Você está na página 1de 32

PUBLICIDADE

SEG21OUT
Segunda-feira
21 de Outubro de 2019
Ano 44 • N.º 15786

Kz 45,00
Director: VÍCTOR SILVA
Director-Adjunto: CAETANO JÚNIOR
www.jornaldeangola.co.ao

PAÍS ESTÁ NA LISTA DOS 11 CUMPRIDORES DE ÁFRICA

NESTA EDIÇÃO

LUTINA SANTOS
Ordem ou desordem
mundial e em que direcção
caminhamos?
OPINIÃO • 7
Angola tem avanços
OSLO

nos direitos humanos


Angola está entre os 11 países africanos
que cumprem as obrigações das Nações
identifica, assegurou, sábado, no Luena,
a secretária de Estado para os Direitos
honrar os compromissos. “Não estou a
dizer que somos um paraíso, mas um
Unidas no que se refere ao respeito pelos Humanos e Cidadania, Ana Celeste Januá- país que dá passos firmes. Se fôssemos
direitos humanos. Não é, por isso, verdade rio. A governante reafirmou que Angola piores, com certeza que não estaríamos
que seja dos piores no continente, como é membro do Conselho dos Direitos nestes fóruns e nem seríamos eleitos”
pretende fazer crer um suposto relatório Humanos das Nações Unidas porque tem para a Comissão dos Direitos Humanos
tornado público por fonte que não se dado passos significativos no sentido de da ONU, sublinhou. POLÍTICA • 2
Conferência sobre oceanos
com participação DR
ministerial
ÚLTIMA • 32
JOSÉ MÁRIO VAZ
TRANSPARÊNCIA
PGR exige rigor
aos gestores

Terminei
públicos na execução
do PIIM
POLÍTICA • 2

SONORIDADE

com as mortes
políticas na
Influência de Francó
na Música Popular
Guiné-Bissau
Angolana
CULTURA • 29
ENTREVISTA • 4 | 5
MOÇAMBIQUE
África do Sul questiona
pedido de Maputo para
extraditar Chang
ÁFRICA • 10
VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO
CUANDO CUBANGO LIDERANÇA DA UNITA PAC
SÃO SILVESTRE
Atraso nos prémios pode
afugentar estrangeiros
“Soba Matias” Danda e Costa Bancos aprovam
DESPORTO • 30

feito campo Júnior ficam crédito de 8,4


CONCURSO DE BELEZA
de manobras hoje a saber mil milhões
militares se concorrem de kwanzas
A partir de agora, as aulas O apuramento das candida- Sete projectos avaliados em
práticas de todos os exercícios turas à liderança da UNITA 8.412 milhões de kwanzas
militares de fim de curso dos é concluído no final da tarde foram aprovados pelos ban-
cadetes das Forças Armadas de hoje, quando forem divul- cos subscritores do Programa
Angolanas, em formação gados os resultados dos pro- de Apoio ao Crédito (PAC),
nas diferentes academias do cessos do vice-presidente instituído, em Junho, como
país, terão como palco o cessante, Raul Danda, e do braço financeiro do Programa
GIRABOLA
'Campo de Coesão e Prepa- presidente do grupo parla- de Apoio às Exportações e
ração Combativa das FAA', mentar, Adalberto Costa Substituição das Importações

Salett Miguel eleita


localizado em Soba Matias,
no Cuando Cubango, anun-
1º de Agosto goleia Caála Júnior. Já têm as candida-
turas apuradas Alcides
(Prodesi). BIC e BCI aprova-
ram desembolsos a favor de
Miss Angola 2019
SOCIEDADE • 27
ciou ontem o comandante
do Exército, general Gouveia e consolida o comando DESPORTO • 31
Sakala Simões, Abílio Kama-
l ata Nu m a e Jo s é Pe d ro
projectos dos sectores da
agricultura e da indústria em
de Sá Miranda. POLÍTICA • 3 Kachiungo. POLÍTICA • 3 cinco províncias. ECONOMIA • 13
2 POLÍTICA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

RESPEITO PELOS DIREITOS HUMANOS PLANO DE INTERVENÇÃO NOS MUNICÍPIOS BENGUELA


MOTA AMBRÓSIO | EDIÇÕES NOVEMBRO

PGR pede mais rigor Ministério Público


recebe reforço
na implementação de procuradores
João Salvo | Saurimo nos Municípios (PIIM), que O Ministério Público (órgão
arrancou na semana passada. dirigido pela Procurado-
Questões sobre a contratação ria-Geral da República)
Gestores públicos, académi- pública e a elaboração de pro- e m B e ng u e l a te m o n ze
cos, autoridades tradicionais jectos dominaram as inter- n ovo s p ro c u ra d o re s d a
e religiosas analisaram, em venções dos participantes República para tornar a
Saurimo, os pressupostos durante as prelecções que Justiça cada vez mais pró-
definidos para a contratação foram apresentadas por téc- xima do cidadão.
pública, consequências legais nicos do Ministério das Finan- Segundo o subprocurador
por actos que lesem a probi- ças e magistrados do Ministério geral da República titular de
dade e configurem crimina- Público baseados em Saurimo. Benguela, Herculano Xilanda,
lidade económico-financeira, O governador provincial que procedeu à apresentação
durante uma palestra pro- em exercício, Izildo Paulo, dos onze novos magistrados,
movida pela Procuradoria ao intervir na abertura, valo- os mesmos vão juntar-se a
Geral da República. rizou a visão da PGR e apelou outros 34 que trabalham na
Na abertura do evento, o aos gestores públicos, em província, totalizando 45, para
procurador-geral adjunto particular os administradores responderem a uma demanda
Ana Celeste Januário lembrou que o país é membro da Comissão dos Direitos Humanos da ONU Manuel Beato Paulo explicou municipais, a trabalharem de 35 mil processos.
que, com o ciclo de palestras em prol do desenvolvimento O governador provincial,
para gestores, empresários das localidades que gerem, Rui Falcão, que falava na ceri-

Angola entre os 11 países e sociedade civil, o Ministério


Público pretende contribuir
na disseminação de regras
de boa gestão financeira, para
com apoio do PIIM.
Refrescados com os conhe-
cimentos adquiridos, os admi-
nistradores de Saurimo e
mónia de apresentação dos
magistrados, ressaltou “a
nobreza da tarefa de um pro-
curador” e disse ser necessário

africanos cumpridores o resgate da probidade admi-


nistrativa, elevar a consciên-
cia jurídica e desencorajar a
prática de crimes económicos
Cacolo, Neves Romão e Adérito
Cahanga, respectivamente,
reafirmaram a disponibilidade
de trabalhar com lisura e
reforçar a cooperação insti-
tucional com os demais órgãos
do Estado. Rui Falcão disse
esperar que, com o reforço
Secretária de Estado desmentiu um suposto relatório que e financeiros. transparência na execução da equipa de procuradores,
coloca Angola entre os países violadores dos direitos humanos As palestras acontecem no dos projectos definidos no se possa obter um desempe-
âmbito da implementação do âmbito do Plano de Interven- nho ainda melhor na admi-
Plano Integrado de Intervenção ção nos Municípios. nistração da Justiça.
Samuel António | Luena que Angola é membro do aldeias e dizem: “quero levar Cláudio Quitamba, pro-
EDIÇÕES NOVEMBRO
Conselho dos Direitos Huma- uma criança” e as pessoas curador colocado no muni-
nos das Nações Unidas e tem entregam a criança, sem cípio do Cubal, disse que a
A secretária de Estado para dado passos significativos saber para onde é levada e, sua colocação naquela cir-
os Direitos Humanos e Cida- no sentido de honrar os com- algumas vezes, levam-na cunscrição administrativa
dania, Ana Celeste Januário, promissos. “Não estou a dizer para o estrangeiro, com pro- visa ajudar outro magistrado
desmentiu, sábado, no Luena, que somos um paraíso, mas messas de estudar e ter uma que já lá funciona há algum
que Angola seja dos piores um país que dá passos. Se vida melhor”, exemplificou. tempo. “Vou contribuir com
países em matéria de respeito fôssemos piores, com certeza No caso particular do o meu trabalho para o alcance
pelos direitos humanos. que não estaríamos nestes Moxico, a secretária de Estado do Direito e da Justiça no
Ao responder a um suposto fóruns e nem seriamos elei- foi informada sobre alguns Cubal, apesar de não conhe-
relatório segundo o qual tos”, sublinhou. aspectos de confronto entre cer bem o município, já estive
Angola é um dos piores países Relativamente ao tráfico o direito costumeiro e o posi- lá e espero corresponder às
em direitos humanos, Ana de s ere s humano s , Ana tivo, tendo apontado como exigências”, avançou.
Celeste disse que desconhece Celeste Januário afirmou que exemplo a crença no feitiço. Os novos procuradores
a f o n te d e s te re l ató r i o . Angola aderiu à campanha “Para nós, o Moxico é motivo vão ser distribuídos aos dois
“Temos um sistema de alerta, internacional contra o tráfico de preocupação. Quando tribunais de Comarca da pro-
trabalhamos com as insti- e há toda a necessidade de visitámos as cadeias, encon- víncia, nomeadamente de
tuições e não acredito que o Ministério da Justiça, na trámo s p e ss oa s detida s Manuel Beato Paulo, procurador-geral adjunto da República Benguela e do Lobito.
isto seja verdade. Trabalha- qualidade de coordenador (homens e mulheres) por
mos com o sistema de direitos desta comissão, preocupar- tentativa de fazer justiça com
humanos africano e estamos se com a informação sobre as próprias mãos, influen-
entre os 11 países que estão o crime organizado. ciadas por adivinhos”, disse. CONGRESSO INTERNACIONAL Neto. José Maria das Neves,
a cumprir as obrigações a A secretária de Estado O seminário sobre o reforço antigo Primeiro-Ministro de
nível de África”, afirmou. sublinhou que os hábitos do Comité Provincial do Cabo Verde e, segundo a
A secretária de Estado cum-
priu, entre quinta-feira e
sábado, uma visita de trabalho
culturai s de Angola , de
alguma forma, podem ajudar
a facilitar estes impostores
Moxico de Direitos Humanos
e sua expansão para os muni-
cípios e comunas juntou
Direito Administrativo imprensa do seu país, pro-
vável candidato às eleições
presidenciais, deverá fazer
no Moxico, onde orientou o
seminário sobre o reforço do
Comité Provincial de Direitos
e redes de criminosos, apro-
veitando-se das coisas boas,
como a s olidarie dade e
magistrados judiciais e do
Ministério Público, advogados,
membros do Governo, estu-
abordado em Luanda a apresentação de uma obra
colectiva que homenageia,
igualmente, Pitra Neto.
Humanos e sua expansão para irmandade para intentar dantes do curso de Direito, O Palácio da Justiça, em temas como a reforma do Ex-ministro da Adminis-
os municípios e comunas. algumas acções. “É normal autoridades tradicionais e Luanda, acolhe, hoje e ama- procedimento administra- tração Pública, Trabalho e
Ana Celeste Januário insistiu ver hoje pessoas que vão às eclesiásticas. nhã, o primeiro Congresso tivo angolano, experiências Segurança Social, Pitra Neto
Internacional de Direito Admi- i n t e r n a c i o n a i s s o b re a é uma das referências do
nistrativo, que decorre sob o reforma do procedimento ensino do Direito Adminis-
lema “Procedimento e con- administrativo. trativo em Angola e pioneiro
Francisco Queiroz em Marraquexe Falha técnica tencioso administrativo na A conferência vai terminar da introdução de manuais
agenda da reforma do Estado”. com o lançamento de uma de autores como Marcelo
O ministroda Justiça e dos Direi- internacional para a partilha de Uma falha técnica no proces- O congresso tem como obra colectiva intitulada Caetano e Freitas do Amaral
tos Humanos, Francisco Queiroz, experiências e a uniformização samento do jornal levou a objectivo promover um “Estudos em homenagem (portugueses), no início da
participa na II edição da Confe- das melhores práticas, de modo que, na página 4 da nossa debate sobre as grandes ques- ao Prof. Dr. António Pitra década de 80, na Faculdade
rência Internacional de Marra- a serem usados para maior exten- edição de ontem, saísse tões de actualidade do Direito Neto”, sob responsabilidade de Direito da Universidade
quexe sobre a Justiça, que decorre são possível e integrados no sis- incompleta a parte final do Administrativo, segundo da Universidade Agostinho Agostinho (UAN).
entre hoje e amanhã, naquela tema de globalização. último parágrafo da notícia um modelo que procura DOMINGOS CADENCIA | EDIÇÕES NOVEMBRO | ARQUIVO
cidade marroquina. A II Conferência de Marra- sobre o encontro que o Pre- conjugar, de modo equili-
De acordo com uma nota do quexe visa, igualmente, o esta- sidente João Lourenço teve brado, o aprofundamento
Ministério da Justiça e dos Direi- belecimento e consolidação com a juventude no Cuito, teórico com a abordagem
tos Humanos, a conferência, de pontes de comunicação e província do Bié. Pelo que, prática de diferentes temas.
que decorre sob o lema “Justiça convergência entre sistemas com pedido de desculpas à Com coordenação cien-
e investimento: apostas e desa- jurídicos e judiciais e o inter- entidade visada e aos leitores, tífica dos professores da
fios”, é realizada pelo ministério câmbio contínuo de conheci- somos a retomar a sua redac- Faculdade de Direito da Uni-
homólogo marroquino, em cola- mentos e informações, a fim ção: “Os jovens, no futuro, vão versidade Agostinho Neto
boração com o Conselho Supe- de identificar as reformas alcan- trabalhar também para o pri- Carlos Maria Feijó, Virgílio
rior do Poder Judiciário e a çadas por cada Estado, bem vado. Ainda bem que esta visão de Fontes Pereira e Carlos
Presidência do Ministério como a disponibilização de pro- é também vossa”, sublinhou Teixeira (designado recen-
Público daquele país. postas inovadoras, contribuindo o Presidente, deixando claro temente, pelo Presidente da
A conferência tem como objec- para o desenvolvimento e valo- que, ainda assim, o Estado vai República, juiz conselheiro
tivo melhorar a utilização dos rização dos processos no sistema continuar a empregar. do Tribunal Constitucional),
mecanismos de cooperação jurídico e judicial. o congresso vai debater Docente universitário António Pitra Neto é homenageado
POLÍTICA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 3
PREPARAÇÃO DOS EFECTIVOS DAS FAA
AUTARQUIAS LIDERANÇA DA UNITA
NICOLAU VASCO | EDIÇÕES NOVEMBRO | CUANDO CUBANGO

Secretário
da JMPLA pede Danda fica a saber hoje
maior empenho se continua na corrida
dos militantes Bernardino Manje dade aos candidatos a líder
do partido. Aquando da apre-
O novo primeiro secretário O apuramento das candida- sentação da candidatura,
nacional da JMPLA, Crispi- turas à liderança da UNITA é Adalberto Costa Júnior dizia
niano dos Santos, pediu concluído no final da tarde de que já tinha renunciado, há
sábado, em Ondjiva, pro- hoje, quando forem divulgados muito tempo, a nacionali-
víncia do Cunene, aos mili- os resultados aos processos dade portuguesa, mas a
tantes da organização, maior do vice-presidente cessante, Comissão de Mandatos exigiu
empenho no processo de Raul Danda, e do presidente que o mesmo apresentasse
mobilização e crescimento do grupo parlamentar, Adal- um comprovativo.
do partido, tendo em conta berto Costa Júnior. Além dos candidatos que
os desafios do MPLA no pro- O porta-voz da Comissão têm os processos pendentes,
cesso das autarquias. Organizadora do XIII Con- concorrem, igualmente, à
Crispiniano dos Santos, gresso Ordinário da UNITA, liderança da UNITA o depu-
que falava durante um acto Ruben Sicato, avançou ontem, tado e porta-voz cessante
de massa para a sua apre- ao Jornal de Angola, que a do partido, Alcides Sakala Cadetes do 5º ano de formação em Ciências Militares fizeram exercícios práticos no terreno
sentação como primeiro decisão final sobre os dois Simões, o antigo secretário-
secretário nacional da JMPLA, processos vai ser proferida geral Abílio Kamalata Numa,

“Soba Matias” passa a ser


eleito este mês, durante o depois da reunião do Comité e o primeiro vice-presidente
VIII Congresso Ordinário, Permanente da Comissão do grupo parlamentar, José
disse que a organização juve- Política do partido, que Pedro Kachiungo.
nil tem como objectivo vencer começa na manhã de hoje.

o palco dos exercícios


todos os desafios preconiza- No dia 11 deste mês, a can- Campanha ao rubro
dos, de forma a continuar a didatura de Raul Danda tinha A campanha com vista à
resolver os problemas do sido chumbada pela Comissão eleição do novo presidente
povo angolano. de Mandatos do congresso, da UNITA está ao rubro.
SANTOS PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO com o fundamento de que o Adalberto Costa Júnior pros-
vice-presidente cessante não seguiu, ontem, a campanha Várias estruturas de acomodação e apoio logístico estão
reúne o requisito segundo o na província do Huambo. a ser construídas naquela localidade do Cuando Cubango
qual o aspirante ao cargo de Depois de, no sábado, ter
líder da UNITA tem de ser estado no município do Bai-
alguém com 15 anos de “mili- lundo, onde além de um Lourenço Bule | Menongue sará a receber cadetes e outros naquilo que aprenderam,
tância ininterrupta”. encontro com o rei local, efectivos das FAA para efec- materializar, na prática, o
Raul Danda, por sua vez, Ekuikui V, teve contacto com A localidade de Soba Matias, tuarem aulas práticas, com que aprenderam. O mínimo
interpôs um recurso na última os militantes, Adalberto a 60 quilómetros da cidade intuito de elevarem os seus erro poderia ser fatal.
quarta-feira (o prazo expirava Costa Júnior deslocou-se de Menongue, capital do níveis de prontidão. Tanques de guerra, entre
na sexta-feira), contrariando ontem à Chipipa, arredores Cuando Cubango, passa a O general informou que os quais um BMP e dois T-55
a decisão. O também depu- da cidade do Huambo, onde ser o local para os exercícios os cadetes do 5º ano de for- e T-65, armas ligeiras do tipo
tado e “primeiro-ministro participou num culto reli- práticos das Forças Armadas mação em Ciências Militares, AKM, metralhadoras PKM,
do governo sobra” da UNITA gioso da Igreja Católica. Angolanas, informou, depois de terem concluído RPD, peças de artilharia BM-
considera que o que os esta- Alcino Kuvalela, porta-voz sábado, no local, o coman- todas as fases teóricas, des- 21, D-30, canhão de 76 milí-
Crispiniano dos Santos, tutos estabelecem é que o da campanha, disse que o dante do Exército, general locaram-se à província do metros C-130 milímetros e
secretário nacional da JMPLA candidato à presidente do candidato apresentou as suas Gouveia de Sá Miranda. Cuando Cubango, concre- outros dispositivos militares
partido tem de ter 15 anos de linhas de força aos respon- “A partir de agora, as aulas tamente na localidade do fizeram uma concentração de
Para que tal aconteça, “militância consequente”. sáveis religiosos locais. práticas de todos os exercícios Soba Matias, onde foram fogo cerrado direccionado para
defendeu, os militantes da A Rádio Despertar noticiou Por seu turno, Alcides militares de fim de curso dos submetidos a um teste prático o inimigo virtual, com base
JMPLA têm de duplicar os ontem que a questão sobre Sakala, depois de ter estado cadetes das FAA, em forma- com tiro real, o que lhes per- nas coordenadas que recebiam
esforços e acções, de modo Raul Danda está a ser tratada sexta-feira e sábado no Zaire ção nas diferentes academias mitiu materializarem, no dos efectivos no terreno.
que o partido possa atingir ao pormenor por uma comis- e Bengo, esteve ontem à do país, terão como palco o terreno, tudo aquilo que A partir da tribuna de
a finalidade que se pretende. são ad hoc composta por “caça de votos” em Malanje. 'Campo de Coesão e Prepa- aprenderam nas aulas teó- honra, onde se achava o
“É preciso continuarmos a “Mais Velhos” da UNITA, que Sakala acredita que a sua ração Combativa das FAA', ricas, durante cinco anos. comandante do exército, o
prestar especial atenção aos deverá remeter um relatório mensagem vai convencer a localizado em Soba Matias, Sá Miranda garantiu que governador da província,
problemas dos jovens”, à reunião de hoje do Comité maioria dos mais de mil dele- no Cuando Cubango”, decla- estão criadas todas as con- entre outros efectivos militares
advogou o líder juvenil, que Permanente do partido. gados ao congresso. Seja rou o comandante. dições técnicas e humanas e civis, era perfeitamente visí-
se comprometeu a ouvir as Ainda que a resposta ao como for, o também depu- Sá Miranda fez este anúncio para a realização, anualmente, vel o grau de prontidão e a
aspirações dos jovens dos recurso seja positiva, Raul tado lembra que ainda está no final dos exercícios militares deste importante evento, que maturidade evidenciadas
diversos estratos sociais e Danda admite que parte atra- previsto, em Luanda, um de fim de curso dos 995 cade- visa, sobretudo, melhorar o pelos cadetes que souberam
levar a quem de direito as sado para a campanha, pois debate entre todos os can- tes da Academia do Exército nível de prontidão dos efec- interpretar os movimentos
suas preocupações. os outros candidatos já estão didatos, já nas vésperas do de Benguela, realizados em tivos das FAA, e do Exército no terreno, destruindo todos
O jovem político consi- na “caça ao voto” há já alguns conclave e na presença de Soba Matias, um acto teste- em particular, para a defesa os obstáculos virtuais que
derou necessária a conti- dias. “Não tenho outro remé- todos os delegados. munhado pelo governador da integridade territorial e a apareciam em frente. Os tiros
n u a ç ã o d o p ro c e s s o d e dio senão esperar o que vai Alcides Sakala abriu a provincial, Júlio Bessa, mem- manutenção da paz no país. de artilharia eram certeiros.
crescimento a nível das orga- acontecer”, disse, confor- campanha na quinta-feira, bros do Governo provincial Na localidade de Soba Os comandantes de bri-
nizações de base da JMPLA. mado, o deputado, que, ainda em Luanda, enquanto Adal- local, generais do Exército, Matias está em curso a cons- gadas forneciam aos artilheiros
“É necessário que estejamos assim, questionou o facto de, berto Costa Júnior foi o pri- oficiais superiores, subalter- trução de várias infra-estru- todos os dados de um deter-
unidos e disponíveis para as ao contrário do que foi deci- meiro a fazê-lo, no dia 12. nos, sargentos e praças. turas de acomodação e apoio minado obstáculo (inimigo)
tarefas da organização, por- dido contra ele, a um outro Abílio Kamalata Numa A escolha do Cuando logístico, que, futuramente, e quando o disparo fosse efec-
quanto a juventude angolana candidato (Adalberto Costa lançou a campanha na aldeia Cubango, esclareceu, deveu- vão servir de apoio aos efec- tuado, este destruía por com-
confiou-nos a missão de Júnior) foi-lhe autorizada a Lobitanga, município do se ao facto desta província tivos das FAA que ali forem pleto o inimigo virtual. No
transmitir as suas inquieta- realização da campanha, Andulo, província do Bié. ter formado, no passado, bem despachados para efectua- final do exercício prático, o
ções aos superiores”, disse. mesmo com o processo de José Pedro Kachiungo fê-lo como agora, um considerável rem os exercícios militares. comandante do Exército con-
Crispiniano dos Santos candidatura pendente. ontem, em Viana, Luanda. número de quadros militares cluiu que o mesmo foi “bas-
considerou que a sua eleição JOÃO GOMES | EDIÇÕES NOVEMBRO das FAA. “O Cuando Cubango Exercícios práticos tante produtivo”, visto que
para o cargo de primeiro secre- O caso de Adalberto é uma região histórica, que No sábado, os cadetes da se cumpriu com todas as
tário nacional da organização Um assunto que parece ser alavancou muitos de nós ao Academia do Exército de facetas de preparação teórica
juvenil do MPLA é uma vitória mais pacífico, segundo o mais alto nível de oficiais das B e n g u e l a fi z e ra m u m a q u e o s cad e te s t ive ra m
do povo da província do p orta - voz da Comissão Forças Armadas Angolanas demonstração prática sobre durante os cinco anos de for-
Cunene, sobretudo a juven- Organizadora do congresso, e é a província onde acon- o que aprenderam em teoria. mação na academia.
tude que espera ver os seus é o processo da candidatura teceu, também, uma das mais Desta vez, tudo era real, “Foram tiros certeiros,
anseios concretizados. de Adalberto Costa Júnior. grandiosas guerras, a Batalha inclusive os tiros. nada foi desperdiçado, é um
“Sabemos que o maior Em declarações ao Jornal de do Cuíto Cuanavale, que con- Eram por volta das 11 horas, sucesso total”, elogiou Sá
problema da juventude é a Angola, Ruben Sicato con- tribuiu, significativamente, quando, de repente, da outra Miranda, que salientou o
falta de emprego e oportu- siderou que o caso do tam- para viragem da história e extremidade da floresta, facto de não ter sido registado
nidades e o nosso mandato bém deputado “não levanta política da região da África começaram a ser ouvidos dis- nenhum incidente.”Isso dá-
vai dar maior atenção a este problemas”, porque bastará Austral”, disse. paros de artilharia pesada, nos a entender que os cadetes
fenómeno, porque os jovens apenas a ele apresentar a O comandante do Exército direccionados para o lado em acataram todas as instruções
são a força motriz do desen- certidão que atesta a renúncia garantiu que, todos os anos, que estavam os cadetes. que receberam ao longo des-
volvimento do país, e sem à nacionalidade portuguesa, no mês de Outubro, o Campo Os disparos vinham do tes anos de formação. Esta-
este desiderato não haverá que ele, de resto, diz já ter de Coesão e Preparação das lado onde, supostamente, mos em crer que as FAA estão
o desenvolvimento esperado em suas mãos. Forças Armadas Angolanas, se encontrava entrincheirado cada vez mais amadurecidas
por todos”, admitiu. Os estatutos da UNITA com uma extensão de cerca o inimigo virtual. Cabia as e prontas para qualquer
Elautério Silipuleni | Ondjiva proíbem a dupla nacionali- Raul Danda está expectante de 10 mil e 500 hectares, pas- tropas no terreno, com base eventualidade”, declarou.
4 ENTREVISTA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PAULO SPRANGER | GLOBAL IMAGENS


JOSÉ MÁRIO VAZ, EM ENTREVISTA AO JORNAL DE ANGOLA

“Este Presidente
não quer sangue
na Guiné-Bissau”
Primeiro Presidente a concluir o mandato de cinco anos
desde a abertura democrática, em 1994, José Mário Vaz esteve
em Lisboa, numa iniciativa de pré-campanha de lançamento
da recandidatura à presidência da Guiné-Bissau. O político,
de 61 anos, falou sobre a actual situação política no país,
do combate à corrupção e ao tráfico de drogas e as prioridades
para o próximo mandato, se for escolhido para continuar no cargo,
nas eleições presidenciais de 24 de Novembro. Em entrevista
para o Jornal de Angola, o candidato à reeleição destaca
ter levado a paz civil, tranquilidade interna
e liberdade ao país

