disponibilizar todas as normas de segurança e meio ambiente vigentes na VALE para a
CONTRATADA;

7.4. Convocar a CONTRATADA, sempre que aplicável, a participar dos programas corporativos
de qualidade, segurança e meio ambiente;

7.5. Programar junto à CONTRATADA todos os serviços executados simultaneamente com os


de terceiros e / ou da própria VALE.

7.6. Prestar assistência médica de urgência e emergência, para os empregados da contratada,


quando necessário, avisando-a imediatamente, todos os custos envolvidos serão de
responsabilidade da CONTRATADA;

8. QUADRO RESUMO DE RESPONSABILIDADES

RESPONSABILIDADES VALE CONTRATADA


Transporte até a VALE (externo) X
Transporte interno na VALE X
Alimentação (almoço ou jantar) durante a
X
jornada de trabalho
Canteiro de Obras / Salas X
Materiais do Objeto da Coleta de informações X
Ferramentas em Geral X
Equipamentos Auxiliares X
Energia Elétrica (tensão: 440/110V) X
Telefone Externo X
Telefone Interno (ramal) X
Impressões / cópias X
EPI’s necessários para a execução das tarefas X
Instalações Sanitárias X

9. CRITÉRIOS PARA MEDIÇÃO / FATURAMENTO

9.1. O pagamento será efetuado mediante documento hábil de cobrança nos prazos acordados
e condições de pagamento determinadas na Minuta contratual.

9.2. Com o objetivo de garantir a retenção correta da contribuição previdenciária, sob pena
de autuação, é necessário que as notas fiscais de serviço, onde houver dedução da base
de cálculo do imposto de INSS (exceto no caso de transporte de passageiros), passem a
ser enviadas juntamente com a documentação complementar abaixo:

• Declaração da empresa prestadora de serviço confirmando a guarda dos


documentos comprobatórios dos valores deduzidos.

9.3. A medição será conforme Quadro de Quantidades e Preços, com base na(s) execução(ões)
e conclusão da(s) atividade(s) e conforme avaliação feita pelo solicitante, que atestará
se o serviço foi executado conforme esta especificação;

3 de 7
Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo


9.4. Deve ficar entendido que qualquer serviço, operação ou fornecimento de material ou
equipamento, imprescindível para a total execução dos serviços objeto desta
especificação técnica deve ser computado pela PROPONENTE em sua proposta .

9.5. É de responsabilidade da CONTRATADA o devido recolhimento de impostos (quando


aplicável).

9.6. A contratada deverá disponibilizar todos os produtos (relatórios, laudos, documentos)


resultantes do serviço contratado em forma impressa e eletrônica (em dispositivo de
armazenamento eletrônico podendo ser pen driver e/ou HD externo).

10. APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS

A proponente deverá apresentar sua proposta em duas partes, uma proposta técnica e uma
proposta comercial.

10.1. PROPOSTA TÉCNICA

Será analisada conforme critério de análise técnica de propostas, em anexo. A proposta


técnica deverá conter no mínimo os seguintes documentos:

A proposta técnica será analisada pela Vale, mas não servirá para classificação das
proponentes. A proposta técnica será apenas para a empresa apresentar a sua
metodologia de execução dos serviços e deverá conter no mínimo os seguintes
documentos:

- Cronograma de trabalho;
- Plano de trabalho e metodologia;
- Currículo da empresa;
- Equipe e relação de empregados;
- Relação dos equipamentos;
- Atendimento a requisitos de Saúde, Segurança e Meio Ambiente.

10.2. PROPOSTA COMERCIAL

Deverá ser apresentada em separado, conforme Caderno de Requisição de Proposta


enviado pela área de Suprimentos (QQP, Impostos, Condições Comerciais Gerais);

Caso a proponente identifique a necessidade se subcontratar parte do serviço objeto deste


contrato, por não fazer parte da sua atividade fim, deverá identificá-lo em sua proposta
comercial;

Deverá ser anexado o Acordo Coletivo ou Convenção Coletiva de Trabalho regional da


categoria, o qual foi utilizado com base na elaboração da proposta.