Marina Marques |* Este Governo, para ter um chegar ao poder, assisti a apelo internacional. O país
“Eu sou do povo, eu vim do povo mandato tranquilo, teve de coisas terríveis na Guiné: não tem condições, porque
E s t á c o n fi a n t e n a s u a e a minha candidatura está entregue ao povo. fazer uma coligação (com prisões arbitrárias, espan- os agentes e os cartéis da
reeleição? Por isso não tenho de ter medo. Quero o bem a APU, o Partido da Nova camentos, mortes, muitas droga são homens muito bem
Sou defensor dos mais fracos, para o meu país e para o meu povo. Democracia e a União para crianças órfãs, muitas preparados, têm tecnologias
daqueles que não têm rosto, Nesse sentido, utilizarei todos os instrumentos a Mudança), e há muito mulheres viúvas. O mais sofisticadas para fazer entrar
identifico-me, sobretudo, que possa utilizar em defesa do país e do povo. ruído à volta desta coligação. importante para mim era a droga no nosso país.
com eles e, ao mesmo tempo, Durante os cinco anos do meu mandato O Presidente da República isso, acabar com as mortes,
defendo os camponeses, os não tivemos esse problema [da droga]. não tem que se preocupar com golpes de Estado, sem Quando diz que desde que
agricultores que representam Porque é que só agora o problema ressurge? com isso. As competências exilados políticos. Terminar s e fo r m o u e ste G ove r n o
mais de 80 por cento da nossa “Nós queremos a CPLP em igualdade do Presidente da República com as mortes políticas é o agravou-se o fenómeno do
população. Durante o meu de circunstâncias com os outros países” estão na Constituição e eu primeiro momento de mãos tráfico da droga, quer dizer
mandato, trabalhei no sentido s o u u m re s p e i t a d o r d a limpas (mostra as palmas que este Governo facilita o
de os ajudar, não somente a Constituição. Infelizmente, das mãos). O segundo tráfico de droga?
terem voz, mas também a a mensagem que passa fora momento é o problema da O que quero que fique claro
melhores condições para uma N ã o va l e a p e n a e s t a r sido realizadas antes (do final da Guiné é que o Presidente corrupção ou, como dizemos é que, durante os cinco anos
vida mais folgada. Eu sou do a partilhar. do mandato, a 23 de Junho). não respeita a Constituição na Guiné , “ dinheiro do do meu mandato, não tive-
povo, eu vim do povo e a Não se realizaram e isso não e isso não é verdade. Não Estado no cofre do Estado”. mos esse problema. Porque
minha candidatura está entre- Acabou o mandato e houve uma foi por culpa do Presidente. haverá problemas se eu for Aí, sinceramente, fico feliz, é que só agora o problema
gue ao povo. Por isso, não tentativa de substituição… Foi a situação política nacio- reeleito. Tenho uma missão quando vejo o Presidente ressurge? Há um deputado
tenho de ter medo. Quando é que acabou o man- nal que fez com que não se muito clara: quero o bem João Lo u re n ç o ta mb é m da nação que disse que fize-
dato, já agora? realizassem antes (a Guiné- para o meu país e para o nessa luta contra a corrup- ra m o l eva nta m e nto d e
Mesmo com sondagens, como Bissau teve eleições legis- meu povo. Nesse sentido, ção. É uma luta extrema- alguns postos de controlo
a do Instituto Guineense de A 23 de junho. Ou tem uma lativas a 10 de Março e o utilizarei todos os instru- mente difícil e vou encorajar para poderem facilitar a
Opinião Pública e Estatísticas leitura diferente? novo Governo tomou posse mentos que possa utilizar para que se continue. Por- e n t ra d a d a d ro ga . Um a
(IGOPE), de 3 de Outubro, que Quem é recebido como Pre- a 3 de Julho]. Mas eu respeito. em defesa do país e do povo. que, não havendo combate semana depois, aconteceu
sequer o coloca na segunda sidente da República da E aproveito agora: então é Não hesitarei em fazê-lo. à corrupção, é impossível o que aconteceu na Guiné-
volta das eleições? Guiné-Bissau, tanto a nível o Governo que não respeita As pessoas já me conhecem fazer avançar o país. Preci- Bissau: duas toneladas de
Não estou nada apreensivo. interno, como externo, quem os prazos... e o que eu quero é uma boa samos de dinheiro para droga (apreendidas). Isto é
Sondagens são sondagens. tem a faixa, na presença de coabitação e um bom construir escolas, para a muito grave, manchou a
Nós também temos uma quem é entoado o hino, sou Refere-se à apresentação do ambiente. Não haverá pro- saúde, estradas e para muitos imagem do nosso país e do
empresa de sondagens, que eu. Ainda sou o Presidente programa de Governo? blemas a nível de coabi- assuntos do Estado. nosso povo. Não temos rigo-
está a fazer trabalho para nós. da República. É com muita A Constituição é muito clara: tação entre o Presidente rosamente nada a ver com
Não estou preocupado. A tristeza que falo nisso. em 60 dias, o Governo deve da República e o Governo, A nível internacional, o nome isto. Há meia dúzia de pes-
maior sondagem é a do nosso apresentar o programa e o s e j a o a c t u a l o u o p ró- da Guiné-Bissau aparece soas que, de facto, estão
povo. Acho que no dia 24 de Está a falar da tentativa de o Orçamento Geral do Estado. ximo. Desde que haja sempre associado ao tráfico dentro disto e estão a pre-
Novembro vamos assistir à substituírem no cargo, entre Não temos nem programa, c o n d i ç õ e s a nível da de droga... judicar a imagem do país e
verdadeira sondagem. Além 23 de Junho e as eleições pre- nem Orçamento Geral do Assembleia Nacional Popu- E isso é preocupante. A do povo.
disso, no início de Outubro, sidenciais de 24 de Novembro, Estado aprovado. Que nome lar, aprovação do programa Guiné-Bissau não é um país
ainda ninguém sabia que eu pelo presidente da Assembleia vamos dar a esse Governo? e aprovação do Orçamento, de consumo. Uma das gran- São pessoas ligadas ao
ia ser candidato. Nacional Popular, Cipriano A mim, chamam-me ex- não vejo dificuldades em des lutas, quando ganhei as Governo?
Cassamá, que assumiria o cargo Presidente, então, se calhar, o Presidente poder coabitar eleições, foi precisamente o Garanto-lhe que estamos
Anunciou a recandidatura só como Presidente interino? também temos de chamar com o Governo. combate à droga. Durante determinados nesse com-
no final de Setembro. Porque Depois de 1994, com a ex-Governo. cinco anos, consegui travar bate, porque não queremos
demorou tanto a decidir se a b e r t u ra d e m o c rá t i c a , Além da instabilidade política, esta situação. Na droga, há droga no nosso país.
avançaria ou não? nenhum Presidente, Falemos então da sua relação Suzi Barbosa, a ministra gui- duas pessoas importantes e
Fiz um grande compasso de nenhum Governo conseguiu com o Governo. Não aceitou o neense dos Negócios Estran- se essas duas pessoas não Quem está a facilitar o tráfico
espera, porque não podia chegar ao fim do mandato. nome de Domingos Simões geiros, disse, no final de estiverem metidas na rede de droga na Guiné-Bissau?
decidir sozinho. Precisava Pereira para Primeiro-Ministro, Setembro, nas Nações Unidas, torna-se fácil combater o A comunidade internacional
da minha família, do círculo Esse é o seu grande legado? indicado pelo partido mais haver ameaças internas e exter- tráfico de droga. sabe muito bem quem são
de amizades e também das É um dos meus grandes lega- votado nas legislativas de 10 nas à Guiné-Bissau, falando as pessoas que estão por
informações que vamos dos. Como nunca ninguém de Março, o PAIGC (Partido Afri- de uma rede de crime organi- Quem são essas duas pessoas? trás do tráfico de droga na
recebendo de pessoas ami- atingiu o final do mandato, cano para a Independência da zado e tráfico de droga susten- O Presidente da República Guiné-Bissau.
gas. Mas há outras informa- isso começou a levantar mui- Guiné e Cabo Verde). Acabou tado por estruturas políticas. e o Chefe de Estado Maior
ções que estão na origem do tos problemas. Em vez de as por aceitar o segundo nome Como político activo na socie- General das Forças Armadas. Não quer ser mais claro e dizer
compasso de espera, de que pessoas ficarem satisfeitas indicado, Aristides Gomes. dade guineense, também iden- Durante estes cinco anos, aos nossos leitores?
não vale a pena agora estar com o facto de o Presidente Tendo essa situação em mente tifica estes problemas? não sentimos isso. Agora, no A comunidade internacio-
a falar. ter chegado ao final do man- e juntando as críticas que agora Eu não me revejo nessa pouco tempo que se formou nal sabe.
dato, estamos a tratar muito acaba de fazer, se for eleito, Guiné. De forma alguma. esse último Governo, come-
Informações relativas a quem mal esta situação. As eleições espera-se uma coabitação tensa Este Presidente não quer çámos a assistir a esse flagelo *Jornalista da Plataforma-Lisboa,
iria também concorrer… (presidenciais) deviam ter com o Executivo? sangue na Guiné. Antes de da droga. E tenho feito um especial para o Jornal de Angola
ENTREVISTA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 5

Dinheiro angolano foi gasto nas despesas correntes do Estado


Angola pode ser um parceiro na Antes de passarmos à CPLP, falemos nista do banco? Esse dinheiro foi praças, que não têm rigorosamente contra os seus dirigentes. E essas
luta contra a corrupção? de mais um assunto relacionado com gasto nas despesas correntes do nada a ver com a realidade do país. pessoas têm ambição de ser Presidente
Conheci João Lourenço ainda antes Angola, o alegado desvio de 12 milhões Estado. E os documentos estão lá, da República amanhã. Semearam
de ser Presidente da República e ele de dólares. Este vai ser um assunto nas Finanças. Chega-nos uma ideia distorcida? vento, não sei o que é que isso vai dar.
está numa luta que eu acho que vale que vai marcar a campanha? Completamente distorcida. Um dos
a pena. Hoje, pode não se sentir, mas Esse assunto está arrumado, para Já falámos do que espera da rela- aspectos importantes: disseram que Refere-se a Carlos Gomes Júnior,
amanhã, quando for para casa, depois mim. Não estou preocupado com ção de Angola, caso seja eleito. o Presidente da República da Guiné- Domingos Simões Pereira?
de terminar o mandato, vai olhar isso. É um assunto que os políticos E no quadro da CPLP, era impor- Bissau e candidato às eleições pre- Estou a falar em geral – o candidato
para trás e dizer ‘foi difícil, mas valeu querem pegar e não têm razão tante para a Guiné-Bissau voltar sidenciais não precisava de vir a Carlos Gomes Júnior não tem rigo-
a pena ter essa luta’. nenhuma. Os 12 milhões de dólares a ter uma missão permanente, Portugal, porque Portugal está domi- rosamente nada a ver com isso. Aquilo
deviam estar no BCEAO (Banco Central como já teve? nado por uma candidatura. que as pessoas dizem sobre o nosso
Se for reeleito, como vê o relacio- dos Estados da África Ocidental), o A CPLP é a nossa comunidade. Nós país, sobre os seus dirigentes, sobre
namento com Angola? nosso banco central, mas esteve no queremos a CPLP em igualdade de A candidatura de Domingos Simões as instituições da República é muito
Angola é uma potência económica e BAO (Banco da África Ocidental). Eu circunstâncias com os outros países. Pereira? grave, quando temos ambições de
o que nós precisamos de Angola é o era ministro das Finanças, o Primeiro- A CPLP tem que estar na Guiné- Ontem, mostrou-se exactamente o vir a ser também responsáveis nesses
apoio, quer no combate à corrupção, Ministro de então é um dos candidatos Bissau, queremos a CPLP próxima contrário. De facto, a nossa candidatura postos. Temos de falar bem da nossa
quer ao tráfico de droga. Porque pre- a estas eleições… de nós, a acompanhar o dia-a-dia tem muita força interna como externa. terra. E fico feliz quando as pessoas
cisamos, por exemplo, de lanchas voa- da Guiné-Bissau. Por isso, gostaríamos de ver mais cida- vão à Guiné, pergunto-lhes que opinião
doras. Temos 82 ilhas que precisamos Carlos Nascimento Júnior… dãos da comunidade da CPLP a visitarem têm sobre o país e dizem que não
de controlar. Mas o mais importante Sim! E era um dos accionistas desse Qual é a importância dessa repre- o nosso país. Eu passei o tempo a cuidar tem nada a ver estar na Guiné, perceber
para mim é estarmos a travar a mesma banco. Acha que eu ia tirar os 12 sentação para a Guiné-Bissau? do país internamente e as outras pessoas a realidade do país e ouvir falar da
batalha e, enquanto países da CPLP, milhões de dólares sem o conheci- Porque há muitas informações sobre passaram cinco anos a fazer a campanha Guiné fora da Guiné. São duas coisas
devemos andar juntos nessa luta. mento do Primeiro-Ministro e accio- a Guiné aqui nesta praça, e noutras contra o país, contra o seu povo e diametralmente opostas.

queira presidir a todos os conselhos porque, enquanto Presidente da


Prioridades são o progresso e o desenvolvimento de ministros… República, a minha missão é servir
os guineenses a nível interno e na
Pretende ser mais interventivo, no diáspora. A diáspora é muito impor-
A instabilidade que a Guiné-Bissau uma grande vitória. Tal como já não mico, precisamos de pegar na agri- caso de ser reeleito? tante, porque se eles emigraram é
vive teve também como conse- termos nem prisioneiros, nem exilados cultura e desenvolvê-la. E, neste caso, Não, não vou ser mais interventivo. porque têm dificuldades económicas
quência a perda de 1,5 mil milhões políticos. É também uma grande Portugal, e o Ribatejo em particular, Vou fazer uso das competências que e vieram para aqui para resolver os
de dólares negociados durante uma vitória os militares continuarem nos pode ajudar com a sua experiência, a Constituição me dá. O que eu quero seus problemas. E em simultâneo
conferência de doadores, em Bru- quartéis e não aceitarem o aliciamento sobretudo a nível da produção de é que o Governo governe. também estão a contribuir para o
xelas, em 2015. O país está a perder dos políticos para golpes de Estado. arroz. Em parceria com os agentes apoio aos familiares que ficaram na
oportunidades devido à guerra Mas também houve coisas que não nacionais. Não é possível um país Mas, se achar que é preciso, irá pre- Guiné e ao fazerem isso estão a apoiar
política interna? consegui resolver. como a Guiné-Bissau estar a gastar sidir ao Conselho de Ministros? directa ou indirectamente o país.
Essa é uma questão que também tem anualmente cerca de 45 milhões de Durante cinco anos, só presidi uma vez.
sido utilizada como cavalo de batalha O que ficou por fazer? dólares para a importação de arroz. O que quero é que o Governo governe Através das remessas enviadas?
no combate político, que se consubs- Depois de estabilizar o país, a prio- Fazendo a importação do arroz, esta- a bem do país e a bem do nosso povo. Contribuem directamente para o desen-
tancia no plano Terra Ranka, um plano ridade agora é o progresso, o desen- mos a tirar a oportunidade de trabalho E a bem da nossa juventude, que é o volvimento do país através das remessas
que conseguiu uma promessa de 1,5 volvimento, o crescimento económico. aos jovens guineenses e, por outro futuro do nosso país. Se não cuidarmos que enviam. A mensagem que temos
mil milhões de dólares em 2015, numa lado, os recursos que podíamos utilizar da raiz, não vamos ter bom fruto amanhã. a nível interno é a mesma para a diáspora.
mesa-redonda em Bruxelas. Quem São essas as suas prioridades, se para resolver outros problemas estão A Guiné é um país de oportunidades. Eu tenho um respeito enorme pela
falou muito sobre essa conferência dos for eleito para o segundo mandato? a ser usados para importar arroz. Temos água, temos a terra e temos o emigração. Eu sou fruto da emigração,
doadores não sabe nada sobre economia. A primeira coisa a fazer é a magistratura Gostaria de ver a minha juventude sol. Três componentes fundamentais porque o meu pai emigrou para França
E não souberam distinguir o que era de influência, quer junto do Governo, num outro patamar. Gostaria que a para o sucesso de qualquer país. O que e foi com o dinheiro da emigração que
crédito, financiamento e donativo. quer junto dos parceiros sociais para economia da Guiné-Bissau fosse nos resta hoje, o conhecimento, a tec- vim para Portugal estudar e fiz o ensino
Quando é donativo, os recursos entram, a educação. Se eu hoje estou aqui, assumida pelos nossos jovens; serem nologia aplicada ao conhecimento e o secundário em Santarém, no Liceu Sá
podem ser utilizados e não há contra- sentado nesta cadeira, é por causa eles os actores principais do nosso trabalho. O que estamos a pedir aos da Bandeira, e depois vim para o Instituto
partidas no futuro. A parte dos créditos da educação. crescimento e desenvolvimento eco- nossos parceiros da CPLP, devemos Superior de Economia, em Lisboa. A
não, esses têm de ser pagos. E para usar nómico. Se o povo da Guiné-Bissau trabalhar juntos para fazermos crescer razão de ter vindo cá é precisamente
esses recursos é preciso ter projectos Este último foi um ano lectivo me der essa oportunidade, são estas juntos as nossas economias e levar o para dizer aos emigrantes que, quando
concretos, com viabilidade. Mas o actual perdido na escola pública da as minhas preocupações para o progresso para os nossos países. olho para eles, olho para o passado do
ministro das Finanças (Geraldo Martins) Guiné, devido às sucessivas greves segundo mandato. meu pai, para o meu percurso.
poderá dizer que montantes já foram dos professores. Está em Lisboa, a pouco mais de
usados, de donativos e de créditos. Fiz tudo o que esteve ao meu alcance, Sem poder executivo, como poderá um mês das eleições presidenciais Além da comunidade na diáspora,
para poder salvar o ano lectivo, junto ajudar, de facto? na Guiné-Bissau. É uma operação disse que a vinda a Lisboa era mais
A Guiné-Bissau conseguiu apre- do Governo, dos encarregados de Através da magistratura de influência. de charme, junto da comunidade do que isso. Está à procura de
sentar alguns projectos para captar educação, dos sindicatos e dos alunos. Embora haja uma parte da nossa guineense em Portugal, ou é mais apoios para a recandidatura, em
esse financiamento? Se não tivesse sido ministro das Constituição que diz que o Presidente do que isso e anda à procura de que se apresenta como indepen-
Não sei se algum ou quase todo esse Finanças, podia perceber as dificul- (da República) pode, tantas vezes apoios para a sua recandidatura? dente, sem uma estrutura parti-
dinheiro não foi já usado desde aquele dades, mas fui e consegui resolver quantas quiser, presidir ao Conselho É muito mais do que isso, mas o mais dária por trás?
momento até agora. Mas o Governo os problemas dos pagamentos dos de Ministros. Imagine que o Presidente importante é a nossa comunidade, Sou independente, mas a minha can-
pode responder a essa questão. O salários a tempo e horas. Porque é didatura está entregue ao povo da
PAULO SPRANGER | GLOBAL IMAGENS
que se passa com esses recursos? que agora não se consegue, quando Guiné-Bissau. Tenho 14 partidos sem
Desapareceram, não desapareceram? até tivemos um apoio orçamental assento parlamentar e vários movi-
Hoje, é muito fácil ir aos relatórios dos fundos autónomos. Onde foi mentos na plataforma de apoio à
da União Europeia e do Banco Mundial. parar esse dinheiro? Uma parte desse minha candidatura. No domingo, 13
É fácil dizer que perdemos todo esse dinheiro é para a campanha (elei- de Outubro, tive a confirmação de
investimento para enganar as pessoas. toral), para combater o candidato que a minha candidatura passou no
José Mário Vaz. Para além da edu- Supremo Tribunal de Justiça e foi
Além de o ter cumprido, o que mais cação, também é preciso investir uma grande alegria quando fiz esse
marcou o seu mandato? na saúde. Outro problema ao qual anúncio no encontro com a comuni-
O que me orgulha, profundamente, gostaria de me dedicar seriamente, dade guineense em Portugal (na
é, depois de quase 45 ou 46 anos, eu em termos da magistratura de Faculdade de Medicina Dentária da
consegui ser o primeiro Presidente influência, é o das estradas, é o pul- Universidade de Lisboa). Na verdade,
eleito democraticamente que atingiu mão da economia. As infra-estruturas vim cá também para fazer um teste:
o final do mandato. Um mandato em rodoviárias são cruciais. pessoas de candidaturas contrárias
que consegui paz civil, tranquilidade O desenvolvimento da agricultura é diziam que eram senhores e donos
interna e liberdade. Antigamente, outra prioridade, que não pode ser da diáspora. E ontem mostrou-se,
quem dizia mal do Presidente, umas dissociado da construção das infra- efectivamente, quem é o dono da
horas depois, alguém batia-lhe à estruturas. De qualquer modo, é uma diáspora. Valeu a pena ser filho de
porta. Ou voltava sem uma perna ou prioridade, porque um dos grandes emigrante, porque eles vieram ao
um braço ou desaparecia. Hoje, as objectivos de um político é dar de encontro de um filho de emigrante.
pessoas insultam o Presidente, dizem comer à população. Com a comida,
onde moram e nada lhes acontece. resolvemos uma parte da nossa saúde. Com a campanha eleitoral quase a
As crianças não ficam órfãs e as mulhe- Temos de investir na nossa agricultura. arrancar, a 1 de Novembro, está à
res não ficam viúvas. Hoje, quando 80 por cento da nossa população vive espera da mesma reacção nas ruas
falo em público, pergunto: ‘há aqui no campo, 80 por cento da nossa da Guiné-Bissau?
alguma criança órfã? Levante o braço. juventude vive no campo. Significa O acolhimento na Guiné não me preo-
E dizem todos ‘i ka tem’, o que significa que, para darmos um salto para cres- cupa. Há uma moldura humana que
não há, não tem’. Isso para mim é cimento e desenvolvimento econó- Mário Vaz afirmou que no seu mandato houve paz civil e tranquilidade interna me acompanha.
6 OPINIÃO Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

EDITORIAL
IMAGEM DO DIA
A contratação pública Automobilista foge do engarrafamento e opta por circular pelo passeio
no município do Cazenga, obrigando os peões a andarem pela estrada

e os servidores do Estado DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO

A transparência na gestão da coisa pública é um dos grandes objectivos


do Executivo, que pretende tornar as instituições do Estado em bons
exemplos de exercício de acção em prol da defesa do interesse público.
Vivemos no passado um período em que o servidor do Estado se
preocupava mais em satisfazer, à custa dos dinheiros públicos, os seus
interesses particulares do que em resolver, por via do cargo que exercia,
os problemas das pessoas.
Os problemas das pessoas não eram a prioridade dos servidores
públicos. A prioridade eram os seus negócios, que não eram poucos, e
que prejudicavam brutalmente o património do Estado.
Muitos servidores públicos eram nomeados, não porque tinham
muita competência, mas porque convinham a este ou aquele detentor
de uma posição que lhe conferia a possibilidade de fazer escolhas,
sempre no seu interesse pessoal. Houve no passado a intenção deliberada
de se prejudicar o Estado, que se tornou, para uns poucos cidadãos,
numa fonte de enriquecimento ilícito. E o resultado desta situação é o
que todos nós conhecemos.
Pretende-se hoje corrigir muitas situações que foram lesivas do interesse
público e uma delas tem a ver com a contratação pública. O Tribunal de
Contas promoveu recentemente um seminário para capacitar gestores e
técnicos da Administração Pública, em matéria de contratação pública,
um assunto relevante, tendo em conta a quantidade considerável de con-
tratos que a Administração Pública tem de celebrar, para a execução de
variadas tarefas.
Foi positivo o facto de os referidos técnicos e gestores da Administração
Pública terem tomado contacto com a lei dos contratos públicos, um instrumento
que os servidores do Estado devem dominar, em particular aqueles que têm
competência para participar na formação desses contratos.
É essencial um bom domínio da referida lei, na medida em que o seu
conhecimento pode permitir que os servidores da Administração Pública
estejam em condições de negociar correctamente contratos para a salva-
guarda do interesse público.
Um servidor público deve respeitar as normas jurídicas e deve estar
sempre ao serviço dos cidadãos, que esperam da Administração Pública
uma postura que não viole os seus direitos e interesses legítimos. Um
servidor do Estado não deve actuar à margem da lei nem praticando actos
arbitrários prejudiciais às comunidades e violadores do princípio da lega-
lidade e da justiça.
Importa, por isso, que para cargos públicos sejam nomeados aqueles
quadros que dão garantia de que vão desempenhar a sua actividade
com elevado sentido de responsabilidade e no interesse do Estado e
dos cidadãos.
Que os critérios de nomeação de quadros para cargos públicos sejam
transparentes, para que sejam os melhores a ocupá-los e não aqueles
que apenas se especializaram na intriga, na mentira e em acções promotoras
da exclusão de angolanos competentes.

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO PROPRIEDADE


Víctor Silva (presidente)
ADMINISTRADORES EXECUTIVOS
Caetano Pedro da Conceição Júnior
Edições Novembro, E.P.
CARTAS DOS LEITORES
SEDE:
José Alberto Domingos
Rui André Marques Upalavela Rua Rainha Ginga, 12-26
Luena Kassonde Ross Guinapo Caixa Postal 1312 - Luanda
Redacção: 222 020 174
ADMINISTRADORES NÃO EXECUTIVOS Telefone geral (PBX): 222 333 344
Filomeno Jorge Manaças Fax: 222 336 073
Mateus Francisco João dos Santos Júnior Telegramas: Proangola

Trabalho infantil lhar. Mas é necessário proteger a baixar cada vez mais?
Com a crise, muitos empregadores a criança. A pobreza não deve É necessário que a produção
são tentados a explorarem crian- justificar o sacrifício de crianças nacional, por exemplo o que se
DIRECTOR: Edna Cauxeiro (subeditora), ças, para reduzirem custos. que precisam de viver em am- produz no campo, chegue ao
Víctor Silva Ferraz Neto (subeditor) e Pereira Dinis
DIRECTOR-ADJUNTO:
Apelo às instituições de defesa biente saudável e harmonioso. consumidor. Que se faça já al-
Caetano Júnior
EDIÇÕES ESPECIAIS: da criança para uma maior fis- Os pais ou encarregados de edu- guma coisa ao nível da terra-
DIRECTOR EXECUTIVO: Adalberto Ceita, André dos Anjos, Domingos dos Santos,
Guilhermino Alberto Leonel Kassana e Yara Simão calização de empresas, a fim cação não devem usar os filhos planagem de vias que possam
EDITOR EXECUTIVO: FOTOGRAFIA:
de evitar o trabalho infantil e educandos para garantir o facilitar o escoamento rápido
Diogo Paixão Kindala Manuel (editor-chefe), em condições que são contrá- seu sustento. de produtos agrícolas, para as
José Cola (editor),
SUB-EDITOR EXECUTIVO:
Cândido Bessa Dombele Bernardo, Domingos Cadência, Eduardo Pedro, João Gomes, rias às nossas normas laborais. São os pais e encarregados de zonas urbanas, onde há um
Maria Augusta, Miqueias Machangongo, Mota Ambrósio, Paulo Mulaza, Kindala
Manuel, Santos Pedro, Agostinho Narciso, Vigas da Purificação, Contreira Pipas Há pretensos “empresários” educação que devem assegu- grande número de consumidores
GRANDE REPÓRTER: que empregam crianças em rar o sustento dos seus filhos que querem adquiri-los a preços
Luísa Rogério CORRESPONDENTES PROVINCIAIS:
Adão Diogo (Lunda-Sul), troca de baixíssimos rendimen- e educandos. suportáveis.
Alberto Coelho (Cabinda),
EDITORIAS:
POLÍTICA: João Mavinga (Zaire), tos, tendo estas de trabalhar AMÉLIA ANTÓNIO Que não se faça apenas publi-
Vladimir Prata (Namibe),
Santos Vilola (editor-chefe),
Fonseca Bengui (subeditor) e Bernardino Manje (subeditor) Esídoro Natalício (Cuanza-Norte), muitas horas e em condições Marçal cidade do que se faz nesta ou
Luís Pedro (Cuanza-Sul),
Adelina Inácio, João Dias, Edna Dala,
Garrido Fragoso e Gabriel Bunga Noé Jamba (Bengo), precárias. Que haja mão pesa- naquela região.
Francisco Curinhingana (Malanje)
Fernando Cunha (Huambo), da sobre todos os empregadores Os bens devem ser escoados e
OPINIÃO:
Ambrósio Clemente (editor-chefe), Faustino Henrique (subeditor)
João Constantino (Bié),
José Chaves (Andulo), que estejam a violar os direitos As feiras e os camponeses comercializados. Há casos de
Jaime Azulay (Benguela),
SOCIEDADE:
Nhuca Júnior (editor), Jesus Silva (Lobito), das crianças. Tenho tomado conhecimento produtos agrícolas que apodre-
Estanislau Costa (Huíla),
Alberto Pegado (editor),
José Meireles (editor), Joaquim Aguiar (Lunda-Norte), Estas crianças não vão à escola da realização de muitas feiras cem e isto não devia acontecer
Silvino Paulo (Uíge),
Rodrigues Cambala, André da Costa, Kilssia Ferreira, Manuela Gomes,
Augusto Cuteta, Alexa Sonhi, César André, César Esteves, Edivaldo Cristóvão, Lourenço Manuel (Cuando Cubango), ou desistem dela, e os empre- em que são exibidos produtos num país como o nosso, em
Carla Bumba e Mazarino da Cunha Quinito Kanhamei (Cunene),
Samuel António (Moxico),
gadores não se importam com nacionais. que há pessoas com necessidade
REGIÕES:
Sérgio Chivaca (editor-chefe), isso. As carências de vária or- Tudo nas feiras é muito bonito e de alimentos.
Béu Pombal (subeditor), PAGINAÇÃO E ARTE:
Filipe Eduardo Salvador Escórcio (Editor), Soares Neto, Eugénia Victor, Augusta Lucéu, Tomás Cruz, dem levam muitas crianças a a pergunta que muitos angolanos Os camponeses precisam de
Noé Pungue, Evaristo Sacupalica, João Augusto, Josefa Abreu, Maria Messele,
ECONOMIA:
Cristóvão Neto (editor-chefe),
Alberto Bumba, Inês Quingando, Margarida Zilungo, Maria da Silva, António Saldanha, procurar prematuramente qual- fazem é a seguinte: por que razão vender a sua produção para,
Henrique Faztudo, António Quipuna, Raúl Geremias, Ana Paula Dias , Isabel Fragão,
Armando Estrela (subeditor),
Ana Paulo, Kátia Ramos, Madalena José, Natacha Roberto e Victorino Joaquim
Manuel Cassinda, Francisco da Silva, Rui Jacinto, Bruno Bernardo, Luquemba Pedro quer actividade produtiva que esses produtos não chegam aos com o retorno gerado pela co-
MUNDO: CARTOON E ILUSTRAÇÃO: lhes dê algum dinheiro. Elas mercados com regularidade, pa- mercialização dos seus produ-
Bernardino Fançony (editor-chefe), António Canepa Armando Pululo e Casemiro Pedro
procuram essa actividade vo- ra que os seus preços continuem tos, poderem continuar a rea-
DESPORTO:
Amândio Clemente (editor-chefe), luntariamente ou sob incitação lizar actividade produtiva.
Anaximandro Magalhães (subeditor), António Cristóvão, COPY DESK:
Armindo Pereira, Teresa Luís, Vivaldo Eduardo, Rui Ramos, Arlindo Soares e Esperança Vieira Dias dos seus familiares. ESCREVA-NOS O que todos nós queremos é
António de Brito e Honorato Silva Cartas recebidas na
O Jornal de Angola
Acredito que seja a pobreza ex- que haja no país muitos negó-
CULTURA: Rua Rainha Ginga, 12-26
António Bequengue (editor-chefe), Adriano Melo (subeditor), utiliza os serviços da ANGOP, AFP, Reuters, EFE e Prensa Latina trema que leva muitos pais ou Caixa Postal 1312 - Luanda cios: pequenos, médios e gran-
Francisco Pedro (subeditor), Amilda dos Santos, Manuel Albano,
Mário Cohen e Roque Silva
PUBLICIDADE: encarregados de educação a ti- ou por e-mail: des negócios.
GENTE E FIM-DE-SEMANA:
António Cruz (editor-chefe),
(+244) 937 550 262 rar os seus filhos ou educandos GERVÁSIO PINTO
(+244) 949 770 006 e-mail: publicidade@jornaldeangola.com escrevaconnoscoJA@gmail.com Camama
Isaquiel Cori (editor) da escola para os pôr a traba-
OPINIÃO Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 7
PERSPECTIVA ANÁLISE

Lutina Santos* CITAÇÕES Eduardo Magalhães |*

“Alguém colocou
Os frutos do diálogo
Ordem ou desordem mundial
o Executivo numa
situação embaraçosa.
Estamos Após apresentar dados e números no seu discurso sobre o Estado da
a investigar Nação e calar correntes pessimistas movidas pelo “quanto pior,

e em que direcção para responsabilizar.


Vamos apetrechar
(a mediateca)
melhor”, o Presidente João Lourenço tem despertado a atenção dos
analistas com perspectiva razoável para uma prática que - por ser fre-
quente desde que assumiu a Presidência - tem merecido menos des-
taque do que deveria: a abertura permanente para o diálogo.

caminhamos?
para entregá-la Mulheres, académicos, empresários, estudantes, políticos,
a 11 de Novembro, activistas cívicos, autoridades tradicionais, militares, religiosos, etc.,
ou, na pior todos são ouvidos com o
merecido respeito, pois
das hipóteses,
na quadra festiva” São poucos os políticos que, uma nação é construída
Os vários erros legados pela história universal se sujeitou e a nova roupagem dos interesses com o esforço colectivo.
continuam a perseguir a era contemporânea e estratégicos da actual conjuntura internacio- João Lourenço,
Presidente da República, em reacção à
no exercício do cargo, estão Como bem disse o Pre-
a colocar em causa a vigente ordem mundial.
Torna-se inevitável afirmar que nos últimos 50
nal – onde a desordem se tornou crescente-
mente dominante.
situação da Mediateca do Bié, na sua
visita a esta província
a dialogar com a sociedade sidente da República no
“encontro com a juventu-
anos o mundo não conseguiu caminhar com ne- Na Líbia, em 2011, tentou-se advogar a busca como tem feito o Presidente de”, que teve lugar na pro-
cessária estabilidade e os conflitos continuam de um quadro diplomático favorável para se víncia do Bié, no quadro
a dominar as relações internacionais. A ordem mediar a tensão criada pela primavera árabe mas “Grande parte angolano. Sem discriminação da sua visita de dois dias,
internacional que emerge após o termo da Se-
gunda Guerra Mundial definiu fronteiras entre
os interesses estratégicos trataram de neutralizar
“tudo” e silenciar a voz de todos que tentaram su-
dos antigos ou preconceito, desprovido “o Executivo tem de fazer,
os privados têm de fazer,
os que perderam a guer- gerir a observância da diplomacia combatentes, de qualquer complexo de a sociedade civil tem de
ra, por um lado, e os que na resolução da crise. Contudo, a especialmente alertar sobre o que não es-
ganharam, por outro. E A invasão invasão à Líbia acabou por repro- os mais idosos, superioridade, temos visto tá feito ou está mal feito”.
o pior pecado desta or-
dem é o de ter nascido do Iraque,
duzir a força que os interesses es-
tratégicos emergentes da desor-
vivem sem meios nos encontros entre o São poucos os políticos
que, no exercício do cargo,
de subsistência
num contexto de divisão
a questão dem mundial estão a ter na criação
adequados, Presidente e os cidadãos estão a dialogar com a so-
de interesses estratégicos de focos de instabilidade. O mes- ciedade como tem feito o
entre os vencedores e de da Síria, Líbia, mo se pode falar do caso da Ve- o que potencia o verdadeiros exemplos de Presidente angolano. Sem
ter isolado todo o resto
do mundo. Entre os que a crise
nezuela e de tantos outros Estados
onde a diplomacia não teve sufi-
sentimento de injustiça construção da abertura discriminação ou precon-
ceito, desprovido de qual-
e exclusão social”
venceram e perderam a
na península ciente fôlego para contrapor a for- Pedro Sabino, democrática no nosso país quer complexo de supe-
Segunda Guerra Mundial ça que a crescente desordem in- Representante dos Antigos rioridade, temos visto nos
se pode, ainda, juntar os
antigos prisioneiros dos
Coreana, Sudão ternacional está a ter.
Diante de tudo isso parece-
Combatentes do Cuito (Bié), durante
uma reunião do Conselho
de Auscultação
encontros entre o Presi-
dente e os cidadãos verdadeiros exemplos de construção da
interesses expansionistas do Sul, Venezuela, me pertinente questionar : 1- Até abertura democrática no nosso país.
que continuam, até ao
momento, a lutar no sen- RDC e o crescimento que ponto a desordem mundial
pode condicionar a estabilidade “É uma perda
Sem fugir ao debate, são-lhe colocadas diversas perguntas e in-
quietações, todas elas respondidas com uma sinceridade incomum,
tido de desarmadilhar
um conjunto de minas
de focos das relações internacionais? 2 -
Será que o actual cenário inter-
irreparável. O Chico sobretudo no mundo de “palavras ao vento” que tem caracterizado
boa parte dos políticos. O Presidente tem mantido um traço carac-
que ajudam a montar. de terrorismo, nacional caracterizado com toda foi meu colega terístico que, se não atende a todos, conforta a todos: fala o que as
e amigo. Crescemos
Com a ordem estabe-
lecida, em 1945, as rela-
só para citar estes, essa desordem vigente nos con-
duzirá em direcção a uma nova juntos. Morámos
pessoas precisam ouvir e não o que elas gostariam de ouvir.
É esse “choque de realidade” e é com possibilidade de debater
ções internacionais co- demonstram ordem mundial? Do meu ponto no mesmo bairro. com o Chefe de Estado, sem intermediários, com a necessária
nheceram, de seguida, de vista a desordem mundial que aproximação entre os cidadãos e os seus representantes, que essa
uma persistente luta de as consequências se instalou vai acentuando-se,
(...). Neste momento
abertura ao diálogo tem sido um factor preponderante para que
estamos concentrados,
interesses que não favo-
receu a estabilidade. De
de uma ordem cada vez mais, na perspectiva,
sobretudo, da construção de uma mas é sempre
a verdadeira democracia seja consolidada em Angola. Sem a
idolatria de alguém que foi eleito para servir ao povo e não para
1945 em diante o mun- que se transformou nova ordem que poderá interferir importante conservar se servir dele.
do começou a ver a amplamente nas questões de na- a obra dos que foram” E tem sido esta transparência, essa capacidade de quebrar pa-
emergência de uma de- em desordem tureza soberana de cada Estado
Augusto Chacaya,
radigmas e protocolos erroneamente criados para servir de barreiras
sordem que condenava,
silenciosamante, a or-
e fortificou alguns –se é que não esteja já a acontecer.
Este quadro, certamente, fomen-
Vocalista dos Jovens do Prenda,
referindo-se ao músico Chico
ao diálogo com as pessoas que tem fortalecido o respeito mútuo
entre o Executivo e a nossa sociedade. Ninguém viu - e dificilmente
dem estabelecida. Esta interesses dispersos tará mais conflitos e tensões nas
Montenegro, falecido no passado
dia 12 verá - no actual Presidente um mega evento de aniversário, uma
desordem introduziu relações internacionais uma vez tentativa de transformar em efeméride qualquer data que lhe
um caos total nas rela- em determinadas que o fim do bipolarismo fez valha a autopromoção, por exemplo.
ções internacionais e se
tornou muito mais ex-
geografias do mundo emergir novos sujeitos no cenário
internacional e as influências geo-
“Há candidaturas No lugar disso, temos acompanhado debates oportunos e ne-
cessários sobre a problemática do emprego, incentivo ao investi-
que têm muito
pressiva com a Guerra estratégicas deixaram de ser mo- mento privado, acesso ao crédito, turismo, produção nacional,
Fria. Desde então todas nopólio de alguns Estados e pas- dinheiro, muito educação, saúde e todos os outros que realmente importam. Nesse
tentativas de construção saram a ser controladas, também, dinheiro mesmo. sentido, a actual governação tem dado provas de que o esforço da
de um equilíbrio e consequente manutenção por grupos dispersos e com uma limitada repre- Mas ter dinheiro não reconstrução do país e diversificação da economia é feito com tra-
da estabilidade internacional passaram a ser sentatividade. Porém, estes grupos representam significa ganhar balho e não com propaganda.
inglórias devido a desordem emergente e pro- os actuais centros de influência político-estra- as eleições, sobretudo O Executivo está a substituir a prática política que alimentava
movida, estrategicamente, para limitar, quer tégicas que estão a redireccionar o papel dos a existência de uma sociedade polarizada e marcada por carências
as soberanias quer a capacidade de influência Estados com maior visibilidade na comunidade quando o dinheiro profundas e privilégios cristalizados. Esta abertura pela via do
de muitos Estados. internacional e têm revelado considerável ap- é do Tesouro Público” diálogo é uma mudança na cultura política do nosso país, pois ao
A invasão do Iraque, a questão da Síria, Líbia, tência em: Controlar e dominar a economia; con- José Mário Vaz, promover o diálogo, o Executivo está a criar um ambiente capaz
a crise na península Coreana, Sudão do Sul, Ve- trolar os recursos naturais geograficamente dis- Presidente da Guiné-Bissau e
candidato às eleições presidenciais
de receber melhor as inadiáveis decisões mais amplas, definição
nezuela, RDC e o crescimento de focos de terro- persos; ter controlo dos mercados; influenciar clara de prioridades, planeamento rigoroso dos recursos.
rismo, só para citar estes, demonstram as con- as decisões globais através de um sistemático Quando comparado ao passado recente, podemos dizer que o
sequências de uma ordem que se transformou controlo das organizações internacionais etc. actual Executivo angolano está a trabalhar numa perspectiva de-
em desordem e fortificou alguns interesses dis- Por essa razão me parece pouco provável de,
“Não vou negociar mocrática, pois as prioridades são claras e definidas com a sociedade,
persos em determinadas geografias do mundo. pelo menos tão cedo, virmos a observar um um adiamento na sua diversidade, e todas essas prioridades convergem para a
A desordem mundial consumiu a ordem e tem ponto de equilíbrio na gestão da segurança in- (do Brexit), nem a lei garantia e manutenção de direitos existentes, criação de novos di-
estado a propiciar a substituição da diplomacia ternacional por conta das influências exercidas me obriga a fazê-lo. reitos e conquistas. Para além da redução da discrepância social
em detrimento de um conjunto de interesses por estes grupos pois representam o ponto Mais um adiamento a partir do desmonte de privilégios historicamente criados para a
de difícil identificação e percepção. Ou seja, mais seguro da desordem mundial que tem satisfação de pequenos grupos.
entre a observância da diplomacia e dos inte- sido alimentada pelas tensões e/ou guerras
seria mau para Devemos todos analisar sem pressa ou preconceito o processo
resses estratégicos na resolução de determinados que dominam a nossa contemporaniedade. Lo- este país ou para de transformação em curso, com apenas dois anos. Se compararmos
conflitos prevalece a segunda opção – que, se- go, entendo que caminhamos por uma direcção a União Europeia somente ao passado recente no nosso país, já teremos elementos
guramente, se revela como promotora de imensas que está a ser construída cujas repercussões e mau para a suficientes para percebermos que existe uma melhor avaliação das
tensões à escala global e responsável pelas con- poderão, certamente, minar a relação entre os democracia” acções que devem ser vistas como prioritárias, programas e políticas
sequências que se tem vindo a observar quer Estados e respectivos agregados populacionais implementadas com metas e objectivos claros e convergentes para
Boris Johnson,
nas relações político-económicas quer na mo- e, também, a capacidade de os Estados res- Primeiro-Ministro da Grã-Bretanha,
as aspirações da maioria dos angolanos. São os frutos do diálogo.
bilidade migratória que se tem assistido. O caso ponderem aos múltiplos desafios que o mundo após a aprovação pelo parlamento
britânico de uma proposta para
da Líbia pode ser rebuscado e servir de base globalizado vai produzindo. suspender o voto sobre o acordo de * Director Nacional de Comunicação Institucional.
para percepção da falência a que a diplomacia *Politólogo saída (da União Europeia ) A sua opinião não engaja o MCS
8 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PUBLICIDADE

(13354)
Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 9
PUBLICIDADE

(FED/2017/389-710)

FRESAN - EMPREITADA DE REABILITAÇÃO/CONSTRUÇÃO DE SISTEMAS DE CAPTAÇÃO,


ADUÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA PARA CONSUMO HUMANO E ANIMAL E DE
INFRA-ESTRUTURAS VETERINÁRIAS NO CUNENE, ANGOLA
O Camões, I.P. vai lançar a Empreitada de Reabilitação/Construção de Sistemas de Captação, Adução e Distribuição
de Água para Consumo Humano e Animal e de Infra-Estruturas Veterinárias nos Municípios de Curoca e Ombandja
da Província do Cunene, no âmbito do FRESAN - Fortalecimento da Resiliência e da Segurança Alimentar e Nutri-
cional em Angola:
1. As propostas devem ser apresentadas até às 23h 59m do dia 25 de Outubro de 2019, nos termos definidos
no Programa do Procedimento e do Caderno de Encargos, que podem ser consultados no site do Camões,
I.P., em www.instituto-camoes.pt.
2. A empreitada compreende 10 (dez) lotes, sendo admitidas propostas para qualquer um deles, para vários
deles ou para todos. Nestes últimos casos as propostas devem ser apresentadas também por lotes.
3. O preço para cada lote não pode exceder os seguintes preços base, sendo que ao preço base em Euros
corresponde o preço em Kwanzas que seja resultante da conversão efectuada à taxa cambial em vigor pelo
Banco Nacional de Angola na data da adjudicação:

4. Caso seja adjudicado ao mesmo concorrente mais do que um lote, este fica obrigado a autonomizar a
afectação de meios humanos e materiais a cada um dos contratos para que, de modo algum, fique prejudi-
cada a capacidade de execução simultânea de trabalhos abrangidos pelos diversos contratos.
5. A um mesmo concorrente apenas podem ser adjudicados 4 (quatro) lotes no máximo.
Para mais informações, consultar: www.instituto-camoes.pt
O Projecto FRESAN é uma Acção financiada pela União Europeia e gerida pelo Camões, I.P..

Acção financiada pela UE Acção gerida pelo Camões, IP (497)

Empresa Angolana de prestação de serviços de for-


mação, procura para preenchimento do seu quadro
de pessoal, uma Secretária Administrativa, com
as seguintes características:

1- Ensino Médio concluído


2 - Experiência mínima comprovada em secreta-
riado de 3 anos.
3- Capacidade de trabalhar em Equipa
4 - Capacidade para trabalhar sob-pressão.
6 - Língua portuguesa, falada e escrita
7 - Conhecimentos de língua inglesa, é uma
mais valia
8 - Boa apresentação

Os interessados deverão enviar currículo e a de-


claração de serviço do último emprego, para o
email: rh.ines@outlook.pt
(835) (501.315)
10 ÁFRICA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

Breves
PRESIDENCIAIS NA GUINÉ-BISSAU MORTE DE MENOR EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE
DR

TUNÍSIA SAI DA LISTA


DE PAÍSES EXPOSTOS
Presidente solicita
AO BRANQUEAMENTO
DE CAPITAIS
Grupo de Acção Financeira
inquérito ao Governo
(GAFI) decidiu retirar a O Presidente de São Tomé não fosse libertado e reenviado
Tunísia da “lista negra” dos e Príncipe, Evaristo Carva- para São Tomé e Príncipe.Na
países susceptíveis de estar lho, pediu, sexta-feira, ao q u a r ta - fe i ra , l ogo p e l a
fortemente expostos ao Governo um "inquérito manhã, cidadãos vandali-
branqueamento de célere e exaustivo" sobre as zaram templos da IURD em
dinheiro e ao circunstâncias da morte de várias localidades do país,
financiamento do um adolescente e da des- culminando, na tarde desse
terrorismo, anunciou, truição de vários espaços dia, com o assalto à sede da
ontem, o Primeiro-Ministro da Igreja Universal do Reino IURD na capital de São Tomé
tunisino, Youssef Chahed. de Deus (IURD). e Príncipe, durante o qual
A assembleia-geral do GAFI “Urge fazer um balanço, um adolescente morreu. No
realizada, em Paris, França, com serenidade e racio- comunicado, o Presidente de
decidiu retirar oficialmente nalidade, dos tristes acon- São Tomé e Príncipe refere ser
a Tunísia da “lista negra” tecimentos e assacar as preciso “alterar o paradigma
dos países expostos ao responsabilidades. O inqué- na assunção das responsabi-
branqueamento de capitais rito exaustivo, da respon- lidades cometidas a cada ins-
e ao financiamento do sabilidade do Governo, sobre tituição do Estado” e critica
terrorismo, escreveu todas as ocorrências deverá as que chamaram a si a reso-
Os guineenses regressam às urnas no dia 24 de Novembro para elegerem o Chefe de Estado Chahed, na conta Facebook ser imparcial e célere”, afirma lução do problema do pastor
e Twitter, revelou a AFP. Evaristo Carvalho, num comu- são-tomense preso na Costa
Segundo o governante, o nicado lido pela assessora de do Marfim.

Ministro do Interior
grupo considera que a comunicação, Hélia Fernandes. “É o Ministério dos Negó-
Tunísia “respeitou os Um cidadão são-tomense, cios Estrangeiros, Cooperação
compromissos relativos à Uidumilo Veloso, pastor da e Comunidades que tem res-
luta contra o IURD há 14 anos, na Costa do ponsabilidades próprias que
branqueamento de Marfim, foi preso por denún- não podem ser assumidas

garante segurança dinheiro e o financiamento


do terrorismo”.
O Parlamento Europeu
votou, em Fevereiro de
2018, a inscrição da Tunísia
cias de alegada difamação e
calúnias na rede social Face-
book contra esta igreja, tendo
a mulher, grávida, sido depor-
tada para São Tomé e Prícipe.
por outras instituições do
Estado. Por lei, é a esse Minis-
tério que compete fazer dili-
gências junto de outros
Estados, para a obtenção de
A pouco mais de um mês da realização de eleições na “lista negra” da União No dia 9, o Parlamento são- informações sobre cidadãos
presidenciais, o ministro do Interior da Guiné-Bissau Europeia dos países tomense ameaçou banir a são-tomenses no exterior”,
garante, estarem criadas, as condições de segurança para terceiros susceptíveis de IURD do país caso o pastor adianta Evaristo Carvalho.
estar fortemente expostos DR
todo o processo ao branqueamento de
capitais e ao financiamento
O ministro do Interior da Apelo das Nações Unidas É pedido também para se do terrorismo, com base em
Guiné-Bissau, garantiu, no O Conselho de Segurança absterem de actos de vio- avaliações feitas pelo GAFI.
fim-de- semana, que haverá das Nações Unidas considera lência, ódio ou agressão para
s e g u ra n ç a n o p ro c e s s o que é “imperativo” realizar “garantir a estabilidade e
eleitoral de todos os can- as presidenciais na Guiné- consolidação da paz” no país. GOVERNO TSWANÊS
didatos às presidenciais Bissau e pede à comunidade REINTEGRA
de 24 de Novembro. internacional para dar apoio Fome e malnutrição FUNCIONÁRIOS
“Estamos determinados técnico e financeiro, num O plano estratégico do Pro- GREVISTAS DEMITIDOS
e vamos, com certeza, cum- comunicado enviado, ontem, grama Alimentar Mundial O Governo tswanês vai
prir o nosso papel, que é o à imprensa pela missão da (PAM) para a Guiné-Bissau reintegrar todos os
de garantir a segurança, para ONU, em Bissau. prevê erradicar a fome e a funcionários demitidos por
que tudo se desenrole na “Os membros do Conse- malnutrição até 2030, esti- participarem numa greve
completa normalidade”, lho de Segurança reiteraram mando um investimento de nacional, anunciou, ontem,
afirmou, ontem, Juliano Fer- a necessidade de as eleições 55 milhões de euros até 2024. o Presidente tswanês,
nandes, citado pela Lusa. presidenciais serem reali- Segundo a Reuters, o plano Mokgweetsi. Estes agentes
O ministro do Interior zadas em 24 de Novembro foi assinado, na quarta-feira, da administração, Evaristo Carvalho exige um inquérito célere e imparcial
falava à margem de uma ceri- deste ano, de acordo com o em Bissau, pelo Governo provenientes de diferentes
mónia de entrega de fardas calendário eleitoral estabe- guineense e o PAM, tendo serviços da Função Pública,
à Guarda Nacional. O gover- lecido e lembraram aos acto- o investimento dos próximos participavam num
nante explicou que há um res políticos que todos os cinco anos sido definido de movimento de greve que DÍVIDAS OCULTAS EM MOÇAMBIQUE
comando conjunto das forças esforços devem ser feitos acordo com o programa do exigia um aumento salarial
de segurança e de defesa, que para garantir que as mesmas Executivo, guineense, apro- de 154 por cento, segundo
inclui elementos da Organi-
zação das Nações Unidas e
da Comunidade Económica
sejam inclusivas, credíveis,
justas e pacíficas, com a par-
ticipação efectiva de mulhe-
vado, na terça-feira, pelo
Parlamento.
Na cerimónia de assinatura
a BBC. Várias centenas de
funcionários, que se
reúnem uma vez por
Pretória questiona
dos Estados da África Oci-
dental (CEDEAO), “através
da missão de interposição,
res e jovens candidatos",
pode ler-se no comunicado.
No documento, distri-
do memorando de entendi-
mento, no Palácio do Governo,
em Bissau, a chefe da diplo-
semana, na capital,
Gaberone, também
participaram no
extradição de Chang
denominada Ecomib”. buído pela Missão Integrada macia guineense, Susy Bar- movimento de As autoridades sul-africanas tados ao tribunal”, salientou.
O ministro disse, também, da ONU para a Consolidação bosa, destacou a importância contestação. Esta greve, estão a questionar os motivos Johan Schalkwyk subli-
que todos os candidatos da Paz na Guiné-Bissau, o da nutrição para o desenvol- que devia durar 10 dias, foi de Moçambique no pedido de nhou que Pretória “não favo-
autorizados pelo Supremo Con s elho de S egurança vimento do país. prorrogada para oito extradição do ex-governante rece uma das partes em
Tribunal de Justiça a parti- “incentiva” a comunidade “Muitas pessoas esque- semanas, já que o Governo Manuel Chang para o país, no particular”. “O tribunal irá
ciparem nas presidenciais internacional a apoiar o país cem-se de associar a fome tswanês rejeitava reunir-se âmbito do processo das dívidas decidir se o caso deve ser
de 24 de Novembro, têm na organização do escrutínio, a malnutrição ao rendimento com grevistas, muito ocultas, sem provas e julga- reencaminhado ao ministro
direito à segurança, bem “honrando todas as promes- escolar. Uma criança sub- menos satisfazer as mento convincentes. para reconsideração, e nós
como as sedes de candida- sas de apoio técnico e finan- nutrida não tem a mesma exigências. Mas finalmente, “Parece que Moçambique concordamos com essa deci-
tura. “O que pedimos é que ceiro”. Na quinta-feira, a capacidade de assimilação o Presidente Masisi decidiu tentou, de repente, arrumar são porque o ministro terá
a solicitem já", apelou Juliano Comissão Nacional de Elei- e de receber os ensinamentos acalmar os ânimos, a casa agora que este caso ao seu dispor todos os factos
Fernandes, acrescentando ções guineense advertiu que que uma nutrida e isso tem reintegrando, na está em curso, ao tentar mos- para decidir se irá para os
ser fundamental a confiança a data das eleições pode reflexos na sociedade”, afir- administração, agentes trar alguma boa-fé, dizendo Estados Unidos ou para
dos próprios candidatos nas ficar comprometida, caso mou a ministra. públicos despedidos que estão aptos para pro- Moçambique”, acrescentou.
forças de segurança. não seja disponibilizado o Segundo a ministra dos devido à greve em 2011. cessar Manuel Chang, não O advogado sul-africano
“Queremos dizer que apoio prometido pela comu- Negócios Estrangeiros, uma DR sabemos se isso será sufi- destacou que, no âmbito das
os elementos destacados nidade internacional. sociedade com problemas ciente, mas podemos ver chamadas “dívidas ocultas”
estarão imbuídos de uma Aos actores políticos gui- de fome e malnutrição será como é que se desenrolou”, moçambicanas, a África do
única preocupação que é neenses, o Conselho de Segu- u m a s o c i e d ad e q u e , n o disse, sábado, à Lusa, Johan Sul quer demonstrar à comu-
o cumprimento do seu rança pede para garantirem “futuro, não terá capacidades van Schalkwyk. nidade internacional que a
papel”, salientou. o bom funcionamento, esta- para responder às necessi- O advogado do Estado sul- actual administração do Pre-
Segunda volta, das pre- bilidade das instituições de dades do povo e da Nação e, africano referiu que “durante sidente Cyril Ramaphosa está
sidenciais, caso seja neces- Estado e a usarem “os pro- consequentemente os pró- cerca cinco anos estiveram “seriamente empenhada” no
sária, vai decorrer a 29 de cedimntos legais e consti- prios dirigentes desse país sem fazer nada, enquanto os combate à fraude e corrupção.
Dezembro. A campanha elei- tucionai s para re s olver poderão não ter capacidade americanos foram muito “Temos um novo Governo e,
toral começa a 1 de Novembro qualquer disputa eleitoral por terem sofrido demal proactivos, e é essa a realidade, certamente, vai combater a
e termina a 22. que possa surgir”. nutrição no passado”. segundo os factos apresen- corrupção “, disse.
MUNDO Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 11
DIFICULDADES AFEGANISTÃO FORÇAS TURCAS E CURDAS MANTÊM TRÉGUA NA SÍRIA

Milhares União Europeia pede


de libaneses
protestam fim das hostilidades
Comboio humanitário
em Beirute
Dezenas de milhares de liba-
O enviado especial da União
Europeia para o Afeganistão
pediu, ontem, um cessar-
emissário.Questionado sobre
como a UE, cuja influência
no Afeganistão é limitada,
deixa a cidade sitiada
neses voltaram a manifes- fogo, considerando que o fim poderia impulsionar as con- Um comboio que transportava feridos e os combatentes das Forças
tar-se, ontem, nas principais das negociações entre os versações, Kobia sugeriu
localidades, contra o Execu- Estados Unidos e os talibãs que os talibãs pudessem Democráticas da Síria (FSD), dominada pelos curdos, deixou,
tivo e a grave crise económica são uma oportunidade para voltar ao poder “de uma ontem, a cidade sitiada de Ras al-Ain, no Nordestte da Síria
que atinge o país, num dos que possa haver uma pausa forma ou de outra”. DR
maiores protestos anti-gover- no conflito. “Um cessar-fogo seria
namentais já realizados. “Este é um bom momento uma garantia, uma pro-
Segundo a agência de e uma boa oportunidade messa de boa vontade e
notícias norte-americana para ir além de uma simples uma boa preparação para
Associated Press, os mani- diminuição da violência e a normalização dessas rela-
festantes dançavam e can- explorar as maneiras de ções”, acrescentou.
tava m n a s r u a s , a lg u n s alcançar um cessar-fogo”, O Afeganistão registou
agitavam bandeiras libanesas disse Roland Kobia, em con- um número sem precedentes
e gritavam: “O povo quer ferência de imprensa. de vítimas civis no terceiro
derrubar o regime”. As conversações entre os trimestre deste ano, com
Estes protestos espontâ- Estados Unidos e os talibãs 1.174 mortos, de acordo com
neos, em massa, que acon- sobre uma futura retirada um relatório da ONU divul-
tecem pelo quarto dia das forças norte-americanas gado na quinta-feira. Na
consecutivo e devem pros- tinham subjacente uma sexta-feira, um ataque a
seguir hoje, são as maiores redução da violência na uma mesquita matou pelo
manifestações do Líbano em região e uma abertura para menos 70 pessoas.
cinco anos, e estenderam- um diálogo inter-afegão. Uma força militar portu-
se além de Beirute. Contudo, o Presidente guesa constituída por 170
Os manifestantes quise- Donald Trump decidiu, no iní- militares parte, em Novem-
ram demonstrar a “raiva cio de Setembro, que as con- bro, para o Afeganistão, com
crescente contra a classe versações estavam “mortas” a missão de defender o aero-
dominante, que dividiu o depois de um soldado norte- porto internacional de Cabul,
poder entre si e acumulou americano ter sido atingido noticiou ontem a Lusa.
riquezas durante décadas, num ataque. Segundo Kobia, A força portuguesa vai
mas pouco fez para regenerar um cessar-fogo representaria ficar seis meses em Cabul, a
uma economia em ruínas e uma mudança significativa partir do dia 15 de Novembro,
deixou as infra-estruturas na situação que poderia con- é composta por 154 militares
degradadas”.Para hoje, a vencer Donald Trump a reto- da Quick Reaction Force, 16
Associação de Bancos Liba- mar as negociações. elementos do National Sup-
neses anunciou o encerra- “A ideia é realmente ver port Element e tem como
mento de todas as agências como podemos avançar para missão a protecção e segu-
bancárias, com o objectivo um projecto de um cessar- rança do aeroporto Hamid
de “garantir a segurança dos fogo em vez de mantê-la para Karzai, da capital, integrado
funcionários”, durante as mais tarde... A oportunidade na Base Force Protection
manifestações. agora existe”, acrescentou o Group.
Centenas de civis, feridos e forças curdas, deixaram, ontem, a cidade em comboios humanitários