10.3. ANÁLISE DAS PROPOSTAS

10.4. As propostas serão analisadas internamente pela VALE, considerando uma avaliação da
proposta técnica e outra da proposta comercial;

10.5. Somente serão classificadas para a análise comercial as proponentes que obtiverem
pontuação maior ou igual ao mínimo estabelecido no critério de avaliação técnica em
anexo.

4 de 7
Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo

11. DISPOSIÇÕES GERAIS

11.1. A CONTRATADA deverá cumprir rigorosamente o cronograma abaixo, sob pena de ser
responsabilizada pelo descumprimento do mesmo:

11.2. Ao término da prestação dos serviços deve realizar a devolução do crachá de todos os
empregados na Segurança Empresarial da VALE, quando aplicável, e realizar a
desmobilização do efetivo no SGC (Sistema de Gestão de Contratos) ou alteração do local
de SSO se for continuar a prestar serviços em outro(s) site(s) da VALE.

11.3. Os serviços objeto da proposta deverão constar no objeto do contrato social da empresa
PROPONENTE;

11.4. A VALE poderá realizar avaliações periódicas dos serviços prestados pela CONTRATADA,
bem como do andamento do CONTRATO objeto desta coleta.

12. REQUISITOS DE SAÚDE, SEGURANÇA E MEIO AMBIENTE.

13.1 A Vale preza pela integridade física dos terceiros que executam atividades nas suas
dependências e/ou em nome dela e com o objetivo de proporcionar um ambiente saudável
e seguro, são estabelecidas algumas diretrizes mínimas de SSMA que todas As
Contratadas devem considerar durante a etapa de Concorrência, para assegurar o
atendimento durante a vigência do Contrato, se faz obrigatório o atendimento do Guia de
SSMA para Fornecedores da Vale.

Link para o Guia de SSMA para Fornecedores da Vale:


http://www.vale.com/PT/suppliers/code_conduct/Documents/Guia_de_Saude_Seguranca_e_Meio
_Ambiente_para_Fornecedores_Vale.pdf

13.2 A Classificação de Risco do Contrato de SSMA: Médio.

13.3 A Classificação da Atividade considerando as atividades contempladas no escopo do


contrato conforme estabelecido nas diretrizes para Gerenciamento de Incidentes de SSMA
da Vale à título de contabilização de HHT e emissão de indicadores é: Controlada.

13.4 Atividades Criticas previstas para o escopo do Contrato:

a) Atividades e operações perigosas envolvendo exposição a: Veículos Automotores.


b) Atividades e operações perigosas envolvendo exposição a: Eletricidade.

13.5 Situações de Riscos e Aspectos Ambientais de Meio Ambiente, Saúde e Segurança na área
da Vale, dos processos que possuem interfaces com o escopo contratual:

5 de 7
Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo

Situações de Riscos e Aspectos e Impactos Ambientais:

Riscos de Processos Ambientais


01 Explosão
02 Incêndio
03 Atropelamento de animais silvestres

Lista dos Aspectos e Impactos Ambientais


Item Aspecto Impacto/Dano
01 Consumo de energia elétrica Redução da disponibilidade do recurso
02 Consumo de água Redução da disponibilidade do recurso
03 Alteração da qualidade da água
Geração de resíduos inertes Alteração da qualidade do solo
Incômodo à vizinhança
04 Alteração da qualidade da água
Geração de resíduos não inertes Alteração da qualidade do solo
Incômodo à vizinhança
05 Geração de Efluentes Sanitários Alteração da qualidade da água

Situações de Riscos de Saúde e Segurança:

Riscos de Processo de Segurança

1 Ataque de animais (peçonhentos, selvagens, insetos etc.)


2 Atingido por queda de peças/estruturas/ equipamentos/ferramentas

3 Atingido por projeção de materiais (ferramentas, peças, fragmentos, fagulhas)

4 Atropelamento - Veículos ou equipamentos automotores


5 Batida contra - Estrutura e equipamentos

6 Colisão/Tombamento/Capotamento

7 Contato com - Partes móveis ou rotativas de Estruturas, Máquinas ou equipamentos

8 Contato com superfície energizada

9 Contatos com superfícies cortantes/perfurantes/abrasivas


10 Explosão

11 Prensamento do corpo ou partes do corpo

12 Exposição a fontes de radiação não ionizante (radiação solar, campos magnéticos, etc.)
13 Ruído

14 Queda de mesmo nível / Escorregão / Tropeço

A Contratada deve atender e seguir o Plano de Trânsito do S11D e os itens de segurança do RAC
2 - Veículos Automotores.