REINO UNIDO
O comboio de cerca de 55 veí- dos EUA, Mike Pence, a Tur- continuar a realizar ope-
culos, incluindo ambulâncias, quia concordou em sus- rações contra o Estado Islâ-
Governo promete cumprir abandonou ontem a cidade
sitiada de Ras al-Ain, que
servia como linha de demar-
pender a ofensiva militar
noNordeste da Síria por
cinco dias, para permitir
mico para impedir o
ressurgimento.
Mark Esper, que chegou

o prazo para a saída da UE cação entre as partes em


guerra, noticiou, ontem a
Agência France Press.
que as forças curdas se reti-
rassem da área da fronteira.
ontem à capital do Afega-
nistão, afirmou aos jorna-
listas que não está descartada
O “número dois” do Governo 31 de Outubro. Temos os emenda a pedir um adia- O hospital começou a a hipótese das forças norte-
britânico, Michael Gove, rei- meios e a capacidade para mento do “Brexit”, o que arder após a partida do “A promessa americanas conduzirem
terou, ontem, o compromisso o fazer”, insistiu Gove, numa levou o Executivo a retirar a comboio e viam-se chamas foi cumprida missões anti-terroristas do
do Executivo em cumprir o referência ao pacto alcançado votação planeada do acordo. no telhado. e as tropas Iraque para a Síria, ressal-
“Brexit” a 31 de Outubro, na quinta-feira com a UE. A emenda, apresentada O Observatório Sírio dos norte-americanas vando que esses detalhes
apesar de ter enviado uma “A determinação (pelo pelo deputado indepen- Direitos Humanos confir- retiraram-se vão ser resolvidos ao longo
carta à União Europeia a “Brexit”) do Primeiro-Minis- dente Oliver Letwin, foi mou, também, a retirada das da região do tempo.
solicitar uma prorrogação. tro é total e eu apoio-o nisso, aprovada por 322 votos a FDS da cidade Ras al-Ain . fronteiriça, O secretário de Defesa
O Primeiro-Ministro, temos que sair a 31 de Outu- favor e 306 contra, numa O líder das FDS, Mazloum com 32 quilómetros dos EUA disse que conver-
Boris Johnson, enviou no bro”, disse Michael Gove, sessão extraordinária na Abdi, disse, no sábado que os de extensão, depois sou com o homólogo ira-
sábado à noite, uma carta considerado o “número dois” Câmara dos Comuns. seus combatentes se retirariam de os soldados quiano sobre o plano para
não assinada à UE a solicitar e o responsável pelos pre- Ao não votar-se o acordo, da cidade, tal como estava turcos as terem transferir cerca de mil sol-
um adiamento da saída bri- parativos do país, no caso entrou automaticamente em estipulado, no acordo de tré- deixado sair dados da Síria para o Oeste
tânica até ao final de Janeiro de uma saída “difícil” da UE. vigor a “Lei de Benn”, ela- guas feito com Washington. de Ras al-Ain” do Iraque, na luta contra o
do próximo ano, devido à O chefe do Governo foi borada há algumas semanas A promessa foi cumprida Estado Islâmico.
chamada “Lei de Benn”, que forçado a enviar uma carta pelos mesmos deputados, e as tropas retiraram-se Na última quarta-feira,
entrou em vigor no sábado, a solicitar uma prorrogação com o objectivo de impedir da região fronteiriça, com o Presidente dos Estados
com essa exigência. depois de o Parlamento ter a saída britânica não nego- 32 quilómetros de extensão, O Pre sidente turco , Unidos referiu que “era hora”
Juntamente com essa aprovado, no sábado, uma ciada a 31 de Outubro. depois de os soldados tur- Recetp Tayyip Erdogan, de os solados norte-ameri-
missiva, o líder conservador DR cos as terem deixado sair ameaçou retomar as hos- canos regressarem a casa.
enviou uma segunda carta de Ras al-Ain. tilidades se os combatentes Quando Mark Esper deixou
assinada, na qual afirma A Turquia também já curdos não se retirarem da Washington, no sábado, as
não achar benéfico adiar o confirmou a saída dos com- cidade síria. tropas norte-americanas con-
“divórcio” britânico para batentes curdos, após as As Forças da Síria Demo- tinuavam a sair do Norte da
além de 31 de Outubro. tréguas negociadas com os crática exigiram aos Estados Síria após a invasão da Turquia,
Michael Gove disse ontem Estados Unidos. Unidos que pressionassem na região de fronteira.
à “Sky News” que o Governo “Um comboio de cerca a Turquia a cumprir a trégua Apesar de um acordo de
mantém a “determinação” de 55 veículos entrou em e abrir um corredor huma- cinco dias de cessar-fogo
de materializar o “Brexit” Ras al-Ain e um outro de nitário para retirar os civis estabelecido na quinta-feira
no calendário estabelecido, 86 veículos partiu para Tal da cidade de Ras al-Ain. entre líderes dos EUA e da
porque há um sentimento Tamr”, lê-se num comu- O secretário da Defesa Turquia, havia informações
no país sobre a necessidade nicado do Ministério da dos Estados Unidos disse que davam conta de con-
de concluir o processo. Defesa turco, que também igualmente, ontem, que as frontos esporádicos entre
“Sabemos que a UE quer transmitiu imagens da reti- tropas norte-americanas os combatentes apoiados
que saiamos, sabemos que rada dos soldados.Após vão para o Oeste do Iraque pela Turquia e as forças cur-
temos um acordo que nos conversações, na quinta- quando saírem da Síria, das da Síria aliadas aos Esta-
permite sair. Vamos sair a Segunda figura no Governo britânico, Michael Gove, à imprensa feira, com o vice-Presidente ac re s c e nta n d o q u e vão dos Unidos.
12 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PUBLICIDADE

(13354)
(501.374)
ECONOMIA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 13
Breve
PROGRAMA DE APOIO AO CRÉDITO REDISTRIBUIÇÃO DE RENDIMENTOS
EDIÇÕES NOVEMBRO

GOVERNANTES
AFRICANOS
Angola e FMI alinhados
DEFENDEM MOEDA ÚNICA
Governantes de vários
países africanos, que
em relação a subsídios
participaram, em A estratégia de substitui- Ampliado e do seu impacto
Washington, no Encontro ção dos subsídios pela junto da população.
Anual do Fundo Monetário transferência directa de “Nós sentimos que em
Internacional (FMI) e do recursos às famílias mais relação às metas estamos à
Banco Mundial, vulneráveis, adoptada pelo vontade e com um bom
concordaram que uma Governo, está a ser bem entendimento do que pode-
moeda única africana seria acolhida pelo Fundo mos cumprir. Estamos a tra-
favorável para o reforço Monetário Internacional. balhar na preparação dos
económico do continente e Em nota divulgada no seu o b j e c t iv o s d e 2 0 2 0 e o
o crescimento das portal oficial, o Ministério impacto da flexibilização da
transacções internas, das Finanças dá conta que taxa de câmbio no Orça-
evitando o dólar ou euro. o director do Departamento mento Geral do Estado que
Com mais de 40 diferentes Africano do FMI, Abebe deveremos apresentar até
moedas nacionais usadas Selassie, manifestou o seu ao final do mês à Assembleia
no continente, políticos agrado pelas reformas em Nacional”, disse a ministra.
africanos querem reforçar o curso no país e o alinhamento “Vamos avançar com o
poder das próprias moedas com a visão do Governo de programa das transferências
juntamente com o acordo apenas proceder à remoção sociais monetárias e trabalhar
de livre comércio dentro da dos subsídios aos combus- com a Sonangol para ver
Preferências recaem para iniciativas ligadas à agricultura e à indústria transformadora África e reduzir as tíveis em linha com a imple- como a empresa irá subsistir
transacções internacionais mentação de um programa a esse esforço”, declarou
em dólares ou euros. de transferências sociais Vera Daves.
As afirmações foram feitas monetárias destinado às O governador do Banco

Bancos aprovam 8.412 milhões no sábado por líderes


políticos do Quénia,
Mauritânia, Senegal e
famílias mais vulneráveis.
Abebe Selassie manteve
um encontro de trabalho
Nacional de Angola, um dos
integrantes da delegação,
destacou a flexibilização da

em financiamentos para o PAC Somália aos jornalistas em


Washington, ao avaliar as
oportunidades e desafios
com a delegação angolana,
encabeçada pela ministra
das Finanças, Vera Daves,
taxa de câmbio, tendo em
vista a sua plena liberalização.
Essa medida, segundo José
do recente Acordo de Livre com a qual discutiu, em Was- de Lima Massano, tem vindo
BIC e BCI aprovaram desembolsos a favor de projectos dos Comércio Continental hington, o pacote de medidas a permitir, nos últimos dias,
sectores da agricultura e da indústria em cinco províncias Africano (AfCFTA, na sigla de índole fiscal e cambial do a redução do “gap” entre o
em inglês). Programa de Financiamento mercado paralelo e o oficial.
Cristóvão Neto As solicitações enviadas motora e Uranus, quatro
ao BIC perfazem os maiores bancos comerciais subscri-
volumes, cifrando-se em tores do PAC (BAI, BFA, BMA
Sete projectos avaliados em 32.847 milhões de kwanzas, e BCH) e o GTE. GENERAL ELECTRIC reformas, por causa do
8.412 milhões de kwanzas situando-se em 32.188 Os participantes decidiram buraco bilionário nas con-
foram aprovados pelos ban- milhões no SBA, 20.228 que, até ao final de Dezem- tas do fundo de pensões
cos subscritores do Programa m i l h õ e s n o BA I , 2 9 . 3 1 2 bro, o Ministério da Economia da multinacional.
de Apoio ao Crédito (PAC),
instituído em Junho como
milhões no BNI, 17.483 no
Atlântico, 1.172 milhões no
e Planeamento, INAPEM e
as áreas comerciais dos ban-
Gigante norte-americana A General Electric anun-
ciou que vai congelar os
braço financeiro do Pro-
grama de Apoio às Expor-
tações e Substituição das
BCI e 1.527 no BCH.
O BIC aprovou três pro-
jectos avaliados em 7.329
cos subscritores ao PAC rea-
lizem visitas a empresas nas
18 províncias, promovendo
é objecto de investigação benefícios a que têm direito
20 mil trabalhadores e pagar
indemnizações a outros 100
Importações (Prodesi). milhões de kwanzas e o BCI a apresentação de projectos A multinacional General como o primeiro denun- mil que ainda não entraram
A informação foi produ- quatro cifrados em 1.172 aos bancos. Electric (GE), vocacionada ciante e investigador da na reforma, para abdicarem
zida a 9 de Outubro, numa milhões, em que cinco são O PAC conta com a ade- para a produção e venda de fraude do fundo Madoff, da pensão constituída através
reunião entre organismos referentes a empreendimen- são de oito bancos em finan- equipamentos, foi alvo de divulgou um relatório demo- do fundo da empresa . Para
institucionais e bancos envol- tos do sector da agricultura ciamentos previstos de 141 uma investigação nos Esta- lidor sobre as práticas con- estes 20 mil funcionários
vidos no programa, consul- e dois ao da indústria. mil milhões de kwanzas, dos Unidos, que concluiu tabilísticas da GE, causando ainda ao serviço da empresa,
tores e o Grupo Técnico Dois dos sete projectos este primeiro ano, a empre- que a empresa contabilizou, uma perda de 11 por cento esta medida significa que a
Empresarial (GTE), dando estão localizados em Luanda sas que decidam dedicar- nas suas contas de 2017, nas acções da empresa. partir de 2021 deixarão de
conta que os projectos apro- e igual número no Cuanza- se à produção de 54 bens antecipadamente e de forma O relatório de Markopolos acumular novos benefícios
vados representam uma por- S u l , e n q u a n t o a Hu í l a , com potencial de gerar uma irregular, vendas de turbi- identifica diversas práticas previstos no plano de pen-
ção dos 64 pedidos de Malanje e Uíge figuram nes- oferta que leve à redução nas, cujo cliente a identidade de aumento artificial dos sões principal da empresa.
financiamento submetidos, ses financiamentos com um das importações. não foi revelada, informou resultados financeiros por O objectivo desta medida,
totalizando 17.581 milhões projecto cada. O BDA e o FGC dão prio- o Wall Street Journal. parte da GE nos últimos anos segundo o Wall Street Journal,
de kwanzas. A reunião em que esses ridade aos operadores eco- De acordo com a publi- que constituem crime de é cortar entre cinco a oito
Os nú m e ro s , ob t i d o s dados foram analisados con- nómicos que já produzam cação americana, esta con- manipulação de mercado. mil milhões de dólares o
pelo Jornal de Angola de tou com representantes do alguns dos 54 produtos e que tabilização irregular, de A imprensa americana défice do fundo de pensões,
documentos do Ministério Ministério da Economia e pretendam expandir a acti- venda de turbinas, tinha dá conta de que centenas de que no final do ano passado
da Economia e Planea- Planeamento , In stituto vidade, enquanto a inclusão um impacto de 100 milhões milhares de trabalhadores ascendia a 22.4 mil milhões
mento, indicam que o Stan- Nacional de Apoio às Micro, das de consultoria visa absor- de dólares nas contas da e ex-trabalhadores nos Esta- que era, de longe, o maior
dard Bank Angola (SBA) Pequenas e Médias Empresas ver contribuições especia- empresa, e não foi comu- dos Unidos e na França das empresas cotadas no
re c e b e u 1 7 p e d i d o s d e (INAPEM), Fundo de Garantia lizadas para a elaboração nicada às autoridades temem pelo futuro das suas índice bolsista.
f i n a n c i a m e nto , B IC 1 5 , de Crédito (FGC), Banco de dos projectos, o que acontece norte-americanas. Apesar DR
Atlântico 13, BAI 12, BCI Desenvolvimento de Angola pela primeira vez desde que da investigação não revelar
quatro e o BNI duas solici- (BDA), as Empresas de Con- há iniciativas institucionais o nome do cliente, o jornal
tações de financiamento. sultoria FazGest, Agropro- de financiamento. diz que a venda foi feita
em Angola.
A notícia menciona que
MALANJE as referidas práticas conta-
bilísticas, por parte da General
Electric, motivaram já um

Aviturismo nasce em Calandula inquérito interno alargado,


no qual o próprio CEO da
empresa, Scott Strazik, foi
A ministra do Turismo, O projecto “Apostar no de observação. À margem questionado e investigado,
Ângela Bragança”, procedeu Avituirsmo” resulta das reco- da Conferência Internacional tendo declinado qualquer
na sexta-feira, na aldeia mendações saídas da I Con- sobre Ecoturismo, foi rea- comentário público acerca
de Kanjila, município de ferência Internacional sobre lizada uma expedição foto- dos resultados da investigação.
Calandula (Malanje), ao Ecoturismo e Informação gráfica e audiovisual, em A GE tem estado, nos últi-
lançamento do projecto Ambiental, promovida em 10 províncias, sob coorde- mos anos, envolvida em
“Apostar no Aviturismo”, Junho do ano passado. nação de especialistas inter- diversas polémicas relacio-
modalidade do ecoturismo A conferência recomen- nacionais, que permitiu nadas com práticas conta-
centrada na avifauna. dou, ainda, a criação de bases identificar 300 espécies, bilísticas irregulares e alegada
A localidade conta com para a investigação científica entre as quais 14 endémicas, manipulação de resultados
mais de 200 variedades de da avifauna e da flora ango- que só podem residir em comerciais. Recentemente,
pássaros registadas e distri- lana, através da conservação espaço ecológico nacional. o especialista financeiro
buídas em diferentes habitats. e criação de postos e áreas Vnâncio Victor | Malanje Harry Markopolos, apontado Imprensa americana diz que o negócio foi feito em Angola
14 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

CLASSIFICADOS
Atendimento Mais informações
Rua Rainha Ginga, 18/24 — Luanda Telefones: 937 550 262 /949 770 006
de Segunda a Sexta-feira, das 8h às 18h, e-mail: publicidade@jornaldeangola.com
aos Sábados e Domingos, das 8h às 14h IMOBILIÁRIO VIATURAS DIVERSOS
T2 1.º andar , Hoji-ya-Henda, APARTAMENTO T2, Prédio 10 CÂMARAS Frigoríficas de A.C.C. COMERCIAL, desinfes-
com 2 quintais, despensa e
varanda á 6.000.000kz. (895)
Novo na Ingombota. Telef:
912648011, 924593821.
40 Pés, sem intermediários.
Telefone: 923646572(716c) NEGÓCIOS tação, manutenção de ar con-
dicionado. Telefs: 921689291, OFERECE-SE
IMOBILIÁRIO T2 1.º andar , Hoji-ya-Henda,
(935d)
FAZENDAS em Benguela, c/ INSTALAÇÃO de GPS+alarme.
921689733.
(531) MOTORISTA C/experiência 4
com 2 quintais, despensa e 7.000 hectares 500.000.000Kzs Telefone: 935666767
varanda a 6.000.000kz. e Bengo 300 hectares c/ Rio WWW.KIMIRIA.COM(12.815) anos quer trabalhar. Telefone:
RELOJOARIA JOMAR: Rolex, 150.000.000,00 Akz. Telefone: CONSULTÓRIO: Planos de ne- 929782350.
VENDE-SE VIATURAS Audemars Piguet, Patex Phi- 944640321 (755) gócios, Estudo de Viabilidade,
organização e fecho de conta-
(747)
lips, Hublot, Tissot, vidros sa-
CASA Zango 1, 2 salas, 4 quar- fira e automáticos. Telefones: bilidade. Tlf.: 947718609.
JOVEM Técnico de Electro-
tos, 3 WCs, quintal, P/ 8 viaturas, 944440294, 918734487(417) (570)
tecnia (Electricista) procura
18.000.000,00. Tlfs: 929635221,
emprego ou como R. Pública.
923537583
(12.869) VENDE-SE Telf: 924868471.
VIVENDA V5, Nova Talatona,
com garagem p/7 carros, cozi-
DESINFESTAÇÃO de ratos,
baratas, formigas e outra
COMPRA-SE (660a)
EDIFÍCIO 1.º andar, por de- CAMIÃO SINOTRUCK, triler,
nha equipada 295.000.000,00 em perfeitas condições, Mat. MÁQUINA de gelado, picolé, praga, em casas e empresas.
trás do IFBA. Tlf.: 924335269. TODO TIPO DE OURO. Paga- COZINHEIRO Profissional e
milhões. Telef: 948069494. FA. Telefones: 923436160, algodão-doce, fritadeira, chapa Telef: 928648007.
(13.081)
(912) 926514316. (659) de hambúrguer, fiambreira e (913) mos na hora. Telfs: 936747202, chorrasqueiro experiente, pro-
FAZENDA de 116 hectares, tostadeira. Telefs.: 936196882, 936747203 cura emprego, dentro ou fora.
PROPRIEDADE no Mussulo,
VIVENDA T4, no Alvalade, óp- HYUNDAI i20 C/ 29.000Km, a C/casa de campo, a 40km do 917747359. (652c) CONSTRUÇÃO CIVIL, elabo- (13.077)
c/ 4 casas, piscina de 17.000 Terminais telfs: 929494362,
timo preço, dispensamos in- 3.650.000Kzs e 2 Sonatas c/ Lubango, 420.000.000 Kz, a dis- ramos projectos de Arquitec-
m2, junto ao Resorte Dailys. 930438985
termediários. Telf. 938865788. 5.000Km por Akz. 7.000.000,00 cutir. Telf: 928048493. (333) tura 2D e 3D, piscinas e
Telfs.: 923401470, 923404854. (834)
(886) discutíveis Telf.; 938227612 renovação de edifícios. Telfs:
(13.132)
VIVENDA T4, no Condomínio
(745) 924999333, 998289826. PRECISA-SE CHEFE de cozinha, 15 anos
CASAS Inacabadas a partir de (438)
30 casa Talatona. Telefones: SONATA e Elantra, novos, de experiência, culinária/pas-
2.500.000kzs, no Zango 0, 912648011, 924593821. (935) DIRECTOR Administrativo e
9.500.000,00Kzs, Pajero novo
I,II,III,IV, e V. Telefs: 925323272, Técnico de Produção. Telefo- telaria, procura emprego. Ter-
16.000.000Kzs, Kia Sportage MÁQUINAS de gelo escama,
997559626 (711) VIVENDA T4, na Maianga com 5.500.000Kzs, negociáveis. ne: 927178304. minais telefónicos: 938305888
liquidificador, 20/40 L, CX. de
Escritura sem intermediário. 928941712, 917697288 (743) 10 mil palitos/picolé, amassa- (814) ou 994805709
2.º ANDAR no Morro Bento, Telef: 912648011, 924593821.
CAMPAS granito e mármore, deira 130 l, divisória 36 furos, (857)
junto à UGP, Rua dos Gene- (935a) SUZUKI Jimny JLX, 1.3, AT,
montagem, gravação, cabe- novos. Telefones.: 936196882, ENFERMEIRO reformado c/
rais, preço negociável. Telef: cor verde. Telefs: 925262100,
ceiras, fotos. Casa dos Grani- 917747359. (652d) experiência Hospitalar e dis- JOVENS C/vasta experiência:
923732488. (720) VIVENDA T3, no bairro Azul 929097013 (806)
com Escritura s/ intermediá- tos. Telefones: 921662309, FAZ-SE Projecto arquitectó- ponível, que viva no Município cozinheira, lavadeira, babá,
990591646. (670) COMPLEXO Turístico na Res-
3 VIVENDAS DO TIPO T4, Rua rio. Terminais tlfs: 912648011, CAMIÃO SCANIA- série G460, tinga do Lobito, 700.000.000,00 nico, a bom preço. Para mais de Belas. Telefs: 935729860, engomadeira, governanta,
5, Zona Verde do Benfica. Telfs: 924593821. (935b) com cisterna Randon, capa- Kzs e Loja em Malanje, nego- informações, ligue p/ o tele- 923546200, 949987405. procura emprego. Telefones:
923732488, 913511842. (720a) cidade p/ 35mil litros. Telefs: TERRENO Agrícola de 100 fone: 946058657. (785)
ciáveis. Telf. 944640321(755b) 926464925, 994818511.
VIVENDA T3, no Alvalade 994646318/925646318. hectares, próximo ao Rio, (700)
1.º ANDAR, T4, em Viana, por com Escritura s/ intermediá- com documentação, exce- (233)
(750) EMPREGADOS de Limpeza
detrás do Porto Seco Km25, ne- rio. Terminais tlfs: 912648011, lente investimento. Telefs: DESINFESTAÇÃO sem
gociável. Telfs: 923732488, 913 924593821. (935c) 948399762, 912350634 (266) c/experiência de 3 anos e dis- FORMAÇÃO de higiene e se-
SONATA, Elantra, Grand i10, cheiro, anti-alérgica, não
511842. (720b) Accent, Tucson, i20, Kia Soul, ponibilidade. Telf: 935729860. gurança alimentar, gestão de
precisa sair de casa, nem de-
APARTAMENTO T3, 1.º andar, Sportage, Rio, Fortuner, Maz- FAZENDAS de 100, 500, 1000 (785a)
sarrumar. Terminais telfs: cozinha e economato, infor-
APARTAMENTO T2, 6.º andar, Bairro Prenda, próximo do da. Tlf: 927178200 (846) e 5000 hectares, no Bengo,
925 537172/912 769776. matica e inglês. Terminal te-
nos Combatentes, junto ao Banco BIC a 20.000.000Kz. Te- Uíge, Cuanza Norte, Cuanza- CONTACTAR o proprietário de
FORNO rotativo industrial, (918a) lefónico: 938305888.
Kero, a 20.000.000.00kz. Telefs: lefone: 923351024/915147522 Sul e Malanje. Tlf: 923646572 chassi nº NP9ART209CS029739.
diesel, amassadeira, carrinho (857a)
936060256, 994753477. (947) (716) recém-chegado novo. Telf: O mesmo deverá apresentar a
(708) 922204848. (662) documentação que comprova a
APARTAMENTOS T3 e T2, em
Condomínio fechado em Ta- titularidade do mesmo. Telf
PROJECTOS FECHADOS, Se-
quele e Zango (0), 6.000.000 latona. Telefone: 921118742,
918749828 (949)
TERRENOS de 30x30, 30x40
e 40X60, no Patriota e Benfica.
932373194.
(871)
PERDEU-SE
Vila Flor. 3.500.000,00. Várias Telefone: 923646572. (716a)
modalidades de pagamento. HYUNDAI, H1 Manual Gasó-
VIVENDA T3, T 4 em Talatona leo, AC, 89 mil km, Akz PASSAPORTE passado em
Telfs: 925500073/993500073. TERRENOS e casas em áreas SUPERVISOR, Rondista para
e Alvalade a Kzs 160.000.000. 3.500.000. Telefs: 924151295, DESINFESTAÇÃO de ratos, nome de Hassein Htait, Liba-
(507) Tlfs: 921118742, 918749828. bem localizadas, Camama e empresa de Segurança. com
915439970. (895b) GERADORES Perkins, 13 a baratas, formigas e outra
(949a) Via Expressa. Tlfs: 923576820, experiência comprovada. nês n.º RL 3406988. Telefones:
1000 KVA, peças óleo Shell e praga, em casas e empresas.
919796645. (667) Telef: 928648007. Telef: 915532586. 924459409, 932888860.
TOYOTA Runner, versão Ame- viaturas. Telefs: 923320418,
ricana 3.000.000Kzs, Kia-Pi- 943499777. (412) (903) (896) (919)
ARRENDA-SE canto 2.500.000Kzs, discutí-
veis. Telefones: 925192777,
TERRENOS, no Benfica, Pa-
triota, Via Expressa, Talatona
e Zona Verde lotes e hectares.
923707831. (883) PROCURA DE PARADEIRO
ESCRITÓRIOS no Cassenda, Telef: 926662211, 941360240.
VIVENDA T4, T5 e T6, Edifício Manamat. Terminais (931)
CANTER Akz 3.900.000, L200 Desapareceu de casa dos seus familiares, a maior de 43 anos de
Maianga, Corimba, Nova Vida tlfs.: 934069963, 921612120, Akz 3.500.000, Hilux automá- idade, de nome JULIETA CARLOS GERMANO, desde o dia
e Patriota. Telef: 941360240. 921612130. (452) COLCHÕES Kamaflex-Cama,
tico Akz 6.900.000, Kia Rio
(381a) estrados, bases, berços, al- 13/10/2019. A mesma padece de perturbações mentais. Desde já,
Akz 2.900.000.00. Telefone:
MORADIA no Patriota, arma- mofadas, lençóis, tapetes, R. pede-se a quem a encontrar ou venha encontrá-la o favor de
944789955. (878) PADARIA Kit, forno, 3 gavetas,
zém e uma loja no Benfica. Te- Maianga. Telf: 938910826.
lefone: 912881293. (473) gás, estufa, amassadeira 50L,
(786) levá-la ao Município de Cacuaco (Bairro da Cerâmica) ou Gamek
EMPRESA: 2 Hyundai Santa batedeira 20L, carrinho/pão, à Direita, ou ainda conduzi-la à Esquadra Policial mais próxima
MORADIA T4, B.º Cassenda, Fé, 2 Kia Soul, 3 Suzuki Jimny, balança, tabuleiro. Telefone:
Renault Duster, Nissan Juker, 936196882. (652)
TERRENO 4 hectares, Zona e ligar para os terminais: 924306294/992857004. (790)
próximo à Shoprite, água/luz, Industrial Eywa, Lubango, Di-
parque, Akz 150.000.00/mês. Infinity FX 35. Tlfs: 927777099,
927994509. (524) reito de Superfície, C/ rio. Te-
DOIS COMPLEXOS turísticos Telefone: 923447256. (666) lefone: 935257101 (902) PROCURA DE PARADEIRO
novos, no Mussulo e Talatona, EMPRESA: Porche Cayenne,
APARTAMENTOS T2, T3 e T4, TERRENO 100M2, Benguela Encontra-se desaparecido o cidadão, maior, de 45 anos de idade,
30 suites Tel: 926662211. Nissan Patrol, 2 Chevrolet Ca-
edifícios novos, no centro da ci- Sul, Direito de Suprefície, Ur-
(381) maro, Toyota Prado, Ranger de nome: CELESTINO ANTÓNIO ADÃO, natural do Lobito, Pro-
dade. Telef: 923646572 (450d) banizada,´água e luz. Te-
Sport, 2016, Land Cruiser víncia de Benguela, com última residência no Bairro Kilamba Kiaxi,
APARTAMENTO T2, cozinha, lef.935257101/994326497.
APARTAMENTO c/ 1 quarto 2018. Telefones: 927777099,
2 WC, no prédio, Bairro Ope- (902a) Casa S/N. Pede-se a quem souber do seu paradeiro, o favor de
mobilado frente à Embai- 927994509. (524a) MOINHO de fuba de bombó
rário. Telf: 925800982. (775) xada Portuguesa na Ingom- e milho, diesel, C/ ignição e conduzi-lo à esquadra mais próxima ou contactar pelos terminais
TOYOTA Prado VXL, todo equi- MOTOR Kia Rio/Getz Ocasião
bota. Telefones: 912517892, manivela, 25 sacos/hora, no- telefónicos: 923501827/991501827. GRATIFICA-SE.
CASAS T3, Condomínio fe- pado, 2010, preço: 12.500.000 250.000.00kz. negociável. Te-
924574385. (820) vo. Terminais tlfs: 936196882,
chado, Luanda Sul, Via Ex- Akz, sem intermediários. Con- lef: 915439970/924151295.
922799624 (652a) (895a)
pressa e Kikuxi. Telefones: APARTAMENTO T2 de fronte tacto: 923506649 (811)
942695999, 993363263(833) à Embaixada de Portugal.
GUITARRA electrónica e am-
Telfs: 926485152, 914974070.
plificadora novo 100.000.00kz
RECRUTAMENTO
(892)
negociável. Telef: 924 15 12
95/9154339970. (895c) A SFT Angola, S.A. é uma empresa de direito angolano cuja principal actividade é a pesca
APARTAMENTO T1, T2 e T3, nacional, importação de pescado e exportação, pretende recrutar candidato para área de:
Kilamba, Sagrada Família,
1. Técnico de manutenção e refrigeração
com ou sem recheio. Tele-
fone: 991605628/933894358
DIVERSOS PLACA ELECTRÓNICA, Grelha
Kia Sportage 2012, Akz 150.000
Formação: Escola de Formação Técnica.
SERPENTINA gelado em bal- kzs. Telefones: 924151295,
VIVENDAS de luxo na Co- (889) Especialidade: Operador de Unidade de Refrigeração.
de, serra-ossos, churrasqueira 915439970. (895d)
rimba, Nova Vida, Patriota e a gás, banho-maria para buf- - Experiência mínima de 5 anos, em manutenção e refrigeração, e como amanhador
(1) ESPLANADA no exterior e processamento de peixe.
Benfica a partir de 70.000.000 fet, mesa Inox. Tlf: 922799624. ESPADA Originais de Samurai
da Max, Camama. Telefone:
Kz. Telefone: 926662211. (873)
923314244 (865) VENDE-SE (652b) cada 50.000.00kzs. Telef:
924151295/915439970.. (895e)
- Conhecimento das línguas Russa e Inglesa.
Os interessados devem remeter o seu CV, para o correio electrónico:
VIVENDA T3, próximo ao VIVENDA T3+anexo, no Con- TERRENOS de 1 a 20 hectares, officeangola@sft.lt. até ao dia 22 de Outubro de 2019.
Ulengo Center, quintal P75 domínio Austin. Terminais TERRENO na Vila Flor na Via Expressa e Pólo indus- CHURRASQUEIRA EURO-
carros, água e luz, 25.000.000 telfs: 928687900, 912366301 15.000m2. Telef: 923581661 trial de Viana. Tlf: 923646572. PEIA. Teleone: 942697395. Director Geral
Kz. Telefone: 930667871. (913) ou 997687900. (890) (123) (716b) (909) Roman Urusov (663)
Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 15
PUBLICIDADE

MINISTÉRIO DA ENERGIA E ÁGUAS


UNIDADE DE COORDENAÇÃO DE PROJECTOS (UCP/BM-AFD)
PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL DO SECTOR DE ÁGUAS DE ANGOLA II (PDISA II)
N.º DE IDENTIFICAÇÃO DO PROJECTO P151224

CONCEPÇÃO E CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA CAPTAÇÃO DE ÁGUA, ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA, ESTAÇÃO ELEVATÓRIA
ADUTORA DE ÁGUA BRUTA, CENTROS DE DISTRIBUIÇÃO E CONDUTAS PRINCIPAIS PARA UÍGE

CONCURSO PÚBLICO INTERNACIONAL N.º P074W3/UÍGE/19


O Governo da República de Angola recebeu um financiamento do Banco Mundial e Novembro de 2017 e Agosto de 2018 (“Regulamentos de Aquisições”) e está aberta a todos
da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) para cobrir o custo do Projecto de os Candidatos elegíveis, conforme definido nos Regulamentos de Aquisições.
Desenvolvimento Institucional do Sector de Águas II (PDISA II) e pretende aplicar parte
Candidatos elegíveis interessados podem obter mais informações directamente na
destes fundos, para pagamentos ao abrigo do contrato PO74W3/UÍGE/19, para a
Unidade de Coordenação de Projectos (UCP-BM/AFD) no endereço abaixo durante o
Concepção e Construção de uma Nova Captação de Água, Estação de Tratamento
horário de expediente, das 09h00 às 15:00 horas. Os documentos de Selecção Inicial
de Água, Estação Elevatória, Adutora de Água Bruta, Centros de Distribuição e
em língua inglesa podem ser obtidos gratuitamente pelos Candidatos interessados
Redes e Condutas Principais para o Uíge.
mediante um pedido escrito dirigido ao endereço abaixo. Os documentos poderão ser
obtidos no endereço abaixo.
A Unidade de Coordenação de Projectos (UCP-BM/AFD) do Ministério da Energia e
Águas (MINEA) pretende levar a cabo a Selecção Inicial de candidatos para a Concepção As Candidaturas para a Selecção Inicial devem ser na língua inglesa e deverão ser
e Construção de uma Nova Captação de Água, Estação de Tratamento de Água, Estação enviadas em envelopes claramente identificados e entregues no endereço abaixo, até
Elevatória, Adutora de Água Bruta, Centros de Distribuição e Redes de Condutas às 10h00 do dia 10 de D ezembro de 2019. Os pedidos atrasados serão rejeitados.
Principais para o Uíge. As principais características do projecto proposto são (a ser
validadas pelo Empreiteiro durante a preparação do projecto): uma nova captação de O endereço mencionado acima é:
água localizada no Rio Loge, 19 km de conduta em Ferro Dúctil DN500/600, 5,5 km de Ministério da Energia e Águas (MINEA)
HDPE DN125-315, estação de tratamento de água com a capacidade de 16.000 m3/d, Unidade de Coordenação de Projectos (UCP/BM-AFD)
reservatórios em betão com capacidade total de 9.000 m3 e estações elevatórias. À atenção de: Sr. Eng.º Lucrécio Costa
Espera-se que a solicitação de propostas seja feita em Janeiro de 2020. Rua 21 de Janeiro, Sector A, Quarteirão 2, Casa 12 (Ex-escritório do COCAN)
Morro Bento, Luanda-Angola
A Selecção Inicial será regida por meio dos procedimentos especificados no Regulamento Tel: +244 222024757 / 924746294
de Aquisições do Banco Mundial para os Mutuários do IPF de Julho de 2016 revisto em E-mail: pdisa@pdisa.co.ao
(780)

RECRUTAMENTO
CONVOCAÇÃO DA ASSEMBLEIA-GERAL EXTRAORDINÁRIA DA SOCIEDADE PASSIM
COMÉRCIO GERAL A RETALHO, IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO, LIMITADA
Vem a Direcção de Recursos Humanos da empresa IMEX-TRADE,
PASSIM – COMÉRCIO GERAL A RETALHO, IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO, LIMITADA, com Lda., abrir candidatura para admissão de Director Técnico de
sede na Província de Luanda, na Rua da Pracinha, n.º 28, Bairro Morro Bento, Distrito Urbano da
Samba, Município de Belas, com o Capital Social de AOA 100. 000, 00 (Cem Mil Kwanzas), registada Manutenção.
na Conservatória do Registo Comercial de Luanda, sob o n.º 5171164L77, e contribuinte com Nú-
mero de Identificação Fiscal (NIF.) 2006.912, neste acto representado pelo senhor Filipe Kavonde,
advogado, com poderes bastantes para o acto por procuração datada de 04 de Outubro de 2019, Enviar currículo, para: info@imextrade.co.ao.
em representação dos herdeiros Admarce Prober Ambrósio Simões e dos menores Euseclim Am-
brósio Simões e Ptchélica Samba Ambrósio Simões, por procuração da Sra. Angélica Manuel Joa-
quim Simões, representados legalmente; Luanda, aos 17 de Setembro de 2019.
De harmonia com o disposto na Lei das Sociedades Comerciais, havendo necessidade de regularizar
a situação societária por conta do passamento físico do também sócio Pascoal Simões Rodrigues
da Costa Neto e a sucessão na quota deixada pelo de cujus, e em como da necessidade para o Director de Recursos Humanos
preenchimento da vacatura do cargo de gerente, convocam-se os Senhores: (i) Panice Isabel Lu- Moisés André
pessi Simões, (ii) Ercília Alíria Lupessi Simões, (iii) Jarmica Édvinges Maria Pascoal e os Herdeiros (922)
do de cujus Pascoal Simões Rodrigues da Costa, e (iv) Angélica Manuel Joaquim Simões, respec-
tivamente Sócios, Sucessores e Cônjuge Meeira, para reunirem em Assembleia Extraordinária a
realizar-se no próximo dia 15 de Novembro de 2019, sexta-feira, às 9h:30, na Sala de Reuniões do
Escritórios de Advogados, sitos à Rua Comandante Kwenha, n.º 24-26, R/C, Kinaxixi, junto ao Res-
taurante Benfica, na cidade de Luanda, com a seguinte ordem de trabalhos:

PONTO UM: Deliberar sobre a Sucessão da quota do sócio falecido, Pascoal Simões Rodrigues
da Costa Neto, no valor de AOA 14. 000, 00 (Catorze Mil Kwanzas), correspondente a 14% (catorze
por cento) do capital social, conforme consta do Pacto Social publicado em Diário da República.

PONTO DOIS: Deliberar sobre a Designação e Eleição de novo Gerente para a sociedade, com a O Banco SOL, S.a.r.l, Sociedade Privada de Direito Angolano, com sede social
apresentação da candidatura de Angélica Manuel Joaquim Simões.
no cruzamento da rua Frederico Welwitch, n.º 47 e da rua Lourenço Mendes da
PONTO TRÊS: Alteração dos artigos 4.º, 8.º e 9.º do Pacto Social da Sociedade publicado em Diário Conceição n.º 7, Luanda, Contribuinte n.º 541 000 579 comunica ao trabalhador
da República N.º 127, de 20 de Outubro de 2006, III Série.
DÉRCIO DE JESUS CORREIA ROCHA, que se encontra em situação de Aban-
Se à hora indicada não houver quórum, a Assembleia funcionará uma hora depois no mesmo local, dono de Trabalho, pelo facto de estar ausente do seu local de trabalho há mais
com qualquer número de sócios, e a mesma ordem de trabalhos.
de 15 dias, consecutivamente, sem qualquer justificação, conforme o presumível
Encontram-se à disposição dos sócios, no local da Reunião, disponível para consulta em horário por Lei, artigo 229.º n.º 2 alínea c) e n.º 3 da LGT. Nos termos da LGT e, de
normal de expediente, os documentos e elementos de informação com que se instrui a presente
convocatória e ainda os elementos previstos por lei.
acordo com o Art.º 229.º n.º 4, fica notificado a comparecer na sede do Banco
Sol, sita em Luanda, nas horas normais de expediente, no prazo de 5 (Cinco)
PASSIM – COMÉRCIO GERAL A RETALHO, IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO, LIMITADA
dias úteis a contar da data de publicação deste anúncio, para provar documen-
Filipe Kavonde talmente as razões da ausência e a impossibilidade de ter cumprido a obrigação
O Presidente, por procuração bastante, da Mesa da Assembleia-Geral Extraordinária
da informação e justificação da ausência, estabelecida no Artigo 144.º. (741)
(836)
16 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DA CONSTRUÇÃO E OBRAS PÚBLICAS
GABINETE DE GESTÃO DE CONTRATOS

ANÚNCIO N.º 011


CONCURSO PÚBLICO N.º 010/INEA/GGC/MINCOP/19
O MINISTÉRIO DA CONSTRUÇÃO E OBRAS PÚBLICAS, através do GABINETE DE GESTÃO DE 3.3. Não é exigida a caução provisória.
CONTRATOS, nos termos do disposto no n.º 1 do artigo 69º e do anexo VI, da Lei n.º 9/16, de 16 de
Junho, da Lei dos Contratos Públicos, vem tornar público que está aberto o Concurso Público, para o 4. Critérios de adjudicação
Fornecimento de 10 Balanças Rodoviárias Móveis; Proposta economicamente mais vantajosa.

1. Dados da Entidade Pública Contratante. 5. Processo


1.1 - Ministério da Construção e Obras Públicas; 5.1. Prazo para recepção das peças do procedimento até ao dia 18 de Novembro de 2019, das 9 horas
1.2 - Endereço: Rua Frederich Engels, n.º 92, 1.º Andar Porta U. às 15 horas;
1.3 - Localidade: Luanda; 5.2. Peças do Procedimento
1.4 - Província: Luanda; - Programa do Concurso
1.5 - Telefone: 921781965; - Caderno de Encargos
1.6 - Correio electrónico: contratacaopublica.mincop@gmail.com; .5.3. Preço e condições para aquisição das peças do procedimento
1.7 - Tipo de Entidade Contratante e suas principais actividades: - 150.000,00 KZ (Cento e Cinquenta Mil Kwanzas) a ser depositado na Conta Única do Tesouro numa
1.7.1.- Ministério da Construção e Obras Públicas Repartição Fiscal.
1.7.2. - Órgão Auxiliar do Titular do Poder Executivo responsável pela execução das políticas públicas - Cópia do Alvará Comercial para venda de Equipamentos.
no domínio da construção e obras públicas; 5.4. Prazo para apresentação das propostas:
1.8 - O Ministério da Construção e Obras Públicas está a contratar no quadro das suas competências, Até ao dia 19 de Novembro de 2019, às 15 horas.
para o desenvolvimento da sua carteira de projectos; 5.5. Valor da caução definitiva 5% do valor global da proposta adjudicada.
1.9 - NIF: 5000075604
6. Informações Complementares
2. Informações Relativas ao Contrato 6.1. Endereço e ponto de contacto onde podem ser obtidas as informações adicionais. Ministério da
2.1. Designação do Contrato: Fornecimento de 10 Balanças Rodoviárias Móveis. Construção e Obras Públicas;
2.2. Tipo de Contrato: Aquisição de Bens. 6.1.1. Endereço: Rua Frederich Engels, n.º 92, 1.º Andar Portas T,U e V.
2.3. Local de Realização dos estudos: Estradas Nacionais. 6.1.2. Localidade: Luanda;
2.4. O concurso implica a celebração de um Contrato Público. 6.1.3. Província: Luanda;
2.5. O concurso está aberto à participação de entidades públicas empresariais e entidades privadas 6.1.4. Telefone: 921781965
residentes cambiais. 6.1.5. Correio electrónico: contratacaopublica.mincop@gmail.com;
2.6. O objecto do Concurso é adjudicar o “Fornecimento de Balanças Rodoviárias Móveis”. 6.1.6. Serviço Nacional de Contratação Pública: www.contratacaopublica.minfin.gov.ao.
2.8. Prazo de Execução do Contrato: 6 meses.
MINISTÉRIO DA CONSTRUÇÃO E OBRAS PÚBLICAS, GABINETE DE GESTÃO DE CONTRATOS,
3. Informações relativas aos concorrentes e às propostas Luanda, aos 15 de Outubro de 2019.
3.1. Os Documentos de Habilitação devem ser apresentados nos termos do art.º 58.º, da Lei n.º 9/16,
de 16 de Junho. O DIRECTOR
3.2. Não é permitida a submissão de propostas variantes. DEALDINO DE OLIVEIRA FUATO BALOMBO
(501.365)

VAGA
Para enriquecer o seu quadro profissional no mercado financeiro Angolano, O Banco da 2.
China Limitada, Sucursal em Luanda, comunica às vagas abaixo mencionadas.
Função: Técnico de Controlo Cambial
Os interessados deverão enviar as suas candidaturas para o seguinte endereço electrónico: N.º vaga: 1 (uma)
service.ao@bankofchina.com até ao dia 18 de Novembro de 2019. Departamento: Departamento de Finança Corporativa

1. Perfil:
Função: Jurista Nacionalidade Angolana
N.º vaga: 1 (uma) Bacharel ou Licenciatura;
Departamento: Departamento de Compliance, Legal & Risco Operacional Mínimo 3/4 (três a quatro) anos de experiência em área de Crédito, produtos transaccio-
nais/Finança Corporativa no sector bancário.
Perfil: Fluente em Inglês, falado e escrito.
Elevado senso de responsabilidade e proactividade.
Nacionalidade Angolana Domínio de ferramentas informáticas na óptica do utilizador.
Nível superior Concluído em Direito Forte conhecimento de regras de combate ao branqueamento de capitais e financiamento
Mínimo 3 (três) anos de experiência em Compliance, Jurídico ou Área de Gestão de Pro- ao terrorismo, gestão de controlos internos no Departamento, gestão de conflito de inte-
cessos no sector bancário ou área relacionada; Enorme conhecimento da Legislação local resses, CIRC e regras de gestão de crédito e risco de crédito.
Fluente em Inglês, falado e escrito.
Elevado senso de responsabilidade, dinamismo e proactividade. Principais Responsabilidades:
Domínio de ferramentas informáticas na óptica do utilizador.
Forte conhecimento de regras de combate ao branqueamento de capitais e financiamento O acompanhamento de toda a regulamentação publicada pelo BNA sobre operações cambiais;
ao terrorismo, gestão de risco de compliance, regras de gestão de conflito de interesses, A existência de sistemas e controlos adequados para o cumprimento da legislação e regu-
privacidade de dados. lamentação e a sua actualização quando necessário; A determinação das necessidades
de formação do pessoal do banco em matérias cambiais; A correcta abertura e movimen-
Principais Responsabilidades: tação de contas bancárias detidas por não residentes cambiais; O cumprimento da legis-
lação e regulamentação cambial das operações não sujeitas a licenciamento, isto é, nos
Assegurar a Função Jurídica na vertente de produto bancário; Manter contactos com os casos em que a aprovação tenha sido delegada para as Instituições Financeiras Bancárias;
Reguladores e controlar a implementação de medidas correctivas sempre que necessário; A legitimidade e correcta constituição de todos os processos de pedido de licenciamento
Efectuar a revisão de políticas e procedimentos internos; Participar em projectos que digam ou registo de operações e o seu envio atempado ao BNA; A execução correcta e atempada
respeito à transposição de Directivas Comunitárias ou integração e implementação de ma- das operações cambiais, bem como o seu registo contabilístico e nos sistemas de reporte
térias regulatórias sobre Produtos e Serviços Financeiros; Prestar apoio jurídico em todas ao BNA; O reporte tempestivo e correcto de toda a informação a ser enviada ao BNA; A re-
as questões de Direito Financeiro/Bancário inerentes às funções; Elaboração de Contratos presentação da Instituição Financeira Bancária junto do BNA para todas as questões cam-
de Crédito e Emissão de Pareceres Jurídicos; Elaboração de Processos internos do banco, biais, através do responsável pela função de controlo cambial"; Preparação de reportes
controlo regulatório e adequação de processos, bem como, respectiva formação interna. periódicos da área, reportes ao BNA e respectiva investigação.
(501.360)
Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 17
PUBLICIDADE

INSCRIÇÕES ABERTAS DE 14 DE OUTUBRO A 5 DE NOVEMBRO

(501.354a)

INSCRIÇÕES ABERTAS DE 14 DE OUTUBRO A 5 DE NOVEMBRO

(501.354b)
18 NECROLOGIA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU

DAMIÃO TEKA LANVU ANDRÉ DOMINGOS LUCAS FRANCISCO JOÃO CANJUNDO ANTÓNIA DE CASTRO ALVES GONGO
(Dadu) GUIMARÃES
Ana Lanvu, Adélia Lanvu, Dinakutina Esposa e familiares de ANDRÉ DOMINGOS O colectivo de trabalhadores da Univer- Germana do Céu, Libânia da Conceição, Cremilda Gongo da Silva Neto, Georgina
Lanvu, Honorina Nfulu e família cumprem LUCAS comunicam o seu falecimento, sidade Metodista de Angola cumpre o José Jaime, Noémia de Fátima, Jaime Gongo de Matos, Cidália Gongo Capeça,
o doloroso dever de informar o falecimento ocorrido dia 18/10/2019. O funeral rea- doloroso dever de comunicar o passa- António, Carlos Alberto, Maria de Fátima, Fidelina Gisela Gongo, Emanuela Gongo
do seu ente querido, DAMIÃO TEKA l i za - s e a m a n h ã , te rça - fe i ra , d i a mento físico do seu trabalhador, FRAN- José Manuel, Ana Paula (filhos), netos, Vunge, Celmira Gongo e Faraildes Gongo
LANVU (Dadu), ocorrido no dia 8 de 22/10/2019, às 11h00, no cemitério de CISCO JOÃO CANJUNDO, ocorrido dia bisnetos e demais familiares comunicam têm o doloroso dever de comunicar o fale-
Outubro de 2019, por doença. O funeral Sant'Ana, partindo o cortejo fúnebre de 18 de Outubro de 2019, por doença. o falecimento de sua querida mãe e avó cimento de seu pai ALVES GONGO, ocor-
será realizado no cemitério de Sant'Ana, sua residência, no Bairro dos Correios, O funeral realizar-se-á em data a anun- ANTÓNIA DE CASTRO GUIMARÃES, rido no dia 20/10/2019 (domingo), em
amanhã, terça-feira, dia 22 de Outubro CTT. (955) ciar. Nessa hora de dor e luto, endereça ocorrido dia 18/10/2019, em Luanda. O Faro (Portugal), vítima de doença e infor-
2019, pelas 11h30. Que a sua alma descanse os mais sentidos pesâmos à família funeral realizar-se-á em data a anunciar mam que o seu funeral será comunicado
em paz. (928) enlutada. (950) oportunamente. (906) oportunamente.

RECORDAÇÃO RECORDAÇÃO FALECEU FALECEU MISSA

MARIA DA CONCEIÇÃO MARIA DA CONCEIÇÃO JOSÉ VALDIR TADEU BASTOS JOSÉ SIMÃO DO AMARAL CELMA CRISTINA M. DA C. DE
PEDRO VAN-DÚNEM PEDRO VAN-DÚNEM ALMEIDA DO NASCIMENTO
Mãe querida! Estarás sempre nos nossos Mãe! Nós assim te chamávamos. O Jorge Bastos, Ernesto Bastos, Hernani Maria Mendes Costa (esposa), Joaquim Duarte Jacinto João (esposo), Ângela,
corações. Em teus braços conhecemos adeus neste trágico dia 21, deixou em Bastos, Maria Isabel Bastos, Perpétua Amaral, Ricardo Amaral, Isabel Amaral, Kélio, Krislene, Francelino (filhos), Francisco
um amor sem igual, e na tua ausência nossos corações a eterna saudade que Bastos e Arminda Bastos comunicam Zeca Amaral, Helena Amaral, Albertina do Nascimento (irmão) e demais familiares
ficaram as saudades sem fim. Lembram- nunca terá fim. Recordam-te os teus o falecimento de seu irmão JOSÉ VALDIR Amaral, Bela Amaral, Sérgio Amaral, Edgar agradecem a todos que se dignaram a
te teus filhos amados: Lito, Vadinho, netos: Tiz, Mac, Huíla, Vilma, Euzinho, TA D E U B A S T O S , o c o r r i d o d i a Amaral, Izarina Amaral (filhos), netos, acompanhar as exéquias de CELMA CRIS-
Lina, Luiana, Marisa, Kilamba, Wine e Luana, Duvan, Denzel, Irana e Adriel. 18/10/2019, em Lisboa. O funeral rea- primos, noras, bisnetos e demais familiares TINA MARIA DA CONCEIÇÃO DE ALMIEDA
Wilck. Descanse em paz, mãe. (879) Descans em paz, mãe. (879a) lizasar-se-á em data a anunciar opor- comunicam o falecimento do seu ente DO NASCIMENTO. Mais informam que é
tunamente. (956) querido JOSÉ SIMÃO DO AMARAL, ocorrido rezada Missa do 7º Dia, hoje, segunda-
no dia 19/10/2019, por doença. O funeral feira, dia 21/10/19, às 18h30, na Igreja da
realizar-se-á em data a anunciar . ( ) Sagrada Família. (958)

PUBLICIDADE

(700.052e)

SERVIÇO NECROLÓGICO: DIAS ÚTEIS DAS 9H ÀS 18H, SÁBADOS, DOMINGOS E FERIADOS DAS 8H ÀS 14H
Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 19
PUBLICIDADE

(501.371)

(501.356) (900.005)
20 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PUBLICIDADE

DIRECTOR DE SERVIÇOS E OPERAÇÕES


RECRUTA-SE DIRECTOR PARA ÁREA DE MANUTENÇÃO
Empresa Angolana, no ramo da Indústria, pretende recrutar para os seus quadros Um Colaborador (a), com
DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS formação académica em Engenharia e Gestão Industrial, a ser sedeado fora de Luanda.

REQUISITOS:
Empresa ligada a Matadouro recruta Director de Manutenção de - Formação académica superior de Grau Mestre
- Capacidade de iniciativa / autonomia.
Máquinas e Equipamentos
- Capacidade de raciocínio matemático, resolução de problemas, organização e planeamento, gestão e liderança.
- Capacidade de trabalhar sob pressão.
- Experiência de trabalho com ERP´s.
O Candidato para esta vaga deverá ter as seguintes qualificações: - Disponibilidade para viajar dentro e fora do país.

• Experiência comprovada na área, 5 anos no mínimo FUNÇÕES:


• Bons conhecimentos em Informática na óptica do utilizador - Liderar equipa de produção, manutenção e distribuição.
- Gestão da manutenção correctiva e preventiva dos equipamentos fabris da empresa.
• Eficiência na execução das tarefas, pontual, dedicado, profissio- - Gestão de todo o planeamento informático de produção e armazéns.
- Responsável da melhoria contínua dos processos produtivos e de qualidade.
nal, disponibilidade para trabalhar em qualquer parte do território - Elaboração de relatórios periódicos.
nacional, incluindo deslocações por períodos longos
PERFIL:
- Experiência em áreas de Gestão Industrial.
- Disponibilidade de deslocação em Províncias
Informações adicionais:O trabalho será prestado no Porto Amboim, - Espírito de Equipa, organizado e disciplinado com capacidade de dar formação.
Província do Cuanza Sul. - Forte sentido de responsabilidade e profissionalismo

CONDIÇÕES:
- Condições remuneratórias atractivas e aliciantes em função do perfil e experiência evidenciados.
As candidaturas deverão ser enviadas para o seguinte correio
electrónico: recrutamento201810@hotmail.com As candidaturas devem ser entregues no Edifício Masuika – Bloco A - 5.º D - Talatona.
(501.362) (838)

RECRUTAMENTO
Fazenda BOIDANG, situada no Kwanza Sul, procura
candidato, com experiência comprovada, para
CURSOS DE: ABANDONO DO POSTO DE TRABALHO
preenchimento da seguinte vaga:
A METAROCHAS - ROCHAS E SEMI-PRECIOSAS DE AN-
• MEDIÇÕES E ORÇAMENTO NA CONSTRUÇÃO CIVIL;
• CAMPEIRO (CAVALEIRO DE GADO) GOLA, LDA. comunica aos funcionários AGOSTINHO DE OLI-
• FISCALIZAÇÃO DE EMPREITADA DE OBRAS; VEIRA ROCHA e PEDRO VICTOR SIMÕES MATEUS de
• GESTÃO DE PROJECTOS, PLANEAMENTO DE OBRAS; nacionalidade portuguesa que se encontram em situação de
REQUISITOS • DIMENSIONAMENTO DE ESTRUTURAS (BETÃO E METÁLICAS); abandono de trabalho, pelo facto de estarem ausentes do seu
1. Mínimo de 10 anos de experiência comprovada na local de trabalho, há mais de (10) dias úteis, sem qualquer justifi-
• DIMENSIONAMENTO DE FUNDAÇÕES;
mesma função; cação para o efeito.
• DIMENSIONAMENTO DE REDES DE ABASTECIMENTO DE ÁGUAS;
2. Manuseamento de gado ovino, bovino e Caprino; Mais informa que, nos termos do disposto no artigo 229.º n.º 4,
• AUTO CAD; REVIT; LUMION; HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO.
3. Domínio de Tratamento Veterinário e Manusea- da Lei Geral do Trabalho, os indicados funcionários dispõem de
mento de Inseminação artificial; cinco (5) dias úteis a contar da data da publicação do presente
4. Conhecimento de domesticação de equinos p/Tra- OBS: Certificado reconhecido pelo INEFOP, Material de apoio e instalação anúncio para justificar, documentalmente, a sua ausência e a im-
possibilidade de ter cumprido a obrigação de informação e justifi-
balho com o Gado; dos softwares.
cação da ausência nos prazos previstos no artigo 144.º do mesmo
5. Formação de vaqueiros a cavalo, manuseamento Os cursos de (Medições e Orçamento e Fiscalização de Obras) disponí- diploma legal.
de acessórios; veis em 3 períodos
6. Domínio de técnicas apropriadas para o amansa- A não justificação atempada valerá como rescisão do contrato de
Manhã, Tarde, Noite e aos sábados. trabalho com a METAROCHAS,LDA, sem justa causa e sem aviso
mento dos animais, acostumando-os. www.portecos.com prévio, com as inerentes consequências legais.
fb.com/portecosconsultores academia@portecos.com
Os interessados deverão enviar o curriculum Vitae e Lubango, 24 de Setembro de 2019
Rua Reverendo. Pedro Neto,
carta de candidatura mencionando a função, pelo A Direcção de Recursos Humanos
n.º 2 – Kinaxixi Luanda +244 943245005 / +244 994451559
email: nflor@soklinker.com Evânia de Almeida
(822) (219) (960)

COMISSÃO LIQUIDATÁRIA DA VAGA DE EMPREGO


USOKO - ASSOCIAÇÃO MUTUALISTA Empresa Angolana que actua no ramo da Hotelaria e Turismo está a
recrutar para o seu quadro de pessoal Coordenador para o Departa-
mento de Receptivo e Supervisão Comercial.
EDITAL N.º 001/19 ESTIMADOS MANDATÁRIOS & CLIENTES
Missão:
Tendo sido extinta a USOKO - Associação Mutualista, nos termos CIRCULAR N.º 10/IAPI/MIND/19 Coordenar e organizar todo o processo de pacotes de Viagens, Elabora-
da al. a) do N.º 1 do Artigo 74.º do seu Estatuto, por deliberação ção de programas, garantir o controlo do departamento receptivo e Su-
do colectivo de associados, tomada em Assembleia-Geral, rea- pervisão Comercial.
O Instituto Angolano da Propriedade Industrial comunica
lizada no dia 12 de Abril de 2019, por maioria qualificada de 2/3
dos mesmos, em pleno gozo dos seus direitos.
a todos os interessados, que está à venda o Boletim Requisitos da Função:
n.º 9/2019, com os seguintes n.ºs de pedidos: - Formação Superior em Turismo;
- Domínio de MS Office;
Uma vez criada a Comissão Liquidatária na referida Assem-
- Domínio dos sistemas de GDS e Reservas de operadores, factor elimina-
bleia, nos termos do n.º 2 do Artigo acima citado, para proce- Marcas: Processos de 61.300 a 61.635
tório;
der à liquidação do respectivo património. Nome de Estabelecimento: Processos de 1.498 a 1.516 - Domínio das línguas Inglesa, Espanhola e Francesa (falado e escrito);
Patente de Invenção: Processos de 3.309A a 3.313A - Experiência mínima comprovada de 5 anos;
São, por este meio, convocadas todas as pessoas singulares Modelo Industrial: Processos de 310L a 330L - Disponibilidade imediata para trabalhar dentro e fora de Angola.
ou colectivas que se julgarem com direito sobre qualquer cré- Desenho Industrial: Processos de 145Q a 146Q
dito com a extinta associação a virem comprová-lo junto da Competências Necessárias:
Comissão Liquidatária, no prazo de 30 dias, a contar da data - Dominar produtos, processos de Turismo Interno com o objectivo de pro-
Os interessados poderão adquirir o BPI Digital ou físico por soluções criativas, inovadoras e diferenciadas de modo a acrescentar
da primeira publicação deste Edital, devendo para o efeito di-
rigir-se ao edifício n.º 130, Rua Marien N´gouabi, Distrito Ur-
no valor de kz:7.500,00 (sete mil e quinhentos kwan- valor na relação com o cliente.
bano da Maianga, Município de Luanda, Província de Luanda. zas), cujo prazo de cumprimento das notificações começa - Cooperação, Adaptação e Flexibilidade, Rigor, Excelência, Liderança e
a contar a partir de 22 de Outubro de 2019. Gestão de Equipa.
- Capacidade de Análise e Sentido Crítico, de Organização e Planea-
COMISSÃO LIQUIDATÁRIA, em Luanda, 7 de Outubro de
mento;
2019. INSTITUTO ANGOLANO DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL,
Luanda, aos 18 de Outubro de 2019 Os candidatos (as) devem apresentar a candidatura respondendo exclu-
A COORDENADORA sivamente para:
Rita Catarina Kianvo Francisco A DIRECTORA GERAL recrutamento201812@gmail.com anexando carta de apresentação,