Nota: A contratada deve considerar as informações listadas nas Situações de Riscos e Aspectos
Ambientais de Meio Ambiente, Saúde e Segurança na área da Vale em seus programas
de SSMA, bem como todos os outros por ela identificados os quais são inerentes ao seu
processo produtivo.

6 de 7
Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo


Item Requisitos ambientais para o processo de contratação
01 Devem-se obter todas as licenças e autorizações para a obra objeto deste contrato;
02 Nenhum tipo de efluente deverá ser direcionado para corpos receptores (lagoa, rio,
entre outros) ou para a rede de drenagem pluvial, sem estar devidamente tratado;
03 Os efluentes sanitários e/ou oleosos deverão ser tratados por sistemas de controles
aprovados pela área de meio ambiente;
04 Toda atividade de manutenção de veículos, inclusive a troca de óleo, poderá ser
realizada somente em áreas adequadas e licenciadas para tal;
05 Realizar o monitoramento de fuligem proveniente da queima de óleo diesel, de veículos
e equipamentos;
06 Em caso de incidente ambiental, A CONTRATADA deverá comunicar imediatamente ao
Meio Ambiente Local;
07 Realizar a segregação, disposição, destinação e armazenamento de resíduos, conforme
procedimentos da Vale;
08 Os resíduos de qualquer natureza gerados no interior da Floresta Nacional de Carajás,
deverão ser destinados à Central de Materiais Descartados - CMD, de modo que se
possa dar a eles disposição final ambientalmente adequada;
09 Contemplar ainda treinamento de direção defensiva, a fim de evitar acidentes com
animais silvestres quando da condução de veículos, bem como o controle de
velocidade;
10 É proibido lançar quaisquer produtos químicos ou substâncias químicas, resíduos
líquidos ou sólidos não tratados de qualquer espécie, nocivas a vida animal e vegetal
em geral, em águas interiores, bem como no solo e no ar;
11 Os produtos químicos deverão ser validados pela equipe multidisciplinar de SSMA,
antes de sua entrada no site da Vale;
12 Os produtos químicos, liberados pela equipe de SSMA, deverão ser inventariados,
armazenados, transportados e manuseados seguindo os padrões de gestão de produtos
químicos da Vale;
13 A CONTRATADA deverá manter a ordem, limpeza, organização e arrumação dos
canteiros e frentes de obras, conforme determina o programa de 5S da Vale;
14 Ao término do contrato, A CONTRATADA deverá proceder com a desmobilização do
canteiro, conforme padrões internos da Vale.

13.6 Cabe a Contratada atender e treinar os seus empregados no Plano de Atendimento de


Emergências – PAE da Vale (recursos e responsabilidades), como também deverá seguir
o plano local da unidade;

13.7 Para acesso ás áreas da Vale com veículos e equipamentos, a Contratada deverá seguir
o Regulamento de Transito do S11D.

A empresa deverá seguir os padrões e Treinamentos específicos da localidade, conforme


especificado abaixo, podendo ser incluídos outros;

✓ Responder às emergências;
✓ Gestão de incidentes;
✓ Separação, acondicionamento, armazenamento e disposição de resíduos;
✓ Monitorar a Emissão de Fumaça de Equipamentos de Apoio e Veículos à Diesel;
✓ EPS 2517 – Padronização de Segurança em Instalações Elétricas.

13. ANEXOS DESTA ESPECIFICAÇÃO

- QQP (QUADRO DE QUANT IDADES E PREÇOS);


- ACT (CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO TÉCNICA);
- ANEXO_LISTA DE PROIBIÇÕES E RESTRIÇÕES PARA SAÚDE E SEGURANÇA.

7 de 7
Especificação Técnica / Prestação de Serviço

Diretoria Corredor Norte, Rev.: 01-01/10/2019 - Classificação: Uso Externo

8 de 7

Você também pode gostar