(353)
ANA PAULA MIGUEL carta de recomendação e curriculum vitae actualizado.
(501.366) (581)
Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 21
PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
GOVERNO PROVINCIAL DO NAMIBE
ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL DO CAMUCUIO

ANÚNCIO DE ABERTURA DO CONCURSO PÚBLICO


A Administração Municipal do Camucuio vem tornar público, nos termos do Comuna do Mamue, Município do Camucuio; a) Declaração e n.º de contribuinte da empresa;
disposto no n.º 1 do artigo 69.º e do anexo VI, da Lei n.º 9/16, de 16 de c) Construção e apetrechamento de um Posto de Saúde na localidade do b) Escritura pública da empresa;
Junho, Lei dos Contratos Públicos, que está aberto o Concurso Público de Culucayona, Município do Camucuio; c) Comprovativo da situação regularizada relativamente as contribuições
Execução de Empreitadas de Obras Públicas. d) Construção e apetrecho de um Posto de Saúde na localidade do Vicuio, para segurança social em Angola;
Comuna de Cacimbas, Município do Camucuio; d) Comprovativo da regularização da situação tributária perante o estado
1. Dados da Entidade Pública Contratante e) Construção e apetrecho de um Posto de Saúde na Comuna do Chingo, Angolano;
• Administração Municipal do Camucuio; Município do Camucuio; e) Comprovativo de entrega da declaração fiscal mais recente;
• Localizada na rua Principal da Vila; f) Construção e apetrecho de um Posto de Saúde na localidade da
f) Alvará de empreitada de Obras públicas;
• Município do Camucuio, Província do Namibe Mayandja, Comuna de Mamue, Município do Camucuio;
3.1- São Admitidas propostas variantes no procedimento do concurso;
• Correio electrónico: gabadmc@gmail.com g) Construção e apetrechamento de uma escola de 12 salas de aula na sede
3.2- Exigida a caução provisória aos concorrentes no valor de 5% do valor
• Contactos: 923727375, 924036160, 939119623; do Município do Camucuio;
• A Administração Municipal é o órgão desconcentrado da administração local h) Construção e apetrechamento de uma escola de 7 salas de aula na do contrato, mediante a uma carta de garantia bancária;
que visa auxiliar o Administrador Municipal na gestão do Município, com base Comuna do Chingo, Município do Camucuio;
em instrumentos e acções de orientação e promoção do desenvolvimento i) Construção e apetrechamento de uma escola de 7 salas de aula na 4. Critérios de Adjudicação
harmonioso e moderno do respectivo território, da sociedade e da economia, localidade do Culucayona, Município do Camucuio; • Adjudicação de empreitadas será mediante avaliação da proposta econo-
cabendo-lhe garantir a prestação dos serviços públicos necessários à j) Reparação de 30 (trinta) furos de água, sendo 5 (cinco) Comunas do micamente vantajosa;
segurança, bem-estar e progresso sustentado do Município; Chingo, 10 (dez) na comuna do Mamue, 8 (oito) nas Cacimbas e 7 (sete)
• A Administração Municipal do Camucuio está a levar a cabo o Concurso Sede do Município; 5. Processo
Público Execução de Empreitadas de Obras Públicas, por conta própria. k) Recuperação de quatro (4) pequenas Chimpacas, sendo 1 (uma) na • As propostas devem ser apresentadas por via de suporte de papel;
localidade de Sucula comuna das Cacimbas, 1 uma (1) na Lutata comuna • A obtenção das peças do procedimento é gratuita;
2. Informações relativas ao contrato do Chingo, 1 (uma) no Tchimulola comuna do Mamue e 1 (1) uma na sede • Os prazos para recepção dos pedidos das peças do procedimento ou para
• Os contratos serão designados como: Contratos de Execução de Emprei- do Município;
aceder aos documentos: Data 13/08/2019, às 14 horas;
tadas de Obras Públicas; l) Reparação de uma (1) Represa na localidade do Tchipoto e criação de
• Prazo para apresentação das propostas: Data 26/08/2019, 15h30 minutos,
• O Concurso implica a celebração de um contrato público; uma nova Chimpaca no Tchaviholo, comuna do Mamue/Camucuio;
na Administração Municipal do Camucuio, Gabinete do Excelentíssimo
• O Concurso está aberto à participação de empresas de direito Angolano; m) Abertura de 11 (onze) furos de água, sendo 3 (três) na Comuna
Senhor Administrador Municipal Adjunto Para Área Financeira e Orçamental.
• O prazo de execução do contrato é de 1 (um) ano; do Chingo, 3 (três) no Mamue, 2 (dois) nas Cacimbas e 3 na Sede do
• O objecto do contrato, concerne a: Município; ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL CAMUCUIO, AOS 05 DE AGOSTO DE 2019.
a) Construção e apetrechamento de um Centro de Saúde na sede da
Comuna das Cacimbas, Município do Camucuio; 3. Informações relativas aos concorrentes e às Propostas O ADMINISTRADOR MUNICIPAL
b) Construção e apetrechamento de um Centro de Saúde na sede da • Documentos de habilitação: // CAITA CAVACO //

(501.353)

Eni Angola SpA – Sucursal de Angola


Edifício Downtown Center, Rua Joaquim Figueiredo, n.º 19, 7.º / 12.º Andares
Caixa Postal 1289, Luanda, Angola
eni.com

ANÚNCIO DE CONCURSO PÚBLICO PARA EMPRESAS


A Eni Angola SpA, sucursal de Eni SpA, empresa Italiana que opera em Angola na área de Exploração, Desenvolvimento e Produção de Produtos Pe-
trolíferos, vem, por este meio, anunciar a realização de concurso público com objectivo de seleccionar empresas qualificadas para Prestação de Ser-
viços, conforme a tabela abaixo:

DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS REFERÊNCIA DO CONCURSO

Fornecimento de Produto de Marinha (MGO) 017-PRO-EOI-15/06-19

Prestação de Serviços de Marítimos através de Embarcações do Tipo AHTS e PSV 018-PRO-EOI-15/06-19

As empresas interessadas em participar nos concursos, deverão pronunciar-se dentro de um prazo de 7 dias úteis a contar desde a data de publicação
do presente anúncio, enviando um email para o endereço electrónico citado abaixo, fazendo menção da referência do concurso e seguir as instruções
posteriormente recebidas.

O endereço electrónico para o qual deve enviar a sua candidatura é o seguinte: candidatura.angola@eni.com

O e-mail de resposta deverá conter os seguintes requisitos obrigatórios:


• Nome da Empresa;
• Objecto social;
• Endereço postal (incluindo NIF);
• Carta de apresentação da Empresa com descrição da equipe de trabalho e equipamentos;
• Evidência de 8 anos de experiência no sector petrolífero;
• Evidência com descrição detalhada dos 2 últimos contractos relacionados aos concursos em referência;
• Email e contacto telefónico da Empresa e da pessoa a ser contactada.

Requisitos mínimos para o concurso ref. 018-PRO-EOI-15/06-19


• Disponibilidade/ ou plano de preparação da documentação e licença para operar em Angola.
• Posicionamento Dinâmico 2 (DP2)
• Capacidade das embarcações do tipo AHTS: Bollard Pull 160t e 230t
(501.352)
22 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PUBLICIDADE

TERCEIRA REGIÃO TRIBUTÁRIA


(Luanda e Bengo)

AVISO DE APREENSÃO N.º 59


A Terceira Região Tributária avisa aos importadores abaixo indicados que, nos termos do artigo 509.º, n.º 1, alínea b), conjugado com os artigos 512.º e 481.º todos do Código Aduaneiro,
procedeu à apreensão das mercadorias demoradas abaixo indicadas:

TERMINAL DO CENTRO LOGÍSTICO KM 33 VIANA

Lote Descrição da mercadoria Importador Carta de Porte Data de Chegada Volume

195/DATCAL/19 Líquido inflamável Taag 57432577020 02/07/19 03 Vol

196/DATCAL/19 Líquido Inflamável Sonangol-Refinaria 07427914003 08/06/19 06 Vol

197/DATCAL/19 Líquido Inflamável Aker Solutins 11810793926 07/06/19 01 Vol

198/DATCAL/19 Líquido Inflamável Taag 57432561594 18/05/19 03 Vol

199/DATCAL/19 Gás Inflamável Taag 14789676996 18/03/19 03 Vol

200/DATCAL/19 Gás Inflamável Schlumberger 57432341923 08/03/19 01 Vol

203/DATCAL/19 Miscelânea Dennis Malkoc 08339496866 19/06/19 01 Vol

204/DATCAL/19 Miscelânea Top Tech 07416821604 06/05/19 01 Vol

207/DATCAL/19 Miscelânea Taag 04704190325 06-06-19 01 Vol

O prazo para a interposição do recurso hierárquico com fundamento na não susceptibilidade do confisco das mercadorias apreendidas é de dez dias úteis, contados da data da pu-
blicação do presente aviso, conforme preceitua o artigo 514.º do Código Aduaneiro.

As mercadorias apreendidas estão sujeitas a confisco, no caso de não ser interposto, no prazo fixado, o recurso a que se refere o parágrafo anterior.

Terceira Região Tributária, em Luanda, aos 17 de Outubro de 2019

A DIRECTORA REGIONAL
Eurídice Cristina F. Bárber A. Alves (885)

Pedido de Manifestação de Interesse


(Consultor Individual)
País: Répública de Angola
Nome do Projecto: Projecto Estatístico de Angola
Crédito N.º: P157671

Serviços: Curso Excel Básico e Intermédio para os Técnicos do INE


Refª: AO-INE-110421-CS-INDV

O Governo de Angola, por intermédio do Instituto Nacional de Estatística (INE), beneficiou de um financiamento do Banco Mundial, para cobertura dos custos relacionados com a implementação do Projecto
Estatístico de Angola (PEA) e pretende aplicar parte dos fundos no pagamento dos serviços de um consultor individual para ministrar formação em Excel aos quadro do INE e dos SPINE (Serviços Provinciais
do INE).

O INE pretende consolidar os SPINE enquanto entidades com maior autonomia técnica para executarem as suas tarefas ao nível provincial, incluindo actividades de natureza administrativa e actividades de
recolha de dados estatísticos. A implementação dessas actividades, tendo em conta a qualificação dos técnicos, passa por um processo de formação diversificado em que a utilização de folhas de cálculo é
prioritária e fundamental. É neste contexto que esta actividade se enquadra, visando dotar os técnicos de grau básico e intermédio de conhecimento no Excel. De forma específica, pretende-se com esta
formação: aumentar a produtividade dos técnicos dos SPINE e do INE por via da utilização mais adequada do Excel; acrescentar eficiência na utilização dos computadores nas tarefas profissionais do dia-
a-dia dos técnicos; promover uma melhor interpretação dos resultados estatísticos e gerar indicadores mais consistentes; apoiar na recolha de dados estatísticos; melhorar a interpretação de dados estatísticos;
apoiar na produção de relatórios regulares, etc. A formação será ministrada em língua portuguesa em Luanda, nas instalações do INE.

O Projecto Estatístico de Angola convida os consultores elegíveis (“Consultores”) a expressar o seu interesse em prover os Serviços requeridos. Os consultores interessados deverão fornecer informações
relevantes que demonstrem que possuem as qualificações e experiência requeridas para executar os serviços. Os critérios de formação da lista restrita são: formação em informática ou em área afim; cer-
tificação em Microsoft Windows / Office; experiência comprovada em ministrar formações em Excell ou em conteúdos similares; experiência em ministrar formações em contextos similares; domínio escrito
e falado da Língua Portuguesa.

Os Consultores interessados deverão observar, atentamente, o parágrafo 1.9 das Directrizes do Banco Mundial: Selecção e Emprego de Consultores sob Créditos do Banco Internacional para Reconstrução
e Desenvolvimento e Créditos e Subsídios da AID pelos Mutuários do Banco Mundial que constam no manual de Selecção e Emprego de Consultores de Janeiro de 2011 (Revisto em Julho de 2014), esta-
belecendo a política do Banco Mundial sobre conflitos de interesse.

O Consultor será seleccionado com base no método de “Selecção de Consultores Individuais” estabelecido nas directrizes de selecção de consultores do Banco Mundial.

Mais informações poderão ser obtidas nos endereços abaixo indicados, no período normal de expediente, das 8h00 às 15h00, de Segunda a Sexta-Feira.

As manifestações de interesses deverão ser enviadas, por escrito, pessoalmente ou por correio electrónico, para o endereço abaixo indicado, o mais tardar até às 15h00 do dia 08 de Novembro de 2019.

Unidade de Implementação do Projecto


Att.: Sherly de Carvalho – Coordenadora do Projecto
Instituto Nacional de Estatística
Rua: Ho Chi Minh
Luanda - Angola
Tel.: +244 928301818
E-mail: sherley.chipita@ine.gov.ao; rui.alfredo@ine.gov.ao; isabel.andrade@ine.gov.ao
(592)
REGIÕES Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 23
ASSISTÊNCIA MÉDICA

Hospital Geral do Cuando Cubango


à espera de especialistas há anos
Serviços de maxilofacial, cardiologia, neurologia, psicologia clínica, fisioterapia e urologia, apesar de contarem com meios
modernos, não funcionam por falta de técnicos especializados e os pacientes são transferidos para outras províncias
Weza Pascoal | Menongue especialidades, dos quais 15 NICOLAU VASCO | EDIÇÕES NOVEMBRO | MENONGUE Hospital Geral do Cuando
cubanos, nove angolanos, Cubango, durante o primeiro
seis coreanos, três russos, 41 semestre do ano em curso,
Cerca de três anos depoisda sua enfermeiros e 120 técnicos foram transferidos para o hos-
inauguração, os serviços de de enfermagem, disse Vic- pital da província de Benguela,
maxilofacial, cardiologia, neu- torino Vicente. por falta de um especialista
rologia, psicologia clínica, Dos médicos em serviço para a realização de cirurgias,
fisioterapia e urologia do Hos- no Hospital Geral do Cuando disse Victorino Vicente, que
pital Geral do Cuando Cubango Cubango, oito são de clínica precisou que actualmente o
continuam encerrados ao geral, quatro de medicina Hospital realiza simplesmente
público, por falta de profis- interna, quatro ortopedistas, consultas de oftalmologia e
sionais especializados para quatro de cirurgia geral, três optometria, para o diagnóstico
as respectivas áreas. de diagnóstico e terapêutica, e tratamento dos casos menos
O porta-voz da unidade dois de ginecologia e obste- graves, distribui alguns fár-
sanitária, Victorino Vicente, trícia, um de fisioterapia e macos e recomenda o uso de
disse ao Jornal de Angola que um de saúde pública, infor- lentes graduadas, para a cor-
apesar das áreas acima des- mou Victorino Vicente. recção de alguns problemas
critas estarem devidamente O Hospital Geral do Cuando de visão.
equipadas com tecnologia Cubango tem ainda, um “A área de oftalmologia
moderna e serem importantes médico de anatomia patoló- tem um especialista para
no tratamento da população, gica, um estomatologista, um atender toda a província e
até agora não funcionam por de oftalmologia, um otorri- necessita de medicamentos
falta de especialistas. nolaringologista, um de e materiais como biómetros,
Victorino Vicente informou microbiologia, um neonata- lâmpadas de fenda, ultra-
que a unidade sanitária foi logista, um intensivista, um sons oculares, microscópio
contemplada com cinco médi- gastroenterologista, um corneal, material cirúrgico
cos de clínica geral e igual pediatra, um especialista de ocular, suturas oculares,
número de técnicos de saúde, laboratório, um ecografista, lentes intra-oculares, entre
estando neste momento a um electro-médico e dois Área de estomatologia é uma das que mais necessita de técnicos especializados outros”, para funcionar em
aguardar por mais seis médi- anestesistas, segundo Vic- pleno e realizar operações.
cos, admitidos no último torino Vicente. bem como pelo desconhe- diagnosticados 187 casos pia de corte de transmissão “A área de oftalmologia
concurso público, mas ainda cimento do código de de tuberculose,dos quais vertical, para evitar o contágio ate n d e u n o p e r í o d o e m
assim o número de médicos Doenças mais frequentes estrada, principalmente, 58 internaram e 68 estão do vírus do VIH/Sida da mãe balanço 2.106 pacientes, dos
e enfermeiros não satisfaz Victorino Vicente disse que por mototaxistas.” em seguimento. para o filho durante o parto, quais 525 foram diagnostica-
a demanda de pacientes, no primeiro semestre do Victorino Vicente disse A área da pediatria registou reportou Victorino Vicente, dos com conjuntivites, sobre-
que vêm de diversos pontos ano em curso o Hospital que muitos pacientes que 10.347 casos de malária, dos tendo acrescentado que o tudo em crianças menores de
do Cuando Cubango e de Geral do Cuando Cubango falecem por malária chegam quais 85 crianças morreram, hospital registou a morte cinco anos. Diariamente,
outras províncias. atendeu 26.652 pacientes, ao hospital já em estado grave, 581 novos casos de VIH, dos de onze parturientes. O hos- acrescentou, são atendidos
O não funcionamento das dos quais 200 morreram, e porque primeiro recorrem a quais 25 morreram, 1.887 pital registou 300 novos cerca de 11 pacientes”, disse
referidas áreas, acrescentou apontou a malária, tuber- tratamentos tradicionais ou casos de doenças respiratórias casos de VIH, 581 em crian- Victorino Vicente.
Victorino Vicente, faz com que culose, VIH/Sida, hiper- às igrejas e acrescentou que e 680 casos de doenças diar- ças e 11 em mulheres grá- Na área de estomatologia
muitos pacientes tenham que tensão arterial e diabetes a área de medicina interna reicas agudas, informou Vic- vidas, que têm recebido o foram atendidos 890 pacien-
recorrer às províncias da Huíla, como as doenças mais fre- registou o falecimento de 19 torino Vicente. tratamento anti-retroviral. tes, dos quais 242 com celulite
Huambo ou Luanda, ou ainda, quentes. “Os casos de aci- neonatos prematuros, 18 mor- “Foram ainda realizadas dentária, 231 com cárie den-
a países como a Namíbia, dentes de viação são muito tes por anemia, 13 por enfer- Maternidade 216 cirurgias de urgência e tária e 179 com odontalgia,
Zâmbia e África do Sul, em frequentes no hospital, pro- midades cardiovasculares, A área da maternidade rea- 184 cesarianas.” adiantou. “A referida área está
busca de assistência médica. vocados na sua maioria pela dez por traumatismos cra- lizou no período em balanço bem equipada, mas não faze-
Actualmente, o hospital condução em estado de nianos provocados por aci- 347 partos, dos quais 326 Oftalmologia mos operações e próteses den-
conta com vários médicos, embriaguez, o mau estado dentes, quedas, bem como nados vivos, 21 nados mortos Mais de 120 pacientes diag- tárias por falta de especialistas
distribuídos em diferentes de algumas vias de acesso, dez por tuberculose. Foram e 26 foram submetidos à tera- nosticados com cataratas no e de algum material”.

NOVOS AUTOCARROS rotas urbanas e três intermu-


AUMENTO DA PRODUÇÃO EM BENGUELA nicipais, obedecendo as para-
gens sinalizadas ao longo das

Bocoio envolve 30 mil famílias Transportes públicos rotas urbanas comuna do


Cunje/Centralidade do Cuito,
Cunje/centro administrativo

na campanha agrícola 2019/20 são reforçados no Bié do Cuquema, Aeroporto/Cen-


tralidade, Centralidade/Largo
d a s E s c o l a s , B a i r ro São
Mário de Carvalho | Cuito ros, o Governo da Província José/Caluco e Aeroporto/Cunje,
Jesus Silva | Lobito “Em termos de ATM será como 6 0 tonelada s de do Bié realizou um concurso passando pelo Cemitério
dividido em duas partes, uma sementes de milho, para Quinze (15) novos autocarros limitado, por convite, para Monumento.
O município do Bocoio, na ligada ao Programa de Com- distribuição aos associados foram entregues, na semana o qual foram indicadas 27 “Quanto às rotas inter-
província de Benguela, prevê bate à Fome e à Pobreza, no e camponeses individuais. finda, a três operadores pri- empresas, que apresentaram municipais, os autocarros
envolver 30 mil famílias qual existem cerca de mil e No discurso sobre o vados de transportes públicos as suas propostas e a comis- f a z e m o s percursos
camponesas, agricultores 400 enxadas, 400 catanas, Estado da Nação, proferido da província do Bié, infor- são de avaliação apurou ape- Cuito/Chinguar, Cuito/Chi-
e cooperativas agrícolas, na 150 machados e já foi feita na Assembleia Nacional, o mou a directora do Gabinete nas três operadores, de tembo e Cuito/Catabola.” A
campanha 2019-20, numa alguma distribuição de char- Presidente da República, Provincial dos Transportes, acordo com a capacidade directora dos Transportes
área de 70 mil hectares, ruas, meios que serão acres- João Lourenço, deu a conhe- Adélia Ndavoca. financeira comprovada, disse disse que as empresas apu-
anunciou o director da Agri- centados, conforme forem cer que para apoio ao sector Os novos auto carro s Adélia Ndavoca. radas para a operacionali-
cultura na municipalidade. atribuídos mais valores ao agrícola o Governo adquiriu foram atribuídos pelo Exe- “A empresas Anil Trans- zação dos autocarros deverão
Segundo José Manuel, programa”, salientou José 990 tractores, que vão cutivo, através do Ministério portes e Prestação de Ser- cumprir com as normas
durante a campanha vão Manuel, que acrescentou garantir a entrada em fun- dos Transportes, visando o viços beneficiou de seis constantes do contrato, no
ser cultivados os produtos que estão preparadas 60 cionamento de 70 brigadas reforço da frota de transportes autocarros, a Macc e Filhos que se refere ao pagamento
tradicionais naquela região, toneladas de amónio, 55 mil de mecanização agrícola e colectivos urbanos de pas- recebeu cinco e a Organi- pontual das parcelas iniciais
nomeadamente o milho, de ureia, 20 de adubo orgâ- 15 de engenharia rural, o sageiros e a reestruturação zações Phillanas ficou com e das prestações mensais,
feijão, amendoim, batata- nico, 840 de calcário para que levará ao incremento do sistema de transportes quatro.” As referidas empresas, licenciar os meios recebidos
doce, mandioca e hortícolas. correcção dos solos, bem da área total trabalhada. das cidades. Para a opera- precisou Adélia Ndavoca, e garantir a sua circulação
cionalização dos 15 autocar- começam a operar em seis nas rotas indicadas.
24 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PUBLICIDADE

(783)

COMUNICADO

A UNIPREV- GROUP

Vem, por este meio, comunicar aos accionis-


tas da Empresa NATRABANK e outros, a
retirarem todo o recheio que se encontra no
interior das instalações sitas no Distrito de
Camama, Condomínio Jardim de Rosas.
No caso em apreço, a UNIPREV concede
um limite temporal de 15 dias para que os
accionistas da Empresa em referência, deso-
cupem na totalidade as instalações infra.

Findo o período concedido, não se responsa-


bilizará pelo recheio que se encontra nas ins-
(501.319)

talações referidas.
(782)
Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 25
PUBLICIDADE

(501.364)
26 SOCIEDADE Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

CUANZA-SUL
prometedoras, acerca de uma gar uma outra prestação, no
paciente que sofreu cesa- valor de 100 mil kwanzas,
riana, na qual o médico terá os efectivos do Serviço de

Detidos supostos jornalistas por tentativa esquecido um objecto no


abdómen da parturiente,
descoberto após ter sido
Investigação Criminal apa-
receram e na ocasião pren-
deram os dois indivíduos em

de extorsão a director de hospital da Quibala transferida para a Materni-


dade Provincial do Cuanza-
Sul, na cidade do Sumbe.
De acordo com o SIC, que
flagrante delito.
A terceira subchefe Mari-
quinha Gomes, do Gabinete
de Imprensa do Serviço de
Segundo o SIC, os dois indivíduos exigiram ao director do Hospital Municipal da cita o director do Hospital Investigação Criminal do
Municipal da Quibala, os Cuanza-Sul, disse que os
Quibala, no Cuanza-Sul, a quantia de 500 mil kwanzas como troca pelo silêncio elementos sustentaram que processos foram já remetidos
CASIMIRO JOSÉ | EDIÇÕES NOVEMBRO | QUIBALA os familiares da parturiente ao Ministério Público,
recorreram aos respectivos estando a seguir os trâmites
órgãos de comunicação legais, até transitarem em
social para a divulgação do julgado, dentro das normas
sucedido, alertar a sociedade estabelecidas por Lei.
e o caso ir parar aos órgãos “Após a sua detenção em
judiciais com vista a res- flagrante delito, os processos
ponsabilizarem-se as pes- foram remetidos ao Minis-
soas envolvidas na grave tério Público, numa altura
falha médica. em que os arguidos se encon-
Segundo o SIC, os dois tram em prisão preventiva”,
indivíduos exigiram ao direc- disse Mariquinhas Gomes.
tor do Hospital Municipal De acordo com o director
da Quibala a quantia de 500 do Hospital Municipal da Qui-
mil kwanzas como troca pelo bala, a parturiente em causa
silêncio. Depois de várias teve um parto por cesariana
negociações, o montante foi complicado, por factores rela-
reduzido para 250 mil kwan- cionados com a idade, número
zas, que seriam pagos em de partos já efectuados e resis-
várias parcelas. tência da mesma para ser
O director do Hospital submetida à cirurgia.
Municipal da Quibala, Fran- O médico garantiu que
cisco Martins, presente no a paciente está a ser assis-
acto de apresentação dos dois tida na Maternidade Pro-
jornalista, disse à imprensa vincial do Cuanza-Sul, na
que tentou esclarecer o suce- cidade do Sumbe, para onde
dido tecnicamente, mas os foi transferida.
i n d iv í d u o s e x i g i ra m o Contactado ontem pelo
dinheiro para não divulgarem Jornal de Angola, por tele-
a informação. fone, o director de Infor-
“Comprometi-me a cola- mação da Rádio Ecclesia,
b o ra r , paga n d o o va l o r Walter Cristóvão, apesar de
monetário em prestações, estar de férias, confirmou a
Correspondentes da Rádio Ecclesia e do Jornal Visão, na província do Cuanza-Sul, estão a contas com a Justiça por extorsão tendo no mesmo dia desem- veracidade do assunto, ale-
bolsado 50 mil kwanzas, gando tratar-se de um cola-
para salvaguardar o bom borador da Emissora Católica
Casimiro José | Quibala outro do jornal “Visão”, que Quibala, foram apresentados facto ocorreu, no passado dia nome da unidade hospitalar”, de Angola, no Sumbe, capital
se encontram detidos desde à comunicação social, três do corrente mês, quando disse Francisco Martins. do Cuanza-Sul.
o passado dia 4, alegada- naquela cidade do Cuanza- os jornalistas abordaram o Já depois de ter denun- Walter Cristóvão disse
Dois jornalistas, dos quais mente por tentativa de extor- Sul, pelo Serviço de Inves- director do Hospital Municipal ciado o facto às autoridades também que foi já garantido
um da Rádio Ecclesia (Emis- são e chantagem ao director tigação Criminal (SIC). da Quibala, alegando dispo- policiais da província, no dia ao colaborador um advogado
sora Católica de Angola) e do Hospital Municipal da Segundo fonte do SIC, o rem de informações com- seguinte, previsto para entre- de defesa.

ASSEMBLEIA GERAL DE JORNALISTAS DR

ACAN acusa UJA de os afastar do processo


César Esteves a Entidade Reguladora da Ouvido pelo Jor nal de UJA nega acusação
Comunicação Social (ERCA) Angola, no final da cerimónia Contactado pelo Jornal de
e o núcleo das associações que elegeu os delegados da Angola, por telefone,
O presidente da Associação jornalísticas, que teve lugar Edições Novembro, para a Machado Irmão, secretá-
dos Comunicólogos de na primeira quinzena de referida assembleia geral dos rio-geral adjunto da UJA,
Angola (ACAN), André Sibi, Setembro último, no Cefojor, jornalista, Fernando Jaime, negou as declarações avan-
acusa a União dos Jornalistas foram surpreendidos por secretário-geral da ERCA, çadas por André Sibi, ale-
de Angola (UJA) de os ter um conjunto de telefonemas salientou que o momento que gando “não correspondem
afastado, sem uma explica- do secretariado da UJA, se vive hoje, no seio da classe, à verdade”.
ção, do processo de prepa- vetando a sua participação é de harmonia e não faz sen- Machado Irmão esclare-
ração da assembleia-geral no processo. tido que situações como essas ceu que o que se fez foi ape-
de jornalistas, a ter lugar no André Sibi disse não fazer sejam levantadas. nas questionar a presença
dia 26 deste mês, que vai sentido o afastamento da “ S o m o s p o u c o s p a ra da ACAN, sem convite, num
aprovar o Código de Ética e classe que dirige, dos trabalhos defender a classe e a união dos encontros do núcleo
Deontologia Profissional, de preparação da assembleia- entre nó s é muito mai s com a ERCA, um ano depois
bem como eleger os mem- geral dos jornalistas, por haver importante do que levan- de já terem sido realizados
b ro s q u e vão i nteg ra r a um instrutivo que autoriza a tarmos questões que nos vários encontros, a nível do
Comissão da Carteira e Ética participação de todas as asso- separam”, realçou. núcleo, onde se discutiu a
no país. ciações profissionais do ramo Fernando Jaime acres- questão da elaboração da Jornalista André Sibi, da ACAN, queixa-se da acção da exclusão
Em declarações ao Jornal neste processo. centou que o objectivo, hoje, proposta do código de ética
de Angola, André Sibi, cuja No entender de André Sibi, passa pela união da classe, e deontologia. questionar ao Sibi, quem o dos Jornalistas Angolanos
organização que lidera con- a UJA não tem legitimidade criando harmonia, pontos “Numa reunião do núcleo notificou para aquela reunião (SJA), Associação dos Jor-
grega profissionais formados para impedir os comunicó- e balizas que lhe permitam das associações dos jorna- com a ERCA. Foi essa a única nalistas Económicos de
em Comunicação Social, Jor- logos de participar no pro- sentir-se honrada no exer- listas, os membros questio- conversa que mantive com Angola (AJECO), Associação
nalismo, Ciências da Comu- cesso, tão-pouco de forçar cício das suas funções. naram a presença da ACAN ele”, realçou. de Mulheres Jornalistas de
nicação, Cinema e TV e os parceiros a enveredarem O secretário-geral da no encontro com a ERCA, Segundo o secretário- Angola (AMUJA), Associa-
Marketing e Publicidade, disse pelo mesmo caminho. ERCA prometeu levar o as- quando os grupos de trabalho geral adjunto da UJA, se a ção de Imprensa Desportiva
que a agremiação já havia “A Associação de Comu- sunto à consideração supe- já tinham sido criados e ACAN surgisse, pelo menos, de Angola (AIDA), Fórum
participado num dos encon- nicólogos Angolanos condena rior, para, nos próximos dias, prontos para irem trabalhar no meio dos trabalhos, ainda da Mulher Jornalista para
tros de trabalho de preparação a posição unilateral tomada encontrar-se uma solução. nas províncias”, aclarou. iria a tempo de ser integrada Igualdade no Género
da referida assembleia. pela UJA e solicita a interven- André Sibi teme que a res- Machado Irmão disse que no núcleo. (FMJIG), Organização de
André Sibi ressaltou que ção da ERCA e do Ministério posta da ERCA chegue tarde, não se quer discriminar nin- No núcleo, cujo líder é Defesa da Liberdade de
a associação preparava-se da Comunicação Social, pois a ponto de não participarem guém neste processo, antes Miguel de Carvalho "Wadi- I m p re n sa d e I m p re n sa
para participar em outros a meta é trabalhar para um na assembleia-geral dos jor- pelo contrário, quer-se uma jimbi", estão representantes (Misa-Angola) e Associação
encontros, mas alguns dias jornalismo cada vez mais forte, nalista, que acontece já no relação inclusiva. “A mim da União dos Jornalistas dos Repórter de Imagem de
antes da última reunião entre dinâmico e actuante”, frisou. próximo sábado. foi incumbida a missão de Angolanos (UJA), Sindicato Angola (ARIA).
SOCIEDADE Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 27
BIÉ PREVÊ CRIAR CENTROS EM TODO O PAÍS
CUNENE
Onze mortos
Polícia quer revitalizar
EDIÇÕES NOVEMBRO

e 16 acidentes
numa semana
Pelo menos onze pessoas
morreram e igual número
ficaram feridas, como con-
sequência de 16 acidentes
serviços de medicina
A Direcção Nacional dos Serviços de Saúde da Polícia Nacional
de viação ocorridos, na pro-
víncia do Bié, durante a conta com vários quadros para darem resposta à demanda
semana passada, soube o ANDRÉ DA COSTA | EDIÇÕES NOVEMBRO
Jornal de Angola de fonte da
Polícia Nacional.
Seis atropelamentos, dois
choques entre automóveis,
dois embates entre motociclos,
igual número de choques con-
tra obstáculos fixos, um des-
piste e uma colisão de Ainda há muitos engenhos algures por desactivar
veículo-auto contra velocí-
pede, causaram danos mate-
riais avaliados em mais de
um milhão de kwanzas.
Excesso de velocidade, o
desrespeito pelos sinais lumi-
Mina mata cinco
nosos, a mudança irregular
de direcção, a ultrapassagem
irregular, a não cedência de
pessoas na Môngua
prioridade de passagem, a Elautério Silipuleni | Ondjiva
condução sob o efeito de
álcool e o mau estado de Cinco pessoas morreram e uma ficou ferida, ontem,
algumas estradas e veículos, na comuna da Môngua, município do Cuanhama,
são as causas dos acidentes. província do Cunene, na sequência da deflagração
A Polícia de Trânsito fez de um engenho explosivo, quando uma motorizada
111 autuações, por diversas de três rodas que os transportava accionou uma
infracções, das quais 65 por mina antitanque. Comissário João Sardinha, director Nacional dos Serviços de Saúde da Polícia Nacional
infracções ao Código de Genitório Eduardo, sobrevivente do acidente,
Estrada, apreendeu 17 viaturas, internado no Hospital Geral de Ondjiva, que conduzia
15 motorizadas, 17 verbetes, o veículo motorizado, disse ao Jornal de Angola que André da Costa Nacional leva a cabo um tra- com a realização de trabalhos
cinco cartas de condução, um o caso ocorreu quando saía do mercado da Môngua, balho de melhoramento dos de levantamento das condi-
livrete e um registo de título de regresso a casa. A Polícia Nacional vai, no centros médicos existentes ções, com vista ao apetre-
de propriedade, tendo o Banco O motociclista, único sobrevivente, foi submetido próximo ano, apostar na para reforçar os cuidados e chamento e modernização
de Poupança e Crédito (BPC) a uma cirurgia devido aos ferimentos e encontra-se criação de centros de saúde, atendimento dos efectivos. dos centros já existentes, para
confirmado o pagamento de em observação médica para sua recuperação no Hospital com todas as valências, a A Direcção Nacional dos o melhoramento do atendi-
12 multas, estimadas em 72. Geral de Ondjiva. nível do país, para atender Serviços de Saúde da Polícia mento dos efectivos.
640 kwanzas. Segundo uma enfermeira em serviço na unidade os efectivos e seus familiares, Nacional conta com vários No acto de abertura da cam-
Na mesma semana, foram sanitária, o doente recupera satisfatoriamente, apesar deu a conhecer, em Luanda, quadros capacitados para panha contra o cancro da
detidas 70 pessoas, entre dos ferimentos graves que sofreu no acidente como o director nacional dos Ser- darem resposta à demanda mama, o comissário João Sar-
elas 67 homens e três mulhe- fracturas nos dois membros inferiores e superiores. viços de Saúde da corporação, dos cuidados de saúde dos dinha sublinhou que a doença
res, dos quais 48 são deso- Os acidentes com engenhos explosivos na província comissário João Sardinha. efectivos, mas faltam infra- não atinge só mulheres civis,
cupados, sete estudantes, do Cunene são recorrentes, fruto de mais de três Em entrevista ao Jornal de estruturas para acolher e daí a preocupação e o engaja-
cinco camponeses, quatro décadas de conflito armado com vários intervenientes. Angola, sexta-feira, à margem agrupar os profissionais mento da corporação no com-
comerciantes, três operários De recordar que a comuna da Môngua, durante do lançamento de uma cam- paramilitares, formados nos bate à enfermidade que pode
e igual número de funcio- muitos anos, foi palco de muitos confrontos militares, panha de prevenção contra distintos ramos da medicina. ser prevenida com um simples
nários públicos, por prática razão pela qual ainda ocorrem vários acidentes com o cancro da mama, sob o tema Como exemplo da exis- gesto e tratada precocemente.
de crimes diversos, mais minas e outros engenhos explosivos. “Previna-se e faça o auto- tência de quadros, o comis- Frisou que existem muitas
nove pessoas,relativamente exame”, promovida pelos sário João Sardinha referiu mulheres incorporadas na Polí-
ao período anterior. Serviços de Saúde da Polícia que 60 por cento dos car- cia Nacional que actualmente
Em vários municípios da Nacional, disse que os refe- diologistas que estão no Hos- carregam consigo várias doen-
província do Bié, a Polícia ridos centros vão ser erguidos pital Militar Principal das ças, como o cancro da mama,
Nacional apreendeu três no país de forma paulatina, Forças Armadas Angolanas do útero, diabetes e outras que
motorizadas, duas cabeças
de gado caprino, quatro PERISCÓPIO visando melhorar a assistência
médica e medicamentosa dos
são efectivos oriundos da
Polícia Nacional.
devem ser explicadas e tratadas
de forma precoce.

Luanda das promessas


cadeiras de plástico, um tele- efectivos da corporação. João Sardinha afirmou que “Acontece que algumas
móvel, três placas solares e O comissário João Sardi- a sua direcção está empe- mulheres chegam aos hos-
um quilo de liamba. nha disse que actualmente nhada em revitalizar os Ser- pitais em estado avançado
Ao longo da semana finda, a Direcção Nacional dos Ser- viços de Saúde da Polícia da doença, situação que pre-
as forças conjugadas do Luciano Rocha pagos para isso, não hon- viços de Saúde da Polícia Nacional nas 18 províncias, tendemos evitar”, disse.
Comando-Geral da Polícia ram a palavra dada.
Nacional registaram dois cri- Luanda pode ser apelidada Um dos objectivos da
mes, sendo um de tráfico ilí- “a cidade das promessas” “Operação Resgate” era tirar
cito de diamantes e outro de ditas, na maioria das vezes, da rua os vendedores que REPRESENTANTE DO CUANZA-SUL de imprensa, a eleita Miss
furto de acessórios de viatura, da boca para fora, com de ambulantes nada têm, Angola 2019, Salett Miguel,
no município do Cuito. consciência de quem as mas sem a brutalidade de agradeceu o apoio da família
As forças policiais envol-
vidas na “Operação Trans-
parência” realizaram duas
micro-operações, nos muni-
anuncia que o vento as
há-de levar, como com-
prova a chamada “Ope-
ração Resgate”.
fiscais e polícias que os agre-
diam e ainda lhes ficavam
com o que comercializavam.
A ideia era instalá-los em
Salett Miguel eleita e prometeu trabalhar no com-
bate à fuga à paternidade, por
considerar um dos factores
que contribuem para a perda
cípios do Chitembo e Nharêa,
onde detiveram 18 pessoas
implicadas na exploração
A ideia de tornar a capi-
tal do país menos má para
viver, trabalhar, até visi-
pequenas praças a criar em
vários pontos da cidade.
O resultado da pro-
Miss Angola 2019 de valores cívicos e morais..
“A falta de acompanha-
mento dos filhos é prejudicial
ilícita e venda de minerais. tar, que a tal “operação” messa anunciada é o que AjovemestudanteSalettMiguel, Para primeira dama de no crescimento e na formação
Foram apreendidas 20 podia ajudar a concreti- se vê. Este é só um exem- de 20 anos de idade, repre- honor, o corpo de jurado ele- de carácter e provoca a deses-
pás, quatro motobombas, zar-se, desmoronou-se plo da leviandade com que sentante da província do geu a Miss Benguela, Paula truturação das famílias, afec-
sete baldes, três peneiras, no anúncio. Luanda é tratada. Cuanza-Sul, foi eleita na Ngaça, de 19 anos. Nilda Songo, tando o comportamento dos
uma lupa, uma motorizada A cidade é, toda ela, O que o cidadão comum, madrugada de ontem, em de 19 anos, da província de seus membros e a sua posição
e 180 mil kwanzas, bem cada vez mais, uma con- face à realidade, pergunta Luanda, Miss Angola 2019, Malanje, ficou como segunda na sociedade “, sublinhou.
como a recuperação de uma fluência de absurdos que é: do que se está à espera numa gala que contou com a dama, e arrebatou ainda o Sob o tema empreende-
pistola de marca Browning, a transforma diariamente para a tomada de medidas participação de 18 candidatas. título de “Miss Simpatia”. dorismo, as jovens desfilaram,
um carregador e um projéctil na balbúrdia em que se a nível de Governo Provin- Salett Miguel, estudante Dádiva Vicente, de Cabinda, com trajes de gala, ao som de
de RPG-7. tornou por culpa de res- cial, administrações muni- do 2º ano do curso superior ficou com o troféu de “Miss músicas de André Mingas,
Foi desmantelado um ponsáveis de vários sec- cipais, Polícia Nacional? de Ciências Políticas, é Fotogenia” e Ludmila Peli- interpretadas por Toty Samed.
grupo de marginais, com tores, principalmente dos Quem puder, que responda sucessora de Ana Avião e vavala, da província do A 23ª edição do concurso con-
idades entre os 16 e 25 anos, que se comprometeram a com actos, sem anúncios, conquistou o direito de Cunene, com o prémio de tou com animação de Yannick
que praticava vários crimes. melhorá-la e que, mesmo por favor. representar o país no con- “Melhor traje típico”. Afroman, Yola Semedo, Rui
Mário de Carvalho | Cuito curso “Miss Universo”. Numa breve conferência Orlando e Cláudio Fenix.
28 Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

PUBLICIDADE

TERCEIRA REGIÃO TRIBUTÁRIA


(Luanda e Bengo)

AVISO DE APREENSÃO N.º 61

A Terceira Região Tributária avisa aos importadores abaixo indicados que, nos termos do artigo 509.º, n.º 1, alínea b), conjugado com os artigos 512.º e 481.º,
todos do Código Aduaneiro, procedeu à apreensão das mercadorias demoradas abaixo indicadas:

CENTRO LOGÍSTICO ADUANEIRO - KM 33 VIANA

LOTE DESCRIÇÃO DA MERCADORIA IMPORTADOR CARTA DE PORTE DATA DE CHEGADA VOLUME

88DATCAL/19 Caixas Térmicas TAAG 118-10450860 15/07/18 02 Vol


89DATCAL/19 Material Diverso Redington Senegal Face Cite Dakar 071-31848213 19/07/18 01 Vol
90DATCAL/19 Óleo de Motor José Mesquita 118-09946300 24/03/18 01 Vol
91DATCAL/19 Filtros de Carros FMC Internacional 071-31843560 28/05/18 01 Vol
92DATCAL/19 Meio Motor Eurostral, LDA 071-31599422 31/05/18 05 Vol
93DATCAL/19 Cabos de Aço Simples Cifing 071-31924605 15/08/18 01 Vol
94DATCAL/19 Livros Diversos Embaixada da Índia 071-31782693 10/06/18 09 Vol
95DATCAL/19 Camisolas Isabel Nbunga 118-10220151 26/05/18 01 Vol
96/DATCAL/19 Peças Auto SICIE LDA 118-10199114 30/03/18 01Vol
97/DATCAL/19 Cabos Eléctricos Angola Cables 118-10541521 05/08/18 02 Vol
98/DATCAL/19 Vinhos e Licores N/Identificado 186-05122165 14/12/18 01 Vol
99/DATCAL/19 Juntas e Ringues Master of MV Ramfo CO PGS Angola 071-33085581 28/12/18 01 Vol
100/DATCAL/19 Mat. de Publicidade Toyota de Angola 118-08939210 04/08/18 01 Vol
101/DATCAL/19 Equipamentos de Telecomunicação Condomínio Dolce Vita 061-21962183 29-10-18 03 Vol
103/DATCAL/19 Discos Áudios LS-Produções 118-10394230 02 Vol
104/DATCAL/19 Equipamento de Lapidação de Diamantes Angola Polishing Diamong 047-02214796 01 Vol
105/DATCAL/19 Estrutura Metálica CMC 047-03984072 01 Vol
106/DATCAL/19 Mat. Publicitário Mosel Comercial 118-08972401 01 Vol
107/DATCAL/19 Válvulas Pólo Industrial de Viana 047-02906831 01 Vol
108/DATCAL/19 Mat. de Exploração Mineira Somiluanda 118-10481542 02 Vol
109/DATCAL/19 Roupas e Carteiras ATS 118-10394904 03 Vol
113/DATCAL/19 Mat. Petrolífero Transasses Trans 118-10081842 01 Vol
114/DATCAL/19 Mat. Publicitário Missio-Especial 047-00680013 01 Vol
116/DATCAL/19 Óleo de Motor Joaquim Baltaza 118-39294422 01 Vol
118/DATCAL/19 Mat. Petrolífero Sonasurf 047-03522245 01 Vol
119/DATCAL/19 Cabos Informáticos TAAG 047-03825021 01 Vol
120/DATCAL/19 Prateleiras Publicitárias Costura Certa Produções Com. LDA 047-00844340 04 Vol
121/DATCAL/19 Mat. Hidráulico CMC-DI Rebenna Sucursal de Angola 047-03465070 02 Vol
122/DATCAL/19 Chávenas de Café TAP 047-63632612 03 Vol
123/DATCAL/19 Mat. Agrícola Coop. Muratori e Cementisti 047-03983464 01Vol
124/DATCAL/19 Mat. Hoteleiro N/ Identificado Sem C.P 01Vol
125/DATCAL/19 Mat. Sgrima Jacob Irenge 083-39408084 27/02/19 04Vol
127/DATCAL/19 Garrafas Vazias Refriango 083-39814843 01/02/19 01Vol
128/DATCAL/19 Peças Auto Auto Matriz 083-3911365 24/03/18 02Vol
129/DATCAL/19 Mat. de Palestra/Letras Atrax, LDA 083-29368014 02Vol
130/DATCAL/19 Sombrinhas Compact, LDA 083-29368014 02Vol
131/DATCAL/19 Mat. de Decoração de Casa Sem Importador Sem CP 02Vol
132/DATCAL/19 Mat. de Decoração Sem Importador 083-96514916 01Vol
133/DATCAL/19 Mat. Informático Sem Importador Sem CP 01Vol
134/DATCAL/19 Catálogos Auto Momo, LDA 083-89839666 01Vol
135/DATCAL/19 Uniformes Ok Mobiliária 083-24918563 01Vol
136/DATCAL/19 Catálogos SDV-AMI 083-68989583 01Vol
137/DATCAL/19 Peças Auto ATS 083-98714103 01Vol
138/DATCAL/19 Flayer Munoko Kanene Biiana 083-98352844 01Vol
139/DATCAL/19 M.Diver. Petroli Saipem Luxeburgo 083-39856160 22/03/19 14Vol

O prazo para a interposição do recurso hierárquico com fundamento na não susceptibilidade do confisco das mercadorias apreendidas é de dez dias úteis, conta-
dos da data da publicação do presente aviso, conforme preceitua o artigo 514.º do Código Aduaneiro.

As mercadorias apreendidas estão sujeitas a confisco, no caso de não ser interposto, no prazo fixado o recurso a que se refere o parágrafo anterior.

Terceira Região Tributária, em Luanda, aos 17 de Outubro de 2019.

A DIRECTORA REGIONAL
Eurídice Cristina F. Bárber A. Alves
(887)
CULTURA Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 29
TRINTA ANOS DESDE A MORTE DO GUITARRISTA (1938-1989)

Influência de Franco na sonoridade


da Música Popular Angolana
Franco Luambo Luanzo Makiadi, génio universal da guitarra é uma das referências musicais africanas mais
importantes do século XX, influenciou os mais notáveis guitarristas da história da Música Popular Angolana
DR
Jomo Fortunato pelas paradas de sucesso da vocal, Jorge Eduardo, viola
época colonial e pela música e garrafa, e Henrique Freitas,
O processo de formação da de Franco. viola. Esta formação, pouco
Música Popular Angola não Um dos exemplos mais referenciada e esquecida,
foi linear, no sentido da evidentes das harmonias da terá influenciado muitos artis-
herança musical e das técnicas guitarra de Franco na Música tas do Congo Democrático e
de execução dos instrumentos Popular Angolana é o tema, alguns músicos africanos de
musicais ocidentais, da “Ngana Zambi”, canção gra- renome, Manu Dibango e Ray
influência dos guitarristas vada pelo conjunto “Kiezos”, Lema, falam desta formação
africanos, e, no caso em aná- em 1972, com letra e música com visível nostalgia.
lise, do impacto da rumba da de Carlos Lamartine, da qual Da audição atenta do espó-
República do Congo Demo- respigamos os seguintes ver- lio discográfico do Grupo São
crático, associada à sonoridade sos, Eié Ngana Zambi / Ngi Salvador, formação que dei-
da guitarra de Franco Luambo bane ngósauídi/ Pala Ngui xou uma importante disco-
Luanzo Makiadi. mona /Kiosokiákula anani/ grafia de 10 singles de 78RPM,
As guitarras de Zé Keno Eme ngui tata Kia/ Ngueniami conservados no arquivo pes-
dos Jovens do Prenda, Duia, samba /Ngueniami salo/ soal de Henrique Freitas, fale-
Gingas, Teddy Nsingui, Banda Ngueniami ó mbolo/ Pala ngui cido, é fácil concluir a
Movimento, Botto Trindade, bane anani/ Ngolombanza/ preocupação em universalizar,
Banda Welwitchia, Hidel- Suku ni luanha/ Nguidilangó pela modernização instru-
brando Cunha, Kiezos, Zé adi Jame/ Nguimba pala ngui mental, a tradição da música
Mueleputo, e, sobretudo, a ji bidissá/ Kizua ni nizua/ Kio- angolana localizada no norte.
de Marito Arcanjo, um dos sokiákulaanami...Este tema Manuel de Oliveira, líder
fundadores do conjunto os acusa, no solo, uma nítida do grupo, nasceu em 1915,
“Kiezos”, acusam de forma influência do fraseado da gui- em São Salvador, hoje Mbanza
directa a influência da sono- tarra de Franco, executado Congo, dentro de uma nume-
ridade da guitarra de Franco por Marito Arcanjo. rosa família com propensão
do TP OK. Jazz. De facto, a música do para a música. Manuel de
Sobre a influência, prestígio Congo Democrático, quanto Oliveira, também conhecido
e universalidade da música mais não seja por razões de por “Mayunga”, nome com
de Franco e absorção na sono- proximidade fronteiriça, atra- conotação boémia, foi um
Guitarrista congolês Franco teve muito influência na sonoridade da música angolana
ridade da Música Popular vessou os gostos de toda a músico fortemente enraizado
Angolana, vamos destacar história da Música Popular às tradições da sua terra natal
três momentos, um estudo angolana, com destaque, para sobretudo nos anos sessenta, donou o Inter-Palanca e não da sonoridade dos mais conhe- e herdou canções antigas
de caso com o tema, “Ngana além de Francó, Dr. Nico, não pode fugir da influência participou nas gravações das cidos guitarristas angolanos, como “Muimba”, “Nkunga”,
Zambi”, do conjunto os “Kie- Ferruzi Camile, Abeti, Roche- do Franco e do Doutor Nicó. canções, “Um minuto de silên- Teddy diz ter sido influenciado “Xikilukiá nua” e “Bembo”.
zos”, a influência de Franco reaue Vicky Longomba. Fran- Franco foi um guitarrista cio” e “Agostinho Neto”, de por B.B. King, Carlos Santana Manuel de Oliveira foi
na guitarra de Teddy Nsingui çois Luambo Luanzo Makiadi muito envolvente que ani- Matadidi Mário, e “Welle e George Benson. também um exímio tocador
e, por último, o caso mais nasceu no dia 6 de Julho de mava a sua banda e quem o Neto”, de Tabonta. No entanto, de Ngoma, Nsambi, espécie
antigo e emblemático de pro- 1938, em Sona Bata, República ouvia, com uma sonoridade Teddy Nsingui retornou ao São Salvador de kissanji, e aerofones como
ximidade da Música Popular Democrática do Congo, e e harmonias muito avançadas “Inter-Palanca”, em 1980, Na história da Música Popular “Mpungi” e “Ngoungui”,
Angolana com a do Congo morreu no dia 12 de Outubro para a sua época”. porque, segundo Matadidi Angolana, Manuel de Oliveira, instrumento de percussão
Democrático, representada de 1989, em Mont-Godinne, Teddy Nsingui conheceu Mário, “era um músico que do grupo São Salvador, é o metálica. Socorrendo-se da
pelo Grupo São Salvador de província de Namur, Bélgica. Angola, terra natal dos pais, me dava segurança”. Filho de exemplo mais antigo e de Beguen Band, formação com
Manuel de Oliveira. no dia 19 de Setembro de 1976. Simão Nsingui e de Teresa maior proximidade da música características clubísticas do
O conjunto os “Kiezos” Teddy Em Luanda concretizou a Nzima, Teddy Simão Nsingui, angolana com as vertentes Congo Democrático, o grupo
foi construindo uma singular A influência mais próxima, criação, com Matadidi Mário conhecido nos meios musicais musicais do Congo Demo- São Salvador introduziu, pela
trajectória musical ao longo entre os angolanos, da sono- Bwana Kitoko, do conjunto por Teddy, nasceu no dia 26 crático. Do norte de Angola, primeira vez, o saxofone e
da história da Música Popular ridade da guitarra de Franco “Inter-Palanca”, cuja estreia de Abril de 1954, na vila de iniciando um percurso e des- clarinete na música angolana.
Angolana, baseada numa vem do guitarrista Teddy ocorreu no Estádio da Cida- Sonabata, Baixo Congo, Repú- tino diferente, partiu em1938, A abordagem da moderni-
construção rítmica e esti- Nsingui da Banda Movimento, dela Desportiva, no dia 12 de blica Democrática do Congo, para o Congo Democrático, dade estética da Música
lística muito própria, só pos- formação musical da Rádio Novembro de 1976, durante consequência da emigração instalando-se na vila por- Popular Angolana, passa pela
sível através da unidade Nacional de Angola, que, sobre as comemorações do primeiro dos seus pais que abandona- tuária de Matadi, o cantor e sua articulação com os sin-
inquebrantável do grupo e o guitarrista congolês fez o aniversário da independência ram Angola, por força do con- guitarrista, Manuel de Oliveira gulares contributos do gui-
pelas harmonias dos solos seguinte depoimento, “qual- de Angola. Em finais de 1979, flito armado. Para além dos que formou, em 1949, o grupo tarrista Franco e do grupo
da guitarra do Marito Arcanjo, quer guitarrista que aprendeu por razões estritamente pes- guitarristas consagrados da São Salvador, com Jorge musical São Salvador de
claramente influenciado a tocar no Congo Democrático, soais, Teddy Nsingui aban- Música Popular Congolesa, e Eduardo, viola, Eduardo Bila, Manuel de Oliveira.

DR
“E SE HOMENS FOSSEM ASSIM?”

Grupo Justiça e Arte exibe peça de teatro no Camões


“E se os homens fossem Com os actores Alexandre fossem assim?” é uma peça de Grupo Teatral Quissunje,
assim?” é o título da comé- Alexandre, no papel de Dr. revolucionária por ser mon- pela Comissão de Justiça e Paz
dia que o grupo Bando Tea- Roon, e Rosa Kanhama, per- tada sobre uma técnica não da Paróquia Santo André. Em
tral Justiça e Arte estreia, sonagem de Liliana, como muito habitual na dramaturgia 2005, alterou a denominação
amanhã, às 18h30, no Audi- protagonistas, o espectáculo, no país. para Kilokota e Ana Ngunzu,
tório Pepetela do Camões de 45 minutos, tem a pro- Adiantou ser uma expe- ainda no mesmo ano, para
- Centro Cultural Português, dução conjunta do Centro riência nova para ele, como Grupo Teatral Justiça e Arte
em Luanda. Cultural Portuguê s , em director e encenador de tea- e, em 2008, para Colectivo
O espectáculo de teatro Luanda, e do Bando Teatral tro, mas acredita que este Artístico Justiça e Arte e, final-
contemporâneo descreve de Justiça e Arte, que garantem espectáculo vai superar as mente, em 2010, adoptou a
forma cómica e orgânica o proporcionar uma noite de grandes produções teatrais designação actual, Bando Tea-
conflito de um casal que pre- lazer aos espectadores. em que já participou. tral Justiça e Arte. Desde a sua
tendia uma noite de prazer Alberto Sanzala, director O Bando Teatral Justiça e criação que se dedica à prática
mas o acto torna-se impossível e encenador do espectáculo, Arte foi fundado em 2002, do teatro, música, fotografia,
devido a uma calça. afirmou que “E se os homens inicialmente com a designação dança moderna e literatura. Actores levam à cena amanhã uma peça que narra o conflito de um casal
30 DESPORTO Segunda-feira
21 de Outubro de 2019

Breves
SÃO SILVESTRE DE LUANDA BASQUETEBOL
DR

Atraso nos prémios pode MARC MÁRQUEZ VENCE


GRANDE PRÉMIO DE
MOTO GP NO JAPÃO
A cauda da Honda RC213V

afastar vinda de estrangeiros de Marc Márquez foi tudo o


que os outros pilotos viram
ontem, nas 24 voltas da
corrida de MotoGP, do
Corrida de fim-de-ano, marcada para 31 de Dezembro, é a mais Grande Prémio do Japão,
mediática do calendário de competições da Federação de Atletismo mais uma vez ganha pelo
catalão. No arranque,
parecia que Quartararo
Teresa Luís tos, a fonte afirmou que o ficaria à frente, mas foi
mesmo está fixado em 18 Márquez a liderar.
milhões de kwanzas, à seme- O francês passou mesmo
O atraso no pagamento dos TRADICIONAL CORRIDA lhança do ano passado. na curva sete, mas Márquez
prémios referentes a 2018, SÃO SILVESTRE DE LUANDA Contactado pelo Jornal recuperou logo a seguir,
aos fundistas estrangeiros, Prova de estrada sai à de Angola , Bernardo João ultrapassando Miller,
pode condicionar a vinda rua a 31 de Dezembro assegurou que no final deste Morbidelli, Crutchlow,
destes à 64ª edição da corrida mês, em conferência de Viñales e Dovi. Durante um
São Silvestre, que sai à rua 10 imprensa, será divulgado o par de voltas, pouco Poste angolano de 21 anos foi inscrito pelo Atlanta Hawks
a 31 de Dezembro, apurou mil ponto de situação da prova. mudou, com Rossi a
o Jornal de Angola, de fonte quilómetros “Todas as questões rela- recuperar do 14.º lugar
próxima à Federação Ango-
lana de Atletismo (FAA).
é a distância
a ser percorrida
cionadas com a competição
serão reveladas no encon-
para o 12.º.
Márquez, com um Bruno Fernando consta
Segundo a fonte, o elenco tro, com os jornalistas”, intermédio traseiro,
federativo liderado por Ber-
nardo João está empenhado
63
edições já
assegurou.
Na edição de 2018, o que-
liderava sobre Quartararo,
Miller, Morbidelli, da lista de Lloyd Pierce
em trazer os atletas estran- disputadas niano Makua Nyandusi, com Dovizioso, Viñales,
geiros, destaque para o que- 30 minutos e 20 segundos, Crutchlow e Petrucci, Anaximandro Magalhães pontos por partida. No des-
niano Makua Nyandusi, 18 e a etíope Bayenesh Ayele, enquanto a seguir Rins pique da bola pelo ar, Bruno
vencedor da edição passada. milhões 33 minutos e 56 segundos, ultrapassava Mir. Dovi Apesar de não ter feito exi- capturou 15 ressaltos, seis
“A prova sempre foi inter- orçamento a ser ganharam em masculinos pisava o bordo da pista e bições sonoras nas partidas ofensivos e nove defensivos.
nacional. Por isso estamos a disponibilizado e femininos respectiva- ascendeu ao quarto posto. de pré-época, o poste ango- Para este número muito
fazer contactos para garantir pelo Minjud mente, num total de 2023 lano Bruno Fernando, do contribuiu a postura demons-
a vinda dos corredores de participantes. DR Atlanta Hawks, da Liga Pro- trada no desafio frente ao
outras paragens. Infelizmente, 30 A São Silvestre começa fissional de basquetebol dos Orlando Magic, onde segurou
tivemos constrangimentos minutos no Largo da Mutamba e Estados Unidos, NBA, entra, cinco bolas.
na fase de pagamentos. A tempo passa pela Avenida Amílcar ainda assim, nas contas do Nos lançamentos de dois
falha pode condicionar a pre- do vencedor Cabral, Revolução de Outu- treinador Lloyd Pierce, para pontos, o campeão africano
sença deles. Também que- masculino bro, Ho-Chi Min, Alameda a temporada 2019/20. das nações, em Sub-16 e Sub-
remos contar com atletas da em 2018 Manuel Van-Dúnem, Largo Da lista recentemente 18, tentou oito e converteu
região da SADC, além dos do Kinaxixi, Rua da Missão, divulgada pelo técnico da cinco, média de 63 por cento,
etíopes e quenianos. Esse é 70 Avenida 4 de Fevereiro, equipa norte-americana, no de três o internacional
o nosso “calcanhar de Aqui- dias que faltam Largo do Baleizão, Rua Fran- consta o nome do jogador de angolano conseguiu um em
les”, disse a fonte. para o tiro cisco das Necessidades e 21 anos, nascido em Luanda, dois, 50 por cento, o mesmo
Em relação aos prepara- de partida termina no Estádio Muni- cujos dados biográficos regis- percentual alcançado na linha
tivos, quando faltam 70 dias cipal dos Coqueiros. tam 2,08 metros e 109 kg. de lances livres, área de
para o tiro de partida da 33 Após a abertura da época, A 26 do corrente, quatro cobrança de faltas.
prova com distância de dez minutos feitos pela em Setembro, com a disputa dias depois do arranque da Na pré-época o Atlanta
quilómetros, com início no vencedora da edição da Taça Herói Nacional, em temporada, os Hawks rece- Hawks ganhou, 100-96,
Largo da Mutamba e término anterior Luanda, e o Grande Prémio bem os Orlando Magic, no somente ao New York Knicks.
no Estádio Municipal dos “Cuima”, no Huambo, os SEBASTIAN VETTEL Pavilhão State Farm Arena. Nas outras partidas saiu vergado,
Coqueiros, a fonte garantiu: fundistas nacionais preparam RECONHECE MÉRITO Em cinco partidas, o atleta 109-133, ante o New Orleans
“80 por cento da preparação da São Silvestre, nos próxi- a prova nas províncias da DE LEWIS HAMILTON draftado na 34ª posição alinhou Pelicans, 88-97, Orlando Magic,
já está feita. Os equipamen- mos dias”. Huíla e Huambo. A nível Sebastian Vettel afirmou por 80 minutos, tendo mar- 87-120, Miami Heat, 93-111,
tos já estão garantidos. Obti- Questionado sobre o orça- doméstico, os atletas do Inter- que Lewis Hamilton merece cado 16 pontos, média de 3,2 com o Chicago Bulls.
vemos resposta positiva dos mento da São Silvestre, a ser clube, a par dos do 1º de os créditos, no domínio da
patrocinadores. Portanto, disponibilizado pelo Minis- Agosto, são os favoritos ao Fórmula 1 pela Mercedes. A
vamos fazer a apresentação tério da Juventude e Despor- triunfo e melhoria de marcas. vantagem da Mercedes
VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO
sobre o resto da grelha é NACIONAIS DE PISTA
clara e a equipa alemã
garantiu o sexto título
consecutivo, no último
Grande Prémio do Japão,
Corredores do Huambo
estabelecendo um novo
recorde na Fórmula 1.
Antes do sucesso da
e Luanda dominam provas
Mercedes, Vettel e a Red Bull António Cristóvão oito de prata e três de bronze
eram a força dominante, e o no primeiro lugar do quadro
alemão discorda de quem Os corredores das províncias geral de medalhas.
diz que Lewis Hamilton só do Huambo em masculinos Os corredores de Luanda
é campeão por ter o e Luanda em femininos ficaram na segunda posição,
melhor carro. dominaram, no fim-de- com nove de ouro, três de
“Obviamente a Mercedes semana, as provas da 20ª edi- prata e dua s de bronze ,
tem o melhor carro dos ção do Campeonato Nacional enquanto a Huíla classificou-
últimos dois anos. Mas há de Atletismo de Pista, para se na terceira posição com
outros pilotos que também atletas com deficiências, dis- cinco de ouro, quatro de prata
tiveram boas hipóteses de putadas no Estádio Municipal e três de bronze.
ganhar e não o fizeram. É dos Coqueiros, na capital O novo recorde do hec-
fundamental a combinação angolana, com a participação tómetro foi batido pela velo-
de piloto e máquina. Por de 133 velocistas de 12 das 18 cista Emelóide Adelino, do
mais que não goste do províncias do país. Namibe, ao cronometrar na
facto dele estar sempre a Na competição feminina, final dos 100 metros rasos o
ganhar, temos de as atletas da capital do país tempo de 12 segundos e 79
reconhecer, a combinação ocuparam a primeira posição centésimos na classe de T11,
é extremamente do quadro geral de medalhas, enquanto a "veterana" Espe-
produtiva”. com quatro de ouro, três de rança Gicasso (Luanda) ficou
Por outro lado, Vettel prata e duas de bronze, segui- no terceiro lugar com 13:49
acrescentou: “não é só o das pela província de Benguela atrás de Juliana Moco (Ben-
Lewis, não é só a Mercedes, com quatro de ouro, uma de guela), com 13:24.
é a fusão. Chegou a um prata e uma de bronze e o Além do Huambo e Luanda,
ponto em que é muito Namibe somou três de ouro, competiram os velocistas de
difícil vencer. São quatro de prata e três de bronze. Benguela, Bengo, Bié,
consistentes e cometem No sector masculino, a Cuanza-Norte, Cuanza-Sul,
poucos erros. Por isso, o província do Huambo arre- Huíla, Malanje, Moxico,
A 70 dias do tiro de largada dirigentes esmeram-se para trazer atletas forasteiros crédito é dele e da equipa”. batou 18 medalhas de ouro, Namibe e Zaire.
DESPORTO Segunda-feira
21 de Outubro de 2019 31
ELIMINATÓRIAS CONCLUSÃO DA SEXTA JORNADA
Classificação 2019
Selecção Nacional TOTAL CASA FORA
de Futsal treina
hoje em Lusaka
1º de Agosto goleia e foge 1º

CLUBES

A Lobito
PT
1º de Agosto 21
17
J V E D +G-
8 7 0 1
8 5 2 1
15 2
12 3
J PC V E D +G- J PF V E D +G-
12 4 3 0 0
12 4 4 0 0
9 0
8 1
9 4 3
5 4 1 2
0 1 5 3
1 42
A Selecção Nacional de futsal
sénior masculina realiza hoje
à tarde, na cidade de Lusaka,
um treino para o reconheci-
da concorrência no Girabola 3º


Petro
R Libolo 17
Interclube 14
17 8 5 2 1
8 5 2 1
8 4 2 2
13 6
13 8
13 8
12 4 4 0 0
12 4 4 0 0
10 4 2 1 0
8 2
8 2
9 2
4 4 1
5 4 1
4 4 1
2
2
1
1 54
1 56
2 46
mento e adaptação ao recinto Partida referente à sexta jornada do Campeonato Nacional de 6º B Maquis 14 8 4 2 2 10 7 9 4 3 0 1 8 4 5 4 1 2 1 23
de jogo, onde na quarta-feira Futebol foi disputada ontem devido a presença dos militares 7º D Huíla 13 7 4 1 2 9 5 13 4 4 0 0 7 0 1 3 0 1 2 2 5
defronta, às 14h00, a similar 8º C Cubango 11 8 3 2 3 10 12 5 4 1 3 0 5 4 6 4 1 0 2 58
do Rio Seco na fase preliminar de acesso à Liga dos Campeões
da Zâmbia, em partida refe- 9º Sporting 10 9 2 4 3 9 10 8 4 2 2 0 6 2 2 5 0 2 3 38
rente à primeira mão da única VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO 10º R Caála 10 8 3 1 4 9 10 10 4 2 1 1 5 2 3 4 1 0 2 49
eliminatória de apuramento 11º Williete 09 8 2 3 3 7 11 6 4 1 3 0 6 4 3 4 1 0 3 1 7
à fase final do Campeonato
12º Sagrada 08 8 2 2 3 8 1 7 4 2 1 1 7 4 1 4 0 1 3 1 4
Africano das Nações (CAN)
no próximo mês de Abril de 13º Progresso 07 7 2 1 4 6 9 6 3 2 0 1 3 2 1 4 0 1 3 37
2020, na cidade de Laâ- 14º Santa Rita 03 9 0 3 6 6 20 2 5 0 2 3 4 12 1 4 0 1 3 2 6
yonne, Marrocos. 15º 1º de Maio 02 8 0 2 6 4 15 2 4 0 2 2 1 5 0 4 0 0 4 3 10
No arranque da sessão, o 16º Ferroviário 02 7 0 2 5 1 11 1 3 0 1 2 1 4 1 4 0 1 3 0 7
seleccionador Benvindo Iná- V - VITÓRIA E - EMPATE D - DERROTA +G- GOLOS (MARCADOS-SOFRIDOS) J - JOGOS P - PONTOS
cio vai privilegiar a recupe-
ração física dos jogadores 9ª Jornada 10ª Jornada
motivada pela viagem entre JOGOS Jogos JOGOS Data
Luanda-Harare-Lusaka. Na 1 Santa Rita-Sporting 1-1 1 Sporting-R Caála 26 de Outubro
segunda parte do apresto o 2 B Maquis-1º de Agosto Quarta-feira 2 Progresso-Ferrovia 26 de Outubro
técnico volta a ensaiar as 3 Interclube-Petro Quarta-feira 3 D Huíla-Sagrada 27 de Outubro
situações de jogo para vencer 4 C Cubango-R libolo Quarta-feira 4 1º de Agosto-1º de Maio 27 de Outubro
o adversário. 5 Ferrovia-Wiliet Quarta-feira 5 R Libolo-Interclube 27 de Outubro
Durante a preparação, o 6 6
Sagra-Progresso Quarta-feira A Lobito-C Cubango 27 de Outubro
"Cinco" Nacional volta a
7 1º de Maio-D Huíla Quarta-feira 7 Wiliet-Santa Rita 27 Outubro
ensaiar também o sistema
8 R Caála-A Lobito Quarta-feira 8 Petro-B Maquis 28 de Outubro
do quinto homem, ou seja,
o guarda-redes avançado e Melhor goleador
as jogadas combinadas para Jogador Clube Golos
a finalização na baliza. 1 Gazeta B. Maquis 5
PAULO MULAZA | EDIÇÕES NOVEMBRO 2 Tony Petro 5
3 Mabulu 1º de Agosto 4
4 Calesso Interclube 4
Nelson da Luz na acção ofensiva que terminou com o primeiro de dois dos seus golos no jogo 5 Liliano R Libolo 4

António Cristóvão de ter corrido vários metros tunidades criadas em golos.


com a bola sem oposição, e Na primeira parte, o árbi- DEPOIS DE TER JOGADO NO CLUBE
O 1º de Agosto isolou-se o quarto foi marcado por tro Hélder Martins não assi-
“ontem”na liderança da Melono Dala, após assistência nalou um suposto penáltie
tabela, classificativa do Cam-
peonato Nacional de Futebol
da I Divisão, Girabola'2019/20,
de um companheiro.
Depois de uma primeira
parte equilibrada, a ousadia
contra o Recreativo da Caála
depois da bola ter tocado no
braço de Silva na sequência
Koeman pode treinar
com 21 pontos, ao golear o
Recreativo da Caála, por 4-
0, no Estádio Nacional 11 de
da Caála terminou na etapa
complementar quando o trei-
nador Hélder Teixeira retirou
de um cruzamento de um
defensor do 1º de Agosto.
O desafio foi disputado
o Barcelona em 2020
Novembro, em Luanda, em do jogo o médio-trinco Mani- apenas ontem, devido ao Ronald Koemanpoderá deixar ximo ano, com opção por
jogo a contar para a conclusão nho para fazer entrar o avan- envolvimento da equipa do o cargo de seleccionador da mais uma época.
da sexta jornada. çado Paizinho. Maninho era Rio Seco na última elimina- Holanda após o Europeu de
Jogadores fazem treino de O médio ofensivo Nelson um dos obstáculos para os tória de apuramento, para a 2020, para assumir o comando PSG quer contratar Eriksen
adaptação ao campo do jogo da Luz, considerado pelos médios criativos do 1º de fase de grupos da Liga dos técnico do Barcelona. Com o contrato a terminar
jornalistas como o homem Agosto. O atrevimento de Clubes Campeões Africanos. “Foram alcançados acor- n o f i n a l d a te mp o rad a ,
Benvindo Inácio levou os do desafio, bisou na partida, Hélder Teixeira custou-lhe Esta jornada foi aberta no d o s n e ss e s e nt i d o , m a s Christian Eriksen pode assi-
guarda-redes Gomito e Chico, com golos de belo efeito. No uma goleada, já que com a dia 28 de Setembro e registou teriam de pagar”, adiantou nar por qualquer clube em
os fixos Osna, Léu, Nono, primeiro tento, o jogador fez saída do médio-trinco criou os seguintes resultados: Spor- Nico-Jan Hoogma, director Janeiro . A lvo do Real
Mano Sele, os alas Kaluanda, uma rotação entre quatro um vácuo no meio-campo ting de Cabinda-Desportivo desportivo da Federação Madrid, o dinamarquês viu
Jó, Nuno, Bebucho e Dias e adversários na área da Caála, que ficou inerte e permitia da Huíla, 1-1, Recreativo do holandesa, em declarações o PSG juntar-se à lista de
os pivots Rafa, Danilo e Prado. isso na etapa complementar. as veleidades de Nelson da Libolo-Ferrovia do Huambo ao programa Good Morning pretendentes.
Além dos atletas e do No segundo passou nova- Luz e Paizo no lado direito. (2-0), Cuando Cubango FC- Eredivisie, da Fox Sports. De acordo com o Daily
seleccionador nacional, via- mente por vários opositores Na etapa inicial apesar do FC Bravos do Maquis (2-1), “Ronald sempre disse que, Mail, o emblema parisiense
jaram também no princípio e desferiu um forte remate equilíbrio, os militares inco- Interclube-1º de Maio (3-1), um dia, quer ser treinador já terá entrado em contacto
da manhã de ontem, os téc- sem hipóteses de defesa para modaram várias vezes o sec- Wiliete Sport Clube- Progresso d o B a rc e l o n a . Ve re m o s com Eriksen. De resto, o pro-
nicos assistentes Paulo, Sér- o guarda-redes contrário. tor defensivo do adversário, Sambizanga (2-0), Académica quando isso acontecerá”, jecto do PSG é visto pelo
gio, João Silvano Calitoco Os restantes tentos dos mas faltou concentração e do Lobito-Sagrada Esperança referiu o dirigente, comple- médio do Tottenham como
"Toco", o médico Martinho militares do Rio Seco foram eficácia dos seus dianteiros (1-0), Petro de Luanda- Santa tando: “O sucesso com a mais apelativo pela estabi-
da Costa, o fisioterapeuta apontados por Paizo, depois para transformarem as opor- Rita de Cássia (2-0). Selecção holandesa poderá lidade que apresenta face a
Jorge de Almeida, o director ajudá-lo (a ir para o clube u m Re a l Ma d r i d q u e s e
técnico da Federação Adérito catalão), mas espero que encontra em convulsão.
Barreto e o chefe da delegação
João Andrade Dinis.
Antes da viagem para
Santa Rita e Sporting repartem pontos no Uíge possamos estar juntos até ao
Mundial no Qatar”.
Refira-se que Ernesto Val-
Com a formação dividida
entre Odense e Ajax, Eriksen
chegou ao Tottenham em
Lusaka, a equipa técnica dis- Santa Rita de Cássia e Sporting de Cabinda Com este resultado, a equipa da Santa Rita verde tem contrato com o 2013. Pelos londrinos soma
pensou o guarda-redes Neblu, empataram ontem, à tarde a uma bola no, ascendeu a 15ª posição da tabela classificativa, Barcelona até Junho do pró- 67 golos em 288 jogos.
da Coprat FC, no treino rea- Estádio Municipal 4 de Janeiro, na cidade do com três pontos, onde desalojou o 1º de Maio DR

lizado no sábado à tarde, no Uíge, em jogo pontuável para a abertura da de Benguela que desce para a “cauda” da prova,
campo da Base Um da Marinha nona jornada do Girabola '2019/20, num desafio com dois.
de Guerra, na Ilha do Cabo. disputado debaixo de intensa chuva. Já o Sporting subiu para o nono lugar da
No último treino, Ben- Depois de igualdade sem golos na primeira classificação, com dez pontos e somou o quarto
v i n d o I n á c i o d e fi n i u o parte, na etapa complementar os anfitriões empate na competição.
"Cinco" Nacional para o desa- adiantaram-se no marcador através de Filipe, A ronda prossegue nesta quarta-feira à
fio com a Zâmbia, mas per- aos 60 minutos na sequência de um cruzamento. tarde com os seguintes desafios: FC Bravos
manece apenas no seu bloco Com o tento apontado, adivinhava-se que do Maquis-1º de Agosto no Estádio Johones
de apontamentos e será des- seria o primeiro triunfo dos anfitriões no Girabola, Kufune “Mundunduleno”, Interclube-Petro de
vendado apenas quarta-feira. mas estes revelaram-se bastante impotentes Luanda (22 de Junho), Cuando Cubango FC-
O desafio da segunda mão para segurar a vitória e aos 90 minutos da partida Recreativo do Libolo (Eucaliptos), Ferrovia-
disputa-se no próximo dia 29 o médio ofensivo Yele, dos “Leões” de Cabinda, Wiliete Sport Clube (Ferrovia no Huambo),
deste mês, às 18h00, no Pavi- igualou após uma jogada de insistência. Sagrada Esperança-Progresso Sambizanga
lhão Gimnodesportivo da A chuva, que caiu ontem sobre a cidade do (Dundo), 1º de Maio-Desportivo da Huíla (Edel-
Cidadela, no Distrito Urbano Uíge retirou qualidade ao jogo e deixou o campo fride Palhares da Costa “Miau”) e Recreativo
do Rangel, em Luanda. bastante alagado o que dificultava a velocidade da Caála-Académica do Lobito (Mártires da
António Cristóvão da bola. Canhala). Técnico holandês pode regressar brevemente à Catalunha
PUBLICIDADE

SEG21OUT

MINISTRA DAS PESCAS ENCABEÇA DELEGAÇÃO ELEIÇÕES EM MOÇAMBIQUE

ALTO
Angola na Conferência Nyusi vence em Maputo
com 69,23 % dos votos
Concursos
de Oslo sobre os Oceanos DR
O candidato da Frelimo, par-
tido no poder em Moçambique,
e pelo MDM com 30.646
(7,81%). Em Maputo, círculo
Angola participa, em Oslo, venceu as eleições presiden- que elege 13 deputados, a
Hora é dos competentes
Noruega, na Conferência ciais na cidade de Maputo com taxa de abstenção foi de
O facilitismo, o "amiguismo" Internacional sobre Oceanos, 69,23 % contra 22,98 % de 41,44% para as presidenciais
e o nepotismo, que muitas ve-
com uma delegação enca- Ossufo Momade, da Renamo, e 38,93% para as legislativas,
zes serviram de critérios de ad-
missão no funcionalismo pú- beçada pela ministra das anunciou, ontem, a Comissão num universo de 701.184
blico, em detrimento dos mais Pescas e Mar, Maria Anto- Provincial de Eleições da capi- eleitores inscritos.
e melhor capacitados, parece nieta Baptista. tal moçambicana. Na capital não houve vota-
terem os dias contados. A A conferência estará cen- Filipe Nyusi, actual Chefe ção para a assembleia pro-
anunciada obrigatoriedade de trada no impacto das altera- de Estado, obteve um total de vincial, dado que se trata do
os candidatos terem de passar, ções climáticas e outras 276.087 votos (69,23%) nas único dos 11 círculos eleitorais
primeiro, por uma formação agressões nos oceanos de que 982 mesas que estavam espa- em que não há este órgão.
relacionada com a especiali- d e p e n d e m c e nte n a s d e lhadas pela cidade de Maputo, Os resultados foram apre-
dade pretendida, com a apro- milhões de pessoas. contra 91.627 (22,98%) de sentados em conferência de
veitamento de 80 por cento e,
Durante dois dias, o evento Ossufo Momade, disse Ana imprensa numa cerimónia
só assim, transitarem para a
fase seguinte dos concursos, vai debater questões como Ângelo, presidente da comis- pública, como previsto pela
é um método que vai acabar, as alterações climáticas, são , e m c o n fe rê n c i a d e lei. Os partidos da oposição
na certa, com toda a sorte de lixo marinho, pesca exces- imprensa destinada a apre- estiveram ausentes, depois
critérios não rígidos. Nota po- siva, alimentação e eco- sentar os resultados do apu- de, na sexta-feira e sábado,
sitiva para o Ministério da Ad- nomia marinha. ramento provincial. terem recusado o apura-
ministração Pública, que deci- O evento contará com a Daviz Simango, candidato mento, alegando que a vota-
diu colocar um ponto final ao participação de figuras como O lixo nos oceanos é um dos temas a ser debatido na conferência do Movimento Democrático ção foi fraudulenta.
que era aleatório, privilegiando o ex-responsável da diplo- de Moçambique (MDM), DR
o mérito e a competência que macia americana, John Kerry, lações que o consomem. o Centro Regional de Fisca- somou 29.471 votos (7,39%),
se exigem.
o Presidente do Senegal, São mil milhões de pessoas, lização, Controlo e Vigilância enquanto Mário Albino, da
Macky Sall, a exploradora “principalmente em países de Pescas. Com a assinatura Acção de Movimento Unido
Alexandra Cousteau (neta do em desenvolvimento”, que do documento, Angola torna- para Salvação Integral (AMUSI)
lendário oceanógrafo Jacques dependem do que o mar dá se no oitavo Estado-membro obteve 1.603 (0,40%).
Cousteau), bem como outros p a ra c o m e r , b e m c o m o da Comunidade de Desen- Quanto ao Parlamento, a
BAIXO governantes, investigadores, milhões que trabalham no volvimento da África Austral Frelimo também obteve a
empresários ou activistas. sector da pesca, afectado pelo a rubricar a carta aprovada maioria, com 242.105 votos
No manifesto da confe- aumento da procura, poluição, pelo Conselho de Ministros (61,66%), seguida da Renamo,
rência pretende-se assinalar degradação de “habitats”, pesca da SADC na reunião de Pre- com 109.362 votos (27,08%) Nyusi tem larga vantagem
a importância do conheci- ilegal, que constitui 15 por tória, África do Sul, em 2017.
mento como base de acção cento de toda a pesca, e “crime Os outros Estados signa-
Administração do Cazengo e políticas para garantir a organizado transnacional”. tários da Carta são e-Swa- PAÍSES LUSÓFONOS
Rio Muembeje protecção do oceano, gestão A promoção de zonas tini, Lesoto, Moçambique,
Quem conhece Ndalatando
lembra-se, certamente, do rio
responsável dos recursos
marinhos e crescimento eco-
marinhas protegidas é outro
objectivo da conferência,
Namíbia, África do Sul, Tan-
zânia e Zâmbia.
Arquitectos debatem
Muembeje. Na verdade trata-
se de um riacho que corta o
centro da cidade em duas par-
nómico sustentável no futuro.
A intenção é todos os
participantes interagirem,
cujos defensores apontam
a sua importância no “uso
sustentável de recursos e
Neste fim-de-semana, a
ministra Maria Antonieta
Baptista teve, em Nouakchott,
evolução das cidades
tes. No passado já foi um lugar “construir alianças entre na protecção dos ecossis- um encontro de trabalho com A evolução das cidades e os “Infra-estruturas como dis-
aprazível. Hoje tornou-se uma governos, indústria, ciência temas marinhos”. o Ministro das Pescas e da problemas que enfrentam os positivo para urbanizar” e
fonte de doenças, devido ao e sociedade civil”. A conferência “Our Economia da Mauritânia. nove países e territórios lusó- “Resiliência e os desafios da
lixo que se acumula ao longo
Os oceanos absorveram Ocean” quer garantir com- Na mesma nota, o Minis- fonos vão dominar, em Macau, cidade”, acrescenta a nota.
das margens, produzido pelos
moradores que vivem nas 90 por cento do calor em promissos para a criação tério das Pescas e do Mar o 23º Encontro do Conselho Na sexta-feira, no âmbito
proximidades. A Administra- excesso produzido pelos gases destas áreas protegidas e informou que o Tribunal de Internacional dos Arquitectos do mesmo encontro, será inau-
ção Municipal do Cazengo com efeito estufa acumulados dotá-las de "fundos sufi- Contas já autorizou o arranque de Língua Portuguesa (CIALP). gurada a exposição de foto-
não pode ficar serena e im- na atmosfera, e 30 por cento cientes, bem como capaci- da terceira fase da Construção De acordo com um comu- grafia sobre o Património
pávida perante este cenário. do dióxido de carbono gerado dade técnica e científica". do Instituto Hélder Neto, na nicado da CIALP, especialistas Habitado no Mundo Lusófono,
Deve ser mais actuante, rea- pela actividade humana, o De acordo com uma nota província do Namibe, com de Angola, Brasil, Cabo Verde, no átrio do Consulado-Geral
lizando campanhas de sen- que “alterou padrões de pro- de imprensa do Ministério financiamento do Chartered Guiné-Bissau, Macau, de Portugal em Macau e Hong
sibilização e realizando tra- dutividade e biodiversidade” das Pescas e do Mar, antes de Bank da Grã-Bretanha. Moçambique, Portugal, São Kong, indicou.
balhos de desassoreamento,
e põe em risco a quantidade se deslocar à Noruega, a O equipamento da pri- Tomé e Príncipe e Goa vão O CIALP é uma Organi-
sob pena de assistirmos ao
aumento de doenças diar- d e p e i xe pa ra c o n su m o governante rubricou, em meira fase do apetrechamento “partilhar experiências” no zação Não-Governamental,
reicas, enfermidades como humano, bem como a segu- Gaberone, Botswana, no dia está no Porto do Namibe, em VII Fórum CIALP sobre “Cida- com sede em Lisboa, cons-
paludismo e outras. rança alimentar das popu- 17, a Carta da SADC que cria fase de desalfandegamento. des Melhores: o Contributo tituída pelas associações pro-
das Infra-estruturas”, a rea- fissionais de arquitectos dos
lizar-se no sábado. países e territórios de língua
LEGISLATIVAS HOJE NO CANADÁ castanho, noutra, suscita- quiserem, que as pessoas O presidente do Instituto portuguesa. É parceiro ins-
ram forte polémica, a mais queriam e esperavam”, de Arquitectos do Brasil (IAB), titucional da União Interna-

Trudeau em risco de perder re cente de uma s érie ,


envolvendo situações mais
explicou à Associated Press
o professor de História cana-
Nivaldo Andrade, o “asso-
ciate-dean” da Faculdade de
cional dos Arquitectos (UIA)
e observador consultivo da
graves, como a revelada no diana e Relações Interna- Arte e Design do Beijing Ins- Comunidade dos Países de
a maioria nas legislativas princípio do ano pela ante-
rior procuradora-geral, que
cionais da Universidade de
Toronto Robert Bothwell.
titute of Fashion Technology
(BIFT), Che Fei, o presidente
Língua Portuguesa (CPLP).
O objectivo é a aproximação
O Primeiro-Ministro do Para analistas, o líder do disse ter sido pressionada O principal adversário de da União dos Arquitectos Afri- e cooperação entre os membros
Canadá, Justin Trudeau, Partido Liberal, 47 anos, é pelo Primeiro-Ministro para Trudeau, o líder do Partido canos, Víctor Leonel (Angola), e a promoção da arquitectura
corre o risco de perder a “vítima” de uma combi- não avançar com um pro- Conservador, Andrew Scheer, o fundador do Atelier Peter junto de mais de 280 milhões
maioria nas legislativas de nação de polémicas à volta cesso contra uma empresa 40 anos, é um político de car- Rich Architects (África do Sul), de pessoas dos países e terri-
hoje, tornando-se o pri- e das elevadas expectativas do Quebeque. reira descrito pelos próximos Peter Rich, e o director da tórios lusófonos, constituindo-
meiro chefe de governo que criou. “Não penso que ele seja como brando e reservado, Ordem dos Arquitectos de se como plataforma a mais
canadiano apoiado por uma Em Setembro, fotografias completamente rejeitado, traço que pode agradar aos Moçambique, Jaime Comiche, de 150 mil arquitectos de língua
maioria parlamentar a falhar de Trudeau com a cara pin- só que não é visto com o eleitores mais cansados do entre outros, vão participar portuguesa, ou seja, cerca de
a reeleição, desde 1935. tada de preto, numa, de interesse, como o líder, se fulgor de Trudeau. em duas mesas-redondas 10 por cento dos arquitectos
subordinadas aos temas: em todo o mundo.